Blog do Eliomar

Últimos posts

IBGE – Pesquisa mostra crescimento de emprego na indústria

“A terceira edição da pesquisa Estatísticas do Empreendedorismo, divulgada hoje (18) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), revela que havia um total de 34.528 empresas de alto crescimento (EAC) no país, em 2011, que empregavam 5 milhões de assalariados e pagavam, entre salários e remunerações, R$ 95,4 bilhões. Os dados disponibilizados mostram que houve aumento de 3,6% no número de EAC em relação a 2010, além de incremento de 0,8% no pessoal assalariado ocupado e de 8,1% nos salários e remunerações pagos por essas empresas.

São consideradas EAC as empresas que têm mais de dez empregados e que mantiveram uma média de crescimento do pessoal assalariado ocupado de, pelo menos, 20% nos três anos anteriores. Do total de EAC, 34.106 eram empresas de alto crescimento orgânico (EAC orgânico), em que o aumento do pessoal assalariado resulta de novas contratações. Essas companhias cresceram de um ano para outro 3,8%.

Na avaliação do economista Cristiano Santos, coordenador da pesquisa do IBGE, o dado mais importante é a geração de novos postos de trabalho. “Se eu for fazer a comparação com as empresas que têm mais de dez empregados no Brasil, percebe-se que 7,7% das EAC são responsáveis por quase a metade da geração de novos postos”, disse.”

(Agência Brasil)

Lira Neto – Proibir a publicação de biografias não autorizadas é inconstitucional

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=eqGcjhAI9ac[/youtube]

Nesta segunda-feira, a partir das 11 horas, estreia o programa Debates Especiais – Grandes Nomes, na rádio O POVO/CBN. O convidado é o jornalista e biógrafo Lira Neto, que participou do I Festival Internacional de Biografias, realiado no Estoril, no fim de semana, do qual saiu a Carta de Fortaleza.

Antes de entrar no programa, Lira conversou com o Blog e criticou a tentativa de se barrar no País a publicação de biografias não autorizadas. A boal agora está com o Supremo Tribunal Federal.

SERVIÇO

Debates Especiais – Grandes Nomes – De 18 a 25 deste mês.

Rádio O POVO/CBN – FM 95.5 e pelo Portal POVO Online. Com publicação no O POVO do dia seguinte.

ACI abre inscrições para Prêmio Anual de Jornalismo

A Associação Cearense de Imprensa abriu inscrições para os Prêmios Anuais de Jornalismo 2013. Interessados devem se inscrever até 20 de dezembro, na sede da ACI. Podem concorrer matérias jornalísticas divulgadas por veículos de comunicação sediados no Ceará, no período de 1º de janeiro a 31 de outubro de 2013. O valor de cada prêmio será de R$ 3.500,00 (três mil e quinhentos reais).

De acordo com a entidade, são seis os prêmios concedidos: PRÊMIO EDSON QUEIROZ – para reportagem sobre a realidade social, ambiental e econômica de Fortaleza; PRÊMIO JOSÉ CABRAL DE ARAÚJO – para reportagem sobre esporte, nas suas várias modalidades; PRÊMIO ANTONIO FERNANDO NORMANDO – para reportagem veiculada em televisão, sobre assuntos do interesse do Ceará ou da cidade de Fortaleza; PRÊMIO JOÃO DUMMAR – para reportagem veiculada em rádio, sobre temas do interesse do Ceará ou da cidade de Fortaleza; PRÊMIO LUCIANO CARNEIRO – para fotografia (foto isolada, foto-sequência e ensaio fotográfico); PRÊMIO ANTONIO MARTINS FILHO – para matérias jornalísticas, veiculadas por meios eletrônicos, destinado também a estudantes de Cursos de Comunicação Social reconhecidos pelo MEC.

SERVIÇO

* Ficha de inscrição disponível no site (www.acimprensa.com.br) ou na sede da entidade – Rua Floriano Peixoto, 735 – Centro.

