Blog do Eliomar

Últimos posts

Messi e Rapinoe são os melhores do mundo da Fifa

77 1

Nesta segunda-feira (23) o Teatro alla Scala, em Milão, na Itália, recebeu os principais nomes do futebol mundial para a cerimônia de entrega do Fifa The Best, prêmio de melhor jogador do mundo. O argentino Lionel Messi ficou com o título masculino e a norte-americana Megan Rapinoe com o feminino. O Brasil também teve presença marcante no evento, com o goleiro Alisson e os torcedores Silvia e Nikollas Grecco.

Melhor do mundo
Com a premiação de hoje, Messi conquistou seu sexto troféu e é o maior campeão da premiação. Ele se tornou finalista após alcançar números incríveis. Foi peça fundamental na conquista do Campeonato Espanhol pelo Barcelona, com 36 gols, o que fez dele artilheiro da competição e o Chuteira de Ouro entre os campeonatos nacionais da Europa. Também foi o jogador com mais gols na última Liga dos Campeões, com 12 tentos marcados.

Ele concorria ao prêmio com o zagueiro holandês Van Dijk, do Liverpool, e o atacante português Cristiano Ronaldo, da Juventus.

Se o Brasil não ganhou o prêmio individual, garantiu presença no time do ano com o goleiro Alisson e o lateral-esquerdo Marcelo.

Melhor jogadora
Entre as mulheres o prêmio ficou com a norte-americana Megan Rapinoe, que brilhou muito na última edição da Copa do Mundo de Futebol Feminino. Na competição disputada na França ela foi escolhida como melhor jogadora, além de garantir a artilharia.

Rapinoe concorreu ao prêmio com sua compatriota Alex Morgan e a lateral inglesa Lucy Bronze.

A presença brasileira no time do ano da Fifa foi garantida com a atacante Marta, camisa 10 da seleção e estrela do Orlando Pride (EUA).

Brasileiros premiados
O Brasil ainda marcou presença em duas premiações, a de melhor goleiro do mundo e de torcedor do ano.

Após uma temporada excelente pelo Liverpool e pela seleção brasileira, Alisson foi escolhido como melhor goleiro. Ele superou na disputa outro brasileiro, Ederson, do Manchester City, e o alemão Ter Stegen, do Barcelona.

Ao receber o prêmio das mãos da atacante Marta, Alisson mandou um recado para as crianças que sonham em ser um jogador profissional: “Aqui eu represento todo jovem brasileiro que sonha em ser jogador de futebol. Então só tenho a dizer, não desista dos seus sonhos, lute sempre, porque eu saí do nada”.

Além disso, o Brasil foi muito bem representado na cerimônia pelos torcedores palmeirenses Silvia Grecco e seu filho Nikollas, de 12 anos. Eles receberam o prêmio de torcedores do ano por conta de sua história com o futebol. Silvia vai com o filho aos estádios e narra as partidas para ele.

No agradecimento, Silvia fez um discurso emocionante no qual falou de como o esporte pode ser um veículo de inclusão: “Agradeço à Fifa por essa indicação e por poder falar para o mundo do futebol que a pessoa com deficiência existe, que ela precisa ser amada, respeitada e incluída. Obrigado Deus por me permitir ser ponte, e representar não só meu filho, mas todos do mundo que têm alguma deficiência e precisam de oportunidade”.

Técnico
A disputa entre os melhores treinadores do mundo reuniu três dos principais técnicos do Campeonato Inglês, o espanhol Pep Guardiola, do Manchester City, o alemão Jürgen Klopp, do Liverpool, e o argentino Mauricio Pochettino, do Tottenham.

O prêmio foi para o alemão Jürgen Klopp, que levou o Liverpool à conquista da última edição da Liga dos Campeões e que conduziu a equipe em uma bela campanha no Campeonato Inglês.

Já o melhor técnico de equipe de futebol feminino foi Jill Ellis, que comandou a seleção dos Estados Unidos na conquista da última Copa do Mundo.

Melhor goleira
O prêmio de melhor goleira ficou com a holandesa Sari van Veenendaal, de 29 anos, do Atlético de Madrid, que foi um dos destaques da última Copa do Mundo de Futebol Feminino.

Prêmio Puskas
O Prêmio Puskas, de gol mais bonito do ano, foi para uma zebra, o húngaro Daniel Szóri, do Debreceni. Graças a um golaço de bicicleta, ele superou na disputa o argentino Lionel Messi e o colombiano Juan Quintero, do River Plate.

Fair Play
Já o prêmio de Fair Play, que celebra o espírito esportivo, foi concedido ao técnico argentino Marcelo Bielsa e ao time do Leeds.

