Blog do Eliomar

Últimos posts

José Pimentel apresentará parecer sobre Plano Nacional de Educação nesta 3ª feira

Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ): senador José Pimentel (PT-CE) durante discussão sobre propostas relativas à reforma política

O senador José Pimentel (PT) apresentará seu parecer sobre o Plano Nacional de Educação (PLC 103/12) nesta terça-feira, na Comissão de Assuntos Econômicos. O texto vincula à educação todos os royalties do petróleo dos novos contratos, celebrados a partir de 3 de dezembro do ano passado. Essa será a principal fonte para bancar a ampliação gradual dos investimentos em educação, que devem chegar a 10% do Produto Interno Bruto no décimo ano, conforme a meta nº 20 do plano.

“O financiamento da educação é a meta basilar, a espinha dorsal do plano. É também o objetivo por excelência do exame pela Comissão de Assuntos Econômicos”, diz Pimentel, relator da matéria. O projeto ainda será analisado pelas comissões de Constituição e Justiça e de Educação, antes de seguir ao Plenário do Senado.

Ao apontar os royalties como fonte adicional de recursos para a educação, Pimentel baseou-se, em parte, no novo projeto apresentado pela presidenta Dilma Rousseff, que começa a tramitar na Câmara dos Deputados (PL 5.500/13). A proposta reserva à educação os royalties dos novos contratos de concessão e de partilha referentes à extração de petróleo no mar. Já o substitutivo de José Pimentel inclui todos os royalties dos novos contratos, independentemente do local da extração do petróleo.

Além disso, a proposta considera investimento público em educação não apenas o dinheiro aplicado nas escolas e universidades públicas, mas também os recursos investidos mediante convênios para garantir a ampliação de vagas gratuitas, a exemplo do Prouni (Meta 12). O investimento público em educação também permite a continuidade de programas como o Ciência sem Fronteiras, o Pronatec, o Fies e os convênios existentes com escolas que prestam atendimento especializado a estudantes com deficiência. Já o dinheiro usado no pagamento de aposentados não vai entrar no cálculo dos 10% do PIB que deverão ser aplicados na educação, como deixa claro o texto do relator.

Senador lê manifesto de movimentos sociais contra leilões do petróleo

O senador Roberto Requião (PMDB-PR) leu no Plenário, nesta segunda-feira (13), um manifesto elaborado por movimentos sociais pedindo o cancelamento dos leilões do petróleo previstos para 14 e 15 de maio. A 11ª rodada de licitações de áreas de óleo e gás natural está prevista para ser realizada pela Agência Nacional do Petróleo (ANP) no Rio de Janeiro. Ao todo serão oferecidos 289 blocos em mar e terra. Os leilões do setor estavam suspensos desde 2008.

O documento, assinado por sindicatos, associações e entidades civis, é dirigido à presidente Dilma Rousseff e requer também o cancelamento do processo de privatização das hidrelétricas de Três Irmãos, em São Paulo, e Jaguara, em Minas Gerais.

Para os manifestantes, será um erro estratégico entregar as usinas ao capital internacional.

“Foi nos governos Collor e Fernando Henrique que este sistema foi sendo destruído e entregue ao capital internacional sob o pretexto de que não servia mais para o país. As melhores empresas públicas foram entregues para o controle das grandes corporações transnacionais, prejudicando nosso país e os trabalhadores. Nestas ocasiões os setores neoliberais se apropriaram do discurso falacioso da ineficiência do Estado com o objetivo de iludir o povo brasileiro com falsas promessas e entregar o patrimônio público para o mercado”, afirmam os manifestantes no documento lido pelo senador.

O documento lembra ainda que, depois do processo de privatização, a energia elétrica aumentou mais de 400%, muito acima da inflação; trabalhadores foram demitidos e recontratados com salários menores e a qualidade dos serviços piorou.

Em relação ao petróleo, os manifestantes advertem que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso vendeu parte da Petrobras e só não fez pior porque foi derrotado na eleição de 2002.

