Blog do Eliomar

Últimos posts

O Papa é pop!!

65 1

zenitt

O Papa Francisco é uma personalidade surpreendente.

Nesta sexta-feira, ele resolveu ir até a lanchonete e enfrentar o bandejão. Almoçou com os trabalhadores do Vaticano.

São atitudes como essa que fazem de Francisco um líder religioso carismático. Ou melhor, sem frescura.

(Foto – Osservatore Romano/Reuters)

Descartada no PSB, Nicolle retoma a rotina empresarial

foto nicolle barbosa

Descartada pela direção estadual do PSB da disputa governamental, Nicolle Barbosa resolveu dar uma boa pausa na política.

Já retomou, inclusive, o controle operacional de sua empresa de brindes. Dentro dessa nova rotina, está fechando negócios com fornecedores no eixo São Paulo-Rio-Minas Gerais.

Bom lembrar também que Nicolle entregou o comando do PSB de Fortaleza. Mas ela garante que seu voto para presidente é certo para Eduardo Campos.

TCM – Observatório de Licitações gera economia de R$ 9,9 milhões para 71 Prefeituras

chicoaguiarr

O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, Francisco Aguiar,  informa que,  por meio da ação de suas equipes técnicas, o Observatório de Licitações conseguiu gerar uma economia de R$ 9,9 mi para 71 municípios. Isso, desde março último, quando esse organismo começou a atuar nessas cidades cearenses acompanhando, no próprio local, 131 processos licitatórios.

As equipes técnicas do Observatório de Licitações do TCM constataram irregularidades e ocorrências que impediram a conclusão de procedimentos licitatórios, gerando economia essa economia para os cofres cearenses. As licitações programadas nas prefeituras e câmaras municipais, no período, envolveriam recursos no valor de R$197.822.012,59.

Durante o acompanhamento realizado pelo TCM, constatou-se que 61,40% das licitações examinadas apresentavam irregularidades diversas. As principais são: 12,5% com justificativa ausente ou insuficiente, quando não há motivos ou quando ou quando estes não são determinantes para a realização da licitação; e em 11,5% houve restrição de competitividade, quando não promove a competição, ferindo a isonomia e a impessoalidade.

Eleições 2014 – Um grupo de lideranças do comércio dará apoio a Camilo Santana

honorio

Honório é candidato a segundo suplente de senador.

O candidato a governador pelo PT/Pros, Camilo Santana, tendo ao lado a postulante a vice, Izolda Cela, e o candidato ao Senado, Mauro Filho, ganhará apoio de lideranças lojistas do Estado. Isso ocorrerá, a partir das 13 horas desta sexta-feira, durante almoço no Marina Park Hotel.

O almoço, com direito a adesão de lideranças do setor, foi articulado pelo presidente da Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas (FCDL), Honório Pinheiro, que integra a chapa do candidato Mauro Filho ocupando a segunda suplência.

Eleições 2014 – Eunício Oliveira prestigia lançamento da candidatura de Capitão Wagner

413 1

euncocap

Antes de viajar conferir a festa da padroeira de Independência, o candidato a governador pelo PMDB, Eunício Oliveira, participará, no começo da noite desta sexta-feira, em seu comitê central, de um ato que promete ser dos mais concorridos: o lançamento oficial da campanha do vereador Capitão Wagner (PR), que briga por vaga de deputado estadual.

O Capitão Wagner integra a lista dos “puxadores de voto”  da coligação eunicista. Foi o vereador mais votado de Fortaleza e, quando saiu da suplência para assumir, por três meses, cadeira na Assembleia Legislativa, comandou, no fim de 2011 para 2012, uma greve geral na área policial do Estado.

(Foto – Divulgação)

Eleições 2014 – Maioria dos candidatos registrados tem de 45 a 49 anos

A maioria dos candidatos registrados para disputar as Eleições 2014 é formada por pessoas de 45 a 49 anos. São mais de 25 mil candidatos no total, incluindo os postulantes a cargos de vice e suplente. Desse universo, 4.279 estão nessa faixa etária, representando 17,05% do total.

A informação está no banco de dados do Sistema de Divulgação de Candidaturas (DivulgaCand 2014), do Tribunal Superior Eleitoral, que entrou em operação a partir da tarde dessa quinta-feira.

