Blog do Eliomar

Últimos posts

Cid participará da entrega do Centro de Manutenção da TAM de Aracati

aracattttt

Cid e Bismarck inaugurando o aeroporto de Aracati.

O governador Cid Gomes e o secretário estadual do Turismo, Bismarck Maia, estarão nesta sexta-feira participando da inauguração do hangar e do centro técnico da TAM Linhas Aéreas no Aeroporto Dragão do Mar, em Aracati (Litoral Leste). Denominado Centro de Manutenção e Operação de Aeronaves Executivas, o equipamento vai empregar diretamente cerca de 150 pessoas na assistência técnica helicópteros e aviões executivos. Dirigentes da TAM comandarão o ato.

O Centro foi captado pelo Governo do Estado, por meio da Setur, e foi resultado de um investimento da ordem de R$ 15 milhões. Essa base operacional vai atender aos mercados das regiões Norte e Nordeste, além da América Central, oferecendo serviços técnicos para aviões executivos de pequeno e médio portes.

O contrato com o Estado inclui a cessão de espaço (hangar) de 10 mil m² por 10 anos, renováveis por mais 10, além da priorização dos trabalhadores locais na contratação da mão de obra, introdução de tecnologia e formação de trabalhadores para o setor aéreo.

(Foto – Blog Aracati em Foco)

Deputado cearense quer evitar prejuízos ao Brasil, como Pasadena

149 1

mario feitoza

A compra da refinaria de Pasadena pelo Governo Federal, em 2006, que acarretou prejuízo de milhões de reais para o Brasil, não mais se repetirá já no próximo governo.

A proposta é do deputado federal cearense Mário Feitoza, candidato à reeleição pelo PMDB, diante de Emenda à Constituição (PEC) 410/2014, que submete à apreciação prévia do Congresso Nacional a concessão de empréstimos a governos estrangeiros e aquisição de bens imóveis ou instalações industriais e comerciais pelo país em território estrangeiro.

Segundo Mário Feitoza, a autorização prévia legislativa, de cunho constitucional, tem o objetivo de evitar que o País seja arrastado para aventuras de natureza política, econômica ou ideológica.

Furto ao BC – Juiz federal que atuou no processo lança livro

danilfontenele

O juiz Danilo Fontenele, titular da 11ª Federal no Ceará, lançará, às 19 horas do próximo dia 30, no auditório da Faculdade 7 de Setembro, o livro “Como estudar qualquer matéria – Direito”. Como o próprio autor define, trata-se de um guia de sobrevivência para estudantes e profissionais.

Danilo Fontenele ficou conhecido por sua atuação contra grupo que praticou o furto milionário contra o Banco Central de Fortaleza, registrado entre a noite do dia 6 e a madrugada do dia 7 de agosto de 2005. Por meio de um túnel, foram retirados R$ 164,7 milhões (tudo em notas usadas de R$ 50).

(Foto – O Estado)

Geovana assume compromisso com Reforma Política

geovanamrina

Uma das principais propostas de campanha de Marina Silva, a reforma política, também é prioridade da candidata ao Senado pelo PSB, Geovana Cartaxo. Ela já se comprometeu com a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) em defender em Brasília, se for eleita, o documento “Pensando o Brasil”, publicado pela entidade e que prega a política, acima de tudo, como um serviço prestado para a população – em especial os menos favorecidos.

Para Geovana, a reforma política é urgente e precisa ser encampada, pois, nas campanhas eleitorais fica mais do que evidenciado em todo o País e, em especial no Ceará, que os candidatos independentes acabam em desvantagem para aqueles que conta com o apoio de grandes grupos econômicos.

“Isso evidencia ainda mais a urgência de uma ampla reforma política que acabe com os partidos de aluguel, proporcione a divisão igualitária de tempo na TV e no rádio e acabe com os financiamentos milionários”, defende Geovana Cartaxo.

