Blog do Eliomar

Últimos posts

Presidente da Assembleia está mais do que nunca no jogo das opções em Fortaleza

72 2

O fato de Roberto Cláudio, presidente da Assembleia Legislativa, não assumir o Governo do Estado é prova de que ele está mais do que nunca no jogo eleitoral de Fortaleza. Vira alternativa do governador Cid Gomes (PSB) para candidato. Mas isso em caso de rompimento entre PT e PSB, uma novela que promete se arrastar ao longo deste mês.

Aliás, é bom lembrar também que Ferrucio Feitosa, outro prefeiturável da legenda, também deixa a Secretaria Especial da Copa nesta quarta-feira.

Enquanto Cid Gomes estiver em Portugal, ao lado da família e em clima de feriadão, o presidente do Tribunal de Justiça, José Arízio Lopes, responde pelo Governo.

Elmano Freitas deixa a Educação nesta 4ª feira ganhando festa de despedidas

173 4

O secretário municipal da Educação, Elmano Freitas, ganha festa de despedidas nesta quarta-feira. Ele é o pré-candidato oficial do PT à Prefeitura de Fortaleza.

O ato ocorrerá a partir das 16 horas, na Escola San Rafael,na Praia de Iracema.

O nome cotado para seu lugar era o do líder do Governo na Assembleia, Antônio Carlos. Isso em consequência das desincompatibilizações de secretários que estão retornando para a Assembleia. Camilo Santana, Nelson Martins e Francisco Pinheiro limparam as gavetas.  Mauro Filho, da Fazenda, que teve sua saída especulada, permanecerá onde está.

Cid viaja para Portugal e desembargador assume o Governo

O presidente do Tribunal de Justiça do Estado, desembargador José Arízio Lopes, assume, nestra noite de terça-feira o Governo do Estado, em raão da viagem do governador Cid Gomes para Portugal em missão particular.

O vice-governador Domingos Filho não assume, porque sua mulher, Patrícia Aguiar (PMDB), é pré-candidata à Prefeitura de Tauá. Já o presidente da Assembleia Legislativa, Robeto Cláudio, não assume porque é um dos prefeituráveis do PSB em Fortaleza.

Empresário contradiz versão de governador: comprou casa com dinheiro vivo

O empresário goiano Walter Paulo Santiago afirmou, nesta terça-feira (5), aos parlamentares da CPI do Cahcoeira que pagou R$ 1,4 milhão em dinheiro vivo por uma casa do governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB). Foi neste imóvel, situado em um condomínio de luxo em Goiânia, que a Polícia Federal prendeu o bicheiro Carlos de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, no dia 29 de fevereiro, na operação Monte Carlo.

A informação de Walter Paulo contraria a versão de Perillo, que declarou ter recebido o pagamento em três cheques, os quais, segundo a PF foram assinados pelo sobrinho de Cachoeira, Leonardo Ramos.

O empresário informou que fez o pagamento em notas de R$ 50 e R$ 100 em “pacotinhos”, mas não esclareceu a origem do dinheiro. Inicialmente disse lembrar-se apenas que as notas foram trazidas por seu contador, de nome Paulo e que ele poderia explicar.  Posteriormente, informou que foi fazendo “retiradas” aos poucos da faculdade da qual é dono, a Padrão, o que provocou suspeita nos parlamentares. Eles estranharam também o fato de o pagamento ter sido feito em dinheiro vivo, e não por meio de qualquer outra transação bancária.

– Até poderia ter feito pelo banco, mas nem pensei nisso na hora – afirmou.

Os deputados e senadores consideraram igualmente intrigante o fato de a compra do imóvel ter sido feita para a Mestra Administração, empresa da qual Walter Paulo se disse administrador, sem, no entanto, nada receber pela função.

– Nunca recebi um centavo pelo trabalho na Mestra. Minha intenção era só ajudar os seus proprietários, como o senhor Écio Antônio Ribeiro, um competente engenheiro que prestou serviços e muito contribuiu para a Padrão. O imóvel era para a empresa negociar e ganhar dinheiro futuramente – afirmou.

Segundo Walter Paulo, o pagamento foi feito na residência dele a Wladimir Garcez, intermediário do negócio, e a Lúcio Fiúza, que se apresentou como assessor de Perillo.

– Nunca estive com o governador para negociar este imóvel. Entreguei o dinheiro a Garcez e a Fiúza. Garcez me apresentou o imóvel em janeiro de 2011 e negociou em nome do governador. O negócio só foi concretizado somente em julho – explicou.

