Blog do Eliomar

Últimos posts

Luizianne Lins reúne “frente de oposição” em missa de aniversário

Petistas e republicanos marcaram presença na missa pelo aniversário da ex-prefeita Luizianne Lins, na noite desta segunda-feira (16), na Igreja Pequeno Grande, no Centro.

Entre os presentes estavam o ex-governador Lúcio Alcântara, o ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, os vereadores Capitão Wagner e Ronivaldo Maia, além da ex-prefeita Maria Luiza e ex-secretários e ex-assessores da última gestão.

Municípios separados cresceram menos, mostra livro do Ipea

O que está em jogo no projeto de lei que viabilizaria a potencial criação de centenas de novos municípios, cujo veto deverá ser apreciado esta semana? Como o desenvolvimento brasileiro se distribuiu pelo território nas últimas décadas? De que maneira evoluíram as desigualdades regionais? Como tornar o desenvolvimento mais equilibrado no território brasileiro de forma sustentável?

Essas e outras perguntas nortearam a edição 2013 do projeto Brasil em Desenvolvimento, que teve como tema Desenvolvimento inclusivo e sustentável: um recorte territorial. A publicação será lançada na tarde desta terça-feira (17), na sede do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), em Brasília, com a participação do presidente do Instituto e ministro-chefe da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, Marcelo Neri, e do diretor de Estudos e Políticas Regionais e Urbanas do Ipea, Rogério Boueri.

Com três volumes, que reúnem contribuições de 60 autores em 30 capítulos, esta nova edição aborda a dinâmica territorial do desenvolvimento brasileiro recente e as políticas públicas indicadas para aprofundar e sustentar seu caráter inclusivo. A obra traz discussões e dados sobre as relações federativas e as dinâmicas social e econômica do território, abordando temas como estrutura tributária, migração, desigualdade regionais e sociais, cultura, educação, violência, mobilidade urbana, biodiversidade, entre outros.

(Ipea)

Cristovam: Sem educação, Brasil será refém do Bolsa Família

A falta de prioridade para os investimentos em educação, inovação, ciência e tecnologia por parte dos governos vai fazer do Brasil um país refém do Bolsa Família, na opinião do senador Cristovam Buarque (PDT-DF).

O senador reconhece que o benefício é importante para as famílias pobres, desde que o governo, além de condicionar o pagamento da bolsa à frequência das crianças e adolescentes à escola, invista em educação para que as próximas gerações não precisem receber essa ajuda.

O senador lamentou que muitas autoridades se orgulhem de dizer que o Brasil tem a sexta maior economia do planeta, lembrando que países com o produto interno bruto menor são mais desenvolvidos e oferecem melhor qualidade de vida às suas populações.

Cristovam mencionou o caso da Finlândia, que até pouco tempo atrás “era um simples exportador de madeira, bem primário”, como o Brasil, que só exportava soja, ressaltando o fato de que hoje a percentagem de bens de alta tecnologia e de outros é altíssima no seu produto interno bruto (PIB). No Brasil, no entanto, a percentagem de bens de alta tecnologia no (PIB) “é quase nada”. A economia do país, disse o senador, é baseada em bens primários, como produtos agrícolas, minérios e bens industriais, “mas sem alta tecnologia”.

O senador aproveitou para criticar o projeto que aprova o Plano Nacional de Educação, que, segundo ele, abrange várias metas muito abstratas e tímidas, incapazes de apagar o atraso e a desigualdade no país.

(Agência Senado)

Roberto Pessoa diz que Nicolle Barbosa tem muito a oferecer na política

73 1

roberto pessoa

O presidente de honra do Partido da República no Ceará, Roberto Pessoa, disse, nesta segunda-feira (16), que a presidente do Centro Industrial do Ceará, Nicolle Barbosa, “tem muito a oferecer na política”. Para Roberto Pessoa, Nicolle Barbosa é jovem, mas mostrou méritos na política sindical e como presidente do CIC.

“Vejo a jovem Nicolle Barbosa com bons olhos para a política, principalmente em um momento que a juventude sai às ruas para cobrar mais dos políticos”. Comentou Pessoa.

