Blog do Eliomar

Últimos posts

Chuva de gols – Goiás marca cinco vezes no segundo tempo e segue na cola do Fortaleza

Após deixar o primeiro tempo na desvantagem por 2 a 0, o Goiás reagiu na segunda etapa e venceu o Juventude, por 5 a 3, na noite dessa sexta-feira (12), no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, e segue na cola do Fortaleza pelo título da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Goiás chegou a 53 pontos em 31 rodadas, três pontos a menos que o Fortaleza, que na tarde deste sábado (13), em Barueri, enfrenta a equipe do Oeste. O Goiás volta a campo na sexta-feira (19), em Maceió, contra o CRB.

Goiás e Fortaleza se isolam na disputa pelo título, após favorecidos pelas surpreendentes derrotas de CSA (1 a 2 Ponte Preta) e Atlético Goianiense (1 a 2 Sampaio Corrêa), na noite dessa sexta-feira, apesar de jogarem em seus estádios.

(Foto: Reprodução)

O próximo presidente não terá vida fácil

Confira o Editorial do O POVO deste sábado, com o título “Difícil começo”.

O presidente que será eleito no dia 28 de outubro, independentemente do nome que sairá das urnas, não terá vida fácil. O novo mandatário terá de administrar o País sob o mesmo sistema de governo em vigor – o chamado presidencialismo de coalizão – com um Congresso ainda mais fragmentado.

Esse sistema – que exige negociações, nem sempre republicanas, com partidos e bancadas de corporações – já mostrou o seu potencial de produzir crises em série. E, por enquanto, nada indica que será diferente, tendo em vista o resultado das eleições parlamentares, que fizeram aumentar o número de partidos na Câmara Federal e no Senado.

A nova legislatura terá 30 partidos contra as 25 siglas representadas atualmente na Câmara. Para se ter uma ideia da fragmentação, a maior bancada disporá de pouco mais de 10% dos votos da Casa. No Senado também houve crescimento na quantidade de partidos, que passaram de 16 para 21. Todas as grandes legendas encolheram, no entanto, os que mais perderam foram o MDB e o PSDB. Em direção contrária seguiu o PSL, que passou de oito para 52 deputados.

Nas eleições de 2018, começou a vigorar a cláusula de barreira, lei criada com o objetivo de reduzir a pulverização partidária, estabelecendo o fim das coligações para as eleições proporcionais a partir de 2020. Para restringir o acesso dos partidos a recursos do Fundo Partidário e ao tempo de rádio e TV, a proposta estabelece medidas com exigências gradativas até 2030.

Portanto, como se disse no início, o novo governo vai funcionar com as antigas regras. Acresça-se a isso que o presidente a ser eleito – qualquer que seja o nome preferido dos eleitores – vai encontrar um País dilacerado pelos graves conflitos ocorridos durante a campanha, que opôs de forma praticamente inconciliável os dois grupos de apoiadores.

O eleito terá de lidar com um País em que, pouco menos da metade dos eleitores, terá revelado nas urnas preferência pelo outro candidato. Ao mesmo tempo, se quiser obter algum sucesso na administração, o presidente que assumir terá de tomar medidas tão urgentes quanto impopulares, algumas delas só possíveis com emendas constitucionais, que exigem três quintos dos votos nas duas Casas Legislativas.

Assim, nada indica que o novo mandatário conseguirá, pelo menos no curto prazo, apaziguar os ânimos. Será preciso muita habilidade para pacificar o País, para que as questões econômicas e sociais passem a ser o centro dos debates, de modo a submeter os conflitos políticos e ideológicos aos interesses do País, pois é isso o que importa a todos os brasileiros.

(Editorial do O POVO)

Eleitor pode emitir certidão de quitação eleitoral a partir da segunda-feira

A partir da segunda-feira (15), os eleitores poderão emitir pela internet, no site do Tribunal Superior Eleitoral, a certidão de quitação eleitoral. A certidão é um documento importante que comprova que o eleitor está em dia com a Justiça Eleitoral, e é exigido na hora de tirar o passaporte ou para assumir cargos públicos.

