Blog do Eliomar

Últimos posts

BNB comemora Agroamigo

foto bnb nelson antonio de souza

Da Coluna Vertical, no O POVO desta terça-feira (5):

Um dos programas de maior êxito do Banco do Nordeste – o Agroamigo – alcançou, em junho último, carteira ativa no total de R$ 2,1 bilhões, beneficiando 821.075 agricultores familiares. O presidente do BNB, Nelson Antônio de Souza, chama atenção para o fato de que 66% dos agricultores familiares atendidos produzem no semiárido, sendo 47% desse grupo formado por mulheres agricultoras. Esses números representam crescimento de 53,1% em relação a junho do ano passado.

Em relação ao Ceará, o Agroamigo beneficiou 109.413 agricultores rurais com crédito no valor de R$ 295,8 milhões, observando-se crescimento de 64% em comparação a junho de 2013. As aplicações do programa no semiárido cearense atingiram percentual ainda maior: 85,8%. Apesar da seca.

Feira de Empreendedor espera 50 mil pessoas no Centro de Eventos

Começa na noite desta terça-feira (5) a Feira do Empreendedor 2014, que se estende até o sábado (9), no Centro de Eventos, no bairro Edson Queiroz. Com o tema “O Espetáculo dos Negócios”, o evento contará com ambientes voltados para o “Atendimento”, tanto de potenciais empreendedores como de empresas já existentes, além de espaços para “Cenários e Tendências de Mercado”, “Inovação e tecnologia”, “Negócios sustentáveis”,  “Economia Criativa” e “Educação empreendedora”.

Com a perspectiva de atrair 50 mil pessoas, o evento terá  377 atividades paralelas como palestras, oficinas, clínicas e seminários, além da meta de fornecer 27.000 informações, 29.700 orientações técnicas, capacitar 20 mil pessoas e a realizar 65.000 atendimentos presenciais.

Nesta edição, a Feira está trazendo a Fortaleza nomes como o chef Olivier Anquier que fará palestra, sobre “A Receita do Sucesso”, mostrando seus tropeços e conquistas. Já na quinta-feira (7), a atração será o ator Marcos Frota, que se divide entre o palco e o picadeiro, e que vai falar sobre “O Espetáculo dos Negócios”. Também na quinta-feira, o ex-velejador Pierre Schurmann, integrante da família de aventureiros e fundador do Bossa Nova, um dos mais ativos fundos de “investimento anjo”, vai estar no Espaço da Economia Criativa, falando sobre o tema “Como captar recursos para sua startup”.

Oficialmente, a abertura da Feira do Empreendedor acontece nesta terça-feira, a partir das 19 horas, com uma palestra magna que  é uma verdadeira aula de cearensidade: “Como o Cearense faz Espetáculos e Negócios”, que reunirá o ator Edmilson Filho e o diretor Halder Gomes, do filme “Cine Holliúdy”.

(Sebrae-CE)

Eliane divide agenda entre panfletagem e atividade parlamentar

eleições 2014 psb 0802 baturité

A candidata do PSB ao governo do Ceará, Eliane Novais, dará um intervalo nas atividades de campanha, nesta terça-feira (5), a partir das 9 horas, para participar de sessão plenária como deputada estadual. Antes, às 7 horas, a candidata estará distribuindo material de campanha na Cagece da avenida Carneiro de Mendonça, no Pici.

À noite, a partir das 16 horas, Eliane realiza panfletagem na Feira do Empreendedor, na avenida Washington Soares, no bairro Edson Queiroz.

(Foto – Divulgação)

Juntos e misturados

190 3

foto odorico eron

O ex-vereador e atual diretor do Gonzaguinha da Messejana, o oftalmologista Eron Moreira, divulgou em sua página no Facebook o apoio às candidaturas Odorico Monteiro (deputado federal) e Carlos Felipe (deputado estadual) para as eleições de outubro.

