Blog do Eliomar

Últimos posts

Senado aprova MP da reforma administrativa; Sérgio Moro fica sem o Coaf

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (28), por 70 votos a favor e 4 contrários, o texto-base da Medida Provisória 870/2019, que reorganizou a administração do governo federal com a aglutinação de ministérios e a mudança de algumas de suas atribuições. Foi mantida a alteração feita na Câmara dos Deputados, que transferiu o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) do Ministério da Justiça e Segurança Pública para a pasta da Economia. A matéria segue para sanção presidencial.

Para os senadores Omar Aziz (PSD–AM) e Eduardo Girão (Pode-CE) haveria tempo para que a parte sobre o Coaf fosse restaurada à MP no Senado e votada novamente na Câmara conforme foi editada pelo governo.

Além do Coaf, o Ministério da Economia assumiu ainda as atribuições dos ministérios da Fazenda, do Planejamento e do Trabalho, que foram extintos. Incorporou também as atividades da Previdência Social, que já estavam no antigo Ministério da Fazenda desde o governo Temer.

Foi mantido o novo Ministério do Desenvolvimento Regional, criado pela MP para aglutinar as pastas das Cidades e da Integração Nacional, extintas por Bolsonaro. O Conselho Nacional de Política Indigenista foi devolvida ao Ministério da Justiça. Antes havia sido transferido ao Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

A Fundação Nacional do Índio (Funai) também foi devolvida ao Ministério da Justiça, com a competência de demarcar terras indígenas e quilombolas, atribuição que havia sido transferida ao Ministério da Agricultura.

Votos do Ceará

O senador Tasso Jereissati (PSDB) votou pelo Coaf nas mãos do ministro da Economia, Paulo Guedes; Eduardo Girão (PODE) a favor de que o órgão ficasse com o ministro da Justiça e Segurança, Sergio Moro.

Já Cid Gomes (PDT) foi ausência, pois participa, em Sobral, da festa do centenário do eclipse que comprovou a Teoria da Relatividade de Einstein.

(Agência Senado)

STJ: morador inadimplente não pode sofrer restrições no condomínio

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu hoje (28) que morador inadimplente não pode ser impedido de frequentar as áreas comuns do prédio. A questão foi decidida pela Quarta Turma da Corte.

O colegiado julgou o caso de uma moradora que não paga as taxas condominiais desde 1998, acumulando uma dívida de mais de R$ 290 mil. No recurso apresentado, a defesa afirmou que moradora estava impedida de usar as áreas de lazer, como a piscina, a brinquedoteca e o salão de festas em razão da inadimplência.

No processo, a moradora informou que deixou de pagar o condomínio após o falecimento do marido, que foi vítima de um latrocínio (roubo seguido de morte).

Ao analisar o caso, por unanimidade, a turma seguiu voto proferido pelo relator, ministro Luis Felipe Salomão, e entendeu que o condomínio não pode impor sanções que não estão previstas em lei para constranger o morador que está inadimplente.

Cabe recurso contra a decisão.

(Agência Brasil)

Tasso debate trabalho realizado pelo CNMP com promotores e procuradores

O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) reuniu-se hoje (28), em seu gabinete em Brasília, com representantes de Ministérios públicos Estaduais e do Trabalho, para discutir as ações desenvolvidas pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e os avanços obtidos em todo o país.

O Procurador-Geral de Justiça do Estado do Ceará, Plácido Rios, ressaltou que “o CNMP vem adotando mudanças importantes, uniformizando as atuações do Ministério Público em todo o Brasil, reformulando práticas de gestão e tornando a instituição muito mais transparente”. Destacou, ainda, a importância da troca de informações entre Ministério Público o Senado Federal, representado pelo senador Tasso Jereissati, fortalecendo também “o pilar de combate à criminalidade e corrupção”.

Nesta quarta-feira (29), a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado realizará sabatina do procurador Oswaldo D’Albuquerque Lima Neto e dos promotores Lauro Machado Nogueira e Rinaldo Reis Lima, candidatos ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

(Foto: Divulgação)

Encontro com Bolsonaro – Dr. Jaziel diz que sistema previdenciário deve preservar conquistas de categorias

Uma reforma previdenciária que preserve as conquistas de categorias, como professores e aposentados rurais. Esse é o posicionamento do deputado federal cearense Dr. Jaziel, sobre a Reforma da Previdência, em tema que será debatido na noite desta terça-feira (28), a partir das 19h30min, no programa Questão de Ordem, na TV Assembleia, com apresentação do jornalista Renato Abreu.

