Blog do Eliomar

Últimos posts

Icapuí registra maior chuva de sua história, a maior do ano no Ceará

Icapuí registrou entre a quinta-feira, 12, e esta sexta-feira, 13, a maior chuva da história do Município, distante 204 km de Fortaleza. A chuva foi de 255 milímetros e é a maior do ano no Ceará.

No mesmo periodo, outro posto pluviométrico no mesmo município registrou a segunda maior chuva do ano no Estado: 179 milímetros. A série histórica de chuvas em Icapuí, cujo recorde foi batido, vem desde 1988. Nesses 30 anos, não houve registro de outra chuva de 255 milímetros desta semana.

De acordo com Funcação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a chuva foi causada pela proximidade da Zona de Convergência Intertropical. Ao O POVO Online, o meteorologista David Ferran explicou que isto formou um aglomerado de chuva de nuvens convectivas. Estas nuvens, explana Ferran, são caracterizadas por terem grande extensão vertical.

Segundo Ferran, Icapuí deverá registrar mais chuvas nos próximos dias. É pouco provável, entretanto, que as possíveis precipitações se igualem a desta madrugada.
Os últimos dados da Funceme, antes de Icapuí registrar maior chuva, colocavam Iracema na liderança, com 112 milímetros.

Confira as 10 maiores chuvas de ontem para hoje

Icapuí (Posto: Icapui) : 255.0 mm

Icapuí (Posto: Retiro Grande) : 179.0 mm

Iracema (Posto: Canafistula) : 112.0 mm

Milhã (Posto: Carnaubinha) : 109.0 mm

Ererê (Posto: São João) : 107.0 mm

Iracema (Posto: Iracema) : 103.0 mm

Russas (Posto: Sitio Timbauba Macore) : 103.0 mm

Iracema (Posto: Sao Jose Do Fama) : 100.0 mm

Umari (Posto: Umari) : 87.0 mm

Iracema (Posto: Bastioes) : 87.0 mm

(O POVO Online / Foto: Facebook)

BNB fomenta encontro sobre incursão do brega na Literatura

Gênero musical brasileiro comparado ao twist e às baladas de rock dos anos 1960 nos EUA, o brega tem avançado para outras linguagens artísticas. Para falar sobre a incursão do brega na Literatura, o Centro Cultural Banco do Nordeste Fortaleza promoverá um diálogo entre dois escritores que já levaram o tema para suas obras de ficção: Thiago de Góes e Ricardo Kelmer, autores de Contos Bregas e Trilha da Vida Loca, respectivamente.

O encontro, segundo a assessoria de imprensa do Banco do Norcdeste, está marcado para terça-feira, às 15h30min, no CCBNB (Centro). A entrada é gratuita.

Ambos os autores escreveram histórias fictícias inspiradas ou epigrafadas por versos de canções populares imortalizadas por cantores como Waldick Soriano, Reginaldo Rossi e Fernando Mendes, entre outros ícones da música brega.

Perfil dos convidados

Thiago de Góes é jornalista e escritor potiguar, radicado em Fortaleza. Tem três livros de contos publicados: “Contos Bregas”, “Lobas, Deusas e Ninfetas” e “Cavalo Negro e Outras Histórias Fabulosas”. Sua literatura é uma forma de subverter a banalidade do cotidiano.

Ricardo Kelmer é escritor, roteirista e letrista musical. Mora em Fortaleza e São Paulo. Produtor do Bordel Poesia (sarau e festa) e do projeto Letra de Bar. Apresenta-se em bares e teatros com shows musicais-literários. Ateu e democrata incondicional. Adepto do amor e das relações livres.

SERVIÇO

*CCBNB – Rua Conde d’Eu, 560. Centro.

*Entrada franca.

(Foto – Divulgação)

Quem não pede nem opinião pode exigir apoio incondicional?