Em seguida, aparecem os candidatos que têm de 50 a 54 anos, representando 16,27% do total e somando 4.081 pessoas. Nas extremidades, estão 22 candidatos com a menor faixa etária, de 18 a 19 anos, e três candidatos com mais de 100 anos.

Nas Eleições 2010, a maioria dos candidatos também tinha de 45 a 49 anos, porém, a porcentagem era ainda maior, com 47% dos candidatos com essa idade, somando 10.647 ao todo.

(Com TSE)

Nelson Martins deve deixar a SDA e reforçar a coordenação da campanha de Camilo

120 3

foto nelson martins

Nelson Martins deve deixar, nesta sexta-feira, o cargo de secretário estadual do Desenvolvimento Agrário (SDA). Hora de reforçar a equipe de campanha do candidato a governador pelo PT/Pros, Camilo Santana.

Vai atuar numa coordenação que quer popularizar mais Camilo nos rincões cearenses. Nelson, como deputado estadual, sempre ganhou votos nesses pontos do Estado e em comunidades rurais

Sisutec 2014 – Último dia de inscrições

“Termina nesta sexta-feira o prazo de inscrição para o Sistema de Seleção Unificada da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec). Os interessados podem se candidatar pela internet, no site do programa. Lá também é possível consultar a lista de cursos disponíveis. O Sisutec oferece cursos técnicos gratuitos em instituições públicas, particulares e do Sistema S.

Nesta edição serão ofertadas 289.341 vagas. Para concorrer, o candidato precisa ter concluído o ensino médio e feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) do ano passado, sem tirar zero na redação. Pelas regras do Sisutec, 85% das vagas são destinadas a candidatos que cursaram o ensino médio em escolas públicas ou privadas, como bolsistas integrais.”

(Agência Brasil)

TJ do Ceará arquiva pedido de abertura de processo contra desembargador

87 1

O Pleno do Tribunal de Justiça do Ceara (TJCE) votou nesta quinta-feira, 24, pelo arquivamento do pedido de instauração de Processo Administrativo Disciplinar contra o desembargador aposentado Váldsen da Silva Alves Pereira, por supostas irregularidades na concessão de liminares que teriam beneficiado 346 pessoas em concurso da Polícia Militar do Ceará, realizado durante o ano de 2008.

De acordo com o relatório da acusação, Alguns beneficiados não teriam participado de todas as etapas da seleção e, cerca de 30 deles, sequer chegaram a se inscrever no concurso. Tal conduta teria se repetido em três ocasiões e, em todas elas, o advogado impetrante era o mesmo.

A defesa do desembargador alegou que essa conduta está autorizada na Lei do Mandado de Segurança (Lei nº 12.016/2009), que autoriza o ingresso de litisconsortes até a prolação do despacho inicial. Segundo a defesa, não cabia ao magistrado investigar a respeitosde fatos eventualmente contrários à pretensão autoral, já que somente vieram aos autos provas da não classificação de candidatos após a apresentação de informações.

VOTAÇÃO

Dos 25 desembargadores presentes, apenas quatro se manifestaram a favor da abertura do processo: os desembargadores Lincoln Araújo e Silva (relator), Francisco Sales Neto (corregedor-geral), Nailde Pinheiro Nogueira e Mário Parente Teófilo Neto.

Os outros 21 desembargadores votaram pelo arquivamento: Rômulo Moreira de Deus, Francisco de Assis Filgueira Mendes, Francisco Pedrosa Teixeira, Clécio Aguiar de Magalhães, Sérgia Maria Mendonça Miranda, Jucid Peixoto do Amaral, Paulo Francisco Banhos Ponte, Francisca Adelineide Viana, Durval Aires Filho, Francisco Darival Beserra Primo, Washington Luis Bezerra de Araújo, Teodoro Silva Santos, Carlos Rodrigues Feitosa, Luís Evaldo Gonçalves Leite, Francisco Gomes de Moura, Maria Vilauba Fausto Lopes, Lisete de Sousa Gadelha, Raimundo Nonato Silva Santos, Paulo Airton Albuquerque Filho, Maria Edna Martins e José Tarcílio Souza da Silva.

Prefeito Roberto Cláudio vai ao CIC expor sobre mobilidade urbana

53 1

robertoclaudios

Da Coluna Vertical, do O POVO desta sexta-feira:

O Centro Industrial do Ceará, que está completando 95 anos de existência neste ano, comemora a data com uma série de encontros e debates tendo gestores públicos e empresários nacionais e locais como convidados.

