Blog do Eliomar

Últimos posts

TRT-7ª Região prepara o III Mundos do Trabalho

Vem aí a terceira edição do programa “Mundos do Trabalho na Praça”, a ser realizado no período de 24 a 28 de maio próximo, na Praça do Ferreira, em Fortaleza,  e que envolverá 29 Instituições. O desembargador José Antonio Parente da Silva, diretor da Escola Judicial do TRT/CE, coordena as reuniões preparatórias com os representantes das instituições públicas, dos três níveis de Governo e dos Poderes Executivo, Judiciário e Legislativo

Neste ano, o evento terá como tema “Justiça, Direitos e Cidadania”. O o programa “Mundos do Trabalho na Praça 3” vai se desenvolver durante cinco dias. Segundo o o desembargador José Antonio Parente, “a intenção é viabilizar aos cidadãos a oferta de variados serviços que serão prestados à população num só local, prevendo sucesso e ampliação em todas as suas atividades na edição deste ano”, afirmou. No próximo dia 28, haverá nova reunião preparatória do evento.

Eleitor cearense tem até 5º feira para regularizar título

O eleitor cearense, que não votou nem justificou sua ausência nas três últimas eleições, tem até quinta-feira para regularizar sua situação com a Justiça Eleitoral. Caso o eleitor não busque a regularização no prazo determinado, o título poderá ser cancelado. Para justificar ausência, ele deve comparecer a qualquer cartório eleitoral do País, com um documento oficial que comprove sua identidade, o título eleitoral e os comprovantes de eventuais votações, de justificativas, de pagamento ou de dispensa e recolhimento de multa.

Aquele que tiver o título cancelado fica impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, além de dificultar a investidura ou nomeação em concurso público e na obtenção da certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado. No estado, 23.187 eleitores podem ter o título cancelado, e apenas 10,54% dos eleitores irregulares de Campo Grande fizeram a justificativa até agora.

FHC critica política econômica e diz que Dilma tem perfil diferente de Lula

87 1

“Apesar de dizer que ainda é cedo para avaliar o governo de Dilma Rousseff, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) afirmou, nessa noite de ontem, em Araraquara (273 km de São Paulo) que “não basta falar de austeridade fiscal” para combater a volta da inflação. “É preciso praticá-la”, completou. Ele afirmou, porém, que o perfil de Dilma é diferente em relação ao antecessor, Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

FHC também criticou o volume de repasse de recursos do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) para grandes empresas. As declarações foram dadas pelo ex-presidente na noite desta segunda-feira, em entrevista após o lançamento do livro “Ruth Cardoso Fragmentos de Uma Vida”. De autoria do escritor Ignácio de Loyola Brandão, o livro traça uma biografia da ex-primeira-dama.

O lançamento ocorreu em Araraquara, cidade onde nasceram Ruth e Brandão. Questionando sobre os 100 primeiros dias de Dilma, FHC disse que o governo ainda está “se desenhando”. Mas não deixou de comparar a petista ao antecessor. “[Ela] tem um estilo menos falante do que o do seu antecessor, dá a impressão de que é uma pessoa mais reflexiva e de que provavelmente conhece mais os números. Agora, no governo mesmo, nós vamos ver o que ela vai fazer”, disse.

Sobre a situação atual da economia e o risco da inflação, FHC disse que o problema é “sério” e que, caso não haja controle, “quem vai pagar são os pobres”. Ele cobrou austeridade. “Eu espero que a presidente Dilma entenda isso e veja que neste momento não basta falar de austeridade fiscal, é preciso praticá-la”, afirmou.

Ainda sobre a linha econômica atual, FHC fez críticas à política de financiamentos adotada pelo BNDES. “Continua havendo, a meu ver, um excesso de transferência de recursos do povo para o BNDES, para o BNDES subsidiar grandes empresas. Nesse momento eu não vejo que haja condições para isso. Se ela continuar nessa linha, nós vamos criticar”, disse. ”

(Folha.com)

Uma exposição sobre Fortaleza 285 anos

Dentro da festa dos 285 anos de fundação de Fortaleza, o Shopping Benfica inscreve, no período de 14 a 17 deste mês, para concurso de fotografias sobre a cidade. A inscrição é gratuita e o primeiro colocado ganhará uma máquina fotográfica Sony Profissional.

De acordo com Marcirlene Pinheiro, superintendente do Shopping Benfica, as melhores fotografias poderão ser conferidas numa exposição que ocorrerá de 19 a 30 deste mês, no Espaço Cultural desse polo de compras.

Cantora Daniela Mercury visita o Iprede

Embaixadora do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) há 16 anos, a cantora Daniela Mercury vai conhecer nesta terça-feira, às 14 hroas, os projetos do Iprede, ONG que trabalha em ações contra a desnutrição infantil no Estado.

