Blog do Eliomar

Últimos posts

Moro nega pedido de Lula e mantém relatoria de investigação sobre sítio

sergio-moro17

O juiz federal Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal em Curitiba, decidiu nesta terça-feira (16) continuar na relatoria dos inquéritos que envolvem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na Operação Lava Jato.

Moro considerou inadmissível do ponto de vista processual o pedido feito pelos advogados de Lula para que a investigação fosse remetida a outro juiz. Segundo a defesa do ex-presidente, as acusações do Ministério Público Federal (MPF) contra Lula não têm relação com a operação, mas Moro discorda.

“Se o MPF trabalha com a hipótese de investigação de que o ex-presidente seria responsável por esses crimes, por deliberadamente ter autorizado que fossem pagas e divididas propinas em contratos da Petrobras com agentes da estatal, agentes políticos e partidos políticos, a competência para o processo e julgamento é deste juízo da 13ª Vara Federal de Curitiba, prevento para o caso”, decidiu Moro.

A mulher de Lula, Marisa Letícia, e um dos filhos do ex-presidente,Fábio Luis Lula da Silva, não compareceram ao depoimento marcado pela Polícia Federal para prestar esclarecimentos sobre o sítio Santa Bárbara, em Atibaia (SP).

Segundo os advogados da família Lula, os dois já prestaram esclarecimentos aos investigadores e não são obrigados a comparecer à oitiva.

Em nota, a defesa de Lula reafirmou que Sérgio Moro “assumiu o papel de acusador” e perdeu a “necessária imparcialidade” para julgar o ex-presidente.

(Agência Brasil)

IV Fórum Brasil África em clima de acertos finais

[embedyt] http://www.youtube.com/watch?v=znC4-LweMP0[/embedyt]

Todos os detalhes para o IV Fórum Brasil Africa, que acontecerá nos dias 3 e 4 de novembro próximo, em Itaipu (PR), estão em acertos pelo professor Bosco Monte.

O cearense é o presidente do Instituto Brasil África, promotor do fórum que discutirá nesta edição o tema Agricultura.

O professor Bosco Mote aproveitou para falar sobre o cenário político-econômico.

E aí, quer aprender a aplicar pelos em artes da cena?

peloss

A CAIXA Cultural Fortaleza abrirá inscrições, a partir do próximo sábado (20), para duas turmas da oficina “Pelos, para que Tê-los – aplicação de pelos em artes da cena”, que será realizada em setembro pelo premiado make-up artist Cleber de Oliveira.

Direcionada a artistas ligados ao teatro, maquiadores, artistas plásticos e afins, a oficina, com inscrições até o dia 30 deste mês, pretende ensinar e aprimorar a técnica de aplicação de barbas, bigodes, cavanhaques, costeletas e pelos em geral.

São 15 vagas gratuitas em cada turma (uma de 6 a 9 de setembro, das 14 às 18 horas e a Turma 02 – de 13 a 16 de setembro, das 14 às 18 horas), incluindo o material para as atividades.

SERVIÇO

*Para se inscrever, basta solicitar a ficha de inscrição pelo e-mail “culturamaquiagemfortaleza@gmail.com”.

Junta Comercial avança no ranking da RedeSimples

A Junta Comercial do Ceará (Jucec) informa que avançou cinco posições no ranking de integração dos órgãos da RedeSimples. Isso, de acordo com relatório elaborado pela Receita Federal.

A Jucec ocupava a última posição em maio deste ano e, em apenas três meses da atual gestão, o cenário é bem mais promissor em relação a desburocratizações nos processos de abertura de empresas.

O motivo de tal avanço foi a recente integração da consulta de viabilidade e do Documento Básico de Entrada (DBE), no Portal de Serviços.

Outra informação: A Jucec está em fase de conclusão do processo de integração com o Corpo de Bombeiros, a exemplo do que já ocorreu com a Secretaria de Meio Ambiente de Urbanismo, para a consulta de viabilidade locacional.

Líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto dará palestra em Fortaleza

arton3580

Guilherme Boulos, dirigente nacional do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e líder da Frente Nacional de Mobilização Somos Povo Sem Medo, cumprirá agenda em Fortaleza nesta quarta-feira.