Depois de ouvir o governador Cid Gomes sobre sua gestão e legado que deixará para o sucesso, no último dia 23, agora é a vez do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio. Ele vai ao CIC na próxima terça-feira, atendendo a um convite do presidente da entidade, José Dias de Vasconcelos. Falará para o empresariado sobre mobilidade urbana e infraestrutura. O encontro ocorrerá às 18h30min, no auditório da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec).

Tomara que não atrase. É que a cidade vive um trânsito dos diabos por conta de tanto engarrafamento e desvio de obras.

 

Grupo de investigação do Ministério Público Eleitoral é extinto em meio a crise

74 1

Um novo capítulo da crise entre membros do Ministério Público (MP) do Ceará atingiu desta vez a estrutura de fiscalização das eleições de 2014. Alegando “vários problemas externos”, o procurador regional eleitoral, Rômulo Conrado, dissolveu a equipe que auxiliava a Procuradoria em investigações sobre fraudes, abuso de poder, corrupção e outros crimes relacionados à campanha política.

O Grupo de Atuação da Procuradoria Eleitoral (Gapel), criado por Conrado em outubro de 2013, deixa de existir. “A ideia era fazermos um trabalho diferenciado, mas houve uma série de resistências que causaram prejuízo ao nosso trabalho”, justificou.

Composto por cinco promotores de Justiça – integrantes do MP estadual –, o Gapel se tornou o centro da crise no MP cearense. Sua atuação vinha sendo criticada por parte do Ministério Público Federal (MPF), que questiona a competência jurídica dos promotores em algumas atividades no âmbito eleitoral.

O procurador da República Oscar Costa Filho, um dos que contestam a legitimidade do Gapel, afirmou que havia “vício de investidura”, já que, segundo ele, os promotores agiam indevidamente como procuradores eleitorais. “Eles já vinham em marcha forçada. Isso foi pesando, até que ele não aguentou”, avaliou Costa Filho, referindo-se à extinção da equipe.

Em linha oposta, Rômulo Conrado argumentou que o comando dos processos investigativos era feito pela Procuradoria Regional Eleitoral, e que Grupo atuava apenas como braço auxiliar, prerrogativa prevista em lei, conforme alegou.

Consequências

Perguntado sobre os efeitos do fim do Gapel para a fiscalização da campanha deste ano, Conrado admitiu que “há prejuízo”. “Agora a gente vai ter de consultar sozinho todo o trabalho investigativo nos municípios. O Gapel fazia uma ponte entre a gente (MP eleitoral) e os promotores, nas cidades. Agora esse caminho vai ficar mais difícil”, analisou.

Desde o ano passado, o Grupo vinha participando de investigações sobre supostos crimes envolvendo a disputa por votos – casos que não foram revelados ao O POVO, para evitar o comprometimento das apurações. De acordo com Rômulo Conrado, o trabalho terá continuidade, e os promotores continuarão exercendo o poder de investigação, separadamente, em suas comarcas.

(O POVO)

ONU registra aumento da expectativa de vida no Brasil

A expectativa de vida no Brasil aumentou 17,9% entre 1980 e 2013, passando de 62,7 para 73,9 anos, um aumento real de 11,2 anos. O avanço foi apontado no Relatório de Desenvolvimento Humano 2014 divulgado nessa quinta-feira (24) pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). Segundo o ministro da Saúde, Arthur Chioro, o crescimento foi possível em razão das medidas de combate à desnutrição, redução da mortalidade materna e infantil, ampliação do acesso a vacinas e medicamentos gratuitos, melhoria do atendimento às mães e bebês, enfrentamento das doenças crônico-degenerativas e das chamadas mortes violentas, entre outras ações na área de atenção básica e urgência e emergência.

O ministro comentou a diferença na melhoria de indicadores de saúde, educação e renda. “Partimos de um cenário de muita desigualdade. Se olharmos, por exemplo, a mortalidade infantil, fizemos uma redução de 70% entre 1980 e 2012. No entanto, ela não reduziu igual. A queda foi maior no Norte e no Nordeste, onde era muito mais acentuada. E isso acaba acontecendo em praticamente todas as situações. Se tivéssemos partido de um patamar mais homogêneo do país, talvez a capacidade de resposta das políticas públicas pudesse também acompanhar um ritmo mais homogêneo”, avaliou.