Também nos casos em que o eleitor perdeu o comprovante de votação, a certidão pode substituir o comprovante, já que ela é uma prova que o eleitor não possui débitos com o TSE.

A certidão pode ser obtida pessoalmente em qualquer cartório eleitoral, para isso basta levar o canhoto entregue no dia da votação do primeiro turno. Também pode ser emitida pelo site do TSE ou pelo Tribunal Regional da sua federação.

Se o eleitor preferir, ele também pode baixar o aplicativo E-titulo no celular ou no tablet e emitir o documento.

A certidão de quitação eleitoral é um documento gratuito.

(Agência Brasil)

Projeto Biblioteca Digital de Cedro é aprovado em primeiro lugar no Brasil

419 1

Prefeito Nilson Diniz comemora.

O Ministério da Cultura divulgou o resultado final do edital de Bibliotecas Digitais 2018. Consta da página 15, do Diário Oficial da União (DOU). O município de Cedro ficou em 1º lugar na classificação geral. Dezenove bibliotecas públicas participantes do certame receberão R$ 100 mil cada para aplicar em projetos de uso de seus espaços de tecnologias de informação e comunicação no país. Ao todo, 86 inscrições.

O equipamento, instalado na Biblioteca Municipal Cândido Acrísio da Costa receberá rodas de leituras de livros digitais. Vinte turmas serão formadas para atender as comunidades leitoras das zonas rural e urbana, contando com agentes multiplicadores que garantirão a sustentabilidade do projeto e a sua cadeia de ações. O projeto terá ainda um “ônibus-biblioteca”, que circulará pelos bairros da cidade, preferencialmente nas localidades onde se registrem maiores carências de acervos.

Atividades envolvidas

Em parceria com o IFCE Campus Cedro e a Secretaria de Educação do Município, os programas envolverão leitura, práticas lúdico-pedagógicas e pesquisas eletrônicas. Uma parceria com a Escola Estadual de Educação Profissional Francisca de Albuquerque Moura vai garantir a concessão de alunos do curso de Redes de Computação para a ministração de oficinas na Biblioteca Digital. Outra parceria de interesse: em algumas entidades religiosas ocorrerão palestras de caráter ecumênico.

SERVIÇO

*Confira a publicação do Diário Oficial da União e os projetos selecionados: https://bit.ly/2ytXVne

Bolsonaro promete reforma administrativa e corte de gastos

242 1

O candidato do PSL à presidência da República, Jair Bolsonaro, disse hoje (12), nas redes sociais, que, caso eleito, pretende fazer uma reforma administrativa para com a reduzir a remanejar “gastos desnecessários”, além de destinar recursos para as áreas essenciais e combater fraudes.

Segundo ele, o corte de gastos passará pela diminuição de estatais e ministério. E irá priorizar nomes técnicos e capacitados para chefiar as pastas, “sem pressões de viés sindicalista”.

“Muito além de fazer, vamos desfazer o sistema falido e corrupto que o PT construiu”, disse.

Bolsonaro afirmou que vai combater as fraudes em programas sociais para garantir maior renda “aos mais necessitados”. “Descentralizando recursos, estados e municípios terão maior autonomia financeira para atender as peculiaridades de cada região do país”.

Em outro post na internet, o candidato disse que “vamos combater o crime organizado e trabalhar para impedir que presos continuem controlando seus empregados de dentro dos presídios”.

Na noite de ontem (11), o candidato confirmou, também redes sociais, a criação de um superministério, que irá fundir Agricultura e Meio Ambiente.

Depois de encontro com empresários e políticos ligados ao agronegócio, Bolsonaro disse que o compromisso foi consolidado. “Tem que ser uma pessoa competente, com autoridade e que tenha iniciativa”, disse o candidato.