Vereadores de oposição fazem blitz em postos de saúde: Falta remédio

218 3

postagenor

Os vereadores Acrísio Sena e Deodato Ramalho (ambos do PT) e Capitão Wagner (PR) realizaram, nesta manhã de segunda-feira, visita surpresa a três postos de saúde de Fortaleza. O objetivo foi constatar melhorias divulgadas pela Prefeitura.

Foram visitados o Posto de Saúde Ageu Herbert, no Bom Jardim, e o Abner Cavalcante, no Canindezinho – que ainda não foram reformados. Nestes dois, segundo Acrísio Sena, há 15 dias não se marca consulta “porque o program de computador está fora do ar”. Ele adianta que falta medicamento nesses postos.

No Posto de Saúde Edmilson Pinheiro, no Conjunto Ceará, que já foi reformado, a comitiva de vereadores de oposição gostou da estrutura física e considerou as instalações de “primeira qualidade”. Mas constou problemas ali como a falta de medicamento. “Há médicos, mas falta remédio!”, informa Acrísio Sena.

O serviço de entrega de medicamento em domicílio por meio de motoqueiro, de acordo com a comissão de vereadores, continua na propaganda.  “Essa informação de que há motoqueiro para deixar remédio em casa, ainda não chegou nesse local”, complementou Acrísio Sena.

(Foto – Divulgação)

Deputado quer bancada nordestina lutando por permanência do ministro Francisco Teixeira

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=9gOFCKXwubc&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

O deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB) quer uma mobilização da bancada nordestina em favor da manutenção de Francisco Teixeira na pasta da Integração Nacional. Ele diz que há parlamentares de outros Estados simpáticos a essa ideia, porque veem no ministro interino experiência técnica para estar no cargo.

Francisco Teixeira conseguiu ainda retomar obras da transposição so São Francisco, que estavam paralisadas depois de escândalos envolvendo a Construtora Delta.

Frente Ampla de Oposição em ritmo de articulação contra Governo Cid Gomes

66 3

vodu

Andaram se encontrando o presidente regional do PSDB, Luiz Pontes, o presidente de honra do PR, Roberto Pessoa, o deputado estadual Heitor Férrer (PDT), o presidente estadual do PSB, Sérgio Novais, e os petistas Elmano de Freitas e Valdemir Catanho, este da corrente petista que tem como principal liderança a ex-prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins.

O mote: 2014. Haverá novas conversas.

Cid Gomes é o vodu.

Na Ciops – Sai terceirizado, entra militar

220 5

Cinquenta policiais militares substituirão 50 terceirizados que trabalhavam no encaminhamento de ocorrências na Coordenadoria Integrada de Operações Policiais (Ciops).

Segundo informações de fontes da SSPDS, porque a maioria dos militares de serviço nas viaturas não obedecia às “ordens” ou à orientação dos civis.

A torcida é para que a Ciops volte a funcionar a contento. Pelo menos no quesito enfrentar a barulheira de carro de som.

PRF do Ceará apreende 300 quilos de material explosivo

A Polícia Rodoviária Federal apreendeu, nesse domingo, cerca de 300 quilos de explosivos. O material estava escondido num carro, que acabou flagrado durante blitz da Corporação na altura do município de Jaguaribe. O condutor do veículo foi preso.

A PRF deverá divulgar todos os detalhes desse caso nesta segunda-feira, quando da divulgação completa do balanço da Operação Proclamação da República.

Chile – Eleição presidencial vai para 2º turno

“Duas horas depois do fechamento das urnas, a socialista Michelle Bachelet liderava a disputa pela Presidência do Chile, com 46,65% dos votos. O percentual é quase o dobro registrado para a segunda colocada, a candidata da aliança de direita no governo, Evelyn Matthei, que estava com 25,23%. A diferença, entretanto, não é o suficiente para garantir a vitória no primeiro turno.

