Blog do Eliomar

Últimos posts

Camilo e Lúcio Alcântara comungam da mesma festa

nittt

Eis um flagrante feito pelo Blog do Wilrismar na manhã desse domingo, 26, durante a celebração da missa de encerramento da festa religiosa de Jesus, Maria e José, em Marrecas, no município de Tauá, que muita gente não viu.

No altar, lado a lado, durante toda a celebração, o governador Camilo Santana e o ex-governador Lúcio Alcântara. Adversários políticos, eles se cumprimentaram de forma respeitosa e até trocaram algumas palavras.

No altar também estavam o conselheiro do TCM, Domingos Filho, a prefeita Patrícia Aguiar e os deputados Domingos Neto (Pros) e Odilon Aguiar (Pros).

No patamar da Igreja, ao final da missa, também estava Roberto Pessoa, candidato a vice-governador na chapa de Eunício Oliveira, que disputou a eleição contra Camilo e Izolda no ano passado. Roberto deixou o local sem nenhum contato com o governador Camilo Santana. Já o senador Eunício Oliveira mudou a tradição e não participou da Festa de Jesus, Maria e José.

No Nepal, quase um milhão de crianças precisam de ajuda humanitária

65 1

“Quase um milhão de crianças precisam de ajuda humanitária urgente no Nepal, depois do terremoto de magnitude 7,8 na escala de Richter, que ocorreu no sábado (25) e fez mais de 3,2 mil mortos, informou hoje o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef). Milhares de crianças dormem na rua depois do sismo, assim como eus pais, e os riscos de propagação de doenças é elevado, segundo a entidade internacional. De acordo com autoridades, 2.152 pessoas morreram no Nepal; 57, na Índia; 17, na China; e uma em Bangladesh. Além disso, há milhares de feridos. O desastre natural já é considerado o pior no Nepal nos últimos 80 anos.

“Pelo menos 940 mil crianças que vivem nas zonas mais atingidas pelo sismo no Nepal precisam de ajuda humanitária urgente”, segundo o comunicado da organização. “As restrições de acesso à água potável e a instalações sanitárias expõem as crianças a doenças que se propagam por via aérea e muitas delas estão separadas das suas famílias”, acrescentou a nota.

O Unicef explicou que mobilizou equipes e vai enviar à capital do Nepal, Katmandu, dois aviões carregados com 120 toneladas de ajuda humanitária, como medicamentos, tendas e cobertores. O sismo de sábado destruiu edifícios históricos, e as infraestruturas básicas foram muito atingidas.

Ontem (26), a região foi novamente atingida por um terremoto, de magnitude 6,7 na escala de Richter, o que agravou a situação no país. O tremor subsequente atingiu uma zona situada no noroeste de Katmandu, não muito longe da fronteira com a China. O abalo foi sentido até na região do Monte Everest, no Himalaia, onde provocou novas avalanches, segundo montanhistas que estão no local.”

(Agência Lusa)

CEF aumenta entrada para cliente que quer comprar imóvel. Sinduscon teme mais arrocho

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=wszMTP_INqE[/youtube]

O programa Minha Casa, Minha Vida continua sendo um problema para o Ceará, no que diz respeito a repasses atrasados. Informou, nesta segunda-feira, o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado.

Além dos repasses atrasados, entrou nessa área um outro complicador: a Caixa, que exigia entrada de 10% do empreendimento a ser adquirido pelo consumidor final, aumentou essa exigência para 20%.

“Além de ter aumentado os juros, a Caixa aumentou a entrada que a pessoa tem que dar para pegar financiamento. Isso complica!”, reiterou André Montenegro.

Operários da construção civil fazem passeata em Fortaleza em clima de campanha salarial

Cerca de dois mil trabalhadores da construção civil estão realizando passeata pelas ruas da Cidade dos Funcionários. A categoria saiu do Condomínio Parque Del Sol e se desloca para o viaduto de Messejana, o que deve causar congestionamentos no trânsito.

