Blog do Eliomar

Últimos posts

Vereador Ronivaldo Maia é o novo líder da oposição ao prefeito

foto ronivaldo maia vereador

O vereador Ronivaldo Maia (PT) é o novo líder da oposição à gestão do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (Pros). Foi escolhido nesta segunda-feira prometendo, nos próximos dois anos, liderar uma oposição qualificada com acolhimento de denúncias da população.

“Cobraremos todas as promessas feitas pelo Prefeito enquanto oposição. Não faremos oposição por fazer, queremos o bem de Fortaleza e essa péssima gestão do Roberto Cláudio deverá cumprir promessa por promessa feita na campanha”, avisou em discurso o vereador petista.

Justiça condena construtora e corretora por não entregarem imóvel no prazo acertado com cliente

“A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) manteve a sentença que condena as empresas Patri Um Empreendimentos Imobiliários e Lopes Fortaleza Consultoria de Imóveis ao pagamento de R$ 5 mil de indenização moral a professor que comprou imóvel mas não recebeu no prazo. Além disso, terão de ressarcir integralmente os valores pagos e rescindir o contrato.

Consta nos autos que, em 14 de fevereiro de 2011, o professor assinou contrato de compra e venda para aquisição de imóvel no bairro Cambeba, em Fortaleza. No ato da assinatura, pagou R$ 20.090,00, sendo R$ 12.054 para a Patri e R$ 8.000,36 para a Lopes. O restante do valor seria financiado, mas a documentação para a transação não foi entregue pelas empresas, o que inviabilizou o financiamento. O prazo de 30 dias para a entrega do imóvel também não foi cumprido.

Mesmo após várias tentativas de solucionar o problema, o cliente não recebeu nenhuma explicação das empresas. Além disso, precisou alugar apartamento no valor mensal de R$ 392,60 para morar. Indignado, em 26 de julho de 2011, ingressou com ação pleiteando indenização por danos morais e materiais. Em tutela antecipada, requereu rescisão do contrato e ressarcimento integral do valor pago às empresas.

Ao analisar o pedido, o juiz Fernando Luiz Pinheiro Barros, da 7ª Vara Cível de Fortaleza, entendeu que, ao desistir do contrato, o comprador só tem direito a receber parte do valor pago. Na contestação, a Patri Um Empreendimentos Imobiliários alegou que o professor não cumpriu com as obrigações contratuais, pagando apenas a primeira prestação do imóvel e, por isso, não recebeu o apartamento. Já a Lopes sustentou que foi equivocadamente inserida no polo passivo da ação, pois não tem qualquer responsabilidade sobre a entrega ou financiamento do imóvel. A imobiliária sustentou ainda que forneceu todas as informações relativas à aquisição do imóvel, inclusive sobre os documentos necessários e os já disponíveis.

Ao julgar o processo, o magistrado determinou a rescisão do contrato e condenou as empresas à devolução integral das quantias pagas, na proporção recebida por cada uma. Também deverão ressarcir os R$ 392,60 referentes a um mês de aluguel e pagar R$ 5 mil de reparação moral. Com o objetivo de reformar a sentença, a Lopes interpôs apelação no TJCE (nº 0493698-67.2011.8.06.0001). Defendeu que os pedidos feitos pelo professor são de responsabilidade da construtora e, portanto, não há conduta ilícita que enseje reparação moral ou material. Já a Patri apresentou contrarrazões ao recurso da Lopes afirmando que é necessária a continuidade da Lopes no polo passivo da ação.

Ao julgar o caso, na quarta-feira (28/01), a 5ª Câmara Cível manteve a sentença de 1º Grau, seguindo o voto do relator, desembargador Francisco Barbosa Filho. “Por imposição legal, é dever do corretor apresentar ao consumidor todas as informações referentes ao bem em negociação”, o que não aconteceu.”

