Blog do Eliomar

Últimos posts

Deputado vê posse de Jáder como golpe contra a "Lei da Ficha Limpa"

90 1

O deputado estadual Fernando Hugo (PSDB) mandou para o Blog comentário sobre a liberação, pelo STF, da posse de Jáder Barbalho coo senador. Para ele, isso decreta o fim da Lei da Ficha Limpa. Confira: 

O Supremo Tribunal Federal, por voto decisivo do ministro-presidente Cezar Peluso, garantiu posse no Senado ao paraense Jader Barbalho, ultrajando todos os cidadãos brasileiros como eu, que acreditávamos no “Ficha Limpa”, movimento de nossa população que contou com minha liderança dentro da Assembleia Legislativa do Ceará.

Em minha opinião, é um passo para trás na tentativa de termos no Brasil, em qualquer eleição, somente candidaturas de pessoas limpas na acepção maior da palavra.

Estamos a menos de 1 ano do período eletivo de 2012 e VERGONHOSAMENTE ainda não há uma CONJUNÇÃO LEGAL que encime o FICHA LIMPA como maior exigência para os fiscais eleitorais, bem como os partidos políticos poderem legendar candidaturas.

Por isso, corruptos, ladrões, ímprobos, prevaricadores e traficantes de influência preparem suas candidaturas, pois o povo cidadão não tem merecido respeito algum por parte dos legisladores e dos que fazem cumprir as leis.

* Fernando Hugo,

Deputado estadual do PSDB.

Ex-presidente francês Jacques Chirac é condenado por uso indevido de verba pública

O ex-presidente da França Jacques Chirac, de 78 anos, foi considerado culpado de apropriação indébita e quebra de confiança. Ele foi sentenciado a dois anos de prisão, a serem cumpridos em regime de liberdade condicional.

Chirac foi réu em um processo que investigou desvio de fundos, abuso de confiança e conflito de interesses, facilitação na criação de empregos-fantasmas na prefeitura de Paris nos anos 90 e pagamento ilegal de salários para integrantes de seu partido. O ex-presidente sempre negou a existência de um sistema organizado de empregos fictícios na prefeitura.

Ele foi presidente da França durante 12 anos até 2007 e é o primeiro ex-presidente do país a ser condenado desde a 2ª Guerra Mundial.

A pedido da defesa, Chirac foi poupado de estar presente no próprio julgamento. Nos últimos meses surgiram informações de que ele sofre do mal de Alzheimer – doença degenerativa que causa a perda de várias habilidades.

Os advogados de Chirac informaram que o ex-presidente estava vulnerável e sem condições de comparecer ao julgamento por causa de problemas neurológicos. A mulher do ex-presidente, Bernardette, negou que ele sofra da doença.

(BBC Brasil)

Robson Andrade mentiu sobre palestras de Pimentel

“A situação de Fernando Pimental volta a se complicar. O jornal Globo revelou que as palestras nas unidades regionais da Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), citadas pelo ex-presidente da entidade Robson Andrade como prova dos serviços prestados pelo atual ministro do Desenvolvimento, não aconteceram. Pimentel não viajou às cidades-polo da indústria para palestras em 2009, ano em que sua empresa P-21 Consultoria e Projetos foi contratada por R$ 1 milhão para prestar serviços à federação. “Não tem nos nossos arquivos registro de evento com o Pimentel em 2009. Busquei e não achei nada”, disse Graciele Vianna, da assessoria da Fiemg Regional da Zona da Mata.

Atualmente, Andrade é presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e, na última semana, tentou explicar o trabalho realizado por Pimentel quando ele deixou a Prefeitura de Belo Horizonte. “O Pimentel, na época, também fez, a pedido da federação das indústrias, uma série de palestras nas regionais. A federação tem dez regionais e ele participou de palestras nessas regionais e também em outras cidades-polo da indústria mineira”, disse Andrade na ocasião. Mas nenhum funcionário ou dirigente da Fiemg confirmou sua passagem pelas regionais. “Não, na nossa regional ele não veio. E eu me lembraria, pois em 2009 eu já estava aqui na gerência”, disse Márcia Helena, da Regional do Vale do Rio Grande. O mesmo foi atestado pela gerente da Regional Rio Doce, Jaqueline Coelho: “Olhamos aqui todas as nossas pastas, registros de 2009 e 2010. Olhamos até eventos que pudessem estar relacionados a algum tema com o qual ele pudesse contribuir, mas não tem nada”.