221 1

Em artigo publicado no site Brasil 247, o professor do departamento de Filosofia da Universidade Federal de Juiz de Fora, Doutor em Psicologia e filósofo Gustavo Castañon aponta que Lula não ouviu Ciro Gomes nas decisões que desgastaram o então governo do petista, Confira:

Lula pediu opinião do Ciro antes do Mensalão? Pediu quando deu Furnas para o Cunha? Quando loteou a Petrobrás entre “aquela gente”? Quando o PT hegemonizou a esquerda brasileira na base do dinheiro de doação empresarial em vez de fazer a reforma política? Quando traiu Ciro e não o deixou ser candidato nem no PSB? Quando com 80% de popularidade em vez de convidar ele ou qualquer outro para vice da Dilma colocou na linha de sucessão um quadrilheiro conhecido? Quando depois do undécimo apoio de Ciro o PT traiu 54.5 milhões de votos apoiando (ou obrigando Dilma a?) um choque de juros que ajudou a atirar o país na pior recessão de sua história? Quando pediu Meirelles ministro da Fazenda?

Que nada.

Coisa nenhuma.

Então vejam, não há um centímetro da carreira de Ciro que o PT tenha dado para ele. Quem apoia Lula há vinte anos com capital político próprio é Ciro. Tudo o que o PT e Lula ganharem de Ciro agora, é bônus track.

Tem que lamber os beiços, companheirada, que Ciro não está colocando a mão na cara de todo mundo e usando os adjetivos da direita. Que Ciro fale toda vez que perguntado que acha Lula inocente da acusação do triplex. Que acha que a prisão de Lula é injusta e inconstitucional. Que mande mensagem de solidariedade e lembre sempre o bem que Lula fez ao Brasil. Que diante da prisão intempestiva de Moro, quando estava fora do país, tenha mandado a São Bernardo a pessoa mais próxima na vida para prestar-lhe solidariedade, seu irmão. Que queira entrar numa cela de Polícia Federal para visitá-lo no seu momento mais radiativo e frágil. Que não trate o PT com os adjetivos que todos os outros candidatos a presidente exceto Manuela e Boulos tratam.

Olha que banquete de generosidade companheirada!

Que vinte anos de banquete de generosidade!

Ciro não seguirá a pauta e eventos do PT porque é uma questão de sinalização política de que ele não é liderado de Lula nem responde ao PT. É por isso que não foi ao evento do Circo Voador mas tenta visitar o Lula em Curitiba: porque o primeiro é agenda do PT e o segundo é agenda dele.

Ciro quando perguntado respondeu que achava considerar Lula um preso político uma “forçada de mão”? Eu acho um erro, mas e daí? Isso se compara a um único dos erros do PT? Ele não quer e não está em posição de confrontar as instituições, quer ser o candidato do restauro das instituições.

Pelo jeito nem o PT nem José Eduardo Cardoso acham Lula preso político, pois pediram para ele se entregar ao invés de levá-lo a uma embaixada que é o que perseguidos políticos fazem. É Ciro que tem que sequestrá-lo contra sua vontade? Assumir o discurso que Lula não assume pois espera instâncias superiores?

Isso é o que Ciro fez vinte anos, mas agora o candidato de verdade é ele, não Lula. O resultado dos acordos e genialidade política de Lula foram sua desabilitação e encarceramento.

O PSB lançando o carrasco de Dirceu e Genoíno não recebe do PT o tratamento que temos recebido através de tantos blogueiros, articulistas e prepostos do partido.

É esse tipo de comportamento que construiu no Brasil o ódio ao e o isolamento do PT, não somente a campanha da Rede Globo.

Não querem apoiar, que seja, mas respeitem o passado e ao menos, se não consideram o PDT mais aliado, respeitem um concorrente do campo no momento.

Deixem Ciro tentar o caminho dele em paz, com respeito, ataquem o neoliberalismo e a dissolução da ordem institucional, não quem também está combatendo isso do seu jeito, ou respondam por mais essa decisão do PT com o futuro de nossas crianças para a história.

Prefeitura de Sobral lança edital de concurso para 124 cargos

Saiu, nesta sexta-feira, o edital de concurso público de provas e títulos da Prefeitura de Sobral (Zona Norte) destinado ao provimento de 124 cargos efetivos, com lotação em Secretarias Municipais de Sobral. As remunerações vão de R$ 2.396,06 a R$ 13.778,08. A informação é da assessoria de imprensa da gestão do prefeito Ivo Gomes (PDT).

Os cargos oferecidos no concurso, criados pela atual gestão no ano passado, são: Analista de Infraestrutura (15 vagas), Analista de Políticas Públicas Sociais (62 vagas), Auditor de Controle Interno (4 vagas), Auditor Fiscal de Tributos Municipais (6 vagas), Enfermeiro (27 vagas) e Fiscal de Urbanismo e Meio Ambiente (10 vagas). Para todos os cargos é exigido nível superior.