(Site do TJCE)

Câmara e Senado anunciam pautas prioritárias

carreira-do-deputado-eduardo-cunha-e-marcada-por-escandalos

“Logo após a reabertura dos trabalhos legislativos, o novo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), anunciou votações para esta terça-feira (3). Cunha convocará sessão extraordinária para votar a Medida Provisória 658, o Projeto de Lei da Biodiversidade e as propostas de emenda à Constituição (PECs) do Comércio Eletrônico e do Orçamento Impositivo. As duas PECs já foram aprovadas em primeiro turno e dependem dessa última votação. Se aprovadas, a PEC do Comércio Eletrônico volta para o Senado e a do Orçamento Impositivo será promulgada.

Segundo Cunha, amanhã haverá uma reunião de líderes para decidir as próximas matérias a serem analisadas. “Nós tínhamos que começar a ter uma pauta para amanhã, então eu optei por continuar a pauta que existia no fim do ano passado”, explicou o presidente. Segundo ele, obrigatoriamente a primeira sessão na retomada dos trabalhos é não deliberativa e, por isso, a decisão de convocar uma extraordinária que possibilite as votações, que devem acontecer até quinta-feira (5).

Apesar da agilidade para retomar as atividades no plenário, Cunha disse que as escolhas de presidentes das comissões devem ficar só para depois do carnaval. “Não tem razão nenhuma decidir comissão na véspera do carnaval. Então vamos deixar para depois do carnaval e já começar a trabalhar”, declarou.

A disposição do presidente da Câmara em produzir resultados também foi expressa pelo presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), e pelo ministro da Casa Civil, Aloísio Mercadante, que representou o Poder Executivo na cerimônia de abertura do ano legislativo. Os dois deixaram claro que as prioridades este ano serão as matérias econômicas, de ajuste fiscal e a reforma política.

Sobre a reforma política, Renan Calheiros deixou claro que pretende trabalhar para que sejam aprovados os projetos que tramitam no Congresso há 12 anos e depois submetidos a consulta popular por meio de referendo, e não um plebiscito que preceda a aprovação dos projetos, como quer o governo. “Pagaremos um alto preço se não formos capazes de enfrentar esse desafio. Por sua complexidade, por se tratar de uma prerrogativa do Legislativo, é recomendável que o Congresso Nacional trace as linhas mestras da reforma e as submeta a um referendo popular”, disse.”

(Agência Brasil)

Socorro França é a nova coordenadora-geral de Disciplina

147 2

socorrofranca

A ex-procuradora-geral de Justiça, Socorro França, ocupará a  função de controladora-geral de Disciplina (CGD). O anúncio foi feito nesta terça-feira pelo Palácio da Abolição.

Socorro estava como assessora para Assuntos de Política sobre Drogas na gestão do ex-governador Cid Gomes.

Tema experiência de quem já assumiu também a coordenação do Decon, a Ouvidoria do Estado e o Conselho Estadual de Direitos Humanos.

Boa sorte!

Camilo peregrinará ministérios em Brasília. Refinaria pode entrar na agenda

48 1

cidcamilo

Na agenda do governador, reunião com Cid Gomes.

O governador Camilo Santana (PT) vai peregrinar ministérios nesta terça-feira, em Basílai. Segundo a assessoria de imprensa do Palácio da Abolição, eis a agenda de Camilo que, nos contatos, tratará de acelerar uma série de projetos:

10 horas – Reunião com o ministro da Educação, Cid Gomes
Local: Ministério da Educação (MEC)

15 horas – Reunião com o ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi
Local: Ministério da Integração Nacional

17 horas – Reunião com o ministro da Saúde, Arthur Chioro
Local: Ministério da Saúde.

DETALHE – Há expectativa de que Camilo tenha audiência com a presidente Dilma sobre o caso do cancelamento da refinaria de petróleo. O contato pode ocorrer com a presença também do ex-governador Cid Gomes.