Nicolle Barbosa é pré-candidata ao Governo do Estado pelo PSB. A fala de Pessoa chega como uma resposta à crítica feita, neste espaço, pela vice-presidente regional do PR, deputada federal Gorete Pereira, sobre a falta de experiência política de Nicolle, com nome no páreo para o Governo.

Portuguesa perde quatro pontos no STJD, e Flu escapa da Série B

A Portuguesa foi condenada pelo STJD em julgamento nesta segunda-feira (16) a perder quatro pontos no Brasileirão por causa da escalação irregular do meia Héverton, contra o Grêmio. Como consequência da decisão, que cabe recurso, a Lusa troca de lugar com o Fluminense na zona do rebaixamento. A Portuguesa, que foi multada em R$ 1 mil, tem três dias para recorrer da decisão e levar o caso ao Pleno do STJD.

– Imagina o caos que se tornaria o campeonato. Outros clubes cumpriram a regra. E agora? Eles vão poder voltar ao Tribunal? O erro foi primário e a Portuguesa descumpriu a regra – foi uma das alegações do relator do caso, o auditor Felipe Bevilacqua.

(O POVO Online)

TSE nomeia ministros que vão atuar na campanha presidencial do ano que vem

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Marco Aurélio, nomeou os ministros auxiliares que vão trabalhar nas eleições presidenciais do ano que vem. Os escolhidos são Humberto Martins e Maria Thereza Rocha, ministros substitutos oriundos do Superior Tribunal de Justiça (STJ), e Admar Gonzaga, da classe dos advogados.

A nomeação dos ministros substitutos foi publicada na edição do Diário da Justiça Eletrônico, na última sexta-feira (13). A função dos ministros auxiliares é julgar representações e pedidos de direito de resposta relacionados com candidatos à Presidência da República. Os processos envolvendo candidatos a governador, senador e deputados federais, estaduais e distritais, serão julgados pelos tribunais eleitorais estaduais.

As regras para as eleições do ano que vem começaram a valer no dia 5 de outubro, um ano antes do primeiro turno do próximo pleito. As normas estão previstas na Lei das Eleições (Lei nº 9.504/1997) e devem ser seguidas por candidatos, partidos e eleitores, sob pena de multa ou cassação do mandato.

(Agência Brasil)

Unimed Ceará promove Passeio Ciclístico de Natal

A Unimed Ceará vai promvoer nesta quarta-feira, a partir das 19 horas, o Passeio Ciclístico Especial de Natal. A concentração será na Praça da Bandeira, em frente a Igreja Cristo Rei, no bairro Aldeota.  Para participar, o interessado deverá doar uma lata de leite em pó, que dará direito a um ticket para concorrer ao sorteio de uma bicicleta. As latas de leite em pó arrecadadas serão doadas para o Lar Amigos de Jesus.

Os participantes irão despor de ambulância, água, suco, carro de apoio, batedores e aluguel de bicicletas. Tradicionalmente às quartas-feiras a equipe de Promoção à Saúde da Unimed Ceará realiza passeios ciclísticos pelas ruas de Fortaleza, com o objetivo de combater o sedentarismo e incentivar a prática esportiva em seus clientes.

Jornalista Paulo Tadeu é "Personalidade do Pré-Carnaval e do Carnaval de Rua 2014"

paultadeu

O jornalista, radialista e folclorista Paulo Tadeu foi anunciado, nesta segunda-feira, como a “Personalidade do Pré-Carnaval e do Carnaval de Rua de Fortaleza” pela Secretaria Municipal de Cultura.

Paulo Tadeu, também professor universitário aposentado, sempre marcou sua atuação como defensor da cultura do maracatu. Em 1979, presidiu o Maracatu Az de Ouro.

Em seguida, decidiu fundar em 1980 do Maracatu “Vozes d’Africa e, depois, em 2002, também fundou o Maracatu “Nação Cariri”. Na época, eram cinco maracatus, número hoje elevado para 14 agremiações.

Também foi autor da primeira tese dissertação de mestrado e também autor da proposta de criação do Dia do Maracatu, hoje sempre lembrado a cada dia 25 de cada mês.