(Agência Brasil)

Retorno de regalias em presídios é zero, diz Camilo

O governador Camilo Santana disse na tarde desta segunda-feira (23), no Palácio da Abolição, que o não há possibilidade do Estado ceder às pressões de criminosos para regalias em presídios do Ceará.

“A possibilidade do retorno às regalias nos presídios é zero”, disse Camilo, por meio das redes sociais, após se reunir com a cúpula da segurança pública.

“Não recuaremos em absolutamente nada nas medidas que foram tomadas até aqui. Muito pelo contrário, seremos cada vez mais rigorosos com quem desrespeitar a lei”, ressaltou o governador, diante da apreensão de celulares em presídios, transferência de líderes de facções criminosas e punições contra atos de indisciplina.

“Minha determinação aos comandos é endurecer ainda mais contra o crime, agindo com firmeza e dentro da lei. Reforçaremos as equipes nas ruas e intensificaremos ainda mais as operações”, informou.

(Foto: Facebook)

Deputado quer crédito diferenciado para microempreendedores

O deputado federal Júnior Mano (PL) deu entrada, junto à Câmara, num projeto de lei que pede alteração de dispositivos da Lei nº. 7.827, para estabelecer condições diferenciadas em matéria de concessão de empréstimos e financiamentos a micro e pequenos empreendimentos. O parlamentar avalai que, se aprovado e sancionado pelo presidente, o projeto beneficiará microempreendedores individuais, microempresas, empreendedores em geral, pessoas físicas e jurídicas, com empréstimos e financiamentos dos Fundos Constitucionais de Financiamento.

O projeto, na prática, trata de uma flexibilização e facilitação do acesso aos recursos disponibilizados pelos fundos constitucionais, por meio de mudanças nos critérios relacionados a garantias dos empréstimos contratados por pessoas jurídicas com menor qualificação ou condição financeira. Pelo texto da proposta, até 20% dos recursos de empréstimos e financiamentos dos fundos constitucionais deverão ser destinados a Microempredores Individuais e Micro Empresas, funcionando como instrumento de produção da inclusão social e do desenvolvimento sustentável, através de programas especiais de capacitação empreendedora e financiamento.

Júnior Mano  avalia que a criação dessa linha de financiamento específica propiciará uma redução expressiva do índice de pobreza, especialmente nas regiões cobertas pelos fundos constitucionais de financiamento. Segundo o parlamentar, a consequência é a melhoria do índice de desenvolvimento humano (IDH).

Fortaleza terá leilão nesta terça-feira com mais de 45 imóveis

Um leilão extrajudicial presencial e eletrônico ocorrerá nesta terça-feira, a partir das 9 horas, no Espaço Venue Coworking e pelo site www.leiloesjudiciais.com.br/ce.

Serão leiloados mais de 45 imóveis localizados em Fortaleza, Brejo Santo, Caririaçu, Cascavel, Caucaia, Eusébio, Horizontes, Itaitinga, Juazeiro do Norte, Maracanaú, Pacajus, Penaforte, Pindoretama, Quixadá, Santa Quitéria, Sobral e Tianguá, informa o leiloeiro oficial Francisco Freitas.

SERVIÇO

*Espaço Venue Coworkingkin –  Rua Tibúrcio Cavalcante, 1958 – Aldeota.

*Interessados podem obter informações mais detalhadas e fotos pelo site www.leiloesjudiciais.com.br/ce ou pelo 0800-707-9272.

II Festival Letras & Músicas de Pacatuba terá entre as atrações o poeta Bráulio Bessa


II Festival Letras & Músicas de Pacatuba recebe o poeta Bráulio Bessa

O II Festival Letras & Músicas vai movimentar a cidade de Pacatuba (Região Metropolitana de Fortaleza) de quinta a sábado, com programação gratuita e diversa com objetivo de proporcionar o intercâmbio de linguagens do universo da literatura e da música no Ceará. Neste ano, o evento terá a participação do poeta Bráulio Bessa no encerramento as atividades na noite do dia 28.

A abertura ocorrerá a partir das 9 horas de quinta, no Teatro Maria Betiza Campos Pinto, com a oficina de Literatura de Cordel com o poeta Paulo de Tarso. Durante a programação, acontecerão outras oficinas, palestras, feira literária, conversa com escritores locais e regionais, apresentações artísticas, shows musicais, entre os quais, o show “Somos Todos Nós Assim”, com cantores e compositores cearenses Davi Duarte, Isaac Cândido e Pedro Frota. Na programação também haverá lançamentos de livros, exposição, gastronomia e feira de artesanato local.

