Blog do Eliomar

Últimos posts

Na briga Luizianne-Arialdo, Cid dá uma de "Pilatos"

99 4

Eis artigo do professor e médico Antônio Mourão tratando sobre a briga Luizianne Lins (PT) e Arialdo Pinho, este o chefe da Casa Civil do Governo Cid Gomes (PSB). Arialdo ironizou matéria da revista IstoÉ que exalta a gestão petista, enquanto Luizianne o alcunhou de “moleque”. Confira:

Os atuais acontecimentos políticos no Ceará evidenciam a total falta de unidade partidária. É um por si e Deus por todos. Exemplos?
O ex-deputado Sérgio Novais, acreditando-se dono do PSB, lançou sua irmã como candidata à Prefeitura de Fortaleza. A campanha está na rua, doa a quem doer!
Os irmãos Ferreira Gomes – Ciro, Cid, Ivo – não concordam com tal posicionamento e se rebelam de travessa: organizam um seminário para discutir Fortaleza, sem ao menos, considerar a existência – na mesma sigla – dos irmãos Novais.

Por outro lado, o PT fez uma aliança com o PSB. Como tarefas principais da coligação, as reeleições de Luizianne para prefeita e de Cid para governador. Ficava entendido que a governança seria igualmente repartida. O que acontece em termos estaduais. (Nem sei se existem simpatizantes dos Ferreira Gomes lotados na Prefeitura!). E, se esperava um mútuo respeito na condução das respectivas administrações.

Sim. Ficaram também juntos para eleger a Dilma por aqui. Lembram-se?

Agora, um subordinado dos Ferreira Gomes – Sr. Arialdo Pinho – abre as baterias contra Luizianne Lins, numa afronta clara, ao que seu chefe tinha acertado.
Diante da corda puxada, ou melhor, da guerra declarada, o governador Cid tenta dar uma de Pilatos e lava as mãos…. Arialdo fala em nome pessoal e isso ele não vai proibir.

De duas uma, ou o Governador Cid está fraco e não tem forças para controlar os que lhe devem obediência… ou, ele próprio não estaria achando tão ruim o progressivo afastamento do PT e de Luizianne.

A briga está armada. Como nos tempos de criança. Riscava-se dois traços no chão e dizia- se: taqui a mãe de um, taqui a mãe do outro…
Sinal que o pau vai cantar!….

* Antonio Mourã Cavalcante,

Médico, professor e antropólogo.

Grupo invade Regional II e arromba caixa eletrônico

94 1

“Uma quadrilha composta por quatro homens invadiu na manhã deste domingo, 14, a sede da Secretaria Executiva Regional II (SER II), da Prefeitura Municipal de Fortaleza, localizada na rua Professor Juraci de Oliveira, próximo ao Palácio Iracema, no bairro Edson Queiroz.

O assalto aconteceu por volta das 7h da manhã. A quadrilha teria arrombado com a ajuda de um maçarico um dos dois caixas eletrônicos do Banco do Brasil na sede, levando todo o dinheiro. Os quatro homens, que portavam pistolas e revólveres de calibre 38, fizeram reféns dois porteiros, três funcionários do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e um guarda municipal.

Antes da ação, os bandidos teriam parabenizado os reféns pelo Dia dos Pais. A quadrilha fugiu em um veículo modelo Honda Civic na cor prata, cuja placa não foi anotada.

A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Roubos e Furtos.”

(O POVO Online)

Delfim Netto – "As agências de classificação de risco são todas 171"

“Com sorriso maroto, o economista e ex-ministro da Fazenda e do Planejamento Delfim Netto não hesita em reduzir a nota das agências de risco, como a S&P, e ironiza o rebaixamento dos EUA.

Ele só não é o mesmo de antigamente, porque, aos 83 anos, está ainda mais sarcástico: “As agências são todas 171”.

Ele poupa, por ora, a equipe econômica do governo brasileiro. Mas alfineta a política de juros altos do Brasil dizendo que ele é “o último peru disponível com farofa na mesa dos investidores, fora do Dia de Ação de Graças”.

