Blog do Eliomar

Últimos posts

Ibope/TV Verdes Mares – Elmano, 26%; Roberto Cláudio, 22;%; Moroni, 17%; Heitor, 14%

106 2

Saiu a última pesquisa do Ibope/TV Verdes Mares. Foi divlgada no CE TV – 2ª Edição. Elmano de Freitas e Roberto Claudio estão empatados tecnicamente e, pela pesquisa, devem ir para o segundo turno.

Veja a pesquisa estimulada:

Elmano de Freitas (PT) – 26%
Roberto Claudio (PSB) – 22%
Moroni Torgan (DEM) – 17%
Heitor Férrer (PDT) – 14%
Renato Roseno (PSOL) – 10%
Inácio Arruda (PC do B) – 2%
Marcos Cals (PSDB) – 2%
Francisco Gonzaga (PSTU) – 0%
Valdeci Cunha (PRTB) – não pontuou
André Ramos (PPL) – não pontuou
Brancos e nulos – 4%
Indecisos – 3%

A pesquisa foi realizada entre os dias 4 e 6 últimos. Foram entrevistadas 805 pessoas na cidade de Fortaleza. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. Foi registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará, sob o número 00165/ 2012.

Presidentes da OAB/CE e do TRE acertam acesso livre para advogados durante as eleições

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, regional do Ceará, Valdetário Monteiro, foi recebido, neste sábado pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Ademar Mendes Bezerra. Na ocasião, os dois trataram sobre o acesso dos advogados às mesas receptoras durante este domingo  de eleições.

Valdetário expôs que, mesmo com decisão da corregedora  do TRE, desembargadora Iracema do Vale, determinando o respeito às prerrogativas dos advogados, alguns juízes do Estado ainda tinham dúvida quanto ao acesso desse profissional.

Valdetário deixou com o presidente do tribunal novo requerimento ratificando a importância da participação dos advogados no pleito. O requerimento foi acatado e Ademar Mendes Bezerra afirmou que, mediante procuração do partido ou coligação, esse profissional terá livre acesso.

Impugnações pendentes: Gurgel diz que situação não é ideal, mas minimiza impacto sobre eleições

Ao comentar o número de candidaturas questionadas na Justiça e ainda pendentes no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, disse neste sábado (6) que o ideal seria que os julgamentos tivessem sido concluídos antes do pleito.

Segundo ele, a conclusão da análise dos processos não foi possível por circunstâncias alheias à vontade da Justiça Eleitoral, como as paralisações que afetaram os tribunais regionais eleitorais e também os Correios.

“Isso acabou se somando e houve um atraso na chegada desses feitos ao TSE. Não vamos ter a situação ideal. Eles [os candidatos com processos pendentes] concorrerão e, se sobrevier à cassação do registro, isso produzirá os efeitos”, destacou.

Sobre a possibilidade de alterações no calendário eleitoral brasileiro em razão da quantidade de recursos provenientes de processos de impugnação este ano, o procurador-geral disse que é possível uma reflexão sobre o assunto.

“A história das eleições no Brasil é uma história de aperfeiçoamento constante. É algo sobre o qual pode haver uma reflexão a respeito”, disse. “A Justiça Eleitoral, a cada eleição, se aprimora, se aperfeiçoa. Foram motivos de força maior que impediram que, desta vez, houvesse pelo menos a apreciação da maioria dos casos”, destacou.

(Agência Brasil)

Datafolha/O POVO – Elmano, 26%: Roberto Cláudio, 24%; Moroni, 19%; e Heitor, 15%

“Elmano de Freitas (PT) e Roberto Cláudio (PSB) chegam tecnicamente empatados ao dia da eleição para prefeito de Fortaleza, mostra a última pesquisa O POVO/Datafolha deste primeiro turno, realizada na véspera da votação. O candidato do PT tem 26% dos votos válidos. O concorrente do PSB tem 24%, também no quesito votos válidos, que é a forma como será divulgado o resultado oficial da eleição, neste domingo. Nesse cálculo, são desconsiderados votos em branco, nulo e indecisos.

Os dois líderes tiveram oscilação negativa desde a última pesquisa, realizada na terça-feira e quarta-feira da semana passada. De lá para cá, Elmano apareceu um ponto abaixo, indo de 27% para 26%. Roberto Cláudio oscilou dois pontos e foi dos mesmos 27% para 24% dos votos válidos. A margem de erro dessa pesquisa é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O levantamento ouviu 1.737 eleitores de Fortaleza na sexta-feira e ontem.

