Blog do Eliomar

Últimos posts

Grupo armado explode caixa eletrônico em Penaforte

“Na madrugada desta sexta-feira, 25, um grupo de cerca de 15 homens fortemente armados chegou na cidade de Penaforte, a 544 km de Fortaleza e, em ação ousada, explodiram um caixa eletrônico localizado entre os prédios da secretaria de educação e o destacamento da Polícia Militar (PM).

Segundo informações da Polícia Militar de Brejo Santo, a 500 km de Fortaleza, os homens chegaram em dois veículos, uma Hilux de cor prata e uma Amarok de cor branca, por volta das 2:15h da madrugada. Municiados de armamento de grosso calibre, os homens já chegaram atirando e encurralando os policiais dentro do destacamento. Os bandidos solicitaram que os agentes militares jogassem as armas para fora do destacamento, pedido que não foi atendido pelos oficiais, que atiraram contra os bandidos. Enquanto isso, parte dos assaltantes invadiu o prédio e utilizou dinamites para explodir o caixa eletrônico.

O que chamou bastante atenção da polícia e de populares foi a violência da explosão que, com o forte impacto, derrubou as paredes do prédio onde estava o caixa. A PM ainda não sabe informar se foi levada alguma quantia em dinheiro.

Após a explosão, os homens fugiram em direção a “Estrada Carroçal”, que da acesso a cidade de Verdejante, em Pernambuco.

Nenhum policial ficou ferido durante a ação. Até o momento, nenhum suspeito foi preso, mas a Polícia Militar continua investigando o caso.”

(O POVO Online)

 

 

Ex-ginasta Daiane dos Santos dará palestra no Seminário Empreender

daianedossantos

Daiane dos Santos, que foi a primeira ginasta brasileira, entre homens e mulheres, a conquistar uma medalha de ouro em uma edição do Campeonato Mundial, já está em Fortaleza. Ela dará conferência logo mais às 13 horas, no Palácio da Microempresa, dentro do Seminário Empreender, uma realização do O POVO e Fundação Demócrito Rocha. A ex-ginasta vem falar de sua trajetória de menina pobre que alcançou o sucesso mundial.

Daiane fez parte da primeira seleção brasileira completa a disputar uma edição olímpica – nos Jogos de Atenas -, repetindo a presença na edição seguinte, nas Olimpíadas de Pequim, é uma das conferencistas do Seminário Empreender, do Grupo de Comunicação O POVO e Fundação Demócrito Rocha.

TRT/CE condena Caixa Econômica Federal

“Um bancário da Caixa Econômica Federal que perdeu função comissionada recebida por mais de 10 anos assegurou no Tribunal Regional do Trabalho do Ceará o direito de incorporar o benefício à remuneração. Os desembargadores da 2ª Turma do TRT/CE condenaram o banco a pagar ao empregado 100% do valor da gratificação. A CEF também terá que pagar diferenças salariais acrescidas de juros e correção monetária.

O funcionário da Caixa exerceu funções entre junho de 1983 e dezembro de 1996. A partir dessa data, ele retornou ao cargo de origem e a empresa pública retirou de seu salário o valor correspondente à função de confiança. Para compensar a perda, o banco concedeu-lhe um adicional correspondente a 37,93% da gratificação. Inconformado, o bancário procurou a vara do trabalho de Sobral para cobrar a incorporação integral da gratificação, além de diferenças salariais acrescidas de juros e correção monetária. Obteve sentença favorável na vara do trabalho de Sobral.

Em recurso ao TRT/CE, a Caixa alegava que, desde dezembro de 1996, o empregado recebia um adicional compensatório pela perda de função de confiança, com base no último cargo exercido. Argumentava também que as leis trabalhistas permitem que o empregador retire o cargo de confiança do empregado a qualquer momento e sem garantir qualquer estabilidade financeira.

Para o relator do processo, desembargador Antônio marques Cavalcante Filho, a retirada de parcela paga com habitualidade constitui alteração lesiva à estabilidade financeira do trabalhador. “A função de confiança ocupada por mais de dez anos perde as características naturais de precariedade e transitoriedade para se tornar permanente e estável”, afirmou o magistrado.”