Walter Paulo disse que apesar de efetivada a compra, a casa não lhe foi entregue porque Garcez pediu o imóvel por 45 dias, prazo que se estendeu por mais de seis meses.

– Garcez me pediu a casa para uma amiga dele. Nem procurei saber quem era essa pessoa, que sequer me deu um telefonema de agradecimento. Foi tudo combinado antes, mas ela acabou ficando bem mais. Cheguei a cobrá-lo por isso e ele me pediu mais prazo, até fevereiro deste ano. Garcez não me pediu o imóvel para Cachoeira, mas para uma amiga dele – disse.

Ainda em relação ao imóvel, Walter Paulo disse desconhecer quem pagou o IPTU, só garantiu que o ITBI foi pago pela Mestra Administração. A escritura, segundo ele, foi assinada pelo dono da Mestra, Écio Antônio Ribeiro, o que também causou novos questionamentos de deputados e senadores, que quiseram saber por que Walter Paulo, depois de pagar a casa em dinheiro vivo, não a registrou no próprio nome.

– Só queria ajudar a empresa – disse.

Walter Paulo respondeu ainda não saber por que o imóvel foi registrado no município de Trindade e não em Goiânia, onde está a casa.

– Nunca fui neste cartório, nem sei onde é. Só queria que a documentação chegasse assinada e direitinho para mim, o que aconteceu – continuou.

(Agência Senado)

Grupo assalta agência do Banco Itaú

“Quatro homens armados assaltaram uma agência do banco Itaú, localizada na avenida Santos Dummont, bairro Aldeota, nesta tarde. Esta é a segunda ação registrada contra bancos nesta terça-feira, 5, em Fortaleza.

De acordo com a Polícia Militar, os bandidos chegaram ao Itaú em duas motos e abordaram seguranças da agência. Durante a fuga, eles abandonaram as motocicletas e tomaram um carro de assalto, deixando o veículo em seguida.

A PM ainda fez diligências com o intuito de prender os assaltantes nas redondezas, entretanto eles não foram achados.

Procurada pelo OPOVO Online, a assessoria do Itaú confirmou o assalto. O valor levado da agência não foi divulgado.

Arrombamento de caixa eletrônico

Ainda na manhã desta terça-feira, quatro homens arrombaram um caixa eletrônico localizado na Associação Cearense dos Auditores Fiscais da Previdência Social na rua Idelfonso Albano, em Fortaleza.
De acordo com a Polícia, eles renderam a única funcionária que estava no local e usaram um maçarico para abrir o equipamento. Ninguém foi preso.”

(POVO Online)

Caixa amplia para 35 anos prazo dos financiamentos habitacionais

Os mutuários que pegarem financiamentos habitacionais da Caixa Econômica Federal a partir da semana que vem terão mais cinco anos para quitarem os empréstimos. O banco ampliou o prazo do crédito habitacional de 30 anos para 35.

Os empréstimos serão feitos com recursos do Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE), que opera com o dinheiro da caderneta de poupança. A instituição também reduziu as taxas de juros para essas modalidades.

Para imóveis financiados pelo Sistema Financeiro da Habitação (SFH), as taxas caíram de 9% para 8,85% ao ano. Para os imóveis fora do SFH, os juros caíram de 10% para 9,9% ao ano. Os financiamentos do SBPE beneficiam apenas os mutuários que ganham mais de R$ 5,4 mil por mês.

O banco também ampliou o prazo dos financiamentos para a construção de casas e apartamentos com recursos da poupança. A partir da próxima semana, as construtoras e incorporadoras terão 36 meses para pagarem os empréstimos. Atualmente, o prazo corresponde a 24 meses. Os juros dessas linhas também foram reduzidos de 11,5% para 10,3% ao ano.

Para a construção de imóveis comerciais, os juros efetivos caíram de 14% para 13% ao ano. Nas operações de financiamento para a construção e aquisição de imóvel para uso próprio, a empresa pagará taxa de 12,5% ao ano, ante 13,5% cobrados atualmente. Em todos os casos, o mutuário também pagará a Taxa Referencial (TR), juros variáveis cobrados nos fibnanciamentos imobiliários. No entanto, as taxas efetivas podem ficar ainda menores se o mutuário for correntista da Caixa.

As mudanças não valem para financiamentos com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que inclui o Programa Minha Casa, Minha Vida. Para essas modalidades de financiamento, o prazo continua em 30 anos. Segundo o vice-presidente de Governo e Habitação da Caixa, José Urbano Duarte, o aumento do prazo dessas linhas de crédito depende de aprovação do Conselho Curador do FGTS. “A Caixa já pediu autorização ao Conselho Curador para aumentar o prazo”.