O deputado também irá falar do encontro que teve com o presidente Jair Bolsonaro e com o ministro Sérgio Moro.

A entrevista também irá ao ar às 22 horas, FM Assembleia, 96,7.

(Foto: Divulgação)

Caixa dá descontos para a clientela que quer quitar suas dívidas

314 1

Cerca de 3 milhões de clientes da Caixa Econômica Federal poderão regularizar débitos com atraso acima de 360 dias, com descontos que variam de 40% a 90%. O desconto varia conforme o tipo de crédito contratado e o tempo de atraso. A campanha de regularização lançada hoje (28) pela Caixa é somente para pagamento à vista e não envolve crédito imobiliário.

As dívidas dos clientes totalizam R$ 4,1 bilhões e expectativa do banco é recuperar R$ 1 bilhão ao oferecer os descontos. Os valores das dívidas variam de R$ 50 a R$ 5 milhões, em contratos sem garantia ou com garantia insuficiente ou considerados de difícil recuperação.

Do total de clientes inadimplentes, 2,6 milhões são pessoas físicas. Segundo a Caixa, 92% deles poderão quitar as dívidas à vista por valores inferiores a R$ 2 mil.

Consignados

Os clientes pessoas físicas, em sua maioria, têm renda de até R$ 1,5 mil (60%), seguidos pelos que têm renda de até R$ 3 mil (23%), até R$ 5 mil (9%) e acima de R$ 5 mil (8%).

A maior parte das dívidas é de crédito consignado (24,7%), seguido por cartão de crédito (18,1%), cartão de material de construção (15,2%), renegociação de dívidas (15,2%), crédito pessoal (13,8%), rotativo (11,7%) e microcrédito (2%).

Pagamento à vista

A Caixa também oferece a renegociação para 320 mil empresas, sendo que 65% delas têm a possibilidade de quitar a dívida à vista com valores inferiores a R$ 5 mil.

No caso das empresas, a maior parte das dívidas é de renegociação (34,3%). Em seguida, vem capital de giro (25,4%), rotativo (19,9%), parcelados (15,6%) e cartão de crédito (4,7%).

A campanha de regularização Você no Azul fica vigente por 90 dias em todo o país. O atendimento pode ser feito pela internet, pelo telefone 0800 726 8068, opção 8, nas redes sociais do banco (Facebook ou Twitter) e nas agências.

A Caixa vai oferecer ainda o atendimento em cinco caminhões em grandes cidades, fará contato com clientes por meio de empresas de recuperação de crédito e enviará mensagens a celulares de clientes.

(Agência Brasil)

Cariri é sede do I Seminário de Negócios Criativos e Culturais

O Sebrae e a Secretaria da Cultura do Ceará vão realizar, nesta quinta-feira (31), em Barbalha, o I Seminário de Negócios Criativos e Culturais da Região do Cariri. O objetivo é proporcionar um diálogo sobre a importância da economia criativa para o desenvolvimento econômico e social, no contexto dos pequenos negócios, da região. O seminário também é parte da programação do III Simpósio Nacional Sobre Patrimônio e Práticas Culturais, que está sendo realizado na região. A informação é da assessoria de imprensa do Sebrae.

Segundo o superintendente estadual do Sebrae, Joaquim Cartaxo, a ideia do evento é chamar a atenção para um tema contemporâneo como o papel desempenhado pelos negócios criativos para a economia do país, dando destaque especial para os pequenos negócios.  “O Cariri é um celeiro de cultura e criatividade onde estão inseridos milhares de empreendedores individuais, micro e pequenas empresas que ajudam a gerar emprego e renda para a região. Precisamos dar visibilidade a estes empreendedores, mostrando a importância deles para a economia”, afirma Cartaxo.