(Foto – Divulgação)

AGU é contra aumento salarial do Judiciário

O advogado-geral da União, Luís Inácio Adams, argumentou, em parecer enviado ao Supremo Tribunal Federal, que o aumento salarial reivindicado pelo Judiciário prejudicará o funcionamento dos serviços públicos e da própria Justiça brasileira. Segundo Adams, a eventual aprovação do reajuste pretendido por magistrados e integrantes do Ministério Público reduzirá em 35% as verbas do Executivo para o custeio de políticas públicas e de serviços essenciais.

Eis o que diz o parecer: “Para se assegurar reajuste remuneratório e pagamento de vantagens pecuniárias aos servidores e membros do Ministério Público da União e do Poder Judiciário, cuja importância, registre-se, não se está a questionar, estar-se-ia impondo corte drástico de 35,1% das verbas destinadas ao funcionamento do Poder Executivo e ao custeio de políticas públicas e de serviços também essenciais”.

( Com O Globo)

Presidente do Sindicato dos Médicos critica proposta de gratificação na área da saúde

51 2

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=9ExYTuP-JIE[/youtube]

O presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, José Maria Pontes, criticou, nesta quinta-feira, a proposta do candidato a governador pelo PT, Camilo Santana, de pagar gratificação por desempenho aos profissionais de saúde.

José Maria Pontes, que viajou para Manaus, onde tem compromissos como dirigente sindical, expôs seus argumentos.

Lojistas poderão negociar adiantamento de vendas com cartão com vários bancos

83 1

“Lojistas poderão negociar o adiantamento das vendas a prazo feitas com cartão de crédito com vários bancos. Para isso, o Banco Central (BC) publicou hoje (25) a Circular nº 3.721, que determina que instituições financeiras e de pagamento deverão utilizar arquivos padronizados da agenda de recebíveis de cartão, que equivale a um cronograma dos recebimentos previstos pelo estabelecimento comercial baseado nas vendas com cartões de crédito. A circular entrará em vigor em 2 de fevereiro de 2015.

Sem essa padronização, o lojista só consegue negociar o adiantamento com o banco que já tem relacionamento. Cada empresa de cartão de crédito tem, atualmente, sua própria padronização dos dados de vendas a prazo. “Será possível a estes estabelecimentos comerciais realizar operações de antecipação desses pagamentos independentemente do credenciador e do banco que escolherem para manter relacionamento, ampliando suas opções de acesso a capital de giro”, diz o BC, em nota.

“Como consequência, a medida promove maior competição no mercado de credenciamento, uma vez que ela reduz barreiras à entrada; e, da mesma forma, amplia a possibilidade de escolha de domicílios bancários – banco em que os estabelecimentos recebem a liquidação das operações com cartões de pagamento – pois reduz as vantagens competitivas decorrentes de vínculo entre banco e credenciador”, acrescenta o BC.”

(Agência Brasil)

Nova diretoria da Fiec ganhará posse festiva nesta 5ª feira

betoe alexanxdre

Uma dupla bem afinada.

O empresário Beto Studart ganhará posse festiva a partir das 20 horas desta quinta-feira, no La Maison Coliseum. A posse oficial na função de presidente da Federação das Indústrias do Ceará ocorreu segunda-feira, durante reunião do conselho da entidade.

Beto terá como vice o ex-presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico do Ceará e presidente regional do PPS, Alexandre Pereira.  O mandato é de cinco anos, sem direito a reeleição.

