Blog do Eliomar

Últimos posts

Polícia Civil x OAB/CE – Adepol nega que delegada tenha expulsado advogado da DHPP

Em nota enviada ao Blog, a Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Ceará (Adepol/CE) nega que a diretora da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), delegada Socorro Portela, tenha expulsado da DHPP o advogado Antônio Carlos Rebouças.

Confira a nota:

A Associação dos Delegados de Polícia Civil do Estado do Ceará (Adepol/CE) vem a público externar o irrestrito apoio à Delegada de Polícia Dra. Maria do Socorro Portela A. do Rêgo, Diretora da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), diante da aprovação pelo Conselho Pleno da OAB/CE do Ato de Desagravo Público em seu desfavor, ocorrido no dia 2 de junho de 2016.

A Delegada de Polícia Socorro Portela reitera categoricamente que o advogado Antônio Carlos Rebouças, OAB/CE 18.778, NUNCA FOI EXPULSO da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa do Ceará. A Autoridade Policial, incansável no trabalho árduo de investigação de crimes contra a vida, uma das searas mais sensíveis do Brasil, sempre tratou, como é do conhecimento de todos que procuram aquela Divisão, com costumeira urbanidade e respeito todos os cidadãos, advogados ou não.

A ADEPOL/CE lamenta que a OAB/CE, diferentemente do procedimento habitual, sequer procurou à autoridade dita ofensora para apresentar sua versão dos fatos, em flagrante desrespeito aos próprios regulamentos, como o art. 18, §1º, do Regulamento Geral do Estatuto da OAB e os arts. 140 e 141 do Regimento Interno da própria OAB/CE. Tal fato, extremamente lamentável, porquanto proveniente de uma instituição respeitável que sempre lutou de forma incansável pelos direitos do cidadão, enseja a solicitação da imediata nulidade da aprovação do citado Ato de Desagravo Público, o que será requerido pela ADEPOL/CE.

OAB/CE

Segundo o site da OAB/CE, o motivo do desagravo teria sido a agressão sofrida pelo advogado Carlos Rebouças, no último dia 15 de abril. Na ocasião, o profissional teria sido expulso da DHPP, mesmo após se identificar como advogado.

Câmara Municipal de Fortaleza divulga campanha Voto Responsável no YouTube

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=SeSsCfxf-Rs[/youtube]

Anunciada em abril pelo presidente do Legislativo de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), a campanha Voto Responsável ganhou vídeo no YouTube. De acordo com Salmito, a campanha tem como propósito mostrar para o eleitorado que a liberdade do voto deve estar acompanhada da responsabilidade.

“Todos os corruptos que ocupam cargos nos poderes Executivo e Legislativo são originários do voto”, comentou Salmito.

A assessoria de imprensa da Câmara Municipal de Fortaleza destacou que todas as pessoas que participam da campanha não são atores contratados, mas “gente do povo”.

UFC ganha Comissão de Direitos Humanos

Por meio de portaria, foi criada nessa sexta-feira (10), em reunião do Conselho Universitário (Consuni) presidida pelo Reitor Henry Campos, a Comissão de Direitos Humanos da UFC. Na ocasião, lista com os nomes dos 20 membros efetivos (http://goo.gl/ZKW2ah), entre professores, estudantes e servidores técnico-administrativos, com mandato de dois anos, foi aprovada.
A Comissão deverá propor ações educativas e políticas institucionais para estimular uma cultura de Direitos Humanos na Universidade, denunciar e acompanhar a situação de violações e tomar posições sempre que qualquer transgressão seja registrada, além de propor e organizar atividades e projetos relacionados ao tema. A Comissão também irá apurar eventuais desrespeitos aos Direitos Humanos na UFC, podendo recomendar sanções que vão do aconselhamento à abertura de processo administrativo disciplinar.
“Este é um momento de extrema importância para a UFC com a efetivação dessa Comissão”, disse o Reitor, destacando que a ideia é que ela tenha o máximo de autonomia. “Essa Comissão não vai ficar simplesmente esperando que algo aconteça. Ela é propositiva, vai assessorar a Reitoria e propor políticas”, explica o vice-reitor Custódio Almeida.
A UFC teve uma Comissão de Direitos Humanos anteriormente, mas ela não chegou a funcionar adequadamente. A nova comissão, no entanto, já nasce legitimada pelas unidades acadêmicas, que fizeram indicação de nomes para a lista. Entre os nomes, alguns docentes com larga experiência na área, como o professor Christian Dennys Monteiro Oliveira, indicado pelo Centro de Ciências e que preside a Comissão Brasileira de Justiça e Paz da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
Além dos professores, também participam da Comissão servidores indicados pelo Sindicato dos Trabalhadores das Universidades Federais no Estado do Ceará (Sintufce) e alunos sugeridos pela Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis (PRAE). Custódio explica que o recém-eleito Diretório Central dos Estudantes (DCE) também participará da Comissão com a indicação de um titular e suplente em reunião na próxima terça-feira (14).
A indicação da Comissão se dá em um momento em que o tema dos Direitos Humanos ganha particular relevância na UFC, principalmente em assuntos como racismo, gênero e orientação sexual. A portaria com a criação da Comissão e a homologação dos nomes foram muito elogiadas pelos integrantes do Consuni, que  admitiram que os próprios estudantes têm solicitado uma estrutura como essa. Ainda segundo Custódio, a ideia é que, em um segundo momento, a portaria com a criação da Comissão dê origem a uma resolução do Consuni.
(Site da UFC)

