Blog do Eliomar

Últimos posts

Analistas mantém projeção para inflação deste ano e 2014 em 5,80%

“Analistas do mercado financeiro mantiveram a projeção para inflação este ano e em 2014. A estimativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) é 5,80%, tanto para 2013 quanto para o próximo ano. As informações estão no boletim Focus, publicação semanal do Banco Central (BC), feita com base em estimativas de instituições financeiras sobre os principais indicadores econômicos. A projeção de inflação está acima do centro da meta, que é 4,5%. Essa meta tem ainda margem de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. Uma das funções do BC é fazer com que a inflação convirja para o centro da meta.

Para isso, o BC usa a taxa básica de juros, a Selic, como instrumento para calibrar a inflação. Atualmente a Selic está em 7,50% ao ano, depois de ter sido elevada em 0,25 ponto percentual na reunião do Comitê de Política Monetária (Copom) do BC do mês passado. Devido à alta da inflação, a expectativa dos analistas das instituições financeiras é que o Copom volte a elevar a Selic na reunião deste mês, marcada para os dias 28 e 29.”

(Agência Brasil)

Morre jornalista Alberto Tamer

albertotamer

Morreu em São Paulo o jornalista Alberto Tamer. Ele ficou famoso pelo programa radiofônico “Pergunte ao Tamer”, na Jovem Pan, onde tirava dúvidas sobre economia. Atuou com mesmo quadro no SBT.

Alberto Tamer trabalhou por mais de 50 anos no jornal “O Estado de S. Paulo”, onde foi repórter, editorialista, correspondente internacional e colunista.

(Com Folha)

Encontro discute relação Brasil-África

O Observatório das Nacionalidades (ON) está promovendo, nesta segunda-feira, no auditório do Centro de Humanidade das Uece, o encontro “África-Brasil: Desafios Contemporâneos.” O evento vai se estender até as 16 horas e faz alusão ao Dia da África comemorado em 25 de maio.

Na programação, o lançamento da 13a edição da Revista Tenções Mundiais, editada pelo Observatório das Nacionalidades, em um número temático sobre a África, e a conferência “África hoje: como decifrar seus enigmas”, do professor inglês Herbert Ekwe-Ekwe, PHD em Ciência Política pela Universidade de Lancaster e professor visitante no programa de pós-graduação em Direito Constitucional da Unifor.

Além de Ekwe-Ekwe, o encontro Brasil-África terá a participação dos professores Bruno Okoudowa (Gabão – Unilab), Gustavo Feitosa (Brasil – Unifor/UFC) e Mônica Martins (Brasil – Uece), do doutorando Ercílio Langa (Moçambique) e do escritor Manuel Casqueiro (Guiné-Bissau).

 

Alô, Seuma!

Uma frondosa mangueira está sendo derrubada nesta manhã de segunda-feira num terreno que fica na rua Otávio Lobo com Gilberto Studart, no Cocó.

No local, segundo operários que ali estão mobilizados,  vai surgir um empreendimento imobiliário. Mas o problema é que não há placa sobre a iniciativa.

Bem que a SER II ou a Secretaria de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma) poderiam dar uma conferida.

Cid e RC querem mudanças na Zona de Proteção do Aeroporto

78 1

D

O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PSB), vai cumprir agenda nesta segunda-feira, em Brasília. Com ele, estará o governador Cid Gomes (PSB). O objetivo dos dois é negociar, durante audiência à 17 horas, no Ministério da Defesa, a ampliação do espaço para permitir novas construções imobiliárias na cidade, no que para essas autoridades aumentaria a oferta de emprego e moradias. Atualmente, há áreas de Fortaleza que são proibidas pelo Comando da Aeronáutica de ter espigões, em razão do risco para o tráfego aéreo. Essa reivindicação, aliás, é antiga e do interesse do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado (Sinduscon). A exigência é por novos estudos sobre impactos da construção de novos espigões no setor aéreo. O Sinduscon avalia que a base atual do espaço aéreo precisa ser revista.

O Sinduscon confirma que está pleiteando, junto ao Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea), órgão ligado ao Comando da Aeronáutica, a modificação da Zona de Proteção do Aeroporto de Fortaleza. Segundo o presidente do Sinduscon-CE, Roberto Sérgio, o zoneamento atual tem inviabilizado novos projetos em áreas de expansão imobiliária da Capital. Conforme Roberto Sérgio, bairros no entorno da avenida Washington Soares apresentam restrições para construção de edifícios de mais de 14 pavimentos. “Pelo Plano Diretor da Prefeitura dava para ter 22 andares. Com o Plano da Aeronáutica eu perco oito pavimentos. O projeto é inviável”, explica.