De acordo com o vice-presidente, a Caixa estima em R$ 96 bilhões a concessão de financiamentos habitacionais neste ano, ante R$ 80 bilhões do ano passado. Até maio, o banco havia emprestado R$ 36,7 bilhões, ante R$ 25 bilhões nos cinco primeiros meses do ano passado.

(Agência Brasil)

Eunício pede ajuda para 166 cidades cearenses em estado de calamidade pública

O senador Eunício Oliveira (PMDB-CE) pediu ajuda urgente do governo federal para as cidades cearenses que padecem devido à estiagem, uma das maiores dos últimos anos. Ele informou que 166 dos 184 municípios do Ceará estão em estado de calamidade pública em virtude da seca.

O parlamentar clamou por ajuda da presidente Dilma Rousseff e também dos ministros Guido Mantega, da Fazenda, e Fernando Coelho, da Integração Nacional. Para Eunício Oliveira, além de assistências emergenciais, o estado do Ceará necessita também de renegociação de dívidas e abertura de novos créditos para as centenas de agricultores que tiveram suas safras perdidas ou prejudicadas.

De acordo com o senador, sede e fome continuam a atingir milhões de nordestinos. Ele cobrou “agilidade, presteza, solidariedade e respeito” por parte das autoridades públicas.

Eunício pediu imediata ampliação dos serviços de carros-pipa; perfuração de novos poços e restauração dos já existentes; financiamento de projetos de produção de alimentos e regulamentação da Lei 12.599/2012, que renegocia as dívidas agrícolas de pequenos e médios produtores do Nordeste, inclusive dos beneficiários do Pronaf, de crédito fundiário e do programa Hora de Plantar.

(Agência Senado)

CNJ suspende pagamento de precatório bilionário por suspeita de fraude

87 1

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) suspendeu nesta terça-feira (5) o pagamento de precatórios de Rondônia por suspeita de fraude. A dívida seria paga em favor de técnicos e professores de Rondônia filiados ao Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Rondônia (Sintero), que pediram o reenquadramento de carreira e diferenças remuneratórias. O valor do precatório, documento que comprova a dívida de um órgão público com pessoa física ou jurídica, pode chegar a R$ 5 bilhões e é considerado um dos maiores do país.

Segundo a corregedora do CNJ, ministra Eliana Calmon, a suspeita é a de que houve erro nos cálculos da ação e desvio dos valores já pagos. “Tive notícias, pelo Ministério Público do Trabalho, de uma questão milionária que estava com grandes problemas. Problemas de cálculo, de levantamentos milionários de recursos. A partir daí, a corregedoria começou a tomar conhecimento do que estava acontecendo e chegou à conclusão de que se trata do maior precatório do país.”

A corregedora informou que começou a apurar o caso e foi informada que uma servidora do Tribunal Regional do Trabalho foi ameaçada e está sob proteção da Justiça por conta da ação. Além disso, um delegado da Polícia Federal e dois juízes que começaram a apurar o caso tiveram que ser afastados de Rondônia por ameaças. Há suspeitas de que um juiz e um desembargador estejam envolvidos nas fraudes.

De acordo com Eliana Calmon, todas as pessoas que tentaram se aproximar do processo foram ameaçadas. Ela propôs a suspensão do pagamento para que fosse possível verificar os dados do processo. “Precisávamos parar tudo e é isso que nós estamos fazendo, parar o processo. Vamos fazer uma revisão e [podemos] até pedir a anulação da ação porque há muitas irregularidades e, a partir daí, refazer a conta porque os magistrados que tentaram fazer uma revisão foram afastados do processo”, explicou.

Segundo a ministra, R$ 358 milhões já foram pagos e mais R$ 300 milhões estão em depósito judicial.

(Agência Brasil)

Roteiro do Mensalão deve sair nesta 4ª feira

 

Essa é da Coluna Radar, de Lauro Jardim (Veja Online):

Ayres Britto conversou com os ministros do STF e convocou para amanhã a sessão administrativa que vai decidir o roteiro do julgamento do Mensalão.

A Corte deve optar por três sessões semanais, o que, a depender do início do julgamento, seria o necessário para a conclusão do caso antes da aposentadoria de Cezar Peluso.