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores na Construção Civil, o ato faz parte da campanha salarial da categoria, que reivindica 14% de reajuste salarial.

Já os empresários oferecer 7,68%.

Montanhista cearense é resgatado no Nepal

rosierr

O montanhista cearense Rosier Alexandre foi resgatado do Nepal, nesta segunda-feira, 27, após o terremoto que atingiu o País e provocou uma avalanche no monte Everest, onde ele realizava uma expedição. Rosier e o filho, Davi, saíram do Campo 1 de helicóptero e telefonaram para a família por volta das 3h37min.

“Rosier e Davi passam bem e estavam juntos no Campo Base procurando equipamentos que foram abandonados no ato da avalanche”, informou a assessoria do montanhista, em comunicado no Facebook. Rosier relatou que viu um cenário de guerra após a destruição no Campo Base.

De lá, a expedição deve seguir para o Gorak Shep, vilarejo próximo ao Everets onde os alipinistas devem permanecer nos próximos dias, ainda conforme a assessoria de imprensa Projeto Sete Cumes.

Em abril do ano passado, Rosier também estava no Everest quando uma avalanche deixou 16 guias mortos. Destes, três nepalenses integravam a equipe do montanhista cearense. O acidente foi considerado mais fatal da história da montanha mais alta do planeta.

O cearense embarcou no dia 28 de março para a última fase do Projeto Sete Cumes, que visa a subida dos maiores picos de todos os continentes do mundo. Só falta o Everest para Rosier completar a meta.”

(POVO Online)

José Guimarães torce para que Senado derrube o projeto das terceirizações

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=YY3Lfhh07mQ[/youtube]

O Congresso Nacional inicia, nesta tarde de segunda-feira, sua rotina de sessões, que, costumeiramente, sempre ocorre a partir da terça-feira. Segundo o líder do Governo na Câmara, José Nobre Guimarães,  isso ocorre por conta do feriadão do 1º de Maio.

Na pauta, de acordo com Guimarães, as MPs do ajuste fiscal. Também há a definição do novo salário mínimo.

José Guimarães, sobre o projeto das terceirizações, não quis avaliar como derrota do Governo na Câmara. “De forma nenhuma!”, disse o parlamentar, observando que a derrota foi reflexo da divisão entre os deputados. Ele espera que o Senado corrija essa distorção e não aprove a matéria.

Fortaleza é sede do Congemas, com presença da ministra Tereza Campello

terezacampelo

Da Coluna Vertical, no O POVO desta segunda-feira (27):

Fortaleza será sede, a partir desta terça-feira (28), no Centro de Eventos, do XVII Encontro Nacional do Colegiado de Gestores Municipais de Assistência Social (Congemas). O evento, que vai até a quinta-feira (30), receberá cerca de três mil participantes e contará com a presença da ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, do presidente do Congemas, José Rodrigues Júnior, além de representantes de secretarias diversas do MDS, Governo do Estado, Prefeitura de Fortaleza e convidados.

O tema central é “Implementação do SUAS na prática cotidiana da Gestão Pública”, ou seja, Sistema Unificado de Assistência Social. É desafio para governantes e, em especial, a União, provarem que há algo mais na área do que liberar Bolsa Família.

Especialistas divergem sobre estratégia de recuperação da Petrobras

Depois de divulgar prejuízo de R$ 21,6 bilhões em 2014 e perdas de R$ 6,2 bilhões com a corrupção e de R$ 44,6 bilhões com a má gestão de projetos, a Petrobras virou a página e iniciou uma nova era, segundo a presidenta Dilma Rousseff. Especialistas concordam que a empresa tem um grande desafio para retomar a rotina e superar as questões ligadas à Operação Lava Jato. Eles, no entanto, dividem-se em relação à melhor estratégia para a estatal se recuperar.