Ceará, Rondônia e Espírito Santo dividem liderança em transparência, diz MPF

alessander

Os estados do Ceará, de Rondônia e do Espírito Santo ocupam o primeiro lugar no Ranking Nacional da Transparência, projeto encampado pelo Ministério Público Federal (MPF) que analisa a clareza com que governos estaduais e prefeituras divulgam informações como salários de servidores, contratos, licitações e outros dados em seus portais e por outros meios. Nas três últimas colocações, aparecem os estados do Acre, da Bahia e de Roraima.

No último levantamento, o Ceará apareceu com o índice de 8,2 e Roraima, com 5,2. Já o Espírito Santo manteve a nota máxima. Segundo o procurador da República Alessander Sales, a evolução da nota do Ceará deve-se à busca pelo aprimoramento dos pontos que considerados ineficientes no ranking anterior. “O estado manteve contato com o Ministério Público buscando corrigir os parâmetros que foram apontados como indevidos. Constatamos que houve evolução muito significativa.”

Este é o segundo ano em que o MPF elabora o Ranking Nacional da Transparência. Para Sales, embora seja uma ferramenta nova, o levantamento já provoca mudanças significativas nas gestões estaduais e municipais. O índice nacional de transparência passou de 3,92 para 5,15. “O ranking evidenciou para o país inteiro as deficiências de cada portal. A partir daí, as pessoas passaram a cobrar, o gestor ficou exposto e há a correção dessas deficiências.”

Em outra ponta, no Ceará, o MPF verificou que há uma relação quase direta entre a pouca transparência nas informações de gestões municipais e o baixo grau de desenvolvimento socieconômico. Segundo o procurador, os municípios mais pobres são os que apresentam os piores mecanismos de transparência, como os portais na internet. Para Sales, a solução de uma das questões passa obrigatoriamente pela outra. “Não ter uma gestão transparente faz com que tais municípios não consigam superar muitas das mazelas básicas daquela sociedade.”

Ele disse que isso tem chamado a atenção do Ministério Público. “As cidades mais pobres apresentam os piores portais de transparência, embora sejam os que, proporcionalmente, recebem os repasses de recursos federais em maior magnitude”.

(Agência Brasil)

42 presos por homicídios contra policiais no Ceará desde 2015

foto opovo PMs mortos 160611

Desde janeiro do ano passado, 25 agentes de segurança foram assassinados no Ceará. Entre as vítimas, 19 faziam parte da Polícia Militar e seis integravam os quadros da Polícia Civil, sendo um deles do Distrito Federal (DF). Por conta dos crimes, 42 pessoas foram presas ou apreendidas. As investigações resultaram na elucidação de 21 mortes — 84% dos casos.

Já as quatro ocorrências restantes continuam sendo apuradas. Entre elas, o caso de um sargento da Reserva da PM, executado na manhã de ontem, em Juazeiro do Norte. Foi o 11º caso de homicídio de agente de segurança só este ano.

José Farias do Nascimento, de 72 anos, foi assassinado a tiros, dentro de um comércio daquela cidade, localizada a 493 km de Fortaleza. Segundo informações da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), o crime aconteceu por volta das 9h30min, na rua São Paulo, no bairro Santa Tereza.

