Blog do Eliomar

Últimos posts

Roubo de carro. Tecnologia reduz assaltos e auxilia na recuperação de veículos

148 1

Eis a coluna do jornalista Thiago Paiva, no O POVO desta segunda-feira. O título é “Roubo de carro. Tecnologia reduz assaltos e auxilia na recuperação de veículos” Confira:

Com o objetivo de enfrentar a chamada “mobilidade do crime”, uma tecnologia desenvolvida no Ceará – e compartilhada, até agora, com 16 estados da Federação – vem apresentando bons resultados. Trata-se do Sistema Policial de Indicativo de Abordagem (Spia). O uso da ferramenta criada por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) é apontado como fator determinante para as consecutivas reduções dos casos de roubo no Estado, sobretudo de veículos.

Funcionando em 65 municípios cearenses, todos com mais de 30 mil habitantes, o Spia utiliza imagens de cerca de 900 sensores, espalhados por ruas, avenidas e rodovias. Todos os veículos que passam pelos pontos de fiscalização têm as placas lidas e analisadas. Casos de roubo são instantaneamente identificados e comunicados às autoridades policiais mais próximas.

Segundo o coordenador de Gestão Estratégica da PRF, Aloísio Lira, o tempo médio de recuperação dos veículos, inclusive de cargas, é de 10 minutos. Até o fim do ano, deve chegar a 3 mil o total de equipamentos instalados no Ceará. A estimativa, conforme o agente, é que aproximadamente 7 mil veículos já tenham sido retomados no Estado com o uso do Spia.

“Os carros e motocicletas são utilizados para roubos. E quando você recupera esses veículos, com o assaltante ainda a bordo, isso diminui o roubo, de maneira geral, e também a reincidência. Prendemos o ladrão, e não o receptador”, explica o agente.

O sistema começou a ser executado, em parceria com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), em maio de 2017, em Fortaleza. Naquele mês, houve 7.707 Crimes Violentos contra o Patrimônio (CVPs) no Ceará, sendo 4.637 casos na Capital. Do total de ocorrências no Estado, 1.149 eram referentes a roubos de veículos, conforme dados da SSPDS e PRF.

Já no último mês de agosto, com a expansão da utilização do sistema para o Interior, os CVPs caíram para 5.109. Uma redução de 33,7%. Na Capital, houve 3.198 registros, diminuição de 31%. Já os roubos de veículo recuaram em 44,5%, tendo sido registradas 637 ocorrências.

Não apenas o uso do Spia estaria proporcionando bons resultados. Juntamente com a ferramenta, foi desenvolvida uma “doutrina de policiamento” pela Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), para acompanhar “modernização” do crime. O deslocamento das viaturas, localizadas em tempo real, agora ocorre de maneira compartimentada, utilizando, principalmente, o efetivo do Batalhão de Policiamento de Ronda de Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio).

“A mancha (locais de maior incidência) de roubo não é bem definida, pois o roubo é um crime de oportunidade. Então, o policiamento é distribuído de maneira estratégica e mantido sempre na sua área de atuação. Se um carro é roubado na Aldeota e segue para a Barra do Ceará, não faz sentido mandar uma viatura da Aldeota em perseguição, deixando a área desprotegida. A viatura é mantida, sendo informado ao policiamento da Barra sobre a ocorrência em deslocamento”, descreve.

Para agilizar o recebimento das denúncias, a Coordenadoria de Tecnologia da Informação e Comunicação (Cotic) da Ciops criou o “S-25 Provisório”, que registra, por meio do 190, denúncias de roubos de veículos, mantendo o alerta ativo por 72 horas no sistema das polícias.

O desafio, agora, é manter as estatísticas em queda. De acordo com Lira, que é também coordenador do Projeto SPI (Segurança Pública Integrada), desenvolvido pela PRF, SSPDS e Universidade Federal do Ceará (UFC), 2019 será o “ano dos resultados”.