O economista Adriano Pires, diretor do Centro Brasileiro de Infraestrutura, considera o principal desafio da Petrobras superar o endividamento de R$ 351 bilhões, que ultrapassa o valor de mercado da companhia, R$ 172 bilhões. “A divulgação do balanço pode até melhorar as expectativas no curto prazo, mas, no médio e no longo prazos, o que interessa é o endividamento da empresa. Para reverter o quadro precário, a empresa precisa promover um tarifaço semelhante ao do setor elétrico e reajustar os combustíveis nas refinarias”, diz.

Consultor Legislativo da Câmara dos Deputados e autor de vários estudos sobre o setor de gás e de petróleo, Paulo César Lima tem opinião diferente. Para ele, o cancelamento de projetos de refinarias e a especialização da companhia na extração de petróleo reduzirão a importância da companhia e prejudicarão o país no médio prazo. “A empresa enveredou pelo caminho do mercado. Não precisa investir nada em refino e certamente vai voltar a lucrar explorando as melhores áreas do pré-sal. Mas, para o país, esse é o pior cenário possível”.

(Agência Brasil)

Com dólar alto, tendência é aumento do turismo doméstico

Com o dólar caro, há uma tendência de aumento do interesse dos brasileiros por viagens domésticas. A valorização da moeda norte-americana dá também maior competitividade ao turismo para estrangeiros. Entidades do setor de turismo confirmam o cenário positivo, mas argumentam que os custos para operar impedem barateamento dos pacotes, e que não há divulgação suficiente do Brasil no exterior.

No primeiro trimestre deste ano, a cotação do dólar encostou em R$ 3,30. Do fim de março para cá, a moeda devolveu parte da alta, mas permanece cotada perto de R$ 3. O presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, Enrico Fermi, afirma que a maior procura por destinos nacionais foi registrada em dezembro de 2014 e nos três primeiros meses deste ano.

“Há tendência de migrarem para o turismo interno. Nossa taxa de ocupação cresceu. Na cidade de Natal, tivemos aumento de 14% na ocupação em relação a outros anos”, exemplifica. Ele ressalta que a valorização do dólar torna o Brasil mais atraente para o turista estrangeiro. “O poder de compra dele aumenta. Mas a carga tributária alta impede que o Brasil ofereça preços mais baratos. Hoje, o Caribe tem os melhores preços [para estrangeiros]”, informou.

O vice-presidente da Associação Brasileira das Agências de Viagem de São Paulo (Abav-SP), Edmar Bull, acredita que o dólar mais alto será positivo para o turismo doméstico este ano. Ele destaca que a modalidade será impulsionada, ainda, pelo grande número de feriados curtos. “Isso ajuda muito os destinos domésticos”, frisa.

(Agência Brasil)

Fortaleza vence Ceará e pode ser campeão com empate no domingo

Com o placar construído no primeiro tempo, o Fortaleza venceu o Ceará, neste domingo (26), na Arena Castelão, por 2 a 1, e reverteu a vantagem para a última partida da decisão do Campeonato Estadual de Futebol, que será disputada no próximo domingo (3), no mesmo estádio. Genílson, aos 15 minutos, e Éverton, aos 36 minutos, marcaram para o Fortaleza, enquanto Magno Alves, aos 40minutos, descontou.

O forte ritmo duas equipes no primeiro tempo em nada se pareceu na segunda etapa. Enquanto o Fortaleza explorou os contra-ataques, o Ceará se mostrou cansado em campo. Quase 20 mil torcedores compareceram à Arena Castelão, entre pagantes e não pagantes.

Na quarta-feira (29), o Ceará volta a campó na decisão da Copa do Nordeste, diante do Bahia.

Morre Tia Tonha, a querida sogra

212 4

foto tia tonha

Aqui estamos para comunicar a passagem de Tia Tonha, nossa sogra querida e mãe do coração de minha Socorro França. Acabou o sofrimento de mais de um mês em UTI. Deus olhou para ela e a chamou, talvez querendo mais gente estagiando para anjo.

