Blog do Eliomar

Últimos posts

Enem 2018 – Ceará é o 5º estado do pais em inscrições

Com o título “Inscrições no Enem”, confira o Editorial do O POVO desta sexta-feira:

O Ceará é o 5º estado do País em número de inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) deste ano. A notícia contribui para reforçar a imagem que os cearenses vêm gozando na área da Educação e o desafio que têm pela frente para avançar ainda mais.

O número dos estudantes inscritos para o Enem na rede pública em todo o Ceará (107.188) é o mais alto já obtido nos últimos 20 anos, desde que a prova foi criada, em 1998. No ano passado, já eram 101.797 os que fizeram o teste, e o número de aprovações também foi recorde (16.897), conforme os dados apresentados pela Secretaria da Educação do Ceará (Seduc). Contudo, ainda são modestos (16,5%) e é preciso fazê-los avançar.

Uma das estratégias para robustecê-los é o programa Enem Chego Junto, Chego Bem, que tem tido a parceria da Fundação Demócrito Rocha, responsável pelo projeto Enem Mix 2018, que foca nos 115 mil alunos matriculados no 3º ano e na EJA (Educação de Jovens e Adultos) da rede estadual de ensino. Seu objetivo traduz-se no oferecimento de conteúdos direcionados e ações transversais, como forma de estimular o aluno, oferecer-lhe segurança e contribuir para o maior ingresso dos inscritos nas instituições de ensino superior.

Faz parte dessa programação a realização de 80 aulões motivacionais e de Redação para alunos de 60 municípios cearenses, contemplando cerca de 50 mil estudantes. Não basta passar o conteúdo, mas envolver o aluno numa ambientação propícia à aprendizagem. Contudo, para se alcançar esse objetivo é preciso que os próprios educadores contem com um suporte real, tanto em termos de trabalho (simulados preparatórios para o Exame), como em disponibilidade de material estruturado, pois só assim será possível motivar os alunos a estudarem. A ênfase na Redação faz parte dessa estratégia pois sua nota é fundamental para o sucesso no Exame.

O Enem é essencial para quem pretende acessar o ensino superior em instituições públicas através do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Serve também para quem tem interesse em ganhar bolsa integral ou parcial em universidade particular através do ProUni (Programa Universidade para Todos) ou para obtenção de financiamento através do Fies (Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior). Motivar os jovens a ingressarem com mais qualificação na sociedade do conhecimento deve vir acompanhado do aperfeiçoamento dos instrumentos que validem essa aferição. A preparação para uma boa aprovação no Enem é um dos serviços relevantes que pode oferecer o poder público. É bom ver o Ceará esforçar-se para isso.

Bolsonaro diz que quer uma chapa puro-sangue

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) negou que tenha convidado a ex-corregedora nacional do CNJ, Eliana Calmon (Rede) para ser sua vice. A informação é da Veja Online.

Bolsonaro afirma que, além dele e do vice-presidente do PSL, Gustavo Bebiano, ninguém tem autorização para conversar sobre isso.

O político completa que houve uma conversa com ela apenas para falar sobre a conjuntura. Ele mantém a ideia de ter o senador Magno Malta (PR) como vice na sua chapa.

Mas, se o deputado não puder, aposta numa chapa puro-sangue.

Posto que não baixar preço do diesel pode ser multado e interditado

O governo firmará um acordo com a Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e Lubrificantes (Fecombustíveis) para garantir o repasse do desconto de R$ 0,46 no litro do óleo diesel ao consumidor.

Em um Termo de Cooperação Técnica, governo – por meio da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) –, federação e distribuidoras se comprometem a fazer o desconto chegar na bomba de combustível.

O acordo será assinado nesta sexta-feira (1º), às 11h, no Ministério de Minas e Energia.

Padilha destacou as punições possíveis àqueles que não repassarem o desconto: multas de até R$ 9,4 milhões, suspensão temporária das atividades, interdição dos estabelecimentos e até mesmo cassação da licença.