(Site do TRT-CE)

Empresa israelita manda reserva espaços no Polo de Saúde do Eusébio

robertosmithh

A visita à Protalix BioTherapeutics foi o ponto alto da viagem que o governador Cid Gomes (PROS) faz a Israel. A empresa estará no Polo de Saúde que o governo implementará no Eusébio (Região Metropolitana) com apoio da Fiocruz.

A israelita vai operar com a Biomanguinhos, atuando na produção de fármacos desenvolvidos a partir de células proteicas da cenoura na cura da doença de Gaucher.

A informação, direto de Tel Aviv, é do presidente da Agência de Desenvolvimento Econômico do Estado (Adece), Roberto Smith.

PF divulgará resultado de operações que apreenderam 92 kg de cocaína

A Policia Federal dará entrevista coletiva, a partir das 11 horas desta sexta-feira, em sua sede, no Bairro de Fátima, para dar detalhes sobre operações realizadas nos últimos dias 23 e 24.

Nessas operações, houve a apreensão de 92 quilos de cocaína, pisão de um homem por tráfico de drogas, estouro de dois laboratórios de crack, prisão de um assaltante por diversos roubos a agencias dos Correios no Ceará. Também divulgará apreensões de veículos, jóias e dinheiro.

 

"Bancada da Segurança" é ausência na exposição do titular da SSPDS

80 1

sspdsf

Na exposição do secretário Servilho Paiva (SSPDS), na última quarta-feira, na Assembleia Legislativa, um detalhe chamou a atenção: nenhum deputado da bancada que bate duro na segurança pública e conquistar espaços junto ao eleitorado, compareceu.

Ely Aguiar (PSDC), por sinal, está licenciado. Já Ferreira Aragão (PDT) e o Delegado Cavalcante (PDT) não informaram o motivo da ausência.

Governo autoriza aumento da participação de capital estrangeiro no Banco do Brasil

“O Banco do Brasil poderá ter maior participação de capital estrangeiro. Um decreto presidencial publicado hoje (25) no Diário Oficial da União estabelece que essa participação pode chegar a 30%. Atualmente, o limite é 20%.

Segundo o decreto, é do interesse do governo brasileiro a participação estrangeira no capital ordinário do Banco do Brasil.

O governo também informa que o Banco Central adotará as providências para execução do decreto. O novo limite entra em vigor hoje.”

(Agência Brasil)

Colírio da Mídia

308 5

rachel

Eis a jornalista Rachel Gomes, que integra a Editoria Cotidiano do O POVO. Aqui, numa pose para o clique do experiente repórter fotográfico Mauri Melo.

Porque nas redações locais também temos colírio.

Presidente da Fiec é cético sobre refinaria

95 1

“O presidente da Federação das Indústrias do Ceará (Fiec), Roberto Macedo, não entrou nessa onda ufanista de que o País acaba de fechar um grande negócio por conta do primeiro leilão do pré-Sal – Campo de Libra, no Rio.

Ele avalia que ser otimista é salutar, mas observa: a Petrobras ainda vive dificuldades financeiras em meio a um cenário de muita “manipulação” política da estatal. Pede maior atenção do cearense para informações envolvendo a Petrobras, principalmente pela crença na refinaria de petróleo.

Macedo, sobre o projeto, não acredita que saia como o governo federal promete. “Ainda vamos ter muitos governos prometendo isso. Já vimos a 10ª vez de ordem de serviço e tudo. Creio que ainda teremos a 11ª, a  12ª e por aí vai…”

(Coluna Vertical, do O POVO)

VAMOS NÓS – Também estamos com Roberto Macedo nesse item relacionado ao projeto da refinaria de petróleo. Adotamos a postura de São tomé: precisamos, no caso, ver para crer.

Programa do PT Nacional em clima de resposta às críticas da oposição

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=h6CXjnKB4x8[/youtube]
O programa do PT em rede nacional de TV, que foi ao ar ontem, serviu para responder às críticas que vem sendo feitas ao governo da presidente Dilma Rousseff pela oposição, e, em especial, pelo pelo governador e presidenciável Eduardo Campos (PSB), a novidade no processo sucessório com respaldo de Marina Silva.

Entre os destaques, o Bolsa Família, que completa 10 anos, e o Mais Médicos.