O concurso será organizado, coordenado e executado pela Fundação Universidade Estadual do Ceará (Funece), por intermédio da Comissão Executiva do Vestibular da Uece (CEV/Uece).

Incrições

A data de início das inscrições, bem como o calendário completo das atividades do concurso, serão divulgados em até 5 dias úteis pela Uece, através do site www.uece.br/cev. As inscrições somente poderão ser realizadas pela internet. O valor da taxa de inscrição do certame será de R$ 130,00 para todos os cargos/especialidades. Cada candidato poderá se inscrever para até dois cargos, desde que as provas objetivas a eles associadas sejam aplicadas em dias distintos.

A primeira fase do concurso, de caráter eliminatório e classificatório, é constituída de avaliação intelectual escrita, compreendendo prova objetiva, com 60 questões de múltipla escolha. Ela será realizada em um dia de sábado para os cargos de Auditor Fiscal de Tributos Municipais, Enfermeiro e Analista de Infraestrutura e no domingo, imediatamente subsequente, para os cargos de Auditor de Controle Interno, Analista de Políticas Públicas Sociais e Fiscal de Urbanismo e Meio Ambiente. Já a segunda fase é composta de avaliação de Títulos, de caráter apenas classificatório.

SERVIÇO

*Todas as informações relativas ao concurso estarão disponíveis no site www.uece.br/cev ou por meio dos telefones (85) 3101-9710 e (85) 3101-9711 e pelo e-mail (concurso.sobral@uece.br).

Fortaleza enfrenta o “fantasma” da estreia no rebaixamento de 2009

O jogo marcava a estreia do Fortaleza na Série B daquele ano. O local era o Castelão. O adversário, o Guarani de Campinas.

Nove anos separam a queda do Fortaleza para a Série C e o retorno da equipe à Série B. Em 2009, a derrota sofrida para o Guarani de Campinas, em pleno Castelão, por 4 a 2, na estreia dos dois times na competição, apontou o trágico destino do time cearense naquela temporada.

Nesta sexta-feira (13), a partir das 19h15min, no Castelão, o Fortaleza poderá mudar a história diante do mesmo Guarani de Campinas, também na estreia dos dois clubes na atual temporada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Para isso, o Leão terá que conter a euforia do time paulista, que acaba de conquistar o título da Série A2 do Paulistão e retornar à elite do futebol de São Paulo.

A esperança tricolor é o atacante Gustavo, paulista de Registro, no Litoral Sul de São Paulo, além do treinador Rogério Ceni. Apesar de paranaense de Pato Branco, Ceni atuou por mais de uma década no São Paulo.

Além de Fortaleza x Guarani, a Série B ainda terá nesta sexta-feira as partidas Atlético/GO x Criciúma; Oeste x CRB e Figueirense x Juventude/RS.

(Foto: Arquivo)

Seminário debate financiamento à saúde para o desenvolvimento regional

O Instituto Future e Associação dos Hospitais do Estado do Ceará (Ahece) e o Instituto Future vão realizar, das 8 às 18h30min do próximo dia 24, no auditório da Federação das Indústrias do Estado (Fiec), o seminário Financiamento à Saúde para o Desenvolvimento Regional. No encontro, será apresentada uma pesquisa indicando ser a saúde a principal preocupação dos brasileiros.

A abertura do seminário contará com palestra do médico Carlos Roberto Martins Rodrigues (Dr. Cabeto), hoje à frente de um projeto de polo de saúde no bairro do Porangabussu. Ele abordará “Negócio e Inovação – O Ecossistema da Saúde do Ceará”. No rol dos conferencistas, também Roberta Braga Mota Sousa (Adece) e Lina Oliveira Sales que enfocarão temas relacionados ao financiamento à saúde.

Outras palestras 

“O Médico do Futuro” com Júlio Cesar Martins Monte, da Faculdade Israelita de Ciências da Saúde Albert Einstein, São Paulo, tendo como presidente da mesa Luiz Aramicy Bezerra Pinto, presidente da Associação dos Hospitais do Estado do Ceará seguindo-se debate;

“Soluções em Gestão: A contribuição das Organizações Sociais”. Palestrante: André Guanaes, Superintendente do Instituto Sócrates Guanaes. Presidente da mesa: Henrique Javi, Secretário da Saúde do Estado.

