Blog do Eliomar

Últimos posts

Unilab inscreve para seleção de professor auxiliar

A Unilab, com sede em Redenção (Região Metropolitana de Fortaleza), está inscrevendo para seleção de professor auxiliar para a Área de Ciências Sociais Aplicadas – Setor de Estudo: Métodos Quantitativos em Ciências Sociais Aplicadas. Os interessados devem procurar a coordenação desse setor, até o próximo dia 10, das 9 às 11 horas e das 14 às 16h30min, no Campus da Liberdade.

A seleção oferece uma vaga para candidato com diploma de graduação, com carga horária de 40 horas semanais e remuneração de R$ 3.594,57. Os candidatos que tiverem a inscrição deferida serão submetidos à prova escrita e didática, além da avaliação de títulos com caráter classificatório.

SERVIÇO

* Mais informações em: www.unilab.edu.br

Projeto de lei quer proibe entrada de torcidas organizadas em estádios é retirado de pauta

heitorferrer

ATUALIZAÇÃO (11h23min) – A assessoria jurídica do deputado estadual Heitor Férrer, por meio do advogado Júlio Ponte, informa que a matéria foi retirada de pauta. Segundo Ponte, porque já existe lei federal tratando desse assunto (Estatuto do Torcedor) e que esse assunto ainda seria avaliado pelo deputado.

“O deputado estadual Heitor Férrer (PDT) apresentou nesta quinta-feira, na Assembleia Legislativa, um projeto de lei que proíbe a entrada das torcidas organizadas nos estádios e ginásios mantidos ou cedidos pelo Governo do Estado. Na justificativa do projeto, o parlamentar argumenta que a violência praticada pelas torcidas organizadas é recorrente, “principalmente quando ocorre ou está na iminência de ocorrer o jogo entre as equipes do Ceará e Fortaleza”.

A polêmica em torno das torcidas organizadas voltou à tona esta semana, quando, pouco antes do Clássico-Rei do último domingo, 14, dois membros da Cearamor – organizada do Ceará – foram assassinados por membros da Jovem Garra Tricolor – organizada do Fortaleza.

O projeto de Heitor prevê ainda que seja proibida a entrada de vestimentas, bandeiras, faixas, cartazes e tudo o que identifique símbolos das torcidas organizadas locais. A proposta será analisada pelas comissões da Assembleia e, caso receba parecer favorável, segue para discussão e votação em plenário.”

(POVO Online – Canal Política)

Ciro Gomes vai abrir sua verve no Programa do Ratinho

89 1

ciroog

O ex-ministro Ciro Gomes (PSB) vai ser uma das principais atrações desta quinta-feira, a partir das 21h15min, do Programa do Ratinho (SBT). Ele vai falar sobre a conjuntura política e econômica do País. Nesse script, a ameaça inflacionária, a postura do Congresso diante de questões polêmicas como a redução da maioridade penal e a situação do seu PSB que tem no presidente nacional Eduardo Campos um possível candidato ao Planalto em 2014.

Ciro, com certeza, aproveitará o programa para fazer defesa do irmão, o governador Cid Gomes (PSB), em episódios recentes que ganharam repercussão nacional como o pagamento do cachê de R$ 600 mil para Ivete Sangalo ao inaugurar o Hospital Regional do Norte.

Fica, no entanto, a dúvida: Ciro, que reforça peregrinações por vários Estados, estaria reavivando o sonho de, quem sabe, disputar a Presidência da República? Só o tempo poderá responder.

(Foto – Paulo MOsKa)

PF do Ceará sob nova direção

O paulista Renato Casarini Mucy assumirá oficialmente como superintendente da Polícia Federal do Ceará na próxima terça-feira.

A solenidade ocorrerá às 10h30min, no auditório da Justiça Federal. Entre as prioridades de Casarini, reforço às ações contra o tráfico internacional de drogas.

Principalmente de olho na Copa das Confederações.

 

Rodrigo Janot deve ser o novo procurador-geral da República

rodrijanot

A Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) definiu a lista tríplice de procuradores que será enviada para a presidente Dilma Rousseff escolher do novo procurador-geral da República que substituirá Roberto Gurgel. Houve votação entre procuradores de todo o país.