PORTARIA

Em vigor desde 2006, a portaria nº 104 do Decea, também chamada de Zona de Proteção, estabelece os limites para a construção de prédios na área de influência do aeroporto da capital cearense. De acordo com documento, zonas da capital estão impedidas de ter construções acima da altura permitida a fim de não afetar o tráfego de aeronaves. No Edson Queiroz, Luciano Cavalcante e Cidade dos Funcionários o limite máximo é de 77 metros de altitude (considerando a altura do terreno em relação ao nível do mar) ou 52 metros de desnível (nesse caso, comparando a altura do local da obra com a altitude da pista do aeroporto, que é de 25 metros).

Em áreas mais próximas da pista do aeroporto, a restrição é ainda maior. No São João do Tauape, Aerolândia, Vila União, Parreão, Serrinha, Dias Macedo e Boa Vista, o limite de altitude é de 61 metros ou 36 metros de desnível.

DETALHE – Às 10 horas desta segunda-feira, Cid e RC participarão de sessão solene do Senado em homenagem aos 40 anos de fundação da Unifor. A iniciativa é do petista José Pimentel.

E Jesus não foi ao show do Paul McCartney…

101 18

Paul McCartney Performs At The Joint At The Hard Rock

Com o título “Paul McCartney, o retrocesso”, eis artigo do professor e escritor Jesus Rocha, que pode ser lido no O POVO desta segunda-feira. Ele não poupa críticas ao espetáculo. Confira e tire suas conclusões:

Existe uma lenda de que quando The Beatles, no auge de sua fama, vieram cantar num país da América Latina, os fãs invadiram o hotel onde estavam hospedados. Por não conseguirem aproximação, pois eles já haviam fugido pelos fundos, os fãs comeram toda a grama onde os Beatles estavam sentados. É isto mesmo que conta a lenda. Como não encontraram mais McCartney, Lennon, Ringo e Harrison, comeram todo o capim onde há poucos minutos os jovens ingleses sentados cantarolavam.

Tal coisa, segundo o mito, aconteceu nos finais dos anos 1960, começo dos anos 1970, quando as ditaduras militares por aqui davam as cartas. Era o poderio americano à luz da Guerra Fria e o processo de alienação era incomensurável. Cantávamos “Eu te amo meu Brasil, meu coração é verde, amarelo, branco, azul anil”. Os nossos artistas, para tocarem nas rádios, precisavam gravar em inglês e colocarem um pseudônimo norte-americano. Foi o que aconteceu com Fábio Júnior, que se apresentava como Mark Davis.

Mas o tempo passou, já estamos há 50 anos de tudo aquilo. Vieram as novas tecnologias, ideologias, não vivemos mais na Era JK e nem dos rapazes de Liverpool. Os brasileiros deram fortes sinais de revolução de verdade. Primeiro, elegeram para presidente um nordestino, de origem pobre e ex-operário e depois um ex-guerrilheiro, que mostrou vigor na luta armada contra os abusos da ditadura e o imperialismo norte-americano.

Hoje, observando todo esse fuzuê em torno do show de Paul McCartney, vejo como estamos involuindo nesse princípio de terceiro milênio, como o pensamento retrógrado, a mitificação e, sobretudo, a alienação está tomando conta de cheio de nossa sociedade. Nunca Zé Ramalho esteve tão atual com o seu Admirável Gado Novo, criado nos anos de ditadura militar. “Ê ô ô vida de gado, povo marcado, povo feliz”.

O retrocesso que presenciamos nesse badalado show de McCartney só reforça o quanto se faz necessário investir mais em educação. Um povo bom e hospitaleiro, que recebe um gringo falando mal seus jargões (“botar boneco”), entrega seu parco dinheiro que ele leva para a sua terra e, no outro dia, liso e endividado, ainda comemora: “Eu fui para o show de Paul McCartney”.

* Jesus Rocha

Professor, técnico em Educação e escritor.

