Blog do Eliomar

Últimos posts

PCdoB diz que candidatura de Inácio ao Senado é projeto nacional, mas vai aguardar decisão de Cid

165 1

foto luis carlos paes pcdob

“Vamos aguardar até o dia 4 de abril (sexta-feira) para ver o quadro. A partir daí vamos definir melhor como o PCdoB se comportará nesse jogo”. A declaração é do presidente do PCdoB no Ceará, Luís Carlos Paes, que admite que uma possível candidatura de Ciro Gomes ao Senado “embaralha” o jogo à disputa ao Senado.

O dirigente disse ao Blog que a pré-candidatura de José Guimarães (PT) ao Senado é natural e que o projeto da reeleição de Inácio Arruda é uma determinação do comando nacional do partido. Mas o partido vai aguardar a decisão da renúncia ou não de Cid Gomes, em favor de uma possível candidatura do irmão ao Senado.

Parque Nacional de Jericoacoara não terá hotéis, nem restaurantes

foto jericoacoara

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) anunciou que o projeto do Parque Nacional de Jericoacoara não terá mais hotéis e nem restaurantes. O projeto de Parceria Público-Privada (PPP) para a gerência do Parque Nacional de Jericoacoara foi debatido em audiência pública na Assembleia Legislativa, nessa sexta-feira (28), que atendeu requerimento dos deputados João Jaime (DEM) e Antonio Carlos (PT).

O gerenciamento do parque, por meio da PPP, previa a ampliação da Zona Urbana de Jijoca de Jericoacoara, com uso do dinheiro público, o que despertou interesse do setor privado.

Durante a audiência pública, o deputado João Jaime sugeriu a criação de um consórcio público entre a Prefeitura Municipal de Jijoca de Jericoacoara, Governo Estadual, Governo Federal e o Conselho do Parque para administrar todas intervenções no Parque Nacional de Jericoacoara, como requalificação de guaritas, construção de novos equipamentos, ordenamento do estacionamento, onde todo o lucro proveniente da cobrança de entrada de turistas, seria revertido em segurança, saúde, educação, limpeza pública e outros projetos de interesse da comunidade, tornando-se desnecessária a privatização do Parque.

Projeto cria mais uma hipótese de cassação da carteira de motorista

O motorista que já tiver participado de três cursos de reciclagem e cometer uma infração gravíssima de trânsito poderá ter sua carteira nacional de habilitação (CNH) cassada. É o que prevê o Projeto de Lei 5871/13, da deputada Rosane Ferreira (PV-PR).

A proposta acrescenta mais uma hipótese de cassação da carteira ao Código de Trânsito Brasileiro (Lei 9.503/97). Atualmente, o documento é cassado: quando o condutor cuja carteira está suspensa dirige algum veículo; quando há reincidência, no prazo de 12 meses, de alguma infração específica, como disputa de racha; e quando o condutor é condenado judicialmente por delito de trânsito.

O PL 5871/13 também amplia de dois para cinco anos o prazo após o qual o motorista cuja carteira esteja cassada pode requerer novamente o documento. Esse prazo valerá, de acordo com o texto, para todas as hipóteses de cassação da CNH.

Rosane acredita que o endurecimento das penas para os motoristas que cometerem infrações deve evitar novos acidentes. “Parece que a sensação de impunidade é um importante aliado dos infratores contumazes, responsáveis por boa parte das alarmantes estatísticas de acidentes automobilísticos”, argumentou.

(Agência Câmara de Notícias)

Nossa sucessão tá um samba desafinado!!!

178 1

Em artigo enviado ao Blog, o leitor Odésio da Castro traz uma criativa análise do jogo sucessório no Ceará. Confira:

O governador Cid está tendo mta dificuldade de conduzir sua sucessão. Em se tratando de um Ferreira Gomes, que sempre passa a imagem de onipotência, pode parece paradoxal. Mas tá! São muitos os interesses para serem conciliados. E, diferentemente de 2010, agora em 2014, as “lideranças” não estão mais dispostas a ser apenas coadjuvantes, mas protagonistas.

É sabido que para manter um grupo político sem a caneta é mto difícil. Ele necessita de um mandato, e de preferência Senador. Mas isto ainda é pouco. Precisa manter o governo nas mãos de alguém mto confiável. E só um dentre os apresentados a ser ungido tem a confiança plena de Cid: Zezinho Albuquerque.

Mas para esta solução acontecer tem que acertar com Domingos Filho, atual vice, político articulado e que se move muito bem no tabuleiro do poder. Está sempre no lugar e na hora certa. É um profissional como os Ferreira Gomes. Domingos quer ser o candidato do PROS e agrada muita gente; talvez nem tanto a Cid e Ciro. Este é o primeiro problema.

