Blog do Eliomar

Últimos posts

Na véspera do Natal, Dilma anuncia medidas econômicas e fala com governadores

106 1

A presidenta Dilma Rousseff passou esta segunda-feira (24), véspera do Natal, entre reuniões com ministros e telefonemas para governadores. Com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, Dilma acertou dois anúncios: o reajuste do salário mínimo e a isenção de Imposto de Renda (IR) para a participação nos lucros e resultados (PLR). “Ela fez questão de que isso acontecesse hoje, na véspera do Natal”, disse a ministra ao anunciar as medidas.

O valor do salário mínimo será de R$ 678 a partir de 1° de janeiro de 2013. Já a isenção do IR valerá para quem recebe PLR de até R$ 6 mil. A partir de R$6.000,01, foram criadas escalas de alíquotas, de 7,5% até 24,5%, dependendo do valor recebido. As duas medidas serão publicadas no Diário Oficial da União da próxima quarta-feira (26).

Dilma também aproveitou a manhã para falar com governadores em todo o país. “A presidenta ligou para praticamente todos os governadores para desejar feliz Natal”, segundo a ministra da Secretaria de Comunicação da Presidência da República, Helena Chagas.

A presidenta deve passar a noite de Natal em Brasília, volta ao trabalho na quarta-feira (26), e até o fim de semana deve ir para uma base militar na Bahia, onde passará o réveillon.

(Agência Brasil)

Hora do Adeus – Prefeita deve entregar reforma da Praça da Lagoinha

A prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), vai entregar, na próxima quinta-feira, quinta-feira, a reforma da Praça da Lagoinha (Centro).

A informação é da secretária da Regional Centro, Luciana Castelo Branco, acrescentando que o projeto todo custou cerca de R$ 600 mil.

Agora, é torcer para que, entregue ao público, não volte a ser invadida por ambulantes.

Governo reajusta salário mínimo para R$ 678 a partir de janeiro

O valor do salário mínimo será R$ 678 a partir do dia 1° de janeiro de 2013. O anúncio foi feito nesta segunda-feira (24) e o decreto será publicado no Diário Oficial da União da próxima quarta-feira (26). Atualmente, o salário mínimo é R$ 622.

De acordo com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, que fez o anúncio a pedido da presidenta Dilma Rousseff, o reajuste, de cerca de 9%, considerou “a variação real do crescimento” e o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

“Ela [Dilma] fez questão de que isso ocorresse hoje, na véspera do Natal”, disse a ministra. A proposta da Lei Orçamentária de 2013 previa o mínimo em R$ 674,96 a partir de janeiro.

Além do reajuste do salário mínimo, o governo anunciou hoje a isenção de imposto de renda sobre a participação nos lucros e resultados de até R$ 6 mil e escalonamento de alíquotas para benefícios acima desse valor.

(Agência Brasil)

Hotéis de Fortaelza com quase 100% de ocupação

A taxa de ocupação no setor hoteleiro de Fortaleza alcança 98% no momento, segundo o diretor da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (Abih), Eliseu Barros.

Ele credita não somente ao período das férias, mas a movimentação em torno de festas de Réveillon como a do Marina Park Hotel que, neste ano, com Chiclete com Banana sendo atração, homenageará a China.

Há também expectativas de que a confirmação do Réveillon da Praia de Iracema, bancado pelo Governo do Estado, reforce essa movimentação.

Humorista que vira vereador promete luta contra as drogas

108 3

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=gi5_uV2X6Wo[/youtube]

Do palco de shows para o plenário da Câmara Municipal de Fortaleza. Eis a vida, a partir de janeiro próximo, do ator e humorista Paulo Diógenes, que conquistou mandato de vereador apregoando luta contras as drogas. Paulo Diógenes promete, na Câmara Municipal, trabalhar na área, certo de que virá uma ação organizada da parte do prefeito eleito Roberto Claudio (PSB) para esse segmento.

Luizianne Lins – Rainha morta, rainha posta

104 2

Com o título “Um filme já visto e repetido”, eis artigo do jornalista e cordelista Ossian Lima. Ele estreia no Blog abordando a situação política da prefeita Luizianne Lins (PT) e certo clima de traição. Confira:

Sabe-se que a prefeita Luizianne Lins está se sentindo traída por vários políticos, o que, na verdade, não é simplesmente uma sensação, mas uma constatação que ela pôde fazer já a partir da campanha eleitoral deste ano. Vários deles, que se diziam luiziannistas desde criancinhas, procuram, de alguma forma justificar a mudança de lado. Recorrem sobretudo ao argumento da sobrevivência política, recorrendo a frases do tipo “vereador precisa de prefeito”.

Estamos nos referindo a gente que, em outubro, se deu bem nas urnas com um forte apoio da Prefeita, mas não mostra nenhum constrangimento ao ficar agora em campo a ela oposto. É um pessoal que não esquece a sempre repetida frase atribuída ao ex-vereador Sandoval Bastos: “Não tenho culpa se os governos mudam. Eu sou Governo, portanto estou sendo apenas coerente”. Portanto, essa incrível capacidade que torna muitos políticos brasileiros autênticos camaleões (que vão se adaptando com desenvoltura às mutações no ambiente), está, de novo na moda, neste final de ano e de mandatos nos municípios brasileiros.

De fato, a Prefeita pode estar com o sentimento de traição política, mas naturalmente não deve estar surpresa com este dinamismo que tão fortemente domina as práticas políticas num país ainda assistencialista e fisiológico. Para ela e para nós, tudo isso não se constitui propriamente em novidade. Ela própria, logo que alcançou a sua primeira eleição para a Prefeitura, assistiu ao adesismo de diversas figurinhas da política fortalezense que juravam fidelidade absoluta ao então prefeito Juraci Magalhães. O resto da história todo mundo sabe, desnecessário se tornando que entremos em detalhes…

* Ossian Lima,

Jornalista e cordelista.

Detran sob nova direção a partir de janeiro

Eis aí o sobralense Igor Ximenes Ponte, atual procurador jurídico do Detran, que, a partir de janeiro, assumirá como superintendente do órgão.

Ele substituirá um outro sobralense, no caso João Pupo, que será o titular da futura Secretaria da Conservação e Serviços Públicos do prefeito eleito Roberto Claudio.

Igor já chegou a assumir interinamente o comando do Detran, por ocasião da licença de Pupo quando da campanha de reeleição do governador Cid Gomes (PSB).

 

Neste Natal, a lembrança de dom Aloísio Lorscheider

Com o título “O nosso eterno dom Aloísio”, eis o Editorial do O POVO desta segunda-feira, véspera de Natal. Resgata um homem que, acima de tudo, soube ser igreja. Confira:

Este mês de dezembro marca a passagem dos cinco anos da morte em Porto Alegre (RS) de dom Aloísio Lorscheider, o cardeal gaúcho que o Ceará adotou. Após vários anos lutando dignamente contra problemas de saúde, ele nos deixou aos 83 anos, já em retiro no Rio Grande do Sul, seu estado de nascimento. É bom ressaltar que esse recolhimento se deu por escolha própria, pois não faltaram apelos para que vivesse seus últimos dias no Ceará, junto ao povo que até hoje lhe é grato pelos ensinamentos e exemplos de vida.

O destino lhe reservou a data de 23 de dezembro para a passagem final, dois dias antes da celebração natalina, como a nos fazer mais uma vez refletir sobre a importância dos ensinamentos deixados pelo homenageado de amanhã, Jesus Cristo, que a cada dia parecem ficar mais distantes.

Dom Aloísio foi um fiel seguidor desses ensinamentos, tanto na palavra como na ação. Em Fortaleza, onde esteve à frente da Arquidiocese de 1973 a 1995, foi verdadeiramente um cardeal para além da defesa das causas religiosas.

Dele, até hoje, as lembranças só dignificam sua biografia, voltada para a defesa dos mais pobres e dos menos favorecidos de nossa sociedade. Assim, manteve voz ativa na luta contra a ditadura militar, abriu espaço para a causa dos índios, esteve ao lado dos presidiários mesmo em circunstâncias nas quais sofreu risco de morte. Enfim, tratou-se de um homem verdadeiro em todos os momentos de sua trajetória. Para muitos, dom Aloísio era a voz dos que não tinham espaço para expressá-la em meio às barreiras impostas pelos poderosos.

Em vista disso, se fez mediador por diversas vezes entre os mais necessitados e esses donos do poder, em situações nas quais eram poucos os que poderiam e teriam a magnitude necessária para assumir esse papel.

A prova dessa assertiva é que chegou a ser votado para ser papa, fato que encarou humildemente até o final da sua vida. Por tudo, o Ceará continua ainda hoje reconhecendo nele a figura de uma pessoa ímpar, que nos deixou fisicamente, mas que permanece viva através de sua obra.

Então é Natal?

117 5

Nesta véspera de Natal, a cena se repete em vários pontos do Centro de Fortaleza como neste, às 5h03min, na avenida Domingos Olímpio: o povo da rua dormindo nas calçadas e sem qualquer perspectiva.

Para eles, o Natal não existe.

(Foto – Paulo MOska)

Gilberto Carvalho: O PT precisa se renovar

81 2

Do Brasil 247

Há dez anos no primeiro escalão do governo federal, o ministro Gilberto Carvalho, que hoje comanda a Secretaria Geral da Presidência da República, acredita que “o PT precisa se renovar”. Segundo ele, do ponto de vista “da ética e da relação com a coisa pública”.

Numa entrevista à repórter Juliana Braga, do jornal Correio Braziliense, o homem que já foi braço direito do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirma que este foi o “ano de maior sofrimento da história do partido”. No entanto, lembra que também foi, ao mesmo tempo, “um ano de grande vitória”, já que realizou conquistas mesmo diante de “rajadas” e “saraivadas”.

Na conversa com o jornal da capital federal, Gilberto Carvalho menciona que há agora de se fazer uma “reparação dos excessos” sofridos durante o julgamento da Ação Penal 470, o ‘mensalão’, segundo ele “um exagero que a história vai colocar no seu devido lugar”.

Questionado sobre o vídeo direcionado à militância petista em defesa de Lula, que gravou depois da publicação do depoimento do empresário Marcos Valério no jornal O Estado de S.Paulo, ele afirma ter “aproveitado o momento” para mandar uma mensagem a seus “companheiros”, mas que não vê “motivo para preocupação com isso”.

Senado – A mordomia dos 14º e 15º salários

“Veja como eu voto, mas não veja o que eu faço. Este é o lema do Senado Federal quando o assunto é a mordomia dos 14º e 15º salários. Em 17 de dezembro, na última segunda-feira, 72 dos 81 parlamentares embolsaram R$ 26,7 mil referentes ao 14º. O 15º será pago em fevereiro.

Os senadores aprovaram por unanimidade o projeto que extingue a regalia, em 9 de maio, mas a Câmara dos Deputados engavetou a matéria e a grande maioria acabou se beneficiando.
Conforme informação repassada oficialmente pela assessoria de imprensa do Senado Federal, apenas nove senadores,

inicialmente, se recusaram a receber a regalia: Ana Amélia (PP-RS), Ana Rita (PT-ES), Cristovam Buarque (PDT-DF), João Capiberibe (PSB-AP), João Ribeiro (PR-TO), João Vicente Claudino (PTB-PI), Pedro Taques (PDT-MT), Randolfe Rodrigues (PSol-AP) e Rodrigo Rollemberg (PSB-DF).”

(Correio Braziliense)

Marina Silva pede apoio a Heitor para criar novo partido no Ceará

237 13

Marina apoiou a Heitor em Fortaleza.

A ex-senadora Maria Silva (PT) pediu ao deputado estadual Heitor Férrer (PDT) que lhe ajudasse a montar no Ceará o seu partido.

Provisoriamente, com nome Partido da Sustentabilidade.

Não se sabe qual a resposta de Heitor que, na disputa pela Prefeitura de Fortaleza, contou com o apoio de Marina em seu palanque.

(Coluna Vertical, do O POVO)

Uma reflexão sobre o sentido do Natal

O padre redentorista e assessor da CNBB – Regional Nordeste 1, Brendan Coleman, faz uma reflexão sobre o sentido do Natal em artigo publicado no O POVO desta segunda-feira. Confira.

“Mais uma vez o nascimento de Jesus está diante dos nossos olhos. O Filho de Deus, que se fez homem, nasce entre nós, torna-se o Deus conosco. Deus aproximou-se dos homens para salvá-los, num gesto de espantosa solidariedade. Cristo, o prometido de séculos, o esperado de gerações chegou. Ele veio não para nos condenar, mas para nos salvar.

“Na plenitude dos tempos Deus mandou seu Filho, nascido de uma mulher, para que recebêssemos a adoção de filhos” (Gl 4,4-5). Nesta frase lapidar de Paulo está o motivo fundamental da encarnação do Filho de Deus: tornar-nos novamente filhos de Deus.

A universalidade das comemorações natalinas é algo assombroso em um mundo que aparenta estar divorciado do eterno e do transcendental. Nas mais diversas modalidades, mesmo sem conhecerem explicitamente o Cristo, e até rejeitando-o, os homens se alegram e desejam uns aos outros felicidade. Há preocupação em comunicar ao próximo o bem-estar.

Cada Natal transmite ao mundo lições de paz, de concórdia e de fraternidade. Porém, é triste ver um mito como “Papai Noel” ocupando o lugar do Menino Deus nos festejos natalinos. Um ícone do consumismo imposta à nossa cultura, não inspirado na verdade histórica e nos valores éticos.

O presépio, criado por São Francisco de Assis no séc. XIII, exprime uma lição a um mundo que valoriza exageradamente o dinheiro, o poder e o gozo. Quando os homens colocam como supremo árbitro o dinheiro o presépio nos prega o despojamento. Quando os homens querem resolver os problemas usando valores terrenos, a manjedoura nos fala dos valores transcendentais. Quando os homens se dividem pelo ódio e pela violência do silêncio de Belém emana uma magnífica proclamação de paz e de concórdia.

Observemos o mundo em que vivemos: corações amargurados, guerras, ódio, injustiça, egoísmo, chocante miséria, terrível fome, gravíssimas doenças, drogas, desrespeito à pessoa humana, e temos aí uma ideia do longo caminho a percorrer até a mensagem do Natal seja vitoriosa. São João falando da Encarnação do Filho de Deus no Natal expressa uma grande tristeza: “Veio para os seus e os seus não o receberam” (Jo 1,11). E nós recebemos no coração Cristo, Príncipe da Paz? Como diz o Apóstolo: “Cristo é nossa paz” (Ef 2, 14). A todos um feliz e santo Natal.

Brendan Coleman Mc Donald

brendan@matrix.com.br

Padre redentorista e assessor da CNBB
Reg. NE1.