* Clique para ler a íntegra da entrevista em Delfim Netto: ‘As agências de classificação de risco são todas 171’

(Este Blog com Blog do Noblat)

Escândalo dos Banheiros – Quem paga o pato

“Pedreiro, Francisco Carlito de Sousa, 49, já construiu banheiros para os outros, mas o da própria casa ainda custa caro. Até construir os dois compartimentos que abrigam 14 pessoas, foi muito sacrifício. A maior fatia do que recebia alimentava a família.

O que sobrava era investido em material de construção. Quando sofreu um acidente e foi impedido de trabalhar, ficou ainda mais difícil concluir a obra. “Fico ressentido (por não ter banheiro), porque o ideal seria cada um ter seu canto pra armar uma rede. Só depois é que vem o banheiro”.

Seu Carlito mora no Planalto Dedé Gama, em Pacajus. É apenas uma das 171 mil residências do Ceará que não têm banheiro, de acordo com Censo 2010, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). “Banheiro numa casa é higiene. Uma casa sem banheiro é a coisa mais desorganizada que existe”, lamenta o pedreiro.

A situação do Seu Carlito, da Dona Francisca Helena e de outros personagens poderia ser minimizada com a construção de kits sanitários que possibilitassem a reversão do quadro relatado, que interfere nas condições mínimas de dignidade e sobrevivência do ser humano.

O pior é que o próprio poder público já criou mecanismos para a solução desse problema, por meio do Fundo Estadual de Combate à Pobreza (Fecop), com a construção de kits sanitários para famílias de baixa renda.

O programa possibilita isso, mas, ao que parece, não é somente a vontade política o principal elemento transformador desse quadro. No meio de tudo, pessoas humildes ainda são obrigadas a conviver com a covardia, incúria e corrupção de quem desvia recursos que poderiam amenizar o sofrimento dos que têm mínimas condições de sobrevivência.

Alto preço

Há um mês, O POVO começou, a partir de uma denúncia sobre a Associação Cultural de Pindoretama, a cobertura de um escândalo que torna fatos dessa natureza bem mais próximos da realidade. Associações fantasmas, banheiros não construídos, doação de campanha por parte de presidentes de associações, até a absurda vinculação ao presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE), que teria a obrigação de fiscalizar e combater este tipo de irregularidade.

Irregularidades que se apoiam na certeza da impunidade, do clientelismo e da completa falta de senso de humanidade e respeito ao próximo. Fatos que, em menos de um mês, se sucederam, causando surpresa e desgaste a entidades, políticos, autoridades e órgãos controladores.

A cada matéria publicada pelo O POVO, um ou vários fatos novos surgiam mostrando a fragilidade dessa rede de irregularidades, a partir de uma quase certeza de que tudo nunca seria descoberto. Estão pagando o preço do equívoco.”

(O POVO)

Morre Gerardo da Frota, um dos fundadores da Faculdade de Medicina da UFC

Morreu nesta madrugada de domingo o professor Gerardo da Frota Pinto  (94), que  foi um dos fundadores da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará. Foi vítima de um AVC e estava internado na UTI do Hospital Unimed, há várias semanas.

O velório ocorre na Funerária Ternura, enquanto o enterro está marcado para as 17 horas, no Cemitério Parque da Paz.

Gerardo da Frota Pinto atuou na área da psiquiatria no Estado e recentemente lançou livro, apesar da idade avançada: “As quatro heranças do homem “. Era também membro da Academia Cearense de Medicina.

DETALHE – Natural de Sobral, era sobrinho do Dom José Tupinambá da Frota, bispo que fez história nesse município.

Luizianne faz plenária e evita críticas ao Governo. Alguns petistas "cidistas" faltam

81 6

Plenária do PT reúne mais de 2 mil na Parangaba, segundo organização.