Luizianne Lins rebate críticas do prefeito e diz que ele derruba árvores e gere sem planejamento

231 1

luizianne 121215

“A ex-prefeita de Fortaleza e deputada federal, Luizianne Lins (PT), elencou ações da gestão do atual prefeito, Roberto Cláudio (Pros), para rebater a acusação dele de que a petista “é boa de papo e ruim de serviço”. No domingo, 1°, durante a posse dos deputados estaduais, Roberto Cláudio disse que Luizianne “perdeu oito anos fazendo inimigos, brigando com todo mundo, falando besteira…”.

As críticas do prefeito foram feitas após ser perguntado se a eleição do governador Camilo Santana (PT) – que contou com seu apoio e de seu padrinho político, o ministro da Educação Cid Gomes (Pros) – poderia abrir um canal de diálogo com o PT para a sua reeleição.

Em contrapartida, Luizianne questionou as ações de Roberto Cláudio em publicação em seu perfil no Facebook. “Não sei a que tipo de prática o prefeito de Fortaleza se refere quando me acusa de ser ‘boa de papo e ruim de serviço’. Pelo que tem mostrado à frente da prefeitura, Roberto Claudio deve compreender que ser “bom de serviço” significa cortar árvores e destruir o meio ambiente, sucatear a rede municipal de saúde, abandonar os espaços públicos à própria sorte, forjar licitações na calada da noite, acabar com creches em tempo integral e administrar a Cidade sem o mínimo de planejamento”.

A ex-prefeita também faz referência ao aumento do IPTU, que diz ser “exorbitante”, e da passagem de ônibus. Luizianne defende sua gestão, dizendo que congelou o preço da passagem até o final de seu governo, mantendo a tarifa como a menor entre as capitais brasileiras.

No final de 2012 para 2013, na troca de gestões, a tarifa de ônibus se tornou uma das primeiras polêmicas da atual Prefeitura. Antes de deixar o cargo, em 21 de dezembro, Luizianne assinou decreto no qual reajustava a passagem de R$ 2,00 para R$ 2,20, alegando determinação judicial. Atualmente, a passagem custa R$ 2,40.

Atual gestão
Ao defender sua gestão, Roberto Cláudio ainda disse, ontem, que, nos seus primeiros dois anos de governo, “foi entregue, realizado mais, em muitas áreas, do que nos oito anos que me antecederam”.

Em contrapartida, Luizianne afirmou que além de “realizar inúmeras intervenções”, também deixou “outras tantas engatilhadas, com recursos garantidos e licitações feitas”. Ela ainda acusa o atual prefeito de “não ter conseguido tirar do papel” tais projetos.

Em referência à matéria do O POVO, que mostrou que Roberto Cláudio, na metade do mandato, cumpriu 26% das promessas consideradas prioritárias, Luizianne diz que a informação é “objetiva que, certamente, ajuda a entender quem é, afinal, é ‘bom de papo e ruim de serviço’”.

DETALHE – O POVO Online aguarda manifestação da Prefeitura de Fortaleza sobre as acusações da deputada federal Luizianne Lins.”

(O POVO Online)

Dilma pede apoio ao Congresso para manter política de valorização do salário mínimo

“Em mensagem enviada ao Congresso Nacional na abertura do ano legislativo, a presidenta Dilma Rousseff pediu o apoio dos parlamentares para aprovação da proposta que dá continuidade à política de valorização do salário mínimo. Segundo ela, o salário mínimo é um instrumento fundamental no processo de redução das desigualdades no Brasil.

“A redução das desigualdades, a eliminação da pobreza e a ampliação dos direitos sociais são marcas fundamentais do meu governo, às quais jamais poderemos renunciar. Ajustes fazem parte do dia a dia da política econômica, bem como do cotidiano de empresas e pessoas, ajustes nunca são o fim em si mesmos, são medidas necessárias para atingir um objetivo de médio prazo, que em nosso caso permanece o mesmo: crescimento econômico com inclusão social. Não promoveremos recessão nem retrocesso”, disse a presidenta, na mensagem.