A questão PT. A ala adesista, rendida, se propõe a tudo desde que venha se manter no poder. Deposita no Cid seu futuro. Essa história do Guimarães Senador é pura balela. É apenas querer vender o passe mais caro. Assim como o Inácio ser o candidato a Senador desta aliança. Também tá querendo ganhar alguns colégios eleitorais pra se eleger deputado federal. O PCdoB é astuto e muito ruidoso; pelo poder faz tudo, inclusive aquilo que o Brizola falou que o Lula faria pra chegar a presidência. Me desculpe, Inácio, diante desta conjuntura vc é totalmente dispensável hoje.

E as dificuldades continuam: Eunício. Este está sabendo aproveitar bem o momento. Com apoio de Cid ou não já é candidato. Está a cada dia se fortalecendo. Pode montar em torno de sua candidatura um boa tropa, até parte do PT que não se alia ao Cid. Aliás, Luizianne e cia estão torcendo que o PT feche questão com o candidato do Cid, seja quem for, porque vão dar apoio ao Eunício e por cima ainda se passam como vítimas. É correr para o abraço. Do jeito que a loirinha quer. E vai se dar mto bem! É o jogo que Ela gosta.

Cid não vai apoiar Eunício. Não existe uma única razão. A não ser que a reeleição de Dilma estivesse totalmente concretizada. Aí sim, os Ferreira Gomes estariam mto bem nos pós-governo. Teriam como se manter fortes. Por enquanto isto não embasa as discussões.

Num cenário pouco provável, cada um seguiria seu rumo: PROS com seu candidato, PMDB e PT, além do PSB que já lançou sua candidata. O DEM e PSDB apoiariam Eunício, mais o PR do Roberto Pessoa e cia. A nanicada se dividiria conforme as logísticas de campanha. É sempre assim.

O fato é que todos estão quebrando a cabeça pra arranjar uma solução que contemple PROS, Ferreiras Gomes, Eunício, Domingos, PT e até Luizianne. Mas ta difícil. Não sei por que tanta gente se assusta com este quadro. É plenamente normal o que esta acontecendo. Isso é nada mais que fim de ciclo. Em 2002 quase o ciclo inaugurado em 1986 ia por água abaixo por conta da divergência de Tasso e Ciro qto ao apoio presidencial. Mas trincou, tanto que em 2006 não teve jeito; o PSDB (leia-se Tasso), facilitou muito a eleição de Cid. (por fora né!!!). Agora, 8 anos depois (e impressiona pelo pouco tempo), o novo líder ta vendo alma. E tem um agravante: tirando aqueles que acham que em política 2 + 2 são 4, a eleição de Dilma é bastante controversa. E para os Ferreiras Gomes seria o pior dos mundos.

Mas quero dizer uma coisinha a mais: o Cid é inteligente. É um profissional da política. De repente Ele aparece com uma solução mágica, inimaginável a nós mortais. E é claro que seria de deixar um bocado do mundo com bocão aberto! Só aberto!

E o Tasso? Este parece que desistiu!!! Será mesmo?

De uma coisa tenho certeza: vamos ter uma grande surpresa!!!

PDT vai aguardar decisão de Cid, mas garante estar com o governador

foto andre figueiredo

O presidente do PDT no Ceará, deputado federal André Figueiredo, disse que aguardará a decisão do governador Cid Gomes, que na sexta-feira (5) decide se deixará ou não o Governo como forma de viabilizar uma candidatura Ferreira Gomes ao Senado.

Segundo o dirigente do PDT, o partido apóia qualquer decisão de Cid Gomes. André Figueiredo já anunciou que o professor Flávio Torres será o candidato do PDT ao Senado. Ex-suplente da então senadora Patrícia Saboya, Flávio Torres esteve por quatro meses como senador, quando recebeu elogios por seu trabalho.

Figueiredo também disse que não ficou surpreso com o desejo do PT em querer o apoio de Cid Gomes para uma candidatura de José Guimarães ao Senado.

Nicolle Barbosa deixa o CIC no dia 3 e mergulha como pré-candidata ao Governo

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=lgOgJFp5pTw&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

A presidente do Centro Industrial do Ceará, Nicolle Barbosa, entrega nesta segunda-feira, às 19 horas, o cargo para o empresário José Dias Vasconcelos. Ela faz um balanço das atividades e adianta que vai mesmo mergulhar na política.

Nicolle já está como pré-candidato do PSB de Eduardo Campos ao Governo do Ceará.