Apesar dos três serem médicos, cada um integra um partido diferente. Odorico Monteiro é do PT, Carlos Felipe do PCdoB e Eron Moreira é do PV. O oftalmologista possui liderança no Montese, no Jardim América e no Benfica, quando na última eleição somou 7.981 votos.

Financiamento de campanhas deverá chegar a R$ 5 bi este ano

A Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) e a Escola Superior do Ministério Público do Estado do Ceará realizam até o dia 11 de agosto de 2014, o “Curso de Campanha Eleitoral – teoria e prática”, no auditório da Procuradoria Geral de Justiça, na rua Assunção, 1.100 – José Bonifácio. O curso iniciou nessa segunda-feira (4) e é destinado a procuradores e promotores de Justiça, servidores e funcionários do Ministério Público do Estado do Ceará, magistrados, defensores públicos, servidores da Segurança Pública, advogados e estudantes.

De acordo com o promotor de Justiça, promotor eleitoral e palestrante, Igor Pereira Pinheiro, o curso tem por objetivo apresentar uma abordagem teórica e prática sobre os principais temas da campanha eleitoral, cujo conteúdo programático aborda estudos de casos relacionados a abuso de poder; condutas vedadas aos agentes públicos; crimes eleitorais; e garantias do eleitor e do candidato. “Nossa abordagem é sobre a lógica do sistema eleitoral brasileiro, sobretudo, no que tange aos vícios eleitorais”, disse.

Além disso, o treinamento também pretende conscientizar a sociedade civil como um todo em prol da fiscalização das práticas do financiamento de campanhas, que este ano deverá ultrapassar o valor de R$ 5 bilhões. “A corrupção é inerente ao sistema eleitoral brasileiro. Temos dados indicando que o Brasil e os Estados Unidos têm o voto mais caro do mundo”, revelou, ao citar como exemplo que, em 2012, somente uma empresa doou R$ 50 milhões em campanhas.

O promotor de Justiça enfatizou que 95% dos doadores são bancos e empresas, tendo uma perspectiva de retorno de 800% daquilo que foi doado por meio de contratos fraudulentos. “Eleição no Brasil é um investimento empresarial. A experiência no Ceará constatou uma relação simbiótica e promíscua entre políticos e grupos empresariais com fraudes licitatórias. Infelizmente, essa é a regra: fraude e desvio de dinheiro público”, ressaltou.

(PGJ)

Alvaro Dias diz que CPI da Petrobras está contaminada e pede extinção

O senador Alvaro Dias (PSDB-PR) propôs nessa segunda-feira (4) que o Senado extinga a CPI da Petrobras. O parlamentar acredita que a comissão, da qual a oposição não participa, apesar de ter direito a 3 das 11 vagas, está contaminada.

– O próprio presidente do Senado, Renan Calheiros, deveria ser o artífice desta solicitação, porque é a instituição que será enxovalhada com a manutenção desta CPI fraudulenta – aconselhou.

O senador José Agripino (DEM-RN) sugeriu que o senador José Pimentel (PT-CE) deixe a relatoria da CPI da Petrobras no Senado. De acordo com o líder do DEM, a não ser que surjam explicações “cabais” para a denúncia de combinação de perguntas com os depoentes da comissão, o trabalho do colega petista está comprometido.

– É como se perguntas às toneladas estivessem sido fabricadas para que o relator perguntasse de comum acordo com o depoente. Esse estaria com respostas prontas e previamente combinadas. Se isso for verdade, sua excelência não tem condições de continuar relator e muito menos essa CPI tem o direito de continuar – disse Agripino.

Esclarecimentos

O senador José Pimentel (PT-CE), relator da CPI da Petrobras no Senado, negou nesta segunda-feira (4) ter se reunido ou orientado depoimentos de pessoas ouvidas pela comissão, conforme denúncia publicada pela revista Veja. Em nota à imprensa, o senador petista esclareceu que o plano de trabalho da CPI, aprovado em 14 de maio, incluía uma relação de perguntas a serem respondidas.