Antes, ele já tinha confirmado os nomes de outros integrantes de um eventual ministério. Bolsonaro admitiu também a possibilidade de não participar de debates no segundo turno por questões de estratégia, mesmo que seja liberado pelos médicos na próxima avaliação, no dia 18, para fazer campanha nas ruas e participar de debates na TV.

(Agência Brasil)

Ação social vai oferecer perucas para mulheres em tratamento do câncer

O Shopping RioMar Kennedy entra na onda solidária do Outubro Rosa.

Em parceria com o NS Salão, o shopping RioMar Kennedy distribui na segunda-feira (15), 60 senhas para corte de cabelo gratuito.

A iniciativa visa recolher cabelos – tamanho mínimo de 10 centímetros – para confeccionar perucas que serão doadas para mulheres em tratamento do câncer do mama.

Deputados podem votar auxilio às santas casas na terça-feira

Na próxima semana, os deputados podem votar a medida provisória que prevê uma linha de financiamento para as santas casas com recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). Para ser votada, a Mesa precisa ler o ofício de encaminhamento da proposta para a Câmara. Há sessões marcadas para terça-feira (17).

A MP 848/18 cria essa linha de crédito para socorrer as santas casas e os hospitais filantrópicos que atendem pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Segundo o texto, 5% do programa anual de aplicações do fundo serão destinados a essa linha (cerca de R$ 4 bilhões em 2018). Os operadores serão Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal e o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

Uma das mudanças no projeto de lei de conversão da MP, de autoria do senador Lasier Martins (PSD-RS), determina que a Santa Casa interessada deverá ofertar um mínimo de 60% de seus serviços ao SUS, como é atualmente exigido para ser considerada filantrópica. Terá ainda de comprovar, anualmente, a prestação desses serviços com base no número de internações e atendimentos ambulatoriais realizados.

(Agência Câmara Notícias)

Evaristo Nogueira – Oeste x Fortaleza

Neste sábado, o Fortaleza pega pela frente, na Arena Barueri, em São Paulo, o indigesto Oeste. É assim como o narrador esportivo e comentarista Evaristo Nogueira, exclusivo do programa Trem Bala, do Alan Neto, na TV Ceará e na AM 1010, define esse clube.

O Fortaleza está a duas vitórias para garantir vaga na Série A , do Brasileirão 2019.

Ministro do TSE manda retirar do ar informações falsas sobre Haddad

626 5

Em duas decisões, o ministro Carlos Horbach, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou que seja retirada da internet postagens com conteúdos falsos sobre o candidato do PT à Presidência, Fernando Haddad.

Em uma das representações, a coligação O Povo Feliz de Novo, de Haddad, solicitou a retirada de 222 conteúdos do ar, espalhados por redes sociais como Twitter e Facebook, alegando que tais publicações seriam inverídicas, difamatórias e injuriantes.

Horbach concedeu a retirada de apenas uma postagem, que para o ministro é manifestamente falsa e potencialmente lesiva à honra de Haddad. Na publicação, o candidato do PT é associado a uma suposta estratégia de disseminação de notícias inverídicas sobre o adversário Jair Bolsonaro (PSL).

Em relação às demais postagens, Horbach considerou que estariam aptas a continuar no ar por serem uma expressão da opinião do eleitor, reproduções de matérias jornalísticas ou críticas à urna eletrônica.

“Tais conteúdos, por óbvio, não se enquadram entre aqueles cuja remoção é autorizada pela legislação eleitoral, o que faria com que a eventual concessão da liminar pleiteada consubstanciasse inconstitucional ato de censura”, escreveu o ministro.

Em outra decisão anterior, ele determinou a retirada do ar de conteúdo disseminado nas redes sociais pelo vereador Carlos Bolsonaro (PSL-RJ), filho de Jair Bolsonaro. Nas postagens, feitas no Facebook e no Twitter, o vereador diz que logo depois de uma visita ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na carceragem da Polícia Federal (PF) em Curitiba, Haddad disse ter convidado Lula a subir a rampa do Palácio do Planalto junto com ele para a cerimônia de posse, caso vencesse a eleição. A publicação, no entanto, veicula um vídeo antigo, como se fosse recente, de Haddad fazendo a declaração.