Além de elaborarem a carta, os manifestantes se mobilizaram, nesta segunda-feira, fazendo protestos em Brasília e em outras cidades do país.

(Agência Senado)

Projeto que prejudica criação de partidos hostiliza a Constituição, diz Gurgel

77 1

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, destacou em parecer encaminhado nesta segunda-feira (13) ao Supremo Tribunal Federal (STF) que o projeto de lei que inibe a criação de novos partidos “hostiliza a Constituição”. Ao defender a suspensão da proposta, ele concordou com a solução dada pelo relator do mandado de segurança, ministro Gilmar Mendes, ao atender a pedido do senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF).

Gurgel defende não apenas a inconstitucionalidade da proposta, como também a intervenção do Supremo para suspender o seu andamento. Uma das principais críticas dos parlamentares é que o STF está fazendo controle prévio de leis, atingindo a soberania do Congresso Nacional.

Para Gurgel, o STF não desrespeitou a separação entre poderes, mas impediu a concretização de uma ilegalidade. “O projeto de lei atacado pelo impetrante agride a Constituição, em seus elementos centrais, em cláusulas pétreas, expondo-se, assim, à corrigenda do Supremo Tribunal Federal em mandado de segurança impetrado por senador da República antes mesmo de se ultimar a votação em plenário”, diz o texto.

(Agência Brasil)

Ex-secretário do Turismo do Ceará teme efeitos da insegurança para imagem do turismo

260 1

allanaguiar

Com o título “Turismo: risco real e imediato”, o ex-secretário do Turismo do Ceará, Allan Aguiar, aborda neste artigo a questão da insegurança atualmente registrada em Fortaleza. Ele avalia os efeitos econômicos que poderão advir, caso se consolide a imagem de Fortaleza como cidade insegura. Confira:

São graves os efeitos econômicos que poderão advir caso se consolide a imagem de Fortaleza como cidade insegura, onde a violência saiu dos padrões de razoabilidade. Na hierarquia das prioridades de quem viaja, a segurança do Destino Turístico ocupa a primeira colocação e mostra-se como principal variável na equação decisória do Turista. Óbvio, ninguém quer expor-se, muito menos sua família, a riscos do gênero.

São muitos os exemplos, no Brasil e no mundo, de Destinos turísticos que passaram pela degradação de suas imagens e levaram anos contabilizando prejuízos representados pela queda do fluxo turístico e, consequentemente, da receita e da renda turística.

No Nordeste do Brasil temos o exemplo de Recife que chegou a perder quase que a totalidade do fluxo de lazer e entretenimento e, por conseguinte, dos investimentos privados voltados pare esse perfil de consumidor, por ser considerada uma cidade arriscada demais para passear. No ranking nacional, Recife figurava como a cidade de maiores índices de violência por cem mil habitantes, rivalizando com Maceió, Aracaju, Salvador, Rio e São Paulo. A grande imprensa nacional reverberava essa fragilidade, consolidando na cabeça do brasileiro o risco de optar pela capital pernambucana.

Hoje, assistimos nossa Fortaleza ocupar a linha de frente das variadas pesquisas que comparam o quadro de violência urbana das principais cidades do Brasil. Estamos sempre perto do topo, quando não nele, dos indicadores de violência. Os esforços promocionais do marketing turístico do Estado, que tem na Capital seu destino mais requisitado pelos consumidores de viagens, estão em risco diante da mais desconcertante má fama que um Destino pode ter: Insegurança.

Ninguém topa ir conhecer a faixa de gaza, a Síria ou o Iraque, inobstante serem regiões muito bonitas. Existe uma correlação quase perfeita de inversa proporcionalidade entre as linhas do gráfico de violência e de fluxo turístico de lazer.

Nesse ponto, alguns veículos de comunicação poderiam tratar o tema com menos estardalhaço, procurando não pautar a grande imprensa dos mercados emissores de Turistas, assemelhando-se a prática de muitos destinos americanos e europeus que procuram atenuar os efeitos midiáticos das ocorrências policiais acontecidas em seus domínios, que não são poucas. Nesses Destinos, existe uma consciência bem difundida dos efeitos nefastos dessa má fama.