O tema “PREVENÇÃO: Integração dos setores público e privado” entra numa entrevista-depoimento com Jaime Daniel Escallon, da Colômbia;

“Coalizão Saúde – Estratégias para Superação dos Desafios da Saúde” com a palestrante Denise Eloi, CEO do Instituto Coalizão Saúde tendo como presidente da mesa Beto Studart, presidente da Federação das Indústrias do Estado do Ceará.

SERVIÇO

*Mais Informações – (85) 3063-3300.

 

Norma Zélia já é pre-candidata a deputada estadual pelo PSB

A advogadas Norma Zélia filiou-se ao PSB e vai mesmo disputar cadeira de deputada estadual. Ela se licenciou da função de cerimonialista do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT) e ingressa na lista de mulheres que os partidos de esquerda pretendem elegem no próximo pleito.

O presidente estadual do PSB, deputado federal Odorico Monteiro, comemorou e disse que o ingresso de Norma Zélia na disputa eleitoral deve ser interpretado como o desejo de muitos cidadãos de bem em querer contribuir para melhorar o nível da classe política.

(Foto – PSB)

Ciro Gomes vê dois pesos e duas medidas na decisão que livrou Alckmin da Lava Jato

Do presidenciável Ciro Gomes (PDT), ao ser indagado sobre a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ) que, a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR), enviou para a Justiça Eleitoral de São Paulo o inquérito que investiga o ex-governador paulista e pré-candidato do PSDB à Presidência da República, Geraldo Alckmin.

“Teve um caso que mostra a seletividade da Justiça: Alckmin foi acusado de receber R$ 10 milhões de propina da Odebrecht. O STJ falou que era caixa 2 e devolveu para a Justiça Eleitoral. O tratamento é feito com dois pesos e duas medidas”, apontou.

(Colaborou – Repórter Wagner Mendes)

Presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará disputará mandato de deputado federal

214 1

Confirmado. O presidente do Sindicato dos Bancários do Ceará, Carlos Eduardo Bezerra, disputará mandato de deputado federal pelo PT. Ele, inclusive, vem usando suas redes sociais para propagar propostas e, claro, pedir votos.

Carlos não entra sozinho na disputa, mas integrado a uma estratégia da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contrafi) de trabalhar para eleger, em cada Estado, um representante seu em Brasília.

Os bancários veem o Congresso dominado pelos interesses dos banqueiros que, vez em quando, operam com o objetivo de privatizar bancos estatais.

(Foto -Facebook)

PSOL promove debate sobre LGBT e Segurança Pública

O Setorial de Diversidade do PSOL do Ceará vai promover o debate “LGBTs, Segurança pública e Direito à cidade”, nesta sexta-feira (13), a partir das 19 horas, em sua sede no Centro de Fortaleza.

A mesa, a ser mediada pelo ator e jornalista Ari Areia, contará com falas de Dário Bezerra (Grupo de Resistência Asa Branca), Lídia Rodrigues (Coletivo Tambores de Safo, Artivista e feminista) e de David Araújo (Psicólogo e membro do coletivo Flor no Asfalto).

SERVIÇO

*PSOL Ceará – Avenida do Imperador, 1397 – Centro.

Formado o Conselho Gestor do Parque Estadual do Cocó

A Secretaria do Meio Ambiente (SEMA) divulgou, nesta sexta-feira, o resultado final da seleção para o Conselho Gestor Consultivo do Parque Estadual do Cocó, quanto aos Representantes da Sociedade Civil, conforme Edital de Convocação e Cadastramento n° 01/2018. A decisão foi referendada pelo Grupo de Trabalho Multiparticipativo para Regularização do Parque Estadual do Cocó, conforme reunião realizada em 11 de abril de 2018.

A solenidade de posse dos membros do Conselho Gestor está prevista para a primeira semana de maio próximo.

*Organização Não-Governamental e ou Movimentos Socioambientais – 4 vagas

Associação de Amigos do Ecomuseu do Mangue da Sabiaguaba

Movimento Pró-Árvore

Instituto da Periferia / Banco Palmas

Instituto Verde Luz

*Entidades, associações e grupos organizados de bairros do entorno do Parque – 4 vagas

CRBio 5ª região

Associação São Vicente de Paulo (Trilhos)

Associação dos Moradores da Terra Prometida II

Associações de Condomínios e Empreendedores da Rua G

*Representante do Setor Privado – 1 vaga

C. Rolim Engenharia.

DETALHE – Apenas uma instituição – Movimento S.O.S. Cocó – interpôs recurso por meio do processo nº. 2571750/2018 e que foi indeferido.