Mais Médicos – Ministério da Saúde concede registro a mais 24 profissionais

“O Ministério da Saúde concedeu registros a mais 24 profissionais com diplomas do exterior para que possam atuar no Programa Mais Médicos. A lista com os nomes, os números dos documentos e as cidades onde eles farão os atendimentos está publicada na edição de hoje (25) do Diário Oficial da União. A pasta divulgou ontem a primeira relação, com 656 profissionais que tiveram o registro emitido, incluindo 180 estrangeiros que ainda estavam impedidos de trabalhar por não ter o documento. O registro autoriza o exercício da medicina, por três anos, exclusivamente no âmbito do programa.

A competência para emitir os registros dos profissionais intercambistas foi transferida para o Ministério da Saúde pela Lei do Mais Médicos, sancionada terça-feira (23) pela presidenta Dilma Rousseff. A responsabilidade pela fiscalização da atuação dos profissionais foi mantida a cargo dos conselhos regionais de Medicina. De acordo com a pasta, os médicos contemplados receberão uma declaração provisória até que a cédula de identidade médica fique pronta, em um prazo aproximado de 30 dias. A cédula está sendo produzida pela Casa da Moeda.

Segundo balanço do ministério, 1.232 médicos participantes do programa estão em atividade nos municípios, sendo 748 brasileiros e 484 com diploma estrangeiro que, até então, atuavam por meio de registro provisório emitido pelos conselhos de Medicina. A expectativa, agora, é que mais 1.412 médicos comecem a atender a população em breve.”

(Agência Brasil)

Base Aérea de Fortaleza perde grupo de aviação militar

baseaerea

O Comando do 1º do 5º Grupo de Aviação da Base Aérea de Fortaleza oficializará, nesta sexta-feira, sua transferência para a Base Aérea de Natal, no Rio Grande do Norte. Com a mudança, Fortaleza perde força na estratégia de defesa aérea. Passa a ser somente um núcleo de apoio ao Estado vizinho. A decisão do tenente-brigadeiro Rossato sairá publicada no BCA – Boletim do Comando da Aeronáutica e ainda não há uma definição sobre o futuro da unidade no Ceará. Os militares da Base Aérea de Fortaleza, que não podem se identificar por motivos óbvios, consideram a medida arbitrária.

Muitos mantém famílias em Fortaleza e se dizem surpresos com a mudança repentina e sem direito a qualquer recurso. As transferências já começaram e os militares que atuavam aqui, terão que procurar moradia para alugar porque a Vila Militar da Base Aérea de Natal já tem todas as casas ocupadas.

O Comando da Aeronáutica ainda não se posicionou sobre o custo da transferência do esquadrão.

VAMOS NÓS – Durante a 2ª Guerra Mundial, os Estados Unidos escolheram Fortaleza para ser sede de uma Base Aérea por ser o ponto mais próximo entre a América e a Europa. Será mesmo uma decisão correta essa da Aeronáutica de abandonar este ponto estratégico?

Enem – Falta um dia para o início das provas

“Faltando um dia para o início das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), os mais de 7,1 milhões de candidatos devem separar o material que precisam levar e garantir que estão com o endereço do local de prova. O horário merece atenção especial. Os portões serão abertos às 12h e fechados às 13h, no horário de Brasília. Em 18 estados, o horário está diferente do da capital federal e os estudantes precisam acertar o relógio. É bom lembrar que nos finais de semana é menor o número de ônibus, trem e metrô circulando.

Para fazer a prova, é preciso apresentar documento de identidade com foto e ter em mãos uma caneta preta, revestida com material transparente, para preencher o cartão de respostas. Amanhã (26), serão aplicadas as provas de ciências humanas (história, geografia, filosofia e sociologia) e de ciências da natureza (química, física e biologia). No total, serão 90 questões e o estudante terá quatro horas e 30 minutos para fazer a prova e preencher o cartão de respostas.

Não é permitido ficar com aparelhos eletrônicos ligados durante a prova. Quem levar qualquer eletrônico, como celular e tablet, terá que guardar em um porta-objetos lacrado que ficará embaixo da carteira. O mesmo vale para materiais como lápis, livros e apostilas. Também não é permitido usar óculos escuros, boné, chapéus, gorros ou viseiras. O estudante só pode deixar o local de prova duas horas após o início do exame e 30 minutos antes do término do horário poderá sair com o caderno de provas. Quem descumprir essas regras, será eliminado.”

(Agência Brasil)

Assassinato de Andréa Jucá – Vizinhos ligaram 10 vezes para a Ciops

404 1

sonoeleitorla

Ronda acabou virando só promessa de eleição.