Na sede do Sindifort, às 19 horas, ele debaterá o tema “A Conjuntura Atual e a Luta contra o Golpe”.

Boulos é a favor de um plebiscito, ainda neste ano, para consultar a população acerca da antecipação das eleições gerais.

Confira a agenda do líder do MTST

9h – Recepção no Aeroporto com lideranças do MTST;

14h – Coletiva de Imprensa (Sindicato dos Servidores Municipais de Fortaleza, Av 24 de Maio, 1188 – CENTRO – próximo à Faculdade de Direito)

16h – Reunião com Movimentos Sociais de Moradia acerca do Plano Local de Habitação Popular;

19h – Debate Público: “A Conjuntura Atual e a Luta contra o Golpe” – Local: Sindifort.

Odilon Aguiar estreia como secretário da Pesca

odilon

O secretário da Agricultura, Pesca e Aquicultura, deputado estadual licenciado Odilon Aguiar (PMB), esteve no fim de semana em Jaguaribara (Vale do Jaguaribe). Ali, deu palestra abrindo o I Seminário sobre Sistemas de Criação Intensivo de Peixes com Recirculação de Água. O prefeito de Jaguaribara, Francini Guedes, abriu o evento.

Odilon Aguiar anunciou, na ocasião, que estava disponibilizando técnicos da pasta para, juntamente com os envolvidos no setor, criarem um projeto a ser apresentado ao governador Camilo Santana (PT).

“A ideia é contribuir para que a implantação desses sistemas não fiquem apenas no papel”, disse Odilon Aguiar. Nesta terça-feira (16), técnicos da Secretaria, representantes do setor e o prefeito de Jaguaribara já se reuniram para discutir o projeto.

(Foto – Divulgação)

“Não vai ter jeitinho”, diz Maia sobre novas regras para as eleições municipais

rodrigomaia

“Em clima de expectativa sobre as eleições municipais de outubro – as primeiras a seguirem as novas regras definidas pelo Congresso no ano passado, como a que proíbe a doação de recursos de empresas – o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), disse que o pleito vai mostrar que os candidatos precisarão rever suas estratégias de campanha. Maia alertou que “o brasileiro sempre acha que no final tem jeitinho mas desta vez não vai ter jeitinho”, disse, durante o lançamento de uma plataforma de informações eleitorais criado pela Câmara.

“[Os candidatos] não entenderam a mudança. Não haverá financiamento. Quando havia financiamento privado você conseguia doação para o material. Hoje não haverá financiamento”, afirmou. O democrata lembrou ainda que os candidatos que pensaram em estruturas de produção de material e contratação de pessoas para panfletar nas ruas, por exemplo, terão que repensar suas estratégias já que, sem a possibilidade de doações, os mais de 500 mil candidatos que já se inscreveram para disputar prefeituras e vagas em assembleias legislativas só poderão contar com recursos do fundo partidário.

“Desta vez vai ter que ser papel e solo de sapato. Em tese, se beneficiam os candidatos que têm estrutura, como quem já está na máquina e a fiscalização será importante para que não se use a máquina de forma errada. Têm os candidatos religiosos – que tem voluntários –, e aquele que gosta de trabalhar”, avaliou. Para Maia, essas eleições municipais vão demonstrar a necessidade de mudanças no sistema eleitoral do país como um todo. “Se vai financiar com menos recursos tem que procurar um sistema que dê legitimidade mas que também seja mais barato. Este sistema é muito caro”, disse.”

(Agência Brasil)

Quem quer mudar os tribunais de contas?

Com o título “Quem quer mudar os tribunais de contas?”, eis artigo do jornalista Carlos Mazza. Ele faz uma reflexão sobre o papel dos tribunais de contas, hoje atingidos em decisão do STF no quesito palavra final de contas de gestores municipais. Confira:

Desautorizados pelo STF de dar palavra final em casos envolvendo contas de prefeitos, Tribunais de Contas passaram na última semana a ter papel “consultivo”, sem poder de manchar fichas de gestores municipais. A conta pelo serviço, no entanto, vai continuar chegando: no Ceará, Cortes do tipo custam quase R$ 200 milhões ao ano.

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), encarregado de julgar gestores municipais, custará aos cofres públicos R$ 75,2 milhões. Já o Tribunal de Contas do Estado (TCE), que julga gestores estaduais, R$ 73,8 milhões. Somam-se a isso quase R$ 50 milhões em pensões dos órgãos.