As pesquisas que o setor realiza, regularmente, junto aqueles brasileiros que compram o Destino Fortaleza não captam a insegurança pública como fator crítico de sucesso, ainda. Inobstante os indicadores do Ministério da Justiça apontarem que violência em Fortaleza já tomou contornos de epidemia, a sensação de segurança nos principais corredores turísticos é garantida pelas Hilux e os Troller’s da PM e do seu Batalhão PMTUR, que, registre-se, foi uma criação elogiável do Governo do Estado.

Aos gestores públicos e ao trade turístico, restam reflexão e ação planejada no sentido de não permitir a degeneração da nossa imagem de ambiente de alegria, cultura e muito sol e mar, vantagens comparativas vitais para a atividade, para a de assaltos, latrocínios, furtos, roubos e etc. São milhares de postos de trabalho em jogo, em uma cidade que tem no Turismo (serviços) sua monocultura.

*Allan Aguiar,

Ex-secretário do Turismo do Ceará, foi também presidente da Fundação de Turismo Integrado do Nordeste (CTI – Nordeste).

Pai de estudante é morto dentro de escola em Horizonte

O pai de uma aluna foi morto com 11 tiros no início da tarde desta segunda-feira (13), em uma escola no centro do município de Horizonte, a 40 km de Fortaleza. As aulas no local foram canceladas.

De acordo com o inspetor Epitácio, da delegacia da cidade, a vítima Carlos Anderson da Silva, 22 anos, saía da escola após ter deixado a filha na sala de aula. Ele foi surpreendido por três homens que chegaram em um carro importado. A vítima respondia por processo por porte ilegal de arma, segundo inquérito na Delegacia Municipal de Horizonte.

(O POVO Online)

PMDB promete obstruir votação

Apesar do curto prazo de vigência da MP dos Portos (595/12), que precisa ser votada pela Câmara e pelo Senado até quinta-feira (16), a cúpula governista mantém o discurso otimista quanto à aprovação da proposta. A ministra da Secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, ressaltou que o governo já sofreu divergências na base aliada na MP do Setor Elétrico, em MPs de desoneração de folha e, ainda assim, conseguiu aprovar as matérias.

“Vamos votar, e acredito que, como não nos faltou apoio em medidas anteriores tão delicadas quanto essa, não nos faltará também na medida dos portos”, disse. Ideli participa da reunião da base aliada nesta tarde para traçar estratégias para a votação da proposta.

O líder do governo, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP), reconheceu que um acordo nessa MP será difícil. “É um tema naturalmente complexo, porque há divergências quanto ao que foi aprovado na comissão especial. Há partes do relatório que o governo apoia e outros que o governo não apoia porque a comissão votou diferente. Nós teremos uma longa noite para ver o conteúdo e em quais procedimentos nós podemos fazer acordo.”

Por sua vez, o líder do PMDB, deputado Eduardo Cunha (RJ), disse que a bancada não aceita votar hoje à noite e vai obstruir os trabalhos. “A nossa orientação é não votar hoje. Amanhã vamos votar e discutir o mérito de cada destaque”, disse Cunha. Ele não participa da reunião dos líderes da base

O líder do PMDB disse que quer impor prazos e licitação às autorizações de portos privados e discorda que ela tenha o objetivo de “desconfigurar a MP”, como disse o líder do PT, deputado José Guimarães (CE).

(Agência Câmara de Notícias)

PSTU do Ceará convoca para protesto contra leilão para exploração de petróleo

Com o título “Está em curso a maior privatização da história”, eis nota do PSTU do Ceará convocando para atos de protestos, nesta terça e quarta-feira, contra a 11° rodada de leilões do petróleo brasileiro. Na terça-feira, a partir das 8 horas, em frente a sede da Petrobras, no Porto do Mucuripe. Eis a nota:

Nos dias 14 e 15 de maio, ocorrerá a 11ª Rodada de Licitações para Exploração de Petróleo da Agência Nacional do Petróleo (ANP). Ao todo, serão leiloados para a iniciativa privada 289 blocos de 11 bacias sedimentares, em uma área cuja extensão chega a 155.800 quilômetros quadrados.