Ex-prefeito de Juazeiro do Norte tem direitos políticos suspensos por três anos

“A Justiça suspendeu por três anos os direitos políticos do ex-prefeito de Juazeiro do Norte, Carlos Alberto da Cruz. Também condenou o ex-gestor a pagar multa de R$ 10 mil. A decisão é do juiz Francisco Marcello Alves Nobre, integrante do Grupo de Auxílio, instituído pelo Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) para agilizar o cumprimento da Meta 18, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

De acordo com os autos (nº 2446-66.2002.8.06.0000/0), quando foi prefeito do município (a 535 km de Fortaleza), entre 2001 e 2004, Carlos Cruz utilizou o próprio nome e o símbolo das iniciais dele na propaganda de programas e obras do Governo municipal. Ele criou como slogan da gestão a frase “Juazeiro Comunidade Consciente”, que vinha com o símbolo “CC” em destaque. As mesmas iniciais foram utilizadas na campanha eleitoral.

Por considerar violação aos princípios da impessoalidade e moralidade administrativa, em junho de 2004, o Ministério Público Estadual (MP/CE) ingressou com ação civil pública na Justiça por ato de improbidade administrativa. Na contestação, o acusado negou a utilização da máquina pública para promoção pessoal.

Ao julgar o caso nessa quarta-feira (11/12), o magistrado considerou que a “inexistência de dano ao erário ou enriquecimento ilícito não afasta possível ato de improbidade administrativa, pois o fato que foi imputado ao requerido pelo Parquet [Ministério Público] configura-se, na verdade, como violador aos princípios da Administração Pública, notadamente os da impessoalidade e moralidade”.

O magistrado afirmou também que a “utilização de símbolo representativo das iniciais do nome do agente político na propaganda de programas e obras do governo municipal, as quais também foram utilizadas durante o processo eleitoral, deixam evidente a má-fé do agente, e consequente dolo, posto que patente o seu intuito de se beneficiar politicamente com tal desiderato, com promoção pessoal de seu nome, lhe beneficiando em eleições futuras. Em conclusão, por ofensa aos princípios da impessoalidade e da moralidade administrativa, resta caracterizado o ato de improbidade administrativa”.

(Site do TJ-CE)

Acrísio Sena lamenta reajuste anunciado pela Prefeitura sem abrir para o debate

acrisiosenaa

O vereador Acrísio Sena (PT) assim comentou, nesta segunda-feira, o anúncio do reajuste de 5,70% definido para os servidores municipais pela Prefeitura de Fortaleza:

“A PMF inova cada vez mais ao apresentar para a sociedade a proposta de reajuste dos servidores antes de ser apreciada e votada pela Câmara Municipal. Mostra um completo desconhecimento dos sindicatos que compõem a mesa de negociação”.

Presidente do TCE tentará reeleição

valdmiromjunrol

Mesmo sob críticas em torno de licitação para compra de mobiliário, como denunciou o deputado estadual Heitor Férrer (PDT), o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), Valdomiro Távora Júnior, disputará reeleição.

O pleito, nesse tribunal, ocorrerá nesta terça-feira, a partir das 15 horas. Além do presidente, deverão ser eleitos o vice-presidente e o corregedor do TCE. O mandato é de dois anos.

Se depender dos servidores do TCE, Valdomiro será reconduzido.

Prefeito RC assina ordem de serviço para reformar mais dois postos de saúde

Essa informação é do site da Prefeitura de Fortaleza:

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PROS), acompanhado da secretária municipal de Saúde, Socorro Martins, assinará, nesta terça-feira, às 9 horas, a ordem de serviço para reforma e ampliação dos postos de saúde Anastácio Magalhães e Meton de Alencar, nos bairros Rodolfo Teófilo e Antônio Bezerra, da Regional III.

As reformas das unidades seguem o novo padrão da atual gestão com restauração de toda parta elétrica e hidráulica, além da ampliação dos postos com novos consultórios, sala de espera, ambientes climatizados, prontuário eletrônico, atendimento informatizado e instalações adaptadas para portadores de necessidade especiais.