Estão na lista o subprocurador-geral Rodrigo Janot, que obteve 511 votos, Ela Wiecko, que conseguiu 457, e Deborah Duprat, que obteve 445.

A expectativa da Associação Nacional dos Procuradores da República, segundo o procurador cearense Alessander Sales, é de que a presidente Dilma escolha o mais votado, o que vem se registrado desde a era PT no governo federal. O mandato de Roberto Gurgel termina em agosto.

TRE – Unidade Móvel atenderá na Unifor

O Tribunal Regional Eleitoral, por meio de sua unidade móvel, está atendendo eleitores nesta quinta e sexta-feira, na Universidade de Fortaleza (Bairro Edson Queiroz). O atendimento ocorrerá até 15 horas.

Os eleitores, segundo a assessoria de imprensa do TRE, poderão tirar o título, transferir documento, obter a 2ª via ou fazer a revisão eleitoral. Na próxima semana, a unidade móvel do TRE atenderá aos eleitores nos bairros Cristo Redentor e Monte Castelo.

 

Ministro dos Portos recebe dirigentes de operadora que quer investir na América Latina

leonicri

O ministro e Lim Pek Suat, da PSA.

O secretário nacional dos Portos,  ministro Leônidas Cristino, recebeu em seu gabinete os principais dirigentes da PSA, empresa operadora do Porto de Cingapura e responsável pelas atividades comerciais e investimentos no setor portuário em diversos países do mundo. O grupo se interessou em conhecer mais detalhadamente o novo arranjo institucional para o setor portuário proposto pela Medida Provisória 595.

A visita foi liderada pela Chefe do Grupo CFO, Sra. Lim Pek Suat e acompanhada por Gerentes Seniores daquela Empresa. Segundo eles, o país tem interesse em identificar novas oportunidades de investimento com a possibilidade de participação nos editais de concessão e arrendamentos a serem lançados pelo Governo Federal. A PSA é responsável pela operação de 24 terminais de contêineres em todo o mundo e movimentou, em 2012, cerca de 60 milhões de TEUs, tendo recebido em seus terminais navios de mega-capacidade, a exemplo do Marco Pólo da CMA-CGM, com capacidade para 16.000 TEUs.

A empresa tem interesse em expandir sua participação na América Latina e considera que a recente reforma institucional proposta pela MP 595 amplia suas chances de participação no setor portuário brasileiro, cuja movimentação e comércio internacional demonstram, claramente, seu potencial de crescimento.

(Foto – Divulgação)

Unasul discutirá tensão pós-eleições na Venezuela

“A tensão na Venezuela, em decorrência das eleições presidenciais ocorridas no domingo (14), é o tema principal de uma reunião de urgência convocada para hoje (18) pelos líderes da União de Nações Sul-Americanas (Unasul), em Lima, no Peru. A presidenta Dilma Rousseff confirmou presença. Depois, ela segue para Caracas, capital venezuelana, para a cerimônia de posse do presidente eleito Nicolás Maduro. No total, oito pessoas morreram e 70 ficaram feridas nos confrontos depois do pleito.

A reunião ocorre em Lima porque o presidente do Peru, Ollanda Humala, comanda temporariamente a Unasul. Integram a Unasul os seguintes países: Bolívia, Colômbia, Equador, Peru, Argentina, Brasil, Uruguai, Paraguai (suspenso do bloco), Venezuela, Chile, Guiana e Suriname. O Panamá e o México são países observadores do grupo.

O presidente da Comissão de Relações Exteriores do Congresso peruano, Víctor Andrés García Belaunde, disse que o desafio da reunião é “convencer” as partes em conflito na Venezuela a buscar um “diálogo franco e sincero para salvar a democracia e assegurar a governabilidade”. O parlamentar se refere a Maduro e ao grupo de oposição, liderado por Henrique Capriles, derrotado nas eleições, pois nos últimos dias os incidentes envolvendo aliados de ambos os lados se agravaram gerando momentos de tensão e violência na Venezuela.”

(Agência Brasil)

Na internet, índios botam deputados pra correr…

77 1

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=-wSftfutY5s[/youtube]

A cena aconteceu nesta semana. Um grupo de índios invadiu o plenário da Câmara dos Deputados, em plena sessão, e assustou a muitos parlamentares. Alguns saíram correndo.