A fiscalização será realizada pelos Procons estaduais. Caso um consumidor, ao abastecer com diesel, verificar a não aplicação do desconto, poderá fazer a denúncia ao Procon.

Padilha informou ainda que um número de telefone será usado como canal de comunicação para essas denúncias.

(Agência Brasil)

CUT do Ceará define neste mês nomes que apoiará nas Eleições 2018

236 1

Em nota enviada para este Blog, a Central Única dos Trabalhadores, no Ceará, informa que definirá, neste mês, candidaturas alinhadas à luta e ao interesse dos trabalhadores para apoiar nas próximas eleições. Confira:

NOTA CUT-CE

O compromisso da CUT nas eleições de 2018 é apoiar as candidaturas que são historicamente alinhadas à luta e o interesse dos trabalhadores. Uma entidade com a pluralidade e a amplitude da CUT precisa contar não apenas com um parlamentar, mas com uma bancada voltada para a defesa das nossas bandeiras, como a preservação das conquistas históricas dos trabalhadores, as quais vêm sofrendo duros ataques por parte do governo golpista de Michel Temer e do PSDB.

A CUT reitera que todas as definições de apoio são realizadas por meio da Plataforma Eleitoral da Classe Trabalhadora. Documento este que será lançado neste mês de junho, e que norteará o debate com os candidatos no Estado do Ceará.

(Foto – Divulgação)

Para viabilizar redução do diesel, governo tira R$ 1,2 bi de programas

O Diário Oficial da União (DOU), na edição extra desta quinta-feira (31), traz medida provisória que estabelece o cancelamento de dotações orçamentárias em diversas áreas, como programas de fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS), concessão de bolsas, aquisição de áreas para a reforma agrária e policiamento de rodovias, entre outras.

No total, foram extintas despesas que somam R$ 1,2 bilhão. A meta é viabilizar recursos para o programa de subsídio do óleo diesel, que manterá preços fixos do combustível até o fim do ano.

O governo também vai usar recursos de reservas de contingência, que não estavam sendo usadas porque extrapolam o teto dos gastos, no valor de R$ 6,2 bilhões, bem como uma outra reserva de capitalização de empresas públicas: R$ 2,1 bilhões.

Além disso, o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, anunciou a sanção do projeto de reoneração da folha de pagamento para 39 setores da economia, que vai render R$ 830 milhões, além da redução e eliminação de incentivos fiscais para exportadores e indústrias química e de refrigerantes, somando outros R$ 3,18 bilhões. No total, o governo espera arrecadar R$ 13,5 bilhões para viabilizar o desconto no diesel.

Segundo o secretário-executivo do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, Gleisson Cardoso Rubin, o corte orçamentário foi pulverizado entre praticamente todas as pastas federais e se deu sobre despesas que já estavam bloqueadas.

“Esse cancelamento vai se dar na parcela dos recursos que estavam contingenciados [bloqueados], de modo que nós não teremos de solicitar devolução de recursos que já haviam sido destinados. Naturalmente, reduz o espaço de ampliação das dotações que estão consignadas atualmente”, disse.

(Agênia Brasil)

Cearense vai presidir a Federação das Associações dos Servidores das Universidades Brasileiras

O cearense José Maria Castro assumiu, nesta semana, em Brasília, a coordenação-geral da Federação das Associações de Servidores das Universidades Brasileiras (Fasubra). Ele foi dirigente do Sindicato dos Trabalhadores da UFC (Sintufc).

Castro, que esteve em Brasília acertando sua posse, que ocorre na próxima semana, já definiu uma meta prioritária: resgate orçamentário das universidades. Ele diz que o clima é de esvaziamento na Era Temer.

Ele também é filiado ao PT.

(Foto – Paulo MOska)

Prazo para microempreendedor individual enviar declaração acaba hoje

Os microempreendedores individuais (MEI), profissionais autônomos que contratam até um trabalhador formalizado, têm até hoje (31) para enviar a Declaração Anual de Faturamento do Simples Nacional (DASN-Simei) referente ao ano passado. O documento deve ser remetido por meio do Portal do Empreendedor na internet.