José Pimentel disse ter apresentado um requerimento à CPI da Petrobras, no qual pede o esclarecimentos dos fatos e, se preciso, a atribuição de responsabilidades. Ele também solicita ao presidente da CPI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), que peça à revista Veja a íntegra do vídeo que deu origem à matéria.

(Agência Senado)

Tasso Jereissati diz no CIC que “a indústria está se acabando”

tass

“A política econômica do governo Dilma Rousseff (PT) virou saco de pancadas no debate promovido, na noite de ontem, pelo Centro Industrial do Ceará (CIC) com o candidato a senador e ex-presidente da entidade, Tasso Jereissati (PSDB-CE). O tucano criticou o que chamou de “arrogância” do Executivo federal e, diante de uma plateia de empresários, tocou em pontos nevrálgicos da campanha presidencial deste ano: inflação, crescimento econômico e geração de emprego.

“A indústria está se acabando (…). Temos um dos maiores juros do mundo e uma das maiores inflações do mundo. (…) E há uma situação de preços represados, da gasolina, da energia. Nós, como empresários, sabemos que isso tem limites”, afirmou Tasso, em contraposição ao que o governo Dilma tem dito sobre controle inflacionário.

Na pauta política, Tasso não se referiu nenhuma vez nominalmente à dupla de ex-aliados Cid e Ciro Gomes (Pros), mas voltou a criticar o “grupo” do poder no Estado e creditou à falta de oposição no Cerará sua decisão, na última hora, de entrar na disputa eleitoral ao lado do candidato a governador Eunício Oliveira (PMDB) – este, também pouco mencionado pelo tucano durante o evento.

Ao responder uma das perguntas da plateia, Tasso disse não acreditar em um salto muito expressivo do próprio nome nas pesquisas de intenção de voto – que, hoje, o colocam com cerca de 58% das preferências do eleitorado. Questionado pelo O POVO se estaria pessimista em relação a seu desempenho nas urnas após derrota em 2010, o ex-senador rebateu: “Não é pessimismo. É um sinal de não ser presunçoso. A gente tem que ser muito cauteloso com pesquisa. Sei que é um retrato, porque eu sou mais conhecido. É uma questão técnica. Se eu estou em cima, tenho menos espaço para crescer”, afirmou.

Apesar de críticas duras a políticas nacional e estadual, Tasso fugiu de polêmicas e não quis comentar a pecha de “milionários” que integrantes da coligação encabeçada por Camilo Santana (PT) têm jogado sobre sua candidatura e a de Eunício. “Eu não gosto, não vou xingar, não vou bater, vou criticar. Eu simplesmente fico um pouco surpreso, mas a vida é assim”, disse ele, sobre a postura dos ex-aliados. Ele também negou incômodo sobre não ter sido escolhido como vice na chapa presidencial de Aécio Neves (PSDB) e disse que gostou da escolha do nome de Aloysio Nunes (PSDB-SP) para o posto.

(O POVO)

TRE confirma cassação de prefeito e vice-prefeito de Araripe

“O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Ceará confirmou ontem, por seis votos a zero, a cassação do prefeito de Araripe, José Humberto Germano Correia (PSD), e do vice, Guilherme Lopes de Alencar (PSD), por abuso de poder político e econômico durante a campanha de 2012. A dupla vai recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A ação contra Germano e Guilherme foi interposta pela coligação vencida naquele pleito, “Araripe de Todos”, formada por PT, DEM, PTB, PSDC e PDT. Segundo a denúncia, prefeito e vice autorizaram contratações de agentes temporários e realizaram nomeações em cargos em comissão no ano de 2011 e no primeiro semestre de 2012 com objetivo de ganhar votos.

Segundo Germano, a denúncia é baseada em suposições. “Não existe nenhum fundamento jurídico nessa ação, nenhuma testemunha, apenas suposições. Se eu tiver algum problema, é na área administrativa, e não na eleitoral”, disse o prefeito. Depois de notificado, ele será substituído no cargo pelo presidente da Câmara de Araripe, Hildo Pereira.

