Blog do Eliomar

Últimos posts

Partido Progressista marca convenção para endossar reeleição de Camilo e Cid para o Senado

284 1

O Partido Progressistas do |Ceará vai realizar sua convenção estadual no próximo domingo, a partir das 9 horas, no Ginásio da Faculdade Ari de Sá. Ou seja, em clima de convenções do PDT e do PT, informa o presidente regional Antônio José Albuquerque.

Hora de homologar apoio à reeleição do governador Camilo Santana (PT) e endossar o nome do ex-governador Cid Gomes para o Senado.

Embora Antônio José presida a legenda, o nome de influência nesse partido é o de seu pai, o presidente da Assembleia Legislativa, Zezinho Albuquerque.

(Foto – TV jaguar)

Bolsonaro perde para Lula e Marina na “vaquinha” virtual

361 1

A vaquinha online do PSL, partido do presidenciável Jair Bolsonaro, acabou de chegar ao saldo de R$ 100 mil arrecadados, nove dias após ser aberta. A informação é da Veja Online.

O crowdfunding de Lula, um reconhecido fracasso, atingiu a mesma marca em dois dias e o da presidenciável Marina Silva (Rede), em cinco.

Em entrevista à VEJA, o capitão previu levantar R$ 10 milhões, sendo R$ 1 milhão para a campanha da chapa presidencial que ele encabeça. Está longe.

(Foto – Agência Brasil)

Setor de Cadastro de Adoções – Redução de pessoal será alvo de protesto

Da Coluna do Eliomar de Lima, no O POVO desta quarta-feira:

O Setor de Cadastro de Adoções do Fórum Clóvis Beviláqua está ameaçado de reduzir seu pessoal. A queixa é feita pelos grupos que trabalham com os futuros pais interessados em adotar crianças dos abrigos do Estado. Atualmente, são cerca de 10 servidores no setor.

De acordo com Eliseu Castelo Branco Júnior, da Rede Adotiva, uma ONG que trabalha com adoções e dá apoio a interessados em adotar crianças, o setor já opera com certa dificuldade e reduzir pessoal seria causar maior congestionamento. “Hoje um processo de adoção que sairia em um mês demora até seis meses ou mais.

Além disso, há a questão da criança que permanece por mais tempo no abrigo, o que torna difícil a adoção, pois há pais que não querem adolescentes”, explica. No próximo dia 10, às 9 horas, no hall do Fórum, haverá um ato público dos grupos de adoção pedindo reforço e não corte de pessoal no Setor de Cadastro.

Fortaleza ganhará mais um hospital infantil, anuncia o prefeito

Fortaleza vai ganhar um novo hospital infantil. O anúncio foi feito pelo prefeito Roberto Cláudio (PDT), durante entrevista coletiva nessa terça-feira, no Paço Municipal. Segundo ele, o início das obras da nova unidade acontecerá, no máximo, em janeiro de 2019, com previsão de conclusão em janeiro de 2020.

Roberto Cláudio adiantou que essa nova unidade estará anexada ao Hospital da Mulher. As duas unidades, conforme o pedetista, trabalharão de modo conjunto, o que reduzirá custos. “Porque boa parte dos serviços no Hospital da Mulher (Hospital e Maternidade Dra. Zilda Arns) podem ser aproveitados: esterilização, lavagem de roupas, central de custos básica, central de imagens e centro cirúrgico”, argumenta.

O futuro equipamento, diz RC, terá 104 leitos. Ele diz que a motivação para a obra é a sobrecarga pela qual passam Hospital Albert Sabin e Centro de Assistência à Criança Lúcia de Fátima Rodrigues Guimarães Sá (Croa), este com 30 leitos. Serão construídos dois pavimentos, numa estrutura que terá mais de 4 mil metros quadrados. Para a obra, informa o prefeito, será investido valor entre R$ 8 e R$ 9 milhões. O dinheiro é oriundo de recurso federal que já estava em conta, que seria destinado a ampliação do Hospital e Maternidade Dra. Zilda.

(Também com o repórter Carlos Holanda, do O POVO)

Lula quer o PT apoiando Eunício no Ceará, diz colunista do O Globo

328 2

O PT cearense deu uma rasteira em José Pimentel e negou ao senador legenda para disputar a reeleição. O PT, com o o.k. de Lula, vai facilitar a vida de Eunício Oliveira, emedebista até a medula. A informação é do jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo.