Moroni Torgan (DEM) também oscilou negativamente um ponto e aparece com 19% dos votos válidos. A diferença dele para Roberto Cláudio e Elmano fica fora da margem de erro máxima da pesquisa. O que significa que, a não ser que haja novas oscilações entre este sábado e domingo, o Datafolha mostra que o segundo turno será entre Elmano e Roberto Cláudio. Neste momento final, o bloco secundário apresentou oscilações positivas. Heitor Férrer (PDT) passou de 13% para 15%, também em votos válidos. Renato Roseno (Psol) foi de 7% para 9%.

Inácio Arruda (PCdoB) e Marcos Cals (PSDB), que tinham ambos 2%, chegaram a 3% dos votos válidos, cada. André Ramos (PPL), Francisco Gonzaga (PSTU) e professor Valdeci Cunha (PRTB) não alcançaram 1%.

Considerado o total de votos, 7% dos fortalezenses chegam à véspera da eleição ainda sem saber em quem votar. Os que dizem votar em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos somam 4%. Nessa fórmula de cálculo, Elmano tem 23%, Roberto Cláudio 22%, Moroni 17%, Heitor 14%, Roseno 8%, Inácio 3% e Marcos Cals 2%. Os demais não pontuaram.

Na pesquisa espontânea, Elmano tem 19%, contra 16% de Roberto Cláudio, 14% de Moroni, 11% de Heitor e 7% de Renato Roseno. Inácio e Marcos Cals têm 1%, cada. Os demais não pontuaram.

A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral com o número CE-00161/2012.”

(O POVO)

Heitor encerra campanha com giro pelo Centro

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo PDT, Heitor Férrer, fez caminhada, neste sábado, pelas ruas do Centro. Com ele, a família e o seu candidato a vice, Alexandre Pereira, além de  candidatos a vereador e militântes.

Heitor começou a caminhada, por volta das 9 horas, na Praça do Ferreira. Visitou lojas, posou pra fotos e agradeceu a confiança do eleitor. Aina circulou pela Praça dos Correios, Praça dos Leões, Praça da Estação e Praça José de Alencar.

(Foto – Divulgação)

André Ramos vota no Colégio Adauto Bezerra

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo Partido Pátria Livre, André Ramos, votará, às 10h30min deste domingo, na Zona 113, Seção 102, que fica na Escola de Ensino Médio Governador Adauto Bezerra (Rua Monsenhor Liberato, 1850 – Bairro Fátima). Ramos será acompanhado em seu local de votação pelo seu candidato a vice, Lucélio Moura e por um assessor.

Às 11h30min, será a vez do candidato a vice-prefeito, Lucélio Moura (PPL), votar na Escola de Ensino Fundamental e Médio José Bezerra de Menezes. Moura vota na Zona 94, Seção 468, naquele Colégio Eleitoral. Moura será acompanhado pelo candidato André Ramos e um assessor. A Escola JBM fica à Rua Anário Braga 200, no bairro de Antonio Bezerra.

Datafolha – Em São Paulo, Serra e Russomanno aparecem empatados tecnicamente

Em São Paulo, o primeiro turno termina com três candidatos empatados tecnicamente e com um segundo turno indefinido, de acordo com pesquisa Datafolha divulgada nesta tare de sábado pela Folha Online. Na véspera da eleição, José Serra (PSDB) aparece com 28% dos votos válidos, contra 27% de Celso Russomanno (PRB) e 24% Fernando Haddad (PT). A margem de erro das pesquisas é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

No levantamento, Gabriel Chalita (PMDB) aparece com 13%, Soninha (PPS) tem 5%. Carlos Giannazzi (PSOL), Paulinho (PDT), Ana Luiza (PCO) e Levy Fidelix (PRTB) aparecem com 1% dos votos válidos. Os demais candidatos não pontuaram. Os votos válidos excluem brancos, nulos e, no caso da pesquisa, também eleitores indecisos. É como a Justiça Eleitoral divulga o resultado.

Nas simulações de segundo tuno, Russomanno ainda leva vantagem em um eventual confronto com Serra (44% a 37%). Quando o adversário do candidato do PRB é Haddad, porém, os dois empatam tecnicamente, com vantagem para o petista, que aparece com 40% contra 39% de Russomanno. Em um cenário entre Haddad e Serra, o candidato do PT tem 45% contra 39% do tucano.

REJEIÇÃO

A pesquisa também mostra que Serra ainda lidera em relação a rejeição aos candidatos, com 42% da menções. Russomanno tem 30% e Haddad aparece com 25%. O levantamento foi feito nesta sexta-feira (5) e sábado (6) e ouviu 3.959 pessoas. A pesquisa foi registrada com o número SP-01778/2012.

TRE manda retirar peça publicitária do TSE que lembra propaganda de Elmano de Freitas

O Tribunal Regional Eleitoral decidiu, nesta tarde de sábado, em caráter administrativo, retirar os cartazes da propaganda sobre a Lei da ficha Limpa, do Tribunal Superior Eleitoral, das seções eleitorais e, em especial, a que expõe dois olhos.

Atendeu assim ao promotor regional eleitoral, Márcio Torres, que viu coincidência dessa propaganda institucional com a propaganda do candidato petista à Prefeitura de Fortaleza, Elmano de Freitas, aquela no estilo hip hop “olho no olho”.

A  medida foi para evitar possíveis interpretações favoráveis ao PT e se caracterizou como prudente pelos magistrados.

Sobre o caso, a advogada Isabel Porto, do PT, assim se manifestou: “A gente entende que seria desnecessário. Essa medida não se dirigia a nós, mas se o TRE deliberou, está deliberado”.

 

Candidato Daniel Queiroz (PMDB) renuncia em Beberibe

650 6

Acaba de renunciar o candidato a prefeito de Beberibe o advogado Daniel Queiroz, que estava duplamente impugnado pela Justiça Eleitoral.

Tem até as 22 horas para apontar o nome que ficará no seu lugar.

DETALHE – A foto e o nome continuarão na urna eletrônica.

Eis a carta de renúncia de Daniel Queiroz:

Mudanças na Bezerra de Menezes estão sem consenso

84 2

A respeito da matéria “Bezerra – Ausência de retornos em avenida divide opiniões”, da repórter Isabel Costa (Editoria Fortaleza, página 12), na edição de ontem, 5, do O POVO, acontece agora com a Bezerra de Menezes o que já ocorre na Engenheiro Santana Júnior. São duas avenidas de acesso e saída de Fortaleza, tendo como prolongamentos, respectivamente, as rodovias BR-020 e CE-040.

A definição desse tipo de corredor é um dos problemas que os projetistas municipais e de trânsito na Capital pouco conseguem resolver a princípio. Aberto dentro do núcleo urbano, torna-se uma soma de avenida propriamente dita, via expressa e autoestrada. Com isso, a circulação de veículos é facilitada aos transportes coletivos, além dos intermunicipais, interestaduais e caminhões de cargas para outros municípios e estados. Afinal, quem acessa e se retira de Fortaleza. Mas dificulta os que, com veículos próprios, possuem os endereços de moradia e/ou expediente nesses eixos e ruas vicinais, necessitando de retornos imediatos.

Para os dirigentes da AMC, a decisão é pela prioridade do transporte coletivo sobre o individual, a fim de dar maior fluidez ao trânsito. A repórter supracitada entrevistou um mototaxista que se posicionou contra o fim dos retornos e um taxista a favor disso. Pela lógica, deveriam ser opiniões inversas. Contudo, são amostras da falta de consenso a respeito de resoluções tomadas, que também omitiram consulta à população.

A Bezerra de Menezes precisa de benfeitorias. Essa via surgiu com alargamento inédito para uma Fortaleza de cerca de 100 anos atrás, inspirada em bulevares de Paris. Depois, recebeu a maior transformação do leito viário e passeios, executada em 1965, na gestão do então prefeito Murilo Borges. Numa época em que ainda era predominantemente residencial, apesar de constar dela o quartel do na ocasião CPOR e a Secretaria de Agricultura do Estado.

É necessário, portanto, adequá-la para os tempos de hoje, sem contratempos para os moradores, usuários e trabalhadores.

(O POVO / Editorial)

A bizarra discussão sobre as mortes dos torcedores

Em artigo no O POVO deste sábado (6), o editor adjunto do Núcleo de Conjuntura do O POVO, Luiz Henrique Campos, sugere uma investigação policial da ligação das torcidas organizadas com o crime. Confira:

É no mínimo bizarra a dúvida que se trava em torno das mortes recentes de componentes de torcidas organizadas em Fortaleza. Em menos de um mês, quatro pessoas ligadas a esses grupamentos foram assassinadas, com o último caso tendo ocorrido quarta-feira, dentro da loja da Cearamor, no bairro Porangabussu, onde um homem foi morto a tiros. Até agora, segundo a imprensa, investigações da Polícia Civil apontam ser prematuro considerar que os crimes têm relação com a rivalidade entre torcidas. Outra hipótese, de acordo com o delegado Jairo Pequeno, diretor do Departamento de Polícia Especializada, é que as mortes podem ter sido motivadas por envolvimento das vítimas com assaltos e tráfico de drogas. A possível motivação levantada pelo policial baseia-se no fato de que “todos que morreram têm passado criminoso, com assaltos, por exemplo”.

Ora, pasmem os leitores. Se há dúvida quanto à motivação, pelo menos uma coisa já é certa: todos têm passado criminoso. Para mim, essa é que deveria ser a discussão mais importante. Quantas vezes já não tivemos exemplos de atos de vandalismo perpetrados por esses travestidos de torcedores, e nunca se toma providência em relação às torcidas organizadas? Não é preciso ser nenhum expert no assunto para entender que esses grupos de há muito regrediram da condição de torcedores organizados para criminosos. Infelizmente, sempre se fez vista grossa para com isso. O resultado é que compor uma torcida organizada é o mesmo que fazer parte de associações de instigadoras da violência, e, por consequência, do cometimento de crimes.

Portanto, antes de a Polícia se preocupar em confirmar uma possível relação de rivalidade clubística como motivação, as mortes deveriam era provocar uma investigação a fundo sobre a estrutura desses grupos e suas ligações com o crime. As torcidas organizadas são o que são hoje muito em parte pela omissão do poder público que fechou os olhos para um problema no passado. O reflexo dessa omissão está aí, com os dias de jogos servindo de mote para cenas lamentáveis em vários cantos da cidade, colocando em risco até pessoas que nada têm a ver com o futebol ou os que encaram a rivalidade clubística como ato saudável.

Estrategista diz que eleitor define voto na última hora. Acredita em Heitor no segundo turno

236 2

Heitor e Fabner, no debate da Verdes Mares

Para o estrategista político Fabner Utida, o candidato do PDT à Prefeitura de Fortaleza, Heitor Férrer, estará no segundo turno na eleição à Prefeitura de Fortaleza.

“Fortaleza tem a cultura da reviravolta na véspera da eleição porque o fortalezense costuma definir o seu voto na última hora. É impressionante como o eleitorado está à vontade para declarar o voto a Heitor Férrer, desde a última quinta-feira. Heitor é o fenômeno nesta reta final do primeiro turno. Isso flui nos frentistas de postos de combustível, nos caixas de supermercados, nos vendedores no Centro e também no cidadão que tem circulado pela cidade”, comentou o estrategista político.

Utida revelou que o perfil político de Heitor e o cansaço do eleitor com a desgastante relação entre o governador Cid Gomes (PSB) e a prefeita Luizianne Lins (PT) foram fundamentais para o crescimento da candidatura do PDT em toda a campanha.

“Teoricamente, nenhum candidato teria estrutura para enfrentar as duas poderosas máquinas do Governo e da Prefeitura. Mas Heitor é tudo o que o eleitorado poderia esperar de um candidato, tanto no quesito Ficha Limpa, como no quesito competência. O eleitor também cansou de ser prejudicado na desgastada relação entre o Governo e a Prefeitura. Manter uma das duas máquinas à frente da Prefeitura é estender essa cansativa briga por mais quatro anos. Heitor rompe com tudo isso, essa novela mexicana acaba agora”, ressaltou o estrategista.

DETALHE – Fabner Utida é o publicitário do pedetista.

Roberto Cláudio faz ultima carreata ao lado de Cid, Ciro, ministro e secretários estaduais

110 1

O governador Cid Gomes e o ex-ministro Ciro Gomes estão puxando a carreata que encerra a campanha do candidato a prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, neste sábado. Roberto está com sua mulher Carol e tem ao seu lado também o postulante a vice, Gaudêncio Lucena, o ministro Leônidas Cristino (Portos) e os secretários estaduais Bismarck Maia (Turismo), Eduardo Diogo (Planejamento), Danilo Serpa (Chefe de Gabinete) , Ferrucio Feitosa (Especial da Copa) e o deputado federal Domingos Neto (PSB).

(Foto – Dvulgação

Justiça Eleitoral manda retirar do ar direito de resposta de Elmano

86 3

A juíza eleitoral Maria das Graças Almeida de Quental acaba de determinar a imediata retirada do ar do direito de resposta concedido nessa sexta-feira ao candidato do pT á Prefeitura de Fortaleza, Elmano de Freitas.

A concessão do direito de resposta havia ocorrido em razão de denúncia feita pelo candidato do PSDB a prefeito, Macos Cals, sobre acúmulao de três cargos  pelo peist na administração da prefeita Luizianne Lins (PT).

A denúncia foi feita com base em documentos oficiais do TCM.

A magistrada entendeu que a resposta apresentada pelo candidato Elmano, ontem à noite, não cumpriu a determinação da juiza de responder a denúncia. Houve, portanto, entendimento de que havia desvirtuamento com a promoção do candidato.