Blog do Eliomar

Últimos posts

Moroni Torgan – Um pastor em dois altares

moroninho

O presidente regional do DEM, Moroni Torgan, desembarcou, nas últimas horas, de São Paulo, após missão como pastor dos mórmons.

Aliás, hoje ele comanda um partido dividido: uma banda reza pró-candidato a governador Camilo Santana (PT/pros), enquanto outra reza pró-candidato a governador Eunício Oliveira (PMDB).

Moroni retoma sua campanha eleitoral dentro do objetivo de ser um dos mais votados para deputado federal. Ele adota a estratégia de caminhadas principalmente pelos bairros da periferia de Fortaleza.

Família lembra Eduardo Campos durante missa no Recife

“Está marcada para as 20 horas de hoje (19) a missa de sétimo dia em homenagem ao ex-governador de Pernambuco e candidato à Presidência da República pelo PSB, Eduardo Campos, morto na quarta-feira (13), em um acidente aéreo no litoral de São Paulo. A cerimônia religiosa, em Recife, ocorrerá na Paróquia Sagrado Coração de Jesus, na Praça de Casa Forte, zona norte do Recife. A missa será celebrada pelo pároco Edvaldo Gomes.

A família Campos sempre frequentou a igreja de Casa Forte, como é popularmente conhecida a paróquia. Lá, Campos batizou, em janeiro, o filho mais novo, Miguel. O templo tem capacidade de receber cerca de 400 fiéis.”

(Agência Brasil)

Eliane Novais vai à feira e promete gestão descentralizada e do diálogo

elianefruita

Eliane Novais, candidata ao Governo pelo PSB, fez campanha, nesta manhã de terça-feira, na feirinha do bairro Vila União, em Fortaleza. Ali, distribuiu panfletos  e expôs suas propostas. Ela prometeu “uma nova maneira de governar o Ceará, fazendo um governo descentralizado e presente nas macrorregiões do Estado”.

A candidata discusou: “Esse governo atual não tem tido atenção necessária para os movimentos sociais, atenção para os movimentos sindicais. E aqui viemos dizer que sim, temos experiência e capacidade para fazer um grande governo, um governo voltado para o povo. Essa será nossa maior diferença”.

(Foto – Divulgação)

IFCE manda nota expondo sobre portaria das 30 horas de jornada

143 1

Sobre protesto dos servidores do IFCE relacionado à concessão de jornada de 30 horas, a Reitoria da Instituição, mandou a seguinte nota para o Blog:

Caro Eliomar de Lima,

A Reitoria do Instituto Federal do Ceará (IFCE) apresentou, na manhã desta segunda-feira, 18, a minuta de portaria que estabelecerá os critérios para a concessão de jornada de trabalho especial, de 30 horas semanais, para os servidores técnico-administrativos da instituição. A normatização atende à recomendação da Controladoria Geral da União (CGU).

A portaria cumpre as condições estabelecidas no Decreto nº 1590/95, que estabelece os critérios para a concessão do regime de 30 horas para os servidores públicos federais. Assim, terão direito à flexibilização da jornada servidores que executarem serviços de atendimento ao público (a alunos), durante 12 horas ininterruptas ou por trabalho em período noturno (até 21h), em ambos os casos por exigência de serviço. Excetuam-se a essa possibilidade ocupantes de cargos de direção (CDs) ou funções gratificadas (FGs), servidores únicos no setor de lotação ou que ocupem cargos com jornada especial definida em legislação específica.

De acordo com o cronograma previsto na portaria, os servidores terão 30 dias, contados a partir da data de publicação da portaria, para solicitar a flexibilização da jornada de trabalho. Os pedidos devem ser analisados e encaminhados pelos chefes de cada setor para emissão de pareceres, em sequência, dos gestores das respectivas unidades (diretores-gerais de campi, pró-reitores, diretores sistêmicos e chefe de gabinete da reitoria), de uma comissão permanente a ser composta por técnicos administrativos e do reitor.