Mais do que isso, Eunício poderá exibir uma mensagem de apoio de Lula que vale um pote até aqui de votos no Ceará.

Gleisi Hoffmann tuitou no domingo um post tentando desmentir que Lula vá apoiar Eunício. Disse Gleisi:

— Lula não enviou nenhuma carta de apoio à candidatura de Eunício de Oliveira ao Senado da República pelo Ceará.

Por meio de um ex-ministro de seu governo, Lula enviou uma mensagem em resposta a uma carta enviada pelo emedebista. Mais explícito, impossível:

— Meu candidato prioritário no Ceará é você. Jamais deixaria que uma ação com Dilma atrapalhasse essa reeleição.

E que ação é essa a que se refere Lula? O ex-presidente explicou que pouco antes de ir para Curitiba havia desautorizado uma operação em curso destinada a convencer Dilma Rousseff a transferir o domicílio eleitoral para o Ceará, onde seria candidata ao Senado.

Foi uma resposta à carta de Eunício, que começava assim:

— Caro presidente Lula, querido amigo, foi ouvindo meu coração nordestino e sertanejo que tomei a liberdade de escrever esta mensagem. Com ela, quero reiterar a admiração e o respeito que lhe devoto desde muito antes de ter a honra de servir ao seu governo como ministro e, depois, como líder do PMDB, ao lado de outros valorosos companheiros.

(Foto – Ailton Freitas, O Globo)

VAMOS NÓS – Lula também apoia a reeleição do senador Renan Calheiros (MDB) nas Alagoas.

Izolda Cela permanecerá como vice de Camilo Santana

1446 2

Nada de mudança na posição de vice da chapa pró-reeleição do governador Camilo Santana.

A professora Izolda Cela, ex-secretária estadual da Educação, continuará nessa condição. Fontes do PDT asseguram ainda que a foto dela ao lado do governador já está até feita e será uma das peças da decoração que o partido vai expor durante a convenção de domingo, no Ginásio da Faculdade Ari de Sá.

Discreta, Izolda foi, aos poucos, ganhando não só a confiança do governador, mas de toda a equipe e de lideranças dos partidos aliados. Camilo sempre deu a entender que gostaria de manter essa parceria.

Em entrevista ao Blog, ele chegou a dizer que a manutenção de Izola na vice será algo “natural”

(Foto – Arquivo)

PCdoB oficializa nesta quarta-feira a candidatura de Manuela D’Ávila à presidência da República

O PC do B realizará nesta quarta-feira, em Brasília, sua convenção que homologará Manuela D’Ávila como candidata do partido à Presidência da República. O ato acontecerá no Auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados.

O objetivo da candidatura de Manuela, segundo a legenda, é defender “um novo projeto de desenvolvimento soberano, alicerçado na democracia, com geração de empregos, distribuição de renda, combate às desigualdades sociais, regionais e de gênero”.

Do Ceará, seguiram, nas últimas horas, parlamentares como Chico Lopes e membros da direção estadual do partido, como Benedito Bizerril. Eles disseram que Manuela vai trabalhar pelo fortalecimento das esquerdas que devem ficar juntas num segundo turno da disputa.

(Foto – Carla Boughoff)

Policiais civis são atacados por grupo com armas de alto poder de fogo em Morada Nova

A equipe da Polícia Civil de Morada Nova, cidade distante a 167 quilômetros de Fortaleza, foi atacada por um grupo que portava armas de alta poder de fogo na CE-138, nessa terça-feira, 31.

Os policiais civis seguiam na estrada, quando passaram pelos homens armados, que estavam em um veículo de passeio e caminhão baú. Os criminosos efetuaram disparos contra os agentes de segurança e abandonaram o caminhão.

Em seguida, o grupo tomou um automóvel de assalto. Outra parte da quadrilha fugiu em outro carro. Não houve registro de feridos. As informações são da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

No local da ocorrência foram encontradas munições de calibre .50, que é utilizado em fuzis e metralhadoras. O caminhão baú foi apreendido.