 

Uma Fortaleza dos amantes

Quem comemora os 292 anos de Fortaleza é o poeta Totonho Laprovítera. Confira o que ele nos mandou para o Blog:

FORTALEZA, AMANTE

As ruas descalças contam mil histórias
da menina, mulher, dourada de sonhos
Da pureza da calma de um grande amor
à natureza da alma de um pescador

Traçadas as praias pela beira do mar,
em desenho pintado pelo verde das águas,
são beijos de língua com gosto de sal,
pecados, vontades, razões de viver

Sopra a brisa com cheiro do amar,
embalando os corpos a navegar
Tem fachos de sol o calor dos desejos
dos namorados banhados de luar

O brilho no olhar da luz das estrelas
é clarão de farol que guia a certeza
e norteia a beleza da delicadeza,
para amante ser minha a Fortaleza!

*Totonho Laprovitera

Cármen Lúcia marca para dia 2 de maio julgamento de foro privilegiado

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, marcou para quarta-feira, dia 2 de maio, o julgamento da ação que pode resultar na restrição do foro privilegiado.

O julgamento foi iniciado em plenário, em novembro do ano passado, mas foi interrompido por pedido de vista do ministro Dias Toffoli, que devolveu o processo, no fim do mês passado, para inclusão na pauta.

Antes da interrupção do julgamento, oito integrantes da Corte manifestaram-se a favor de algum tipo de restrição na competência da Corte Suprema para julgar crimes praticados por deputados e senadores. No entanto, há divergências sobre a situação dos processos que já estão em andamento.

De acordo com a maioria formada, deputados federais e senadores somente devem responder a processos no STF se o crime for praticado no exercício do mandato. No caso de delitos praticados antes do exercício do mandato, o parlamentar seria processado pela primeira instância da Justiça, como qualquer cidadão.

O voto condutor do julgamento foi proferido em junho do ano passado pelo relator, ministro Luís Roberto Barroso. De acordo com o ministro, os detentores de foro privilegiado, como deputados e senadores, somente devem responder a processos criminais no STF se os fatos imputados a eles ocorrerem durante o mandato.

O caso concreto que está sendo julgado envolve a restrição de foro do atual prefeito de Cabo Frio (RJ), o ex-deputado federal Marcos da Rocha Mendes. Ele chegou a ser empossado como suplente do deputado cassado Eduardo Cunha (MDB-RJ), mas renunciou ao mandato parlamentar para assumir o cargo no município.

O prefeito responde a uma ação penal no Supremo por suposta compra de votos, mas, em função da posse no Executivo municipal, o ministro Barroso manifestou-se pelo retorno do processo à primeira instância da Justiça Eleitoral.

(Agência Brasil)

Caso Alckmin – Promotor foi assessor de ex-secretário do governo tucano

O inquérito que investiga o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB) por suspeita de caixa 2 nas campanhas de 2010 e 2014 será remetido ao promotor da 1ª zona eleitoral de São Paulo, Luiz Henrique Dal Poz, conhecido por ter atuado na prisão e condenação do ex-médico Roger Abdelmassih por 52 estupros. Designado promotor eleitoral até 2019, Dal Poz é titular da Promotoria de Repressão à Sonegação Fiscal e já foi chefe de gabinete do secretário de Justiça do governo Alckmin, Márcio Elias Rosa, quando este era procurador-geral de Justiça, chefe do Ministério Público Estadual (MPE), entre 2012 e 2016.

Dal Poz herdará o inquérito aberto em novembro do ano passado contra Alckmin no Superior Tribunal de Justiça (STJ) por decisão da ministra Nancy Andrighi, que acolheu na quarta-feira, 11, um pedido do vice-procurador-geral da República, Luciano Mariz Maia, e tirou a investigação das mãos da força-tarefa da Lava Jato.

Segundo ele, as delações feitas por três executivos da Odebrecht de pagamentos de R$ 10,7 milhões a Alckmin por meio de um cunhado do ex-governador e do tesoureiro da campanha “indicavam suposta prática de crime eleitoral”. A medida foi tomada depois que Alckmin perdeu o foro privilegiado por ter renunciado ao mandato de governador do Estado para disputar a Presidência.