Na Regional Pontal do Triânguloe e na Regional Sul, a conclusão foi a mesma. “Nunca vi Fernando Pimentel na minha vida”, foi categórico o assessor da unidade Centro-Oeste da Fiemg.

Funcionários das regionais do Alto do Paranaíba, do Vale do Paranaíba, do Vale do Aço e da Regional Norte também disseram não se lembrar de Pimentel em eventos na cidade organizados pela entidade.

Procurado nesta quarta-feira, Andrade se pronunciou por nota divulgada pela CNI. “A Diretoria de Comunicação da CNI informa que todos os esclarecimentos sobre a consultoria à Fiemg já foram dados”, informou.

Pimentel também informou que não se pronunciaria por considerar que “já prestou todas as informações necessárias a respeito dos serviços prestados”.

(Site Brasil 247 com O Globo)

A volta do ministro Ciro?

134 2

A jornalista Vera Magalhães, do jornal Folha de S.Paulo, informa em seu blog que há movimento no PT paulista para levar Ciro Gomes para o Ministério da Ciência e Tecnologia, com a ida de Aloizio Mercadante para a Educação ou as Cidades.

O movimento faz sentido, considerando as recentes críticas ao governo Dilma Rousseff, feitas por declarações do ex-governador. A indicação seria forma de mantê-lo sob controle.

Bem, coerência não é a qualidade mais cultivada no meio político e Ciro está entre os mais imprevisíveis desse meio. Mas seus recentes movimentos e declarações indicam que é muito improvável sua ida para um cargo no Governo Federal. Sua recente postura não é de aliado, mas de independência.

Ele ainda demonstra sonhar com a Presidência, situação na qual o alinhamento completo não seria desejável. Vale lembrar que Ciro foi sondado para a Integração Nacional no ano passado. Não se julgou desafiado pelo retorno a onde já esteve e recusou. Na época, houve sinalização de que poderia vir a integrar o primeiro escalão posteriormente. Mas, hoje, o cenário não parece propício. Entretanto, no caso em questão, nada custa lembrar que motivo para espanto é quando ele não surpreende.

(Coluna Política / O POVO)

Combate à exploração infanto-juvenil: mais ousadia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara Municipal de Fortaleza sobre exploração sexual de crianças e adolescentes apresentou o resultado de seis meses de apuração: foram identificados 74 pontos, entre restaurantes, bares, boates, motéis e flats de Fortaleza voltados para essa atividade. O trabalho foi considerado superficial por entidades como o Centro de Defesa da Criança e do Adolescente do Ceará (Cedeca) por reiterar – segundo a crítica – apenas o que já era conhecido.

A exploração sexual de crianças e adolescentes é uma chaga social antiga com que se defrontam os fortalezenses. Basta dizer que, em 1993, a Câmara Municipal criou a CPI da Prostituição Infantil e, em 2001, voltou a instalar outra CPI, dessa vez para investigar o turismo sexual na capital cearense. Ou seja, não é por falta de identificação dos exploradores que o problema continuou a persistir, mas sim pela não efetivação de uma política sistemática de desarticulação das causas que fomentam o fenômeno. Elas são múltiplas e exigem a participação do poder público em suas variadas instâncias e esferas de atuação, bem como da sociedade civil.

Como das outras vezes, constatou-se que a exploração sexual infanto-juvenil ocorre em diversas regiões da cidade – da periferia à orla marítima – e não se circunscreve ao Turismo. A tese de que os principais responsáveis são os turistas é inexata e cômoda. Na verdade, os maiores exploradores são daqui mesmo e até residem nas áreas adjacentes, embora o turismo sexual também tenha uma participação relevante nesse crime. As denúncias apontam que certos bares portadores de alvarás de funcionamento são na verdade fachadas para a articulação da prostituição infanto-juvenil.

Foram importantes as 13 audiências públicas, bem como as 18 reuniões com representantes de instituições sociais realizadas durante a CPI. Mas é preciso um trabalho mais articulado e estratégico para ir além do diagnóstico. Sobretudo, coragem política, determinação e audácia para enfrentar interesses “encapuzados”, que sempre conseguem diluir as melhores intenções, eternizando-as apenas no papel.