Vendas no comércio crescem 4,1% em maio

“As vendas nas lojas de todo o país cresceram 4,1% em maio, segundo balanço divulgado hoje (5) pela empresa de consultoria Serasa Experian. De acordo com o levantamento, esse é o melhor resultado desde agosto de 2007. Na comparação com maio de 2011, houve crescimento de 9,8% no movimento do varejo. No acumulado do ano, a atividade varejista cresceu 7,1% em relação ao mesmo período do ano passado.

Segundo os economistas da Serasa, a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) sobre automóveis e a volta dos feirões impulsionaram o movimento dos consumidores no segmento de veículos, motos e peças, que registrou crescimento de 4,9% em maio, a maior alta mensal para o segmento desde agosto de 2011. Para os economistas, o Dia das Mães também contribuiu para promover um bom desempenho da atividade varejista no mês passado, especialmente no segmento de móveis, eletroeletrônicos e informática, que registrou crescimento de 3,2%.

Outros setores também registraram crescimento com destaque para o de material de construção, com 3,1%. Apresentaram evoluções mais modestas os segmentos de supermercados, hipermercados, alimentos e bebidas (0,8%); combustíveis e lubrificantes (0,3%) e tecidos, vestuário, calçados e acessórios (0,2%).”

(Agência Brasil)

Em Sobral, PT terá vice do PSB

157 4

Quem vai na carona de quem?

O ex-deputado estadual Oman Carneiro, que preside o PRB em Sobral e é o vice-presidente estadual, fechou apoio à reeleição do prefeito de Sobral, Clodoveu Arruda (PT). Oman chegou a ensaiar disputar contra “Vevéu”, mas foi orientado a sair do páreo em favor a manutenção de uma aliança que vem dando certo nesse município da Zona Norte do Estado.

Já o prefeito Clodoveu vem consturando alianças. Conseguiu o apoio de 14 partidos e articula para ocupar a posição de vice em sua chapa um membro do PSB, partido comandado no estado pelo governador Cid Gomes que, em Fortaleza, ainda não acertou renovação de aliança com a prefeita Luizianne Lins, a dirigente estadual petista.

Prefeitura vai entregar cheques para famílias carentes do Conjunto São Cristóvão

107 1

Essa informação é do site da Prefeitura de Fortaleza:

A partir das 15 horas desta quarta-feira (06), mais 70 famílias serão beneficiadas com os cheques do programa Melhorias Habitacionais Casa Bela. Os cheques, cada um no valor de R$ 900,00, serão destinados à construção de cômodos, troca de piso, coberta, instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias. A ação é em atendimento a mais uma demanda do Orçamento Participativo (OP). A entrega dos benefícios acontecerá na Associação dos Moradores do São Cristóvão ( Avenida do Contorno Norte, 290).

Desta vez, os beneficiados são vinculados à Associação dos Moradores do Parque Santana (18 famílias), à Associação dos Moradores do Lagamar (22), à União dos Moradores do Bom Jardim (08) e à Associação dos Moradores do São Cristóvão (22). De 2005 pra cá, já foram beneficiadas 2.936 famílias, cerca de 11 mil pessoas.

O programa é realizado pela Fundação de Desenvolvimento Habitacional de Fortaleza (Habitafor) e Secretaria de Planejamento e Orçamento do Município (Sepla), com recursos do Fundo Municipal de Desenvolvimento Socioeconômico. Cada beneficiário faz, no momento do contrato, um depósito de R$100,00. Após receber o cheque, ele devolverá R$450,00 em até 18 parcelas de R$25,00. Do total recebido, R$350,00 são subsídios concedidos pelo município.

Presidente do Grupo de Comunicação O POVO receberá Troféu Clóvis Rolim

 

Luciana Dummar e o filhão André Felipe

A presidente do Grupo de Comunicação O POVO, Luciana Dummar, é a homenageada deste ano com o troféu Clóvis Rolim. A comenda, concedida pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Ceará (FCDL), será entregue durante solenidade marcada para o dai 16 de julho, no Thatro José de Alencar. A data coincide com o Dia do Comerciante.

Esta é a 28ª edição da entrega do troféu. A escolha é feita pela diretoria da Federação. O principal critério é que a personalidade desenvolva trabalhos com foco no desenvolvimento do Estado com projetos de cunho social e cultural, tanto na área privada como na pública. A família Clóvis Rolim é consultada sobre a indicação.

Médicos federais ameaçam greve geral

Médicos que trabalham em hospitais e instituições federais podem entrar em greve. A categoria está sob ameaça de corte de 40% do salário, segundo informa o presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, José Maria Pontes.

A ameaça, segundo José Maria Pontes, vem atavés da Medida Provisória que será tema de discussões em audiência pública que ocorrerá nesta terça-feira, na Cãmara dos Deputados. Os médicos federais não descartam uma greve geral.