Fortaleza tem mais um dia de chuva com trovoadas

152 1

foto funceme 140330

Dois dias depois, Fortaleza é novamente surpreendida por chuva com trovoadas. Há algum tempo, o fortalezense não ouvia o som que mete medo nas crianças, mas que alegra e alivia o coração dos adultos.

Chove em 55 municípios

Com 39 milímetros, Palmácia é o município com maior índice pluviométrico neste fim de semana, segundo a Funceme, que registrou chuvas ainda em outras 54 cidades, incluindo Fortaleza.

Um troquinho de R$ 13 bilhões

204 5

Da coluna Fábio Campos, no O POVO deste domingo (30):

Sugiro aos distintos leitores que joguem uma lupa nos números financeiros que cercam as denúncias relacionadas à Petrobras. É tudo muito absurdo. Só no caso da compra da refinaria de Pasadena, nos EUA, o prejuízo estimado é de 1,2 bilhão de dólares. Considerando o câmbio de sexta-feira passada, chega-se ao valor de 2,7 bilhões de reais.

Vamos ao caso da refinaria Abreu Lima, que está em obras em Pernambuco. A previsão da estatal é que as obras sejam concluídas até 2015. A refinaria teve orçamento inicial de US$ 2,5 bilhões. A estimativa agora é que ela seja concluída com investimento de US$ 18,5 bilhões. Uma diferença de 16 bilhões de dólares.

Façamos o exercício de transformar esses montantes em reais. O orçamento previsto era de 5,6 bilhões de reais. No entanto, a obra da refinaria saltou para 41,6 bilhões de reais. É inacreditável. Ainda em reais, a diferença alcança incríveis 36 bilhões. Somados (R$ 36 bilhões + R$ 2,7 bilhões) dos dois rombos chegamos à cifra de impressionantes R$ 38,7 bilhões.

A refinaria premium planejada para o Porto do Pecém, que, segundo a Petrobras, será uma das maiores do mundo, com produção máxima estimada em 300 mil litros de barris diários, tem um custo estimado em US$ 11 bilhões. Ou, 24,75 bilhões de reais.

Ou seja, o possível rombo daria para construir a refinaria do Pecém e o País ainda teria um troco de R$ 13,95 bilhões. Essa sobra é suficiente para, por exemplo, irrigar toda a região Nordeste com a ampliação da transposição, obra que vai custar “apenas” R$ 8,2 bilhões ao contribuinte.

Pelo visto, vivemos em um País em que até a corrupção foi desmoralizada.

Democracia sem máscaras

Da coluna Valdemar Menezes, no O POVO deste domingo (30):

A reflexão sobre a democracia esteve presente nestes dias que antecedem a data do cinquentenário do golpe civil-militar que derrubou o governo constitucional de João Goulart e instaurou a ditadura.

Discutir 1964 é debruçar-se sobre o futuro e o presente, e não apenas fazer uma obra de arqueologia. Por quê? Porque se continuar a persistir a justificativa de que um governo eleito pelo povo pode ser derrubado pela força por algum segmento discordante dele, e que a ordem jurídica pela qual foi legitimado pode ser rompida, e a Constituição rasgada, então sempre estaremos diante de uma ameaça latente. Isso precisa ficar patente para que tenhamos balizas seguras para nossa Democracia. Do contrário, haverá sérias razões para se temer pelo futuro.

A relativização da legalidade democrática, a impunidade e o encobertamento do que houve na ditadura do Estado Novo (1937-1945) permitiram a tragédia de 1964 e seu cotejo de retrocesso político e social e de atentados aos direitos humanos. Felinto Müller, o torturador-mor de 1937, morreu como prestigiado senador e condestável da República, sem nunca ter respondido por seus crimes. Isso animou os torturadores de 1964.

Brasil não se abalará com julgamentos apressados sobre a economia, diz Dilma

162 1

Apesar do rebaixamento da nota do Brasil pela agência Standard & Poor’s, o país tem compromisso com o controle da inflação e a diminuição da dívida pública, disse nesse sábado (29) a presidente Dilma Rousseff. Em evento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), na Bahia, ela ressaltou que a economia do país continua com bons fundamentos, mas tem o desafio de melhorar os serviços públicos e aumentar a produtividade.

Sem se referir diretamente à decisão da agência de classificação de risco, Dilma declarou que os números mostram que a economia brasileira continua sólida. “Não nos abalaremos com julgamentos apressados, com conclusões precipitadas que a realidade desmentirá. Todos sabemos que, em economia, a realidade sempre se impõe”, disse.