Administrador do Mercado São Sebastião manda nota em resposta ao Blog

De Marcos Dutra, administrador do Mercado São Sebastião, recebemos nota de esclarecimento sobre situação de lixeiras nesse polo de compras. Confira:

Caro  Eliomar de Lima,

Trabalho como administrador do Mercado São Sebastião e sobre a matéria intitulada “Mercado São Sebastião dá mau exemplo com lixo”, do seu blog, postada no dia 22 de setembro de 2014, gostaria de esclarecer alguns pontos para você e seu enorme número de leitores:

a) No local onde as fotografias foram retiradas, de fato, existem duas lixeiras para acondicionamento do lixo, que é gerado pelo grande público frequentador do mercado. Uma delas nova, com tampa, e outra um pouco mais antiga, mas que se presta muito bem à sua função: acondicionamento temporário do lixo, até que o zelador dê a destinação final aos resíduos. Ao contrário do que o texto sugere, o local encontra-se limpo, sem a presença do chorume;

b) As lixeiras são colocadas em pontos de grande fluxo no mercado, para facilitar seu uso, como no caso, a entrada do Setor A, pois é sabido que lixeira escondida é subutilizada;

c) O que não está no local correto é a mercadoria em questão (sacos de pão), acondicionada em local aberto, no piso de uma praça;

d) É dever do permissionário/locatário do Mercado São Sebastião acondicionar suas mercadorias no interior dos boxes/lojas, dentro dos limites estabelecidos. O comerciante da mercearia citada, além de expor seu produto em local inadequado, quer que as lixeiras saiam do local para que possa avançar ainda mais as mercadorias à venda, em detrimento do interesse da coletividade;

e) Em circular da administração distribuída no dia último dia 13.08.2014 (em anexo), solicitou-se o empenho dos comerciantes para garantir a limpeza e organização do equipamento, dando cumprimento ao que fora requisitado pela Secretaria Regional do Centro (Ofício 230/2014 – em anexo). Contudo, o comerciante, decerto o mesmo denunciante – pois é o único interessado na retirada das lixeiras – teima em descumprir as normas de higiene e de exposição das mercadorias. Mais, ainda divulga em vosso conceituado blog tais fotos como se houvesse alguma irregularidade.

Essas as ponderações a serem feitas, colocamo-nos à disposição para outros esclarecimentos.

Respeitosamente,

* Marcus Dutra
Administrador do Mercado São Sebastião.

DETALHE – Marcos nos mandou anexos da documentação a que se refere.

Candidatos do PCdoB investem em jantar-adesão

O deputado federal Chico Lopes (PCdoB) comandará nesta quinta-feira, a partir das 20 horas, no Clube Náutico, jantar-adesão em favor de sua campanha. A ordem é reforçar o caixa nessa arrancada final.

Também fará o mesmo o ex-secretário estadual da Saúde, Arruda Bastos (PCdoB), candidato a deputado estadual. O jantar-adesão dele ocorrerá nesta sexta-feira, a partir das 20 horas, no restaurante Dallas Grill.

Câmara Municipal deve criar comissão para regulamentar lei que obriga Inspeção Predial

acrísio sena audiência pública

A criação de uma comissão especial para regulamentar a Lei 9.913, que torna obrigatória a inspeção preventiva em prédios de Fortaleza, foi pedida em requerimento, nesta quinta-feira, pelo vereador Acrísio Sena (PT). Ele é o autor da lei que entrou em vigor no último dia 26 de julho, quando foi publicada no Diário Oficial do Município. Acrísio propôs a comissão formada por representantes da Prefeitura, Câmara Municipal, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-CE) e Sindicato dos Engenheiros do Ceará (Senge-CE).

A nova lei é um mecanismo legal para o controle da integridade dos imóveis.Todos os prédios deverão possuir o Laudo de Vistoria Técnica de Inspeção Predial, que será fornecido pela Prefeitura Municipal de Fortaleza, deverá ser elaborado por engenheiros devidamente habilitados e registrados no Crea-CE. A Lei abrange as obras inconclusas, incompletas, irregulares, abandonadas ou ocupadas, cuja idade será contada a partir da data de liberação do alvará de construção.

“Esta lei oferece ao cidadão que vai alugar ou adquirir um imóvel a segurança necessária para ele e sua família ou seu negócio. Quanto mais rápida for a regulamentação, melhor para a cidade”, destacou Acrísio Sena durante pronunciamento.