Nascimento estava no interior do estabelecimento quando foi surpreendido por um homem, que já chegou ao local efetuando disparos contra o militar. Três tiros atingiram o sargento, que morreu no local. Em seguida, o autor do crime fugiu, utilizando uma motocicleta modelo Honda Bros, preta. Diligências foram realizadas pelo município, mas o criminoso não foi identificado. Nenhum pertence foi roubado da vítima, conforme a Polícia Militar.

O caso está sendo investigado pelo Núcleo da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) que funciona na Delegacia Regional de Juazeiro do Norte. Ontem à tarde O POVO procurou o titular da unidade, delegado Giovani Aquino, mas ele não estava disponível para comentar o caso.

3º no ranking

Conforme O POVO publicou no último dia 14 de maio, segundo dados da Ordem de Policiais do Brasil (OPB), o Ceará é o terceiro estado do País com mais mortes de agentes da segurança. O Estado fica atrás somente de São Paulo e Rio de Janeiro, que, na ocasião, já haviam registrado 27 e 17 mortes, respectivamente. Entretanto, o efetivo da PM cearense é de 16.421 agentes — menos da metade de policiais de São Paulo, que tem 93.779 militares, e do Rio de Janeiro, com 47.457 agentes.

(O POVO)

Lula apela a Temer que permita a volta de Dilma e dispute as eleições em 2018

150 1

Em discurso de cerca de 35 minutos para milhares de pessoas (estimativa não revelada pela Polícia Militar), na noite dessa sexta-feira (10), na Avenida Paulista, em São Paulo, o ex-presidente Lula criticou por diversas vezes o governo de Michel Temer e apelou ao presidente da República em exercício que “por favor, permita que o povo retome o governo com a Dilma e participe das eleições em 2018 para ver se você vai ser presidente”.

“Não vou falar fora Temer porque, da minha parte, não fica bem. Temer, você é um advogado constitucionalista e você sabe que não agiu correto assumindo a presidência interinamente”, disse Lula ao fazer o apelo a Temer, que acusou de estar “fazendo um desmonte no país. Eles não querem governar, querem vender o país. Eles não sabem governar, só sabem privatizar”, disse Lula, falando em possíveis privatizações pelo atual governo.

Em outro trecho do discurso, Lula disse que Temer, em vez de cortar ministérios como o de Cultura e Direitos Humanos [que depois foi recriado], corte o da Fazenda. E justificou esta crítica: “Não é possível não reconhecer a violência na periferia, a violência contra as mulheres, a violência contra os pobres, a violência espalhada por esse país e acabar com o Ministério dos Direitos Humanos. Se a solução desse país fosse diminuir ministérios, era melhor tirar o Ministério da Fazenda, do Planejamento e tantos outros e deixar os ministérios dos pobres e que cuidam da sociedade”.

(Agência Brasil)

Professores querem aumento fora da atual realidade econômica do País, diz Governo

110 1

foto camilo santana governador ceará

Da Coluna Vertical, no O POVO deste sábado (11):

O Palácio da Abolição, por meio de nota da sua assessoria de imprensa, garante que, sobre a greve dos professores estaduais, o próprio governador Camilo Santana (PT) já recebeu lideranças da categoria para negociar um acordo. Camilo, inclusive, autorizou mais de R$ 140 milhões para a Secretaria da Educação atender as demandas da categoria.

“Só que os docentes não abrem mão de um aumento maior, fora da atual realidade econômica do País”, diz a nota.

Adianta a assessoria que de uma pauta de 30 pontos, resta apenas o item do reajuste de salário. Lembra que o próprio titular da Seduc, Idilvan Alencar, também conversou com a categoria e acrescenta: “Das cerca de 700 escolas estaduais, mais de 400 estão funcionando normalmente”.

Agora é aguardar quais das partes terá que passar por aula de recuperação.

Lava Jato – PGR pede que Lula e mais quatro sejam investigados por Sérgio Moro

132 5

foto lula depoimento

Denunciado por obstruir as investigações da Lava Jato, o ex-presidente Lula poderá ver seu processo de investigação sair do Supremo Tribunal Federal (STF) e parar nas mãos do juiz Sérgio Moro. O pedido foi feito nessa sexta-feira (10) pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que solicitou ainda que Moro recebesse mais quatro processos do STF, entre os quais o que envolve o ex-senador Delcídio do Amaral, que em maio último, por meio de delação premiada, acusou Lula de tentar evitar que o ex-diretor da Petrobras, Nestor Cerveró, colaborasse com as investigações. A decisão caberá ao ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF.