A presidente lembrou que, nos últimos dez anos, a inflação tem ficado dentro da meta. Segundo ela, a dívida líquida do setor público, atualmente em 33,7% do Produto Interno Bruto (PIB), encerrará o ano em queda e o país tem reservas de quase US$ 380 bilhões, que fornecem lastro para lidar com qualquer volatilidade internacional.

(Agência Brasil)

Alô, concurseiro! Que tal conferir novos certames espalhados pelo Brasil?

Os concursos abertos nesta semana oferecem 16.549 oportunidades de trabalho para quem pretende iniciar ou continuar uma carreira no serviço público. Foram 47 seleções abertas, com salários máximos de R$ 5.289, em média. No acumulado das últimas semanas, são 30.785 vagas disponíveis.

A secretaria de Saúde do Amazonas oferece 11.646 para todos os níveis. Os salários chegam a R$ 7.691,45. O prazo para inscrições termina na segunda-feira (31).

Já a Aeronáutica abriu 226 vagas para quem tem ensino médio ou curso técnico de nível médio. Oportunidades são para formação de sargentos. O salário máximo não foi divulgado.

Veja a lista completa dos concursos abertos nas últimas semanas

O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), ligado ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, lançou concurso para preenchimento de 68 vagas em cargos de nível superior (pesquisadores e tecnologistas). Os salários variam de R$ 4.544,05 a R$ 9.828,05. As vagas são para Cachoeira Paulista (SP) e São José dos Campos (SP).

Vinculada ao Ministério da Educação, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh) procura 120 profissionais e exige nível médio ou superior para trabalho em hospitais universitários de Brasília, Triângulo Mineiro e Piauí. Os salários variam de R$ 2.406 a R$ 7.774.

* Do Congresso Enfoco clique em Mais sobre concursos

Artur Bruno – Pedir a vaga de senador foi um erro da maioria petista

brunoo

“A decisão do PT cearense de apoiar candidatura preferencial ao Senado é “um erro”, avaliou neste sábado o deputado federal Artur Bruno (PT). Segundo ele, o partido deveria ter lançado candidato ao governo, e agora corre risco de ter que voltar atrás com a decisão diante de mudanças na conjuntura estadual.

“Nós temos todas as condições para ter candidato ao Governo do Estado. O PT tem grandes nomes para lançar candidato, e fechar pelo Senado é lamentável. É como entrar em campeonato de futebol querendo ser vice-campeão, e não campeão, visto que a posição mais importante seria a de governador”, diz.

O parlamentar destacou, no entanto, posição aprovada no sentido de manter aliança com Cid Gomes no Ceará. “Isso foi correto, pois é isso que é importante. Trabalhar pela eleição da Dilma, trabalhar pela manutenção da unidade. O resto pode se discutir entre aliados”, avalia.

Segundo Artur Bruno, “muita água vai rolar” durante a sucessão, e medida apoiada neste sábado pode acabar sendo revertida diante de novidades na chapa montada por Cid Gomes no Estado.”

(POVO Online/Foto – Paulo MOsKa))

Aécio e Campos fecham acordo para nova CPI

202 4

original_aecio-campos

Aécio Neves e Eduardo Campos, em conversa na sexta-feira passada, decidiram reagir ao contra-ataque que o governo armou na CPI da Petrobras, onde tentará usar sua maioria para tratar prioritariamente do escândalo do Metrô de São Paulo.

Aécio e Campos articulam a criação de mais uma CPI – a que investigará o setor elétrico e os portos.

(Coluna Radar, da Veja Online)

IJF-Centro manda nota sobre problema na refrigeração de centro cirúrgico

Sobre o caso da falta de refrigeração no Centro Cirúrgico do IJF-Centro, recebemos a seguinte nota de esclarecimento, que nos chegou por meio da assessoria de imprensa do hospital:

Esclarecimento:

O chefe do Centro Cirúrgico do Instituto Dr. José Frota, médico Roberto Ibiapina, esclarece que houve um problema na refrigeração do setor na última quinta-feira, mas foi logo resolvido e não houve redução nas cirurgias.

Assessoria de Imprensa do IJF-Centro.

VAMOS NÓS – Tudo bem, mas cirurgiões ainda neste sábado mesmo reclamavam do problema. Sim, pagara atrasados da Inovar ou ela foi substituída por outra empresa de manutenção?

Hora do Planeta e luzes apagadas por uma hora neste sábado

O apagão da Hora do Planeta neste sábado (29), das 20h30min às 21h30min, deve chegar a pelo menos 106 cidades brasileiras. O evento é promovido anualmente pela organização não governamental WWF para conscientizar a população mundial sobre a importância da conservação da natureza e de comportamentos sustentáveis.