Eudes Xavier: Professor João Arruda faz critica desonesta à gestão Luizianne Lins

236 12

eudesxavierr

Deputado federal Eudes Xavier.

joaarruda

Professor João Arruda (UFC).

Do deputado federal Eudes Xavier (PT), este Blog recebeu nota em resposta às críticas feitas, neste espaço, pelo Professor João Arruda. Assessor da gestão Roberto Cláudio,  Arruda destaca avanços no plano da educação municipal e diz que acabou a era de vereador indicar diretor de escola, como ocorreria na gestão petista. Confira:

Caríssimo Eliomar de Lima,

Tenho acompanhado o debate iniciado em seu Blog pelo Professor João Arruda a respeito do balanço da gestão da Prefeita Luizianne Lins (PT) e das perspectivas da atual gestão, particularmente na área da educação. João Arruda é professor, tem mestrado em Sociologia e estudos publicados sobre conflitos históricos como o de Canudos. Mas, sinceramente, poucas vezes vi tentativa tão hipócrita e cínica de se reconstruir a história da parte de alguém, principalmente com a formação acadêmica dele. Assim, sinto-me na obrigação de “botar os pingos nos is”.

O Professor faz uma crítica desonesta ao ignorar todos os avanços na educação pública de Fortaleza durante a gestão Luizianne Lins. Em 8 anos 31 Escolas foram construídas dentro do padrão MEC e 287 escolas foram reformadas ou ampliadas, num total de 900 novas salas de aula ofertadas. O Professor deve ter esquecido os famigerados anexos, escolas constituídas em locais improvisados pelo Prefeito Juraci Magalhães que em sua maioria não dispunham das mínimas condições de ventilação, iluminação e conforto para o exercício do aprendizado. Quando Luizianne assumiu a Prefeitura, em janeiro de 2005, haviam 155 anexos. Ela terminou seu segundo mandato com apenas 38, permanecendo apenas aquelas em condições de uso para o ensino.

Em 2004 existiam 160 bibliotecas. No final da gestão, 228. Os alunos não tinham sequer o direito ao fardamento. Direito de irem calçados à escola. Passaram a receber fardamento completo, mochila, tênis e agenda. Em 8 anos foram implantados 240 novos laboratórios de informática. Laboratórios esses que se encontram hoje subutilizados porque a atual gestão retirou professores de lá. Antes de Luizianne não havia transporte escolar do município. Nossas crianças ou não iam para a aula ou tinham que andar 20, 30 quarteirões para chegar ao colégio.

Na gestão do PT 10 mil crianças passaram a ser transportadas todos os dias à partir do recuperação da Companhia de Transporte Coletivos (CTC), empresa municipal que se encontrava sucateada e paralisada, com, dezenas de ônibus quebrados em sua garagem e um corpo de funcionários sem ter o que fazer. Nossa gestão resolveu os dois problemas ao mesmo tempo: o da falta de transporte escolar e o do sucateamento da CTC. Quando seu Prefeito assumiu, professor, haviam 80 desses ônibus rodando. E o que fez o prefeito Roberto Cláudio? Demitiu todos os trabalhadores da CTC, praticamente acabando com a empresa. 320 funcionários foram para o olha da rua, vários com mais de 50 anos de idade e 20 anos de empresa. Demitiu e não colocou de imediato nenhum serviço substituto e milhares de crianças ficaram vários dias sem transporte escolar.

A educação infantil é um capitulo à parte. Na sua posse Luizianne encontrou o município com apenas 55 creches e estavam todas fechadas. Ela terminou seu segundo governo com 139 creches em funcionamento, sendo que mais de 3 mil crianças ficavam nas creches em tempo integral. Pois esse sistema está sendo desmontado agora com o fim do atendimento integral a crianças de 3 anos de idade com a justificativa de abrir mais vagas na rede. Isso está sendo feito na base do “te vira!”, de forma absolutamente insensível e sem discussão nenhuma com aqueles pais que trabalham e não terão onde deixar seus filhos. De forma estúpida a atual administração tenta resolver um problema criando outro. E é bom lembrar também a contribuição do Governo Cid nessa matéria que em 2009 desativou de forma abrupta cerca de 80 creches que eram mantidas em convênio com o Governo do Estado e o município também teve que suprir essa demanda.