“O desfecho da tragédia passional que deu no assassinato da pedagoga Andréa Aderaldo Jucá, esfaqueada 20 vezes pelo ex-marido Alan Terceiro, mostra que a Segurança Pública no Ceará se arrasta numa gestão que acumula vícios e distorções administrativas. A demora no envio de socorro ao local onde se daria o homicídio e a dificuldade em se acionar uma viatura, apesar da enxurrada de telefonemas para o 190, podem ter contribuido para a morte de Andréa.

Os fatos exclusivos que serão revelados a seguir (leia o quadro), com base em registros da própria Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), apontam para um cenário confuso, falta de iniciativa e crise de comando em um setor crucial para o combate ao crime em Fortaleza: o atendimento da Ciops. Andréa Jucá, 39 anos, ex-secretária municipal de Finanças de Madalena e mãe de três filhos, morreu sem chance de defesa e gritando por um socorro público que chegou tarde. Vinte e três minutos depois, como registra a Ciops. Ou mais de 40 minutos, segundo denuncia de quem ligou e não conseguiu o contato com o 190.

Era domingo, último dia 13, quando a moradora do bairro Rodolfo Teófilo foi acuada dentro de casa pelo ex-marido e ex-suplente de vereador Francisco das Chagas Filho, conhecido como Alan Terceiro. O conflito, inicialmente de natureza privada, virou caso de polícia quando as atitudes violentas de Alan começaram a provocar desespero na vizinhança e ecoaram na rua onde Andréa morava.

Eram 14h14min35s quando uma operadora da Ciops recebeu o primeiro pedido de socorro para Andréa Jucá. Uma vizinha, que pede para não ser identificada, se apavorou com os gritos dela e recorreu ao 190. No registro, a atendente da Ciops escreve que se trata de uma “briga de família” e que há uma “mulher gritando por socorro”. A funcionária até tenta deslocar uma viatura da PM para o número 1156 da rua Frei Marcelino, próximo à igreja São Raimundo. Mas recebe uma negativa e escreve no relatório que a “viatura do Ronda da área em rendição e o P.O.G. (Policiamento Ostensivo Geral) está indisponível no momento”.

* Do O POVO, leia aqui.

Simon lamenta que Congresso não investigue irregularidades na venda de estatais

O senador Pedro Simon (PMDB-RS) afirmou, nessa quinta-feira (24), que, ainda que apareçam fortes evidências de desvio de conduta e de desvios de recursos no processo de venda de estatais, o Congresso Nacional, além de não ter interesse de investigar o tema, dá inteiro aval a tudo que acontece nos leilões.

Simon destacou que, desde a criação, em 1983, da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito para investigar “possíveis e evidentes” desvios de conduta e de recursos no Programa Nacional de Desestatização, o Congresso já demonstrava uma evidente falta de interesse em investigar “possíveis falcatruas” na venda de estatais. Simon lembrou que até aquele momento haviam sido privatizados os setores de petroquímicos e de fertilizantes e as primeiras empresas do setor siderúrgico.

Simon recordou privatizações que tiveram seus bastidores marcados por irregularidades e manipulações, entre elas, o da Companhia Siderúrgica Nacional, o da Companhia Vale do Rio Doce e as do sistema elétrico e de telecomunicações.

– A privatização da Companhia Siderúrgica Nacional foi um verdadeiro teatro do absurdo: pressões psicológicas das mais contundentes sobre os funcionários; ameaças indiretas de demissões; atores nomeados diretores das empresas privadas logo depois do leilão. E o negócio assim andou – criticou.

O senador afirmou que, enquanto o volume de recursos envolvido no programa de privatizações vem crescendo, desde o governo Collor, as barreiras são cada vez maiores para que nada seja investigado pelo Congresso Nacional.

Pedro Simon também criticou a privatização “pelas bordas” da Petrobrás pelo governo petista, já que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidente Dilma Rousseff foram eleitos sob promessa da paralisação do processo de privatizações. O senador ainda lamentou o fato de que aqueles que lutam pela soberania nacional sejam considerados ultrapassados.

– Ultrapassados e folclorizados são todos aqueles que se preocupam com o patrimônio público; que defendem o coletivo; que advogam que as nossas riquezas são coletivas e não de grupos de interesses; que são adeptos de uma política que não vai de encontro aos verdadeiros interesses da nação – disse.