Na elaboração do Laudo de Vistoria Técnica, o profissional deverá observar e registrar os aspectos de segurança da edificação, obedecendo a todas as normas técnicas da ABNT pertinentes, devidamente acompanhado da Anotação de Responsabilidade Técnica (ART), contendo, no mínimo: a descrição detalhada do estado geral da edificação (estrutura, instalações e equipamentos); as características das anomalias porventura encontradas e suas causas; as especificações dos pontos sujeitos à manutenção preventiva ou corretiva, bem como a periodicidade das mesmas; as medidas saneadoras a serem utilizadas; os prazos máximos para a conclusão das medidas saneadoras propostas.

MP entra com ação contra Prefeitura de São Benedito

“O Ministério Público do Estado do Ceará, através da Promotoria de Justiça de São Benedito, entrou com uma Ação de Execução por Quantia Certa com Base em Título Executivo Extrajudicial contra a Prefeitura de São Benedito (Serra da Ibiapaba), que descumpriu o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado com o MP em 19 de fevereiro último. Pelo TAC, a Prefeitura deveria ter elaborado um estudo para identificar a real necessidade de servidores públicos em todos os órgãos do Poder Executivo e realizar concurso público.

O promotor de justiça Marcelo Cochrane explica que, em 2013, foi constatado um excessivo número de trabalhadores contratados temporariamente pela Prefeitura de São Benedito. De acordo com o Portal da Transparência do Tribunal de Contas dos Municípios, durante todo aquele ano o executivo municipal teria gasto R$ 5.594.440,05 somente a título de contratação por tempo determinado. Diante do fato, foi instaurado um Inquérito Civil Público e firmado o Termo de Ajustamento de Conduta 02/2014, visando à regularização das contratações.

O estudo técnico deveria identificar a quantidade de servidores públicos necessários em todas as áreas para o desempenho ordinário de todos os serviços públicos prestados pelo Município; a real necessidade das contratações temporárias existentes; o número de contratados temporariamente cujos contratos foram celebrados sem autorização em lei municipal ou que se enquadrem fora das hipóteses previstas na referida lei. A Prefeitura deveria, no prazo de 20 dias após o final do estudo técnico, iniciar o procedimento para realização de concurso público, o que não fez.”

(Site do MP-CE)

 

Marina Silva define situação econômica atual do País como “angu de caroço”

marinasilva

“A candidata do PSB à Presidência da República, Marina Silva, afirmou nesta quinta-feira que a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, tem de “resolver o ‘angu de caroço’ em que colocou o Brasil”. Entrevistada pelo jornal Bom Dia Brasil, da Rede Globo, ela se referia ao atual cenário econômico do país, com inflação no teto da meta e baixo crescimento, e ao represamento de preços pelo governo federal – reajustes nas tarifas de serviços que têm preços regulados pela União, como energia elétrica, combustíveis e transporte vêm sendo represados desde 2013, mas devem voltar com força no próximo ano, na avaliação de economistas.

Questionada sobre o que faria para sanar esse quadro, Marina afirmou que a primeira providência deve ser tomada pela sociedade brasileira: escolher um presidente que recupere a credibilidade e os investimentos no país, além de assegurar a autonomia do Banco Central e controlar os gastos públicos. Afirmou que o governo gasta de maneira ineficiente e reforçou a proposta de criar o Conselho de Responsabilidade Fiscal. “Boa parte do capital de que o país precisa é intangível: credibilidade, respeito a contratos. Os investidores precisam voltar a investir no Brasil. Para isso é preciso um governo que tenha legitimidade”, afirmou. E prosseguiu, alfinetando Dilma Rousseff: “Não vamos nos aventurar em política econômica. A presidente Dilma e aventurou e agora o país tem baixa credibilidade”.