Procuradores da Lava Jato em São Paulo haviam pedido a Maia que remetesse “o mais rápido possível” o inquérito sobre Alckmin para a primeira instância com o argumento de que o processo poderia auxiliar outras apurações. Agora, a investigação passa a ter caráter de crime eleitoral e não mais de crime comum.

Dal Poz disse que vai analisar o inquérito para saber se a competência é mesmo da Justiça eleitoral e afirmou não ver problema em ter trabalhado com o secretário de Alckmin. “Não vejo nenhuma relação que poderia me colocar numa condição de impedimento ou suspeição”.

Se os procuradores da força-tarefa Lava Jato de São Paulo tiverem informações que possam levar adiante investigação sobre atos de corrupção ou outro crime praticados, “nada os impede de iniciar uma apuração criminal sobre os fatos”, informou a Secretaria de Comunicação da Procuradoria-Geral da República. “Os procuradores também podem solicitar o compartilhamento de informações junto à Justiça Eleitoral, para onde o inquérito foi encaminhado por decisão do STJ”, diz nota da PGR.

Segundo Dal Poz, o inquérito pode ser remetido à segunda instância eleitoral porque entre os investigados está o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcos Monteiro, tesoureiro da campanha de 2014 e que foi mantido no governo por França.

Na esfera cível, a Promotoria do Patrimônio Público da capital também instaurou uma apuração preliminar para investigar possível improbidade administrativa cometida por Alckmin com base nas mesmas denúncias da Odebrecht. O promotor do caso, Otávio Garcia, já solicitou ao procurador-geral Gianpaolo Smanio informações sobre apurações em andamento contra Alckmin, que até renunciar ao cargo, no dia 6, só poderia ser investigado pelo chefe do MPE.

Em nota, Alckmin disse que “desconhece o procedimento” e que “está à disposição para prestar quaisquer esclarecimentos”. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

(Agência Estado/Foto – Reprodução de TV)

Salão de Abril 2018 – Sai lista dos artistas selecionados

Paulo Klein é o curador do Salão de Abril 2018.

A Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) divulgou, nesta sexta-feira (13), os nomes dos 45 artistas selecionados para expor na 69ª edição do Salão de Abril, principal evento de Artes Plásticas do Estado. O anúncio ocorreu durante evento que marcou o início da programação do Salão, na Casa do Barão de Camocim. No ato, houve a palestra “A Arte Além da Borda – Repensando os Salões”, do curador Paulo Klein, a primeira de uma série de atividades que compõem a programação que ainda inclui oficinas, workshops, entre outros. As obras selecionadas ficarão expostas ao público, a partir de 26 de abril deste ano, data da abertura da mostra.

O 69º Salão de Abril, que tem início neste dia do aniversário de Fortaleza, celebra os 75 anos de história da mostra e homenageia os 100 anos de nascimento do multiartista Zenon Barreto, autor da escultura Iracema Guardiã, um símbolo da cidade de Fortaleza. As informações são da assessoria de imprensa da Secultfor.

Selecionados

Foram submetidas, no total, 482 obras de 304 artistas à curadoria do crítico de arte e curador membro da Associação Brasileira de Críticos de Arte (ABCA) e da Associação Internacional de Críticos de Arte (AICA), Paulo Klein. Os 45 artistas selecionados terão as obras expostas na Casa do Barão de Camocim, de 26 de abril até 26 de julho.