Até a análise dos pedidos, todos os servidores poderão manter a jornada de trabalho que praticam atualmente. Após a avaliação, por parte do reitor, dos pareceres emitidos pela comissão, será publicada uma portaria, definindo o horário de funcionamento dos setores do IFCE e os servidores que terão direito à jornada reduzida. Com a publicação desse ato normativo – o que deve se dar em no máximo 100 dias a partir da publicação da portaria -, os servidores que não forem contemplados deverão retornar ao regime de 40 horas. A proposta inicial é que o controle de frequência se dê por meio de ponto eletrônico, a ser regulamentado em até seis meses.

A reunião de apresentação da portaria foi conduzida pelo reitor Virgílio Araripe, que afirmou que o trabalho de análise dos pedidos dos servidores será feito “com muita seriedade e com muita transparência”. “Como gestor, devemos obedecer à legislação. Quem tiver, legalmente, esse direito será contemplado”, afirmou.

O reitor destacou ainda que a comissão de análise dos pedidos deve ser criada nos próximos dias e facultou às quatro seções sindicais que representam os servidores do IFCE que indiquem um nome para a referida comissão. Além disso, o gestor solicitou aos diretores-gerais, pró-reitores e diretores sistêmicos que conversem com os servidores lotados em suas unidades durante esta semana, de forma a esclarecer aos técnicos administrativos os detalhes da portaria.

* Reitoria do IFCE.

Julho vira mês do cheque sem fundo

“A devolução de cheques por insuficiência de fundos no mês passado chegou a 2,24%, o maior nível registrado para um mês de julho desde o início das medições em 1991, mostra a empresa de consultoria Serasa Experian. No mesmo mês do ano passado, esse percentual atingiu 2,03%. Houve alta também em relação ao mês de junho, quando a inadimplência com cheques chegou a 1,92%. No acumulado dos primeiros sete meses deste ano, o percentual de devoluções atingiu 2,11%. No mesmo período do ano passado, a inadimplência ficou em 2,07%.

Roraima liderou o ranking estadual dos cheques sem fundos nos primeiros sete meses de 2014, com 12,13% de devoluções. O Amazonas, por sua vez, foi o estado com o menor percentual (1,15%). Entre as regiões, a Norte foi a que liderou o ranking, com 4,31% de cheques devolvidos, e a região Sudeste foi a que apresentou o menor percentual (1,62%).

Segundo os economistas da Serasa Experian, o brasileiro enfrentou maior dificuldade para honrar com seus compromissos financeiros no início do segundo semestre pelo contexto de estagnação da economia, juros elevados, inflação em patamar desconfortável e enfraquecimento do mercado de trabalho.”

(Agência Brasil)

Camilo Santana evita falar sobre defecções registradas em sua base de apoio

camilosantanana

O candidato a governador pelo PT/Pros, Camilo Santana, não quis comentar a saída do Partido Solidariedade (SDD) e de lideranças políticas do Interior para a coligação adversária de Eunício Oliveira (PMDB), anunciada na manhã de ontem. Perguntado, nessa noite de segunda-feira, em clima de palestra para o empresariado do CIC, no auditório da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), disse apenas: “Meu papel é discutir com as pessoas, apresentar, ouvir. Existe uma coordenação da campanha que trata dessas questões”.

Camilo também preferiu não opinar sobre a declaração do presidente nacional do PT, Rui Falcão, feita ao O POVO na última semana, de que a presidente Dilma Rousseff (PT) não tem previsão de agenda na campanha do Ceará e de que, por enquanto, a petista não priorizará nenhum dos candidatos de sua base no Estado – Camilo ou Eunício. “Eu sou o candidato do mesmo número da presidente Dilma. Em toda minha propaganda, vocês não vão encontrar uma que não tenha Dilma”, disse.

