Blog do Eliomar

Últimos posts

Padre Airton Freire – Papa Francisco resgata o rebanho pelo caminho da simplicidade

67 2

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=2EhfWYf7ogU&feature=c4-overview&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

A visita do Papa Francisco ao Brasil. Para o padre Airton Freire, pregador dos mais respeitados no País e responsável pelo Projeto Arcoverde, de apoio aos pobres em Pernambuco, o Brasil vive “uma nova primavera para a igreja”.

Segundo padre Airton Freire, o Papa Francisco, por sua simplicidade e humildade, reconquista rebanhos para Deus.

Papa Francisco: Os componentes políticos da visita

Com o título “Componentes políticos da visita do Papa, eis tópico da Coluna da Política, assinada nesta terça-feira pelo jornalista Érico Firmo. Confira:

Francisco iniciou ontem aquela que é, do ponto de vista político, a mais importante viagem papal já feita ao Brasil. No geral, talvez até fique atrás em relevância para a viagem de João Paulo II, em 1980 – a primeira de um pontífice ao País em todos os tempos, na qual 11 estados foram percorridos. Mas, a se considerar alcance internacional, o momento da Igreja e o do País, não há comparação: jamais a presença de um pontífice em território nacional teve tanto significado político – para dentro e para fora. É a primeira viagem dele para fora da Itália, o que já amplifica o interesse mundial pelo acontecimento em relação a todas as demais estadas no Brasil. Além disso, há a realização da Jornada Mundial da Juventude, evento que recebe milhares de peregrinos de outros países, o que também amplia a dimensão da visita para além da perspectiva dos brasileiros. Importância também maximizada por essa visita ocorrer na América Latina, região do mundo da qual Jorge Mario Bergoglio é o primeiro representante à frente da Santa Sé. E onde estão mais de 40% dos católicos do mundo. Além do mais, trata-se também do primeiro pontífice saído da ordem dos jesuítas, que tão relevante e controverso papel exerceu na história do Brasil e do continente que visita.

Também ingredientes do aspecto político inédito dessa viagem papal são os protestos. A Jornada Mundial se tornou um dos capítulos do roteiro dos megaeventos realizados no Brasil – em especial no Rio de Janeiro. Ainda mais em momento em que o prédio do governador Sérgio Cabral é sitiado e até casamento da neta de concessionário de serviços públicos é hostilizado por protestos. Já houve manifestações ontem e deverá ser a tônica de todo o período em que o papa permanecer no País. Uma mostra do que irá ocorrer também, com maior ênfase, na Copa do Mundo de 2014 e nas Olimpíadas de 2016.

HC e Meac em clima de nova gestão

jesualdofarias

“A Universidade Federal do Ceará finaliza os acertos para assinar contrato com a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), criada com objetivo de gerir os hospitais e unidades de saúde ligados às instituições públicas de ensino superior.

O reitor Jesualdo Farias anuncia que a entrada dessa empresa pública é fato já definido e que o organismo promete flexibilizar itens como contratação de pessoal e outras medidas burocráticas como forma de modernizar essas unidades. No Ceará, passarão, a partir de agosto, para o comando da Ebserh o Hospital da Clínicas(HC) e a Maternidade-Escola Assis Chateaubrind(Meac).

Jesualdo garante que a medida não afetará a autonomia da UFC. Apesar de queixas de segmentos da área, que veem a medida como uma especie de “privatização”.”

(Coluna Vertical, do O POVO)

Planos de saúde – ANS autoriza reajuste de até 9,04%

“A Agência Nacional de Saúde Complementar (ANS) divulgou ontem a autorização para reajustes de até 9,04% para os planos de saúde individuais e familiares. O percentual, aprovado pelo Ministério da fazenda, é válido para o período compreendido entre maio de 2013 e abril de 2014. De acordo com a ANS, os reajustes, válidos para contratos celebrados a partir de janeiro de 1999 (ou adaptados à Lei 9.656/98), poderão atingir cerca de 8,4 milhões de beneficiários, o que corresponde a 17,6% dos consumidores de planos de assistência médica no Brasil.