“Este leilão, que é o sexto durante os governos do PT, deverá entregar cerca de 30 bilhões de barris de petróleo ao capital privado, principalmente às grandes multinacionais do setor. Está em curso a maior privatização da história do nosso país”, denuncia Gonzaga, da direção municipal do PSTU.

A nova rodada de leilão deve contar com a participação de 64 empresas e envolve cerca de 170 blocos de bacias sedimentares que ainda não passaram por avaliação sobre o impacto ambiental na exploração do petróleo.

Segundo Gonzaga, a privatização do petróleo brasileiro não tem sido feita apenas através dos leilões. “A própria Petrobrás já não é exclusivamente estatal e a política de desmonte desta que é uma das maiores empresas do país segue sendo aplicada pelo governo do PT. O objetivo é criar as condições para privatizá-la de vez, como foi feito com a Vale do Rio Doce no governo do PSDB”, afirma o operário.

“É lamentável que os governos de Lula e Dilma tenham seguido a mesma política de privatização do governo de FHC. Tem sido assim com o petróleo, os aeroportos, serviços de Correio, rodovias, hidrelétricas e até mesmo hospitais universitários”, complementa.

Em todo país, mobilizações serão organizadas pelos movimentos sociais contra os leilões de petróleo e em defesa de uma Petrobrás 100% estatal. A Frente Nacional dos Petroleiros (FNP) e a CSP Conlutas (Central Sindical e Popular) estão à frente destas manifestações. Em Fortaleza, trabalhadoras e trabalhadores de diversas categorias filiadas à central organizam manifestação terça-feira, 14, às 8 horas, em frente à Petrobras, no Mucuripe.

PSTU do Ceará.

PT estadual fará reunião nesta 3ª feira para discutir fortalecimento no Interior

A Executiva Estadual do PT fará reunião nesta terça-feira. Segundo a assessoria de imprensa da legenda, o objetivo é discutir as próximas edições das caravanas que visitarão o Interior. Essas caravanas  levam a mensagem do PT de buscar o fortalecimento com vistas ao pleito de 2014.

A reunião, a ser comandada pela dirigente estadual e ex-prefeito de Fortaleza, Luizianne Lins, está marcada para as 16 horas, na sede do PT Ceará, que fica na Avenida da Universidade, 2189 (Benfica).

MP quer Câmara Municipal discutindo sobre a atividade do "flanelinha"

O Ministério Público do Estado, através do promotor de justiça José Raimundo Pinheiro de Freitas, fez recomendações à Câmara Municipal de Fortaleza, à Superintendência Regional do Trabalho e à Prefeitura Municipal de Fortaleza sobre o exercício da profissão de guardador e lavador de carro, também chamado de “flanelinha”.

Com base na Lei nº 6.242, de 23 de setembro de 1975, e regulamentada pelo Decreto nº 79.797, de 8 de junho de 1977, o MP recomenda que a SRT dê cumprimento ao registro e à fiscalização no exercício da profissão de “flanelinha”, podendo, se for o caso, celebrar convênios com órgãos da Administração Pública Federal, Estadual ou Municipal.

O MP solicitou à Prefeitura, com base na Lei e no Decreto já mencionados, que seja dado cumprimento ao registro, à fiscalização e à designação de áreas públicas para o exercício da referida profissão.

Por não existir legislação municipal acerca das atividades desenvolvidas pelos “flanelinhas”, o MP recomendou à Câmara Municipal de Fortaleza que promova discussão, através de audiência pública, sobre o tema.