Conforme a SSPDS, além da Polícia Civil, o Comando Tático Rural (Cotar) e o Batalhão de Policiamento de Rondas e Ações Intensivas e Ostensivas (BPRaio) participaram da ação.

(O POVO Online)

Valor de imóvel financiado com FGTS passa para R$ 1,5 milhão

Os mutuários voltarão a poder financiar imóveis de valor mais alto com recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). O Conselho Monetário Nacional (CMN) elevou para R$ 1,5 milhão o teto de valor das unidades que podem ser adquiridas por meio do Sistema Financeiro de Habitação (SFH), que empresta dinheiro com recursos do FGTS com juros menores que as taxas de mercado.

O novo teto vai beneficiar todas as regiões do país e valerá para o financiamento de imóveis residenciais novos contratados a partir de 1º de janeiro próximo. Concedidos com recursos do FGTS e da poupança, os financiamentos do SFH cobram juros de até 12% ao ano. Acima desses valores, valem as normas do Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), com taxas mais altas e definidas livremente pelo mercado.

(Agência Brasil)

No Ceará, 509 mil crianças devem receber vacina contra a pólio e sarampo

A nova Campanha Nacional de Vacinação Contra a poliomielite e sarampo começa na segunda-feira, 6, e vai até o dia 31. No Ceará, o público-alvo da campanha é de aproximadamente 509,1 mil pessoas.

Em todo o país, 11,2 milhões de crianças devem ser vacinadas. Todas as crianças de um ano a menores de cinco do país devem se vacinar contra a pólio e sarampo, independente da situação vacinal. O dia D de mobilização nacional será sábado, 18 de agosto, quando os mais de 36 mil postos de vacinação no país estarão abertos ofertando as vacinas.

(Agência Saúde)

PGR defende no Supremo que prisão de Lula seja mantida

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, defendeu hoje (31) a rejeição do pedido no qual o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pretende aguardar em liberdade o julgamento de mais um recurso contra a condenação na Operação Lava Jato.

No parecer, Dodge afirma que a prisão de Lula deve ser mantida como forma de prevenção e repressão dos crimes cometidos pelo ex-presidente. Segundo a procuradora, pesam contra Lula “gravíssimas e inúmeras consequências judiciais, as quais não encontram precedentes no sistema jurídico brasileiro”.

“Luiz Inácio Lula da Silva foi eleito para o mais alto cargo do Executivo Federal com um ferrenho discurso anticorrupção, alardeando sua honestidade e prometendo combate aos dilapidadores dos cofres públicos. Elegeu-se em virtude de sua retórica de probidade e retidão. Tais fatos elevam sobremaneira o grau de censurabilidade da conduta do recorrente e devem ser punidos à altura”, argumentou.

Raquel Dodge afirmou ainda que os crimes cometidos por Lula tiveram como motivação “manter o esquema de cartel e corrupção na Petrobras funcionando”.

“Os motivos dos crimes também ensejam avaliação desfavorável ao requerente. È evidente que o motivo dos crimes constituiu a ambição de enriquecimento desmedido e manutenção no poder, comprometendo o correto funcionamento do processo decisório da Petrobras, bem como interferindo e promovendo o desequilíbrio no sistema econômico e político do país”, completou.

Lula está preso na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba desde o dia 7 de abril, por determinação do juiz Sérgio Moro, que ordenou a execução provisória da pena de 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro, no caso do triplex em Guarujá (SP). A prisão foi executada com base na decisão do STF que autorizou prisões após o fim dos recursos na segunda instância da Justiça.

O STF retoma amanhã (1º) os trabalhos do segundo semestre após o recesso em julho, mas a data de julgamento do recurso ainda não foi definida.

(Agência Brasil)

Aeroportos da Infraero têm melhor avaliação do que os privatizados

324 1

Os terminais administrados pela Infraero foram mais bem avaliados, no segundo trimestre deste ano, do que os concessionados em duas das três categorias da pesquisa de satisfação com os aeroportos, feita pelo Ministério do Transportes a cada três meses. É o que informa o jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo.

O aeroporto de Vitória foi o melhor na categoria até cinco milhões de passageiros por ano.

O de Curitiba foi o primeiro colocado na categoria entre cinco e 15 milhões de passageiros anuais, além de ser o melhor dos 20 aeroportos pesquisados.