Durante uma hora, as luzes de importantes monumentos serão desligadas. Vão participar da ação o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, a Esplanada dos Ministérios, em Brasília, e a Igreja São Francisco de Assis (Igrejinha da Pampulha), em Belo Horizonte, e outros 300 monumentos em todo país. A WWF-Brasil promove um evento oficial da Hora do Planeta na Praça Victor Civita, em São Paulo.

Um dos primeiros países a inaugurar a campanha este ano, que envolve mais de 150 países, foi a Nova Zelândia. Às 20h30 local apagaram-se as luzes durante uma hora do Parlamento, museu de Auckland e da torre Sky Tower e em milhares de lares do país.

(Agência Brasil)

Confira discurso de José Guimarães, indicado pelo PT para a vaga de senador

213 1

[youtube]https://www.youtube.com/watch?v=IshjTWZ84-g&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg[/youtube]

Confira o momento em que o deputado federal José Guimarães (PT) discursou, neste sábado, durante encontro da legenda, para o auditório lotado do Hotel Romanos, em Messejana. O partido decidiu que quer o Senado e que José Guimarães é o nome para a vaga na chapa. O partido decidiu também lutar pela manutenção da aliança com o Pros do governador Cid Gomes e com o PMDB do senador Eunício Oliveira.

Guimarães, como postamos anteriormente, deu o recado de que o PT não tem que pedir autorização a ninguém para reivindicar o Senado.

O encontro foi esmagadoramente favorável ao PT para o Senado, por meio da corrente apoiada por Guimarães. Houve pregação por candidatura própria ao Governo e quem defendeu foi o deputado federal Artur Bruno. Também endossou essa tese o vereador Guilherme Sampaio, da ala de Luizianne Lins, que não compareceu.

Até Elmano de Freitas, presidente do PT de Fortaleza, defendeu o nome de Luizianne para candidata ao Governo, mas, pela ausência dela, deu para perceber que a petista só entra em jogo vitorioso. Ali, era minoria mesmo.

Triste sina

181 4

Em artigo no O POVO deste sábado (29), o médico, antropólogo e professor universitário Antonio Mourão Cavalcante acredita que Cid Gomes deve renunciar nos próximos dias. Confira:

A lucidez do déspota é a desmesura. Acredito que a democracia é um sistema corretivo. Não deixa que o déspota pense além do prazo. O voto vem e desmancha as ilusões mais mordazes que possam ser armadas. Recentemente, disse nesse mesmo espaço, que o governo Cid Gomes era moribundo. Essa semana ele vai acabar… E, a hora da inana chegou. (inana – situação difícil, aflitiva. Aquilo que causa aborrecimento, amolação. Briga, pancadaria.) O processo se desenha confuso. Não é possível contentar a todos. Vai sobrar gente na curva, apesar de promessas, juras e compromissos de todos os tipos.

Gostaria de refletir sobre o significado das alianças partidárias. O antes e o depois. Na campanha, juras de amor total. Nunca nos afastaremos. Buscaremos o melhor para nosso povo. Eleitos, vem a partilha. Cada um cuidando da fatia que lhe cabe “nesse latifúndio”.

Chegada a sucessão, os amores se despedaçam. Não ficam cacos da aliança. Detona-se o “salve-se quem puder.” Aí as feridas e traumas mostram-se a céu aberto. Fraturas expostas.

No Ceará, agora, estamos com este cenário. O governador se acha no direito de fazer o sucessor. Por que? Para que? Pouco importa. Ele quer. Aí, como tem uma história de tempo de televisão, um partido (PMDB) aliado de primeira hora e um PT (leia-se Guimarães) louco para ser senador, a coisa complica. Só tem lugar para dois, quando são, pelo menos três disputando. (Sem falar no PCdoB) que ainda sonha com Inácio ao Senado…

E os interesses do Ceará? Ficam temporariamente desligados, até que se faça uma chapa boa de ganhar. Mesmo que tudo já venha distribuído e com donos…

Assuntos como a violência, a seca, a saúde, a educação ficam postergados. Não se fala disso por enquanto. Isso não é o essencial. Inventa-se uma coisa mágica. Da outra vez, as Hiluxs do Ronda não conseguiram engabelar? E o aquário, quem vai concluir? E a refinaria? E a siderúrgica? Promessas para próxima campanha. Tenha calma!

Ninguém sabe apontar onde estão as divergências ideológicas desses senhores. Por que eles estão juntos ou separados, se a única causa que os motiva é o poder pelo poder. Sentar naquele trono e dizer: o rei agora sou eu!

Triste Ceará. Foi assim. É assim. Será sempre?