Pela primeira vez, os chefes de campanha das duas candidatas admitiram a possibilidade de um segundo turno, em dezembro, para definir quem presidirá o Chile nos próximos quatro anos. E os dois lados comemoravam vitória. Os eleitores de Bachelet dizem que ela conseguiu muito, tendo em vista que disputava o cargo com oito candidatos – o maior número em uma eleição presidencial desde o retorno da democracia, há 24 anos.”

(Agência Brasil)

 

Cid na Veja: "Todos querem roubar o Estado!"

260 3

vejacidd

O governador Cid Gomes (Pros) afirmou às páginas amarelas da revista Veja desta semana que empreiteiras e construtoras no Brasil inteiro se unem para superfaturar obras públicas e “tirar dinheiro do Estado”. Ele disse ainda discordar da principal bandeira do seu novo partido, a redução de impostos.

“Os cabras juntam quatro ou cinco construtoras grandes e se acertam no Brasil inteiro: ‘Você fica com o metrô de São Paulo, eu fico com o de Brasília e eu com o de Fortaleza’. Chegam aqui na cara de pau para dizer o resultado da licitação que você ainda vai fazer. Aí, o governo tem que lutar para ter gente interessada, atrair concorrentes”, disse o governador, citando a obra na Capital.

“Só nessa linha leste do metrô foram sete ações judiciais, todas para impedir a participação de alguém. E o Estado sempre querendo o maior número de participantes. Entre o preço orçado e o preço que no final ganhou, consegui economizar 200 milhões de reais. Mas foi uma batalha. Todo mundo só quer ganhar o seu, tirar um pedaço do dinheiro do Estado”.

Cid afirma ter conseguido evitar o superfaturamento da licitação. “Nesse caso do metrô, economizei dinheiro e, o mais importante, vou conseguir concluir a obra no meu governo. Mas é difícil demais, homem. O projetista se junta com a construtora para acertar sobrepreços. O concreto é superestimado, o asfalto é superestimado. É brabo, amigo”.

Impostos

Com relação ao Partido Republicano da Ordem Social (Pros), Cid se posicionou contra a redução da carga tributária, pela qual o Pros diz lutar como principal bandeira. “No absoluto, isso contrasta com o que eu penso. Defendo a necessidade de um Estado forte. E Estado forte pressupõe impostos”. Mesmo assim, Cid diz que o Pros foi “a melhor escolha possível” para ele depois de ter sido “forçado a deixar o PSB” por não concordar com a candidatura do presidente do partido, Eduardo Campos, à Presidência da República.

Questionado sobre o temperamento de Ciro Gomes (Pros), secretário estadual da Saúde, Cid disse que o irmão “é um cara extraordinário, mas é inegável que tem um pavio curto que o impediu de chegar mais longe”, em referência ao cartaz que rasgou durante manifestação.

SOS para Bombeiros

106 1

Da Coluna Vertical, no O POVO desta segunda-feira (18):

Por fim de semana, a Coordenadoria Integrada de Operações Policiais (Ciops) chega a encaminhar de quatro a cinco ocorrências de afogamento para a Companhia de Salvamento do Corpo de Bombeiros, unidade militar fincada na avenida Leste-Oeste.

Os militares que trabalham ali são, reconhecidamente, preparados para condições extremas de socorro de afogados e resgate de corpos, mas andam enfrentando estresse por causa das precárias condições materiais.

A lancha, por exemplo, ainda possui um motor de dois tempos – lento, barulhento e já proibido pela legislação marítima. Faltam tubos de oxigênio e, algumas vezes, os mergulhadores enfrentam ondas no peito e pulmões. Virando regra famílias de vítimas terem de arranjar carro para rebocar a lancha militar e transportar o material de salvamento.

O antigo secretário teria ficado de resolver a questão, mas deixou a boia furada para seu sucessor.