(Com  O POVO)

Bolsa tem alta influenciada por pesquisa do Datafolha

“A possibilidade de derrota de Dilma Rousseff (PT) em um eventual segundo turno contra Marina Silva, que deve ser a sucessora de Eduardo Campos na chapa do PSB, contribuiu para a alta de 1,05% do Ibovespa no pregão de ontem, segundo analistas do mercado financeiro.

Pesquisa Datafolha, divulgada ontem, mostrou que Marina venceria com 47% das intenções de voto, contra 43% de Dilma. A valorização da bolsa brasileira foi impulsionada, principalmente, pela alta dos papéis da Petrobras. As ações preferenciais da petroleira (sem direito a voto) subiram 1,50% e as ordinárias, 1,11%.”

(Veja)

Transposição do São Francisco – Dilma ainda sem agenda para a inspeção

fcoteixeiraaa

Sem previsão a visita que Dilma fará às obras da Transposição, informa o ministro Francisco Teixeira (Integração Nacional). Ela havia programado essa inspeção para o último sábado, mas a morte de Eduardo Campos cancelou tudo.

Francisco Teixeira reitera que o prazo de conclusão do projeto permanece o mesmo: até segundo semestre de 2015. Hoje são mais de 11.500 homens nas frentes de serviço dos eixos Norte e Leste da transposição.

Eleições 2014 – Aécio não vai bater em Marina. Deixa tarefa para o PT

“Pelo menos neste início de campanha, Aécio Neves não sairá batendo em Marina Silva. A cúpula da campanha tucana considera prioritário neste momento tornar Aécio conhecido.

Pelas pesquisas internas do partido, 40% dos brasileiros ainda não o conhecem, enquanto suas oponentes são conhecidas por todo o eleitorado.

O PSDB acha que a tarefa de desconstruir Marina já está sendo tocada na internet pelo PT.”

(Coluna Radar, da Veja Online)

XII Mostra Brasileira do Teatro Transcendental começa nesta 3ª feira

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=FMXu17xq9ZQ[/youtube]

Começa nesta quarta-feira, no Teatro Via Sul, a XII Mostra Brasileira do Teatro Transcendental. O organizador do evento, Luís Eduardo Girão, da ONG Estação da Luz, conversou com o Blog sobre a mostra, que vai se estender até domingo.

Além dos espetáculos, há também o lado filantrópico desse evento.

PT pede na Justiça Eleitoral mais espaço para Alexandre Padilha na Globo

72 2

“O PT entrou com pedido de liminar no Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo cobrando que a TV Globo garanta cobertura diária da campanha de Alexandre Padilha (foto) para o governo paulista. Com 5% das intenções de voto, o petista é acompanhado semanalmente.

Segundo os critérios da emissora, apenas os candidatos com mais de 6% são acompanhados diariamente, ou seja, Geraldo Alckmin (PSDB) e Paulo Skaf (PMDB). Na petição, o partido argumenta que a TV Globo descumpre com os critérios de isonomia e de garantia de oportunidade igualitária a todos os candidatos.

Por operar sob o regime de concessão pública, diz a peça, as emissoras de rádio e de TV não podem “ser usados para beneficiar esse ou aquele candidato, essa ou aquela candidatura; devendo pautar sua atuação durante as eleições pela imparcialidade”.

(Consultor Jurídico)

OAB/CE lançará 0800 para receber denúncias sobre corrupção eleitoral

79 2

valdetariomonteiro

Da Coluna Vertical, do O POVO desta terça-feira:

Nada de se acomodar nestas eleições. A Ordem dos Advogados do Brasil, regional do Ceará, vai operar, a partir de amanhã, com um telefone 0800 para receber denúncias, queixas e esclarecer dúvidas sobre o pleito deste ano. A informação é do presidente da entidade, Valdetário Monteiro, acrescentando que os detalhes técnicos para a operacionalização do sistema já estão sendo acertados com uma operadora.