Embora tenha servido também à administração Juraci Magalhães como Ouvidor – fato esse que o Professor “esqueceu” de mencionar em sua biografia – João Arruda também faz questão de ignorar os avanços obtidos na merenda escolar. Na administração à qual ele serviu, a merenda foi motivo de escândalo e vergonha. Com Luizianne 300 mil refeições passaram a ser servidas todos os dias com cardápio elaborado por nutricionistas, engenheiros de alimentos e economistas domésticos. Nossa merenda escolar passou a ser motivo de orgulho, composta por proteínas, carboidratos, frutas, legumes e bebidas lácteas. Fomos até motivo de matéria veiculada em rede nacional, no programa “Mais Você”, exibido pela Rede Globo de Televisão em 18.08.2011 como se pode ver no endereço http://www.youtube.com/watch?v=eR-yLhToUkY.

Nos 8 anos da gestão do PT tivemos muitas greves de professores sim. È fato. Mas isso foi fruto principalmente da dívida histórica acumulada com a categoria. Dívida essa que buscamos resgatar em conquistas históricas como a incorporação dos aditivos, Plano de Cargos e Carreiras, transformação da regência de classe em gratificação de pós-graduação, 2.181 cargos preenchidos por concurso, 8.856 promoções por titulação, 7.076 progressões por qualificação, retirada das aulas aos sábados, disponibilização de um notebook para cada profissional do magistério. De 2005 a 2012 a remuneração média de nossos professores teve ganho acima da inflação de mais de 80%. Greves se registraram e outras ainda ocorrerão nas três esferas de governo porque parte dessa dívida histórica ainda persiste. Em nível nacional os professores do ensino básico e médio ainda estão entre as categorias de nível superior com remuneração mais baixa.

Para ser honesto é preciso admitir isso. Mas não é honesto ter uma postura crítica seletiva como o professor João Arruda tem. Não me recordo de nenhum posicionamento crítico de João Arruda quando em 2011 professores estaduais em greve foram agredidos pela PM dentro da Assembléia Legislativa cujo presidente de então era o atual Prefeito.

Também não vi até hoje um posicionamento dele, um professor universitário, sobre a greve das universidades estaduais. A greve, imaginem, é porque os alunos já vinham sem aula por falta de professores, funcionários e laboratórios. Tem unidade de universidade do Estado funcionando dentro de escola municipal do interior, como em Tauá. Porque não falar sobre isso também, professor? O professor acusa a gestão passada de ter loteado toda a educação do município com centenas de indicações políticas para cada vereador, sem que houvesse nenhum critério de meritocracia. Aqui, além de hipócrita ele é leviano. De onde ele tirou a informação das centenas de cargos por vereador ? Quais as provas ? Houveram indicações políticas sim, mas elas não foram feitas sem critério técnico e nem se concentraram na educação.

Ainda em 2005 os gestores das escolas foram escolhidos através de consulta aos professores. Os mais votados foram nomeados diretores independente de qualquer vínculo político, inclusive com a gestão anterior. Mas diferente da gestão Juraci foi estabelecido desde o início que nenhum gestor seria nomeado sem que pertencesse ao quadro de carreira do município e tivesse nível superior em pedagogia. Foram criados e incentivados mecanismos de participação popular através do Conselho Municipal de Educação e do Fórum dos Conselhos Escolares. Instâncias coletivas de decisão criadas pela gestão do PT como a Conferência Municipal de Educação chegaram a definir que nenhum gestor poderia assumir sem possuir pós-graduação em gestão escolar. E a localização de todas as escolas construídas e reformadas foi definida em debate dos técnicos da Prefeitura com o Orçamento Participativo.