Militantes petistas ocuparam o Ginásio Poliesportivo da Parangaba, neste sábado. O objetivo era mostrar força e dar solidariedade à prefeita de Fortaleza e presidente estadual do partido, Luizianne Lins, alvo de críticas de aliados por conta de sua gestão. Parlamentares como Artur Bruno e Eudes Xavier e vereadores como o presidente da Câmara Municipal, Acrísio Sena, além de várias lideranças, apregoaram a unidade da legenda. Alguns como Acrísio asseguraram que, unido, ninguém derrota o PT em 2012.

O presidente municipal petista Raimundo Ângelo frisou a importância do engajamento da militância na defesa do governo. “Desde o início do ano temos organizado as plenárias populares nos bairros e tivemos grande participação. Nós não temos dúvida de que estamos no caminho certo no Governo desta cidade. Voltados para os interesses da classe trabalhadora, fazendo inversão de prioridades e, por isso, somos atacados pelas elites da direita conservadora”, afirmou.

Luiziannne Lins, em sua fala emocionada, discursou para a militância destacando diversos projetos em andamento na gestão “Fortaleza Bela”. Ela ressaltou mais uma vez que a prioridade tem sido sempre a classe trabalhadora.

“Vivemos uma cidade com quase dois milhões de pessoas, uma Fortaleza guerreira, trabalhadora mas que precisa de muito pra ser mais igual”, disse. Com a certeza de que o governo está no rumo certo, afirmou: “A gente sempre sonhou o sonho da igualdade e é por isso que estamos à frente da Prefeitura”.

A prefeita lançou um desafiou: “Se o problema da cidade fosse buraco, era fácil! O difícil é conseguir bilhões para inverter as prioridades, melhorando a saúde, habitação, educação”. Destacou projetos como o Vila do Mar, o Hospital da Mulher que será entregue à população nesta administração, os Cucas entre outros. Em nenhum momento, fez críticas a membros do Governo Cid Gomes. Nem voltou a reagir contra o chefe da Casa Civil, Arialdo Pinho, que criticou matéria da IstoÉ destacando sua administração e que por ela foi alcunhado de “moleque”.

O discurso foi avaliado como renovação de uma posição: o PT não vai abrir mão de lançar candidato, mas não vai querer antecipar confronto com o PSB do governador.

AUSÊNCIA

Na plenária de Luizianne, notou-se a ausência de petistas como o deputado federal e vice da legenda no Estado, José Guimarães, Joaquim Cartaxo, ex-presidente estadual e coordenador do grupo eleitoral 2012 da sigla, e do prefeiturável Camilo Santana, que é secretário estadual das Cidades. Eles estavam num compromisso social no bairro Edson Queiroz, mas acompanhavam, por celular, detalhes da plenária. José Pimentel, senador, estava em Itapipoca, em compromisso também partidário, segundo assessores.

Bom lembrar que alguns dos faltosos têm ligações e cargos na administração do governador Cid Gomes. O líder do Governo na Assembleia, Antônio Carlos, marcou presença.

Limoeiro do Norte perde líder cultural

Mário Oliveira (Limoeiro do Norte) –  Enterrado, no fim da tarde de sábado, nesse município, o corpo do professor e escritor Francisco Aécio de Castro. Aécio que era membro da Academia Limoeirense de Letras e estava internado no Hospital São Camilo(São Raimundo) de Limoeiro do Norte. Foi vítima de complicações degenerativas. O corpo do “imortal” está sendo velado na sede da ALL (Academia Limoeirense de Letras).
O professor Aécio de Castro era tenente aposentado do Exército e formado em Agronomia. Foi secretário de Cultura de Limoeiro do Norte na gestão do ex-prefeito Ademar Celedônio, diretor e responsável pela implantação do NIT (Núcleo de Informação Tecnológica) do município. Além de fomentador dos Jogos Olímpicos do Vale do Jaguaribe.
No Carnaval deste ano, o Bloco “Balançando Limoeiro” (que tem o objetivo de resgatar os carnavais antigos da cidade) homenageou o professor Aécio de Castro, pois também foi o grande criador do movimento carnavalesco dos anos 70 nesse município. Nessa época, fundador do “Bloco Jaguar”, que conseguiu conquistar três vezes o título de  campeão do “Carnaval de Rua” do município.