Marina se comprometeu a não elevar os gastos públicos além do crescimento do Produto Interno Bruto (PIB). Questionada acerca do risco da medida para o crescimento, afirmou que pretende cortar os gastos ineficientes. “Cortar gastos não significa não fazer investimentos. Hoje não sabemos o tamanho e a qualidade desse gasto, que é feito de forma maquiada. O céu é o limite para o governo atualmente”, afirmou a candidata. Sobre as divergências entre seus discursos e os de membros da campanha sobre a meta de inflação, Marina afirmou que seu compromisso é manter o centro da meta em 4,5%.”

(Veja Online)

Eliane Novais assina termo de compromisso em favor da Defensoria Pública do Estado

93 1

elaineadptptp

Sob olhares de Sandra Sá, a candidata assina documento.

A candidata ao Governo pelo PSB, Eliane Novais, assinou, nesta quinta-feira, termo de compromisso com as lutas da Associação dos Defensores Públicos do Estado do Ceará (ADPEC). Ela recebeu comitiva da ADPEC, tendo a frente Sandra Sá, presidente da entidade, ocasião em que garantiu: se for eleita, trabalhará pelo fortalecimento da Defensoria e pelo aumento do número de defensores como determina lei federal.

“Vou adequar o orçamento da Defensoria. Atualmente, a cada R$ 10,00 investido na justiça cearense, apenas R$ 0,95 centavos vão para a Defensoria. Além disso, existe um déficit de mais aproximadamente 500 defensores públicos no Estado, o que é um verdadeiro absurdo”, disse, na ocasião, Eliane Novais.

Sandra Sá, presidente da ADPEC, destacou que Eliane, como deputada, teve “um papel muito importante para a conquista da autonomia da Defensoria Pública do Estado.”

 

(Foto -Divulgação)

Data-base de reajuste das tarifas de táxi agora é lei em Fortaleza

foto walter cavalcante cmfor

O prefeito Roberto Cláudio sancionou a lei que define o dia 15 de janeiro de cada ano como a data que servirá de reajuste para as tarifas de táxi em Fortaleza, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

O projeto transformado em lei é de autoria do vereador Walter Cavalcante (PMDB), que atendeu a uma solicitação do Sindicato dos Taxistas de Fortaleza (SINDITÁXI). “Os taxistas, assim como os profissionais das demais categorias, são trabalhadores que necessitam de garantias constitucionais”, afirmou o vereador, ao defender a proposta, aprovada por unanimidade na Câmara Municipal de Fortaleza.

Para Walter Cavalcante, a nova lei faz justiça a uma categoria de reconhecida importância social. “Categoria esta formada por trabalhadores que prestam os relevantes serviços de transporte público individual à população de nossa capital”, comentou.

História das Eleições no Ceará – Azarão surfa na onda vermelha, mas morre na praia

291 1

Com o título “História das Eleições no Ceará – 4 – Azarão surfa na onda vermelha, mas morre na praia em cenário de Hitchcock”, eis artigo do jornalista e radialista Francisco Bezerra, que vem contando um pouco da história das eleições no Estado. Confira:

“Aquele que já não consegue sentir espanto nem surpresa está, por assim dizer, morto; os seus olhos estão apagados.” Albert Einstein, físico alemão.

A eleição de 2002 no Ceará foi um filme de suspense, onde o roteirista usou requintes de crueldade para chegar ao desenlace. Nem o mestre dos filmes do gênero, o cineasta americano Alfred Hitchcock, teria imaginação fértil o suficiente para construir película tão heteróclita. Para contextualizar o cenário de um filme baseado em fatos reais, em plagas cearenses, é imperioso assinalar que o empresário Tasso Jereissati era uma espécie de reizinho que chegara ao poder na eleição de 1986.

Ao tomar posse em 15 de março de 1987, a primeira ação administrativa do governador das mudanças que derrotou os coronéis e prometia acabar com a miséria no Ceará foi transferir a sede do poder estadual do Palácio Abolição, localizado no miolo da Aldeota, em plena avenida Barão de Studart, para o Centro Administrativo Virgílio Távora (quanta ironia), no afastado bairro Cambeba. Outra cantilena de Tasso era o de por fim ao clientelismo e ao apadrinhamento político, vícios dos tempos de César, Adauto e Virgílio. Discurso que perpassou os três mandatos do Acioly redivivo em pleno fim de século XX.