Tia Tonha era um anjo que me deu de presente a mulher com quem divido a vida, sob afagos dos nossos Vinicius e Vitor. Ela vai certa da missão cumprida.

Boa esposa, boa avó, boa bisavó e, acima de tudo, boa mãe para seus sete filhos do ventre e para sua filha por opção: minha Massô.

Sem duvida, essa senhora forte deixará muitas saudades. Principalmente quando, brincando, sempre dizia: “Pode ter moça mais rica onde moro, mas, mais bela… não”!

Adeus Tia Tonha, aquela dos cabelos brancos feitos bruma…

ATUALIZAÇÃO – O velório ocorre a partir das 7 horas desta segunda-feira (27). A missa de corpo presente será às 15h30min e o sepultamento às 17 horas, no Parque da Paz.

Comissão da Verdade da UnB recomenda apuração e punição de agentes da ditadura

A Comissão Anísio Teixeira de Memória e Verdade da Universidade de Brasília (UnB) recomendou que as informações e subsídios coletados pelo grupo sejam encaminhados ao Ministério Público Federal para que seja feita a apuração e, sendo o caso, a responsabilização criminal e civil dos agentes e responsáveis pelas violações de direitos humanos, cometidas durante a ditadura militar no Brasil.

Na última semana, a comissão apresentou seu relatório de atividades, que ficará disponível na internet para receber sugestões até o dia 22 de maio. O grupo foi criado em agosto de 2012 e investigou violações de direitos humanos e liberdades individuais ocorridas entre 1º de abril de 1964 e 5 de outubro de 1988, especificamente aquelas contra alunos, técnicos e professores, que aconteceram dentro e fora do campus da UnB.

O relatório preliminar tem 331 páginas e 16 recomendações. Nele, os membros também pedem a revisão da interpretação da Lei de Anistia (Lei nº 6.683, de 28 de agosto de 1979), para assegurar a responsabilização dos agentes do Estado responsáveis pelas violações; e a localização e abertura dos acervos de órgãos de segurança e informações ainda não depositados no Arquivo Nacional, entre os quais os da Superintendência Regional do Departamento de Polícia Federal no Distrito Federal, dos centros de informação das Forças Armadas e os da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal (incluindo arquivos das polícias Civil e Militar).

(Agência Brasil)

O futuro pertence às máquinas

Da Coluna Menu Político, no O POVO deste domingo (26), pelo jornalista Plínio Bortolotti:

Eu não sou um sujeito assombrado com previsões apocalípticas, porém, confesso que me perturbou a entrevista da revista Época, com o filósofo Sueco Nick Bostrom, sobre o perigo representado pelas “máquinas superinteligentes” para o futuro humano. Bostrom dirige o Centro para o Futuro da Humanidade, na Universidade de Oxford (Reino Unido), dedicado a estudar os riscos à extinção da vida humana: “do choque de um asteroide com a Terra à eclosão de um conflito nuclear generalizado”, conforme descreve a revista.

No livro, Superintelligence: paths, dangers and strategies (“Superinteligência: caminhos, perigos e estratégias”, em tradução livre) o filósofo aborda um problema que se costuma ver com mais assiduidade em literatura e filmes de ficção científica: o surgimento de máquinas superinteligentes, capazes de aprender e evoluir sozinhas. Para ele, esse será o principal risco que a humanidade enfrentará no próximo século, pois prevê que, até o fim deste, esses equipamentos terão sido criados.

Porém, ao contrário do que reza boa parte dos filmes de ficção científica, as máquinas não odiarão os seres humanos. Elas apenas cumprirão o objetivo para o qual foram criadas – – ainda que isso custe vidas – independentemente de juízos de valor. Por isso, Bostrom defende que, antes de se criar a máquina superinteligente dever-se-ia inventar uma forma de controlá-las, porém, segundo ele, há mais cientistas e mais dinheiros investidos na pesquisa da inteligência artificial.

