Blog do Eliomar

Últimos posts

Eleição para reitor do IFCE será em outubro

79 1

A eleição para escolha do novo reitor do Instituto Federal de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Ceará (IFCE) ocorrerá em outubro próximo. A informação é do atual reitor, Cláudio Ricardo.

Ele assegura já ter um candidato para sua sucessão. Trata-se do professor Virgílio Araripe, seu assessor. Ao contrário da UFC, a escolha não é por lista tríplice, mas num embate onde um nome é escolhido.

O reitor do IFCE adianta que vai deixar para o futuro reitor um projeto já bem encaminhado: a construção da sede da reitoria, que deverá ocupar prédio hoje pertencente à Delegacia Regional do Ministério da Agricultura, em área próximo à sede atual do Instituto, no bairro Benfica.

O que Marco de Sobral tem que Marcos de Fortaleza não tem

121 4

Em Sobral (Zona Norte), o candidato a prefeito pelo PSDB, Marco Prado, usa em suas peças de campanha as fotografias do ex-governador Tasso Jereissati e do prefeito de Maracanaú e vice-presidente estadual do PR, Roberto Pessoa.

O fato chamou a atenção de alguns tucanos da Capital, que não veem a lembrança de Tasso nas peças publicitárias do candidato a prefeito, Marcos Cals.

Arce promove evento sobre administração pública e questão ambiental

Nesta quinta-feira, a partir das 14 horas, a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados do Ceará (Arce) promoverá, no auditório que fica no segundo andar do Edifício Potenza, palestra sobre a Agenda Ambiental da Administração Pública. A iniciativa é da Comissão de Coleta Seletiva da Arce, que é formada por servidores da próprio órgão.

Massília Silva, orientadora da Célula de Articulação Social do Conselho de Políticas e Gestão do Meio Ambiente (Conpam), fará a palestra. A ordem é motivar organizações para a necessidade da coleta seletiva.

 

Carlinhos Cachoeira presta depoimento à Justiça do Distrito Federal

“O empresário goiano Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, prestará depoimento hoje (1º) no processo que investiga irregularidades no sistema de bilhetagem do transporte público da capital federal. O depoimento está marcado para a parte da tarde na 5ª Vara Criminal de Brasília. No processo, Cachoeira é acusado pelo Ministério Público de forçar uma dispensa de licitação para a contratação de um sistema de bilhetagem sul-coreana. Esse sistema seria operado por uma das empresas investigadas como integrante da organização criminosa liderada por ele.

A pressão feita pelo empresário para entrar na prestação do serviço no Distrito Federal foi confirmada pelo governador Agnelo Queiroz, durante seu depoimento na Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira, no mês de junho. Agnelo, no entanto, disse que a tentativa não obteve sucesso. Além de Cachoeira, sete pessoas são acusadas de envolvimento no caso investigado pela Operação Saint Michel, executada pela Polícia Civil do Distrito Federal.”

()Agência Brasil)

TCM e Procap acertam estratégias contra desmonte em Prefeituras

O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios, Manuel Veras, receberá em seu gabinete de trabalho, na manhã de sexta-feira, o promotor de justiça Maurício Carneiro, titular da Promotoria de Combate aos Crimes contra a Administração Pública (Procap), do Ministério Público Estadual.

O assunto é um só: fechar o cerco contra desmonte nas Prefeituras.

O TCM e a Procap prometem adotar medidas preventivas e rígidas para evitar a prática absurda que muito gestor tem de desmantelar a máquina administrativa quando não consegue reeleição ou não faz o sucessor.

Moroni só tem a crescer, assegura marqueteiro

87 2

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=ti6wCrdldnY&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=3&feature=plcp[/youtube]

O candidato a prefeito de Fortaleza pelo DEM, Moroni Torgan, está confiante de que vai para o segundo turno da disputa. É o que revela o seu marqueteiro de campanha, Erivelto Souza. Moroni lidera a preferência nas pesquisas eleitorais do Datafolha (27%) e Ibope (32%), mas, segundo Erivelto, o candidato tem tudo para ampliar a vantagem, mesmo sendo líder também em rejeição.

Em Iguatu, candidato de Agenor Neto já pode disputar

Fabrício Moreira e Aderilo Alcântara.

Acabou a novela. A Justiça Eleitoral de Iguatu proferiu sentença, através do juiz eleitoral Josué Lima, deferindo o registro da candidatura de Aderilo Alcântara Filho (PRB). O TCM havia desaprovado as contas de Aderilio quando ele assumiu interinamente a Prefeitura em 1997, mas essa mesma prestação de contas não havia passado pelo crivo da Câmara Municipal.

Aderilo Alcântara é o nome que o atual prefeito, Agenor Neto (PMDB), escolheu, com seu grupo político, para disputar sua sucessão. Em Iguatu, as rodas de apostas entre eleitores, dão como certa a vitória do candidato por conta da bem avaliada gestão do prefeito.