A declaração é obrigatória para todo MEI com CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas) ativo. Mesmo quem não teve rendimento nem movimentou a empresa em 2017 deve enviar o documento.

O microempreendedor individual que perder o prazo pagará multa de R$ 50. Quem não enviar a declaração pode ter o CNPJ cancelado, o que leva à exclusão do programa.

O MEI deve informar todo o faturamento do ano passado, número que pode ser levantado por meio de extratos bancários de cada mês ou da verificação das vendas realizadas.

Em 2017, era considerado MEI quem faturou até R$ 60 mil no ano. Quem recebeu entre R$ 60 mil e R$ 72 mil terá de pagar pelo excesso de faturamento.

Caso o faturamento tenha ultrapassado R$ 72 mil (20% acima do teto), o microempreendedor passará a ser considerado microempresa e será desenquadrado do programa. Para 2018, o limite de enquadramento do MEI subiu para R$ 81 mil.

(Agência Brasil)

Gleisi Hoffmann não disputará o Senado, diz aliada

419 1

Pré-candidata ao Senado pelo PT do Paraná, Mirian Gonçalves, ex-vice-prefeita de Curitiba, avisa: Gleisi Hoffmann (PT) não tentará a reeleição ao Senado neste ano por causa das tarefas que tem como presidente nacional do partido.

A informação é da Coluna Expresso, da Revista Época.

No Paraná, comenta-se que Gleisi desistiu de concorrer à reeleição porque tem poucas chances de vencer e, por isso, disputará uma vaga na Câmara dos Deputados.

Começar de novo é começar de novo

Com o título “Começar de novo”, eis artigo do chefe do escritório do Unicef de Fortaleza, Rui Aguiar. Ele aborda a palavra-chave recomeçar. Confira:

Em uma loja de quadrinhos, a vendedora ensina que no mundo dos heróis e heroínas o recomeço sempre é possível. Reboot é o termo usado para descrever novas versões da história, acrescentando aos personagens características ainda não experimentadas, revendo enfoques de gênero, acrescentando vilões ou promovendo encontros inusitados.

Nestes trinta anos da Constituição brasileira de 1988, temos enredo suficiente para o recomeço de uma história cujo tema principal é a redemocratização e a universalização de direitos. Como na década de 1980, meninos estão na rua, crianças estão fora da escola, adolescentes são explorados e movimentos sociais minguam com falta de financiamento.

Um reinício seria a oportunidade para ir de casa em casa em busca daqueles que não têm forças para demandar serviços básicos.

Ocasião para encontrar novos finais para velhas histórias: homens e mulheres extenuados pelas desigualdades sociais e injustiças que os levam a filas para empregos que não se concretizam; a chorar por filhos perdidos para a violência; a esperar por milagres da medicina moderna em redes hospitalares do século passado; ou a cultivar lavouras em sistema agrário medieval. Narrativas reais da geração que nasceu na vigência da Constituição Cidadã e que ainda espera que ela se realize em suas vidas como um programa ético, promotor de oportunidades e antídoto de privilégios.

A nova história que se reinicia nas ruas e nos campos pode ser ilustrada com a imagem de cidadãos e cidadãs comuns, com os pés no chão, que não voam e buscam livrar-se da capa da invisibilidade. Estes novos heróis e heroínas do cotidiano não querem superpoderes ou cintos de inutilidades. Procuram apenas viver com a certeza de que suas diferenças serão respeitadas como qualidades e que poderão desenvolver seus projetos de vida sem malabarismos, máscaras ou disfarces. Com a cara limpa e o coração aberto, querem apenas que a luta seja uma força de expressão do desejo de ser feliz e nunca o uso da violência para impor vontades, como deveria ser sempre na democracia. Começar de novo é começar novo.

*Rui Aguiar

raguiar@unicef.org

Chefe do Escritório do Unicef em Fortaleza.