Estarão à mão, em tese, medidas importantes anunciadas, como o Centro Integrado de Inteligência e Controle para o Combate ao Crime Organizado do Nordeste, prometido desde de janeiro e previsto para outubro. Resta saber se os números garantirão a formatação de uma política de resposta imediata duradoura, acompanhada de uma sensação de segurança que ainda não chegou.

Contas externas têm saldo negativo de US$ 717 milhões em agosto

As contas externas brasileiras apresentaram resultado negativo em agosto. O déficit em transações correntes, que são compras e vendas de mercadorias e serviços e transferências de renda do país com outras nações, chegou a US$ 717 milhões, segundo dados divulgados hoje (24) pelo Banco Central (BC). O resultado do mês passado superou o déficit registrado em agosto de 2017, de US$ 320 milhões.

Nos oito meses do ano, o resultado negativo chegou a US$ 8,901 bilhões, contra US$ 3,168 bilhões em igual período de 2017.

No mês passado, o superávit comercial (exportações de bens maiores que importações) contribuiu para reduzir o resultado negativo das contas externas, ao chegar a US$ 3,356 bilhões, mas ficou abaixo do saldo registrado em agosto de 2017 (US$ 5,330 bilhões). No acumulado do ano até agosto, o superávit comercial chegou a US$ 34,735 bilhões, ante US$ 46,306 bilhões.

A conta renda primária (lucros e dividendos, pagamentos de juros e salários), que também faz parte das transações correntes, ficou negativa em US$ 1,607 bilhão no mês, e em US$ 22,980 bilhões de janeiro a agosto.

A conta de renda secundária (renda gerada em uma economia e distribuída para outra, como doações e remessas de dólares, sem contrapartida de serviços ou bens) teve resultado positivo de US$ 267 milhões no mês e de US$ 1,692 bilhão nos oito meses do ano.

A conta de serviços (viagens internacionais, transporte, aluguel de investimentos, entre outros) anotou saldo negativo de US$ 2,733 bilhões em agosto, e de US$ 22,349 bilhões nos oito meses do ano.

Investimentos

Quando o país registra saldo negativo em transações correntes, precisa cobrir o déficit com investimentos ou empréstimos no exterior. A melhor forma de financiamento do saldo negativo é o investimento direto no país (IDP), porque recursos são aplicados no setor produtivo.

Em agosto, esses investimentos chegaram a US$ 10,607 bilhões e nos oito meses do ano ficaram em US$ 44,379 bilhões. Esses resultados foram mais que suficientes para cobrir o déficit em transações correntes.

(Agência Brasil)

Cid Gomes vira o candidato ao Senado preferido do empresariado

Depois de Prisco Bezerra – primeiro suplente, que doou R$ 1 milhão para a campanha do companheiro Cid Gomes (PDT) rumo ao Senado, eis que mais empresários também seguiram essa mesma cartilha.

O empresário Pio Rodrigues, por exemplo, doou R$ 20 mil e o irmão, Clóvis Rolim Júnior, doou R$ 30 mil.

Pelo visto, Cid, em alta nas pesquisas eleitorais é, também, o preferido do empresariado.

(Foto – Balada In)

Termina na quinta-feira prazo para quem quer tirar segunda via do título de eleitor

Termina nesta quinta-feira (27) o prazo para o eleitor solicitar a segunda via do título no cartório eleitoral da zona onde está cadastrado. O documento não é o único aceito no pleito de outubro e o eleitor pode se apresentar com outros, desde que seja oficial com foto, como a carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira de motorista ou passaporte.

Para solicitar a segunda via do título, o eleitor deve estar em dia com a Justiça Eleitoral, ou seja, não poderá ter débitos pendentes, como multas por ausência às urnas ou aos trabalhos eleitorais, como o de mesário, ou ainda ter recebido multas em razão de violação de dispositivos do Código Eleitoral (Lei 4.737/1965), da Lei das Eleições (Lei 9.504/1997) e leis conexas. Multas devem ser pagas por meio de Guia de Recolhimento da União (GRU) emitida pelo cartório eleitoral e podem variar de R$ 1 a R$ 35,14.