Em decisão que ainda deve ser alvo de amplo debate e questionamentos, o STF fez valer previsão da Constituição que diz que palavra final sobre contas do Executivo deve partir das Casas Legislativas. Faz sentido: é no parlamento que se encontra a representação mais direta da população. Aos TCs, cabe o papel de elaborar pareceres, uma espécie de “recomendação”. O nível questionável das Casas e clara influência que o gestor pode exercer sobre o processo, no entanto, levantam dúvidas.

É difícil de imaginar, por exemplo, a condenação via Câmara de um prefeito que possua ampla base parlamentar. Colocando na balança velhas práticas da política brasileira, como a troca de cargos e até os “esquemas”, a chance de um julgamento técnico fica bem improvável.

Vale lembrar que o parlamento já tem histórico de enfraquecer Cortes de Contas, por meio da indicação, como moeda de troca, de conselheiros ex-deputados sem muita qualificação ou de políticos em plena – ainda que mascarada – atividade eleitoral.

Não se trata aqui de “extinguir” os Tribunais – como defendem alguns. Pelo contrário, a solução parece vir da situação inversa: como explica o diretor-geral do TCM-CE, Juraci Muniz, os órgãos custam apenas 0,5% do valor que fiscalizam e têm plena condição de trazer de volta aos cofres públicos valor muito maior que o do seu custeio. Bastavam para isso critérios mais rígidos. Repletos de técnicos qualificados e comprometidos em seus quadros, TCs mereciam mais.

*Carlos Mazza

carlosmazza@opovo.com.br
Jornalista do O POVO

Trabalhadores da BR Distribuidora de Fortaleza cruzam braços

grevve
Os trabalhadores da Petrobras Distribuidora de Fortaleza estão em greve. A categoria aderiu à paralisação nacional iniciada nessa segunda-feira em todo o País. A ordem é frear a entrega de 51% das ações da subsidiária, que é a maior e mais rentável distribuidora de combustíveis do País.
A greve, por tempo determinado, vai até sexta-feira nos estados do Rio de Janeiro, Bahia, Minas Gerais, Amazonas, Pernambuco, Rio Grande do Sul, São Paulo e agora Ceará.
Segundo os trabalhadores a venda da empresa, além de quebrar a integração do Sistema Petrobrás, vai acelerar a “doação de ativos estratégicos da estatal ao setor privado”.
A Unidade de Fortaleza abastece todo o Ceará com cerca de 220 caminhões por dia. A maioria dos funcionários próprios da base em Fortaleza aderiu ao movimento grevista.
(Foto – Petroleiros)

Operação Acrônimo – PF investiga Vox Populi e Construtora JHSF

voxpo

“A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã de hoje (16) a sexta etapa da Operação Acrônimo. Agentes cumpriram mandados de busca e apreensão em escritórios da construtora JHSF e do instituto de pesquisas Vox Populi em São Paulo e em Minas Gerais.

A Operação Acrônimo foi instaurada para investigar esquemas ilegais para beneficia campanha eleitoral de Fernando Pimentel (PT) em 2014, quando ele se elegeu governador. Nesta fase, a polícia apura suspeita de que o petista e o operador do esquema, o empresário Benedito de Oliveira Neto, teriam intermediado empréstimo do BNDES para a JHSF. Em contrapartida, a construtora teria pago caixa dois de campanha, simulando um contrato com o instituto de pesquisas Vox Populi.

O BNDES é vinculado ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, pasta que Pimentel comandou entre 2011 e 2014. A suspeita surgiu após o depoimento de delação premiada de Benedito de Oliveira Neto, que também é conhecido como Bené.

De acordo com a delação, “cerca de R$ 750 mil foram pagos mediante quitação de despesas da campanha eleitoral de Pimentel junto ao Instituto Vox Populi. Para viabilizar esse pagamento ao Vox Populi, o colaborador conversou com Humberto e com o diretor Comercial do instituto, Marcio Hiran, para que eles ajustassem a emissão da nota fiscal e a efetivação do pagamento. Os serviços declarados na nota fiscal não foram efetivamente prestados ao grupo JHSF, mas sim à campanha eleitoral de 2014 de Fernando Pimentel”.