O índice de reajuste, porém, só poderá ser aplicado a partir da data de aniversário de cada contrato. Entretanto, é permitida às operadoras a cobrança de valor retroativo caso a defasagem entre a data da aplicação do reajuste e a data de aniversário seja de, no máximo, quatro meses.

Procuradas pela reportagem, as empresas Unimed Fortaleza, Hapvida, Amil e Golden Cross informaram que irão reajustar seus planos individuais e familiares em no patamar permitido pela ANS (9,04%). Por meio da assessoria de imprensa, a Unimed Fortaleza justificou o reajuste em razão do “custo de novas tecnologias, novos procedimentos oferecidos e impactos da inflação médica sobre os procedimentos assistenciais”. Em nota, a Hapvida diz que “o percentual reflete o aumento nos custos médico-hospitalares nos últimos 12 meses, período em que essas despesas subiram entre 14 e 16%”.”

(O POVO e Agências)

Papa não tem agenda oficial nesta 3ª feira, mas pode surpreender

papa francisco 130525

Nesta terça-feira,o Papa Francisco não terá compromissos oficiais e, segundo a sua agenda, deverá permanecer recolhido para descanso. H[a, no entanto, expectativa de alguma surpresa da parte do sumo pontífice que adora furar o protocolo.

Após a cerimônia oficial de boas-vindas ao papa Francisco, que chegou ontem ao Rio para participar da Jornada Mundial da Juventude, a presidenta Dilma Rousseff teve uma reunião privada com o pontífice, que durou cerca de 15 minutos.

Após o encontro, Dilma não falou com a imprensa e Francisco entrou em um carro fechado, no qual seguiu para a residência da arquidiocese, no Sumaré. . A presidenta seguiu de helicóptero para a Base Aérea do Galeão, de onde retornou para Brasília.

(Com Agência Brasil)

Médicos realizam nova paralisação nesta 3ª feira

47 2

“Em protesto contra o Programa Mais Médicos, do Governo Federal, e os recentes vetos ao projeto de lei do Ato Médico, médicos cearenses paralisam suas atividades hoje. A suspensão dos serviços atinge procedimentos eletivos, ambulatoriais e consultas. Segundo o Sindicato dos Médicos do Ceará (Simec), casos de urgência e emergência serão atendidos normalmente.

A medida, que segue o calendário de greves estabelecido pela Federação Nacional dos Médicos (Fenam), foi repassada para profissionais das redes de saúde pública e privada. Uma nova paralisação já está agendada para os dias 30 e 31 deste mês. “É um dia de paralisação em todo o Brasil. O Governo Federal quer colocar o problema da saúde pública no médico. Não podemos aceitar isso”, explica o presidente do Simec, José Maria Pontes.

De acordo com o presidente, pela manhã, representantes de entidades médicas se reunirão com coordenadores dos cursos de Medicina e políticos do Estado. Às 16 horas, será realizada no Terminal do Papicu exposição itinerante retratando a situação da saúde no Ceará, seguida por uma panfletagem.

Para a presidente da Associação de Médicos do Ceará (AMC), Sidneuma Ventura, a iniciativa é radical, mas necessária para dar visibilidade às reivindicações da classe médica. “Quem iria fazer um procedimento eletivo ou um atendimento ambulatorial amanhã (hoje), vai ter que remarcar, mas, infelizmente, essa é a maneira mais evidente de mostrar à população o que está acontecendo com o médico no Brasil”, comenta.

Hospitais e postos

A Secretaria da Saúde do Estado (Sesa) informou, por meio da assessoria de imprensa, que as Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) e hospitais da rede estadual com unidades de urgência e emergência funcionarão normalmente.”