O texto enviado pela presidenta aos parlamentares foi entregue hoje (2) pelo ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, e lido pelo primeiro-secretário da Mesa do Congresso Nacional, deputado Beto Mansur (PRB-SP). A leitura do texto durou mais de uma hora, e a mensagem fez um longo balanço de todas as ações do governo em áreas como economia, educação, saúde, segurança, infraestrutura e política internacional.”

(Agência Brasil)

 

Secitece inicia nova gestão com R$ 5 milhões de aditivo para o Cinturão Digital

influentes tales e inácio

O novo titular da Secitece e Thales Cavalcante, controlador da Rede FB.

Inácio Arruda teve motivo de sobras para contar com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, Aldo Rebelo, na solenidade em que recebe a Secitece, nesta tarde de segunda-feira, das mãos do professor René Barreira. Ele conseguiu de Aldo a prorrogação da vigência do contrato de implantação do Cinturão Digital para 30 de junho de 2016.  

O convênio, assinado entre MCTI e Governo do Estado/Secretaria de Planejamento, deveria se encerrar em 28 de janeiro deste ano. O aditivo, de acordo com o secretário Inácio Arruda, garante investimentos de mais de R$ 5 milhões para a ampliação da rede sem fio para vários municípios cearenses.

João Jaime quer a volta da Comissão da Seca

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=wtuFrRlf7tA[/youtube]

Membro da nova mesa diretora da Assembleia Legislativa, João Jaime (DEM) quer a reativação da Comissão Especial da Seca.

O objetivo, segundo o parlamentar, seria participar das discussões sobre projetos e acompanhar a efetivação do que for proposto pela administração na chamada convivência com a estiagem.

Governo registra adesão de 500 mil novas micro e pequenas empresas ao Simples 2015

“O ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Guilherme Afif Domingos informou hoje (2) que aproximadamente 500 mil novas micro e pequenas empresas solicitaram adesão ao Simples para o exercício de 2015. O número representa um aumento de 125% em relação às adesões para o exercício de 2014.

Conforme o ministro, o prazo se encerrou no dia 30 de janeiro. O Simples é um regime tributário compartilhado – União, estados e municípios – de arrecadação, cobrança e fiscalização de tributos. Por meio dele, as empresas passam a ter apenas um boleto para a cobrança de oito impostos.

“O aumento foi fruto da universalização do Simples, a abertura para as outras categorias. Estimávamos 420 mil novas empresas aderindo e tivemos 502 mil. Portanto, as empresas correm atrás da simplificação”, disse Afif Domingos

A abertura e adesão de novas categorias a que se referiu Afif Domingos foi possibilitada pela sanção da Lei 147/14, que permitiu a inclusão de 142 novas atividades econômicas no modelo e tributação simplificado.”

(Agência Brasil)

MPCE ajuiza ação pra garantir funcionamento do Conselho Tutelar IV

criançaçaç

“O Ministério Público do Estado do Ceará, através da 6ª Promotoria de Justiça da Infância e Adolescência, ajuizou uma Ação Civil Pública contra o Município de Fortaleza solicitando o imediato reaparelhamento do Conselho Tutelar IV. O pedido é para que sejam garantidas as condições necessárias para o atendimento das demandas. A ação foi assinada no dia 28 de janeiro pelo promotor de Justiça Luciano Tonet.

O Conselho Tutelar IV abrange 19 bairros, com uma população estimada em 305 mil habitantes. De acordo com os laudos de visitas das inspeções realizadas pela equipe técnica da 6ª Promotoria, as instalações estão em condições precárias.