Na terceira categoria, acima de 15 milhões de passageiros por ano, o aeroporto de Brasília, o único concessionado a encabeçar um dos três rankings, foi o mais bem avaliado.

Quer conhecer o planeta Saturno?

A Seara da Ciência, equipamento de divulgação científica da Universidade Federal do Ceará, abrirá suas portas ao público, nesta sexta-feira (3), a partir das 10 horas, para a primeira edição do Seara Asteroid Day. Trata-se de uma iniciativa gratuita que visa incentivar estudantes e professores cearenses a pesquisar asteroides, objetos que vêm do espaço e que podem causar danos à humanidade. A programação terá início com uma exposição de meteoritos, informa a assessoria de imprensa da UFC.

Às 14 horas, haverá a palestra “Asteroides, meteoros e meteoritos: o que são e de onde vêm?”, que será proferida pelo professor Ednardo Rodrigues, do Grupo de Astronomia e Astronáutica da Seara da Ciência (GAS Interestelar). Às 15 horas, será a vez do pesquisador Lauriston Trindade, do Brazilian Meteor Observation Network (BRAMON), proferir a palestra “Do Ceará para o mundo: a descoberta das primeiras chuvas de meteoros no Brasil”. A última palestra do dia, do professor Dennis Weaver, do Laboratório de Astrofísica e Cosmologia do Instituto Federal do Ceará (IFCE), será às 16 horas e é intitulada “Discos circum-estelares e evolução estelar”.

A partir das 18 horas ocorrerá a atividade de observação de Saturno, no Observatório da Seara da Ciência.

SERVIÇO

*Seara da Ciência – Rua Abdenago Rocha Lima, s/n, ao lado da entrada principal do Campus do Pici. A programação se encerrará às 20h30min.

*Mais informações na página da Seara da Ciência no Facebook (www.facebook.com/SearaDaCienciaUfc).

(Foto – Arquivo)

Aumento da dívida pública desafia o próximo presidente

Seja quem for o próximo presidente do Brasil, uma coisa parece certa a esta altura: irá conviver com um aumento constante da dívida pública. Conforme projeção do Tesouro Nacional para investidores, a proporção do endividamento passará dos atuais 75,7% do Produto Interno Bruto (PIB) para 82% em 2022, último ano do mandato. Mesmo que o próximo mandatário venha a ser reeleito, só verá a dívida cair em 2025 – terceiro ano de um hipotético segundo mandato.

A visão do Tesouro é compartilhada por economistas de matizes diferentes, dentro e fora do governo. A Agência Brasil ouviu o mesmo diagnóstico na academia (PUC-RJ, FGV-IBRE, Unicamp e UFMG) e em outras instituições públicas (Ipea e Senado). Especialistas acrescentam que a alta da dívida acompanhará o próximo presidente mesmo com ajuste fiscal.

“Nós temos no momento um quadro em que a dívida pública se encontra em elevação, e tende a se manter nessa trajetória mesmo diante de um esforço fiscal que o governo venha a fazer no sentido de reduzir despesas e aumentar receitas”, alerta o diretor-adjunto de Estudos e Políticas Macroeconômicas do Ipea, Marco Cavalcanti.

“Não existe mágica a ser feita aqui. Temos uma dívida alta. Essa dívida gera uma necessidade de pagamento de juros. Além disso, há o déficit primário que não consegue reduzir a zero ou tornar superavitário em pouco tempo”, acrescenta o pesquisador do Ipea. O déficit primário é o resultado negativo das contas do governo desconsiderando o pagamento dos juros da dívida pública.

Cenários

O Ministério do Planejamento Desenvolvimento e Gestão desenhou dois cenários fiscais. Em ambos, a diferença entre as receitas e despesas do setor público seguem negativas nos próximos anos. Enquanto as contas públicas estiverem vermelhas, a dívida federal seguirá pressionada.

No primeiro cenário, são adotadas “algumas reformas estruturantes que viabilizam o equilíbrio fiscal de longo prazo”. Nessas condições, as contas públicas ficam negativas até 2022. No segundo cenário, além das reformas estruturantes, estão em vigor “reformas microeconômicas que elevam o potencial de crescimento” e assim o resultado primário torna-se positivo um ano antes (2021).