(Com Iguatu.net)

DETALHE – Bom destacar o trabalho jurídico do escritório do advogado Fabrício Moreira, pessoa da nossa estima.

Caravana da Anistia visita o Ceará

O Ceará receberá a 60ª Caravana da Anistia, evento organizado pela Comissão Nacional de Anistia do Ministério da Justiça, em parceria local com órgãos públicos e entidades da sociedade civil. A Caravana cumprirá agenda nesta quinta e sexta-feira em Fortaleza, ocasião em que julgará pedidos de indenização federal de pessoas perseguidas pela ditadura militar.

Os julgamentos, segundo a assessoria de imprensa do grupo, ocorrerão na Sala de Comissões da Assembleia Legislativa na sexta-feira, mesmo dia em que acontece a abertura oficial do evento. As audiências serão conduzidas pelo Secretário Nacional de Justiça e Presidente da Comissão Nacional de Anista, Paulo Abrão.

Na ocasião, haverá uma sessão solene na Assembleia Legislativa em homenagem à Comissão Nacional da Anistia, por iniciativa da deputada Eliane Novais. Antes, na quinta-feira, a Secretaria da Justiça e Cidadania realizará o pagamento simbólico das indenizações a 41 anistiados que tiveram os processos deferidos pela Comissão Especial de Anistia Wanda Sidou. A visita da Caravana se encerra no dia 4, com um cortejo de manifestações culturais, no centro de Fortaleza, com concentração na Praça do Ferreira.

Catanho representa prefeita na reabertura dos trabalhos da Câmara Municipal

Na reabertura dos trabalhos da Câmara Municipal de Fortaleza, quem apareceu para fazer a prestação de contas da Prefeitura foi Waldemir Catanho, que deixará a articulação política do Paço Municipal para mergulhar na campanha pró-Elmano de Freitas (PT) para prefeito.

A prefeita Luizianne Lins, segundo assessores, ainda está em Brasília em contatos ministeriais.

Relator da Lei Geral da Copa cumprirá agenda em Fortaleza

O deputado federal Vicente Cândido, relator da Lei Geral da Copa, estará em Fortaleza no próximo dia 10. Aqui, ele participará do encontro “Grandes Eventos da Copa 2014 e Olimpíadas – Desafios, Oportunidades e Perspectivas”, uma promoção do Skal Internacional de Fortaleza e da Associação dos Profissionais do Turismo do Estado.

O encontro ocorrerá das 9h30min às 12h30min, no auditório da Federação das Indústrias do Ceará, e contará também com a participação de José Wagner Ferreira, ex-vice-presidente da TAM e atual presidente da Academia Brasileira de Eventos e Turismo.

 

Profissionais da saúde criticam o auxílio-doença a dependentes e falência dos Caps

Mais de R$ 100 milhões foram pagos no ano passado pela Previdência Social a pessoas que se afastaram do trabalho pelo uso de drogas proibidas, como o crack, a cocaína, a maconha e anfetaminas. O número é oito vezes mais ao valor destinado a dependentes do álcool e cigarro. Enquanto isso, pacientes com problemas mentais são empurrados de unidades de tratamentos para outras, quase sempre sem direito a qualquer benefício do governo.

A denúncia é de profissionais que trabalham nos Centros de Apoio Psicossocial (Caps), da Prefeitura de Fortaleza, que, segundo os profissionais, passou a priorizar o atendimento aos drogados, em detrimento aos portadores de doenças mentais.

De acordo com esses profissionais, o atendimento aos doentes mentais está falido nos Caps, que empurram os pacientes para o Hospital de Saúde Mental de Messejana, do Governo do Estado.

Segundo os profissionais, o paciente com doença mental não consegue auxílio ou aposentadoria porque quase sempre não é inscrito em programas sociais do Governo Federal, como o Bolsa Família. Já o auxílio-doença a dependentes, de acordo ainda com os profissionais, tem gerado um problema na família, quando os dependentes exigem de seus pais ou responsáveis o dinheiro do benefício. Muitas vezes, essa cobrança acaba em agressão, segundo ainda os profissionais da saúde especializados nesse tipo de atendimento.

Produção industrial tem ligeira alta em junho

“A produção industrial brasileira cresceu 0,2% em junho deste ano, em relação ao mês anterior. É a primeira alta desde fevereiro nesse tipo de comparação (mês a mês). O dado é da Pesquisa Industrial Mensal, divulgada hoje (1°) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em relação a junho do ano passado, no entanto, houve uma queda de 5,5 %. No primeiro semestre, a indústria acumula uma redução de 3,8 % na produção. Nos últimos 12 meses, a queda acumulada chega a 2,3%.”

(Agência Brasil)

Marcos Cals vai estrear “Comitê Móvel”

91 3

A campanha do candidato a prefeito de Fortaleza pelo PSDB, Marcos Cals, decidiu ousar: até o início de outubro, ele visitará os 60 maiores bairros da cidade adotando o projeto “Ação 45”, que utilizará um ônibus em forma de comitê móvel.