PRE registra 24 acidentes e oito mortes durante feriadão

Durante o fim de semana prolongado, a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) e o Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE) realizaram operação conjunta para fiscalizar as rodovias estaduais. Da madrugada de quinta-feira (14) até este domingo (17) foram registrados 24 acidentes, quando 15 vítimas ficaram feridas e oito pessoas morreram.

A operação contou com 80 agentes do Detran e 430 da PRE, que foram divididos por área de fiscalização. Segundo a PRE, as mortes registradas ocorreram nos municípios de Barbalha, Beberibe, Caucaia, Crato, Granja e Varjota.

Além disto, a PRE registrou dez prisões por Lei Seca. A operação fiscalizou 9.322 veículos e realizou 1.045 notificações. 170 veículos e 72 frascos de lança-perfume foram apreendidos.

(O POVO Online)

Ipece divulga estudo sobre o impacto recente do Bolsa Família no mercado de trabalho

O diretor-geral do Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (Ipece), Flávio Ataliba, vai divulgar às 10 horas desta segunda-feira (18), na sala de reuniões do órgão, estudo inédito tratando sobre o impacto da expansão recente do Programa Bolsa Família no mercado de trabalho cearense.

O estudo concentrou-se especialmente nas camadas mais pobres da população, a partir dos seus efeitos na remuneração média do mercado de trabalho e nas horas trabalhadas.

Um dado: em 2006, a participação da renda do Bolsa Família nos 10% mais pobres era de quase 50%. Em 2012, passou para mais de 70%. Quer dizer: aumentou a influência do programa na renda dos mais carentes. A dependência, pelo visto, também.

(com informações da Coluna Vertical, do O POVO)

Caçamba de lixo engarrafa trânsito na Bezerra de Menezes toda semana

86 1

lixo tráfego olavo bilac

Uma caçamba tem engarrafado o trânsito na avenida Bezerra de Menezes, pelo menos três vezes na semana. O veículo, de procedência desconhecida, faz a coleta de entulhos ao longo da rua Olavo Bilac, por volta das 7 horas.

O problema é que o veículo interdita completamente o fluxo na Olavo Bilac, às vezes na contramão, no sentido de quem dobra da Bezerra de Menezes. Sem passagem, os veículos engarrafam o sentido, que alcança até o cruzamento da Bezerra de Menezes com a rua Érico Mota.

Muitos motoristas reclamam da falta de planejamento da coleta em horário de pico, mas o motorista da caçamba sempre alega que está trabalhando, mesmo na contramão.

O impasse já dura mais de um ano, acreditem.

Vamos nós – Todo o problema é motivado pela falta de educação dos moradores da área, que teimam em colocar lixo em local impróprio, além de uma total ausência de fiscalização.

(Foto: Evangelina Araújo)

Morre Gino Oliveira, o primeiro jornalista cego do Ceará

Morreu neste domingo (17), o jornalista Eliano Gino Oliveira, o Gino, que era deficiente visual. Segundo amigos de Gino, ele faleceu na casa de sua irmã, no Conjunto Ceará. A família, no entanto, ainda não sabe a causa da morte. O corpo será velado na capela do Conjunto Ceará. Já o sepultamento será nesta segunda-feira (18), às 9 horas, no cemitério Jardim Éden, no Centro de Pacatuba, na Região Metropolitana.

Amigos mais próximos a Gino contam que ele fazia da deficiência visual um desafio a ser superado com outras habilidades. A determinação era uma delas. Candidato a vários cargos eletivo, Gino sempre procurou mostrar que a deficiência política era um dos males da sociedade.

De acordo ainda com amigos, o jornalista dispensava termos como “pessoa com necessidades espaciais” ou “portador de deficiência”. Para Gino, ele era cego. “Será que só eu vejo isso?”, brincava.

O jornalista atualmente trabalhava na Prefeitura de Fortaleza, na função de assessor de imprensa.