O julgamento do processo foi iniciado no último dia 10 de junho, quando o relator, juiz Luís Praxedes Vieira da Silva, votou a favor da cassação e foi acompanhado pelos juízes Francisco Mauro Ferreira Liberato, Antônio Sales de Oliveira, Joriza Magalhães Pinheiro e do desembargador Antônio Abelardo Benevides Moraes. O juiz Cid Marconi pediu vista e, no dia 16 de junho, votou pela cassação. Prefeito e vice entraram com embargos de declaração, que foram rejeitados ontem.

Com o resultado do julgamento, o TRE do Ceará deverá realizar eleições suplementares no município de Araripe, já que o prefeito cassado obteve mais de 50% dos votos válidos (50,18%) nas eleições de 2012, contra 49,82% do segundo colocado, Giovane Guedes Silvestre, do PT. “

(O POVO)

Camilo promete reestruturar o Ronda do Quarteirão

eleições 2014 pt 0804 ssebastião

O Ronda do Quarteirão deverá voltar a ter um papel de polícia comunitária, além de integrar ações sociais para a redução dos índices de violência. A promessa é do candidato do PT ao governo do Ceará, Camilo Santana (PT), durante visita ao Mercado São Sebastião, nesta segunda-feira (4). Segundo o candidato, escolas em tempo integral serão instaladas em áreas com maiores índices de violência.

Camilo também destacou políticas e ações estruturantes de convivência com os efeitos da seca e da irregularidade das chuvas. “O Ceará é um estado que sofre com seca. Mas está sendo feita a grande obra hídrica da história, que é a Transposição do Rio São Francisco, com previsão de conclusão em 2015”, disse.

O candidato esteve acompanhado da esposa Onélia Leite; da primeira-dama de Fortaleza, Carol Bezerra; deputados estaduais e federais, candidatos proporcionais; além do secretário de Turismo de Fortaleza, Salmito Filho.

(Foto – Divulgação)

Luciana Genro quer o fim do Fator Previdenciário; Pastor Everaldo promete mais segurança

foto luciana genro psol

“Os candidatos à Presidência da República, Luciana Genro (PSOL), e Pastor Everaldo (PSC) participaram de compromissos de campanha hoje (4) em Porto Alegre e São Paulo, respectivamente. Luciana Genro disse ser a favor do fim do fator previdenciário. Já Pastor Everaldo defendeu mais segurança para o setor de transporte.

A candidata do PSOL participou de ato na Esquina Democrática, tradicional ponto de reunião popular da capital gaúcha. “Nossos aposentados sofrem por causa do fator previdenciário, que foi uma maldade. Queremos seu fim e que os aposentados tenham reajuste igual ao do salário mínimo”, disse. Luciana Genro também voltou a propor a taxação das grandes fortunas, com alíquota anual de 5% sobre as fortunas acima de R$ 50 milhões. Para a candidata, que o Banco de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) deve ser usado para fomentar cadeias produtivas e setores econômicos de pequeno e médio porte, e não grandes conglomerados.

O presidenciável Pastor Everaldo teve encontro com a diretoria do Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas (Setcesp) em Guarulhos, região metropolitana da capital paulista. No evento, ele destacou a necessidade de segurança para os transportadores. Também defendeu a cassação do registro das empresas que vendem mercadorias roubadas. De manhã, Pastor Everaldo participou de uma reunião de pastores da Igreja Assembleia de Deus do Belém.”

(Agência Brasil)

Nem tudo é salada nestas eleições

foto salmito camilo rc

Um dos poucos políticos a apoiar candidato a deputado estadual e candidato a deputado federal de seu mesmo partido, Salmito Filho (PROS), atual secretário de Turismo de Fortaleza (Setfor), divulgou nesta segunda-feira (4), por meio do twitter, apoio a Ariosto Holanda para a Câmara Federal e Sérgio Aguiar para a Assembleia Legislativa.