Cabe à sociedade dizer até que ponto continuará a aceitar o clima de fatalidade que se colocou sobre essa questão (como forma, talvez, de desestimulá-la a ousar mais). O desafio está posto.

(Editorial / O POVO)

Inflação medida pelo IGP-10 diminui para 0,19% em dezembro

O Índice Geral de Preços – 10 (IGP-10) diminuiu para 0,19% em dezembro. Um mês antes, a taxa havia sido 0,44%. Desde janeiro, o índice acumula alta de 5,33%.

De acordo com dados divulgados nesta quinta-feira (15) pela Fundação Getulio Vargas (FGV), o resultado foi influenciado pela queda no Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA). Em dezembro, o IPA ficou em -0,03%, depois de subir 0,48% um mês antes.

Caíram os preços dos bens intermediários (de 0,46% para -0,09%), principalmente materiais e componentes para a manufatura, cuja taxa passou de 0,17% para -0,32% no período. Além disso, as matérias-primas brutas passaram de alta de 0,55% para queda de 0,86%. Ficaram mais baratos de um mês para o outro minério de ferro (de 3,03% para –4,62%), cana-de-açúcar (de 1,2% para -0,82%) e milho em grão (de -2,23% para -4,66%).

Por outro lado, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) aumentou de 0,31% para 0,65% na passagem de um mês para o outro. Cinco das sete classes de despesa componentes do índice tiveram elevação, com destaque para alimentação (de 0,2% para 1,02%). Pesaram mais no bolso do consumidor carnes bovinas (de 1,04% para 4,48%) e frutas (de 0,18% para 4,30%).

O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) também subiu, de 0,39% para 0,53%. O custo da mão de obra ficou mais alto, passando de 0,5% para 0,81%. Já os gastos com serviços diminuíram de 0,29% para 0,15%. O índice relativo aos materiais e equipamentos registrou a mesma taxa apurada no mês anterior: 0,27%.

O IGP-10 é um dos índices da FGV que medem a inflação no período de um mês. Para calcular a taxa, foram coletados preços entre os dias 11 de novembro e 10 de dezembro.

(Agência Brasil)

De olho na juventude, católicos lançam aplicativo para smartphone

Preocupada em renovar sua linguagem para conquistar os jovens, a Arquidiocese de Campinas (SP) lançou o iJuventude, aplicativo para smartphone com informações sobre a próxima Jornada Mundial da Juventude. O evento, um dos mais importantes da Igreja Católica, ocorre a cada dois ou três anos desde 1986. A próxima edição será em 2013, no Rio de Janeiro.

Compatível com iPhone, iPod touch, iPad e Android, o aplicativo traz dados históricos e novidades sobre a jornada, além da “Cristoteca” –canal com mais de 70 músicas de cantores católicos. Segundo o padre Rodrigo Catini Flaibam, a ideia é “trabalhar a mídia onde a garotada está hoje em dia”.

Em junho deste ano, o papa Bento 16 –que completou 84 anos em abril– já havia mostrado preocupação com as novas mídias. Ao lançar o novo site do Vaticano, usou um iPad para escrever uma mensagem no Twitter. Os esforços da Igreja Católica para se adaptar à linguagem dos jovens são reflexos da expansão evangélica.

No Brasil, nas últimas duas décadas, os evangélicos saltaram de cerca de 14% da população para 25%, enquanto os católicos encolheram quase dez pontos percentuais –são hoje aproximadamente 65% da população.

Com estrutura menos rígida, as igrejas evangélicas conseguem renovar a linguagem com maior rapidez. “Esse é um terreno novo, ainda é uma aventura para a agente”, reconhece Flaibam. “Mais que uma questão de proselitismo, é uma preocupação com a linguagem”, diz.

Ele conta que os mais velhos da arquidiocese só foram descobrir como mexer num iPhone na hora de conhecer o aplicativo iJuventude.

(Folha)

Campanha em Fortaleza sem Dilma

É remota a possibilidade de a presidente Dilma Rousseff se envolver na campanha eleitoral do próximo ano em Fortaleza. Em visita a Porto Alegre, na terça-feira (13), ela sinalizou que fará como o antecessor Lula: evitará lugares onde a base estiver dividida.