Vem pra Caixa o advogado também!!

Sucesso absoluto, segundo avaliação dos organizadores, foi o XVIII Congresso Nacional de Advogados da Caixa Econômica Federal. O evento, realizado no fim de semana, no Gran Marquise Hotel, contou com a participação do presidente da CEF, Jorge Hereda.

Ente os assuntos em debate, a situação do Poder Judiciário e a importância do Conselho Nacional de Justiça nas discussões relacionadas à sociedade e aos advogados.

O conselheiro Jorge Hélio, do CNJ, abordou no evento, dos mais concorridos, o tema  “O Papel do CNJ no Cenário Jurídico Brasileiro e a Participação da Advocacia”. A VC Eventos coordenou a organização.

Tiririca apoia José Serra para prefeito de São Paulo

144 3

José Serra, o pré-candidato do PSDB à prefeitura de São Paulo, acaba de ganhar o apoio do Partido da República. A aliança traz ao tucano um minuto e trinta e cinco segundos a mais na propaganda eleitoral no rádio e televisão e pelo menos um forte puxador de votos: o deputado federal Tiririca, aquele do ‘pior que tá não fica’ – campeão das urnas na última eleição.

Para conviver com seu mais novo cabo eleitoral, porém, o sempre sério José Serra terá de treinar um pouco de jogo de cintura. Afinal, Tiririca é um palhaço de profissão e, portanto, dado a fazer piadinhas. Hoje, perguntado sobre o que havia achado do seu novo candidato a prefeito, Tiririca saiu-se com uma delas: “Ainda bem que não é concurso de beleza. Se fosse, ele estava perdido, né?”

(Com Veja Online)

Presidente do Sine/IDT já está como pré-candidato a presidente estadual do PT

147 6

Mestre de cerimônias do encontro petista do último domingo, no Hotel Praia Centro, o presidente do Sine/IDT, Francisco de Assis Diniz, avisa: disputará a presidência estadual do PT em 2013.

Hoje quem preside a sigla é a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, que vai ficar sem mandato a partir de 2013.

Como não disputará mandato, Diniz não deverá entregar o cargo ao governzador Cid Gomes, que é também o presidente regional do PSB.

Um brado por debate sobre problemas de Fortaleza

136 2

O editorial do O POVO desta terça-feira, com o título “O eleitor deveria ficar acima das picuinhas partidárias”, volta a bater na tecla da necessidade de um debate sério, durante o período de campanha, sobre os problemas de Fortaleza. Reprova cenas lamentáveis envolvendo Prefeitura e Governo do Estado de desavenças administrativas. Confira:

A disputa política como instrumento de discussão dos problemas de uma comunidade trata-se de importante meio que o regime democrático oferece para que a cidadania seja exercida em sua plenitude. É através do confronto de ideias e do debate em torno de posições antagônicas que os consensos se formam e se fortalecem em prol do atendimento dos anseios da maioria. Por isso mesmo, as tensões inerentes ao entorno desses debates são perfeitamente factíveis na medida em que cada uma das visões de mundo colocadas em xeque, possam ser dissecadas ao extremo, procurando se tirar o melhor caminho em benefício da maioria.

Não há, portanto, como se questionar a legitimidade das disputas internas dos partidos, desde que tenham como pano de fundo o melhor para a sociedade. O risco é quando esse caminho se desvirtua deixando em segundo plano as discussões sobre as demandas da população. Infelizmente, os recentes fatos acontecidos em Fortaleza no que diz respeito à manutenção da aliança PT e PSB não têm oferecido ao eleitor, o maior interessado, opções sobre como se enfrentar os problemas que a Capital vem apresentando.

O que se tem visto nos últimos dias é um bate-boca muitas vezes infantil que não avança em torno de propostas concretas em relação à Cidade, mas apenas com o interesse de manter uma aliança que garanta a possibilidade dos dois grupos políticos no estado chegarem fortes à eleição. Esquecem os caciques das duas agremiações que o eleitor é que deveria ser o principal interessado nessa discussão, mas, por enquanto, este passa ao largo.

O pior de tudo é que se sabe que nem mesmo a aliança política é capaz de produzir efeitos benéficos à Cidade. Não é de hoje que Prefeitura e
Governo do Estado têm protagonizado cenas lamentáveis de desavenças administrativas. O eleitor, com certeza, não está interessado nesse tipo de discussão e a sociedade, como um todo, anseia que o debate seja focado na cidade. É o mínimo que se pede.