(Com MP-CE)

MP dos Portos- Ministros se empenham para aprovar matéria

leonidascristino

“O governo federal está mobilizando os ministros para agilizar a aprovação da Medida Provisória (MP) 595/2012, conhecida como MP dos Portos, que terá o prazo de validade vencido na quinta-feira (16). A MP estabelece novo marco regulatório para a concessão de terminais portuários à iniciativa privada e precisa ser votada na Câmara dos Deputados e no Senado antes desse prazo. Após reunião feita hoje (13) no Palácio do Planalto, o ministro da Secretaria de Portos, Leônidas Cristino, disse que todos estão empenhando esforços junto a parlamentares para que a votação possa ser encaminhada ainda nesta segunda-feira. O presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), convocou sessão extraordinária para logo mais, às 18 horas, para tentar aprovar a MP.

“A determinação é conversar ainda mais com os senhores parlamentares, tirar as suas duvidas e demonstrar mais uma vez a importância da medida provisória para o Brasil. E todos do governo vamos trabalhar neste sentido”, disse Cristino.

A reunião teve também a participação das ministras da Casa Civil, Gleisi Hoffmann; e de Relações Institucionais, Ideli Salvatti; e dos ministros do Esporte, Aldo Rebelo; das Cidades, Aguinaldo Ribeiro; do Trabalho e Emprego, Manoel Dias; e dos Transportes, César Borges. Os ministros de diferentes partidos vão intensificar na tarde hoje as conversas com os parlamentares de suas legendas e demais líderes para o encaminhamento da votação o mais rápido possível.”

(Agência Brasil)

Prefeito garante continuar visitando postos de saúde e investindo na melhoria da saúde

78 4

Sobre queixa de Tadashi Enomoto, coordenador do Movimento Amigos da Beira Mar de que o prefeito Roberto Cláudio teria deixado de visitar os postos de saúde, como vinha fazendo no início da gestão, a assessoria de imprensa do Paço Municipal esclarece:

Caro Eliomar de Lima,

O prefeito Roberto Cláudio continua visitando os postos de saúde. O que não está sendo feito é a divulgação. Justamente por consequência dessas visitas, ele determinou a reforma e ampliação de 75 posto de saúde de um total de 92, com investimentos também na melhoria de equipamentos para a clientela e, também, para dar melhores condições de trabalho ao corpo funcional como instalação de ar-condicionado e outras ações dentro de dar qualidade.

No momento, esse trabalho prioriza os postos das regionais V e VI, que atendem a população mais carente de Fortaleza. Há investimentos também para que não falte remédios nem problemas na grade funcional. Um total de 107 médicos reforçarão ainda o Programa Saúde da Família.

* Assessoria de Imprensa do Paço Municipal.

Moradores do Parque Araxá reclamam de um buraco com DNA incerto

121 2
buracolandid
Do leitor Felipe Pinheiro de Abreu, recebemos a seguinte nota, em tom de reclamação:
Caro jornalista Eliomar de Lima,

Peço por favor que  nos ajude, reforçando a denúncia dos moradores do bairro Parque Araxá, devido a ausência do poder público em sanar o problema que esse buraco vem causando aos que trafegam no local. Já foram feitas solicitações de reparo na SER III e Cagece, inclusive os prazos já espiraram, mas nada foi consertado.
A Regional diz que o caso é com a Cagece. Contudo, o órgão também nada procedeu até o momento. Acredita-se que a obra da CAGECE, próxima ao buraco, tenha afetado a estrutura do asfalto. De qualquer modo, a nós (moradores) queremos que esse problema seja resolvido. Ainda mais, agora, que tanto nosso prefeito quanto o governador pertencem ao mesmo grupo político.
* O buraco fica na rua Dom Manuel de Medeiros com rua Otávio Justa (foto é do começo de maio e o buraco já está bem maior).

Cid quer celeridade nas obras do VLT da Copa

O governador Cid Gomes (PSB) reuniu, nesta manhã de segunda-feira, no Palácio do Planalto, a área técnica responsável pela obra de implantação do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT), que ligará Parangaba ao Mucuripe.

A obra é para Copa de 2014 e está atrasada.

Cid fez avaliações dos trabalhos com o grupo e voltou a cobrar celeridade. Mas o problema reside nas desapropriações.

Tasso inaugura em agosto novo shopping

tassoje

Política partidária à parte, o ex-senador Tasso Jereissati já marcou a data de inauguração do Shopping Bosques dos Ipês, que constrói em Campo Grande (MTS): Em agosto.