(Agência Senado)

Estrangeiros da segunda etapa do Mais Médicos terminam fase de avaliação

“Termina nesta sexta-feira (25) o período de avaliação de 2.200 profissionais do Mais Médicos que têm diplomas estrangeiros. Segundo o ministro da saúde, Alexandre Padilha, antes de começar o trabalho eles vão passar uma semana na capital do estado onde atuarão. Os profissionais tiveram três semanas de aulas de português e de saúde pública, com ênfase no modelo do Sistema Único de Saúde (SUS).

Os médicos terão os registros emitidos pelo Ministério da Saúde que, depois da sanção da Lei do Mais Médicos, ficou com a atribuição que antes era dos conselhos regionais de Medicina (CRMs). Segundo Padilha, o Ministério da Saúde também vai recolher nos CRMs a documentação dos médicos da primeira etapa do programa, que estão nos municípios de atuação, já receberam a primeira bolsa e que ainda não começaram a trabalhar por falta de registro, para que a pasta possa emitir o documento.

“Nós tínhamos quase 200 médicos que já estavam nos municípios, tinham passado pela avaliação. estavam juntos com a equipe, mas não estavam podendo fazer o atendimento pleno, exercer plenamente a medicina atendendo aos pacientes.” disse o ministro.

Em decorrência de alteração na Lei do Mais Médicos, sancionada esta semana, o Ministério da Saúde publicou na edição de ontem (24) do Diário Oficial da União a lista de 650 profissionais intercambistas que tiveram registro único para o exercício da medicina concedido pela pasta. Segundo Padilha, a partir da publicação, os profissionais já podem exercer a medicina nos locais para onde foram designados.”

(Agência Brasil)

Segundo Ibope, Dilma venceria eleição em qualquer dos cenários

pesquisa ibope 131024

Se as eleições fossem hoje, a presidente Dilma Rousseff (PT) venceria no primeiro turno, caso seus adversários fossem Aécio Neves, pelo PSDB, e Marina Silva ou Eduardo Campos, pelo PSB. Pesquisa divulgada nessa quinta-feira (24) pelo Ibope, realizada em parceria com o jornal O Estado de S. Paulo, mostra que Dilma vem mantendo o desempenho nas intenções de voto, após a onda de protestos pelo Brasil, quando havia perdido popularidade.

Em todos os cenários avaliados pelo instituto, Dilma tem entre 39% e 41% das intenções de voto, mais do que a soma das preferências pelos adversários. Tal desempenho a levaria a vencer ainda no primeiro turno (considerando apenas votos válidos). O cenário em que disputaria com Serra e Marina, a petista aparece com a vantagem mais apertada.

Considerando o cenário tido hoje como o mais provável para o pleito – Dilma contra Aécio e Eduardo Campos -, a presidente teria 41%, o governador de Minas Gerais, 14%, e o governador de Pernambuco, 10%. Se Marina entrasse na disputa, em vez de Campos, ela teria mais que o dobro dos votos dele, chegando a 21%. Mas Dilma praticamente não perderia eleitores: oscilaria de 41% para 39%. O mesmo aconteceria com Aécio, que passaria de 14% para 13%.

Se os concorrentes fossem Dilma, Serra e Campos, eles teriam 40%, 18% e 10%, respectivamente. A vantagem da petista sobre a soma dos adversários, neste caso, seria de 12 pontos porcentuais. A presidente aparece com 39% quando os adversários são Marina (21%) e Serra (16%) – neste caso, ela fica em situação de empate técnico com a soma das intenções de voto dos outros dois candidatos (37%).

Em um eventual segundo turno, Dilma venceria todos os adversários avaliados pela pesquisaIbope/Estadão. Contra Marina Silva – o cenário mais apertado -, a presidente venceria por 42% a 29%. Com Eduardo Campos na disputa, a presidente teria vantagem de 27 pontos porcentuais, vencendo por 45% a 18%. A distância seria similar, de 28 pontos, se Aécio (19%) participasse hoje de uma disputa direta contra a presidente (47%). Uma repetição do segundo turno de 2010, com Dilma e Serra, terminaria com a vitória da primeira por 44% a 23%. O Ibope ouviu 2.002 eleitores em 143 municípios entre os dias 17 e 21 de outubro. A margem de erro da pesquisa é de dois pontos porcentuais para mais ou para menos.

(O POVO com agências)