O evento é gratuito e tem como público-alvo os empreendedores da área, em especial os donos de pequenos negócios de atividades como artesanato, artes visuais, gastronomia, design, moda, entre outros, além dos demais interessados no tema da economia criativa. Na programação, estão a realização de palestras e debates com a presença de especialistas como o secretário da Cultura do Estado, Fabiano Piúba e o consultor na área de Cidades Criativas, Eduardo Barroso. Na oportunidade, também será realizada a apresentação de casos de sucesso em economia criativa, como as experiências dos Sebrae da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

Programação

9h- Políticas Públicas para Economia Criativa – Secretário da Cultura do Estado, Fabiano Piúba

10h- Rede de Cidades Criativas da Unesco: Eduardo Barroso – consultor e proprietário do Ser Criativo

11h – Fortaleza como candidata à Cidade Criativa da Unesco – Alberto Gadanha – Focus Point da Candidatura de Fortaleza/ Instituto Iracema

14h – A economia criativa e os pequenos negócios – Joaquim Cartaxo- superintendente do Sebrae/CE

15h30 – Caso 1: Cidade Criativa do Artesanato: João Pessoa- Regina Amorim – coordenadora de economia criativa do Sebrae PB

16h30 – Caso 2: Natal – Encantos Criativos do Estado do Rio Grande do Norte – Ana Maria Ubarana – Sebrae RN

SERVIÇO

*Hora: A partir das 9 horas

*Local: Escola de Saberes de Barbalha

*Entrada gratuita

(Foto – Sebrae/CE)

Dia dos Namorados – Apaixonados devem injetar R% 2,3 bi no e-commerce

O Dia dos Namorados, em junho, promete ser mais generoso, neste ano, entre os casais. Os apaixonados devem aumentar a procura por presentes no e-commerce. Ao todo, as compras online, para a data, devem movimentar R$ 2,3 bilhões, este ano, aumento nominal de 8%, em relação ao mesmo período do ano passado. As estimativas são da Compre&Confie, empresa referência em inteligência de mercado.

A projeção, que considera o período de 28 de maio a 11 de junho, aponta que o incremento está relacionado ao volume de pedidos no período. A empresa acredita que, ao todo, devem ser realizados 6 milhões de compras online – aumento de 17% em relação ao ano anterior. Apesar de comprarem mais, os brasileiros devem ter um tíquete médio menor que o do ano passado. As compras devem ser de, em média, R$ 389,17 – valor 7,5% menor do que o registrado no mesmo período de 2018.

“A expectativa para o comércio eletrônico continua positiva. A possibilidade de economizar no dia dos namorados impulsionará um forte crescimento nas vendas deste ano, apesar da queda do valor médio gasto nos presentes mostrar certa cautela do consumidor neste momento de recuperação da economia”, afirma o diretor executivo do Compre&Confie, André Dias.

Eleições para Defensor-Público – Rubens Lima lança pré-candidatura no Cariri

Rubens Lima, pré-candidato ao cargo de defensor-público geral do Ceará, Luiz Fernando, pré-candidato a subdefensor, vão estar na Região do Cariri dia 1º próximo, Ali, eles lançarão a pré-campanha durante ato no Iu-á Hotel, em Juazeiro do Norte, a partir de 12h30min.

Entre as principais propostas, Rubens promete a modernização da gestão da Defensoria-Pública Geral do Ceará (DPE), redução de burocracias e ações para tornar o trabalho do defensor público mais eficiente, ampliando assim o acesso amplo da sociedade à justiça. No sábado à tarde, eles vão se reunir com lideranças comunitárias no Crato.

Perfil

Rubens Lima tem 35 anos e já exerceu diversas funções na administração superior da Defensoria Pública Geral. Foi chefe da Assessoria Jurídica, assessor de Relacionamento Institucional, assessor especial da presidência do Colégio Nacional dos Defensores Públicos Gerais, secretário-geral do Conselho Superior da Defensoria Pública e coordenador das Defensorias Públicas do Interior.

Graduado pela Faculdade de Direito da UFC, atualmente é mestrando em Direito Penal e Ciências Criminais pela Universidade de Lisboa, em Portugal. Destaca-se sua participação nas leis que reestruturaram a carreira de defensor público e na Emenda Constitucional que implementou a autonomia da Defensoria Pública no Estado do Ceará.

(Foto – Divulgação)

Bolsonaro, Moro e Guedes apelam ao Senado para que não mude a MP aprovada na Câmara

O presidente Jair Bolsonaro e os ministros da Justiça e Segurança Pública, Sergio Moro, e da Economia, Paulo Guedes, assinaram uma carta entregue ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), na qual pedem que a Medida Provisória 870, que trata da reforma administrativa do governo, seja aprovada na Casa nesta terça-feira, 28, sem alterações no texto que passou pela Câmara dos Deputados na semana passada. Os deputados aprovaram o texto-base que manteve a redução de ministérios de 29 para 22. A informação é da Veja Online.

O apelo de Bolsonaro, Moro e Guedes se dá diante de articulações de senadores governistas, capitaneada pelo líder do PSL no Senado, Major Olímpio (SP), para manter o Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) sob a guarda da pasta da Justiça e Segurança Pública. Em uma derrota para Moro, a Câmara aprovou, por 228 votos a 210, a volta do Coaf à Economia.

O Congresso tem até o próximo dia 3 para aprovar a MP da reforma ministerial. Se isso não ocorrer, ela caducará e obrigará Bolsonaro a retomar a estrutura do governo de Michel Temer, com 29 pastas. Caso os senadores façam qualquer mudança no texto aprovado pela Câmara, a MP voltará a ser apreciada pelos deputados, que teriam apenas as sessões desta quarta-feira, 29, e da quinta-feira, 30, para analisar as alterações – o Congresso não tem sessões às segundas e sextas-feiras.

(Foto – Ian Cheibub, da Folhapress)

Reforma da Previdência – Rodrigo Maia pedirá a relator para apresentar texto até o dia 15

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, disse hoje (28), que pedirá ao relator da reforma da Previdência, deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), para apresentar seu parecer na Comissão Especial antes do dia 15 de junho. O objetivo é que haja tempo do texto ser votado na comissão e também no plenário da Câmara dos Deputados ainda no primeiro semestre.

“Vou pedir a ele hoje (28) que apresente o projeto dele antes do dia 15. A gente precisa encurtar um pouco esse prazo da votação para que não chegue muito no limite, no final do primeiro semestre. Eu sou muito otimista. Seria bom que a gente conseguisse antecipar a apresentação desse relatório em uma semana, em 5 dias, para que a gente possa ter mais tempo para votação na comissão e no plenário”, disse Maia, ao deixar o Ministério da Economia, acompanhado pelo ministro Paulo Guedes.

Eficiência

O presidente da Câmara e 13 deputados se reuniram com o ministro da Economia para tratar de melhora na eficiência e modernização do Estado. “Trouxe um grupo de deputados jovens, que têm convergência natural com essa agenda. Eles vão nos ajudar, com seus partidos, a organizar os textos para quando os projetos forem encaminhados ao plenário para votação. A Previdência tem peso enorme, mas a reestruturação do Estado brasileiro também tem um peso enorme, já que o Estado também encareceu nos últimos anos e aumentou a sua ineficiência”, disse.

Maia informou que está sendo negociada a reorganização da regra de ouro, devido ao engessamento do Orçamento com despesas obrigatórias. De acordo com ele, estão sendo estudadas em quais condições o governo poderá ter gastos acima do previsto na regra de ouro, com restrições, como bloqueio a aumento de salários, de serviços e reduções de despesas, por exemplo. A regra de ouro diz que governo não pode endividar-se para financiar gastos correntes (como a manutenção da máquina pública), apenas para despesas de capital (como investimento e amortização da dívida pública) ou para refinanciar a dívida pública.

(Com Agência Brasil)

Farmácia-Escola da UFC promove campanha de descarte de remédios vencidos

Começou, nesta terça-feira, a primeira etapa da campanha sobre descarte de medicamentos vencidos ou em desuso, uma ação do programa Descarte de Medicamentos da Farmácia-Escola da Universidade Federal do Ceará.

O Campus do Porangabuçu recebe, no Espaço das Mangueiras (Rua Alexandre Baraúna, 949, Rodolfo Teófilo), coletores para a recebimento dos fármacos, das 8 às 12 horas. No local, alunos e farmacêuticos distribuirão folhetos e informações sobre a correta destinação desse material. A ação vai se estender até quinta-feira, informa a assessoria de imprensa da UFC.

Podem ser descartados medicamentos não mais utilizados ou embalagens com resíduos, como frascos de xarope, bisnagas com cremes, pomadas, géis, entre outras, ou qualquer tipo de remédio vencido, seja humano, seja animal, será aceito nos coletores. Não serão aceitos cosméticos.