Título digital

Eleitores que estiverem com a situação regular também podem optar pela versão digital do título de eleitor que pode ser obtida gratuitamente por meio do aplicativo e-Título, disponível para smartphones gratuitamente nas lojas virtuais Apple Store e Google Play. O e-Título também serve como documento de identificação do eleitor caso ele já tenha feito o recadastramento biométrico. Isso porque a versão digital será baixada com foto, o que dispensa a apresentação de outro documento de identificação no momento do voto.

Pelo aplicativo é possível saber o local de votação e, por meio de ferramentas de geolocalização, até sua seção eleitoral. Além disso, ele também oferece serviços como a emissão de certidões de quitação eleitoral e negativa de crimes eleitorais.

O local de votação também pode ser conhecido com uma pesquisa simples no portal do TSE, por meio da seção Serviços ao eleitor “Título de eleitor”, título e local de votação. A consulta pode ser feita pelo nome do eleitor ou número do título, data de nascimento e nome da mãe. Os eleitores que perderam o prazo final do alistamento, no dia 9 de maio, não poderão votar nas Eleições de 2018. Essa foi a data limite para requererem inscrição eleitoral, transferência de domicílio, alteração de título eleitoral ou transferência para seção eleitoral especial (eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida).

(Agência Brasil)

Caetano apresenta nova queixa-crime contra pastor Marcos Feliciano

305 1

A guerra judicial entre o cantor e compositor Caetano Veloso e o Pastor Marco Feliciano, que rendeu ações até contra o Twitter, ganhou mais um capítulo no Supremo.

Segundo informa o jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo, os advogados de Caetano – Ticiano Figueiredo e Pedro Ivo Velloso, apresentaram uma nova queixa-crime contra Feliciano.

Dessa vez, por uma entrevista do deputado-pastor à rádio Jovem Pan, em março. Ao “Pânico”, Feliciano voltou a sugerir que Caetano estuprou a sua mulher, Paula Lavigne, quando ela estava com 13 anos.

Caetano acusa Feliciano de injúria e difamação.

Justiça Eleitoral vai realizar 25 pleitos modulares pelo País

Em 2018, juntamente com as Eleições Gerais em âmbito nacional e estadual, ocorrerão também Eleições Modulares pelo país, compostas por 21 pleitos municipais, três plebiscitos e uma eleição distrital que consiste na escolha do Conselho Distrital do Arquipélago de Fernando de Noronha, em Pernambuco. Para a Justiça Eleitoral, isso significa a preparação de cinco tipos distintos de eleições, o que exigiu a modulação do sistema da urna eletrônica pela Secretaria da Tecnologia da Informação (STI) do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Para atender tal demanda, a STI desenvolveu o Programa de Múltiplas Eleições, que permite a programação da urna eletrônica com composições que variam conforme as exigências de cada votação. A informação é da assessoria de imprensa do Tribunal Superior Eleitoral.

No primeiro turno de votação, em 7 de outubro, além das escolhas comuns a todos os brasileiros – presidente, governador, dois cargos de senador, deputado federal e deputado estadual/distrital –, os moradores de Fernando de Noronha também definirão os nomes dos sete membros que integrarão o Conselho Distrital, órgão consultivo e de fiscalização local, cuja existência é prevista na Constituição de Pernambuco. No caso, os eleitores votarão para os seis cargos disponíveis nas eleições gerais e, por último, escolherão os representantes do conselho. Será a primeira vez que a votação será realizada em conjunto em uma mesma urna. Anteriormente, a escolha do conselho ocorria em urna específica para essa finalidade.