Em função do enfrentamento entre PT, PDT e PR, em 2008, o ex-presidente não subiu em palanque, nem gravou mensagem para o programa eleitoral na reeleição de Luizianne Lins (PT).

Também na terça-feira, a direção nacional petista divulgou resolução na qual ressalta, no diálogo com os aliados, “a legítima aspiração de cada partido ao seu crescimento e a posição relativa de força de cada um na sociedade”.

Em Fortaleza, mesmo o PT já admite como certa a candidatura própria do PCdoB. O PDT também sinaliza que terá candidato próprio. PSB faz discurso de apoio ao candidato da prefeita, mas sem convicção. O PMDB deve seguir o rumo do partido do governador Cid Gomes (PSB).

(Coluna Política / O POVO)

Sindiute avalia como avanço o pagamento integral do 13º, mas avisa: a luta continua

185 6

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=pOqovifRcB8&list=UU3PLF5T6g3ddE4BpeF0EhZg&index=1&feature=plcp[/youtube]

O Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação (Sindiute) avaliou como “avanço” o anúncio, por parte da Prefeitura, do pagamento integral do 13º salário para os docentes, com direito a notebook para cada um dos professores.

Mas, segundo a dirigente do Sindiute, Gardênia Baima, a luta continua e em busca de reajuste salarial já para 2012.

Ministério Público faz megaoperação em Pacajus. Prefeito é preso

124 4

A Promotoria de Combate aos Crimes contra a Administraçao Públ ica (Procap) está realizando em Pacajus (Região Metropolitana de Fortaleza) uma megaoperação. À frente, o promotor Luís Alcântara. São 11 mandados de prisão e de busca e apreensão.

O prefeito Pedro José Philomeno, o presidente da Câmara Municipal e mais três secretários e um vereador foram presos.

Todos deverão ser encaminhados para a Delegacia de Capturas. São acusados de desvio de recursos públicos.

Para a Delegacia de Homicídios foi levado o material apreendido com essas pessoas.

Agnelo é acusado de beneficiar importadora de medicamentos

O governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), autorizou o funcionamento de uma importadora de medicamentos cujo dono vendera uma casa ao petista.

A casa no Lago Sul (bairro nobre de Brasília) foi vendida por Glauco Santos por R$ 400 mil a Agnelo em março de 2007. Em outubro Agnelo foi nomeado diretor da Anvisa (Agência de Vigilância Sanitária).

Em abril de 2008, como diretor, ele liberou o funcionamento da Saúde Import, do mesmo Glauco, em um processo que durou apenas dois meses.

A documentação sobre o caso foi exibida nesta quarta-feira (14) pelo deputado Fernando Francischini (PSDB-PR). “Um clássico caso de tráfico de influência: uma casa num setor de mansões em Brasília não vale isso”, disse.

Em nota, a assessoria de Agnelo acusou o deputado de “repassar informações inverídicas à imprensa, agindo de má-fé”. Segundo a nota, Agnelo “repudia qualquer vinculação de favorecimento a qualquer empresa”. Glauco Santos não respondeu aos recados da

(Folha)

Americanos baixam bandeira em Bagdá, pondo fim à guerra no Iraque

Militares desceram a bandeira dos Estados Unidos da haste e a enrolaram em um tecido, fechando o quartel-general do Exército americanos em Bagdá de acordo com as tradições. Assim foi encerrada oficialmente nesta quinta-feira (15) a guerra no Iraque, após quase nove anos de presença das tropas americanas no país.

Com a participação do secretário de Defesa dos Estados Unidos, Leon Panetta, o encerramento se dá duas semanas antes do prazo programado no acordo de segurança assinado entre os governos dos EUA e do Iraque em 2008.

O documento estipulava que as tropas estrangeiras deveriam deixar o país do Oriente Médio até o dia 31 de dezembro deste ano. Os soldados chegaram no país em março de 2003. A data da cerimônia foi mantida em segredo durante semanas para evitar que insurgentes ou milícias pudessem planejar um ataque.

Em seu discurso na cerimônia no aeroporto internacional de Bagdá, Panetta afirmou que os veteranos que fizeram parte dos quase nove anos de conflito poderiam estar certos de que o “sacrifício que fizeram ajudou o povo iraquiano a colocar a tirania de lado”.