Reconheço que ficamos devendo a institucionalização de um sistema democrático de escolha dos gestores da educação, mas isso está muito longe do quadro pintado levianamente no texto do professor João Arruda. E a hipocrisia está no fato de que com exceção dos vereadores do PT, a base de sustentação da atual gestão é exatamente a mesma da gestão passada, com o acréscimo de figuras como o Deputado Estadual Fernando Hugo que nomeou dois filhos na gestão; E acréscimo também de cargos comissionados que ao final da gestão Luizianne somavam 3.989 e agora somam 5.333.

Para encerrar, caro Eliomar, quero dizer que reconheço o direito à crítica de quem que seja. Inclusive do professor João Arruda, agraciado com uma Gratificação por Trabalho Relevante Técnico ou Científico no Gabinete do Prefeito no valor de R$ 5.000,00, conforme Diário Oficial do Município de 04/06/2013. Mas o que não aceito é a mentira. A distorção e a omissão dos fatos. É alguém querer reescrever a história.

* Eudes Xavier

Deputado Federal – PT Ceará.

Prêmio Delmiro Gouveia – A hora da festa da economia cearense

Destacar o desempenho das empresas cearenses nos setores econômico-financeiro e social, além dos profissionais contabilistas responsáveis trabalhos de destaque no ano. Este é o objetivo da 13ª edição do Prêmio Delmiro Gouveia 2013, cuja premiação acontecerá nesta segunda-feira, a partir das 20 horas, no Lulla’s Plazzá.

O Prêmio é uma realização da Fundação Demócrito Rocha e do Grupo de Comunicação O POVO, em parceria com instituto Brasileiro de Executivo de Finanças do Ceará (Ibef-CE) e a Associação dos Analistas e Profissionais de Investimentos do Mercado de Capitais (Apimec Nordeste).

Os critérios adotados para a premiação foram melhor performance econômico-financeiro, crescimento das vendas, lucratividade e liquidez; investimentos compulsórios com impacto sociais (tributos e encargos), ações voltadas aos empregados, gestão de meio ambiente, geração de emprego entram na categoria do desempenho social.

O Prêmio Delmiro Gouveia homenageará ainda as maiores empresas, levando em conta critérios como vendas líquidas, patrimônio líquido, ativo total ajustado, quantidade empregados, entre outros.

Para onde Lúcio e Tasso seguirão mesmo em 2014?

tasolucio

Com o título “Os conselheiros políticos da coligação PR–PSDB: Lúcio Alcântara e Tasso Jereissati”, eis artigo do professor e sociólogo Luiz Cláudio Ferreira Barbosa sobre os impasses para a formação de uma frente ampla das oposições no Ceará em 2014. Ele destaca Lúcio Alcântara e Tasso Jereissati como grandes líderes para tocar esse barco, mas os vê também reticentes em termos de disputar mandato. Confira:

O ex-governador Lúcio Alcântara (PR) vai iniciar uma maratona contra o tempo, para a construção de uma chapa majoritária composta pelas forças de oposição ao Palácio da Abolição. Lúcio Alcântara tem plena compreensão da difícil missão de unir um palanque estadual, com vários interesses conflitantes, entre os seus aliados.

O ex-senador Tasso Jereissati (PSDB) ainda mantém suspense sobre a sua pré-candidatura ao Senado, no próximo pleito eleitoral. A direção nacional do Partido da Social Democracia Brasileira tem feito vários apelos, para que essa liderança tucana cearense, aceite ser candidato, para puxar uma boa votação para presidenciável Aécio Neves, em terras alencarinas.

O ex-prefeito de Maracanaú, o empresário Roberto Pessoa (PR), e o ex- senador Luis Pontes (PSDB), já avançaram nos acertos decisivos da coligação partidária entre o Partido da República e o Partido da Social Democracia Brasileira, para o próximo ano. O fato interessante da futura coligação do PR e do PSDB, é que não houve uma única reunião conjunta dos ex-governadores Lúcio Alcântara e Tasso Jereissati. A última reunião desses dois ícones da política cearense foi no ano de 2006, na cidade de Brasília.

Essa coligação tem um problema que é a não existência de um único nome das fileiras da coligação PR- PSDB, para ser um candidato competitivo ao cargo de governador do Estado do Ceará. Os dois principais nomes dessa aliança oposicionista são os ex-governadores, que não desejam mais serem candidatos aos cargos majoritários, mas somente querem atuar como conselheiros dos futuros pré-candidatos da aliança das oposições, no pleito eleitoral de 2014.