A JHSF requereu o empréstimo para colocar em operação o aeroporto Catarina, em São Roque (SP). Conforme o depoimento de Bené, a construtora teria repassado R$5 milhões em propina.

Investigações

Pimentel já é acusado pela Polícia Federal de receber repasses ilegais de mais de R$10 milhões da montadora Caoa, representante da Hyundai no Brasil. Em 2012, quando o atual governador mineiro era ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, sua pasta lançou o Programa Inovar Auto, que tinha por objetivo dar incentivos fiscais a indústrias do setor automotivo. Para garantir a participação no programa, a Caoa teria pago mais de R$10 milhões em propina.

Bené teve sua prisão preventiva decretada em abril e fechou acordo de delação premiada. Ele é dono da Gráfica Brasil, que teria sido usada para conceder notas frias e receber recursos para a campanha de Pimentel.

Advogado

Em maio, a Procuradoria-Geral da República denunciou o governador ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. No início desse mês, o STJ adiou o julgamento do recurso apresentado por Pimentel. Ele defende que a Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) autorize uma eventual abertura de ação penal em que o governador figure como réu.

Em nota, o advogado do governador, Eugênio Pacelli, disse que não houve hoje nenhuma medida contra seu cliente e que a nova fase da operação é um “factoide criado para influenciar o julgamento do recurso que tramita no STJ, em que as especulações são no sentido de sua vitória”.

Segundo Pacelli, os novos mandados cumpridos têm o objetivo de atingir negativamente os julgadores no tribunal. O Vox Populi confirmou que houve buscas na sede do instituto de pesquisas em Belo Horizonte e informou que a empresa está pronta para contribuir com as autoridades.”

(Agência Brasil)

Peemedebista rebate Carlos Mesquita

281 1

Com o título “Um exemplo de lealdade partidária e espírito púbico”, eis artigo de Herbert Lobo, membro do diretório estadual do PMDB. Ele reage à crítica do vereador Carlos Mesquita (Pros), que qualificou Gaudêncio Lucena (PMDB), vice do candidato a prefeito de Fortaleza pelo PR, Capitão Wagner, de “desagregador”. Confira: 

Ao abrir mão de seu posicionamento em defesa de candidatura própria do PMDB em Fortaleza, para apoiar a candidatura do deputado Capitão Wagner (PR), Gaudêncio Lucena (PMDB) mais uma vez deu provas concretas de sua conduta agregadora e desprendimento político. Com essa atitude demonstrou maturidade política e ajudou o PMDB a fortalecer ainda mais a aliança de partidos opositores formada na eleição de 2014.

Esse tipo de conduta, que soma parceiros, ao invés de subtrair, é uma qualidade para poucos, e o atual vice-prefeito de Fortaleza já demonstrou que a possui. Sua experiência como gestor e empresário de sucesso certamente lhe ensinaram que o trabalho em equipe é sempre mais produtivo e com mais chances de chegar ao sucesso, do que seguir sozinho em uma empreitada.

Outra característica marcante, que faz de Gaudêncio um legítimo peemedebista, é sua lealdade partidária. Com décadas de filiação ao PMDB – seu único partido – nunca traiu a sigla votando em candidaturas majoritárias de legendas concorrentes.

Com sua coerência e legitimidade político-partidária, Gaudêncio ajuda a construir e a manter o PMDB unido, contribuindo decisivamente para construção de uma política democrática e inclusiva.

*Herbert Lobo

Membro do diretório estadual do PMDB.

Carmen Lúcia vai pautar ações que pedem a cabeça de governadores

ministra carmen lucia

“A posse de Cármen Lúcia, mês que vem, na presidência do Supremo Tribunal Federal está tirando o sono de governadores que dependem das Assembleias Legislativas para se blindar de processos penais.

A futura presidente do STF pretende pautar as ações que questionam a necessidade de autorização prévia das assembleias para que denúncias sejam possam ser aceitas pelo STJ.

Uma decisão do Supremo, inclusive, resolveria de uma vez recursos que estão no STJ, como o de Fernando Pimentel (MG).

Provocado pelo governador, o STJ está discutindo justamente se Pimentel pode ou não ser processado sem aval do legislativo mineiro.