O relatório colocou o Brasil na 79ª posição do ranking do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) entre 187 países, com um valor de 0,744 (categoria de Alto Desenvolvimento Humano). Entre 1980 e 2013, o valor do IDH do Brasil aumentou 36,4%. O índice está acima da média de 0,735 para os países do grupo de Alto Desenvolvimento Humano e acima da média de 0,740 para os países da América Latina e Caribe.

Também houve crescimento na expectativa da vida nos últimos anos: em 2010, a estimativa era de 73,1 anos, já no ano passado passou para 73,9 anos. Os resultados seriam ainda melhores se o PNUD utilizasse dados atualizados para a elaboração do relatório. A instituição internacional usou uma projeção de 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para chegar ao índice de 73,9 anos. Caso considerasse as estatísticas de 2013, já disponibilizados pelo IBGE, a esperança de vida ao nascer seria de 74,8 anos. Se fossem considerados esses números a outros dados defasados, como o de escolaridade, o país sairia da 79ª posição para a 67ª.

(Agência Saúde)

Agenda de Convergência garante direitos de crianças e adolescentes no Fortal

A Prefeitura de Fortaleza realizará ações da Agenda de Convergência para garantir a proteção de crianças e adolescentes durante o Fortal 2014. A experiência, desenvolvida na Copa do Mundo 2014 e na Copa das Confederações 2013, reúne órgãos municipais, estaduais, de Justiça e da sociedade civil para coibir casos de violações de direitos em crianças e adolescentes.

Durante os quatro dias do evento, 64 educadores sociais e oito técnicos fazem abordagem social e de conscientização no entorno da festa. Os profissionais são da Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci), Secretaria Municipal de Trabalho, Desenvolvimento Social e Combate à Fome (Setra) e Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS).

A ação acontece das 20h às 2h em escalas diárias com 17 educadores sociais e dois técnicos que coordenam os trabalhos.

Aliança nacional

A Agenda de Convergência é uma iniciativa do Governo Federal, governos estaduais e municipais criada para garantir a proteção de crianças e adolescentes no contexto de grandes eventos. Durante a Copa do Mundo, mais de 700 profissionais atuaram em Fortaleza, em regime de plantão, para combater quaisquer violações de direitos de crianças e adolescentes, como trabalho infantil, desaparecimento, mendicância, abuso e exploração sexual e uso de álcool e outras drogas.

(Prefeitura de Fortaleza)

M.Officer pode ser banida do mercado por uso de trabalho análogo à escravidão

b.officer

A marca M.Officer pode ser banida do mercado brasileiro a pedido do Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT/SP) em razão do uso de trabalho análogo à escravidão na cadeia produtiva da empresa M5 Indústria e Comércio, detentora da grife.

Uma ação civil pública, ajuizada no último dia 15, exige o pagamento de indenização de R$ 10 milhões e a aplicação da Lei Paulista de Combate à Escravidão. A lei, aprovada no ano passado, prevê a cassação do registro do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e impede que proprietários exerçam atividades no mesmo ramo ou abram nova empresa no estado paulista por dez anos.

Seis fiscalizações feitas pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) em conjunto com o MPT, a Defensoria Pública da União (DPU) e a Receita Federal deram origem à ação. Dutante as diligências, foram encontradas condições degradantes, como fiação exposta de máquinas, botijões de gás, banheiros coletivos com forte odor de urina, poeira excessiva, falta de iluminação, ausência de equipamento de proteção individual e de extintores de incêndio. Além disso, os trabalhadores, na maioria imigrantes, moravam no próprio local e recebiam de R$ 3 a R$ 6 reais por peça produzida e cumpriam jornadas médias de 14 horas.

“Eles trabalhavam exaustivamente para conseguir o máximo de valor. As diligências mostraram a mesma realidade em todas as oficinas. Identificamos que a situação verificada em novembro não era episódica [e se repetiu em maio]. Ela fazia parte da cadeia produtiva da marca”, explicou a procuradora Tatiana Simonetti.

A Agência Brasil procurou a M5 Indústria e Comércio para que empresa comentasse a ação do MPT, mas, até o momento de publicação da reportagem, não houve retorno.

(Agência Brasil)