Os interessados também não precisam embalar ou acondicionar os medicamentos de forma específica, basta levá-los na própria embalagem original.

Próximos pontos

Os próximos locais a receberem a campanha e os pontos de coleta temporários serão os campi da UFC no Benfica e no Pici, com datas e horários, a serem definidos. A iniciativa ocorre em parceria com a empresa Marquise, que dará a destinação correta para o medicamento recolhido, através da incineração, com apoio da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FUNCAP).

(Foto – Ilustrativa)

Festival de Cannes – Desempenho cearense é destacado na Assembleia Legislativa

O deputado estadual Acrísio Sena (PT) registrou, durante sessão desta terça-feira, na Assembleia Legislativa, ao desempenho do filme “A Vida Invisível de Eurídice Gusmão”, do cearense Karim Aïnouz, que conquistou o prêmio principal da mostra Um Certo Olhar, competição paralela do Festival de Cannes, na França, no ultimo dia 24. É a primeira vez que um filme brasileiro ganha essa competição, a segunda mais importante do festival.

O parlamentar destacou também o filme brasileiro “Bacurau”, de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles, que ganhou o Prêmio do Júri no mesmo festival. O longa de aventura e ficção científica tem no elenco os cearenses Silvero Pereira, Rodger Rogério e Uirá dos Reis, um carioca radicado no Ceará.

(Foto – Joel C Ryan, do Estadão Conteúdo)

“Tudo que é sólido, bolsonara-se no ar”, diz articulista

Com o título “Tudo que é sólido, bolsonara-se no ar”, eis artigo de Fernando Costa, publicitário e sociólogo. Para ele, o presidente Jair Bolsonaro vem esticando a baladeira e, com sua verve, fomentando mais e mais divisões no País. Confira:

Se, somente se, a maioria dos brasileiros elegeu o atual presidente com receio de que a pátria amada viesse a se transformar numa grande Venezuela, onde os conflitos de rua estão no limite de levar aquele país a uma guerra civil, devo lhes informar que estamos quase chegando lá e com o apoio e o incentivo do presidente da República.

Nas últimas semanas, ele esticou a baladeira, ou o fuzil que é a arma que inconstitucionalmente ele quer colocar nas ruas. A Taurus, fabricante brasileira de armas, já possui dois mil pedidos de uma arma, que pela Constituição é exclusiva das Forças Armadas. Em tempo, o presidente assinou o decreto, mas nega, apesar do documento existir. É difícil escrever um artigo a partir das decisões do presidente, ele muda de ideia, se é que as tem, como muda de camisa.

Depois de liberar ou não (escrevo dia 25 e o artigo será publicado dia 28) a venda de fuzis, que os milicianos também poderão comprar, o presidente divulga um texto onde um obscuro personagem diz que o Brasil está ingovernável e a culpa, esse sentimento judaico-cristão, segundo o presidente, é dos políticos, leia-se do Congresso Nacional, do Supremo Tribunal Federal e, obviamente, dos professores e estudantes que o presidente chama de “idiotas úteis”. Forjada as condições objetivas, o inquilino do Palácio da Alvorada partiu para a jogada Janista de testar até onde pode ir com seus seguidores do Twitter. Definitivamente, o presidente não facilita a vida de quem escreve uma vez por mês para O POVO e tem que entregar o artigo com certa antecedência. Ele e seus filhos já não encabeçam os que convocam para as manifestações para o dia 26 de maio que para eu que escrevo no passado é futuro, mas para você, que vai ler no futuro, é passado.

Os apoiadores do presidente, como Lobão, Janaina Paschoal e o presidente do PSL, já se posicionaram contra as manifestações, mas elas aconteceram.

Talvez as manifestações tenham sido um fracasso e isto é péssimo para o futuro político do presidente, talvez tenham sido um sucesso e isto é péssimo para o futuro do Brasil.

Eleições 2020 – TSE cria Grupo de Trabalho

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acaba de instituir o Grupo de Trabalho Comunicação (GT Comunicação), no âmbito da Justiça Eleitoral, com o objetivo de realizar estudos visando o aprimoramento e o planejamento das ações de comunicação para as Eleições Municipais de 2020. A normatização do GT está na Portaria TSE nº 316, com a alteração redacional dada pela Portaria TSE nº 368.