Programação

Dia – 26/09/2019

08h30 às 11h

Oficina de Literatura de Cordel com Paulo de Tarso – Teatro Municipal

14 h – 16h

Master Class com Paulo Ferreira – Interpretação Musical e performance – Teatro Municipal

16h – Exposição no Coreto – Poetas Pacatubanos

Feira de Livros

Livros Livres

Espaço Gastronômico

Feira de Artesanato

Dia 27/09/2019

09 h às 11h – Oficina Literatura Africana e Afro Brasileira: Professora- Geranilde Costa e Silva (UNILAB)

14 h – 16h – Oficina de Literatura & Cinema com Nirton Venâncio – Teatro Municipal

16h – Exposição no Coreto – Poetas Pacatubanos

Feira de Livros

Livros Livres

Espaço Gastronômico

Feira de Artesanato.

18h – Baby class e apresentação artística do CCEC

18h30 – Lançamento de Livros com autores – Cinco inscrições da mortalidade.

19h- Divulgação do resultado do Concurso Literário Carlos Cavalcante

19:20 – Lançamento do livro Pretagogia, de Geranilde Costa e Silva (UNILAB)

19h45 – Show “Somos Todos Nós Assim”, com Isaac Cândido, Davi Duarte e Pedro Frota

21:00h – OtraFace – Guaramiranga

Dia 28/09/2019

14 h – 16h – Master Class com David Calandrini – Teatro Municipal

16h – Exposição no Coreto – Poetas Pacatubanos

Feira de Livros

Livros Livres

Espaço Gastronômico

Feira de Artesanato

17h30 – Duo: Paulo Ferreira e David Calandrine

18h15- Banda Municipal Valter da Costa Carmo

19h – Lançamento de Livro “Poesia Provisória”, com Nirton Venâncio

19h30 – Poeta e escritor Bráulio Bessa

21h – Banda Cancerianos Sem Lar

(Foto – Divulgação)

Justiça condena Azul por impedir embarque de filho de casal homoafetivo

Autenticação digital tem o mesmo valor da assinatura em documento físico. Com base nesse entendimento, a juíza Juliana Leal de Melo, da 38ª Vara Cível do Rio de Janeiro, condenou a Azul Linhas Aéreas a pagar indenização de R$ 5 mil por dano moral a um casal homoafetivo impedido de embarcar em um avião com seu filho adotivo. A informação é do site Consultor Jurídico.

O casal francês, que mora no Brasil há mais de 10 anos, estava em Trancoso, na Bahia, acompanhado de seu filho adotivo de dois anos e dos pais de um dos autores da ação. Na volta da viagem – que foi organizada para que os avós conhecessem o neto –, o casal foi impedido de embarcar por uma atendente da Azul.

A funcionária da empresa teria questionado onde estava a mãe do bebê ao receber a certidão de nascimento da criança. Conforme o relato do casal, a atendente da Azul tentou procurar um agente da Polícia Federal no aeroporto, mas como era sábado não havia ninguém de plantão no local. O casal ficou três horas no local esperando uma resolução para o imbróglio e acabou perdendo o voo e tendo que comprar passagens por outra companhia aérea.

Em sua defesa, a Azul alegou que os reclamantes apresentaram certidão de nascimento sem qualquer autenticação física que pudesse conferir a devida fé ao documento e que o selo de autenticação digital não supre a exigência de cópia autenticada física.

Em sua decisão, a magistrada lembrou que a autenticação digital tem o mesmo valor legal a analógica conforme a MP 2.200-2/01 e lembrou que, na esfera pública, diversas são as iniciativas que preveem a utilização de documentos digitais.

“Assim, resta configurada a falha na prestação do serviço da ré, diante do fato incontroverso consistente no impedimento do embarque, baseado tão-somente na ausência de documentação hábil, quando é certo que o menor estava suficientemente identificado, bem como acompanhado de seus responsáveis legais e de parentes vindos do exterior”, escreveu a juíza. Ela também determinou que fossem atendidos os pedidos de reparação morais e materiais por enxergar “nítida ofensa ao direito dos autores”.

(Foto – Arquivo)

CDL Jovem quer conhecer detalhes do case Hard Rock Café Fortaleza

A CDL Jovem receberá, em clima de almoço, nesta terça-feira, a partir das 12 horas, o diretor de Operações do Hard Rock Fortaleza, Rodrigo Ponte. O encontro ocorrerá no Hard Rocha Fortaleza, no Shopping RioMar Papicu.

Rodrigo Ponte falará sobre o case de sucesso Hard Rock Café e como se deu a chegada da marca em Fortaleza. Vai expor ainda sobre como está sendo tocada a área do entretenimento e a importância do restaurante para a economia da cidade.

Jovens também vão querer sabe se o Hard Rock Ceará contribui para atrair turistas de todas as partes do mundo.