“Depois de muito sangue derramado por iraquianos e americanos, a missão de um Iraque que pudesse se governar e garantir a própria segurança se concretizou”, ressaltou. “Certamente, o custo foi alto –em mortes e em dinheiro para os Estados Unidos e para o povo iraquiano. Essas vidas não se perderam em vão”.

Com o fechamento do quartel-general do Exército americano em Bagdá, é colocado um fim definitivo na presença militar americana no país. As últimas tropas serão retiradas após quase nove anos desde a invasão que derrubou Saddam Hussein.

Apenas cerca de 4.000 soldados americanos permanecem no Iraque e devem se retirar até 31 de dezembro, deixando um país que ainda enfrenta uma insurgência enfraquecida, mas persistente, e incertezas políticas.

Dar fim à guerra foi uma das promessas que ajudaram Barack Obama a chegar à Presidência em 2008, e permite que a Casa Branca foque no Afeganistão e na crise econômica doméstica. No entanto, críticos acusam Obama de usar o fim da guerra para dar força à sua campanha para a reeleição em 2012.

(das agências)

Dinamite, armas e munição apreendidas em Boa Viagem

“Dinamite, armas e munição foram apreendidas nessa quarta-feira, 14, na localidade de Olho D’Água dos Facundos, em Boa Viagem, a 221,6 quilômetros de Fortaleza.

De acordo com o Comando de Policiamento do Interior (CPI), a Polícia estava cumprindo um mandado de prisão por inadimplência de pensão alimentícia contra o agricultor José Maria da Costa, 66, quando encontrou o material.

Foram recolhidos uma banana de dinamite, 80 espoletas para detonação de dinamite, cinco metros de cordão, também para detonação, um revólver calibre 38, um rifle calibre 22, 49 cartuchos intactos para calibre 38, cinco cartuchos para calibre 44, seis cartuchos para calibre 36, um par de algemas e quatro quilos de chumbo.

Ainda segundo o CPI, o agricultor foi encaminhado para a delegacia do município.”

(O POVO Online)

Prefeito de Ipu sofre acidente após ser vítima de tentativa de assalto

124 1

Uma tentativa de assalto por pouco não resultou em morte. O prefeito de Ipu e o comandante da Guarda Municipal da cidade, Francisco Jean Vidal, saíram ilesos de um acidente após bater o veículo em que estavam numa barreira de pedras formada no meio da rodovia. O caso aconteceu na noite de terça-feira (13), na CE-366, trecho que liga as cidades de Varjota e Ipu.

Conforme entrevista do prefeito Henrique Sávio Pereira Pontes, concedida após o acidente ao blog do repórter Diego Farias, ele e o comandante seguiam viagem de Fortaleza com destino a Ipu. Em uma subida, avistaram uma barreira de pedras no meio da rodovia. Ao bater na estrutura, o pneu dianteiro do carro sacou e o veículo virou de lado e foi arrastado por vários metros no asfalto.

“Naquele momento, só esperava a vinda dos bandidos que tinham colocado as pedras na estrada. Estávamos presos, sem ter saída. O comandante conseguiu sair logo do carro armado”, relata o prefeito, aliviado. Segundo ele, os criminosos não apareceram para assaltá-los, porque pararam outros carros na hora para tentar socorrer quem estava no veículo.

“Com certeza era uma tentativa de assalto. Poderia ser a qualquer outro carro, mas foi ao nosso”, salienta durante a entrevista. O prefeito disse ainda que vivenciou tudo. “Foi tudo muito rápido. Em nenhum momento, perdi os sentidos. Não sofremos nada porque o carro é muito seguro, reforçado e nós estávamos com cinto de segurança. Trafegávamos a 120 quilômetros por hora. Foi um acidente de grandes proporções”, lembra o prefeito, agradecido.

A assessoria de imprensa do prefeito informou que ele estava em Fortaleza desde segunda-feira, onde participou de reuniões. Durante a entrevista ao blog, Sávio Pontes foi questionado sobre a violência naquela região. Ele disse que o caso foi uma fatalidade. “Tem horas que não dá para evitar tudo. A ação da Polícia foi rápida. Com certeza, eles devem investigar o que aconteceu”.