O Grupo de Trabalho é coordenado pela assessora-chefe de Comunicação do TSE, Ana Cristina Rosa, e conta com integrantes da Corte Superior e dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) de cada região do país. Ao todo, integram a equipe 21 membros ligados às áreas de Comunicação, Gestão Eleitoral, Tecnologia da Informação e Gestão Estratégica e Socioambiental.

São atribuições do GT promover a melhoria e a inovação dos procedimentos de comunicação, bem como seus impactos no processo eleitoral; mapear e aprimorar as ações atualmente existentes para corresponder às expectativas da sociedade, de entidades e de órgãos governamentais diretamente envolvidos no pleito; e oferecer suporte aos questionamentos encaminhados pelos TREs. O GT Comunicação permanecerá em vigor até 31 de dezembro de 2020.

Três Poderes firmarão pacto pelo desenvolvimento do País, avisa Ônix Lorenzoni

Os representantes dos três Poderes assinarão um pacto de entendimento com metas e ações que as instituições vão buscar, em conjunto, em favor da retomada do crescimento do país. A informação é do ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, após café da manhã, hoje (28), no Palácio da Alvorada, com o presidente Jair Bolsonaro e os presidentes do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre.

“Nós não podemos esquecer que o Brasil vive uma crise muito grave do ponto de vista da empregabilidade, das dificuldades do mundo da economia. E essa possibilidade de que o Poder Executivo, Legislativo, através da representação da Câmara e do Senado, e do Poder Judiciário possam dialogar a favor do Brasil, isso é algo extremamente importante”, disse Onyx, explicando que os conflitos entre os poderes “não ajudam aos cidadãos que precisam de emprego e renda”.

De acordo com Onyx, o pacto deve ser formalizado no dia 10 de junho, no Palácio do Planalto, e os encontros entre os chefes dos poderes devem acontecer periodicamente para permitir esse diálogo constante. O texto base é do ministro Dias Toffoli e está sendo consolidado em comum acordo.

A reforma do sistema previdenciário deve constar no pacto e, segundo Onyx, é uma exigência para o país retomar o crescimento e a geração de empregos. “O Brasil está desequilibrado fiscalmente e com deficit fiscal de R$ 50 bilhões por ano que tem origem só na Previdência. Claro que isso fez parte da conversa, estão todos preocupados e todos querem construir um caminho aonde o Brasil possa passar o portal do equilíbrio fiscal e aí ir para o caminho da prosperidade, que é o que todos nós desejamos”.

O encontro no Palácio da Alvorada acontece após as manifestações do último domingo (26), onde Congresso e STF foram criticados pelos manifestantes. Para Onyx, as instituições precisam dar consequência àquilo que os cidadãos pedem nas ruas. “Todos os brasileiros querem que o país dê certo, independente da sua coloração política, partidária, independente da sua ideologia. E todos nós estamos muitos atentos àquilo que a sociedade nos mostra, por que essa é a responsabilidade de quem chefia os Poderes”.

Também participam do encontro os ministros da Economia, Paulo Guedes, e do Gabinete de Segurança Institucional, general Augusto Heleno.

Cagece fará leilão de bens móveis na próxima sexta-feira

Um leilão público, presencial e online de bens móveis inservíveis será realizado pela Cagece na próxima sexta-feira, a partir das 9 horas, no Pátio do Leiloeiro, situado na rua Coronel Zacarias José de França, número 255-A, no bairro Cajazeiras. A informação é da assessoria de imprensa da estatal.

Entre os itens leiloados pela companhia estão impressoras, computadores, aparelhos de ar condicionado, micro-ondas, bebedouros elétricos, câmeras de filmagens, mesas, geladeiras, freezers, dentre outros. Os bens serão comercializados em 83 lotes, com valores a partir de R$ 30.

Poderão participar do leilão pessoas físicas e jurídicas, sendo vetada apenas a participação de menores de idade e de compradores em situação de inadimplência junto à companhia, conforme estabelecido em edital.

Os lances ocorrerão de forma presencial e online, através do site www.celsocunhaleiloes.com.br. Após a realização do leilão, os compradores terão até 10 dias para retirar seus respectivos lotes arrematados.

SERVIÇO

*Mais informações, descrição de bens e demais elementos como valor inicial dos lances, encontram-se descritos no edital: www.cagece.com.br/documentos-publicacoes/editais/