Entre as atribuições da pasta e de viagens a Brasília para conseguir recursos para as obras dos equipamentos turísticos da cidade, Salmito Filho encontra brecha na agenda para acompanhar os candidatos da chapa majoritária, Camilo Santana e Mauro Filho.

(Foto: Divulgação)

A caixa de Pandora da eleição presidencial

Com o título “A caixa de Pandora da eleição presidencial”, eis artigo do cientista político Filomeno Moraes. Ele destaca o Presidencialismo e suas crises e, mais uma vez, a possível disputa dos tucanos contra os petistas. Confira:

Neste ano, tem-se mais uma eleição presidencial. Depois de um jejum de 29 anos, 1989 reabriu o ciclo, interrompido pela ditadura militar, e os pleitos de 1994, 1998, 2002, 2006 e 2010 acabaram por cristalizar a rotina democrático-eleitoral.

Enfim, conseguiu-se naturalizar processo que, no regime constitucional de 1946, esteve ligado à crise recorrente, e que, antes, durante e depois do processo eleitoral, contaminava-o e, ao fim e ao cabo, engendrava distúrbios políticos vários, com suicídio, renúncia, golpes preventivos ou reativos. Anteriormente, na República Velha, as eleições presidenciais da política do “café-com-leite” consignavam resultados “a bico de pena” e a presença dos “carcomidos”, acabando por trazer à luz as demandas de “representação e justiça”, que haveriam de animar as insatisfações tenentistas e a Revolução de 30. Depois, entre 1930 e o fim do Estado Novo, aconteceu apenas uma eleição presidencial, indireta. Já entre 1964 e 1985, foram indiretas as eleições presidenciais, em 1964, 1966, 1969, 1974, 1978 e, por fim, em 1985, com a qual, na esteira de cinco generais, escolheu-se um presidente civil.

Nunca é demais enfatizar a centralidade da eleição presidencial na evolução político-constitucional brasileira, com as suas promessas e as suas frustrações, as suas virtudes e as suas taras, os seus êxtases e os seus anticlímax. Não se olvide a desventura da adoção da reelegibilidade, cravada no texto constitucional em 1997, nem, em compensação, a sabedoria de fugir das tentações bolivarianas das reeleições infinitas. Não se esqueça, também, o papel das eleições presidenciais na resultante “delegativa”, a marcar a política brasileira e que age em detrimento da institucionalização da representação.

A par de tudo, o fenômeno do presidencialismo de coalizão assoma como modalidade de governança a distinguir os anos que se seguiram à promulgação da Constituição de 1988. Destacando o papel do presidente da República, responsável, em última instância, pela continuidade ou descontinuidade da coalizão e o bom ou mau êxito da governança, tal arranjo institucional e operacional tem sido, em regra, exitoso no que diz respeito ao quesito governabilidade. Todavia, tem sido cruel tanto pela ação desagregadora que exerce sobre os partidos políticos quanto pela ação deletéria relativa à autonomia do Congresso Nacional.

Agora, mais uma vez, a crer nos dados das primeiras pesquisas de intenção de voto vieram, e tal conclusão é oferecida a preço de hoje, está-se diante de uma disputa, nomeadamente, que caminha no eixos “petista”-aliados e “tucano”-aliados. Para bem e para o mal, parece que se dá continuidade à disjunção hegemônica que, constituindo-se desde a segunda metade dos anos 80 até agora, atribuiu dois mandatos a Fernando Henrique Cardoso e três a Luiz Inácio Lula da Silva-Dilma Rousseff.

Por fim, mais uma vez, está-se diante do olho do furacão da “fortuna” presidencialista brasileira: mais uma eleição presidencial. Como na caixa de Pandora, se já se liberaram todos os males políticos, lá dentro ainda restou a esperança. Que seja a de que a eleição presidencial possa produzir a “virtù” que, transcendendo as limitações do varejo politico, dos interesses mesquinhos de grupos e indivíduos e da realidade patrimonialista, lidere o esforço de realização dos valores constitucionais da democracia política e da representação, da república e do desenvolvimento, da soberania nacional e da justiça social.