Violência

Em julho deste ano, O POVO publicou uma série de reportagens sobre a violência na região, que fez dezenas de famílias migrarem da zona rural para a sede da cidade de Varjota. Um casal entrevistado na época relatou que foi embora da localidade de Cajazeiras depois que teve a casa invadida por assaltantes. Os agricultores acabaram alugando uma casa na sede do município.

(O POVO)

Rio faz megaoperação contra jogo do bicho; 26 já foram presos

A Polícia Civil do Rio realiza nesta quinta-feira (15) uma megaoperação contra a cúpula do jogo do bicho. Entre os alvos estão integrantes de escolas de samba. Por volta das 8 horas, o Ministério Público informou que 26 pessoas já haviam sido detidas –25 no Rio e uma em Pernambuco.

A chamada Operação Dedo de Deus é realizada pela Corregedoria Interna da Polícia Civil e pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado), do Ministério Público. A Justiça expediu 60 mandados de prisão e 125 de busca e apreensão.

Segundo informações do “Bom Dia Rio”, da Rede Globo, a operação monitorou o momento em que o grupo instalava máquinas de cartões no mercado clandestino das apostas e, conforme as investigações, ao menos uma construtora era usava para lavar o dinheiro ilegal. As investigações duraram um ano.

No começo da manhã, até um helicóptero da Polícia Civil foi usado na operação. Policiais usaram a aeronave para descer de rapel em um imóvel de luxo em Copacabana (zona sul), que seria de um bicheiro, informou o telejornal.

Entre os alvos da operação estão três presidentes ou patronos de escolas de samba, segundo a Globo. Buscas também são feitas, entre outros lugares, no barracão da escola de samba Beija-Flor, na Cidade do Samba. Mandados de busca também devem ser cumpridos na Bahia e em Pernambuco.

De acordo com o Ministério Público, participam da operação cem delegados, cinco promotores e mais de 700 agentes da Polícia Civil.

(Folha)

Prefeitura anuncia pacote de bondades

156 8

As vésperas do ano eleitoral de 2012, a Prefeitura de Fortaleza anuncia um pacote recheado de bondades aos professores – categoria que costuma dar trabalho ao Executivo e que, este ano, protagonizou tensa greve contra a gestão Luizianne Lins (PT). Duas novidades tocam diretamente no bolso dos professores: todos eles receberão o valor integral do 13º salário, embora, em junho, já tivessem sido beneficiados com 40% do benefício. Também serão pagos três dos quatro anuênios atrasados – reajuste automático anual de 1% para toda a categoria.

Além do dinheiro extra – que sairá dos cofres do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) –, a Prefeitura também vai dar um notebook para cada professor em exercício, para planejamento e apoio de aulas. Fora isso, promete custear cursos de graduação para os cerca de 144 professores de nível Médio da rede municipal.

Nada a ver com eleição

Titular da Secretaria de Educação e integrante da lista de “prefeituráveis” do PT para 2012, Elmano Freitas evitou tratar o conjunto de ações como um pacote especial, e sim como “mais um passo na política de valorização do magistério”. Segundo ele, a conjuntura financeira do Município e a sequência de negociações com a categoria levaram à construção do acordo.

O Sindicato Único dos Trabalhadores da Educação (Sindiute) também evita ligar o pacote ao ano eleitoral e sustenta a tese de que se trata de uma “vitória da mobilização” dos professores.

Embora satisfeitos com as “conquistas”, a diretora da entidade, Gardênia Baima, preferiu não descartar hipótese de greve em 2012. Segundo ela, um dos pontos centrais da negociação com a Prefeitura continua em aberto: o índice de reajuste salarial para o próximo ano, pleiteado em 19,2%. O tema ainda será alvo de discussão com o Executivo, na próxima semana. A data base é logo em janeiro.

Saiba mais

O secretário Elmano Freitas disse estar confiante com a possibilidade de não haver greves em 2012. “Os professores sabem que não há governo que tenha dado mais conquistas aos professores”.

Questionado pelo O POVO, ele também reiterou que está no páreo pela disputa interna do PT para definição de candidato. “É claro que quero ser prefeito!”.