“Ainda que o vídeo seja verdadeiro e contenha declarações reais de Fernando Haddad, sua utilização é descontextualizada, de modo a transmitir ao eleitor informação equivocada, induzindo-o a percepções potencialmente lesivas aos representantes”, escreveu o ministro Carlos Horbach, do TSE.

(Agência Brasil)

Projeto São José recebe visita técnica do Banco Mundial

Deputado estadual reeleito, Moisés Braz, De Assis e Camilo Santana.

Equipes do Banco Mundial farão visita técnica com o secretário De Assis Diniz, do Desenvolvimento Agrário, a partir da segunda-feira, em oito municípios do interior cearense: Salitre e Araripe (15/10), Mauriti e Penaforte (16/10), Barbalha, Juazeiro e Crato (17/10) e Banabuiú (18/10). O objetivo é conferir de perto os resultados obtidos pelo Projeto São Jos´´e, bancado por essa instituição internacional.

Na sexta-feira (19), o Banco Mundial fará uma Consulta Pública com beneficiários do Projeto São José IV, em Fortaleza.

O objetivo da missão é também apresentar experiências de destaque da Secretaria do Desenvolvimento Agrário (SDA) e preparar o terreno para realização da quarta etapa do Projeto São José. Na semana seguinte, entre 22 e 29 de outubro, o Governo do Ceará vai fazer um workshop, também em Fortaleza, para preparação dos documentos do Projeto São José IV.

(Foto – Divulgação)

Atriz Regina Duarte vota em Jair Bolsonaro

A atriz Regina Duarte visitou o presidenciável Jair Bolsonaro ( PSL) no Rio de Janeiro, mostrou uma foto publicada pelo candidato em seu perfil no Twitter no início da tarde desta sexta-feira, 12.

Ela já vinha demonstrando apoio ao capitão reformado do Exército nas redes sociais, mas esta é a primeira vez que os dois aparecem publicamente juntos.

Em postagens recentes, Regina Duarte vem criticando o Partido dos Trabalhadores (PT) e seu candidato à Presidência, Fernando Haddad.

(Com Agência Estado/Foto – Instagram)

Morre vice-presidente do Clube Náutico Atlético Cearense

821 1

Urubatan Romero, um dos amigos de José Milton Pimentel

Vítima de infarto, morreu nesta sexta-feira, o vice-presidente administrativo-financeiro do Clube Náutico Atlético Cearense, José Milton Pimentel Filho (70). Deixa viúva e três filhos.

O velório acontece a partir das 19 horas, na Ethernus, no bairro Dionísio Torres. O enterro ainda não foi divulgado.

Através do seu presidente, Jardson Cruz, o Náutico decretou três dias de luto.

(Foto – Tapis Rouge)

Que tal conferir uma exposição de quadros e esculturas feitos à base de material reciclado?

Uma exposição com quadros e esculturas todos feitos com material reciclado entrou em cartaz no Espaço Cultural do North Shopping (3º piso), no bairro São Gerardo

O nome é “Recriação” e os trabalhos foram feitos por 15 alunos do projeto “Arte Sustentável”, da Escola Estadual Dom Hélder Câmara, sob a coordenação dos professores André Cardoso e Ana Carla.

A exposição vai até 31 deste mês de outubro e, segundo o professor André, é uma experiência iniciada neste ano, gerando a chamada arte de baixo custo. Nela, por exemplo, há um ganso feito a partir do reaproveitamento das provas dos alunos.

(Fotos – Divulgação)

Hackers roubaram dados de 29 milhões de usuários do Facebook

O Facebook informou hoje (12) que 29 milhões de usuários da rede social foram afetados por uma invasão de hackers identificada no último dia 25 de setembro, que resultou no acesso a dados e informações desses perfis. A vulnerabilidade explorada pelos invasores já está corrigida. Não há informação sobre a nacionalidade das pessoas afetadas.