O caminho poderá ser mais longo e tortuoso sem crescimento econômico. “Indicador de atividade econômica mais baixo afeta a trajetória da dívida”, resume Felipe Salto, diretor-executivo da Instituição Fiscal Independente, do Senado Federal. O retrospecto recente dos dados do Tesouro e do IBGE evidenciam que a dívida pública começou a subir quando a economia perdeu força, a partir de 2014.

“Só é possível pensar na estabilização da dívida pública brasileira com a retomada do crescimento. [Também] não há possibilidade de estabilizar o déficit público com a queda do PIB”, aponta Pedro Rossi, professor do Instituto de Economia da Unicamp.

Vilma Pinto, pesquisadora da área de Economia Aplicada da FGV-IBRE, mostra como o quadro de piora da economia repercute na deterioração fiscal. Ela analisa a última década da economia e aponta que entre 2008 (ano da crise financeira internacional) e 2018, “houve queda de 2,5 pontos percentuais das receitas primárias e aumento de 3,2 pontos percentuais nas despesas primárias. O saldo líquido é uma piora de 5,7 pontos percentuais do PIB”.

Repercussão política

Para Carlos Ranulfo, professor titular do Departamento de Ciência Política da UFMG, a situação fiscal será um grande desafio para o próximo presidente da República. Ao buscar a retomada do crescimento, o novo governo não poderá criar mais déficit.

Em sua opinião, além do PIB baixo, o eleito em outubro de 2018 sofrerá com assédio dispendioso de um futuro Congresso “muito pragmático e muito clientelista”. O Poder Legislativo é, tradicionalmente, um foco de pressão por gastos públicos, já que tenta atender as diversas demandas, muitas delas corporativistas, de grupos de eleitores.

O cientista político avalia que, durante a campanha, a situação da dívida poderá favorecer candidatos que tenham uma performance mais fiscalista e falas que sensibilizem o mercado financeiro – que quer estabilização das contas públicas. Esse perfil, no entanto, não costuma ser popular entre os eleitores. “Ninguém faz campanha vendendo cautela, mas vendendo esperança”, comenta.

Entre discursos prudentes e falas espontâneas que despertem expectativas de melhora imediata da situação fiscal, o economista José Márcio Camargo (PUC-RJ) teme anúncios de calotes da dívida pública e promessas não detalhadas de limitação de gastos com a dívida.

“Não vejo problema em limitar a dívida, desde que diga o que vai fazer com o que sobrar”, assinala. “Suponha que o tal limite estabeleça que o governo só pode pagar um déficit do PIB de até 4%. Suponha que o déficit real, porém, tenha sido de 8%. Como vai ser coberta essa diferença? Vai ser coberta com emissão de moeda? Isso significa inflação. Vai ser coberta com a redução da despesa? Ou vai ser coberto via aumento de impostos?”, indaga.

(Agência Brasil)

PPS confirma convenção conjunta com PRTB, PPL e Patriotas

O presidente regional do PPS, Alexandre Pereira, confirmou, nesta terça-feira, que seu partido vai marchar unido, na briga por cargos proporcionais, com o PRTB, PPL e o Patriotas. Também estarão juntos no apoio à reeleição do governador Camilo Santana.

A convenção ocorrerá no próximo sábado, a partir das 9 horas, no Bar Pirata, na Praia de Iracema. Alexandre avalia que, nessa coligação, seu partido, por exemplo, pode fazer um deputado federal. Tomás Holanda, atual deputado estadual, pela sigla, entrou nesse páreo.

(Foto – Paulo MOska)

Ministério da Saúde quer vacinar 11 milhões de crianças contra sarampo e pólio

A partir da próxima segunda-feira (6), todas as crianças com idade entre 1 ano e menores de 5 anos devem ser levadas aos postos de saúde para receber a dose contra a pólio e também contra o sarampo. O Dia D de mobilização nacional foi agendado para o dia 18, um sábado, mas a campanha segue até o dia 31 de agosto. A meta do governo federal é imunizar 11,2 milhões de crianças e atingir o marco de 95% de cobertura vacinal nessa faixa etária, conforme recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

De acordo com o Ministério da Saúde, foram adquiridas 28,3 milhões de doses de ambas as vacinas – um total de R$ 160,7 milhões. Todos os estados, segundo a pasta, já estão abastecidos com um total de 871,3 mil doses da Vacina Inativadas Poliomielite (VIP), 14 milhões da Vacina Oral Poliomielite (VOP) e 13,4 milhões da Tríplice Viral, que protege contra o sarampo, a rubéola e a caxumba.