Além do reajuste salarial, os professores ainda reivindicam mais democracia no processo de escolha dos diretores de escola. Hoje, eles são indicados pelo Executivo. Todos foram beneficiados com 100% de aumento na gratificação, que chegará a cerca de R$ 1.900,00.

(O POVO)

Multa, confusão e polêmica

72 1

Uma abordagem de agentes da Autarquia Municipal de Trânsito (AMC) a um veículo que, segundo a autarquia, estaria estacionado em um local indevido, no último dia 7, virou caso de Polícia. O fato foi flagrado por um internauta. As imagens mostram o momento em que um condutor de um veículo multado era imobilizado por um agente da autarquia.

A ação teria acontecido após, supostamente, o condutor do carro ter atirado ovos contra o agente por não aceitar o recebimento de uma notificação. O vídeo foi publicado na Internet, na última terça-feira, 13, por um usuário do site YouTube (http://www.youtube.com/watch?v=G1Lh_KxBe3E).

O presidente da AMC, Fernando Bezerra disse que o motorista foi autuado porque teria estacionado o veículo sobre uma faixa de pedestres, próximo a uma faculdade particular, na rua Visconde de Mauá. Ainda de acordo com Fernando Bezerra, depois de receber a multa, o condutor saiu do local e retornou depois de cinco minutos. “Ele desceu do carro com uma caixa de ovos e jogou contra os agentes. Todos foram para a delegacia”.

(O POVO)

VLT: Comunidades se recusam a deixar casas antes de negociação

155 1

“Nós viemos dizer à cidade que o VLT (Veículo Leve sobre Trilhos) não vai passar enquanto o governo não negociar com as comunidades afetadas”, avisava o Movimento de Luta em Defesa da Moradia (MLDM), na manhã de ontem, a quem passasse pelo Centro de Fortaleza.

Dezenas de pessoas da sociedade civil organizada e de moradores das comunidades às margens da avenida Almiante Henrique Sabóia, a Via Expressa, afetadas pelo VLT, interromperam o trânsito de ruas do bairro e caminharam da Praça Clóvis Beviláqua à sede do Metrô de Fortaleza e, em seguida, ao Paço Municipal. O protesto pacífico focou a maneira como o governo conduz as desapropriações.

A professora Regina Pereira, de 50 anos, é familiar de posseiros da Trilhos do Senhor e defende: “Não somos contra a Copa (do Mundo de 2014), nem contra o VLT, mas contra a maneira como o governo age. É muita pressão, a indenização não é justa e as leis são desrespeitadas”.

O aparato legal a que se refere a professora está na Lei Orgânica do Município. O artigo 149 prevê: a remoção da “população de baixa renda” pode acontecer nos casos quando “seja imprescindível para a reurbanização, mediante consulta obrigatória e acordo de, pelo menos, dois terços da população atingida, assegurando o reassentamento no mesmo bairro”.

Muito longe

A proposta do governo, firmada pela Lei 15.056 na terça-feira, 13, prevê remoção das famílias afetadas pelo VLT para o condomínio Cidade Jardim, José Walter, a aproximados dez quilômetros de onde as “comunidades do trilho” vivem. “Procuramos opções dentro dos bairros, não encontramos”, afirma o diretor de desenvolvimento e tecnologia do Metrô de Fortaleza, Edilson Aragão.

A escolha por passar onde estão as comunidades, assegura, considera fatores orçamentários, logísticos e sociais. “De um lado fica o Cocó, do outro, uma área de intensa ocupação, no meio, estão as comunidades, em áreas que já são do estado (a comunidade é posseira). O critério tem sido esse com o Metrô de Fortaleza, as construções são feitas onde já tem trilho. É mais barato e mais prático”, argumenta Aragão.

Conforme o MLDB, não há acordo entre as comunidades do trilho e o governo e não é imprescindível a saída dos moradores para a passagem do VLT. Ainda em conformidade com o movimento, a remoção das famílias para o José Walter parece maquiagem da pobreza e outras soluções precisam ser discutidas entre governo e comunidades.

ENTENDA A NOTÍCIA

Trilho do Senhor, Dom Oscar Romero, São Vicente, Pio XII, João XXIII, Aldacir Barbosa, Lagamar e Jangadeiros são as oito comunidades conhecidas em conjunto como Comunidade do Trilho, às margens da Via Expressa.