(Foto – Divulgação)

Empresa de diagnósticos é condenada por demitir funcionária grávida

Uma empresa de diagnósticos localizada em Fortaleza deverá pagar indenização por danos materiais e morais a uma assistente de coleta demitida do quadro de funcionários enquanto estava grávida. A decisão é da 16ª Vara do Trabalho de Fortaleza, informa a assessoria de imprensa do Tribunal Regional do Trabalho – 7ª Região. Com base na sentença, o fato de a empresa ter recusado documento que comprovava que a gravidez da trabalhadora era de risco, somado a envio de telegrama ao endereço residencial da mulher com ameaça de desligamento por abandono de emprego, configurou grave violação. A decisão foi publicada em agosto deste ano e cabe recurso.

Na ação trabalhista, a mulher postulou a rescisão indireta de seu contrato de trabalho e usou como justificativa o fato de a Diagnósticos da América S/A ter se recusado a receber atestado médico por sua gravidez de risco. A trabalhadora alegou também que a empresa descontou do seu salário os dias não trabalhados, além de não ter repassado para o órgão previdenciário os descontos que foram realizados em seus contracheques a título de contribuição previdenciária, impedindo o gozo do benefício do auxílio-doença em razão do aborto sofrido posteriormente.

Em sua defesa, a Diagnósticos da América S/A afirmou que a trabalhadora apresentou diversos atestados médicos, mas que foram considerados inválidos por serem entregues fora do prazo, tal qual o documento que comprovava o aborto. Em continuidade, a instituição alegou que, apesar dos inúmeros comunicados solicitando o retorno ao trabalho, a mulher não se pronunciou, fato que configuraria abandono de emprego.

Ademais, a empresa negou que tenha deixado de repassar os valores descontados dos salários da trabalhadora, a título de contribuições previdenciárias, para o INSS, e disse que a funcionária não lhe procurou para informar que o benefício solicitado havia sido indeferido, razão pela qual, sequer teve “oportunidade de esclarecer com a autarquia o ocorrido”.

Rigor excessivo

Para a juíza do trabalho Aldenora Maria de Souza Siqueira, a recusa ao atestado médico por parte da Diagnósticos da América S/A violou o princípio da boa-fé objetiva e teve rigor excessivo, nos termos do artigo 483 da CLT, já que a mulher e seus familiares ficaram abalados psicologicamente pelo aborto sofrido, “sendo razoável exigir que o empregador aja de forma ponderada e mais humana possível no trato com a funcionária”.

Conforme sentença, não ficou comprovado por parte da empresa o recolhimento integral do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) trabalhado pela agente. “Deverá a parte reclamada depositar a diferença dos valores fundiários, bem como os reflexos decorrentes do aviso- prévio, os quais deverão ser liberados acrescidos da multa de 40%, incidente sobre a totalidade dos depósitos realizados, sob pena de responder pela indenização equivalente”, determinou a magistrada.

A empresa foi condenada a pagar indenização por danos morais no valor de R$ 5 mil, por danos materiais no valor de R$ 1.251,94, somados às verbas decorrentes da rescisão indireta do contrato de trabalho da trabalhadora.

Artigo – “A Baixeza humana”

68 1

Com o título “A Baixeza humana”, eis artigo de Gaudêncio Torquato, jornalista, professor titular da USP e consultor político e de comunicação. Uma reflexão sobre o cenário político atual. Confira:

Peço licença às leitoras e leitores para substituir a análise sobre aspectos da política, objeto semanal deste espaço, por ligeiras linhas sobre o espírito do nosso tempo. Começo com o alerta de Nietzche no penhasco de Engadine, vale nos Alpes suíços, onde nos idos de 1880 fazia seu retiro:“Vejo subir a preamar do niilismo”. O bigodudo filósofo prenunciava a chegada de tempos medíocres e vulgares.

“A história se repete, a primeira vez como tragédia, a segunda como farsa”. Ante a moldura desses tempos de baixeza moral em que vivemos, a atestar que o estágio civilizatório de um povo nem sempre segue o fluxo de eventos na direção da grandeza, urge dar novo sentido à famosa frase de Karl Marx. A história se repete uma, duas, cinco ou mais vezes, e portando novas tragédias.

Olhe-se ao redor. Um clima de permanente emboscada segue nossos passos. Agressões de todos os tipos nos acompanham. A insegurança nas ruas, as gangues que proliferam em todas as regiões, uma bala perdida em plagas mais violentas, as querelas formadas por pequenos incidentes – um esbarrão nos ônibus superlotados, um palavrão no trânsito contra um motorista impulsivo, a discordância em mera discussão. Fosse isso apenas, os dias seriam até suportáveis.

Mas os tempos são bem mais sombrios por abaterem a moral de nossa gente. Oportunistas, carreiristas, perfis lapidados nos laboratórios da ambição desmesurada, constroem cofres nas malhas intestinas da administração pública. Larápios de todos os tamanhos e classes disseminam-se aqui e alhures, corroendo as riquezas da Nação. Locupletam-se em pleno tempo de Lava Jato, capturando modelagens tecnológicas avançadas para sugar os bens do Estado.