Wagner Rossi acua "Veja" de assassinar reputações

63 1

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Wagner Rossi, divulgou nota neste sábado rebatendo as acusações veiculadas por Veja. Na edição deste final de semana, a revista publica matéria de capa, intitulada “A praga da corrupção”, apontando supostas irregularidades cometidas por Wagner Rossi. “Isso não é jornalismo. É assassinato de reputação”, diz o ministro. “É uma campanha orquestrada com interesses políticos”. Confira:

“Na quinta-feira e sexta-feira, repórteres da revista Veja encaminharam perguntas, cobrando explicações sobre meu patrimônio pessoal, listando supostas irregularidades em empresas estatais em que fui diretor, como a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e a Companhia Docas de São Paulo (Codesp), além questionar uma licitação no Ministério da Agricultura.

Encaminhei as respostas que estão transcritas abaixo. Todas as perguntas enviadas a mim na quinta-feira foram respondidas em menos de 24 horas. Nada, porém, foi aproveitado por repórteres e editores. Agora, pela terceira semana consecutiva, sou obrigado a me explicar.

A informação de que eu teria pedido “propina” de R$ 2 milhões numa licitação, cujo contrato para a prestação de serviços era de R$ 2,9 milhões, fere a lógica e o bom-senso. Pior. É lançada sem qualquer prova ou indício de materialidade. Nem o valor da licitação, que foi anulada por erro de quem estaria fazendo as denúncias agora, é destacado pela revista. Os repórteres baseiam-se na declaração de um funcionário que perdeu a função pública por uma ilegalidade cometida e admitida por ele mesmo.

Mas a lógica não parece nortear os diretores de jornalismo da editora Abril.

Ouvir o outro lado, um princípio basilar do jornalismo, não existe para a revista Veja. Essa é mais uma campanha orquestrada com interesses políticos. Não querem apenas desconstruir minha credibilidade ou acabar com minha imagem, mas destruir a aliança política vitoriosa nas urnas em outubro do ano passado. As acusações são levianas.

Isso não é jornalismo. É assassinato de reputação.

Vou pedir à Justiça o direito de resposta.

Dilma cumprirá agenda intensa de viagens internacionais ate fim do ano

“Até o final deste ano, a presidenta Dilma Rousseff pretende ir a pelo menos quatro países da América do Sul, um da Europa, um da África e um euroasiático, assim como já está confirmada a ida dela à Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, nos Estados Unidos. A ideia é intensificar parceriais, fortalecer as relações sul-americanas e defender as principais propostas do Brasil.

Dilma ainda não fechou a agenda de viagens internacionais. Mas sinalizou que pretende ir à Colômbia, Venezuela, ao Uruguai e Paraguai, na América do Sul. Antes, irá aos Estados Unidos, à Bélgica, Bulgária (país de origem do pai da presidenta) e Turquia.

Os países da América do Sul devem entrar na agenda da presidenta apenas no final de outubro ou começo de novembro. Para a presidenta, é fundamental unir esforços para implementar ações que melhorem o quadro social e de infraestrutura dos países vizinhos. No primeiro semestre, Dilma foi à Argentina, ao Peru, Paraguai e Uruguai.

Paralelamente, o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, disse que conclui em dezembro as visitas aos 12 países da América do Sul. Antes de a presidenta ir a um determinado país, o chanceler vai ao local para negociar acordos e examinar demandas e expectativas. Segundo ele, falta apenas o Suriname, para onde pretende ir em breve.

O assessor para Assuntos Internacionais da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, também foi incumbido pela presidenta de viajar para alguns países vizinhos. Garcia disse que nos próximos dias segue para a Bolívia e, na sequência, visita Peru, Equador e Colômbia.”