Além de Lula e Delcídio, Janot pediu ao Supremo o envio dos processos a Sérgio Moro dos investigados Diogo Ferreira, José Carlos Bumlai e Maurício Bumlai, todos acusados de tentar comprar o silêncio de Cerveró. No STF, Lula também é investigado pelas aquisições do sítio de Atibaia e do triplex em Guarujá.

(com agências)

Confira a equipe de plantão do Judiciário neste fim de semana

Magistrados da Capital e de comarcas do Interior atenderão em regime de plantão neste fim de semana. No Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), os plantonistas serão o juiz Francisco Carneiro Lima (convocado) e o desembargador Haroldo Correia de Oliveira Máximo. Os magistrados atenderão, respectivamente, no sábado (11/06) e domingo (12/06), das 12 às 18 horas.

Fórum

No Fórum Clóvis Beviláqua, o plantão ficará a cargo da 3ª e 4ª Varas de Sucessões, 5ª Vara do Júri e Vara Única de Delitos do Trânsito da Capital. Os juízes estarão disponíveis das 12 às 18 horas. Os pedidos urgentes de natureza cível no âmbito de competência da Infância e da Juventude, destinados apenas para apreciação de casos urgentes, serão analisados pelos juízes plantonistas.

Interior

No Interior, o atendimento acontecerá das 8h às 14h nas comarcas de Juazeiro do Norte, Barbalha, Acopiara, Aracoiaba, Senador Pompeu, Ipaumirim, Brejo Santo, Russas, Pindoretama, Pacatuba, Eusébio, Caucaia, Uruburetama, Sobral, Camocim, Frecheirinha, São Benedito, Crateús, Independência e Itapajé.

(Site do TJ-CE)

PT faz encontro para debater campanha de Luizianne. Ex-secretário de Camilo participa

140 1

acr

O Partido dos Trabalhadores realizou, nesta sexta-feira, no Hotel Amuarama, encontro para debater estratégias da campanha da pré-candidata à Prefeitura de Fortaleza, Luizianne Lins. Durante o encontro, foram discutidos aspectos relacionados à plataforma de governo da petista.

Uma série de encontros zonais será realizada para debates com setores do eleitorado, segundo o vereador Acrísio Sena (PT) que, até bem pouco tempo, era o assessor de Mobilização dos Movimentos Sociais do governo Camilo Santana.

acris

Camilo, bom lembrar, defende a reeleição do prefeito Roberto Cláudio. Pelo visto, está ficando sozinho na defesa dessa tese dentro do partido.

MP da Suíça vincula conta secreta a campanhas eleitorais na América Latina

Pela primeira vez, o Ministério Público da Suíça ligou uma conta secreta no país investigada no “caso Petrobras/Odebrecht” ao pagamento de gastos em “campanhas políticas na América do Sul e Central”. A suspeita das autoridades é de que a origem do dinheiro é criminosa. O MP suíço não informou quais políticos ou partidos estariam ligados a essas campanhas, mas procuradores em Berna afirmam que o dinheiro depositado na conta está bloqueado e que esses dados foram solicitados por autoridades brasileiras.

A informação foi passada ao jornal O Estado de S. Paulo em resposta a perguntas da reportagem relacionadas à notícia de que o lobista Zwi Skornicki, apontado como operador de propinas pela Operação Lava Jato, fechou acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal brasileiro.

Preso desde 23 de fevereiro de 2016, Zwi Skornicki repassou US$ 4,5 milhões para a conta secreta na Suíça do marqueteiro do PT, João Santana – preso com a mulher, Mônica Moura, em Curitiba, alvos da Operação Acarajé, desdobramento da Lava Jato.

“Como parte das investigações sobre o caso Petrobras/Odebrecht, o Escritório do Procurador Geral da Suíça também ordenou o bloqueio de uma conta que era mantida por uma empresa localmente domiciliada”, apontou a procuradoria em um e-mail à reportagem. “De acordo com as informações disponíveis, ela (a conta) foi usada para financiar campanhas políticas na América Central e na América do Sul.”