Tudo bem, pensei eu, mas o sujeito é um filósofo, pode estar viajando em especulações sem base na materialidade. Assim resolvi fazer uma busca na internet e encontrei:

“Eu estou no lado daqueles que estão preocupados com a super inteligência. Inicialmente as máquinas farão muitas tarefas por nós e não serão superinteligentes. Isso poderá ser positivo, se conseguirmos gerir isso bem. Algumas décadas mais tarde a inteligência poderá ser forte o suficiente para se tornar um problema. Eu concordo com Elon Musk e alguns outros no que diz respeito a isto, e não percebo porque é que algumas pessoas não estão preocupadas”. Resposta de Bill Gates, o fundador da Microsoft, em sessão no fórum de perguntas Reddit. (Observem, ele põe a mesma questão que Bostrom, o controle das máquinas, e estranha haver pouca preocupação com o assunto.)

“(Essas máquinas) avançariam por conta própria e se reprojetariam em ritmo sempre crescente. Os humanos, limitados pela evolução biológica lenta, não conseguiriam competir e seriam desbancados. O desenvolvimento da inteligência artificial total poderia significar o fim da raça humana.” Stephen Hawking, físico britânico, acometido esclerose lateral amiotrófica, usa um sistema com algum tipo de inteligência artificial para se comunicar.

Portanto, amigos, o prognóstico não é de um zé doidinho qualquer, tipo “previsão maia do fim do mundo”. Quem faz o alerta são pessoas com muita bagagem científica – e filosófica, por que não? Afinal qual a fronteira moral, ética ou segura é permitido à ciência alcançar? (Infelizmente, como quase tudo na história humana, alguém vai se lembrar de fechar a porta somente após o ladrão ter entrado.)

Guimarães quer saber “quem é governo e quem não é”

71 3

foto guimarães pt-ce

Ao afirmar que o PT e os aliados no Congresso Nacional buscam consolidar o governo Dilma Rousseff, o líder do governo na Câmara dos Deputados, José Guimarães (PT-CE), quer saber “quem é governo e quem não é”. Segundo o deputado cearense, a presidente sinalizou um diálogo com o Congresso, ao nomear o vice-presidente Michel Temer (PMDB) para a articulação política. “Temos que botar todo mundo na mesa e decidir: quem é governo e quem não é. E fim de papo”, comentou Guimarães.

Para o parlamentar, o governo estaria retomando a confiança dos brasileiros, na economia e no combate à corrupção. “O balanço da Petrobras foi feito com transparência, o dólar despenca abaixo dos R$ 3,00. A economia começa a dar sinais da recuperação na geração de empregos. O pior já passou”, assegurou.

(com informações do site Ceará 247)

Papa reza por vítimas do terremoto no Nepal durante a oração do Angelus

O papa Francisco rezou neste domingo (26) uma Ave-Maria com os fiéis reunidos na Praça de São Pedro, no Vaticano, pelas vítimas do terremoto no Nepal, às quais dirigiu uma mensagem de alento na tradicional oração dominical do Angelus.

“Desejo confirmar a minha proximidade com as populações atingidas pelo forte terremoto no Nepal e que atingiu também os países vizinhos”, disse o papa. “Rezo pelas vítimas, pelos feridos e por todos os que sofrem devido a esta calamidade. Que tenham o apoio da solidariedade fraterna”, acrescentou.

De acordo com autoridades, o terremoto ocorrido nesse sábado (25) causou mais de 2,2 mil mortes no Nepal, na Índia e na China. Um novo tremor, sentido neste domingo na região, atingiu a magnitude 6,7 na escala Richter. A réplica atingiu uma zona situada no noroeste de Katmandu, capital do Nepal, não muito longe da fronteira com a China. O abalo foi sentido na região do Monte Everest, no Himalaia, onde provocou novas avalanches, segundo montanhistas que estão no local.

(Agência Brasil)