* Filomeno Moraes,

Cientista Político. 

Empresa cearense fecha parceria com grupo alemão

joongo

Gervásio Filho e Márcio Nieble.

A cearense Joongbo, que tem à frente o empresário Gervásio Pegado Filho, está em alta.

Acaba de fechar parceria com o grupo alemão Armacell, que, em Fortaleza, é representado por Márcio Nieble. Será a fornecedora de materiais térmicos e acústicos para a filial que o Grupo Leroy Merlin constroi ao lado do Shopping Iguatemi.

A inauguração dessa loja é para o início de 2015.

É da Friboi? – Rússia libera exportações de cinco frigoríficos do Brasil

670 2

boi-feliz

“O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento informou hoje (4) que a Rússia liberou cinco frigoríficos brasileiros para exportar carne bovina e suína para o país. Para carne bovina, foram autorizadas as empresas Mataboi, em Minas Gerais; Frigoestrela, em São Paulo; Marfrig, em Goiás; e Agra, em Mato Grosso. Para carne suína, foi liberada a empresa Cotriji, no Rio Grande do Sul.

Segundo o Ministério da Agricultura, a autorização para venda de carne bovina saiu quinta-feira (31) e, para carne a suína, sexta-feira (1°). A Rússia tem exigências sanitárias rigorosas para ingresso de produtos alimentícios em seu mercado, e o Brasil mantém diálogo e se esforça por se adequar às normas do país europeu.

O mercado russo é um dos principais para a carne brasileira. Segundo dados do Ministério da Agricultura, no ano passado, de US$ 2,72 bilhões em produtos agrícolas brasileiros vendidos para a Rússia, 44,1%, ou US$ 1,2 bilhão, foram de carne bovina. As vendas de carne suína totalizaram US$ 412 milhões, ou 15,1%.”

(Agência Brasil)

Bibliotecas da UFC recebem R$ 3 milhões para compra de livros

O Edital no 01/2014 do Programa Especial de Atualização dos Acervos de Bibliotecas da UFC dá um prazo (até 30 de setembro) para as coordenações dos cursos de graduação apresentarem propostas de títulos para atualização do acervo de suas bibliotecas. No total, serão disponibilizados R$ 3 milhões para aquisição das obras.

Cada curso de graduação da UFC poderá participar com uma proposta, previamente aprovada pelo colegiado do curso e homologada pelo respectivo conselho da unidade acadêmica. A proposta deve apresentar títulos constantes da bibliografia básica dos cursos.

SERVIÇO

O Edital no 01/2014 e a planilha-modelo estão no site www.biblioteca.ufc.br.

(Site da UFC)

Cai liminar que suspendia Linha Leste do Metrofor

“O presidente do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE), desembargador Luiz Gerardo de Pontes Brígido, suspendeu decisão que obrigava o Estado a incluir novamente em processo licitatório o Consórcio Engecorps/KL/Typsa, que não atendeu às exigências do edital. A licitação tem como objetivo contratação de serviços técnicos especializados para o gerenciamento, supervisão e apoio técnico das obras da Linha Leste do Metrô de Fortaleza.

Segundo os autos, a Comissão Central de Concorrências do Estado declarou a inabilitação do grupo, formado pelas empresas Engecorps Engenharia S/A, KL Serviços de Engenharia S/A e Técnica y Proyectos S/A – Typsa, por descumprimento às regras do edital referentes à qualificação técnica. O itens não atendidos eram, principalmente, relativos à capacitação técnico-profissional da empresa Typsa.

Por esse motivo, o consórcio ajuizou ação, com pedido liminar, requerendo a suspensão do ato administrativo na parte da inabilitação. No dia 25 de junho de 2014, o juiz Carlos Augusto Gomes Correia, titular da 7ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Fortaleza, concedeu a medida. Suspendeu o ato de inabilitação e determinou a participação do consórcio na fase posterior do processo licitatório, sob pena de multa diária de R$ 50 mil.