Dilma diz que emprego e salário em expansão devem reduzir desigualdades

“A presidenta Dilma Rousseff disse hoje (20) que a criação de 4,139 milhões de empregos formais no país, desde janeiro de 2011, tem importância ainda maior quando considerada a situação de países desenvolvidos, sobretudo europeus, que sofrem com o desemprego. “Mais emprego e salário em expansão são fatores essenciais para a diminuição da desigualdade no país”, observou. No programa semanal Café com a Presidenta, Dilma destacou que o setor de serviços foi responsável pela geração de quase metade das vagas geradas no período. O resultado, de acordo com a presidenta, se deve à elevação do nível de vida dos brasileiros. “A população modifica o seu padrão de consumo, demanda mais serviços e de forma mais diversificada”, explicou.

Ela lembrou que as áreas de saúde e educação foram responsáveis por 437 mil novas vagas, enquanto a indústria respondeu por 470 mil postos de trabalho e a construção civil, por mais de 500 mil empregos.

“A crescente formalização do trabalho no Brasil, a valorização do salário mínimo, cujo poder de compra cresceu mais de 70% nos últimos dez anos, os 19,5 milhões de empregos gerados nesses dez anos mais a cobertura de políticas sociais de combate à pobreza, como o Bolsa Família, Minha Casa, Minha Vida, Luz para Todos e tantas outras são os grandes responsáveis pela redução da desigualdade no Brasil”, acrescentou.”

(Agência Brasil)

Governo estadual lançará Prêmio Ceará Gestão Pública

eduardo diogo

Será lançado às 14 horas desta segunda-feira, durante solenidade no auditório da Secretaria do Planejamento e Gestão do Estado, o “Prêmio Ceará Gestão Publica”. A iniciativa é resultado da parceria do Governo do Estado com o Comitê Gestor do Núcleo Estadual do Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização (GesPública)

A programação de lançamento, sob coordenação do titular da Seplag, Eduardo Diogo, inclui palestra do professor Valdemar Barros Filho, que falará sobre “Os Desafios da Gestão por Resultados gerando Valor Público”. O palestrante é professor convidado da Fundação Dom Cabral na área de Estratégia, já tendo atuado como Consultor Técnico do PAEX/CE – Parceiros para a Excelência. Foi superintendente de Suporte Estratégico (Planejamento) e Coordenador da Área de Tecnologia do Banco do Nordeste.

A criação do PCGP tem um histórico iniciado em outubro de 2008, quando o Governo do Estado, por meio da Seplag, ancorou o Núcleo Estadual do Programa Nacional de Gestão Pública e Desburocratização – Gespública, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. O Ceará é o estado pioneiro ao ancorar o GesPública no Poder Executivo estadual.

Pêsames ao companheiro José Carlos Araújo

A Associação Brasileira de Jornalistas de Turismo (Abrajet), regional do Ceará, manda nota para o Blog comunicando: nesta segunda-feira, às 19 horas, será celebrada a Missa da Ressurreição de Angelita Coelho Araújo. Ela era a mulher do associado da Abrajet/Ceará e membro do Conselho Nacional da ABRAJET, José Carlos Araújo.

O ato litúrgico ocorrerá na Igreja das Irmãs Missionárias, situada na avenida Rui Barbosa. 1246 (Bairro Aldeota), em Fortaleza.

 

Ministra Ideli Salvati cumprirá agenda no Ceará

idelisalvati

A ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvati, cumprirá agenda em Fortaleza na próxima sexta, às 10 horas. Atendendo a um convite do governador Cid Gomes (PSB), ela participará de reunião com os prefeitos, no Centro de Eventos, ocasião em que vai expor as ações do governo federal não somente no que diz respeito ao combate à seca, mas providências outras do interesse de gestores municipais em clima de pindaíba também por causa da queda nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios.

Ideli deverá mais ouvir do que falar, segundo a assessoria do Palácio da Abolição. Se depender da tal resolutividade em matéria de combate à seca, as orelhas de dona Ideli vão sair mais quentes do que as absurdas queimadas feitas no Interior como preparo ao plantio.

(Coluna Vertical, do O POVO)

Transpetro inicia operações de mais uma embarcação do Promef

“A Transportadora Petrobras S.A. (Transpetro) iniciará nesta segunda-feira a operação de mais uma embarcação construída no âmbito do Programa de Modernização e Expansão da Frota Nacional de Petroleiros (Promef). O navio do tipo suezmax (com calado para navegar no Canal de Suez) Zumbir do Palmares é a quinta embarcação do Promef entregue à Transpetro – o braço logístico da Petrobras para a área de transportes – em um período de 18 meses.