A honradez cede lugar às artimanhas para driblar o império da ordem. Profissionais da política trocam a missão de bem servir à sociedade, ideal aristotélico, por uma profissão bem remunerada. Servir-se em lugar de servir à coletividade – eis o novo arranjo. Muitos trocam sua palavra, seu compromisso, sua índole moral por uma prebenda, um cargo, um posto na estrutura dos governos.

Corações e cérebros se entorpecem no exercício de substituir a verdade pela mentira, de arrumar desculpas para explicar a mudança de posição em importantes decisões e abordagens. As circunstâncias determinam o ir e vir das pessoas. A firmeza de propósitos é uma quimera.

A paisagem se cobre de folhas e galhos secos. Grupos e alas se digladiam em redes sociais com xingamentos, usando até palavras de baixo-calão, fazendo acusações recíprocas, multiplicando fake news, puxando um cabo de guerra imaginário. Debatem propostas? Não. Sobre o tabuleiro vê-se um fórum de ideias? Não. O ódio racha a sociedade. A bílis escorre pelas artérias. Trata-se de um jogo de soma zero.

Frios, apáticos, acomodatícios, cegos, milhões não conseguem enxergar os horizontes do amanhã de prosperidade, caso substituíssem a mentira pela verdade, o deboche pelo respeito ao próximo, o oportunismo pela oportunidade de ajudar os carentes, a indignidade pelo zelo, a torpeza pela civilidade. O que se vê é o pão ensopado na adulação para engordar impostores e hipócritas.

A injustiça impera, apesar dos aparatos e aparelhos do Judiciário, do Ministério Público e dos sistemas de controle. A linha do espetáculo motiva protagonistas da Operação do Direito, interessados apenas em ascender aos palcos da visibilidade. A hipocrisia dá o tom. A maldade se bifurca na encruzilhada dos malfeitores. O primeiro germe da perfeição moral se manifesta quando alguém se adianta para praticar o bem, ensinar as coisas certas, admirar as virtudes. Esse germe, convenhamos, tem sido escasso.

Ao contrário, o país se locupleta de pessoas refratárias a gestos dignos. Grupos de interesseiros navegam nas correntes do pântano. Caçadores de fama, como lacaios, aproveitam o niilismo que se espraia de norte a sul para surfar nas ondas do favorecimento. Resta pinçar o timoneiro Simon Bolivar que, há 170 anos, perorava: “Não há boa fé na América, nem entre os homens nem entre as nações; os tratados são papéis, as constituições não passam de livros, as eleições são batalhas, a liberdade é anarquia e a vida, um tormento. A única coisa que se pode fazer em nossa América é emigrar”.

*Gaudêncio Torquato

Jornalista, professor titular da USP e consultor político e de comunicação

Twitter@gaudtorquato.

Gastos de brasileiros em viagens internacionais caem 5,2% em agosto

Com o dólar em alta, as despesas de brasileiros em viagens ao exterior se reduziram em agosto. No mês passado, os gastos totalizaram US$ 1,309 bilhão, com queda de 5,24% em relação ao mesmo mês de 2018 (US$ 1,382 bilhão). Os dados foram divulgados hoje (23) pelo Banco Central (BC).

Nos oito meses do ano, esses gastos com viagens ao exterior também, estão menores. Nesse período, as despesas chegaram a US$ 12,014 bilhões, queda de 5,3% na comparação com o mesmo período do ano passado (US$ 12,686 bilhões).

As receitas de estrangeiros em viagem ao Brasil chegaram a US$ 464 milhões no mês passado e a US$ 4,138 bilhões em oito meses, com queda de 3,84% e de 0,04% respectivamente, na comparação com os mesmos períodos de 2018. Com isso, a conta de viagens, formadas pelas despesas e as receitas, fechou agosto negativa em US$ 846 milhões e nos oito meses do ano com déficit de US$ 7,876 bilhões.

(Agência Brasil)

Eusébio ocupa a liderança nacional em exportações de ceras vegetais como a de carnaúba

A cidade do Eusébio (Região Metropolitana de Fortaleza) registrou um total de US$ 19,09 milhões acumulados de janeiro a junho deste ano e ocupa agora o nono lugar no Ceará em exportações. O resultado veio após um crescimento de 13,3% do volume exportado pelo município em relação a 2018. Por sua vez, as importações somam agora US$ 18,2 milhões, 5° maior valor no ranking de municípios importadores cearenses. O saldo comercial da cidade é superavitário na ordem de US$ 856,3 milhões.