Inconformado, o Estado interpôs pedido de suspensão de liminar (nº 0624256-28.2014.8.06.0000) no TJCE. Disse que a decisão causa grave lesão à economia e à ordem pública administrativa. Além disso, impede o regular seguimento da licitação com a participação somente das empresas que cumpriram os requisitos editalícios.
Ao analisar o caso nessa sexta-feira (1º/08), o presidente do TJCE deferiu o pedido de suspensão da liminar até o trânsito em julgado da sentença.

“Verifica-se que a medida liminar privilegia o interesse de um particular, que não atendeu às exigências dos instrumentos convocatórios, em detrimento do interesse público, havendo, a meu sentir, periculum in mora inversum, diante do concreto risco de conturbação do certame licitatório, lançado para a contratação de serviços técnicos especializados para o gerenciamento, supervisão e apoio técnico das obras para implantação da Linha Leste do Metrô de Fortaleza, indispensável para a realização de melhorias na mobilidade urbana local”, afirmou.

O desembargador disse ainda que “a potencialidade da lesão reside no fato de ter o magistrado, mediante provimento de natureza provisória e precária, interferido diretamente no âmbito da discricionariedade da Administração Pública, a quem cabe, segundo juízo de conveniência e oportunidade, exigir os quesitos que entender necessários para evitar o insucesso da contratação e analisar o cumprimento de tais condições, buscando contratar com a empresa que melhor atenda às expectativas da boa prestação do serviço”.

(Site do TJ-CE)

Presidente nacional do PT vem ao Ceará “abençoar” campanha de Luizianne Lins

179 3

luizannerui

Confirmado. O presidente nacional do PT, Rui Falcão, estará nos dias 12 e 13 em Fortaleza. Na agenda, entre vários contatos, ele participará do lançamento da campanha de Luizianne Lins, ex-prefeita de Fortaleza, a deputada federal. Ela, inclusive, teve candidatura deferida pelo Tribunal Regional Eleitoral e adotou o número 1313.

O ato de lançamento da candidatura da loira ocorrerá às 19 horas do dia 13, na sede do PT estadual.

Luizianne vem sendo articulado pela direção nacional petista como um dos principais carros-chefes da campanha proporcional do PT no Estado.

(Foto – Divulgação)

Tasso e Eunício ouvem queixas de jovens sobre dificuldades de inserção no mercado de trabalho

147 1

tasio 

O candidato a governador Eunício Oliveira (PMDB) e o postulante ao Senado, Tasso Jereissati (PSDB), conversaram, nesta segunda-feira, na Libraria Saraiva (Shopping Iguatemi), com grupos de jovens. O evento iniciou uma série de encontros que ambos terão com setores da sociedade.

Na ocasião, Eunício e Tasso, ouviram, por mais de duas horas, dificuldade que os jovens sentem em matéria de inserção no mercado de trabalho, falta de cursos profissionalizantes no interior do Estado, abandono das faculdades públicas e falta de segurança foram discutidos, indicando com clareza quais as prioridades.

Ouviram críticas sobre a precariedade da infraestrutura da faculdade, falta de diálogo com os governantes e o abandono dos jovens. Em resposta aos estudantes, Tasso e Eunício explicaram o porquê de muitos dos problemas citados. “Eu não posso aceitar que o Governo queira cercear a  liberdade de expressão. Sem isso, nenhum das coisas que vocês estão falando vai funcionar, porque se acomodou com o autoritarismo”, argumentou Tasso ao destacar a importância da participação da juventude nos debates nacionais.

Tasso e Eunício explicaram que muitos dos problemas enfrentadas pela juventude devem-se à falta de perspectiva. “O Ceará precisa retomar o caminho do crescimento, com uma juventude estruturada, apoiada e com um futuro digno” disse Jereissati.

(Foto – Zé Rosa Filho)