Nos municípios de Petrópolis (RJ), Augusto Severo (RN) e Fortaleza do Taboão (TO), os eleitores participarão de plebiscitos no primeiro turno. Em Petrópolis, irão decidir se as charretes conhecidas como vitórias, que ficam em frente ao Museu Imperial para realização de passeios turísticos, poderão continuar com a atividade utilizando tração animal. Os outros plebiscitos decidirão sobre mudanças nos nomes das cidades. Augusto Severo pode ter o nome alterado para Campo Grande e Fortaleza do Taboão pode passar a ser chamada Tabocão. A exemplo da ordem de votação em Fernando de Noronha, também nessas cidades a votação quanto ao plebiscito ficará por último, após o eleitor digitar seus votos em relação aos cargos em disputa.

Em 28 de outubro, data prevista para o segundo turno, as Eleições Modulares acontecerão em 21 municípios que terão votações suplementares para escolha de novos prefeitos e vice-prefeitos. Serão escolhidos os chefes do Executivo municipal de cidades no Amazonas (Anamã e Novo Airão), Ceará (Aracoiaba e Croatá), Goiás (Turvelândia, Planaltina, Davinópolis, Divinópolis de Goiás e Serranópolis), Maranhão (Bacabal), Mato Grosso (Planalto da Serra), Rio de Janeiro (Aperibé, Iguaba Grande, Laje do Muriaé e Mangaratiba), Rio Grande do Sul (Alpestre), Santa Catarina (Vidal Ramos) e São Paulo (Araras, Rincão, Monte Azul Paulista e Monguaguá).

A modulação do sistema da urna eletrônica permitiu a composição de todas as variantes exigidas para o atendimento das especificidades de cada pleito. Por isso, a Justiça Eleitoral pôde suplantar as dificuldades técnicas e logísticas que existiam anteriormente.

Bolsonaro desafia estratégias tradicionais de campanha

Com o título “Bolsonaro desafia estratégias tradicionais de campanha”, eis artigo de Wagner Mendes, jornalista do O POVO. “O deputado federal conseguiu, através das redes sociais, reunir uma legião de seguidores que concorda com o seu pensamento. Para isso, não precisou de entrevistas na televisão, muito menos de caciques eleitorais nas regiões do País”, escreve o articulista. Confira:

Jair Bolsonaro (PSL), presidenciável que lidera todas as pesquisas de intenção de voto à sucessão de Michel Temer (MDB), desafia, até o momento, a receita tradicional para se vencer uma eleição ao Executivo no Brasil.

O capitão reformado não tem tempo de televisão, apoio de partido político com capilaridade eleitoral, palanque nos estados nem dinheiro para investimento em propagandas de difusão das ideias.

No desenho tradicional, o candidato do PSDB, Geraldo Alckmin, estaria com vaga garantida no segundo turno. É a candidatura que detém maior tempo na propaganda de rádio e televisão e tem dinheiro para investimento na campanha. O ex-governador de São Paulo conseguiu reunir a maior quantidade de partidos em torno da sua campanha e mostrava sinais de fortalecimento.

Tudo conduzia para o crescimento da empreitada tucana na campanha, assim como ocorreu nos últimos seis pleitos com vitória ou participação no segundo turno. Faltando duas semanas para o dia da votação, no entanto, a enorme quantidade de tempo de propaganda de Alckmin ainda não surtiu efeito. Enquanto isso, Bolsonaro se apresenta com uma candidatura competitiva filiado ao nanico PSL, que nem em sonho imaginava eleger tão cedo um presidente da República.

O deputado federal conseguiu, através das redes sociais, reunir uma legião de seguidores que concorda com o seu pensamento. Para isso, não precisou de entrevistas na televisão, muito menos de caciques eleitorais nas regiões do País.

São as correntes de WhatsApp, os vídeos no YouTube e as postagens no Facebook que popularizaram a imagem do polêmico parlamentar. A mídia tradicional acabou dando maior espaço nas últimas semanas ao candidato pela condição de presidenciável. A imagem do deputado carioca, no entanto, já se fazia conhecida sem o braço das concessões públicas.