(O POVO)

Governo anuncia corte de R$ 10 bilhões

“O governo anunciou ontem um corte de gastos de R$ 10 bilhões com objetivo de ajudar o Banco Central no controle da inflação. O valor, porém, ficou abaixo do previsto inicialmente e deve ser insuficiente para cumprir a meta de economizar 2,3% do PIB para pagar juros da dívida, o chamado superavit primário.

No início de julho, quando a equipe econômica decidiu fazer um novo contingenciamento nas despesas chegou-se a cogitar um corte maior, de até R$ 20 bilhões. No entanto, o número final foi menor devido à dificuldade em conter as despesas sem atingir áreas prioritárias -como infraestrutura, educação e saúde- e ao temor de que um corte muito amplo piorasse ainda mais o já fraco desempenho do PIB (Produto Interno Bruto).

Nos últimos dias, os ministérios que integram a junta orçamentária -Fazenda, Planejamento e Casa Civil- divergiram sobre o tamanho do bloqueio. Segundo técnicos da Fazenda, um corte muito abaixo de R$ 10 bilhões daria um sinal ruim ao mercado financeiro sobre a credibilidade da política econômica. Preocupados com o crescimento, Planejamento e Casa Civil chegaram a defender um corte bem menor, próximo a R$ 5 bilhões. O superavit serve para manter sob controle a dívida pública.

Ao conter os gastos do governo, porém, contribui também para reduzir a demanda na economia. A inflação acumulada em 12 meses está em 6,7%, acima do teto da meta do governo (6,5%). O governo Dilma Rousseff tornou prioridade o combate à inflação alta devido ao impacto desta na popularidade e no próprio desempenho da economia, na medida em que preços altos corroem o poder de compra da população.”

(Com Agências)

Morre empresário José Abraão Otoch

“O empresário José Abraão Otoch faleceu ontem, por volta de meio-dia, no hospital Monte Klinikum, após ter sofrido um acidente vascular cerebral na semana passada. O corpo do empresário foi enterrado ontem mesmo, por volta das 17h no cemitério Parque da Paz, no Passaré. “Seria muito difícil passar todas essas horas, a madrugada toda, velando o corpo. Sofrimento demais para a família sabe? Além disso, o meu pai era muito alegre e simples, não gostava de badalações. Ele não ia gostar de uma coisa longa, chamando muita atenção”, disse Ana Maria Otoch, filha do empresário.

A neta de Abraão Otoch, Mariana Otoch lamentou a morte do avô, mas se mostrou aliviada pelo fim do sofrimento. “É saudade grande, mas sei que agora ele está num lugar melhor”, disse.

Deib Otoch, um dos irmãos com os quais o empresário formou o conglomerado varejista até o começo dos anos 2000, e atual dono do grupo Esplanada, preferiu não dar declarações. “Ele está muito cansado”, disse a filha. O ex-governador Tasso Jereissati compareceu à cerimônia. Em declaração ao O POVO, através da assessoria, lamentou o ocorrido.”

(O POVO)

 

Polícia usa bomba de gás para dispersar manifestantes em frente ao Palácio Guanabara

Policiais do Batalhão de Choque da Polícia Militar (PM) usaram bomba de gás lacrimogêneo para dispensar os manifestantes que estavam concentrados em frente ao Palácio Guanabara, sede do governo fluminense, no bairro de Laranjeiras, onde momentos antes ocorreu a cerimônia de boas-vindas ao papa Francisco, com a presença da presidenta Dilma Rousseff.

Os policiais reagiram a dois coquetéis molotov lançados por duas pessoas mascaradas infiltradas entre o grupo que participava do protesto pacificamente.

Com a ação da PM, grupos de manifestantes se espalharam pelas ruas próximas, principalmente pela Rua das Laranjeiras em direção ao Largo do Machado. Neste momento, os policiais ocupam as esquinas das vias próximas ao palácio para evitar que os ativistas voltem a se concentrar no local.

No momento da ação, o papa Francisco e as demais autoridades já tinham deixado o Palácio Guanabara.