O ex-governador Lúcio Alcântara (PR) mantém em suspenso uma futura pré- candidatura, para Câmara Federal, com boas chances de não fazer essa postulação, no próximo ano. O ex-senador Tasso Jereissati (PSDB) deseja lançar uma candidatura competitiva ao Senado, somente no caso de certeza da vitória eleitoral, o mais provável nesse caso, será a não postulação. Lúcio Alcântara e Tasso Jereissati são maiores do que o papel de conselheiro da coligação PR e PSDB, para o pleito eleitoral estadual de 2014.

* Luiz Cláudio Ferreira Barbosa,

Socíólogo e Consultor Político.

Dilma saúda vitória de Michelle Bachelet

“A presidenta Dilma Rousseff usou hoje (16) sua conta no microblog Twitter para saudar Michelle Bachelet pela eleição à Presidência do Chile. Dilma escreveu que Brasil e Chile têm muito a cooperar e construir juntos e disse estar certa de que seu governo e o de Bachelet vão aprofundar ainda mais as relações entre os dois países.

“#BrasilChile tem muito a cooperar e a construir juntos. Temos uma compreensão clara do papel da integração da América do Sul”, escreveu no microblog. Dilma ainda cumprimentou os chilenos por mais uma eleição democrática.

A socialista Michelle Bachelet foi eleita ontem (15) presidenta do Chile, pela segunda vez. Ela obteve 63% dos votos no segundo turno, derrotando a adversária Evelyn Matthei, que representa a aliança de centro-direita. Matthei, a candidata do atual governo, teve 38% dos votos.”

(Agência Brasil)

Prefeito de Juazeiro do Norte evita falar de sucessão 2014

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=MRolI2ntLyo&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O prefeito de Juazeiro do Norte, Raimundo Macedo (PMDB), embarcou para Brasília nesta segunda-feira. Hora de encaminhar projetos e liberar recursos em vários ministérios.

Raimundão, sobre sucessão 2014, não quis se posicionar, embora se saiba que o presidente regional do seu partido, o PMDB, o senador Eunício Oliveira, trabalha para disputar a sucessão de Cid Gomes.

Nicole Barbosa reage a críticas da deputada federal Gorete Pereira

448 2

nicolebarbosa

A presidente do Centro Industrial do Ceará (CIC), Nicole Barbosa, reagiu à crítica da deputada federal Gorete Pereira (PR) de que não tem experiência nem trajetória política para alçar voos em termos de disputa para o Governo do Estado pelo PSB. Eis a resposta dela:

Caro Eliomar de Lima,

Gostaríamos de informar à deputada federal Gorete Pereira (PR) que somos uma forte liderança do setor produtivo que, em menos de dois anos de mandato à frente do CIC, já apresentamos propostas para a economia de Fortaleza nas Eleições de 2012 com o livro “Fortaleza – Cidade e Economia”.

Pensamos ainda o PDL (Projeto de Desenvolvimento Local) para as Cidades Polo do Estado do Ceará. Vamos sair do CIC deixando um Planejamento Estratégico de Desenvolvimento para a Região Nordeste: O Integra Brasil.

Cansada de fazer projetos que esbarram na vontade política dos que têm mandato, muita tradição política e pouco realizam, nos filiamos ao PSB a convite do governador Eduardo Campos. Somos hoje presidente do PSB de Fortaleza e estamos construindo o maior Projeto de Desenvolvimento Sustentável para o Estado do Ceará, que será apresentado à sociedade nas eleições de 2014.

Sou nova na política partidária, mas tenho muita experiência na política sindical. Como representante da sociedade civil e bastante insatisfeita com a forma que estão fazendo política nesse país, daí por que resolvi me filiar ao PSB e construir uma nova Política para o Brasil junto com o governador Eduardo Campos. Minha experiência na política é praticar a boa política participativa e propositiva aonde quer que eu esteja.

* Nicole Barbosa

Presidente do PSB de Fortaleza.