Com essa medida, Marcos não instalará os tradicionais comitês, onde acontecem a distribuição do material de campanha e a mobilização de carros de som. “Vamos mudar essa mentalidade. Iremos ao encontro das pessoas para discutir os problemas de cada bairro e apresentar as nossas propostas”, diz para o Blog.

Com isso, evitará uso de carros de som e promete apostar numa campanha sem poluição sonora e visual.

 

Déficit da Previdência Estadual já é de R$ 753 milhões neste ano

96 2

As contas da previdência continuam deficitárias no Ceará. Nos seis primeiros meses deste ano, o governo do Estado já aportou R$ 753 milhões de reais, um incremento da ordem de 25,51% em relação ao mesmo período do ano passado.

Segundo o Secretário do Planejamento e Gestão do Estado (Seplag), Eduardo Diogo, no ano passado, o Estado precisou aportar R$ 1,2 bilhão para equacionar a conta. “É um assunto da mais alta relevância que temos que constantemente estar acompanhando para criar novas equações e aperfeiçoar esse sistema”, disse em entrevista a este Blog.

Eduardo Diogo explicou que o déficit é uma grande preocupação do Governo. “O estado terá que por um bom tempo fazer aportes, mas buscamos possibilidades que sejam mais criativas para minimizar isso para o estado. Assegurar a capacidade de investimento para trazer benefício para o conjunto da população cearense”, explicou.

O secretário detalhou ainda que está sendo concluída a lei de diretrizes orçamentárias e está sendo preparada a lei orçamentária anual para encaminhar para a Assembleia Legislativa. A prioridade são quatro áreas: saúde, educação, infraestrutura e segurança pública.

Diogo evitou falar sobre o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), mas destacou que é intenção do Governo valorizar as carreiras. “O estado do Ceará tem muitos servidores e sempre valoriza muito as carreiras”, disse.

Os empréstimos consignados, em folha de pagamento, deixaram de ser operados pelo Governo desde o dia 13 de julho. Neste momento, segundo o secretário, o Governo está investindo no programa de educação financeira que vai envolver os 66 órgãos e entidades do Estado.

Eudes Xavier apregoa “onda vermelha” para alavancar candidatura de Elmano

55 4

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=AYJdvtFKe-4&feature=plcp[/youtube]

Para o deputado federal Eudes Xavier (PT), o desempenho de Elmano de Freitas, candidato a prefeito de Fortaleza pelo PT nas pesquisas, vai reagir quando vier a propaganda eleitoral gratuita. Eudes lembra que o PT contará com importante trunfo na campanha: a onda vermelha da militância.

Em nenhum momento, Eudes Xavier quis seguir a tese de que Elmano, com 3% no Datafolha e 4% no Ibope, esteja sofrendo o desgaste da administração da prefeita Luizianne Lins (PT).

Governo quer padrão europeu de atendimento na telefonia celular, diz ministro

“A Medida Provisória que estabelece as regras para a política de desoneração de impostos para equipamentos e obras necessárias à implantação de redes de banda larga deve ser votada no Senado a partir do dia 7 de agosto, segundo informações do ministro das Comunicações, Paulo Bernardo. Em entrevista ao “Programa 3 a 1″, da TV Brasil, o ministro das Comunicações disse acreditar também que as punições aplicadas pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) a empresas do setor representam um importante passo para que, futuramente, elas ofereçam “padrão de atendimento europeu” aos consumidores. O programa vai ao ar nesta quarta-feira às 22h.

“As empresas terão de ampliar [os investimentos] porque o Brasil é um mercado que continuará como o queridinho delas. Agora queremos padrão europeu de atendimento”, disse Paulo Bernardo. Ele acrescentou que, pelas informações a que teve acesso, os planos apresentados pelas empresas têm evoluído significativamente, após seguidas reuniões com a Anatel.”

(Agência Brasil)

Mensalão – Receita cobra de réus e empresas R$ 64 milhões em multas

94 1

Réus e empresas ligadas ao processo do Mensalão, que serão julgados a partir desta quinta-feira, pelo Supremo Tribunal Federal, já estão sendo punidos pela Receita Federal. A segunda instância do órgão, segundo a Folha, confirmou punições pecuniárias que somam pelo menos R$ 64,4 milhões.

As penalidades foram mantidas pelo Conselho Administrativo de Recursos Fiscais, órgão do Ministério da Fazenda, e referendam na área administrativa as acusações feitas criminalmente pela Procuradoria-Geral da República na ação no STF (Supremo Tribunal Federal). Os valores poderão ficar ainda maiores, porque devem ser atualizados pela Receita com base no ano em que os créditos deveriam ter sido pagos à União.

As decisões do conselho apontam que o empresário Marcos Valério de Souza e outros réus do grupo apontado como “núcleo operacional” do esquema cometeram diversas infrações, como evasão de divisas, movimentação de dinheiro de origem não declarada e fraudes contábeis para justificar a entrada e saída de recursos.

* Confira na Folha aqui.