(Agência Brasil)

PT realiza plenária em tempos de cólera

68 4

A plenária que o Partido dos Trabalhadores de Fortaleza realizará, a partir das 18 horas deste sábado, no ginásio poliesportivo da Parangaba, promete. Principalmente, depois da troca de farpas envolvendo o chefe da Casa Cid do Governo Cid Gomes, Arialdo Pinho, e a turma da prefeita Luizianne Lins. Arialdo bateu na administração de novo, a partir de ironias a uma matéria da IstoÉ com loas a projetos, enquanto Luizianne o classificou de “moleque”.

Cid Gomes, por sua vez, defendeu o direito de expressão de Arialdo Pinho, e, cada vez mais, botou lenha nessa fogueira que promete não se apagar até 2012. Disse, em outras palavras, que não consegue controlar a língua do secretário. Alguém acredita nisso?

A verdade é uma só: os aliados da “loira” estão revoltados com o machismo e o preconceito da chamada elite contra a gestão petista.

Mega-Sena pode pagar R$ 18 milhões neste sábado

“A Caixa Econômica Federal realiza hoje o sorteio do concurso 1.310 da Mega-Sena. Quem acertar as seis dezenas pode ganhar o prêmio acumulado de R$ 18 milhões. Este será o último concurso da Mega-Sena na Semana dos Pais. A Caixa preparou três sorteios, sendo que dois acumularam.

Caso apenas um apostador acerte as dezenas do concurso, ele poderá montar uma frota de mais de 700 carros populares ou 3,6 mil motos de 125cc. O vencedor ainda poderá comprar 72 casas avaliadas em R$ 250 mil cada. Se aplicado na poupança, o prêmio estimado para este sábado poderia render aproximadamente R$ 120 mil por mês.

O sorteio será realizado às 20h em Alfenas, Minas Gerais. As apostas podem ser feitas até as 19h. O valor mínimo de aposta é R$ 2.”

(Agência Estado)

Reinaldo Gianecchini falará sua saúde no "Fantástico"

664 1

O ator Reynaldo Gianecchini será entrevistado pelo repórter Ernesto Paglia no Fantástico deste domingo. Ele irá falar sobre o tratamento que está prestes a enfrentar para curar um linfoma, diagnostocado nesta semana.

Gianecchini descobriu ter um câncer no sistema linfático depois de apresentar um aumento nos gânglios na região do pescoço. O ator foi diagnosticado com linfoma não-Hodgkin e está internado no hospital Sírio Libanês sem previsão de alta.

(Veja Online)

Ex-sargento do Exército reage e mata assaltante em Cascavel

122 2

“Um ex-sargento do Exército reagiu durante uma tentativa de assaltou e matou um dos bandidos na madrugada deste sábado, 13, na CE-040, em Cascavel (Região Metropolitana).

 Segundo a Polícia, o estava em uma motocicleta, quando foi abordado por quatro criminosos, sendo dois adolescentes, que anunciaram o assalto.

Ainda de acordo com a Polícia, o ex-sargento ainda foi baleado no braço. Ele sacou um revólver e atirou contra um dos assaltantes, José Ocelo Leite da Silva, 27, que morreu no local. Outro acusado também foi atingido e encaminhado ao Instituto José Frota (IJF).

Os dois adolescentes que estariam envolvidos foram apreendidos e encaminhados à Delegacia Metropolitana de Maracanaú, que estava de plantão no momento da ocorrência.”

(O POVO Online)

Hospital das Clínicas só fica com as sobras do SUS

149 1

Com o título “O SUS também é nosso”, eis artigo do professor e médico Antonio Mourão Cavalcante lamenta que o Hospital das Clínicas, que forma médicos a cadas ano para o Sistema Único de Saúde, continue sendo tratado com desdém na hora da distribuição das verbas. Confira:

O Sistema Único de Saúde (SUS) tem sido cantado em verso e prosa como uma das grandes conquistas do povo brasileiro. E é verdade, apesar de todos os problemas, distorções e limites.