Dentro desse cenário, Eusébio virou líder nacional em exportações de ceras vegetais, com o produto totalizando US$ 16,8 milhões em exportações, liderando o ranking do município. O segundo item mais vendido ao exterior é o de alimentos derivados de trigo, com US$ 1,4 milhões e o maior crescimento do ranking, que foi de 91,2%. As exportações destinam-se, principalmente à China e Alemanha, que importaram US$ 5,8 milhões e US$ 3,7 milhões, respectivamente. Estados Unidos, em 3°, foi o cliente que mais aumentou seu consumo no período, com total de US$ 2,4 milhões e crescimento de 122,5%.

Essess dados constam no estudo Análise do Comércio Exterior dos Municípios Cearenses, elaborado pelo Centro Internacional de Negócios (CIN) da Federação das Indústrias do Estado do Ceará (Fiec).

DETALHE – O PIB per capta do município é de R$ 53,2 mil, caracterizado como o maior do Estado.

DETALHE 2 – A base econômica da cidade é formada por empreendimentos imobiliários, empresas de prestação de serviços, indústrias diversas, com destaque para a indústria alimentícia e de produção de ceras vegetais como a de carnaúba.

Prefeitura de Sobral abre seleção para profissionais da área de saúde

A Prefeitura de Sobral lançou o edital nº 11/2019 referente ao processo seletivo simplificado para contratação temporária de profissionais de nível superior para a Secretaria da Saúde. As inscrições devem ser feitas até quarta-feira, 25, e são realizadas apenas de forma presencial. São ofertadas 20 vagas, mais cadastro de reserva, para médicos e odontólogos.

Os interessados, segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, devem se dirigir à Escola de Saúde Pública Visconde de Saboia,0 bairro Junco.

O candidato deve apresentar no ato da inscrição o comprovante de pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 100, ficha de inscrição com a indicação da função que deseja concorrer e respectivo código, cópias do RG e CPF, foto 3×4 e currículo.

Cronograma do processo seletivo

Até 25 de setembro – Inscrições

De 26 a 30 de setembro – Avaliação curricular

1º de outubro – Resultado preliminar

2 de outubro – Recursos

A partir de 4 de outubro – Resultado dos recursos e do resultado final do processo seletivo

SERVIÇO

*Escola de Saúde Pública Visconde de Saboia – Avenida John Sanford, 1320, Junco.

*Horário – Das 8 às 11 horas e das 14 às 17 horas.

*Confira o Edital (página 6) aqui.

Consumidor brasileiro espera que inflação fique em 5,1% nos próximos 12 meses

A expectativa de inflação dos consumidores brasileiros para os próximos 12 meses ficou estável de agosto para setembro, em 5,1%. Esse é o menor nível desde agosto de 2007 (5%), segundo dados divulgados hoje (23) pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

A pesquisa é feita com base em entrevistas com consumidores, que respondem à seguinte pergunta: Na sua opinião, de quanto será a inflação brasileira nos próximos 12 meses?

De acordo com a pesquisadora da FGV Renata de Mello Franco, a baixa inflação oficial e a ausência de “choques significativos” em setembro contribuíram para a estabilidade da expectativa de inflação dos consumidores.

A inflação oficial, medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), acumula taxa de 3,43% em 12 meses, segundo dados de agosto.

(Agência Brasil)

Caixa renegocia dívidas da clientela de Fortaleza

A Caixa Econômica iniciou, nesta segunda-feira, um mutirão para renegociar dívidas da clientela em Fortaleza. A programação vale para pessoas físicas e jurídicas e segue até sexta-feira próxima, informa a assessoria de comunicação do banco. Os descontos para quitação de débitos à vista variam de 40% a 90%, de acordo com a situação dos contratos e o tipo de operação de crédito.

Os atendimentos são feitos das 10 às 16 horas, na sede da Superintendência da Caixa em Fortaleza, no bairro Aldeota.

O objetivo desse mutirão, denominado “Você no Azul”, é resgatar o poder de compra e parcelamento dos clientes no mercado, adequar os compromissos à realidade financeira, bem como possibilitar que eles tomarem novos créditos após a exclusão da restrição no cadastro.

SERVIÇO

*Os clientes podem receber atendimento online, nas agências, pelo telefone 0800 726 8068 (opção 8) e no Facebook e Twitter.

*Sede da Superintendência Regional da Caixa – Avenida Santos Dumont, 2772, 2º andar.

Lula já pode pedir para cumprir pena no semiaberto

Luiz Inácio Lula da Silva (PT) alcançou, nesta segunda-feira, um sexto da pena a que foi condenado no processo do tríplex do Guarujá, o que lhe permite reivindicar o direito à progressão de regime e cumpri-lo no semiaberto. A informação é da Veja Online, adiantando, no entanto, que o petista não quer o benefício.