Essa é para cearense que adora cachaça

De 7 a 10 deste mês de junho, a capital mineira, Belo Horizonte, será sede da maior e mais importante feira de cachaça do mundo. Considerada a vitrine mundial da bebida, a Expocachaça está comemorando 21 anos e espera receber um público 60 mil pessoas nos quatro dias de festival, segundo a organização.

A Expocachaça receberá produtores de Minas Gerais e de outros 20 Estados, apresentando diversas marcas da bebida para comercialização, totalizando 150 expositores. Além disso, o sucesso do evento está na sua concepção de Feira e Festival, que traz uma programação eclética, unindo de forma harmônica o entretenimento, cultura, gastronomia e negócios.

O visitante poderá conferir shows que vão embalar as noites do festival. A programação conta com apresentações de artistas e gêneros musicais variados, como a dupla César Menotti e Fabiano, que encerra a primeira noite da feira. A Expocachaça contará ainda com atrações de outros estilos, como rock, pop e música eletrônica.

BNB apoiará jovens empreendedores no maior evento de startups do Pais

Romildo Rolim é o presidente do banco.O Banco do Nordeste, por meio do Hub Inovação Nordeste (Hubine), apoiará a participação de jovens empreendedores no InovAtiva Brasil 2018, maior programa de aceleração de startups do país, que ocorrerá dias 9 e 10 de junho próximo, no Recife, e dias 13 e 14 de outubro próximo, em São Paulo. A informação é da assessoria de imprensa do BNB.

Os jovens inovadores, Vaneska Sousa, Hudney Ferreira, Pedro Sousa, Lucas Martins e Filipe Silva, concluíram o ensino médio profissionalizante de informática em uma escola pública estadual cearense. Hoje eles compõem a equipe da startup Escolarize, plataforma que se propõe a otimizar o processo de ensino-aprendizado por meio da gamificação, que é o uso de técnicas de jogos para engajar pessoas, resolver problemas e melhorar o aprendizado.

Segundo a gerente do Hubine, Lina Salles, a gamificação na educação tem se mostrado eficaz estratégia para aumentar o interesse dos alunos pelo conteúdo estudado. “É necessário que a metodologia de ensino se atualize para acompanhar a evolução tecnológica na qual os estudantes atuais estão imersos 24 horas por dia. O uso de jogos é uma maneira eficaz de mostrar que adquirir conhecimento pode sim ser muito divertido”, afirma Lina.

Escolarize

A ideia da Escolarize surgiu do acompanhamento, durante três anos, dos baixos resultados escolares dos colegas. A responsável pela gestão de estratégias e negócios da equipe, Vaneska Sousa, explica porque a gamificação foi escolhida pela startup como solução para o problema: “Quando você usa a estratégia de jogos, você prende a atenção do jovem, pois permite que ele possa seguir seu próprio ritmo e sinta-se bem estudando com algo que ele gosta”.

Com o auxílio da solução da startup Total Cross, abrigada no coworking Hubine, a Escolarize criou uma plataforma de estudos que funciona diretamente de aluno para aluno e é acessível à realidade do estudante da rede pública de ensino. A solução já conta com mais de 500 alunos e 27 professores.

(Foto – Fábio Lima)

XIII Festival de Inverno da Serra da Meruoca abre espaço para talentos do Ceará

269 1

Kátia Freitas, Téti, Rodger Rogério, Edmar Gonçalves, Cristiano Pinho e outros grandes nomes da música do Ceará vão se apresentar neste sábado, a partir das 21 horas, no XIII Festival de Inverno da Serra da Meruoca, no Estádio Municipal. Eles farão o show “Futuro e Memória”, que foi o vencedor da votação online, na categoria Estadual, interpretando canções de Rogério Franco e Dalwton Moura, reunidas no disco de mesmo nome.

A noite de sábado, segundo a assessoria de imprensa do evento, também terá shows de Marcus Caffé, Luciano Franco e Paulo Araújo, além das bandas Outras Frequências, Titãs e Freud Explica?, fechando o evento, que começa nesta noite de sexta-feira.