Não, os índios não estavam armados de arco e flecha. Aproveitaram a presença da grande mídia para uma dança de protesto contra proposta que quer transferir da Funai para o Congresso a prerrogativa de definir demarcação de terras indígenas. A bancada ruralista, principalmente, torce por isso.

Explosão em fábrica no Texas deixa mortos e feridos

“A Fábrica de Fertilizantes Ocidente, localizada em West, na região de Waco, no Texas (Estados Unidos), foi alvo de uma explosão ontem (17) à noite. Não há detalhes sobre as causas do incidente. Testemunhas dizem que a impressão é que houve a explosão de uma bomba. As autoridades públicas avaliam o número de mortos e feridos. Informações não oficiais indicam que os mortos podem chegar a 70 e o de feridos, a mais de 170, pois há pessoas ainda sob os escombros. A explosão ocorreu por volta das 19h50 (21h50 de Brasília) e provocou danos em uma área extensa.

Segundo as autoridades, pelo menos 50 casas foram danificadas e um edifício com 50 apartamentos ficou destruído. Um asilo também teria sido atingido, segundo informações preliminares. Várias construções no entorno ainda continuavam em chamas por volta das 1h30 (3h30 de Brasília). Bombeiros, ambulâncias e seis helicópteros foram deslocados para participar do resgate.

O incidente no Texas ocorreu no mesmo momento em que os Estados Unidos vivem em clima de comoção devido às explosões registradas durante a Maratona de Boston, há três dias, matando três pessoas e deixando mais de 180 feridas. Paralelamente, o presidente norte-americano Barack Obama e um senador receberam correspondências aparentemente contaminadas com o veneno letal ricinina.”

(Agência Brasil, com BBC Brasil)

Servidores da Adagri em clima de luta por melhores condições salariais

Os servidores da Agencia de Defesa Agropecuária do Estado do Ceara (Adagri) vão se concentrar na Praça da Imprensa, no bairro Dionísio Torres, a partir das 8 horas desta quinta-feira.

A categoria está em clima de luta por melhores condições salariais e deverá sair da praça com destino à sede da Assembleia Legislativa. Ali, os servidores da Adagri apresentarão para os parlamentares estaduais uma pauta de reivindicações.

Prefeito de São Gonçalo do Amarante vai implantar o Distrito Industrial Municipal

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=3x2ChYWdaY8[/youtube]

Nos 100 primeiros dias da gestão do prefeito Cláudio Pinho, de São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza), o quadro não foi fácil. Cláudio Pinho diz que o tempo é de organização, mas que já tem projeto pronto para ser tocado.

Um desses projetos é a implantação do Distrito Industrial Municipal, que ocupará cerca de 32 hectares, no distrito de Croatá. O objetivo é montar um polo metalmecânico.

Câmara aprova aposentadoria especial para pessoas com deficiência

“Com a presença de cadeirantes no plenário da Câmara dos Deputados, foi aprovado. nessa quinta-feira, o projeto de lei que garante aposentadoria especial a pessoas com deficiência. Como foi aprovada também pelo Senado, a proposta segue agora para sanção da presidenta Dilma Rousseff. Terá direito à aposentadoria especial, pelo Regime Geral da Previdência Social, o segurado que contribuir por 30 anos, se homem, e 25 anos, no caso das mulheres, se a deficiência for considerada leve. Daqueles com deficiência moderada serão exigidos 27 anos de contribuição para os homens e 22 anos para as mulheres.

Os segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que tenham deficiência grave poderão se aposentar após 25 anos de contribuição, no caso dos homens, e 20 anos no caso das mulheres. Terá direito também à aposentadoria especial a pessoa com deficiência que tenha 60 anos, no caso dos homens, e 55 anos, se for mulher, e tempo de contribuição para a Previdência pelo período mínimo de 15 anos. A deputada Mara Gabrilli (PSDB-SP), que é tetraplégica, comemorou a aprovação do projeto. “Esse é um momento histórico para o país”, disse emocionada.”

