Blog do Eliomar

Últimos posts

Editora da Fundação Demócrito Rocha lamenta perda de Francisco Carvalho

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Yd644h6mWNM[/youtube]

A editora da Fundação Demócrito Rocha, jornalista Regina Ribeiro, lamenta a morte do poeta cearense Francisco Carvalho. O velório ocorre no Cemitério Jardim Metropolitano, no município do Eusébio, onde, nesta quarta-feira, o corpo será cremado. Regina Ribeiro conta uma história sobre Francisco Carvalho e a morte.

UFC inaugura nesta 3ª feira um Orquidário

85 2

A Universidade Federal do Ceará inaugura nesta terça-feira, às 16 horas, no Campus do Pici, o seu orquidário, que ocupará uma área de 400 m² e altura de 4,5 metros, constituindo-se como o maior do gênero construído dentre as universidades federais brasileiras até o momento.

O ato de inauguração será presidido pelo reitor Jesualdo farias, ao lado do professor Roberto Takane, do Departamento de Fitotecnia do Centro de Ciências Agrárias (CCA) da UFC, que será também o coordenador do orquidário. A inauguração do espaço faz parte da programação do I Simpósio Brasileiro de Cultivo de Orquídeas (Simbraorq), a ser realizado até domingo na UFC. A maior parte das atividades do encontro será na Casa de José de Alencar.

 

Liderança do "Movimento PT" defende a manutenção da aliança com Cid Gomes

116 3

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=-gHQxlGGq8Y[/youtube]

A corrente “Movimento PT”, do Partido dos Trabalhadores, ainda não decidiu qual posição adotar sobre a disputa pelo comando estadual do partido. A eleição ocorrerá em novembro e o grupo aguarda, segundo o deputado federal José Airton, liderança da corrente no Ceará, uma plenária nacional.

O “Movimento PT”, no entanto, segundo José Airton, já fechou questão num ponto: quer a manutenção da aliança petista com o PSB do governador Cid Gomes em 2014.

Eleições 2014 – O Plano B é melhor que o Plano A?

70 2

Com o título “Plano B é melhor que o Plano A”, eis artigo do poeta e publicitário Ricardo Alcântara, que aborda o cenário da sucessão 2014 e a situação do Partido dos Trabalhadores em meio a tucanos e socialistas como Eduardo Campos. Confira:

O PT está bem para a sucessão presidencial de 2014 porque tem um bom Plano A e um Plano B ainda melhor: se persistirem os índices modestos de crescimento econômico, o carisma de Lula poderá ser convocado para um novo “sacrifício”.

Reparem: ele diz que não quer, mas não diz que não pode. Sim, Dilma vai bem, obrigada, mas prestígio e popularidade são atributos distintos. Sob ameaça, o partido pode retirar o nome de Lula da pasta dos “improváveis” e colocá-lo à mesa.

Sua presença em Fortaleza e por todo o país é vista como uma antecipação da campanha eleitoral – uma mobilização forçada pelo desgaste do julgado mensalão, o menor crescimento econômico e o surgimento de outros nomes com algum peso.

Há um agravante: nas últimas eleições municipais, o partido perdeu espaços aqui, no Nordeste, para onde o grosso dos eleitores potenciais do PT, antes situado na classe média das regiões do sul, havia se deslocado nos seus dez anos de poder.

Em eleições recentes, quando o governo também ostentava índices de aprovação elevados, Lula e Dilma foram ao segundo turno (Alckmin e Serra) para vencer aquela parcela ponderável do eleitorado conservador que nunca lhes deu trégua.

Segundo pesquisas de opinião, os governos petistas são aprovados também por boa parte do eleitorado conservador, mas, diante da alternativa eleitoral, optam por mudança. Para estes, o melhor lema seria: “bom com o PT, melhor sem ele”.

Deve ser por aí, o que os tucanos andam dizendo a Aécio Neves, para quem o trabalho nunca foi uma religião, na tentativa de convencê-lo a trocar os prazeres da noite carioca por uma longa peregrinação Brasil afora em busca de votos.

Há outro. Após bons mandatos de governador, as opções convencionais de Eduardo Campos seriam uma precoce passagem pelo Senado ou submeter-se como ministro aos humores sabidamente insalubres de uma reeleita presidente Dilma.

Jovem ainda, ele sabe: é cedo demais para abdicar de riscos. A candidatura presidencial renderia, na pior hipótese, acumulação de forças para mais adiante – uma tentativa de aportar com êxito pelo trajeto em que Ciro Gomes naufragou.

Em campanha, Aécio e Eduardo ostentariam seus êxitos como gestores. São personagens carismáticos e, com bom trânsito político, poderão na disputa ocupar espaços consideráveis para a exposição de suas propostas. Haverá quem os ouça.

Para fechar o quadro, a mosca na sopa: Marina Silva, mulher como Dilma e que, com 20% de votos, já deu provas de que sua mensagem toca o coração da juventude de classe média urbana, o núcleo original dos multiplicadores petistas.

Logo, à mirada de hoje, não parece um quadro tranquilo para a continuidade do que os companheiros do PT gostam de chamar de “projeto” – termo modesto, uma espécie de versão nano para as antigas aspirações, ultra reformistas, do partido.

Vê-se que, na perspectiva de seus interesses, outra alternativa não teve o PT, senão dar play no curso sucessório, mesmo provocando atribulações na rotina de gestão e dobrando as custas da aliança com as hienas do principal parceiro, o PMDB.

* Ricardo Alcântara, 

Poeta e publicitário.

PIB 2012 do Ceará será divulgado nesta 3ª feira

O governador Cid Gomes (PSB) vai anunciar, às 13h30min, durante coletiva no Palácio da Abolição, o PIB do Ceará 2012. O anúncio ocorrerá antes do início da reunião com o secretariado, que avalia projetos e define prioridades de investimentos para este ano.

Cid Gomes dá uma certeza: o percentual do PIB, que é o Produto Interno Bruto, virá bem maior do que o registrado no Pais, que ficou em 0,9%.

 

Ex-presidente da Academia Cearense de Letras e a morte do poeta Francisco Carvalho

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=LJqVUgHLnzM[/youtube]

O ex-presidente da Academia Cearense de Letras, médico e poeta Pedro Henrique Saraiva Leão, lamenta a morte do poeta Francisco Carvalho, cujo corpo está sendo velado, nesta terça-feira, no Cemitério Jardim Metropolitano. O corpo será cremado nesta quarta-feira.

Editor do Núcleo de Cultura do O POVO fala sobre perda do poeta Francisco Carvalho

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=Eu3stRzUwPE[/youtube]

O jornalista Felipe Araújo, que é editor do Núcleo de Cultura e Entretenimento do O POVO, falou para o Blog sobre a morte do poeta e professor Francisco Carvalho, registrada nesta terça-feira. O velório ocorre no Cemitério Jardim Metropolitano, onde, nesta quarta-feira, o corpo será cremado, informou a UFC.

Dom Odílio Scherer considera "fantasia" especular nomes para suceder Bento XVI

“As reuniões que antecedem o conclave (que elegerá o futuro papa) são guiadas pelo “senso de responsabilidade”, segundo o arcebispo de São Paulo, dom Odilo Pedro Scherer, 63 anos. Scherer negou que o nome daquele que vai suceder o papa emérito Bento XVI, que deixou o pontificado no último dia 28, esteja definido antes do conclave. Dom Odilo é apontado como um dos nomes cotados para ser o futuro papa.

“Dizer que, antes do conclave, os nomes estão prontinhos, não é a realidade, faz parte da fantasia”, ressaltou o arcebispo de São Paulo. Segundo ele, durante as reuniões, há conversas, curtos discursos e a evocação do Espírito Santo.

Pelo segundo dia consecutivo, o Colégio de Cardeais se reúne hoje (5). A expectativa é que a data para o início do conclave seja definida com a previsão de chegada dos 12 religiosos que faltam. Ontem (4) a reunião preliminar ocorreu com a presença de 142 cardeais, dos quais 103 são eleitores no conclave, inclusive cinco brasileiros.”

(Agência Brasil)

Assembleia Legislativa reativa projeto que prepara aluno de escola pública para o Enem

64 1

zezinhoooalbu

O presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque (PSB), reativou o “Projeto Alcance”, que foi sucesso na gestão do ex-presidente da Casa e hoje prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PSB).

O projeto garante para alunos da rede pública curso de preparação gratuito ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) com apoio técnico da Secretaria da Educação do Estado.

As inscrições dos interessados vão ser recebidas até esta quarta-feira na Universidade do Parlamento, que funciona no prédio-anexo do legislativo estadual (Bairro Dionísio Torres).

Governo federal libera R$ 2,05 milhões para perímetro irrigado Alagamar

50 1

A informação chegou ao secretário do Desenvolvimento Agrário do Estado, Nelson Martins, nesta terça-feira: o Programa Nacional do Crédito Fundiário (PNCF) acaba de liberar R$ 2,05 milhões para atender 82 famílias que moram e produzem no perímetro irrigado Alagamar, situado em Jaguaretama. Os recursos são oriundos do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA). O programa garante acesso a terra aos agricultores familiares que têm pouca ou nenhuma terra.

No caso do Alagamar, cada família receberá R$ 25 mil e 3 hectares de terra, sendo que 2,5 hectares deverão ser usados para a produção de mamão, goiaba e acerola e 0,5 hectare para produzir culturas diversas. Desses R$ 25 mil, cada família deverá reembolsar ao Estado apenas R$ 1 mil, que será utilizado para a compra da terra.

 

Projeto Metrofor – "Tatuzões" que vão escavar trecho do projeto chegarão em julho

112 2

As tuneladoras – máquinas que vão escavar 13 quilômetros do trecho subterrâneo do Projeto Metrofor – Linha Leste, vão chegar em julho próximo ao Ceará. A informação é do governador Cid Gomes, que dará prosseguimento, na tarde desta terça-feira, no Palácio da Abolição, à reunião com o seu secretariado.

De acordo com o governador, logo que as tuneladoras cheguem – são conhecidas como “tatuzões”, ele dará a ordem de serviço da Linha Leste do Metrofor, orçada em R$ 3,3 bilhões, sendo R$ 1 bilhão da Uniãoa fundo pedido, R$ 1 bilão do FGTS e o restante do governo estadual.

Cid Gomes deverá assinar, dia 21 próximo, quando da visita da presidente Dilma Rousseff ao Ceará, convênio com o governo federal para a execução da Linha Leste do projeto. Esse trecho do Metrofor ligará o Centro até o Fórum Clóvis Beviláqua (Bairro Edson Queiroz). O governador informou que o trecho do empreendimento deverá ser executado em sistema de consórcio ou no regime Parceria Público-Privada, o que ainda será avaliado.

 

Estatuto Municipal da Segurança Bancária é descumprido, protesta dirigente bancário

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=9_FtuNT77N4[/youtube]

Mais de 50 autuações de bancos já foram feitas, até agora, pelo Procon. Segundo o diretor do Sindicato dos Bancários do Estado, Marcos Saraiva, porque descumprem o Estatuto Municipal de Segurança Bancária.

Marcos Saraiva lamenta essa situação observando que as exigências são simples como, por exemplo, colocação de biombos nos caixas eletrônicos entre um cliente e outro e a proibição do uso de celular dentro das agências.

Morre o imortal Francisco Carvalho

francsicocarvalno

Morreu, nesta madrugada de terça-feira, o poeta Francisco Carvalho (86), imortal da Academia Cearense de Letras. Ele foi vítima de falência múltipla de órgãos. O velório ocorre no Cemitério Jardim Metropolitana, na cidade do Eusébio (Região Metropolitana e Fortaleza), onde o corpo será cremado nesta quarta-feira.

Francisco Carvalho, que era de Russas, foi professor da Universidade Federal do ceará e ganhador de vários prêmios, entre os quais o “Nestlé” de Literatura. Poemas de sua autoria chegaram a ser escolhidos para leitura do vestibular da UFC. também teve as poesias “O bicho homem”, “Esse touro vale ouro”, “Cesta básica” e “Reino/Minueto da Porta” musicados pelo cantor Raimundo Fagner.

Com a morte de Francisco Carvalho, abre-se vaga na Academia Cearense de Letras. Alguns acadêmicos já apelam para que pretensos candidatos respeitem o luto de 30 dias e não se aventurem os que não tiverem obras à altura do falecido.

O POVO apresentou quatro leituras dramáticas de textos de autoria de Francicsco Carvalho. Confira aqui!

Copom fará reunião para avaliar taxa básica de juros. Mercado ainda aposta em 7,25%

“O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) incia hoje (5) à tarde a segunda reunião do ano. O objetivo é avaliar os rumos da política econômica no Brasil e no exterior, com vistas a alterar, se necessário, a taxa básica de juros (Selic) que está em 7,25% ao ano desde outubro de 2012 – o menor patamar desde a criação do Copom, em junho de 1996.

A reunião do colegiado de diretores do BC é realizada em duas etapas. Somente ao fim do segundo dia de discussões os dirigentes da autoridade monetária deliberam sobre a viabilidade de alterar a taxa Selic em vigor. Em seguida, anunciam a decisão, sempre à noite, depois do fechamento do mercado.

A maioria dos analistas financeiros é favorável à manutenção dos juros básicos no atual patamar, como mostra o boletim Focus, divulgado ontem (4) pelo BC. As expectativas estão voltadas para os possíveis sinais a serem emitidos na nota de divulgação do resultado da reunião e na ata a ser liberada quinta-feira da semana que vem (14). A maioria das instituições financeiras trabalha com a perspectiva de a Selic continuar em 7,25% até o fim do ano.”

(Agência Brasil)

Governo federal cria comissão para implantar portos operando 24 horas

mariolima

“Todos os portos brasileiros vão operar no regime 24 horas, a partir deste semestre. Para viabilizar essa medida, o governo federal acaba de criar a Comissão Nacional dos Portos, organismo que congregará todos os setores que atuam nos portos brasileiros.

Nessa comissão, representantes da Receita Federal, Anvisa, Polícia Federal e Ministério da Marinha, segundo informa o secretário-executivo da Secretaria Nacional dos Portos, o cearense Mário Lima.

A ordem é tornar o setor portuário mais ágil, destravando a burocracia do embarque e desembarque de cargas. Cada Estado terá uma comissão do gênero.

No Ceará, os portos do Mucuripe e do Pecém estão formando seu grupo.”

(Coluna Vertical, do O POVO)

Eunício Oliveira e a aliança política ameaçada. Como sempre

91 2

euniciooliveira

Da Coluna Política, do O POVO, assinada pelo jornalista Érico Firmo, uma boa reflexão sobre o cenário sucessório 2014. Confira:

A estratégia de Cid Gomes (PSB) atrair para sua aliança todas as principais forças políticas do Estado tem – noves fora as evidentes conveniências – como efeito colateral o fato de transformar os mais importantes aliados nos piores inimigos em potencial. As maiores ameaças são aqueles que estão mais perto, engordados pela farta ração do poder. É por essas e outras que o ex-líder do governo Cid, deputado Antônio Carlos (PT), converteu-se em um de seus mais contumazes críticos na Assembleia Legislativa. Até agora, Eunício Oliveira (PMDB) tem sido o mais fiel aliado do governador Cid Gomes (PSB), desde sua eleição, em 2006. Se o PT foi permanente fonte de tensões e problemas, o PMDB, por outro lado, ajudou a destravar impasses. Sobretudo quando, sete anos atrás, abriu mão de disputar o Senado com o qual já sonhava, abrindo espaço para a eleição de Inácio Arruda (PCdoB). E numa época na qual era enfaticamente cortejado pelo então governador Lúcio Alcântara, que concorria à reeleição. Hoje, porém, Eunício é o principal foco de instabilidade na base de Cid. O comandante do PMDB estadual se movimenta e é tratado como potencial candidato ao Governo do Estado, embora ele próprio evite declarações nesse sentido. Não tem nada a perder e muito a ganhar ao ser cotado para se lançar candidato. Seguramente, no mínimo, seu apoio sairá muito mais caro para o candidato que Cid Gomes vier a escolher.

Essa realidade não é propriamente nova. Quem reúne base tão grande, eclética e de interesses diversos precisa se acostumar a engolir sapos e conviver com conflitos. Não à toa, Cid procura adiar ao máximo as definições eleitorais: o assunto sempre lhe rendeu dores de cabeça. Em 2008, os desentendimentos eram em torno da definição do vice de Luizianne Lins (PT) – Tin Gomes (PHS) só foi escolhido após um mês de campanha na rua. E o partido ficou rachado – seu irmão, Ciro Gomes, apoiou Patrícia Saboya (PDT). Já em 2010, a intenção do próprio Ciro de se lançar candidato a presidente, se bem sucedida, teria representado o fim da aliança com o PT. Em seguida, a tentativa do governador de se equilibrar entre petistas e o PSDB de Tasso Jereissati também quase levou o acordo político à bancarrota. Em 2012, não teve jeito: PT e PSB finalmente bateram de frente. Cid, com apoio do PMDB, levou a melhor, isolou os focos de insatisfação entre os petistas e garantiu a hegemonia de seus apoiadores no partido aliado. O rompimento lá atrás deixou a aliança mais sólida.

A novidade é que o que sempre foi o porto seguro e a garantia para o governador é agora fonte extra de instabilidade. Por um lado, Eunício é tido como candidato certo pelo PMDB nacional. Na outra ponta, o PT está com Cid, mas visivelmente machucado pela derrota na Capital em 2012. No ano passado, a união de duas dessas três forças – PSB e PMDB – fez o prefeito de Fortaleza. No Estado, pode ocorrer o mesmo. Embora, em eleição para governador, a capilaridade nos municípios, a influência entre prefeitos e, em síntese, o peso da máquina possam ser mais determinantes que na campanha para prefeito.

ProUni 2013 – Candidatos da 1ª Chamada em último dia para comprovar informações

“Candidatos pré-selecionados na primeira chamada da lista de espera do Programa Universidade para Todos (ProUni) têm até esta terça-feira (5) para comprovar as informações nas instituições de ensino. A perda do prazo ou a não comprovação dos dados implicará, automaticamente, a reprovação do candidato. No site do programa estão detalhados os procedimentos necessários para obter a bolsa de estudo. Além de documentos pessoais, o candidato deve apresentar comprovantes de residência, de rendimento e de conclusão do ensino médio, entre outros.

Aqueles que não forem pré-selecionados terão uma segunda chance no dia 8 de março, quando vai ocorrer a segunda chamada da lista de espera. Os convocados na segunda chamada devem comparecer aos locais indicados entre os dias 8 e 13 de março.

O ProUni concede bolsas de estudo integrais e parciais em instituições privadas de educação superior para cursos de graduação e sequenciais de formação específica. Para o primeiro semestre deste ano, foram oferecidas 162.329 bolsas. O balanço final do programa registrou 1.032.873 inscritos. Tem direito à bolsa integral o candidato com renda familiar per capita até um salário mínimo e meio (R$ 1.017). Para as bolsas parciais (50% da mensalidade), a renda familiar deve ser até três salários mínimos (R$ 2.034) por pessoa.”

(Agência Brasil)

Tucano: a não derrubada de vetos presidenciais será "incoerência" dos parlamentares

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=1-HZOc2ml6w[/youtube]

O deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB) afirmou, nesta terça-feira, que será incoerência e falta de ética da maioria dos congressistas não votar pela derrubada dos vetos presidenciais aos royalties.

O tucano reconhece no entanto que, mantendo-se os vetos, o Ceará e o Nordeste vão perder dinheiro. Mas a luta da oposição é por uma mudança no rateio dos royalties.

Sobre a renovação do diretório do PSDB de Fortaleza, o que ocorrerá neste mês, Raimundo Gomes de Matos defende o nome do deputado estadual Fernando Hugo para presidente. Em termos nacionais, acha que Aécio Neves, hoje presidenciável tucano, também será eleito presidente nacional da legenda.

Cardeais podem definir nesta 3ª feira a data para início do conclave

“O Colégio de Cardeais pode definir hoje (5) a data para o começo da assembleia que elegerá o papa, com a chegada dos 12 religiosos que faltavam. Ontem (4), a reunião preliminar ocorreu com a presença de 142 cardeais, dos quais 103 são eleitores no conclave, inclusive cinco brasileiros. A reunião é preparatória para o conclave, cujo encerramento deve ocorrer até a Páscoa – no fim de março.

A primeira etapa da reunião preliminar do Colégio de Cardeais, segundo o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, transcorreu em clima de serenidade. Os religiosos fizeram um juramento, baseado na Constituição da Igreja Católica Romana (Universi Dominici Gregis), sobre como se comportarão durante o encontro.

A reunião foi dividida em duas etapas: na primeira, 13 cardeais se pronunciaram, houve um intervalo. Depois, ocorreu a segunda fase. Os cardeais aproveitaram o encontro de ontem também para se conhecer. Segundo Lombardi, alguns religiosos não se conheciam pessoalmente. As reuniões preliminares foram organizadas de maneira que ocorram durante toda a semana.”

(Agência Brasil)

Estado pode ser sócio da Petrobras na futura Refinaria Premium II

cidgomess

“Para garantir a refinaria no Ceará, o governador Cid Gomes disse que o Estado poderia entrar como sócio da Petrobras no empreendimento. A possibilidade foi anunciada pelo governador, ontem pela manhã, na residência oficial, momentos antes de Cid entrar na reunião para avaliação do Monitoramento de Ações e Programas Prioritários (Mapp). A possibilidade já havia sido debatida na semana passada pelo governador, afirma o secretário da Fazenda do Ceará, Mauro Filho, informando que o governador já andou estabelecendo contatos. “O Estado poderia ser sócio, sim. Talvez, um terceiro agente, já que há possíveis sócios interessados. Tem que ver o que estimularia a Petrobras”, explica Mauro Filho.

Segundo o titular da Sefaz, o Estado está concluindo as obras de infraestrutura na região, levando água até o Pecém. “Tem terreno, água, estrada. O Estado fez tudo o que tinha que fazer, mas se for necessário entrar como sócio, ele entra, mesmo que seja como sócio minoritário. Dá segurança ao empreendimento”, diz. A participação do Governo na sociedade, diz o secretário, seria por meio da Agência de Desenvolvimento Econômico do Ceará (Adece), que já é sócia da siderúrgica Silat e da montadora TAC.

Sobre a disponibilidade de recursos, o secretário diz que o Estado tem capacidade para fazer o investimento. “Com certeza, é viável uma participação, há recursos”. Com receitas previstas em R$ 18,4 bilhões para 2013, segundo a Lei Orçamentária Anual (LOA), o Estado tem 4,7 bilhões na rubrica investimentos, já a refinaria foi inicialmente orçada em US$ 10 bilhões.

Investimento

Edvaldo Dantas, professor de Direito Tributário, explica que, do ponto de vista legal, não existe impedimento para a sociedade. Mas lembra que, neste caso, o Estado estaria sujeito à legislação do setor privado. “Terá que pagar todos os tributos, caso contrário seria uma concorrência desleal”. No que se refere ao retorno financeiro deste investimento, o tributarista afirma que o Estado teria um retorno indireto em empregos, impostos que serão pagos pela Refinaria e no crescimento significativo do Produto Interno Bruto (PIB).”

(O POVO)