A campanha de vacinação deste ano é indiscriminada, ou seja, pretende imunizar todas as crianças na faixa etária estabelecida. Isso significa que mesmo as que já estão com esquema vacinal completo devem ser levadas aos postos de saúde para receber mais um reforço. No caso da pólio, crianças que não tomaram nenhuma dose ao longo da vida devem receber a VIP. As que já tomaram uma ou mais doses devem receber a VOP. E, para o sarampo, todas devem receber uma dose da Tríplice Viral – desde que não tenham sido vacinadas nos últimos 30 dias.

(Com Agência Brasil)

Setor de turismo fechou 7,7 mil postos de trabalho em junho. O Ceará foi exceção

Vista panoramica do Aeroporto de Jericoacoara, situado em Cruz. (Foto – Divulgação)

O setor de turismo no Brasil fechou no último mês de junho 7.743 postos de trabalho, elevando para 16,5 mil os postos fechados desde maio, quando haviam sido extintos 8.754. As informações constam do estudo Empregabilidade no Turismo, produzido pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), com base em dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho e Emprego.

“Os serviços ligados ao turismo continuaram amargando prejuízos, uma vez que se manteve a tendência do desemprego do mês anterior. Em maio, o número de desempregados foi um pouco maior, atingindo 8.754 trabalhadores. Nesses dois meses, o desemprego acumulou 16,5 mil pessoas, reflexo do tamanho do ajuste de diminuição de custos que as empresas realizaram em decorrência do tamanho das perdas nos negócios do setor no período”, avaliou a entidade.

Os números divulgados pela CNC indicam que o resultado entre admissões e demissões no primeiro semestre do ano fechou negativo em 11.689. O número, no entanto, é menor do que o verificado no mesmo período do ano passado, quando o saldo entre admissões e demissões ficou negativo em 13.061 postos.

Recuperação

A CNC avalia que a recuperação da empregabilidade no turismo vai depender do otimismo dos próprios consumidores para com a situação do país.

Para o economista da CNC Antonio Everton, enquanto esse otimismo não ocorrer, “o emprego no turismo continuará sofrendo as oscilações [decorrentes] da conjuntura econômica, retrato do desempenho das empresas do setor”.

A avaliação do economista é de que, mais do que somente o otimismo dos consumidores quanto às perspectivas do mercado de trabalho, à estabilidade dos preços e à folga para gastos novos nos orçamentos, aliado à capacidade de a economia voltar a crescer também serão fundamentais para a recuperação dos empregos do setor.

Estados

Ao analisar a retração de postos de trabalho, a CNC concluiu que o desemprego atingiu de maio para junho todas as regiões do país, com destaque para o Sul, com menos 2.049 postos de trabalho e o Sudeste, com menos 3.853.

Por força do desequilíbrio fiscal e das dificuldades empresariais inerentes à repercussão do aumento da violência, o desemprego prevaleceu no Rio de Janeiro (-2.244), seguido de São Paulo (-1.456).

Nos sete estados que compõem as duas áreas, o Espírito Santo foi a exceção, onde o emprego cresceu com pouca expressão, com apenas mais 10 pessoas.

Em junho, poucos estados registraram superávit na conta emprego no turismo: Amazonas (152), Maranhão (53), Mato Grosso (33) e Goiás (67). O Ceará ficou em primeiro (479).

(Agência Brsil)

Consultor de empresas torce para que o Brasil volte a registrar o PIB de 2014. Pelo menos

Como se saiu a economia brasileira no primeiro semestre? Quais as perspectivas do País até o final deste ano? O que se pode esperar do próximo presidente da República?

Eis indagações que o Blog fez a Sérgio Melo, um dos mais respeitados consultores do ramo empresarial do País. Ele torce para que o Brasil volte a registrar o PIB de 2014, que foi bem maior do que o PIB deste 2018. Pelo menos.