“O ex-presidente Lula tem plena ciência de todos os seus direitos e optou neste momento por não pedir a progressão de regime porque acredita na necessidade de que seus processos sejam anulados e sua liberdade plena seja restabelecida. Lula, como todo e qualquer cidadão, tem direito a um julgamento justo, imparcial e independente, o que foi negado a ele diante do conluio entre o ex-juiz Sergio Moro e os procuradores da Lava Jato de Curitiba”, explica o advogado Cristiano Zanin Martins.

Lula está preso desde 7 de abril de 2018 na Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba. Já teve sua pena reduzida pelo
Superior Tribunal de Justiça em abril, quando a corte diminuiu o tempo de prisão de 12 anos e 1 mês para 8 anos, 10 meses e 20
dias.

O petista foi condenado pelos pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro pela posse oculta e reforma de um apartamento
tríplex no Guarujá (SP), custeado pela empreiteira OAS após benefícios indevidos à empresa em contratos com a Petrobras. O ex-presidente aposta no julgamento, pelo Supremo Tribunal Federal, de recursos que contestam a atuação de Moro e dos procuradores
do Ministério Público Federal na Lava Jato e que podem levar à anulação do processo. Ainda não há entretanto, data para que estes
julgamentos aconteçam.

(Foto – Reprodução do Youtube)

Artigo – “Sucessão de Roberto Cláudio custa caro ao Conjunto Ceará”

Polo de Lazer do Conjunto Ceará -Eterna reforma.

Com o título “Sucessão de Roberto Cláudio custa caro ao Conjunto Ceará”, eis artigo de Joatan Freitas, doutorando e mestre em Educação (Uece), com especialização em Ensino de História (FFB). É também professor na Secretaria da Educação do Ceará e foi assessor técnico do gabinete do Governador do Ceará, com função na Coordenadoria dos Direitos Humanos (2012-2013). Ele faz queixas sobre políticas pública tocadas nesse bairro de Fortaleza, um dos maiores da cidade. Confira:

O prefeito Roberto Cláudio (PDT) tem se mostrado avesso ao diálogo racional com os setores organizados do Conjunto Ceará em relação ao desenvolvimento sustentável da comunidade. As intervenções da Prefeitura de Fortaleza no bairro têm sido conduzidas à revelia de qualquer planejamento estratégico e distante de uma harmonia desejável para com as reivindicações históricas dos movimentos sociais que atuam há décadas no local.

As consequências da postura política autoritária e guiada exclusivamente por interesses eleitorais de representantes da Prefeitura de Fortaleza, tem custado um alto preço ao futuro do Conjunto Ceará. Preocupados apenas em atender aos seus cabos eleitorais e aliados partidários, os representantes da Prefeitura têm causado estragos irreversíveis à cultura e à organização urbanística do bairro. Basta lembrar a mudança do nome da AV. B realizada à revelia da comunidade por iniciativa de um outro apoiador do Prefeito e com sua anuência. Observe-se também a desorganização urbana, a insuficiência na saúde pública, a ocupação indevida de espaços públicos por comerciantes com autorização e/ou omissão da Regional V e dos órgãos de fiscalização da Prefeitura, custando a perda de imensas áreas de uso e convivência comunitária dos moradores.

A atitude oportunista e eleitoreira de representantes da Prefeitura tem gerado situações ridículas e revoltantes, como é o caso da Reforma do Polo de Lazer do bairro. Roberto Cláudio tentou atribuir a conquista da obra a seu apoiador, um político sem nenhuma identificação com a luta histórica de mais de 20 anos travada pelos grupos culturais, coletivos e movimentos sociais que reivindicam a reforma e requalificação do espaço. Nesse caso, as fake news ficam claras e inegáveis diante da incapacidade do apoiador do prefeito de ter qualquer protagonismo ante a crise que paralisa a obra.

Essa postura gera desgaste político para o Governo do Estado que não consegue concluir a obra devido às ingestões eleitoreiras de representantes da Prefeitura, sendo que esta é apenas parceira do Governo estadual e não poderia estar atribuindo paternidade falsa à reforma. Entretanto, o que importa para a comunidade é o diálogo participativo, a inclusão dos empreendedores no projeto com a devida conclusão da Reforma do Polo de Lazer e não as práticas politiqueiras de cabos eleitorais em nome da Prefeitura.

Ultimamente, um dos maiores descasos da Prefeitura foi a transferência da feira de carros usados da Parangaba para o Conjunto Ceará, sem consulta à comunidade e sem estudo sobre os danos sociais e ambientais. A feira foi colocada diretamente em cima de nascentes de água natural de uma área de preservação e de uso institucional (uso não comercial), local que abrigava a última grande reserva de vegetação nativa do Conjunto Ceará.