Retomando o que ocorreu em 2014 com Marina Silva (Rede), quando chegou a liderar com folga as pesquisas de intenção de voto após o acidente com Eduardo Campos, a situação do candidato do PSL ainda não é confortável. Tudo pode acontecer em menos de duas semanas.

Caso Bolsonaro consiga ir ao segundo turno (mesmo caso não vença a eleição) já poderemos considerar que os velhos métodos para se vencer uma eleição ao Palácio do Planalto podem de fato ser substituídos por novas fórmulas.

*Wagner Mendes,

Jornalista do O POVO.

Campanha de Eunício no rádio consegue sincronia com horário real

Com a estratégia de passar para o ouvinte a sensação que o programa Eunício 151, no horário eleitoral, é ao vivo, a equipe de campanha de rádio do candidato à reeleição ao Senado tem conseguido a sincronia da gravação com o horário real.

Comandada pelo publicitário e jornalista baiano Xiko Mello, a propaganda eleitoral no rádio chega, inclusive, a entrevistar o próprio candidato, anunciando o horário gravado no tempo real.

Segundo integrantes da equipe de rádio, o esforço para a sincronia da gravação com o horário real é tirar o sentimento de frieza da mensagem gravada.

(Foto: Arquivo)

PIS/Pasep – Termina na sexta-feira prazo para cotistas com menos de 60 anos sacar o benefício

Esta é a última semana para que todos os cotistas dos fundos dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) saquem o benefício fora dos critérios previstos em lei. O prazo termina na sexta-feira (28). Conforme determina a Lei 13.677/2018, a partir do dia 29 de setembro os saques voltarão a ser permitidos somente para os cotistas que atendam a um dos critérios habituais: pessoas com 60 anos ou mais, aposentados, herdeiros de cotistas, pessoas em situação de invalidez ou acometidos por doenças específicas.

Cerca de R$ 17 bilhões já foram pagos aos trabalhadores que atuaram entre 1971 e 1988 na iniciativa privada (com carteira assinada) ou no serviço público, desde o início do processo de flexibilização dos saques do Fundo PIS/Pasep, em outubro de 2017, até agora. Do público potencial de 28,5 milhões de pessoas que havia em 2017, mais de 15,5 milhões de trabalhadores já receberam os recursos, ou seja, 55% do total.

As pessoas com menos de 60 anos representavam, em outubro de 2017, a maior parte dos cotistas do Fundo PIS/Pasep, somando 16,3 milhões de trabalhadores. De acordo com os últimos dados do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, até o último dia 16 cerca de 5,7 milhões de cotistas nessa faixa etária ainda não haviam se dirigido às agências da Caixa Econômica Federal ou do Banco do Brasil para buscar o benefício.

Divergências no cadastro

Dos R$ 17 bilhões já pagos aos cotistas, cerca de 8,5 R$ bilhões foram entregues aos trabalhadores por meio de depósito automático na conta corrente, ou seja, sem a necessidade de ir à agência bancária. De acordo com o Ministério do Planejamento, isso foi possível devido aos créditos feitos pelo Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal aos seus correntistas e a uma parceria envolvendo a Febraban, a Caixa, o Banco do Brasil e mais oito instituições: Bradesco, Itaú, Santander, Bancoob, Sicredi, Banestes, BRB e Mercantil.

Devido a questões de segurança e a divergências cadastrais, cerca de 5 milhões de cotistas com CPFs válidos não receberão os depósitos automáticos. Por isso, o ministério alerta que cotistas com menos de 60 anos, interessados em ter acesso imediato ao dinheiro, devem procurar as agências da Caixa e do Banco do Brasil até a próxima sexta-feira (28).