O show foi apresentado pela primeira vez em 29 de março deste ano, no Teatro do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura, em Fortaleza, marcando o lançamento do disco. A votação online para escolha do espetáculo a ser apresentado no XIII Festival de Inverno da Serra de Meruoca foi feita no site www.festivalmeruoca.com, que disponibilizou músicas e texto de apresentação de cinco espetáculos que concorreram a uma vaga, em cada categoria. A campanha para votação no show “Futuro e Memória” rendeu grande repercussão nas redes sociais, com muitos comentários de apoio e entusiasmo.

(Foto – Divulgação)

A Violência e as cidades organizadas

Com o título “A Violência e as cidades organizadas”, eis artigo de Irapuan Diniz de Aguiar, advogado e membro da Academia Fortalezense de Letras. Ele aborda o tema segurança pública e a necessidade de reestruturação das policiais. Confira:

Vivemos, dramaticamente, em um mundo de transformações galopantes: o processo de metropolização urbana e o crescimento geométrico da densidade demográfica são dois fenômenos que acossam a sociedade. Estes fenômenos acarretam sombrias perspectivas para o ordenamento estatal responsável pela segurança pública. Os episódios de violência registrados no dia-a-dia evidenciam a urgente necessidade de se promover uma completa reformulação nos organismos responsáveis pela defesa social.

Infelizmente, as conclusões apresentadas quando da realização, ainda em 2010, na Conferência Nacional de Segurança Pública, sob os auspícios do Ministério da Justiça, foi uma exposição da luta intestina travada entre as instituições policiais por espaços de poder, resultando, ao final, tão somente, no estabelecimento de uma dezena de princípios e de diretrizes de difícil implementação por isso que nunca concretizadas.

É que, na discussão sobre a reestruturação das polícias, não se levou na devida conta o relevante aspecto sócio-econômico vivenciado pelas grandes cidades. Trata-se de um grave equívoco. Qualquer reflexão séria que se fizer sobre o assunto concluirá que as metrópoles com menor índice de violência e com polícia menos problemática são aquelas bem resolvidas do ponto de vista urbano.

Com efeito, as grandes cidades do país são, em regra, inchadas e mal planejadas. Apresentam, ademais, um cenário perigoso onde proliferam a miséria, a marginalidade e a violência nas ruas. A se contrapor a este fenômeno encontramos policiais armados, arbítrio e medo. Tal fato traduz a atual tragédia urbana brasileira. Somam-se ao cenário as anomalias congênitas, organizacionais, estruturais e filosóficas do aparelho policial, os vícios enraizados que resistem às transformações, na visão projetiva do panorama criminal e do combate policial, cada vez mais ingente, cruel algumas vezes, pelo vírus da violência que a todos contamina agravada, nos últimos tempos, pela epidemia no consumo do “crack” pelos jovens.

A construção, pois, de um novo modelo de Polícia, ajustado ao Brasil de hoje e que responda as demandas do amanhã, necessita de um amplo e profundo diagnóstico, o mais abrangente possível, envolvendo todas estas questões, e não apenas as doenças que acometem o corpo policial, a fim de que os “alquimistas” de programas governamentais disponham de valiosíssimos elementos sobre os quais, como verdadeiros laboratoristas, possam produzir uma proposta que guarde correspondência com os anseios da sociedade. Que a iniciativa da Assembléia Legislativa do Ceará, ao promover mais um Seminário sobre o tema, prestes a se iniciar, não se constitua em mais um evento que, ao final, não apresente indicações concretas para a minimização do atual cenário.

*Irapuan Diniz Aguiar,

Advogado e membro da Academia Fortalezense de Letras.

Movimento Proparque convoca para a Festa da Vida

O Movimento Proparque vai promover o evento Festa da Vida. Será neste domingo, das 9 às 13 horas, no Parque Rio Branco, no bairro São João do Tauape, em Fortaleza.

No programa, palestra do professor PhD Alexandre Costa às 11 horas, sobre o tema “Terra, Planeta Água”. Antes, haverá show dos cantores Calé Alencar, Reina e Paulo Belim, e do Grupo Rytmos. Há espaços para piqueniques e brincadeiras com a criançada.

“É momento de confraternização, repasse de experiências e de você admirar o que as escolas, igrejas e associações fazem pela vida das pessoas, dos animais, das plantas e do planeta Terra, em campanhas atuais ou passadas”, diz o jornalista Ademir Costa, que coordena o Movimento Proparque.

SERVIÇO

Parque Rio Branco – Avenida Pontes Vieira.

Mais Informações – e-mail gritepelavida@gmail.com WhattsApp 99994.9052.

(Foto – Paulo MOska)

Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas fecha parceria com o Programa Mais Infância

A Secretaria Especial de Políticas sobre Drogas (SPD) acaba de lançar o Projeto Prevenção em Família. Idealizado por técnicas da pasta, a ação preventiva será efetivada numa parceria com o Programa Mais Infância Ceará. Dessa forma, profissionais dos municípios que atuam com as famílias beneficiadas pelo “Mais Infância” serão qualificados para desenvolver oficinas de prevenção às drogas junto a esse público. A informação é da assessoria de imprensa da SPD.

Os 50 municípios cearenses selecionados para receber o projeto são os que apresentam maior número de famílias em situação de vulnerabilidade social já contempladas com o Programa Mais Infância Ceará. A ideia é orientar pais e responsáveis para promoverem o desenvolvimento infanto juvenil e o fortalecimento dos vínculos familiares, com ênfase na prevenção ao uso problemático de álcool e outras drogas, informa o secretário Will Almeida.

A estratégia do Projeto Prevenção em Família constitui-se na realização de oficinas de atenção à infância e à família, com o suporte de atividades lúdicas e direcionadas às situações comuns do cotidiano familiar. A SPD ficará responsável pela capacitação de profissionais de Saúde, Educação e Assistência Social e pelo acompanhamento das atividades nos municípios.

 

Receita anuncia corte nos incentivos para compensar perdas com diesel

Em entrevista à imprensa na manhã desta quinta-feira (31), o secretário da Receita Federal, Jorge Rachid, afirmou que o governo federal vai reduzir incentivos fiscais para exportadores e as indústrias química e de refrigerantes para conseguir compensar as perda de receita com o acordo firmado com os caminhoneiros para o fim da paralisação da categoria. As medidas devem representar R$ 4 bilhões a mais para os cofres públicos., Um das medidas prevê mudanças na tributação para a indústria química, o renderá R$ 170 milhões a mais nos cofres públicos.

Outra medida é a queda da alíquota de 2% para 0,1% do Reintegra (Regime Especial de Valores Tributários para as Empresas Exportadoras), que representará arrecadação de R$ 2,2 bilhões até o fim do ano. O programa devolve aos exportadores parte dos impostos cobrados na cadeia de produção.

O governo decidiu ainda reduzir do Imposto sobre Produtos Importados (IPI), de 20% para 4%, cobrada na fabricação de concentrados de refrigerantes, que gerará R$ 740 milhões. Para que as alterações entrem em vigor, serão editados decretos e medidas provisórias.

Além dessas medidas, foi publicada na edição extra do Diário Oficial da União desta quinta-feira, a lei, sancionada pelo presidente Michel Temer, que reonera a folha de pagamento de 28 setores da economia. Com a lei, o impacto nos cofres públicos deve ser de R$ 830 milhões.

(Agência Brasil)

Planalto gastará R$ 248 mil com flores

As flores para enfeitar o Palácio do Planalto estão garantidas até o último dia da gestão do presidente Michel Temer. Quem informa é a Época, adiantando que o governo gastará até R$ 248 mil para adquirir flores nobres, tropicais e de campo.

A empresa responsável por fornecê-las também ficará responsável por manter, conservar é revitalizar arranjos e plantas.