(Veja Online)

Maracanaú terá 4ª Corrida de Rua para Pessoas com Deficiência

O Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CMDPD) está inscrevendo para a 4ª Corrida de Rua para Pessoas com Deficiência de Maracanaú (Região Metropolitana de Fortaleza).

O certame ocorrerá  no dia 24 de setembro, com largada, a partir das 8 horas, do calçadão da Escola Municipal Mário Covas (Avenida IX no Jereissati II). As inscrições se estendem até 6 de setembro.

Poderão participar pessoas de ambos os sexos a partir de 10 anos de idade, divididas nas seguintes categorias e naipes, no masculino e feminino: Deficiente Visual, Deficiente Físico, Deficiente Auditivo e Deficiente Intelectual.

Os atletas que concluírem o percurso de 700 metros serão agraciados com medalhas.

SERVIÇO

*Local das inscrições – Casa dos Conselhos (Rua 4, nº 370 – Jereissati II)

*Mais Informações – (85) 986056521.

 

Dilma falará à Nação às 15 horas

243 1

dilllmas

A presidente afastada Dilma Rousseff (PT) divulgará, via Facebook, às 15 horas, uma Carta à Nação. Ela vai falar sobre o processo de impeachment, onde está como ré.

Deve apregoar plebiscito? Ou eleições gerais? Dilma renunciará? Vamos aguardar o pronunciamento dela.

Irmãs Concepcionistas farão contato com o povo nesta quarta-feira

mosteiro

As Irmãs Concepcionistas de Fortaleza, que vivem na clausura, abrirão seus portões nesta quarta-feira, às 7 horas, com missa no Mosteiro da Imaculada Conceição (Visconde do Rio Branco, 2.590, bairro Joaquim Távora).

Esse ato ocorre apenas três vezes no ano, quando elas aproveitam para manter o contato com o público, mesmo por trás de grades e em regime de contemplação.

As Concepcionistas adotam esse gesto na Páscoa, no Natal e no dia de Santa Beatriz da Silva, fundadora da congregação, o que ocorrerá nesta quarta-feira.

 

Advogados justificam ausência de Marisa e Lulinha em depoimento à PF

147 1

“O advogado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Cristiano Zanin Martins, disse hoje (16), em entrevista coletiva na capital paulista, que o não comparecimento da esposa e do filho de Lula – Marisa Letícia Lula da Silva e Fábio Luís Lula da Silva – ao depoimento agendado pela Polícia Federal de Curitiba foi apenas o exercício de um direito previsto na Constituição.

O depoimento estava marcado para as 10 horas de hoje na Superintendência da Polícia Federal em São Paulo e faz parte da Operação Lava-Jato. Na ocasião seria abordada a questão das benfeitorias feitas em um sítio na cidade de Atibaia, cuja propriedade é atribuída a Lula. Segundo o inquérito, as reformas teriam sido feitas com recursos desviados da Petrobras.

“O depoimento não tem sentido já que em março deste ano os proprietários João Suassuna e Fernando Bittar mostraram documentos que provam que eles são os donos do sítio e que a propriedade foi adquirida com recursos lícitos e próprios. Mostraram imposto de renda, comprovantes de despesas do sítio e de pedágio para comprovar a frequência de ida ao local. São provas documentais que não deixam dúvidas a quem pertence o sítio”, afirmou.

De acordo com o advogado, diante dessas provas não há razão jurídica para que o inquérito continue em curso nem para que Marisa Letícia e Fábio Luís compareçam ao depoimento somente por serem familiares de Lula.

“Assim, comunicamos à Polícia Federal que eles iriam exercer o direito de não prestar depoimento em circunstância como essa em que há inquérito em que o marido e pai são investigados. O objeto da investigação já está devidamente elucidado e não há como se levantar qualquer dúvida a respeito da propriedade do sítio”.

Ainda segundo o advogado do ex-presidente Lula, José Roberto Batochio, o não comparecimento ao depoimento é legítimo, não é desrespeito, desobediência ou afronta, já que é exercício regular do direito assegurado. “O comparecimento acarreta uma série de exposições às quais ela e o filho não estão obrigados a se submeter”, disse Zanin Martins.”