“A OAB quer contribuir com um processo eleitoral limpo e transparente, onde o voto do eleitorado seja de fato respeitado”, explica Valdetário. Esse tipo de ação chega como reforço à parceria da Ordem com a Comissão Nacional Justiça e Paz, da CNBB, e outras entidades populares, dentro da campanha pelo voto consciente e contra a corrupção eleitoral.

Por falar em OAB, Valdetário está em Brasília expondo para o Conselho Federal da Ordem o trabalho do Centro de Apoio e Defesa do Advogado. O organismo opera desde 2010, via plantão 24 horas, com telefones e equipes recebendo queixa do advogado que se achar tolhido no exercício profissional. Deve virar modelo para outros estados.

Lula é destaque na propaganda do rádio

BRAZIL-POLITICS-LULA DA SILVA-ROUSSEFF

A propaganda eleitoral no rádio abriu com candidatos a presidente da República. O destaque ficou para o ex-presidente Lula, que pediu votos e apoio para a reeleição de Dilma Rousseff. Ambos falaram que o País mudou nos últimos 10 anos, principalmente no aspecto social. O jingle de Dilma, sem dúvida, muito mais interessante.

Aécio Neves fez sua apresentação como candidato, enquanto o PSB homenageou a memória de Eduardo Campos, que era o candidato da legenda à presidência da República.

DETALHE – O candidato a vice-presidente Michel Temer, do PMDB, não apareceu na propaganda.

Sinpol denuncia irregularidades na segurança pública em Iguatu

78 1

Um aparelho de raio X, comprado há seis anos para a Coordenadoria de Medicina Legal (Comel), nunca foi utilizado. Uma sala para procedimentos do órgão que há anos não fica pronta. Uma delegacia que há quatro meses ficou pronta, mas que o Estado insiste no funcionamento em um prédio alugado.

Essas são algumas irregularidades encontradas no município de Iguatu e que serão apresentadas na manhã desta terça-feira (19), na sede do Sindicato dos Policiais Civis de Carreira do Estado do Ceará (Sinpol/CE), na rua Monsenhor Luís Rocha, 18, no Centro de Fortaleza, a partir das 9h30min.

Segundo o presidente do sindicato, inspetor Gustavo Simplício, vídeos serão apresentados à imprensa com outras irregularidades que estariam fragilizando a segurança pública no município.

(Sinpol-CE)

A Assessoria de Imprensa da SSPDS mandou notas esclarecendo as denúncias feitas pelo Sinpol-CE. Confira:

* Polícia Civil:

“A Delegacia Geral da Polícia Civil do Ceará informa que em relação à construção da nova Delegacia Regional de Iguatu o valor total da obra é R$ 874.759, 73, dos quais já foram pagos R$ 695.232,56, o equivalente a 83,29% do recurso total, para a empresa contratada. O saldo remanescente R$ 139.527,17 deverá ser pago após a construtora apresentar as medições da obra ao Departamento de Arquitetura e Engenharia (DAE) e a nota fiscal para a Polícia Civil.”

* Pefoce

“A Perícia Forense do Estado Ceará informa que o Núcleo de Perícia Forense da Região Centro Sul no município de Iguatu está com o atendimento médico legal regularizado. A escala dos médicos peritos legistas está completa, tendo todo o atendimento normalizado e sem pendências de laudos. Em relação ao aparelho de Raio X, a Pefoce informa que o referido aparelho está aguardando uma peça que se encontra em manutenção. Porém, a falta temporária do mesmo, não prejudica o trabalho desenvolvido no Núcleo.”

Assessora de Comunicação, 

Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social.

Horario Eleitoral abre com candidatos a presidente da República

47 1

A partir de hoje, o eleitor poderá conhecer as propostas dos mais de 26 mil candidatos às eleições de outubro. Começa a propaganda partidária no rádio e na TV. O horário eleitoral segue até o dia 2 de outubro, três dias antes da votação do 1º turno. Propagandas de candidatos a presidente e deputado federal serão veiculadas às terças, quintas e sábados.