A ação, com pedido de liminar, solicita à Justiça que o Município, por meio do prefeito Roberto Cláudio, destine um espaço para o funcionamento do Conselho no prazo máximo de 30 dias, mesmo que seja em caráter provisório. O espaço deverá ter uma secretaria, uma sala reservada para atendimento das crianças e adolescentes, uma sala de reuniões, uma sala para cada um dos conselheiros e dois banheiros. Além disso, a localização deve favorecer o acesso ao público.

O MPCE requer também que a Prefeitura de Fortaleza coloque à disposição do conselho uma secretária e seja responsável pelo fornecimento de mobiliário, material de escritório e linha de Internet na nova dependência. Em caso de descumprimento, o MPCE sugere que seja cobrada multa diária no valor de R$ 10 mil.”

(Site do MPCE)

Pedetista Evandro Leitão será o líder do governador Camilo Santana na Assembleia

77 1

evandroleitao

O pedetista Evandro Leitão vai ser o novo líder do Governo na Assembleia Legislativa. Ele foi convidado pelo governador Camilo Santana (POT) e aceitou o desafio.

Evandro viverá essa experiência pela primeira vez, enquanto Camilo segue estilo igual ao do antecessor, Cid Gomes, que optava por um líder não do seu partido, mas da base aliada.

Aliás, para quem preside um de clube de futebol – no caso o time do Ceará Sporting, ser líder de um Governo que já enfrenta muitos problemas, deverá ser uma emoção a mais.

BNB divulga regras para acesso a incentivos fiscais

No próximo dia 6, empresários cariocas de diversos setores produtivos poderão conferir as regras de acesso ao Reinvestimento, benefício fiscal destinado a empresas com atuação na Região Nordeste e Norte dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo. O encontro vai acontecer às 10 horas, no auditório da Associação de Bancos do Estado do Rio de Janeiro (Aberj).

Na ocasião, representantes do Banco do Nordeste (BNB) e da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) apresentarão o portfólio de incentivos fiscais disponíveis, enfatizando as características e condições de acesso ao Reinvestimento. A participação também é franqueada aos representantes do Conselho Regional de Contabilidade (CRC), da Federação das Indústrias, das Entidades representativas dos setores agroindustrial, de infraestrutura e do turismo, e demais interessados.

Instituído pelo Governo Federal, o Reinvestimento tem por objetivo dotar de recursos financeiros empresas localizadas na área de atuação da Sudene. Este produto, operacionalizado pelo BNB, permite que o valor equivalente ao percentual de 30% do imposto de renda devido, que incide sobre o lucro da exploração, acrescido de parcela de recursos próprios, correspondente a 50% desse valor, seja investido em seus projetos de modernização e/ou complementação de equipamentos.

SERVIÇO

* As informações gerais sobre o Incentivo Fiscal do Reinvestimento encontram-se disponibilizadas no site do nanco www.bancodonordeste.gov.br, na página “Empresas” – opção “Reinvestimento”.

* Para informações sobre o evento e confirmação de participação no Seminário, os interessados devem fazer contato pelos telefones (21) 3232-1359 e (21) 3232-1305.

Juiz da Lava Jato descarta “bisbilhotice” em interceptações telefônicas

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pela investigação da Operação Lava Jato, disse nesta segunda-feira (2) que não houve “bisbilhotice” nas interceptações telefônicas autorizadas por ele, que servem de provas contra executivos de empreiteiras.

Em resposta à ação penal aberta contra os executivos da Engevix, os advogados alegaram que os grampos feitos pela Polícia Federal são nulos por terem ultrapassado o período autorizado, além de não contarem com o respaldo da Justiça do Canadá. Segundo os advogados, o acesso ao sistema operacional dos celulares Blackberry, empresa canadense, poderia ocorrer somente por meio de um acordo de cooperação bilateral.

Em despacho, Moro rebateu as acusações das defesas. “O próprio resultado das interceptações, revelando, em cognição sumária, uma gama ampla de atividades criminais, que já resultaram em mais de uma dezena de ações penais, já é suficiente para afastar a alegação das defesas de que se promoveu bisbilhotice ou prospecção ou de que as medidas investigatórias foram excessivas”, disse o juiz.