Entre 1986 e 2002, Jereissati pintou e bordou na política do Ceará. Elegeu quem quis, quando quis, como quis. A nomenclatura para seu ciclo de poder tinha haver com a novo endereço de seu consulado : a geração Cambeba.

Naquele 2002 em que o ex-metalúrgico Luís Inácio Lula da Silva conseguiu finalmente chegar ao Palácio do Planalto após três tentativas frustradas, registrou-se fenômeno eleitoral denominado de onda vermelha. E o que era essa tal de onda vermelha? É o seguinte, Lula ganhou a disputa nas urnas, derrotando o tucano José Serra em segundo turno. Como o petista desembarcou no segundo round da peleja eleitoral como franco favorito, isso impulsionou candidaturas petistas em vários estados. O Ceará foi um exemplo.

O Cambeba escolheu como candidato de “fim de feira”( ou de ciclo), o então senador Lúcio Alcântara. Não que Lúcio fosse uma cabeça coroada no círculo íntimo do poder ou o candidato in pectore do Galego. Mas, nas pesquisas internas do PSDB, o político de tantos ferros era o único tucano capaz de não encerrar a era cambebista com derrota.

O PSDB havia sofrido duas defecções. Sérgio Machado, premier no primeiro mandato de Tasso, migrou para a oposição se instalando no PMDB, que deu suporte à sua candidatura governamental. O depurado estadual Wellington Landim, à época presidente da Assembleia, rompeu com o status quo local e saiu atirando nos antigos companheiros de sigla, escolhendo o PSB para entrar no jogo eleitoral. O PT que era o principal foco de oposição ao tassismo, entrou na disputa com o hoje deputado federal José Airton porque nenhum outro quadro petista ou mesmo da esquerda se dispôs a entrar numa guerra considera perdida. Declinaram da disputa nomes como Artur Bruno, Luizianne Lins e Inácio Arruda. José Airton, o patinho feio do PT, que não tinha nada a perder foi para arena como um cristão ia ao Coliseu.

Os arautos do Cambeba consideravam a vitória de Lúcio como favas constadas já no primeiro turno, posto que em sua chapa havia Tasso como um dos candidatos ao senado. O que os tucanos daqui não esperavam é que a onda vermelha comandada por Lula chegasse em terras de Alencar. Pois é, amigos, por menos de um por cento dos votos, a disputada foi para o segundo turno. Lúcio versus José Aírton.

Se em nível nacional, Lula venceria com tranquilidade o candidato do desgastado governo FHC, por aqui, o caldo engrossou como diz o jargão do vulgo. De tão acirrada, a pugna PT X PSDB foi decidida como numa corrida de cavalos. Os candidatos pisaram na linha de chegada, não cabeça a cabeça, mas focinho a focinho. José Aírton perdeu a eleição por, acreditem, 0,08% dos votos, significando 3047 sufrágios a menos que Lúcio Alcântara.

Aí, até no mundo mineral, a conversa dizia que houve maracutaia, malas pretas cruzaram os céus do Siará Grande com objetivos nada republicanos. Uma chuva de dinheiro, alegam os perdedores, contrariou a pesquisa de boca de urna do Ibope que registrou José Aírton com 52% dos votos contra 48% de Lúcio Alcântara. De real neste enredo é que o Ibope ou qualquer outro instituto dificilmente comete erro em pesquisa de boca de urna. Entre choros e risos, depois de proclamado o resultado oficial, coube a sentença do Bruxo do Cosme Velho em seu romance Quincas Borba: “Ao vencido, ódio ou compaixão; ao vencedor, as batatas.