A informação é da diretora de Jereissati Centros Comerciais, Ilia Alencar.

Tasso pretende entregar em abril de 2014 um shopping em Belém – Grão -Pará, além de concluir também, ano que vem, mais precisamente em novembro, a ampliação do Shopping Iguatemi.

Museu da UFC lança nova exposição

“O Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará (MAUC) lançará, nesta terça-feira, a partir das 18 horas, a exposição “Exercício da pintura a óleo”, do artista plástico cearense Francisco Wagner. O coquetel de abertura terá set-list do DJ Daniel de Paula, apresentação de curta-metragem produzido pelo coletivo de comunicação digital 1Bando Comunicação e fotografia de Nely Rosa.

A exposição fica aberta até 28 de junho e oferece ao público “alusões geométricas, florais e expressões que transmitem um misto de brasilidade e de universos particulares”, conforme descreve um dos integrantes da Associação Brasileira dos Críticos de Arte, Eduardo Evangelista. “São trabalhos de pura arte, onde o labor artesanal se funde com o do fazer artístico puro, resultando em trabalhos que comovem pela singeleza dos detalhes, pela riqueza inventiva e pela singularidade daí resultante”, diz o crítico.

A produção cultural da exposição é do artista plástico Francisco Wagner, natural de Pacoti, e a curadoria é de Henrique Medeiros Barroso. A produção executiva é de Higino Farias. O MAUC está aberto a visitações de segunda a sexta-feira.

(Site da UFC)

Marina Silva desembarca em Fortaleza para divulgar novo partido

64 5

A ex-senadora Marina Silva já está em Fortaleza. Ela desembarcou nesta tarde de segunda-feira, 13, no Aeroporto Internacional Pinto Martins. Marina vem para divulgar a Rede Sustentabilidade para a criação de um novo partido.
A ex-senadora e também candidata à Presidência da República, em 2010, fará uma palestra no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), no bairro Benfica.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=NdQkMT4tpz0&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=1[/youtube]

Leitora reclama do HGF

409 6

Da leitora Gorete Ramos, recebemos nota com queixas sobre o Hospital Geral de Fortaleza. Confira:

Prezadíssimo Eliomar de Lima,

Venho, através deste Blog e de sua pessoa, confiando na representatividade e serviço relevantíssimo de utilidade pública que vocês nos prestam, externar toda o meu descontentamento referente à situação sanitária dos banheiros de pacientes e acompanhantes internados no Hospital Geral de Fortaleza, particularmente, o banheiro da Enfermaria 205, 2º andar, na qual minha irmã A.M.M.F, paciente acometida por um AVC Hemorrágico, encontra-se internada desde o último dia 26 de abril, quando para lá foi transferida da U.T.I daquele nosocômio público.
Já no dia 29 de abril, verificando as condições precárias de higienização do banheiro da enfermaria, enviei RECLAMAÇÃO via e-mail à Ouvidoria do HGF, solicitando ações no sentido de ser providenciada a referida tampa do vaso sanitário. Até a data de domingo, 12 de maio, no horário de visitas, costumeiramente das 16 às 17 horas, a situação de ausência da tampa do vaso sanitário continua sem providências… Será que ainda irão “licitá-la”?
É importante ressaltar que existem regras rígidas da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) sobre banheiros de hospitais (sejam públicos ou particulares) e tenho certeza de que a presença de uma TAMPA no vaso sanitário é obrigatória, além de lixeiras com tampa, evidentemente.
Envio-lhe, abaixo, duas fotos, uma delas(FOTO 1) onde se vê claramente a ausência da tampa do vaso sanitário, bem como, a barra de apoio do paciente(em metal) acima do vaso sanitário SEM TAMPA, servindo-se de “porta comadre(ou aparadeira)” dos pacientes daquela enfermaria.
hggg
Sanitário sem tampa e com lixo exposto.
A foto 2 mostra o local onde é realizado o asseio ou banho dos pacientes(ou seus acompanhantes) com uma cadeira de plástico e, próximo a esta, um cesto SEM TAMPA, onde são colocadas as roupas de cama usadas pelos pacientes. Ela não merecia uma TAMPA?
HGF Banheiro pacientes2 (2)
Banho com cadeira de plástico e lixo exposto.
Eliomar de Lima, estou quase “sucumbindo” à realidade do SUS nesse Estado, onde eu relutei o quanto pude (hoje, minha irmã completa 52 dias internação) à idéia de que o SUS realmente é uma precariedade. Um sistema  de saúde pública ineficiente na prática e, um dos “melhores do mundo” no papel das leis de “faz-de-conta” desse país!
Minha irmã foi alocada numa Enfermaria inadequada ao perfil neurológico dela(Enfermaria de Pacientes Gástricos), e piora a cada dia…Disseram que era por conta da “demanda” de pacientes no hospital e não havia “vaga” na Unidade de Cuidados Especiais, para onde ela deveria ter sido transferida!
Registre-se ,ainda, o desconforto térmico da referida enfermaria, onde os pacientes passam “agradáveis horas de calor” e, quando podem, levam seu “kit ventilador” para amenizá-lo. Imagine o que eles passam nesses dias comprovadamente “quentes” dada a alta temperatura dos últimos dias! Ai…quem dera termos por lá, aquele “potentíssimo sistema de ar condicionado” do Centro de Feiras e Eventos que todos nós, contribuintes, custeamos! Acho que aqueles pacientes também mereciam esse “bálsamo”! Ou… será que paciente do SUS não tem esse direito, hein?
Eu já fiz de tudo Eliomar, “bradei aos quatro ventos”, aqui e alhures (você é um dos que me tem ouvido e publicado minhas indignações, vide links http://portaleliomar.opovo.com.br/hgf-referencia-no-tratamento-de-acidente-vascular-cerebral-encontra-se-sem-neurocirurgiao/ e http://portaleliomar.opovo.com.br/cid-vai-comandar-reuniao-do-psb-na-assembleia-legislativa/) publiquei uma Carta ao Governador Cid Gomes em meu perfil no Facebook mas, infelizmente, estou sendo “convencida” da ineficácia desse Sistema de Saúde Pública, onde as “fachadas” são belas, as inaugurações são “festeiras”, porém, a dura realidade dos pacientes internados nos hospitais públicos do Estado é um “drama à parte”…
* Atenciosamente,
Gorete Ramos.

Analistas mantêm em 3% projeção do crescimento do PIB em 2013

“Analistas de instituições financeiras consultados pelo Banco Central esperam que o Produto Interno Bruto (PIB), soma de todos os bens e serviços produzidos no país, apresente crescimento de 3%, este ano. Essa projeção é mantida há cinco semanas seguidas. Para 2014, a estimativa permanece em 3,50%, há nove semanas consecutivas. A estimativa para a expansão da produção industrial subiu de 2,39% para 2,53%, este ano, e permanece em 3,55%, em 2014.

A projeção das instituições financeiras para a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB passou de 34,8% para 35%, em 2013, e de 34% para 34,8%, no próximo ano. A expectativa para a cotação do dólar passou de R$ 2 para R$ 2,01, para o final deste ano, e permaneceu em R$ 2,05, ao fim de 2014. A previsão para o superávit comercial (saldo positivo de exportações menos importações) passou de US$ 10 bilhões para US$ 9,05 bilhões, neste ano, e de US$ 10,8 bilhões para US$ 10,20 bilhões, em 2014.

Para o déficit em transações correntes (registro das transações de compra e venda de mercadorias e serviços do Brasil com o exterior), a estimativa foi alterada de US$ 70 bilhões para US$ 70,05 bilhões, em 2013, e de US$ 74,3 bilhões para US$ 74,8 bilhões, em 2014. A expectativa para o investimento estrangeiro direto (recursos que vão para o setor produtivo do país) foi mantida em US$ 60 bilhões tanto para 2013 quanto para o próximo ano.”

(Agência Brasil)