De acordo com a empresa, do total de pessoas atingidas pela invasão, 15 milhões tiveram nome e detalhes de contato revelados, incluindo número de telefone, e-mail ou ambos, dependendo das informações disponíveis em cada conta.

No caso de outras 14 milhões de pessoas, os invasores acessaram os mesmos dois conjuntos de dados de contato, bem como outros detalhes em seus perfis, nome de usuário, gênero, local/idioma, status de relacionamento, religião, cidade natal, cidade atual reportada, data de nascimento, tipos de aparelhos usados para acessar o Facebook, educação, trabalho, 10 últimos check-ins ou locais em que a pessoa foi marcada, website, pessoas ou páginas que a pessoa segue e as 15 pesquisas mais recentes.

Para acessar os dados, os hackers exploraram uma vulnerabilidade de código do Facebook que existiu entre julho de 2017 e setembro de 2018. A vulnerabilidade foi resultado de uma complexa interação de três diferentes falhas de software e impactou a funcionalidade “Ver Como“, que permite às pessoas verem como seus perfis aparecem para outras pessoas. Isso permitiu que os invasores roubassem tokens de acesso ao Facebook, que foram usados para que eles pudessem ter acesso às contas das pessoas. Tokens de acesso são como chaves digitais que mantêm as pessoas logadas no Facebook para que não precisem digitar novamente sua senha toda vez que acessam o aplicativo.

Ao todo, segundo a rede social, cerca de 30 milhões de pessoas tiveram os tokens roubados, mas um milhão delas não tiveram os dados roubados pelos hackers, por isso a invasão de dados propriamente atingiu 29 milhões de usuários.

“As pessoas podem checar se foram afetadas visitando nossa Central de Ajuda. Nos próximos dias, enviaremos mensagens customizadas a cada uma das 30 milhões de pessoas afetadas para explicar quais informações os invasores podem ter acessado, bem como medidas que elas podem tomar para ajudar a se proteger, incluindo de emails maliciosos, mensagens de texto ou chamadas telefônicas”, informou Guy Rosen, vice-presidente de Gerenciamento de Produto do Facebook, por meio de nota.

Ainda de acordo com a empresa, o ataque não atingiu outros produtos administrados pelo grupo, como Messenger, Messenger Kids, Instagram, Oculos, Workplace, Páginas, pagamentos, aplicativos de terceiros ou contas de desenvolvedores ou anunciantes. “Enquanto investigamos outras formas pelas quais as pessoas que estão por trás deste ataque usaram o Facebook, bem como a possibilidade de ataques em menor escala, continuaremos a cooperar com o FBI [a Polícia Federal dos EUA], a Comissão Federal de Comércio dos Estados Unidos, a Comissão de Proteção de Dados da Irlanda e outras autoridades”, acrescentou Rosen.

(Agência Brasil)

Eudoro Santana, ex-preso político e pai do governador do Ceará, lança alerta contra Jair Bolsonaro

864 2

Eudor Santana, ex-parlamentar, ex-diretor-geral do Dnocs e ex-preso político, gravou vídeo em suas redes sociais pedindo votos para o candidato a presidente da República pelo PT, Fernando Haddad. Ele faz questão de deixar claro que não é petista, nem tem mais filiação partidária.

Pai do governador Camilo Santana (PT), Eudoro diz que Jair Bolsonaro, postulante a presidente pelo PSL, é um homem perigoso e que significa uma ameaça à democracia.

Fortaleza terá ato em defesa do jumento

A União Internacional Protetora dos Animais (Uipa), regional do Ceará, vai se engajar a um ato nacional contra o abate de jumentos, o que vem ocorrendo no Nordeste, segundo Geusa Leitão, da entidade.

Será neste domingo, a partir das 15 horas, na Praça dos Estressados (Beira Mar).