Os manifestantes que estavam em frente à sede do governo estadual era formados por pessoas ligadas ao movimento LGBT (lésbicas, gays, bissexuais e transsexuais), estudantes, sindicalistas, ateus e agnósticos.

Eles carregavam faixas e cartazes contra os gastos públicos na Jornada Mundial da Juventude (JMJ), e pediam investigações mais profundas contra o desaparecimento do pedreiro Amarildo Souza Lima, 47 anos, após ser confundido com um traficante e preso por militares da Unidade de Polícia Pacificadora da favela Rocinha, na zona sul, no último dia 14, onde sumiu após ter sido liberado.

Durante o protesto, um grupo de mascarados queimou um boneco com a frase “Fora Cabral”. Eles também impediram a passagem de dois carros da PM que foram obrigados a recuar. Dois ônibus com peregrinos da JMJ também foram impedidos de passar.

(Agência Brasil)

Centralização de poder: visão ultrapassada e possibilidade de mais ônus que bônus

Em artigo enviado ao blog, o estrategista político Fabner Utida avalia a centralização das ações na gestão Roberto Cláudio. Confira:

Há mais de 20 anos, exatamente em 1992, o Banco Mundial divulgou um documento intitulado Governance and Development (Governança e Desenvolvimento).

Na mesma época, estudos já demonstravam que determinados governos estruturados sobre o prisma do centralismo da “gestão de fazer acontecer”, encontravam grandes entraves no entendimento e na aceitação popular.

Governantes que desenhavam os seus modelos de gestão olhando apenas pelo seu próprio prisma dos resultados das políticas governamentais, sem dar grande atenção na forma pela qual o governo exercia seu poder, enfrentavam dificuldades de suporte popular e de continuidade dos seus projetos político-administrativos.

Estado de direito, responsabilidade, transparência, igualdade e inclusividade, efetividade e eficiência, prestação de contas e orientação por consenso, são as oito das principais características de uma boa governança.

Excesso de centralização não combina muito com um conceito moderno de governança, especialmente na esfera pública.

Um exemplo interessante que retrata um caso de centralização e a anti-governança pode ser ilustrado nos acontecimentos recentes envolvendo as obras dos viadutos da avenida Engenheiro Santana Júnior (com Antônio Sales) e a necessária preservação do Parque do Cocó em Fortaleza.

No auge da crise ficou evidente o centralismo da gestão. Onde estavam os secretários do meio-ambiente e de infraestrutura? Onde estava a procuradoria do Município que não tinha percebido notórias necessidades legais das obras? Onde estava a equipe de comunicação para alertar sobre o evidente potencial de arranhão na imagem da gestão?

A brutal queda na aprovação da presidente Dilma está ensinando aos governantes o que times como vôlei e futebol sabem: uma equipe de sucesso se faz com jogadores fortes, presentes e atuantes. Um líder que se expõe demais e, por vezes, sozinho, pode acabar ficando mais com os ônus do que com os bônus da centralização.

É bem verdade que o governo liderado pelo prefeito Roberto Claudio iniciou, aparentemente de forma frenética, com a proposta de buscar “recuperar um tempo perdido”. Mas o nosso nobre prefeito precisa ficar atento se o excesso de centralização não vai acabar virando um grande tiro no pé.

Acredito que esta é uma lição para todos, especialmente para aqueles que ocupam posições-chave em gestões, tanto na esfera pública quanto privada. Que tal experimentar a inovação de liderar com base nos princípios da governança? Pode dar até um pouco mais de trabalho, talvez seja até um pouco menos veloz, mas com certeza os resultados serão mais sociais, sólidos e duradouros. Além, é claro, de evitar embaraços como os do Parque do Cocó.