Skornicki contou em delação que o valor de US$ 4,5 milhões foi solicitado pelo então tesoureiro do PT João Vaccari Neto “para ajudar a financiar a campanha de reeleição de Dilma Rousseff”. Segundo o MP suíço, “em relação à sra Dilma Rousseff, não existe nenhum processo criminal e nem investigações conduzidas em relação a ela”.

Além do Brasil, a Suíça já estabeleceu cooperação com o Panamá no caso envolvendo recursos e pagamentos feitos pela Odebrecht. “Nesse contexto, o escritório do Procurador Geral está focando na possibilidade de que esses fundos vinham de atividades criminosas, e não na possibilidade de que eles possam ter sido usados de maneira ilegal”, explicou a Procuradoria.

“Qualquer doação ilegal para campanhas eleitorais e outros objetivos políticos devem ser assunto de investigação nos países concernidos e não são, portanto, do interesse direto das investigações conduzidas pelo Escritório do Procurador Geral “, disse o MP.

Segundo Berna, porém, o Brasil já fez um pedido de cooperação para ter acesso a esses dados e, por enquanto, a solicitação está sendo alvo de uma avaliação. “As autoridades brasileiras pediram à Suíça a cooperação para obter os dados relacionados a essa conta bancária”, confirmou o MP em Berna. “Esse pedido por assistência mútua está sendo atualmente processado”, explicou.

 

Defesas

Com a informação de que o lobista Zwi Skornicki fechou delação premiada informando repasses à conta de João Santana, a defesa de Dilma Rousseff rebateu na quinta-feira, 9, “a insinuação de que teria conhecimento de um suposto pedido de R$ 4,5 milhões feito pelo tesoureiro do PT, João Vaccari Neto”.

“É público e notório que o tesoureiro da campanha da reeleição foi o ex-ministro Edinho Silva. Ele é quem tratava da arrecadação para a campanha em 2014. Todas as doações de empresas foram legais e estão na prestação de contas aprovada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE)”, diz a nota.

Já a defesa de Vaccari afirmou na ocasião que a informação do delator não pode ser considerada. “Sem nenhuma comprovação ou credibilidade. Até porque o sr. Vaccari era tesoureiro do Partido dos Trabalhadores, jamais tendo funcionado como tesoureiro de campanha”.

A Odebrecht informou que não iria comentar o assunto.

(Estadão Conteúdo)

Sérgio Machado se compromete a devolver R$ 90 milhões. Só?

sergio-machado

O ex-senador e ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, se comprometeu a devolver em torno de R$ 90 milhões aos cofres públicos. Foi o que ele acertou em sua delação premiada. A informação é do Blog de Matheus Leitão, do G1.

 Na delação, Machado gravou conversas que teve com o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), o senador Romero Jucá (PMDB-RR) e o ex-presidente da República José Sarney (PMDB-AP).

De acordo com a publicação, o ex-dirigente da Transpetro deu detalhes, na delação, sobre suposto esquema de corrupção na subsidiária da Petrobras destinado, segundo ele, ao enriquecimento ilícito dos caciques peemedebistas.

Os três políticos da cúpula do PMDB negam as acusações feitas por Machado e criticam os pedidos de prisões, feito pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, que afirmou que eles estariam tentando obstruir as investigações da Operação Lava Jato.

Manifestantes protestam contra Temer e filiada da Globo em Fortaleza

mov

Nesta sexta-feira (10), manifestantes da Frente Brasil Popular realizaram ato na Praça Luiza Távora, intitulado “Fora Temer!”. O grupo, após discursos de políticos e lideranças de movimentos sociais, seguiu rumo ao bairro Dionísio Torres.

Ali, houve concentração na Praça da Imprensa, com alguns manifestantes chegando a ocupar o rol de entradas da TV Verdes Mares, filiada da Rede Globo em Fortaleza. Alguns gritavam palavras de ordem: “Fora, golpistas!”. O grupo passou cerca de 20 minutos e, em seguida, se dispersou.

A Associação Cearense das Emissoras de Rádio e Televisão (Acert) divulgou nota agora há pouco repudiando o ato, que, segundo a entidade, agride a liberdade de expressão.