(Agência Brasil)

Ronda do Quarteirão – O fracasso de um programa

Com o título “Ronda do Quarteirão: sem ouvidos para a população”, eis o Editorial do O POVO desta quinta-feira. Inegavelmente, o início d o programa trouxe sensação de segurança às pessoas, mas hoje o quadro é outro. Confira:

O POVO publicou, ontem, reportagem sobre a quanto anda a eficácia do acionamento das viaturas do programa Ronda do Quarteirão pela população. Metade das chamadas dos 122 números postos à disposição da comunidade não foi atendida. O teste foi realizado pela própria equipe de reportagem.

Aquilo que foi a grande novidade do programa Ronda do Quarteirão – o acesso fácil aos seus serviços, através do número telefônico da viatura encarregada do patrulhamento de cada área -simplesmente não mais funciona. Com isso, desapareceu o principal vínculo que ligava o cidadão à prometida “polícia comunitária”.

Inegavelmente, o início do programa trouxe sensação de segurança às pessoas. Bastava ligar, que a viatura respondia prontamente ao chamado. A presença ostensiva não apenas afastava o marginal, mas podia flagrá-lo em ação.

Na parte de combate à poluição sonora, então, foi um sucesso. Mas, isso durou pouco: logo surgiram denúncias de que os proprietários dos estabelecimentos infratores estavam assediando as patrulhas e “mimando-as”, com lanches, almoços e outras“gentilezas”. Daí em diante, passou-se a constatar não apenas má vontade de algumas patrulhas em atender esse tipo de chamado, mas, quando o faziam, realizavam apenas um simulacro de autuação.

Para completar o processo de deterioração, veio o episódio desmoralizante da punição de patrulheiros do Ronda por “insubordinação” e “desacato a superior hierárquico” pelo fato de terem insistido em fechar um bar no qual o proprietário se recusava a baixar o som estridente por reclamação da vizinhança. Dois oficiais que se divertiam à custa do abuso de som destrataram os jovens policiais que queriam cumprir com o dever. Aí foi o golpe de misericórdia. Ninguém quis mais se arriscar a enfrentar tais riscos, sob pena de se prejudicar.

A pressão corporativa da “antiga polícia” sobre os novos quadros alocados no Ronda para que se “amoldassem” à velha cultura policial de violência e corrupção levou de roldão qualquer possibilidade de resistência a esse enquadramento. Isso, aliado à própria deficiência de treinamento e formação dos novos quadros fez com que voltassem a reproduzir as velhas práticas deploráveis de violência contra o cidadão.

Feliciano afirma que saída de integrantes não prejudica comissão

87 1

Para o presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias, deputado Pastor Marco Feliciano (PSC-SP), a saída de mais seis integrantes do colegiado contrários à sua permanência no cargo não vai prejudicar em nada porque, segundo ele, existe quórum e a comissão tem condições de trabalhar. Nessa quarta-feira (17, seis deputados petistas seguiram os dois do PSOL que já haviam deixado a comissão.

Deputado Marco Feliciano falou rapidamente com a imprensa e classificou de “intolerância” a movimentação dos parlamentares descontentes, que querem uma revisão dos despachos dos projetos em tramitação na comissão, inclusive o que trata da regulamentação da prostituição (PL 4211/12), relatado pelo deputado Pastor Eurico (PSB-PE).

“Tem que ver pelo Regimento [Interno da Câmara]. Acredito que a Casa, uma vez tendo mandado para cá, tem que ser votado aqui nessa comissão. Eu queria perguntar para vocês, isso é democracia? Isso é intolerância”, afirmou.

O deputado Pastor Eurico, por sua vez, disse que continua na relatoria da proposta e não quis antecipar seu posicionamento sobre a regulamentação da prostituição no País.

“É um direito deles querer que eu saia. Agora, o Regimento não permite que eles ganhem nessa questão. Há algumas manobras até para que o projeto saísse da Comissão de Direitos Humanos, houve um requerimento, dia 07/03 foi impetrado, para que fosse retirado o projeto”, afirmou. Segundo ele, o pedido foi indeferido pelo presidente.

(Agência Câmara de Notícias)

Magno Malta confia que Senado votará pela redução da maioridade penal

342 2

magno malta

O senador Magno Malta (PR-ES), em pronunciamento em Plenário nessa quarta-feira (17), opinou que o governo terá dificuldade de derrubar no Congresso projetos de redução da maioridade penal. Ele argumentou que a proposta tem expressivo apoio popular e que os parlamentares terão de prestar contas a seus eleitores.