Uma das características básicas dessa política é a descentralização. Com o SUS, o município passou a ser a unidade básica. O prefeito, com a orientação do Conselho Municipal, controla as ações de saúde da cidade.

Aqui mesmo, em Fortaleza, a prefeita tem a chave do cofre. Qualquer ação, em termos de saúde pública, tem que passar pelo aprovo do gestor municipal. É a tal municipalização.
A Secretaria Municipal de Saúde torna-se órgão importantíssimo. Deve lidar com muita competência na administração desses recursos, fechando toda torneira que indique desperdício e desvio de finalidade. Mas, lamentavelmente, essa política tem gerado os órfãos do SUS.

Procurando dinamizar sua própria rede de atendimento – IJF, Frotinhas, postos de saúde, etc. -, o gestor público municipal esquece outras instituições. Aquelas que não fazem parte direta do circuito municipal. Por exemplo, o Hospital Universitário da UFC. Acaba sendo uma espécie de filho bastardo, onde uma simples ajuda é sempre alegada como uma grande esmola.

Ora, além de sermos responsáveis pela formação profissional – quantos médicos hoje trabalhando na Prefeitura de Fortaleza foram profissionais formados na UFC? – e, não podemos negar o volume de atendimentos dessa instituição, em todas as especialidades. Recebemos centenas de casos que a rede não acolhe.

Ademais, fomos parceiros na conquista desses recursos para a saúde. O SUS foi gestado com a mobilização e o entusiasmo da academia. E hoje somos tratados com desdém. Esnobados. Recebemos o que sobra – e sobra? – dos orçamentos públicos.

Nosso entusiasmo continua vivo. Queremos construir uma parceria de resultados. Temos história. Temos competência. Precisamos de recursos públicos, para continuarmos em nossa efetiva missão de ensino, pesquisa e serviço. (Artigo dedicado ao prof. José Glauco Lobo)

* Antonio Mourão Cavalcante,
Médico, antropólogo e professor universitário
a_mourao@hotmail.com

Dilma considera "inaceitável" divulgação de fotos de presos em operação no Turismo

“A presidente Dilma Rousseff considerou “inaceitável” a divulgação de fotos dos presos na Operação Voucher, realizada pela Polícia Federal, que resultou na prisão de 36 pessoas acusadas de envolvimento em irregularidades no Ministério do Turismo. A informação foi prestada nesta sexta-feira, 12, pelo porta-voz do Planalto, Rodrigo Baena Soares.

O Planalto informou ainda que o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, considerou o vazamento das fotos “uma violação do princípio da dignidade do preso”.

O fato causou ainda mais irritação de aliados políticos que já haviam se considerado “expostos” pela Polícia Federal, com permissão para que fossem feitas imagens dos presos, criando mais problemas à presidente, que recebeu inúmeras queixas no Planalto.

As reclamações preocupam o governo que já enfrenta graves problemas com a base no Congresso pela demora na liberação de emendas e de nomeações para cargos.

Mais cedo, o ministro da Justiça encaminhou ofício ao presidente do Supremo Tribunal Federal, Cézar Peluso, pedindo que o Conselho Nacional de Justiça tome providências sobre o vazamento das fotografias dos presos na Operação Voucher. Os detidos aparecem nas imagens sem camisa e segurando placas de identificação.

O Palácio do Planalto informou também que, em resposta ao ofício de Cardozo, Cézar Peluso disse ao ministro da Justiça que vai encaminhar a denúncia ao Ministério Publico, ao governo estadual e à Vara de Execuções de Macapá.”

(Agência Estado)

SBT e Redetv! em tempos de renovação de concessão

“Está nas mãos do Ministério das Comunicações a renovação da concessão de SBT e Rede TV!. As duas outorgas vencem no dia 20, mas os processos estão em estágios distintos no governo federal.