Fabner Utida, estrategista e consultor de marketing político

Jornalistas de 70 países vão acompanhar a Jornada Mundial da Juventude

No Centro de Mídia da Jornada Mundial da Juventude, no Forte de Copacabana, bochechas avermelhadas pelo sol desta segunda-feira (22) no Rio, rostos bronzeados e negros e idiomas de sonoridades diversas comprovam os números que a cobertura do evento já coleciona antes de sua abertura oficial: jornalistas de 70 nacionalidades se credenciaram para acompanhar a passagem do papa e dos peregrinos pela cidade.

De acordo com a assessoria de imprensa da JMJ, chega a 5,8 mil o número de jornalistas credenciados para reportar, fotografar, filmar e transmitir o evento para todo o planeta. A Jornada Mundial da Juventude começa nesta terça-feira (23) com uma missa na Praia de Copacabana, e será encerrada no domingo, no Campus Fidei (Campo da Fé), em Guaratiba, na zona oeste.

Parte desses profissionais é ligada a mídias religiosas: 33%. No total, 1,2 mil veículos serão representados pelo contingente de jornalistas.

Idiomas de países com grandes populações católicas, como o polonês e o francês, estão entre os mais ouvidos por quem circula pelo centro de mídia, além do inglês. Um destaque cabe ao espanhol, falado na Argentina, terra do papa Francisco, e pela maior parte do continente latino-americano, que pela primeira vez tem um pontífice.

Carolina Jorquera, jornalista de um veículo católico do Chile, veio pela primeira vez ao Rio e está ansiosa para cobrir os compromissos do papa: “Espero que ele traga uma mensagem de renovação para a Igreja”, disse.

(Agência Brasil)

Conpam atualiza dados sobre área do Parque do Cocó

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=az6Cb5EZClk[/youtube]

O conselho Estadual de Políticas pública do Meio Ambiente (CONPAM) está fazendo uma atualização dos dados relacionados ao Parque do Cocó. O objetivo, segundo o presidente do órgão, Paulo Henrique Lustosa, regulamentar a criação de um parque múltiplo nessa área de Fortaleza.

Dentro dessa atualização de área, o CONPAM espera minimizar ou não promover indenização quando de desapropriações.

UFC abre concurso para servidores técnico-administrativos

62 2

A Universidade Federal do Ceará lançou dois editais para concurso público destinado ao preenchimento de 60 vagas de servidor técnico-administrativo de níveis superior (Edital nº 262/2013) e médio (Edital nº 263/2013), em diversas áreas do conhecimento. Destinados aos campi de Fortaleza e Sobral, os cargos estão listados a seguir: analista de tecnologia da informação, assistente social, arquiteto e urbanista, auditor, bibliotecário-documentalista, engenheiro, fisioterapeuta, geólogo, psicólogo, produtor cultural, secretário executivo, técnico de tecnologia da informação, técnico em reabilitação ou Fisioterapia e técnico em segurança do trabalho.

As inscrições ocorrerão apenas pela Internet, no site da Coordenadoria de Concursos da UFC (www.ccv.ufc.br), de 26 de agosto a 8 de setembro de 2013. Para saber a quantidade de vagas por cargo, regime de trabalho, remuneração e cronograma do concurso, acesse o site da CCV.

SERVIÇO

* Mais informações – Coordenadoria de Concursos da UFC – (85) 3366 9522.

Presidente nacional da OAB agenda debate em Fortaleza

oabnacional

O presidente nacional da Ordem dos Advogados do Brasil, Marcos Vinícius, lançará nesta terça-feira, a partir das 15 horas, na sede da Fundação Escola Superior de Advocacia (Fesac), o anteprojeto da OAB no campo da Reforma Política.

Entre pontos sugeridos está a criminalização de quem faz caixa dois em campanha eleitoral. O ato será coordenado pelo presidente regional da Ordem, Valdetário Monteiro.

SERVIÇO

Fesac – Antiga sede da OAB, na Avenida Pontes Vieira.

Vereador lamenta que Aracati gaste com futsal o que poderia gastar com saúde

107 5

Em nota enviada para este Blog, o vereador Tácito Forte (PSB), de Aracati, lamenta a situação de abandono da área de saúde do município e do descaso da Prefeitura. Ele aproveita ainda para apontar uma contradição e falta de prioridade da gestão que preferiu gastar dinheiro no futsal a reforçar o setor da saúde. Confira:

Enquanto se movem céus e terra em busca dos homens e mulheres de bata, com dinheiro escasso, Aracati se supera no quesito esquisitice. Com visíveis contrariedades em nossa saúde, a Prefeitura cismou e trouxe um jogador para integrar o elenco do nosso time de futsal cuja transferência custou R$ 9 mil. Sim, somente para se desvincular de seu ex-clube, o atleta custou o valor mensal de um médico. E não estou falando do valor do contrato que, pelo que dizem, gira em torno de R$5 mil por 30 dias trabalhados.

Nessa mesma toada, virão outros três na próxima semana (um deles disse que só vinha caso a mulher conseguisse emprego na Prefeitura. Deu certo, pois as malas já estão prontas). O time é bom, eu sei. É goleada por cima de goleada. Mas, por esse preço, não tem cristão que aguente. E é porque não falamos dos dispêndios com os outros integrantes do quadro e da comissão técnica, aluguel de casa, alimentação, traslados e outras tantas besteirinhas que só encarecem os gols que comemoramos.

Sim, eu gosto de futsal. Torço pelo Aracati. Mas, entre se pagar um carinha pra correr atrás de uma bola e um médico para aliviar o sofrimento de um filho (até porque pediatra na cidade hoje é coisa raríssima), sem dúvida, a segunda opção é mais plausível.

* Tácito Forte,

Vereador do PSB.

Ministério Público quer interdição de áreas da CPPL I de Itaitinga

“O Ministério Público do Estado do Ceará ajuizou, nesta segunda-feira, uma Ação Civil Pública (ACP) contra o Estado do Ceará para pedir que a Justiça determine a interdição das celas das ruas “E” e “F” da Casa de Privação Provisória de Liberdade Agente Luciano Andrade Lima (CPPL I_, localizada em Itaitinga. De acordo com o promotor de Justiça Manoel Epaminondas, que assina o documento, o local está insalubre. Na noite do dia 10 de março deste ano, houve briga entre integrantes do Pavilhão 1 da unidade, ocasião em que os detentos das ruas “E” e “F” queimaram colchões no interior das celas e nos corredores, o que culminou com a morte de 7 presos, além de 13 feridos. Em inspeção realizada pelo MP e pela Corregedoria de Presídios no dia 12 de julho, ficou constatada a impossibilidade de os detentos permanecerem no local, tendo em vista que, passados 4 meses da ocorrência descrita, a Secretaria da Justiça e Cidadania (Sejus) ainda não providenciou a reforma dos locais atingidos pelo incêndio.

Segundo o promotor, a unidade não tem condições mínimas de higiene, iluminação nem circulação de ar. “Há lixo pelo chão e um odor que causa náuseas e outros incômodos até mesmo para as pessoas que inspecionam o local por poucos minutos (…) As condições são totalmente impróprias para o enclausuramento de presos”, diz o texto da ação. O MP ressalta que, dessa forma, os detentos ficam privados das condições mínimas de dignidade, o que afronta o princípio da dignidade humana, previsto na Constituição Federal.

Na ACP, o promotor de Justiça pede que seja determinada, em um prazo de 24 horas, a remoção dos presos provisórios para as cadeias públicas mais próximas, em condições de segurança e sob pena de pagamento de multa diária. Quanto aos demais detentos, que sejam removidos para locais adequados para cumprimento de pena de acordo com os correspondentes regimes, até que sejam feitas as reformas e adaptações necessárias às celas da CPPL I. O MP pede ainda que seja requisitada à Sejus as cópias da certidão da Vigilância Sanitária e do laudo de inspeção do Corpo de Bombeiros referentes à CPPL I.”

(Site MP-CE)