Malta ironizou a declaração do ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, que afirmou que a base de apoio ao governo votará contra a redução da maioridade:

— Será que a base ouvirá a voz de comando de um ministro, só porque ele quer? E os estados? E os municípios? E as periferias? — indagou.

Malta informou que pediu ao senador Pedro Taques, relator da comissão que estuda as alterações do Código Penal, que leve todos os projetos que sugerem a redução da maioridade para a discussão naquele colegiado. Um deles, de sua autoria, determina que quem cometer crime de natureza hedionda, independentemente da idade, perderá a menoridade para fins de responsabilização. Ele ainda sugeriu a criação de centros de reeducação esportiva que orientem os jovens infratores à prática de esportes de alto desempenho.

No pronunciamento, o senador citou pesquisa do Instituto Datafolha segundo a qual 93% dos moradores da capital paulista apoiam a redução da idade para imputabilidade (responsabilidade) penal.

(Agência Senado)

STF defende Fux e diz que ministro julgou caso de amigo por causa de "falha operacional"

O Supremo Tribunal Federal (STF) emitiu nessa quarta-feira (17) nota à imprensa em defesa do ministro Luiz Fux. Segundo matéria do jornal O Estado de S.Paulo, o ministro atuou em casos de interesse do advogado Sérgio Bermudes, seu amigo de longa data.

“O Supremo Tribunal Federal manifesta a sua total confiança na lisura dos julgados levados a efeito pelo ministro Luiz Fux”, diz o texto publicado na página do Supremo na internet. Fux atuou em pelo menos seis processos do escritório de Bermudes, três deles na condição de relator.

A nota registra que, em abril de 2011, Fux encaminhou comunicado à Secretaria Judiciária do Supremo informando seu impedimento para julgar os processos do escritório de Bermudes. A única filha de Fux, Marianna, também trabalha no escritório.

Segundo a nota do Supremo, a responsabilidade de identificar o escritório de procedência dos processos é da Secretaria do STF, do gabinete e da assessoria de Fux, mas houve uma falha no sistema de verificação que impediu esse filtro. “Trata-se de falha operacional que será prontamente solucionada com a adoção de novos mecanismos de controle”, conclui o texto.

(Agência Brasil)

Fiesp, Contraf e Fecomercio criticam aumento dos juros

A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) classificou como equivocada a decisão do Banco Central de elevar a taxa básica de juros (Selic) em 0,25 ponto percentual na noite desta quarta-feira (17), aumentando a taxa para 7,5% ao ano. “O Brasil não pode abrir mão do controle da inflação, mas devemos superar a política econômica do uso exclusivo da taxa de juros”, ressaltou o presidente da Fiesp, Paulo Skaf.

A federação defendeu o aumento dos investimentos públicos como forma de garantir o crescimento econômico. “A nova política econômica deve ousar no sentido de aumentar os investimentos públicos, controlar os gastos de custeio, criar um ambiente favorável ao investimento privado e, de forma corajosa, finalizar as reformas que promovam a desindexação da nossa economia”, disse Skaf por meio de nota.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf) também se manifestou contra a elevação da Selic. Para a entidade, o aumento da taxa pode frear a expansão da economia brasileira. “O Banco Central errou ao engatar uma marcha ré no caminho da redução da Selic, pois essa decisão somente agrada aos rentistas e especuladores do mercado financeiro e não ajuda a estimular o crescimento, a expansão do crédito, o fortalecimento da produção e do consumo e a geração de empregos”, disse o presidente da Contraf, Carlos Cordeiro.

A Federação do Comércio de São Paulo (FecomercioSP), foi menos dura, mas também criticou a medida. “As autoridades econômicas poderiam ter cogitado outro caminho para lidar com a questão, como a retomada dos investimentos públicos, direcionamento de gastos e mudanças nas metas de inflação para números mais realistas”, diz a nota da entidade.

A federação do comércio enxerga a elevação como um possível entrave ao crescimento que não ataca as reais causas da inflação. “O aumento neste momento pode ser um obstáculo para a retomada do ritmo de crescimento do país, pois os juros não exercem influência em itens que tem causado as pressões inflacionárias, como no caso dos alimentos e serviços”.

(Agência Brasil)