(Agência Brasil)

Salmito diz que momento agora é saber onde a Câmara ficará no Centro

84 2

salmito camara abertura 150202

Agora é oficial. A Câmara Municipal de Fortaleza voltará a funcionar no Centro, a partir de 2016. A decisão dos vereadores foi anunciada pelo presidente do Legislativo de Fortaleza, Salmito Filho (PROS), nesta segunda-feira (2), durante a abertura dos trabalhos da Casa para este ano.

Segundo Salmito, o momento agora é decidir o local no Centro onde a Câmara deverá funcionar. Segundo o parlamentar, a estrutura deverá ser localizada no chamado Centro-Histórico, que compreende da avenida do Imperador à avenida Dom Manuel, à avenida Duque de Caxias à rua João Moreira.

O atual prédio, localizado no bairro Luciano Cavalcante, não possui estrutura para os gabinetes, além de um difícil deslocamento da população. Um projeto de ampliação da avenida Thompson Bulcão (avenida Patriolino Ribeiro), deverá tomar parte do estacionamento da Câmara.

De acordo com os vereadores, ao invés de gastar com a reforma da atual estrutura, o ideal será devolver o Poder Legislativo ao Centro, que deixou o local por uma decisão do regime militar.

(Foto – André Lima / Divulgação)

Com mais de 1,5 milhão de candidatos, ProUni tem recorde de inscritos

A primeira edição de 2015 do Programa Universidade para Todos (ProUni) registrou 1.523.878 inscritos, de acordo com balanço final divulgado pelo Minstério da Educação (MEC). O número é recorde e representa um aumento de 21% em relação aos inscritos (1.259.2854) no primeiro semestre de 2014.

Os cursos com maior número de inscrições foram administração, com 303.845 candidatos, direito, 252.391, pedagogia, 161.938, e engenharia civil, 140.305.

O programa registrou ainda 720.171 inscritos que se declararam pardos (47,3% do total). Os brancos representam 36,2%, amarelos, 2,4% e indígenas, 0,1%.

As mulheres foram maioria (889.398 candidatas), representando 58% do total. O programa também atraiu muitos jovens. Dos inscritos, 837.743 (55%) têm entre 18 e 24 anos. Outros 196.848 (12,9%), de 25 a 29 anos.

O resultado da primeira chamada foi divulgado nesta segunda-feira (2) e pode ser consultado no site do ProUni. Até o próximo dia 9, o candidato selecionado deve comparecer à respectiva instituição de ensino para comprovação das informações prestadas no momento da inscrição e fazer a matrícula.

(Agência Brasil)

Refinaria cancelada – Roberto Pessoa define caso como calote de Dilma e de Cid Gomes

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=pEt-yR4e7pw[/youtube]

O presidente de honra do Partido da República, Roberto Pessoa, não se conforma como o desfecho da novela em torno do projeto da refinaria premium  do Ceará. O projeto, uma promessa de mais de 60 anos, acabou cancelado pela Petrobras.

Roberto Pessoa avalia que esse caso pode ser definido como um calote duplo no povo cearense, patrocinado pela presidente Dilma Rousseff e pelo ex-governador Cid Gomes.

Petrobras – Uma fratura exposta de um corpo em coma

90 7

Com o título “De corrupção, promessas e vassalagem”, eis título do artigo do publicitário e poeta Ricardo Alcântara. Ele aborda o que seria o estilo do Lulismo e seus efeitos para Estados como o Ceará, hoje com refinaria cancelada. Confira:

O problema mais objetivo de um esquema de poder sustentado em um concerto político justificado apenas pelas vantagens da corrupção é este: uma vez aceita a ilicitude como base de sua permanência, o poder, que se nutre de sua capacidade de regular continuamente os limites de sua potência em cada circunstância, já não pode estabelecer limites a nenhum outro agente do processo de decisão pública.