Geusa Leitão não adiantou números dessa matança, mas disse ser preciso chamar a atenção da população para esse caso grave.

(Foto – Arquivo)

O Coronelismo espiritual

Com o título “Coronelismo espiritual”, eis artigo do padre Ermano Allegri, coordenador do Movimento Fé e Política. Ele analisa o cenário da disputa presidencial do momento. Confira:

Falo dos votos de cabresto de católicos, protestantes, evangélicos e espiritualistas que votam cega e ingenuamente em candidatos e partidos de direita sob a orientação de pastores, bispos, padres, conselheiros espirituais que não acordam diante da tragédia que estamos vivendo. Há cristãos que usam a Bíblia para assaltar a população e pregam um deus pagão a serviço de interesses de “devotos” e de projetos de dominação social. A serviço deles, foi criada a teologia da prosperidade que legitima as práticas do liberalismo: é a base da “indústria da fé”.

Na votação do impeachment contra Dilma Rousseff, cerca de 100 deputados derrubaram a presidente eleita – “em nome de Deus”. Nunca vi o nome de Deus tão blasfemado. Esses mesmos políticos cortaram Bolsas Família, direitos trabalhistas, milhões de empregos, verba da saúde e da educação. Milhões de famílias estão na miséria e eles continuam pedindo votos em nome de Deus.

A responsabilidade está nas igrejas: pregam uma fé individualista, fora das tragédias da humanidade. E o compromisso com a Paz, a Justiça, o Reino de Deus? Foi a primeira e grande preocupação de Jesus Cristo. O desespero da população, o moralismo, a obtusidade das elites, prepararam o terreno para um “salvador” armado de um populismo barato com seu lema “Deus acima de todos”. Ele promete varrer os males com mão forte.

O caminho da violência incentivado pela mídia pega fácil nas almas sofridas. Mulheres “pecadoras”‘, samaritanos e pagãos, leprosos e doentes do tempo de Jesus são, hoje, índios, pobres, gays, negros. Do desprezo ao ódio o passo é curto. Para chegar à paz social, esse “salvador” defende a tortura, a pena de morte e as armas nas mãos da população. Todo dia, assistimos à escalada da violência deste grupo contra adversários políticos e setores excluídos. Isso deve abrir os olhos dos cristãos-voto-de-cabresto. Ou vão votar ainda nos lobos disfarçados de ovelhas?

Com seus limites, a candidatura concorrente pode ser o espaço para derrubar o projeto fascista e unir todos que querem democracia e esperança. Amplos setores das igrejas defendem esse projeto. Hoje, não há outra escolha: democracia ou barbárie. Diz São Paulo: “Foi para a liberdade que Cristo nos libertou. Portanto, permaneçam firmes e não se deixem submeter novamente a um jugo de escravidão” (Gálatas 5,1).

*Padre Ermanno Allegri

ermanno2009@gmail.com

Coajudor na paróquia de São João Paulo II, articulador do Movimento Fé e Política.

Brasil vence amistoso sem apresentar “futebol das Arábias”

Com gols nos minutos finais em cada tempo de partida, o Brasil derrotou a Arábia Saudita, na tarde desta sexta-feira (12), no estádio King Saud, em Riade, por 2 a 0, gols de Gabriel Jesus e Alex Sandro, em amistoso preparatório para a Copa América do próximo ano.

Apesar da vitória, o Brasil não apresentou um futebol que empolgasse, mas serviu para o treinador Tite avaliar o desempenho dos atletas Fabinho, Alex Sandro, Marquinhos, Pablo, Richarlison, Arthur e Lucas Moura.

Discreta também foi a atuação de Neymar, que apenas apareceu na partida no passe para o gol de Gabriel Jesus. Mais uma vez, o atacante simulou pênalti, mas árbitro holandês Danny Makkelie anulou a marcação, após uso do árbitro de vídeo.

O Brasil volta a campo na terça-feira, às 15 horas, diante da Argentina.

(Foto: Reprodução)