Quem tem direito

Para saber o saldo e se tem direito ao benefício, o trabalhador pode acessar os sites do PIS e do Pasep. Para os cotistas do PIS, também é possível consultar a Caixa Econômica Federal no telefone 0800-726-0207 ou nos caixas eletrônicos da instituição, desde que o interessado tenha o Cartão Cidadão. No caso do Pasep, a consulta é feita ao Banco do Brasil, nos telefones 4004-0001 ou 0800-729-0001.

Têm direito ao saque as pessoas que trabalharam com carteira assinada antes da Constituição de 1988. As cotas são os rendimentos anuais depositados nas contas de trabalhadores, instituídas entre 1971, ano da criação do PIS/Pasep, e 1988.

Quem contribuiu após 4 de outubro de 1988 não tem direito ao saque. Isso ocorre porque a Constituição, promulgada naquele ano, passou a destinar as contribuições do PIS/Pasep das empresas para o Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que paga o seguro-desemprego e o abono salarial, e para o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

(Agência Brasil)

Deputado estadual Walter Cavalcante é homenageado com Medalha Boticário Ferreira

A Câmara Municipal de Fortaleza realiza nesta segunda-feira, 24, sessão solene de entrega da Medalha Boticário Ferreira ao deputado estadual Walter Cavalcante (MDB). A solenidade, proposta pelo vereador Alípio Rodrigues (Podemos), acontece no Plenário Fausto Arruda, às 19h.

O momento evidencia a trajetória política do homenageado, que foi eleito vereador de Fortaleza, por cinco mandatos consecutivos, e presidiu a Casa do Povo no biênio 2013-2014. A Medalha Boticário Ferreira, a maior comenda do Município, reconhece o trabalho e a dedicação de cidadãos com o desenvolvimento da cidade.

Walter Lima Frota Cavalcante nasceu na cidade de Crateús-CE, chegou em Fortaleza no ano de 1972, quando ingressou na Escola de Aprendizes de Marinheiro. Concluiu o Curso Técnico em Contabilidade na Escola Fênix Caxeiral, na qual recebeu um prêmio instituído por Joaquim Ferreira, jornalista e comentarista da British Broadcastingh Corporation (BBC) de Londres, por ter sido o melhor aluno do curso.

Iniciou a vida profissional em 1975 como Office-boy do Banco Pontual S/A. Foi chefe do setor de contas correntes, em seguida coordenador e depois gerente geral administrativo, tornando-se sócio gerente da Corretora do Banco e da Luz Corretora de Seguros. Fundou a Cooperativa Habitacional dos Bancários do Estado do Ceará (COHABECE), onde ocupou os cargos de Diretor Financeiro e de Diretor Presidente e diretor da Comissão de Habitação durante a gestão do então prefeito de Fortaleza, Antônio Cambraia.

Em 1996, foi convidado pelo candidato a prefeito de Fortaleza, Juraci Magalhães, para se candidatar a vereador de Fortaleza, iniciando assim a sua trajetória na política. Na Câmara Municipal de Fortaleza, ocupou a presidência da Comissão de Legislação, Justiça e da Cidadania, do Conselho de Ética Parlamentar e da Comissão de Orçamento, Finanças, Controle e Fiscalização por duas vezes.

Carrinho de catador lixo “decora” a frente da Igreja de Fátima

156 1

Do leitor Eugênio Pacelli, recebemos a seguinte nota, com foto, em tom de protesto contra a Prefeitura de Fortaleza:

Caro Eliomar de Lima,

Eis este carrinho de catador de lixo que foi deixado, há mais de uma semana, na Avenida 13 de maio, bem em frente ao Santuário de Nossa Senhora de Fátima. Tiramos a foto nesta noite de domingo, 22.

Com a palavra a prefeitura de Fortaleza, que não toma nenhuma providência.

Alô, Dnit! Na BR-116, juntas de dilatação prosseguem sem solução e provocando engarrafamentos

O tempo passa, o tempo voa e as juntas de dilatação da BR-116, no viaduto que fica na altura da Base Aérea de Fortaleza, continuam provocando enormes engarrafamentos no começo das manhãs de Fortaleza.