Foram selecionadas para exposição as obras dos seguintes artistas: Ana Aline, Antônio Elionardo da Silva Saraiva, Antônio Gerson Ipirajá Barreto, Antônio Jefferson Oliveira dos Santos, Artur Cabral Bombonato, Célio Celestino Almeida Cavalcante, Coletivo Aparecidos Políticos – Aspásia Mariana Santos Melo, Cristina Vasconcelos Lima, Darwin Marinho de Assis, Diego Santana de Farias, Diogo Araújo Braga, Fernando Jorge da Cunha Silva, Flávio Márcio Batista de Oliveira, Francisco Cardoso de Oliveira Júnior, Francisco Carlos Campos Costa, Frederico Lua Branca Alencar da Mota, Jamille Jacinto Queiroz, Járed José Barbosa Domício, João Bosco Lisboa de Morais, Jorge Edinay Rodrigues de Oliveira, José Alves Pimenta Júnior, Júlio César Fernandes Lira, Lindemberg Jardim de Freitas, Louise Cavalcante Félix, Maíra Ortins, Mariana Amorim Smith, Marina Aires Barreira de Sousa e Castro, José Mário Castro Sanders, Maria do Socorro Barros Silveira, Naiana Magalhães Soares de Sousa, Narcélio Moreira Dantas, Natália Lopes Coelho, Nelson Nobre de Oliveira, Nivardo Victoriano Conrado Júnior, Raquel do Amaral Campos, Régis Luiz Câmara Amora, Rogeane de Oliveira Moreira, Ruy Cezar Campos, Sálvia Braga Pinheiro, Samuel Tomé Menezes, Sheryda Lopes Borges, Sílvio Santo Rabelo, Simone Barreto de Andrade, Waléria Américo, e Weaver Ferreira Lima.

Premiação

*Dos 45 artistas selecionados, 30 serão premiados. A premiação totaliza R$ 190 mil, equivalente a R$ 15 mil para os quatro primeiros colocados e R$ 5 mil para os demais. O anúncio dos premiados do 69º Salão de Abril será realizado no dia 17 de maio, em evento na Casa do Barão de Camocim.

Homenageado

Zenon Barreto nasceu em Sobral em 1918 e viveu a maior parte de seus 84 anos em Fortaleza. Dedicou a vida às Artes Plásticas, como pintor, gravador, escultor, ilustrador e cenógrafo, lidando com materiais diversos numa produção diversificada. Foi membro da Sociedade Cearense de Artes Plásticas (SCAP), instituição na qual ingressou como aluno do Curso Livre de Desenho e Pintura, para posteriormente atuar como professor até chegar à presidência da entidade. Recebeu prêmios importantes no Salão de Abril, Panorama da Arte Atual Brasileira e Bienal Internacional de São Paulo.

Programação

Salão Mostra
Divulgação dos selecionados e palestra “A Arte Além da Borda – Repensando os Salões”, com o curador Paulo Klein
Data: Sexta-feira (13/04)
Horário: 11h
Local: Casa do Barão de Camocim

Exposição dos selecionados do 69º Salão de Abril
Data: 26 de Abril
Horário: 19h
Permanência: 26/04 a 26/06
Local: Casa do Barão de Camocim

Salão Premia
Anúncio dos premiados do 69º Salão de Abril
Data: 17/05
Local: Casa do Barão de Camocim

Salão Fala!
Palestra com o artista multímidia, crítico e curador Ricardo Basbaum
Data: 28/04
Local: Casa do Barão de Camocim

Conversa de Salão – Zenon Barreto, 100 anos
Seminário de Artes “Salas Nômades”, por Herbert Rolim
Data: 08 e 09/05
Horário: 19h
Local: Casa do Barão de Camocim
Palestra “A obra de Zenon Barreto”, com Jacqueline Medeiros
Horário: 19h
Local: Casa do Barão de Camocim

Workshop “Curadoria e Autocuradoria”, com o curador Paulo Klein – Destinado aos artistas selecionados no 69 Salão de Abril, com leitura de portfólio dos interessados
Data: 18 de maio
Horário: de 10h a 17h
Local: Casa do Barão de Camocim

Workshop “Leitura de Portifólio”, com o curador Paulo Klein – Destinado a artistas em geral (30 vagas; necessário inscrição por meio de carta de intenção e minicurrículo por meio de e-mail para salaodeabril2018@gmail.com)
Data: 19 de maio
Horário: de 10h a 15h
Local: Casa do Barão de Camocim

Oficina “Vivência em Arte Contemporânea – Criando no Salão” para alunos de escola pública, com o curador Paulo Amoreira
Data: 29 de maio
Horário: 10h
Local: Casa do Barão de Camocim

Workshop “Curadoria e Processos”, com Jacqueline Medeiros
Data: 07 de junho
Horário: 19h
Local: Casa do Barão de Camocim

A programação do 69º Salão de Abril ainda conta com oficinas de artes visuais para crianças de Escolas Públicas Municipais, apresentações de dança e de vídeos de alunos de cursos da Vila das Artes e a comercialização de posters e xilogravuras alusivas ao Salão de Abril e inspiradas na obra de Zenon Barreto.