(Agência Brasil)

TRE define nesta quarta-feira tempo do horário gratuito

foto nailde e abelardo desembargadores

TRE/CE – Abelardo Benevides e a vice, Naílde Pinheiro Nogueira.

O Tribunal Regional Eleitoral fará reunião nesta quarta-feira, às 9 horas, no Fórum Eleitoral Péricles Ribeiro (Praia de Iracema), com representantes da Associação Cearense de Emissoras de Rádio e TV (Acert) e partidos.

Segundo a assessoria de imprensa do tribunal, hora de definir o tempo do horário gratuito dos partidos com seus candidatos, que terá início no próximo dia 26 e se encerrará no dia 29 de setembro.

A reunião terá a participação da presidente da ACERT (Associação Cearense das Emissoras de Rádio e Televisão), Carmem Lúcia Dummar, e de advogados e representantes dos partidos, coligações e dos veículos de comunicação.

(Foto – Divulgação)

 

Você aprova o trabalho dos tribunais de contas?

214 2

Com o título “Os Tribunais de Contas e a sociedade”, eis artigo do presidente do Tribunal de Contas do Ceará, Edilberto Pontes. Ele destaca uma pesquisa que avalia positivamente o trabalho desses organismos. Confira:

Os Tribunais de Contas são grandes desconhecidos da sociedade brasileira. É o que aponta pesquisa realizada pelo Ibope, em junho último, a pedido da Confederação Nacional da Indústria e da Associação Nacional dos Membros dos Tribunais de Contas. Mas a pesquisa ressaltou um aspecto bastante significativo: a grande maioria que conhece os Tribunais de Contas o avalia de forma muito positiva – 72% concordam que os Tribunais de Contas são importantes no combate à corrupção, e 18% concordam apenas em parte.

Também de relevo é a avaliação do seu papel para coibir a ineficiência do gasto público e melhorar a gestão pública. Em ambos os casos, com índice superior a 60%.

O ponto que recebeu mais críticas foi a forma de composição das Cortes de Contas: a maior parte dos entrevistados entende que deveria ser aperfeiçoada, no sentido de reforçar a exigência de critérios técnicos para a nomeação de membros.

Os números deixam clara mensagem: os Tribunais de Contas devem redobrar os esforços para se tornar conhecidos. Todas as instituições precisam se legitimar permanentemente, necessitam do reconhecimento de sua relevância por parte do cidadão, principal razão de continuar existindo.

No Tribunal de Contas do Estado do Ceará, muitos esforços são empreendidos nessa direção: o programa Controle Cidadão, em parceria com a Fundação Demócrito Rocha; a atualização diária do portal de notícias; as visitas de nossos técnicos às universidades e escolas públicas e particulares; a recepção de alunos às sessões plenárias; as publicações e o uso intensivo das mídias sociais, o canal no Youtube. Essas e outras iniciativas objetivam divulgar o trabalho do TCE e aproximá-lo da sociedade.

De pouco vale, obviamente, atrair o cidadão para desapontá-lo. Para ser o guardião dos recursos do povo, o TCE busca se aperfeiçoar, por meio da formação permanente de seus integrantes, do uso intensivo da tecnologia da informação e da interação com os diversos segmentos da sociedade. O caminho não é fácil, mas é o que assegura a legitimidade, requisito essencial para as instituições.

*Edilberto Carlos Pontes Lima

pontes.lima@uol.com.br
Presidente do TCE Ceará.

Campus da UFC em Itapajé começa a sair do papel

danillo

Ademar Gondim, Kelsen (prefeito), Custódio, Danilo e Rafael Henriques.

A Reitoria da Universidade Federal do Ceará marcou para esta quarta-feira a assinatura da ordem de serviço da nova fase do projeto do novo Campus da UFC no município de Itapajé.

Foi o que ficou acertado durante reunião comandada pelo vice-reitor Custódio Almeida, nesta manhã de terça-feira, na reitoria.

O encontro ocorreu com as presenças do prefeito Kelsey Forte e do deputado federal Danilo Forte (PSB), que tem base política nessa cidade.

Custódio prometeu visitar as obras, com previsão de entrega no fim de 2017. Com ele, seguirão Ademar Gondim, que é superintendente de Infraestrutura da UFC, e Rafael Henriques, adjunto da Infraestrutura.

(Foto – Divulgação)