Já o material de candidatos a senador e deputado estadual vai ao ar às segundas, quartas e sextas. O horário eleitoral ainda é a principal chance de candidatos ganharem visibilidade para conquistar votos.

 

Ciro promete virada sobre Eunício em 10 dias

123 11

ciroororo

“O secretário estadual da Saúde, Ciro Gomes (Pros), liderou reunião ontem à noite em Maracanaú com apoiadores de Camilo Santana (PT) para animá-los e tranquilizá-los quanto aos números das pesquisas de voto para o governo, que mostram Eunício Oliveira (PMDB) na liderança com larga vantagem sobre o petista.

Ciro prometeu aos aliados que Camilo vai virar o jogo após 10 dias de programa eleitoral na televisão – e fez novos ataques a Eunício, a quem acusou de enriquecer mediante “contratos obscuros com o governo federal”.

“A finalidade desse encontro é ativar nossa militância (…) O nosso pessoal tá meio capiongo com a divulgação das pesquisas. Eu digo a vocês: não se preocupem com isso”, discursou Ciro para as dezenas de prefeitos (incluindo Roberto Cláudio, do Pros), deputados estaduais e federais e outras lideranças reunidas no Clube Zoeira.

Pesquisa O POVO/Datafolha divulgada na última quinta mostra Eunício com 47% das intenções de voto na consulta estimulada. Camilo, candidato do governador Cid Gomes (Pros), aparece em segundo com 19%.”

(O POVO)

Dilma admite que “saúde no Brasil não é minimamente razoável”

84 1

doo

“Em uma entrevista tensa ao “Jornal Nacional”, na qual discutiu com os apresentadores William Bonner e Patrícia Poeta, a presidente Dilma Rousseff admitiu ontem que, após 12 anos de governo PT, a situação da saúde pública no país não pode ser considerada minimamente razoável.

Dilma afirmou que os primeiros passos para enfrentar o problema foram dados com a contratação de médicos cubanos para atuação na assistência básica, através do programa Mais Médicos. “A senhora diria aqui aos telespectadores, que enfrentam filas e filas, que a saúde do país, hoje, é minimamente razoável depois de 12 anos?”, questionou Poeta.

“Não, não acho”, respondeu Dilma. “Até porque o Brasil precisa de uma reforma federativa. Porque há responsabilidades federais, estaduais e municipais. Nós assumimos com o Mais Médicos o atendimento aos postos com uma responsabilidade basicamente federal. É compartilhada, mas assumimos como federal porque temos mais recursos. (…) Temos que melhorar a saúde e eu não tenho dúvida disso”, respondeu.

Questionada sobre os fracos resultados na área econômica e a insistência em dizer que o mercado é pessimista, Dilma afirmou que o Brasil conseguiu combater a crise internacional sem aumentar os índices de desemprego e sem redução salarial, além da queda na tributação. Os vários casos de corrupção que vieram à tona durante o governo petista foram lembrados pelos apresentadores que perguntaram à presidente como fazer para que um futuro governo consiga combater o problema. Em resposta, Dilma destacou a atuação da Polícia Federal nas investigações mas lembrou que em alguns casos, comprovou-se que o suspeito não teve qualquer conduta irregular.

“Nós fomos aquele governo que mais estruturou os mecanismos para investigar, prender e descobrir. Além disso, tivemos relação muito respeitosa com Ministério Público e nenhum Procurador-Geral da República foi chamado de ‘engavetador-geral da República’. Também escolhemos com absoluta isenção os procuradores”, disse. Ao se alongar para responder às perguntas, Dilma acabou discutindo com os apresentadores em alguns questionamentos. Enquanto Bonner e Poeta tentavam interromper a presidente para avançar nas perguntas Dilma pedia calma e tempo para concluir seu raciocínio.

Sem tempo para concluir sua fala, Dilma encerrou a entrevista pedindo voto para “o Brasil seguir mudando”.

(O POVO com agências)