* Francisco Bezerra,

Jornalista, radialista e professor.

IBGE – Rendimento do trabalhador brasileiro cresceu 1,7% em agosto

“O rendimento médio real habitual do trabalhador brasileiro ficou em R$ 2.055,50 em agosto deste ano. Segundo a Pesquisa Mensal de Emprego (PME), divulgada hoje (25) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o rendimento é 1,7% superior ao verificado em julho (R$ 2.022,04). Se comparado com agosto de 2013, o índice é 2,5% maior, quando o rendimento médio real foi R$ 2.005,72.

Nos empregados com Carteira de Trabalho assinada, o rendimento ficou em R$ 1.876,60, 1,2% maior do que julho deste ano e 1,1% superior a agosto do ano passado. Já nos empregados sem carteira assinada, o rendimento foi R$ 1.499,30, ou seja, maior do que julho deste ano (0,9%) e do que em agosto do ano passado (1%).

Entre os grupamentos de atividade, na comparação com julho deste ano, seis dos sete segmentos tiveram crescimento, com destaque para a educação, saúde e administração pública (3,2%). Apenas a indústria teve rendimento estável. Na comparação com agosto do ano passado, cinco das sete atividades tiveram crescimento no rendimento. O destaque ficou com a construção (6,5%). Duas atividades tiveram queda: serviços prestados à empresa (-1,6%) e outros serviços (-0,7%).”

(Agência Brasil)

O afunilamento da campanha reserva surpresas?

68 4

camileuni

Da Coluna Política do jornalista Érico Firmo, o O POVO desta quinta-feira, uma análise sobre o desempenho dos candidatos ao Governo nas última pesquisas. Confira:

Há um dia de diferença entre o fim da aplicação da pesquisa Datafolha, que O POVO divulgou domingo, e o início do Ibope, divulgado ontem pela TV Verdes Mares. Como já ocorrera na rodada de pesquisas anterior, no início do mês, o Ibope mostra os dois líderes ligeiramente acima do patamar em que os coloca o Datafolha. A diferença de Eunício Oliveira (PMDB) para Camilo Santana (PT) é um pouco menor: sete pontos na primeira, cinco na segunda. Evidentemente, a maior proximidade é boa para Camilo, apesar de a diferença estar dentro da margem de erro.

Com pesquisas diferentes, usando metodologias diferentes, não é recomendável tratar uma como evolução da outra. De todo modo, no fundamental, o comportamento que o Ibope aponta é similar ao identificado no Datafolha. Camilo sobe, embora sem a ênfase inicial. Eunício resiste e até avança. Considerada a margem de erro de três pontos percentuais, o Datafolha já projetava que o peemedebista poderia estar com o percentual obtido, de 43%. Porém, os 38% obtidos por Camilo são índice que o petista não poderia alcançar na pesquisa que O POVO divulgou domingo, mesmo com a variação máxima da margem de erro.

A grande novidade na pesquisa de ontem: com três pontos de margem de erro para mais ou para menos, pela primeira vez há empate técnico. Eunício pode ter entre 43% e 46%. Camilo, de 35% a 41%. Há uma zona de intercessão, portanto. Por outro lado, como os percentuais de Eliane Novais (PSB) e Ailton Lopes (Psol) são bem acanhados, mesmo com esse empate técnico, o peemedebista poderia vencer no primeiro turno se a eleição fosse hoje. Tem 43%, contra 42% da soma dos demais.

Pela tendência do que apontam as pesquisas, se as coisas seguirem no atual rumo pela próxima semana e meia, a eleição pode caminhar para um segundo turno que parecia bastante improvável a princípio, devido à falta de mais candidaturas competitivas. Isso em função do impressionante equilíbrio, aliado a uma candidatura que cresce, enquanto outra fica estável.

Porém, nada garante que as coisas continuarão no rumo em que estão. Os dois lados guardam armas poderosas para os últimos dias. As ofensivas serão agressivas. A definição será nas ruas.