Enquanto o SBT já conseguiu a certidão negativa de débito da Receita Federal, exigência da União para a renovação, a Rede TV! ainda não apresentou o documento.

(Coluna Radar)

Moradores reclamam para o Blog e Prefeitura sinaliza cruzamento da Parquelândia

159 3

No ultimo dia 8, este Blog informava a terceira colisão, em menos de uma semana, no cruzamento da rua Amadeu Furtado com Dom Manuel de Medeiros, no bairro Parquelândia. Na ocasião, apenas danos materiais. Nessa ocasião, moradores lamentavam a falta da sinalização horizontal, o que ajudaria a alertar mais ainda os motoristas nesse trecho.

Pois bem, a Prefeitura, através da AMC, ouviu os apelos e adotou a providência. A sinalização horizontal foi implantada nesta sexta-feira como mostra a foto do leitor Joeliton França.

Cid diz que Arialdo tem todo direito de criticar Luizianne

173 9
Mas quando é mesmo o novo reencontro?
“No meio do fogo cruzado entre a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT), e o chefe da Casa Civil do Estado, Arialdo Pinho, o governador Cid Gomes (PSB) agiu na contramão das expectativas da petista e defendeu o direito de seu secretário fazer críticas contra a administração municipal. Cid argumentou que, “no ambiente privado”, não pode impedir Arialdo de se manifestar. “Se ele fala como secretário, está proibido. Se for algo pessoal, tem todo o direito”, afirmou, durante visita às obras do estádio Castelão, ontem.
A avaliação de Cid veio um dia após O POVO ter publicado desabafo irritado de Luizianne diante dos ataques que, há meses, o chefe da Casa Civil tem feito contra a Prefeitura, na rede social Twitter. Em sua última manifestação, na terça-feira, Arialdo ironizou reportagem em que a revista IstoÉ faz elogios à gestão da Capital. Luizianne reagiu fortemente, chegando a chamá-lo de “moleque” e “covarde”.
Ao contrário do que costuma acontecer quando o clima esquenta, faltaram “bombeiros” para apagar o fogo entre os dois lados após o imbróglio. “Ele está tendo atitude irresponsável, porque não deixa de gerar uma tensão entre prefeitura e governo”, alertou o coordenador de Articulação Política da Prefeitura, Waldemir Catanho.
Perguntado se a postura de Cid diante do mal estar causa decepção, ele disse acreditar que, embora tenha defendido a liberdade de expressão de Arialdo, o governador deverá, internamente, repreender o secretário.
O comportamento das autoridades públicas também foi assunto na Assembleia Legislativa, onde alguns parlamentares reforçaram as críticas do chefe da Casa Civil contra o Executivo municipal. O deputado Fernando Hugo (PSDB) chegou a repudiar a reação de Luizianne contra Arialdo, tendo sido acompanhado por Perboyre Diógenes (PSL), para quem a petista “vai ficar carimbada como a pior prefeita de Fortaleza”.
Reflexos na aliança
Arialdo integra a lista dos cidistas que costumam criticar o desempenho de Luizianne. Além dele, também o chefe de Gabinete de Cid, Ivo Gomes, e seu irmão mais velho, Ciro Gomes – ambos do PSB –, são críticos da gestão. Cid, no entanto, sempre se manifestou em defesa da manutenção da aliança.
A deputada estadual Patrícia Saboya (PDT) esquentou a polêmica e avaliou que tais episódios escancaram a fragilidade da parceria PT-PSB. “É uma aliança Frankstein, apenas pró-eleição. Quando acaba (a disputa), surgem as diferenças”, avaliou Patrícia.
Apesar disso, Waldemir Catanho evitou falar em racha e argumentou que, apesar dos ataques personalizados, a relação com o Governo é boa e tende a resistir até as eleições de 2012.
O POVO tentou contato com Arialdo Pinho, mas seu telefone celular encontrava-se desligado. Por meio da assessoria de imprensa do Governo, não houve retorno até o fechamento desta edição.”

(O POVO)