Vários apelos já foram feitos ao Dnit para que faça o reparo mas, pelo visto, nada de solução. Será que tudo só se resolve quando ocorrer algum acidente por conta de tanta negligência na área?

Não acreditamos nisso.

(Foto – Leitor do Blog)

Morre João Fontenele, o fundador do Sindiquimica do Ceará

Morreu, nesta segunda-feira, o fundador e ex-presidente do Sindiquímica do Ceará, João Fontenele. Advogado e jornalista, foi sócio da Associação Brasileira de Imprensa (ABI) e um dos fundadores da Associação Brasileira de Jornalistas e Escritores (Abrajet), tendo atuado ainda no Rio de Janeiro, onde nasceu, nos jornais A Noite e Diário de Notícias.

Como empresário, atuou nos ramos têxtil e químico, sendo diretor da Fiec de 1980 a 1984 e fundado em 1986 o Sindicato das Indústrias Químicas, Farmacêuticas e da Destilação e Refinação de Petróleo no Estado do Ceará.

João exerceu também a função de conselheiro do Conselho Universitário da Universidade Federal do Ceará de 1970 a 1980. Foi também conselheiro do SENAI , até 2005; diretor da FACIC, entre outros cargos.

O corpo está sendo velado na Funerária Ethernus e a missa de corpo presente acontece às 14h30min, com o enterro estando previsto para às 16 horas, no Cemitério Jardim Metropolitano, no município do Eusébio (RMF).

(Foto – Divulgação)

TRE anuncia locais exclusivos para justificativa do voto

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará disponibilizará no próximo dia 7 de outubro, 1º turno das Eleições 2018, 27 urnas exclusivas para justificativa de votos dos eleitores, em 16 locais, na capital e nos municípios de Aracati, Aquiraz (Porto das Dunas), Caucaia, São Gonçalo do Amarante (Pecém), Sobral, Juazeiro do Norte e Jijoca de Jericoacoara. A informação é da assessoria de imprensa do órgão.

O TRE priorizou os locais de maior circulação dos eleitores que estejam de passagem pelo Ceará, no dia das eleições, mas esclarece: a justificativa do voto pode ser feita pelo eleitor que esteja fora do seu domicílio eleitoral em qualquer seção de votação instalada em todo o Estado do Ceará.

Fortaleza

Em Fortaleza, as urnas exclusivas de justificativa funcionarão na Praia do Futuro, na Avenida Beira-Mar, na Praia de Iracema, no Ideal Clube, no Aeroporto Pinto Martins e nos Terminais Rodoviários João Tomé e do Antônio Bezerra. Veja, no site do TRE-CE, a relação completa dos locais exclusivos para justificativa.

Para justificar o voto, o eleitor deverá levar a qualquer seção eleitoral, fora do seu domicílio, o formulário de justificativa (formato PDF), disponível no site do TRE-CE, preenchido com o número do título e um documento oficial de identidade.

e-Título

Uma novidade este ano é o aplicativo e-Título, que além de substituir o documento na hora de votar, pode auxiliar os eleitores que vão justificar o voto. Para consultar os locais onde funcionam mesas receptoras de justificativa, basta ter no celular a versão mais recente do aplicativo, disponível para iPhone (iOS), smartphones (Android) e tablets.

SERVIÇO

*Mais Informações –  (85) 3453-3855 / 3856.

(Foto – Divulgação)

AGU pede informações sobre processo de Lula para defender Brasil na ONU

A Advocacia-Geral da União pediu informações sobre a situação de Lula à Justiça Federal do Paraná. Os dados serão usados para municiar a defesa do Estado brasileiro na ação movida pelo ex-presidente no Comitê de Direitos Humanos da ONU. É o que revela, nesta segundas-feira, a Painel, da Folha de S.Paulo.