A certa altura, já não dá mais para dizer: ‘aqui sim’, ‘isso não’. Fica, de fato, refém aquele que, obrigado a zelar pela norma, aceitou rompê-la. Resta somente o direito de ficar calado ao poder que já não pode nada porque, para que muito pudesse, pagou com a moeda podre da corrupção, julgando comprar potência quando, na verdade, pagava por sua própria servidão. Eis aí o Lulismo em um breve 3×4.

A Petrobras é só a fratura exposta de um corpo em coma. No último trimestre, o faturamento caiu 38% em relação ao período anterior. Em três dias, o valor de suas ações caiu 20%. Apresentou um balanço tenebroso e já anuncia cortes na produção. Contudo, continua (assim quer a presidente) sob a direção de quem já não recebe retorno de suas ligações de mais ninguém. Enfim, zumbis gerindo escombros.

Dilma não demite a ‘melhor amiga’ Graça Foster porque traria o líquido viscoso do escândalo para a rampa de seu palácio. O que falta para incriminar a presidente? Uma prova. Nada que um calhamaço de indícios não possa substituir, se a medicação amarga do ajuste fiscal tardio provocar na sociedade as náuseas que os apertos de cinto costumam causar. No Alvorada, foram-se as boas noites de sono.

O anúncio de cancelamento da instalação de uma refinaria, solenemente prometida nos palanques eleitorais para um estado que deu à presidente 80% de votos, é apenas mais um ato vil neste circo de horrores. É a segunda notícia que a presidente dá ao Ceará. A primeira foi a nomeação do ex-governador Cid Gomes para a pasta da Educação, de onde ainda não pronunciou uma única palavra sobre o assunto.

De onde se conclui: o estado vai mal, mas seus caciques passam bem, obrigado. O prefeito de Sobral, Clodoveu Arruda, sugeriu, durante reunião recente de prefeitos, a assinatura de uma ‘moção de protesto’ contra o cancelamento da refinaria. Há certo tipo de protesto, como o sugerido pelo alcaide, que, de tão ornamentais, mais reforçam do que enfraquecem as decisões que simulam a pretensão de anular.

É grande, o aperreio dos petistas cearenses: sua presidente nos prometeu a refinaria e nosso povo garantiu sua reeleição. Como irão agora justificar a vassalagem que com toda certeza continuarão prestando a Brasília? Cancelada a refinaria, vai começar o jogo do faz de conta. Seremos, uma vez mais, ludibriados: agora, com os artifícios cênicos de uma indignação tão genuína quanto uma nota de dois reais.

Aprendamos, pois: não apenas somos pobres, como seremos tratados como tal enquanto permitirmos que, por nossa pobreza, sejamos reféns das gorjetas assistencialistas de governos que atendem ao comando dos agentes econômicos mais poderosos. Se assim for, assim será: o estado estará mal, mas seus caciques estarão bem, obrigado.

* Ricardo Alcântara,

Publicitário e poeta.

Fecomércio: Nicolle Barbosa na SDE garantirá diálogo entre setor produtivo e o Governo

gatao 

A diretoria da Federação do Comércio do Ceará acaba de divulgar nota elogiando a escolha da ex-presidente do Centro Industrial do Ceará,  Nicolle Barbosa, para titular da futura Secretária do Desenvolvimento Econômico, a ser criada no pacote administrativo que o governador Camilo Santana enviará para a Assembleia.

“Nicolle Barbosa tem amplias condições de abrir diálogo Governo e setor produtivo”, diz a entidade presidida por Luiz Gastão, que nunca sentou à mesa da Era Cidista, em razão de divergências político-partidárias.

Gastão já chegou a ser candidato a prefeito de Fortaleza pelo PPS em 2008, mas acabou renunciando. Também chegou a ser filiado ao DEM.