Uma feira de carros usados que já foi retirada das margens da lagoa da Parangaba por ser nociva ao meio ambiente e ao ordenamento público do local, e por isso, rejeitada por todas as outras comunidades (mais atentas) para onde tentaram levá-la. Se agisse democraticamente e respeitando a comunidade, Roberto Cláudio saberia que historicamente o movimento sociocultural do bairro defende a requalificação dessa área como espaço verde para convivência comunitária, prática de caminhadas e preservação do meio ambiente, com projeto de iluminação, urbanismo e estruturação de um miniparque ecológico para conservar o que resta de vegetação nativa e as nascentes de água natural.

Mas, o prefeito não dialoga e muito menos consegue imaginar que a comunidade tenha intenções tão civilizadas. Ele só quis livrar a Lagoa da Parangaba dos impactos negativos da feira de carros usados e achou que seria uma boa ideia empurrar o problema para o Conjunto Ceará. Afinal, sabia que os seus apoiadores e cabos eleitorais sairiam em defesa dessa irresponsabilidade ambiental, tentando convencer a comunidade de vantagens que, na verdade, se anulam diante dos prejuízos econômicos, culturais, sociais e ambientais.

O resultado da ação antiambiental da Prefeitura se faz sentir nos impactos negativos causados à região. São milhares de metros quadrados de terrenos públicos pertencentes à coletividade, e que estão sendo invadidos por comerciantes de carros usados e outros negócios. Estão se apoderando de graça (“tipo 0800”) de uma das áreas mais valorizadas do bairro, erguendo estruturas de tijolos e metal, soterrando fontes de água, destruindo vegetação nativa. Há também invasores mais antigos que já se encontravam no local que passaram a ampliar as suas invasões e a negociar parte das terras que ocuparam para abrigar os veículos e negócios da feira. Tudo isso feito bem “debaixo do nariz” dos fiscais e gestores públicos da Prefeitura de Fortaleza que fingem que nada de errado está acontecendo e deixam a comunidade indefesa diante da espoliação urbana desenfreada.

Diante de tudo isso cabe se perguntar: E as “lideranças comunitárias”? Várias das referências comunitárias conhecidas, estão abertamente encobrindo e até mesmo defendendo as posturas antidemocráticas e desrespeitosas da Prefeitura para com a comunidade. Algumas dessas pessoas estão, inclusive, tentando se aproveitar eleitoralmente da situação, visando votos ao tentar convencer a todos de que as invasões do espaço público são melhores do que o estado de abandono em que se encontravam. Como se não fosse papel do poder público, justamente, dar um destino social para essas áreas e não permitir a invasão por empresários e comerciantes, até de outros bairros. O discurso do desenvolvimento do comércio local não se sustenta diante do fato de que a maioria dos ocupantes dos citados terrenos levam a maior parte dos lucros para longe do bairro. E se eles e seus clientes compram uma coxinha ou um prato de alimento, ou um pão na padaria da esquina aos nossos comerciantes, o que representa isto em comparação às invasões de terrenos que estão entre os mais valiosos do Conjunto Ceará?

Portanto, é preciso observar, refletir e participar das discussões e mobilizações do S.O.S. Conjunto Ceará para se informar, formar opinião própria e atuar na defesa da comunidade que está sendo espoliada por atitudes autoritárias e politiqueiras de uma gestão que não respeita o cidadão, deixando consequências urbanísticas e ambientais, muitas delas, irreversíveis também para o futuro da cidade.

*Joatan Freitas

Doutorando e mestre em Educação (Uece). Especialização em Ensino de História (FFB). Graduado em História (UECE). Professor na Secretaria da Educação do Ceará. Ex-assessor técnico do gabinete do Governador do Estado do Ceará, com função na Coordenadoria dos Direitos Humanos (2012-2013).

(Foto – Divulgação)

Ipê-branco floresce na praça de Cedro e vira atração

149 2

Cedro (Maciel Bezerra) – A Praça Nilo Viana e a Igreja Matriz dividem as atenções e atraem olhares das pessoas com a planta de rara beleza nestes tempos de floração: o ipê-branco. No último final de semana, quem passou por essa área aproveitou para fazer o registro fotográfico e eternizar mais essa beleza da natureza.

A Prefeitura de Cedro, ao entregar a Praça Nilo Viana Diniz reformada e ampliada em junho de 2016, fez o plantio de 18 ipês. Agora estão florando, esbanjando beleza e despertando a curiosidade de quem por ali passa.

Nas redes sociais, o prefeito Nilson Diniz destacou o espetáculo patrocinado pelo ipê-branco.

A fotógrafa Luésia Medeiros esteve na Praça e fez o registro. “Fiz questão de levar meu filho Ian, de 9 meses de idade, e eternizar o momento, nesse lugar de paz”, escreveu em sus redes sociais.

*Sobre ipê-branco aqui.

(Foto Divulgação)