Com 274 metros de comprimento e capacidade para 1 milhão de barris – metade da produção diária brasileira – o Zumbi dos Palmares vai operar no transporte de petróleo bruto. A solenidade ocorrerá no Estaleiro Atlântico Sul (EAS), no Porto de Suape, em Ipojuca (Pernambuco), e contará com a presença da presidenta Dilma Rousseff, do governador de Pernambuco, Eduardo Campos, da presidenta da Petrobras, Graças Foster, e do presidente da Transpetro, Sergio Machado.

(Agência Brasil)

Comissão do novo Código Comercial faz primeira reunião nesta segunda-feira

A comissão de juristas encarregada de elaborar o anteprojeto do novo Código Comercial realiza sua primeira reunião de trabalho nesta segunda-feira (20), às 14h. A comissão, composta por 19 juristas, terá 180 dias para concluir seus trabalhos e apresentar um anteprojeto ao Senado.

O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) João Otávio Noronha é o presidente da comissão. A relatoria ficou a cargo do professor Fábio Ulhoa Coelho, doutor em Direito e autor de várias publicações na área do Direito Comercial.

Durante a cerimônia de instalação da comissão, no último dia 7, o ministro João Otávio explicou que a intenção é dividir a comissão em subcomissões e grupos de trabalho, com foco em tópicos específicos do Direito Comercial. Comércio eletrônico, relação entre contratos e sociedade, falência e direito comercial marítimo estarão entre os temas que a comissão vai debater.

Na mesma solenidade, o relator, Fábio Ulhoa Coelho, disse que a legislação atual “maltrata” o empresário brasileiro, com exigências atrasadas e burocráticas. Segundo ele, a reformulação do código vai buscar facilitar o cotidiano de empresas e empresários e, assim, alcançar o cidadão, que poderá ter o benefício de serviços mais baratos e produtos de melhor qualidade.

– Na medida em que a lei simplifica a vida do empresário, isso permite que as empresas pratiquem um preço melhor para os consumidores – afirmou Fábio Ulhoa Coelho.

(Agência Senado)

Ceará registra maiores tumultos com boato de suspensão do Bolsa Família

104 2

bolsa família boato

Trinta e quatro agências bancárias do Ceará registraram tumulto, desde o início do boato que o Bolsa Família seria suspenso pelo Governo Federal, na noite desse sábado (18). Segundo o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, o Ceará é o Estado brasileiro com maior registro de tumulto, seguido pela Paraíba (18 agências), Bahia (15), Pernambuco (14) e Maranhão (13). Até o fim da tarde desse domingo (19), os números do transtorno em Sergipe e no Rio Grande do Norte ainda não estavam fechados, enquanto casos isolados foram registrados no Amazonas, no Pará e no Rio de Janeiro.

Em entrevista coletiva nesse domingo, a ministra Tereza Campello fez um apelo para que a população siga o calendário estabelecido pelo Governo. “Não consigo entender o que alguém ganharia [com o boato]. O governo não vai ser prejudicado, pois o Bolsa Família já está consolidado. Esperamos que seja um mal entendido”, disse.

O Bolsa Família completará dez anos em outubro deste ano e, atualmente, atende a 13,8 milhões de famílias e a 50 milhões de pessoas. De acordo com Tereza Campello, no início da gestão de Dilma Rousseff o orçamento do programa era R$ 14 bilhões e saltou para os R$ 24 bilhões previstos para 2013. “É um programa que nunca foi contingenciado”, declarou.

(com informações da Agência Brasil / Foto: André Salgado, do O POVO)

Moroni volta à cena política nesta 2ª feira

debate verdesmares moroni 121004

O ex-vice-governador e ex-deputado federal Moroni Torgan assumirá a presidência estadual do DEM nesta segunda-feira, a partir das 11 horas. Será durante solenidade no auditório da Assembleia Legislativa.

O atual dirigente, ex-deputado federal Chiquinho Feitosa, caiu para vice-presidente.

Moroni assume já com um projeto definido: disputar vaga de deputado federal pela legenda.

Cúpula da Associação Brasileira de Metalurgia discutirá novos negócios no Ceará

Na próxima terça-feira, a cúpula da Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração (ABM) estará em Fortaleza. Na agenda, reunião com os profissionais da Agencia de Desenvolvimento Econômico do Estado do Ceará (Adece).

O objetivo é apresentar ideias e formas de contribuição para o desenvolvimento da indústria, especialmente voltado para a expansão desse segmento no mercado local. Há grupos atraídos pelo potencial do Complexo Industrial e Portuário do Pecém, que fica em São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza).