Blog do Eliomar

Últimos posts

Autop 2018 – Mais de 200 fábricas vão expor no evento

Vem aí a XVI Autop, a feira do setor de peças e autopeças do Ceará. O evento será realizado de 15 a 18 de agosto próximo, no Centro de Eventos, e contará com representantes de fábricas importantes e um público especializado.

Serão mais de 200 fábricas expondo durante o encontro, que apresentará as últimas novidades da área.

“A Autop desse ano é um prêmio pela luta, trazendo o que há de mais novo”, avisa o presidente do Sistema Sincopeças, Assopeças e Assomotos, Ranieri Leitão, que, inclusive, será reconduzido para a presidência destas três entidades.

(Com O POVO Economia/Foto – Divulgação)

Prefeito envia nova mensagem à Câmara Municipal sobre lei do reajuste das taxas de alvarás

635 7

A Câmara Municipal de Fortaleza foi convocada pelo presidente da Casa, Salmito Filho (PDT), para sessão extraordinária, na segunda-feira, 30 – não mais na sexta-feira, 27 -, para votar mensagem do Poder Executivo que propõe o parcelamento do pagamento do alvará e prorroga por 30 dias o prazo para renovação. A mensagem sofre mudanças depois de muita pressão de entidades do setor produtivo.

Pela nova versão, os estabelecimentos comerciais de Fortaleza poderão renovar o alvará de funcionamento, com o prazo final passando do dia 31 de julho para o dia 30 de agosto, podendo fazer o pagamento em até cinco parcelas, entre os meses de agosto e dezembro.

A proposta que consta na mensagem do Poder Executivo foi o resultado de uma reunião, no Paço Municipal, entre o prefeito Roberto Cláudio  e o presidente da Câmara, Salmito Filho, com outros vereadores e representantes de entidades do setor empresarial, além de secretários municipais.

Outro ponto apresentado por representantes da FIEC, Fecomércio e CDL, presentes no encontro, tratava dos critérios de definição de área útil construída para base de cálculo do alvará. Ficou definido um estudo por uma comissão tripartite, formada por técnicos da Prefeitura, entidades empresariais e Câmara Municipal para posterior análise e decisão do Poder Executivo.

(Foto – Aurélio Alves)

Servidor público tem até domingo para mudar regime de Previdência

Os servidores do Poder Executivo interessados em migrar do Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) para o Regime de Previdência Complementar (RPC) têm até as 23h59 do próximo domingo (29) para fazer a opção utilizando o Sistema de Gestão de Pessoas (Sigepe). Segundo o Ministério do Planejamento, o servidor também pode fazer a opção diretamente na área de recursos humanos de seu órgão até sexta-feira (27). O pedido feito pela internet será homologado na segunda-feira (30).

Podem optar pela migração de regime os servidores que entraram na administração pública federal antes de 4 de fevereiro de 2013 (no caso do Poder Executivo) e antes de 7 de maio de 2013 (Poder Legislativo). É possível fazer simulações quanto ao valor do benefício especial e tirar outras dúvidas no próprio Sigepe, nas áreas de recursos humanos dos órgãos, ou no site www.funpresp.com.br​.

Com a migração, quem foi empossado antes da instituição do RPC pode aderir à Funpresp na modalidade participante ativo normal, em vez de participante ativo alternativo. No primeiro caso, entre os principais benefícios está a contrapartida da União, que para cada R$ 1 pago pelo servidor contribui com mais R$ 1, dobrando, assim, a contribuição real.

Quem pode optar pela migração de regime mas ainda não tomou a decisão, deve procurar orientações junto ao RH do órgão ao qual pertence ou na própria Funpresp. O ministério alerta que a migração do RPPS para o RPC é uma decisão individual, de caráter irrevogável e irretratável. “Por isso, o servidor deve conhecer todas as informações para a tomada de decisão”, diz a nota.

Principais pontos

Quem pode optar? o servidor que ingressou no serviço público federal do Poder Executivo antes de 4 de fevereiro de 2013 ou do Poder Legislativo antes de 7 de maio de 2013. De acordo com a Lei nº 13.328/2016, o prazo de opção para a migração é 24 meses, a contar da data da sanção da lei, em 29/07/2016.

Benefício Especial – o servidor que optar pela migração terá direito a um benefício especial (Art. 3º da Lei 12.618/2012), a ser pago pela União assim que se aposente no serviço público. O benefício é calculado pela média das 80 maiores remunerações no serviço público e o tempo de contribuição até o momento da migração.

Como fazer a migração? Pode ser feita por meio do Sigepe, no menu “Optar por vinculação ao RPC”. Posteriormente é necessário imprimir três vias do formulário e entregar ao RH do órgão em que o servidor trabalha, para homologação.

A migração acarreta automaticamente adesão à Funpresp? Não. Após a migração, o servidor pode optar ou não pela adesão à Funpresp, que pode ser feita a qualquer tempo. O dia 29/07 é o prazo final para migração de regime. A adesão ao plano de previdência da Funpresp é facultativa e independe de o servidor migrar ou não.

Como fazer a adesão à Funpresp? Assim que o RH processar a migração para o RPC, o servidor poderá aderir à Funpresp e escolher um plano de benefícios. No caso, deve acessar o Sigepe, e escolher no menu a opção RPC/Aderir. É necessário imprimir 3 vias do formulário de inscrição e entregar no RH do órgão para homologação. A adesão também pode ser feita diretamente com os representantes da Funpresp localizados em 11 estados. O servidor também pode procurar a sede da entidade em Brasília (SCN quadra 02 Bloco A, Ed. Corporate Financial Center, 2º andar).

Dúvidas

*Para outros esclarecimentos, acesse www.funpresp.com.br ou ligue para o 0800 282 6794, de segunda a sexta, das 8 às 19 horas. No próximo sábado, dia 28, a Funpresp realizará plantão de atendimento telefônico (0800 282 6794) e presencial para os servidores dos poderes Executivo e Legislativo no horário das 9 às 17 horas.

(Agência Brasil)

A maior queda de Neymar

Com o título “A maior queda de Neymar”, eis artigo de Lucas Mota, jornalista do Esporte do O POVO. Ele comenta a exclusão do maior craque brasileiro na atualidade, que joga no PSG, fora da lista dos 10 melhores da Fica. Confira:

A conta da temporada 2017/2018 chegou para Neymar. A ausência do principal jogador brasileiro na lista dos dez atletas que vão concorrer ao prêmio “The Best” de melhor do mundo da Fifa surpreende pelo que representa o atacante no esporte mundial. Um sinal de que algo não vai bem em sua carreira. É a primeira vez desde 2011 que ele não aparece entre os melhores do planeta da bola.

Para se ter uma ideia, até um zagueiro (o francês Raphael Varane) entrou na lista e Neymar não. Entre os destaques, estão lá Cristiano Ronaldo, Messi, Mbappé e Salah.

Apesar de surpreendente, a exclusão de Neymar não é injusta. A expectativa criada sobre o jogador foi gigantesca. Muito por causa da transferência milionária para o PSG, que deixou claro o objetivo de se tornar protagonista da equipe, sair da sombra de Messi e entrar de vez na disputa de melhor do mundo.

Na prática, o que se viu foi bem diferente. Neymar fracassou nas duas principais competições desde a milionária transferência: Champions League e Copa do Mundo.

Na Rússia-2018, teve a imagem arranhada mundialmente pelos exageros nas quedas e simulações de faltas, além da eliminação precoce da seleção, nas quartas de final. O valor de mercado do brasileiro caiu 11%, enquanto o de seu companheiro de PSG, Mbappé, cresceu 44%.

A temporada de 2018/2019 vai começar mais uma vez com altas expectativas. Mas, diferente de outros anos, com Neymar em baixa.

*Lucas Mota,

Jornalista do Esporte do O POVO.

Mega-Sena pode pagar R$ 72 milhões

Quem acertar sozinho o prêmio principal do concurso 2.062 da Mega-Sena poderá colocar em sua conta bancária um prêmio de R$ 72 milhões. Aplicado na poupança ele renderia quase R$ 268 mil por mês. O sorteio ocorrerá hoje (25), às 20 horas (horário de Brasília) no Caminhão da Sorte que está na cidade de Pouso Redondo, em Santa Catarina.

Mega-Sena, loterias, lotéricas
Quem acertar sozinho o prêmio principal da Mega-Sena levará R$ 72 milhões – Marcello Casal Jr./Agência Brasil
De acordo com a Caixa, o valor do prêmio acumulado é o segundo maior deste ano. O primeiro, R$ 104,54 milhões, foi sorteado em 17 de fevereiro.

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília), em qualquer loja lotérica credenciada pela Caixa em todo o país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

(Agência Brasil)

Secretário-geral adjunto rompe com a direção da OAB/CE e já está como candidato a presidente

204 1

Surge o primeiro candidato a presidente da OAB do Ceará. Trata-se de Fábio Timbó, secretário-geral adjunto da entidade, que rompe assim com o presidente Marcelo Mota. Timbó divulgou, nesta quarta-feira, um manifesto:

MANIFESTO DE ROMPIMENTO

Caríssimos colegas, advogados e advogadas,

Refleti, profundamente, antes de tomar a presente decisão que peço licença para comunicar-lhes, neste ensejo.

Os longos anos, devotados à honrada Seccional Cearense da Ordem dos Advogados do Brasil, fizeram-me ponderar sobre a resolução que compartilho com a minha gloriosa classe: ROMPER COM A MEDIOCRIDADE QUE SE ASSENHOROU DOS ATOS PRESIDENCIAIS DA OAB/CE.

Posturas centralizadoras, desprovidas do necessário senso democrático que deve inspirar as condutas e ações de um gestor, sobretudo em se tratando de uma instituição da envergadura política e social da Ordem dos Advogados do Brasil, dentre elas a lentidão e a ausência de isonomia no trato das questões que envolvem a defesa das prerrogativas de nossa classe, inclusive com a postergação dos atos de desagravo, pendentes de apreciação, por exemplo, foram episódios que contribuíram para esta minha decisão.

Outro inconformismo, de minha parte, foi o total descaso com os pleitos da jovem advocacia, especialmente demonstrado com as restrições impostas na politica de concessão de descontos na anuidade, em cursos ofertados pela ESA, onerando, ainda mais, o exercício da advocacia e representando um verdadeiro retrocesso, numa conquista já consolidada pela classe.

A par destas questões, ínsitas aos interesses classistas, no que tange à sua missão social, a presidência esquivou-se do seu protagonismo, diante dos desafios que a sociedade enfrentou e vem enfrentando, lamentavelmente, sem o arrimo institucional necessário, a exemplo do drama que é a insegurança pública que grassa em nosso Estado, sob o olhar leniente da entidade.

Finalmente, considero inadmissível, para um presidente da OAB, uma atuação tímida e inexpressiva, nas tristes e recentes mortes dos colegas advogados, ceifados de suas vidas, violenta e covardemente, o que mereceria, para além de uma nota de pesar, uma enérgica resposta e uma firme providência da instituição, conclamando e envolvendo toda a advocacia, nessa luta e indignação, pois, “a injustiça feita a um é uma ameaça feita a todos”, no lúcido pensamento de Montesquieu. É inaceitável permitir-se silenciar a advocacia!
Seguirei, todavia, fiel aos meus propósitos, na inegociável defesa de meus pares e exigindo, ao lado dos advogados e advogadas, uma justiça mais célere e mais eficiente. Ser forte é preciso.

Tenho dito!

Fortaleza-CE,

*Fábio Timbó

Advogado.

DETALHE – As eleições da OAB/CE ocorrerão em novembro próximo. Marcelo Mota deve ir par a reeleição e o atual presidente da Caixa de Assistência dos Advogados (CAACE), Erinaldo Dantas, também deve entrar na disputa. Edson Santana, presidente do Sindicato dos Advogados da Região Metropolitana de Fortaleza (Sindafor), vai entrar na peleja.

Governo deve cortar mais de R$ 5 bi de benefícios irregulares do INSS

Até o final do ano, mais de R$ 5 bilhões gastos em benefícios da Previdência Social deverão ser cortados por causa de irregularidades, que estão em apuração no Ministério da Transparência e Controladoria-Geral da União (CGU). O corte segue o trabalho de revisão de benefícios sociais feito pelo Comitê de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas Federais (CMAP), criado em abril de 2016 com a Portaria Interministerial nº 102, e formado por técnicos e dirigentes da CGU e dos ministérios do Planejamento, da Fazenda e da Casa Civil.

Conforme o Secretário Federal de Controle Interno da CGU, Antônio Carlos Bezerra Leonel, ainda não é conhecido o número de pessoas que perderão os benefícios por causa de fraude. A CGU não divulgou quais irregularidades estão em apuração.

Nesta terça-feira (24), o governo anunciou a suspensão de 341.746 auxílios-doença e 108.512 aposentadorias por invalidez, que totalizam R$ 9,6 bilhões no pagamento de auxílios-doença acumulado entre o segundo semestre de 2016 e 30 de junho de 2018. Até o fim do ano, serão revisados 552.998 auxílios-doença e 1.004.886 aposentadorias por invalidez.

Bolsa Família

Além de benefícios previdenciários, o CMAP revisou os benefícios pagos pelo programa Bolsa Família. Em dois anos, 5,2 milhões de famílias foram excluídas, e outras 4,8 milhões entraram no programa. “No caso do PBF [Bolsa Família] não há propriamente uma economia de recursos, mas a focalização do programa”, assinala o ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame. Segundo ele, a exclusão de pessoas recebendo benefícios de forma irregular permitiu manter zerada a fila de espera de novos cadastrados no programa.

Os anúncios de corte de benefícios sociais e previdenciários são recebidos com cautela pela sociedade civil.

Lylia Rojas, do Conselho Federal de Serviço Social (CFESS), argumenta que falta à medida “transparência necessária” e que há casos de pessoas que tem o benefício indevidamente cortado e depois recuperam o direito na Justiça, gerando mais gastos ao erário.

Para o diretor-executivo da Transparência Brasil (ONG), Manoel Galdino, as fraudes ocorrem porque “o governo é desorganizado” e não mantêm a base dos cadastros eletrônicos interligados – o que dificulta cruzamentos, e não divulga informações sobre envolvidos e a abertura de processos.

Para Gil Castelo Branco, do site Contas Abertas, “é preciso que seja feito regularmente um trabalho de inteligência para evitar que as fraudes cheguem às atuais proporções”. De acordo com ele, “onde há benefício há alguém tentando se favorecer ilegalmente”.

Fraudes fiscais

Em resposta às críticas, o Secretário Federal de Controle Interno da CGU, Antônio Carlos Bezerra Leonel, afirma que “o corte de benefícios irregulares é na casa dos milhões e que os recursos judiciais são na casa dos milhares”.

De acordo com ele, o Comitê de Monitoramento e Avaliação de Políticas Públicas Federais está investindo em tecnologia de informação para melhorar o cruzamento de dados cadastrais e registros administrativos. Ele pondera que a divulgação de nomes de supostos envolvidos em fraude tem que observar a lei, que prevê confidencialidade de dados cadastrais.

Conforme Bezerra Leonel, o governo também criará um comitê de monitoramento das políticas fiscais. Uma portaria está em elaboração na Casa Civil para a implantação de um grupo que apure eventuais fraudes de empresas beneficiadas com isenções de tributos e de renúncia fiscal.

(Agência Brasil)

Banco Itaú passa a gerenciar conta-salário dos servidores de Sobral

Prefeito Ivo Gomes

O Banco Itaú vai gerenciar, a partir de 1º de outubro próximo, as contas-salário dos servidores municipais (efetivos, comissionados e temporários) de Sobral. A Instituição venceu o processo licitatório da Prefeitura e ficará responsável pelos serviços referentes à folha de pagamento. A informação é da assessoria de imprensa desse município da Zona Norte.

Participando da modalidade pregão (inverso), o Banco Itaú ofereceu ao município o valor de R$ 4.820.000,00 pelo gerenciamento das contas públicas durante o período de 5 anos. Participaram ainda do processo os bancos Santander e Bradesco.

DETALHE -O contrato com a Caixa Econômica Federal será encerrado automaticamente no último dia de setembro. A transição das contas será feita de forma ordenada, gradativa e orientada pelos gestores das respectivas secretarias municipais, que vão acompanhar todo o processo junto aos funcionários quantos aos procedimentos necessários.

(Foto – Divulgação)

Ceará quer vacinar em agosto 95% de sua criançada contra sarampo e poliomielite

Vem aí a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e a Poliomielite.

Será de 6 a 31 de agosto, com o Ceará participando e definindo a meta de vacinar 95% de sua população infantil, entre 12 meses e 4 anos, 11 meses e 29 dias, de forma homogênea, informa a Secretaria da Saúde do Estado.

No Ceará, o contingente da população infantil é de 509.183 crianças de um a quatro anos.

O dia de mobilização nacional será no sábado, 18 de agosto.

Câmara Municipal de Fortaleza tem convocação extra para parcelamento da Taxa de Alvarás

O presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), convocou, no início da manhã desta quarta-feira (25), uma sessão legislativa extraordinária, na sexta-feira (27), a partir das 9 horas, para a apreciação do Projeto de Lei 0383/2018, de origem do Poder Executivo, que “autoriza o pagamento parcelado da Taxa de Licença para localização e Funcionamento de Estabelecimento e atividades diversas e da Taxa de Licença Sanitária e dá outras providências”.

Segundo Salmito, a convocação extraordinária poderá realizar tantas sessões quantas sejam necessárias à efetiva apreciação da matéria em pauta. De acordo ainda com o presidente do Legislativo Municipal, a convocação não resultará em nenhuma despesa extra para o contribuinte de Fortaleza.

(Foto: Arquivo)

General tucano falará para o mercado imobiliário

O general Guilherme Theopilo, pré-candidato tucano ao Governo, dará palestra nesta quarta-feira, às 19 horas, no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (Creci). Ele abordará o tema “O Ceará do Futuro e o Mercado Imobiliário”.

Até domingo (29), data da convenção do PSDB, o general deve manter uma série de reuniões com membros do seu partido e com aliados como o Pros para definir quem ocupará a vice na sua chapa. A convenção ocorrerá a partir das 9 horas, no Ginásio da Faculdade Ari de Sá.

O PSDB promete novidades.

(Foto – Alex Gomes)

Prefeitura recolhe para conserto estátua de Leonel Brizola que voltou a ser alvo de vândalos

390 2

Quem passou ,na manhã desta quarta-feira, pelo Centro de Fortaleza e, mais precisamente na altura da Travessa Crato, verificou que a estátua em homenagem a Leonel Brizola não está em seu devido local.

Pois é, ela voltou a ser alvo do vandalismo e teve um dos braços arrancados. Foi recolhida pela Prefeitura para o devido reparo. Mês passado, houve ato para recolocação dessa mesma estátua, que teve um dos braços arrancados e reposto.

Pelo visto, a área continua sem alguma câmera de segurança. Até quando?!

DETALHE – A estátua foi entregue à cidade em junho de 2017.

(Foto – Leitor do Blog)

ESCLARECIMENTO – A Prefeitura esclarece que a área da Travessa Crato conta com uma câmera de segurança e que as imagens desse furto já foram encaminhadas para as autoridades policiais.

Procura-se um vice para Jair Bolsonaro

Atordoados com a dificuldade de encontrar um vice para Jair Bolsonaro, dirigentes do PSL voltaram a pedir ao presidente do PRP, Ovasco Resende, que libere o general Augusto Heleno para ser o companheiro de chapa do capitão reformado.

Segundo informa a Coluna Painel, da Folha de S.Paulo desta quarta-feira, foi tiro na água.

O pedido não convenceu. Entre os cotados para a vaga, Janaina Paschoal perdeu força e Marcelo Álvaro Antônio (PSL-MG), ganhou.

(Foto – Paulo Whitaker, da Reuters)

No Ceará, 15,4 pessoas morreram por mês em acidentes de trânsito nos últimos 18 meses

Com o título “Mortes evitáveis nas estradas”, eis o Editorial do O POVO desta quarta-feira:

As mortes de 83,4 mil pessoas, nas estradas federais (BRs) do Brasil, nos dez anos decorridos entre 2007 e 2017 – detectadas por levantamento feito pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) – é uma estatística que assombra a opinião pública, nacional e internacional. Somente no Ceará, foram mortas 190 pessoas nas BRs que cruzam o Estado. No acumulado dos últimos 18 meses, a média é de 15,4 mortes por mês, dentro das fronteiras cearenses.

Identificar as causas e agir sobre elas, de forma consequente, é o mínimo que se espera das instâncias responsáveis. Até o momento, as respostas têm sido insatisfatórias.

As causas da tragédia já estão identificadas, seus eixos principais, do ponto de vista estrutural, são: falta de sinalização e baixa qualidade da pavimentação. Do ponto de vista subjetivo, predomina a falta de atenção dos condutores, a desobediência à sinalização da via, a não manutenção de distância segura em relação ao veículo da frente, a condução sob efeito de álcool e a velocidade incompatível com a permitida.

Na verdade, ao fazer o cruzamento das estatísticas nacionais de acidentes nas BRs com as análises detalhadas sobre as condições estruturais das rodovias, a CNT constatou que a sinalização, quando falha ou inexistente, chega a ser mais prejudicial do que estragos na pavimentação (ainda que seja certo não existir apenas um motivo para os acidentes). Nos trechos em que pavimento e sinalização foram considerados ótimos, houve índice de 8,4 mortes por 100 acidentes. Enquanto nos de pavimento ótimo e sinalização péssima, o número saltou para 18,9.

A primeira causa dos acidentes – falta de sinalização – é algo mais difícil de justificar e tem-se tornado quase uma irresponsabilidade.

Sua correção exige menos recursos financeiros do que garantir a qualidade da pavimentação e, no entanto, parece secundarizada, quando não devia, já que é a principal causa dos acidentes. Sua solução vem acoplada com o aumento da fiscalização do tráfego e o aperfeiçoamento da tecnologia de monitoramento de velocidade nas estradas. A pesquisa Acidentes Rodoviários e a Infraestrutura, da CNT detectou que, nos trechos de 10 quilômetros de extensão das BRs onde não existem radares de velocidade, morrem 12,5 pessoas a cada 100 acidentes. Com a presença dos controladores, esse índice baixa para 8,5.

Cuidar da pavimentação, por seu lado, é fundamental num País que optou pelo modal rodoviário. Isso exige estradas de qualidade e a aplicação de metodologias modernas, materiais mais resistentes e fiscalização da execução das obras. Nada que não esteja no alcance de uma administração comprometida com o interesse público.

10ª Cúpula do Brics começa nesta quarta-feira em Joanesburgo

A 10ª Cúpula do bloco de potências emergentes BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) começou nesta quarta-feira (25), em Joanesburgo, com a abertura de um fórum econômico com a presença de líderes e mais de mil delegados desses países. O ministro do Comércio e Indústria da África do Sul, Rob Davies, foi o encarregado de inaugurar o fórum no Centro de Conferências de Sandton, no
centro Únanceiro de Joanesburgo.

Os presidentes da África do Sul, Cyril Ramaphosa; Brasil, Michel Temer; China, Xi Jinping; assim como o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, discursarão mais tarde. O presidente da Rússia, Vladimir Putin, não participará dessa sessão, mas tem presença garantida na reunião em Joanesburgo, amanhã (26), confirmaram à Agência EFE fontes da organização.

A cúpula do Brics, que representa 43% da população mundial e 26% do Produto Interno Bruto (PIB) do planeta, acontece em um contexto
internacional influenciado pela política unilateral e protecionista dos Estados Unidos, que não compartilha do bloco.

No discurso de abertura do fórum de negócios, Davies destacou o “enorme crescimento” da economia do Brics nos “últimos anos”, pois passou em uma década de 12% para 26% do PIB mundial. “Não é um segredo que vivemos tempos de turbulências” no panorama
internacional, afirmou o ministro sul-africano ao ressaltar que “é um momento de crise para o sistema de comércio”.

(Agência Brasil e EFE)

Camilo e Eunício: a união sem altar

360 1

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta quarta-feira:

O governador Camilo Santana (PT) marcou uma reunião com o senador Eunício Oliveira (MDB) para antes da convenção do seu partido, o PT, que será domingo, dia 5, a partir das 9 horas, no ginásio da Faculdade Ari de Sá. Como vem ressaltando que manteve uma “parceria administrativa” com o emedebista, deverá agora tratar de transformar essa dobradinha numa “parceria eleitoral”, sem formalidades, é claro.

Camilo não esconde mais de ninguém que Eunício ajudou, e muito, a sua gestão e a gestão do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), a abrir portas em Brasília e a aprovar uma série de empréstimos que deverão, sem dúvida, repercutir no próximo governo.

O PT marcou para sábado, um dia antes da convenção, o encontro que discutirá sua tática eleitoral. Nessa pauta, entra o desejo de continuar com a vaga de senador.

Camilo joga com a certeza de que poderá reverter esse quadro. Tudo será uma questão de um bom diálogo que, sem sombra de dúvidas, o governador, saberá exercitar. Com o peso da caneta na mão.

(Foto – Divulgação)

Globonews fará debate com candidatos a presidente, exclui Lula e o PT protesta

677 1

A Globonews definiu, em reunião nessa terça (24), a ordem das entrevistas que fará com os candidatos à Presidência. De acordo com informações da Coluna Radar, da Veja Online, serão cinco entrevistas de duas horas, ancoradas pela jornalista Miriam Leitão.

Os candidatos serão sabatinados na seguinte ordem: Alvaro Dias (Podemos), Marina Silva (Rede), Ciro Gomes (PDT), Jair Bolsonaro (PSL) e Geraldo Alckmin (PSDB).

Lula ficou de fora, e o PT protestou. Ouviu da emissora que, somente se a justiça autorizar, vai poder participar.

Henrique Meirelles também não será chamado. Nesse caso, o critério adotado pela Globonews é chamar apenas os cinco primeiros colocados no Ibope.

(Foto – Marlene Bergamo, da Folhapress)

Campos Sales ganhará Parque de Feiras e Eventos

Em meio ao clima de euforia por conta da festa dos 119 anos de Campos Sales (Região do Cariri), o prefeito Moésio Loiola ganha um presente para o município.

Na última terça-feira (24), ele assinou o termo de declaração de contrapartida para a construção do Parque de Feiras e Eventos de Campos Sales, que será construída às margens do Rio Conceição.

O projeto já foi submetido à aprovação da Caixa Econômica Federal e a obra está avaliada em R$ 1.875.731,80 oriunda do Ministério do Turismo. Porém, por conta do período eleitoral, o dinheiro só será liberado após as eleições de outubro.

Além de se transformar em área para grandes eventos, o parque, segundo o prefeito Moésio Loyola, passará a acolher semanalmente, após sua conclusão,em meados de 2019, a feira livre do município.

(Com Blog FlavioPintoNews)

BNDES libera R$ 27,8 bilhões em empréstimos no primeiro semestre deste ano

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) liberou R$ 27,8 bilhões nos primeiros seis meses de 2018. Nesse período, a instituição recebeu consultas por financiamentos equivalentes a R$ 49,7 bilhões. Os enquadramentos atingiram R$ 47,5 bilhões e as aprovações ficaram em R$ 30,3 bilhões.

O valor de desembolsos no primeiro semestre deste ano é inferior ao que ocorreu em igual período de 2017, que somaram R$ 33,5 bilhões. As consultas chegaram a R$ 48 bilhões, os enquadramentos a R$ 43,5 bilhões e as aprovações a R$ 33,7 bilhões.

Do total de desembolsos de janeiro a junho, R$ 13,5 bilhões foram para as micro, pequenas e médias empresas (MPMEs). O valor é próximo do que a instituição desembolsou no mesmo período em 2017, quando liberou R$ 13,3 bilhões. Mas no percentual de participação nos desembolsos totais do banco, o deste ano é maior, representou 48,6%, enquanto no ano passado ficou em 39,7%.

Nos últimos 12 meses, as MPMEs conseguiram R$ 29,9 bilhões em financiamentos, o que representa 46% do total desembolsado pelo banco. Em igual período anterior a junho de 2017, as liberações atingiram R$ 26,8 bilhões, equivalentes a 32,8% do total liberado pela instituição.

Infraestrutura

O setor de infraestrutura foi o que mais recebeu recursos do BNDES no semestre. Foram R$ 11 bilhões, ou 39,7% dos desembolsos totais. Em seguida ficaram os setores de comércio e serviços (com 21,1% das liberações ou R$ 5,9 bilhões), agropecuária (com 20,8% das liberações ou R$ 5,8 bilhões) e indústria (com 18,4% das liberações ou R$ 5,1 bilhões).

Regiões

O Sudeste ficou na frente e recebeu R$ 11,1 bilhões do BNDES. A região Sul conseguiu R$ 6,4 bilhões, o Nordeste R$ 5,7 bilhões, o Centro-Oeste R$ 3,8 bilhões; e a região Norte R$ 790 milhões.

(Agência Brasil)