Em resposta à solicitação, o juiz da 12ª Vara Federal de Curitiba Danilo Pereira Júnior afirmou que o processo sobre o petista é público. As informações que a AGU reputar relevantes, diz ele, “podem ser extraídas por ela mesma dos presentes autos”.

No pedido, a AGU explica que o Brasil precisa demonstrar à ONU que tem dado “tratamento adequado e conforme aos direitos e garantias constitucionais e legais” a Lula. O órgão solicitou ainda que as informações fossem enviadas pela Justiça até dia 2 de outubro.

O petista alega que é alvo de um processo injusto e que seus direitos constitucionais, como a liberdade de expressão e o exercício dos direitos políticos, estão sendo infringidos. O Brasil precisa apresentar suas alegações até o fim de outubro.

Os advogados de Lula vão apresentar recurso ao TRF-4 nesta segunda (24) para que o ex-presidente possa gravar vídeos para a campanha de Fernando Haddad. A ideia é que o petista possa fazer os filmes na quinta (27), durante o horário de visitas à carceragem da PF.

(Foto – Agência Brasil)

Temer tem encontro com empresários em Nova York

O presidente Michel Temer participa hoje (24) de reunião-almoço com empresários em Nova York, promovida pela Câmara de Comércio dos Estados Unidos (US Chamber of Commerce). Em discussão, medidas para intensificar o comércio bilateral no momento em que há um acirramento entre norte-americanos e chineses.

Amanhã (25), o presidente faz o discurso de abertura da 73ª Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU). Por tradição desde 1947, o representante do Brasil é quem abre a sessão.

Em pauta, a defesa do multilateralismo, críticas ao protecionismo, a preocupação com a imigração e questões de segurança internacional.

Temer também se encontrará com o secretário-geral da ONU, o português António Guterres, e o novo presidente da Colômbia, Iván Duque, e de uma reunião com os líderes do Mercosul (bloco que reúne Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai, pois a Venezuela está suspensa).

Há, ainda, a expectativa de uma reunião entre representantes do Mercosul e da União Europeia. Os dois blocos negociam há 18 anos acordos para superar divergências em vários setores e incrementar o comércio.

O presidente deverá voltar para o Brasil amanhã. De acordo com a assessoria do Palácio do Planalto, Temer planeja outras duas viagens, além da ONU, antes de deixar o cargo.

Em novembro, ele vai para a Argentina, onde participará de encontro do G-20. Para o fim do mesmo mês, sua equipe estuda uma viagem ao Líbano, onde o presidente tem família. A viagem deve incluir uma parada em Marrakesh, no Marrocos.

(Agência Brasil)

Camilo é uma “pedra preciosa”, diz Cid Gomes durante ato em Marco

“O Camilo é uma pedra preciosa. É um jovem talentoso, competente e humilde. O Ceará deve muito ao Camilo por esses três anos e meio que ele está à frente do estado”, disse, neste fim de semana de campanha, na cidade do Marco (Zona Norte), o candidato ao Senado pelo PDT, Cid Gomes.

Cid, ao lado de Camilo Santana e da vice-governadora Izolda Cela, aproveitou e pediu votos para o irmão. “O Ciro é a oportunidade da gente colocar no lugar mais importante do Brasil, que é a presidência do Brasil, uma pessoa que conhece o Ceará é que quer com o seu trabalho fazer com que os cearense tenham uma vida melhor”.

 

Camilo Santana destacou as ações realizadas em seu governo e que beneficiaram não só o município, mas todo o Ceará. “Nós ampliamos o programa de carteira popular para carro e o motociclista que tira carteira de motorista recebe o capacete de graça. Nós vamos voltar com o Cartão Mais Infância, pois identificamos que mais de 60 mil mães no Ceará ainda vivem em dificuldades para dar uma alimentação necessária e uma vida melhor para seus filhos”, disse.

(Foto – Divulgação)