(Foto – Cláudio Barata)

7° Festival Benjunino – Inscrições são prorrogadas até a próxima quarta

benjunin

Vem aí o 7º Festival Benjunino. As inscrições para o evento foram prorrogadas até o dia 15 deste mês. Vale lembrar que o procedimento é gratuito, e os participantes devem entregar a documentação certa na Loja Bagaggio, no térreo.

Cada compositor pode participar com até duas músicas, originais e inéditas nos ritmos xote, baião e forró pé de serra. O letrista deve entregar a composição cifrada, mais um CD com áudio e preencher a ficha de inscrição.

As fases de shows do Benjunino também foram alteradas. A eliminatória será dia 22 e a final, no dia 29 deste mês. Ao campeão, será entregue premiação de R$ 1.000 mais troféu, o vice levará R$ 500,00 e o terceiro, R$ 400,00.

O Festival objetiva resgatar a tradicional música de São João e divulgar o trabalho de novos artistas. O regulamento está presente no site shoppingbenfica.com.br

SERVIÇO

  • Shopping Benfica – Av. Carapinima, 2200 – Benfica; Loja Bagaggio (térreo)

 

 

Força Nacional de Segurança deve permanecer por mais um mês em Fortaleza

forçanacional

O Ministério da Justiça acertou pedido do governador Camilo Santana (PT) e decidiu prorrogar, por mais 30 dias, a estadia dos 106 membros da Força Nacional de Segurança. A decisão deve ser publicada no Diário Oficial da União na próxima semana.

A Força Nacional de Segurança está em Fortaleza desde o último dia 26, quando aqui chegou para conter o clima de rebelião no sistema penitenciário cearense. Na época, a ação resultou em 18 mortes.

(Foto – I. Cavalcante)

Temer vai cortar 4,3 mil cargos comissionados e funções

86 1

O governo cortará 4.307 cargos comissionados e funções, anunciou há pouco o ministro interino do Planejamento, Dyogo Oliveira. Além disso, 10.462 cargos de Direção e Assessoramento Superiores (DAS), de livre provimento, serão convertidos em funções comissionadas, exclusivas de servidores concursados.

O decreto que detalha os cortes por pasta será publicado ainda hoje (10) em edição extraordinária do Diário Oficial da União. As conversões de cargos dependem de medida provisória, que também deverá ser editada hoje. Os ministérios e os órgãos vinculados terão 30 dias para reformular a estrutura administrativa e suprimir as funções e os cargos comissionados.

De acordo com Oliveira, as mudanças permitirão ao governo economizar R$ 230 milhões por ano. Ele diz que a reformulação reduzirá gastos e melhorará a gestão dos órgão públicos. “Essas medidas são voltadas à melhor organização da administração pública, redução da administração pública e reforço na profissionalização e na utilização de técnicas de gestão e de administração mais acuradas”, declarou.

Com as mudanças, o número de cargos de DAS no governo federal cairá de 24.250 para 10.404. As maiores diminuições ocorrem nos DAS de nível 1 e 2, de menor remuneração, com redução de 4.962 e 4.082, respectivamente. O número leva em conta tanto os cortes como a transformação dos DAS em funções comissionadas.

Se forem considerados apenas os cortes nos cargos de DAS, a diminuição chega a 3.384. Para chegar à redução de 4.307 cargos e funções, o governo eliminou 823 funções gratificadas (FG) e de 100 Gratificações Temporária de Atividade em Escola de Governo (Gaeg). A conta do Ministério do Planejamento, no entanto, inclui 881 cargos de DAS que foram cortados desde dezembro.

(Agência Brasil)

Companhia Siderúrgica do Pecém inicia operações do seu alto-forno

427 1

csp

Nesta sexta-feira (10), a Companha Siderúrgica do Pecém (CSP) deu início à operação do seu alto-forno. O evento técnico interno assinala mais um marco importante desse empreendimento instalado no Complexo Industrial e Portuário do Pecém(CIPP), em São Gonçalo do Amarante, Ceará.

O alto-forno da CSP tem aproximadamente 100 metros de altura, com 3.800 m 3 de volume interno e capacidade para produzir até 3.128.000 toneladas de ferro gusa por ano.

As principais matérias-primas utilizadas na operação do alto-forno são o minério de ferro de alta qualidade e o carvão industrializado, que passa pela sinterização e pela coqueria antes de ser carregado no alto-forno de forma contínua.

O ferro gusa será transformado em aço líquido e em placas durante o processo siderúrgico e lingotamento contínuo.