A cantora adicionou essa visita a uma agenda que inclui o principal show em homenagem aos 285 anos de fundação de Fortaleza e que ocorrerá nessa noite de quarta-feira, no aterrinho da Praia de Iracema.

25 Anos

O Iprede vai completar 25 anos de atividades em 2011. Essa ONG cuida de crianças desnutridas, ação pela qual tornou-se referência. Atende atualmente cerca de 1.200 crianças por mês, além de suas mães.

SERVIÇO

Iprede- Rua Professor Carlos Lobo, 15

Cidade dos Funcionários

Fortaleza registra chuva de 137 milímetros

Saiu um boletim atualizado da Funceme sobre as chuvas em Fortaleza. Segundo o órgão, choveu 137 milímetros, o suficiente para deixar a cidade em clima de sufoco em várias áreas.

O trânsito está lento. Há vários engarrafamentos e pontos de inundação como o entorno do Supermercado Makro, no bairro Dias Macedo.

A Defesa Civil registrou mais de 50 ocorrências, a maioria alagamentos em pontos da periferia da Capital.

NO INTERIOR

Ainda choveu bem nos seguintes municípios: Maracanaú, 77 mm; Eusébio, 73 mm; Reriutaba, 67 mm; Fortim, 59 mm; Cascavel, 55 mm; Beberibe, 55 mm; e pacatuba, 42 milímetros.

Dilma inclui direitos humanos em conversa com presidente chinês

“A presidente Dilma Rousseff vai conversar, nesta terça-feira, em Pequim, com o presidente chinês, Hu Jintao. Ela deve relacionar os pontos comuns entre Brasil e China. Porém, de acordo com assessores, ela não pretende excluir do diálogo questões como o tratamento dispensado pelos chineses aos direitos humanos.

Para assessores que prepararam a visita de Dilma, não haverá constrangimento na conversa, pois no começo do ano, quando o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, reuniu-se com Hu Jintao, o assunto foi discutido. A defesa de direitos humanos deve ser um discurso constante de Dilma, de acordo com assessores.

Em oportunidades distintas, o ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, reiterou que a preservação e a defesa dos direitos humanos é a base dos princípios, defendidos pelo governo brasileiro, e que não se trata de uma questão sobre um ou outro país, mas de ordem mundial.

Em janeiro, na Casa Branca, Obama recebeu Hu Jintao. Na conversa, Obama disse ter cobrado do presidente chinês ações na área de direitos humanos. Em resposta, Hu Jintao optou pelo tradicional discurso de que outros países não devem interferir nos assuntos internos da China.”

(Com Agências Internacionais)

"A Terra é azul!", disse Yuri Gagarin, ao retornar do primeiro voo tripulado no espaço

997 4

[youtube]http://youtu.be/ko9zgw7yZTk[/youtube]

“A Terra é azul!,” afirmou, há exatos 50 anos, Yuri Gararin, o primeiro astronauta a voar – no dia 12 de abril e 1961, a bordo da nave Vostok I, ultrapassando a órbita terrestre. Gagarin foi selecionado entre 20 candidatos para ser o primeiro piloto a viajar em volta da Terra. Ele foi escolhido por sua excelente forma física e psicológica e também por sua origem camponesa. Seu passado de trabalhador rural era um perfil perfeito do ideal comunista – política vigente na época na União Soviética.

Gagarin permaneceu 108 minutos no espaço, em altitude variável entre 175km e 380km, quando tinha ainda 27 anos de idade. Ele foi promovido de tenente a major durante o voo. Sete anos depois, morreria em acidente de avião.

(Lembrete do Blog Big Bang em Prosa, no POVO Online)

Tiririca devolve dinheiro de verba indenizatória que usou para pagar resort

54 2

“O deputado federal Tiririca (PR-SP) devolveu na última quinta-feira o dinheiro da verba indenizatória do mandato usado para pagar uma estadia no Porto da Aldeia Resort, em Fortaleza. O deputado ressarciu os cofres da Câmara duas notas que, segundo a assessoria, foram cobradas indevidamente. Foram apresentadas para reembolso notas fiscais de R$ 660 de hospedagem e R$ 311 de alimentação no Porto d’ Aldeia Resort.

Segundo nota da assessoria de Tiririca, o erro na cobrança partiu do servidor do gabinete responsável pela montagem do processo de reembolso da verba indenizatória.

” A devolução foi feita para corrigir um mal entendido burocrático. Trata-se de uma decisão que reconhece e corrige um erro cometido pelo assessor responsável pelo serviço de montagem do processo para as restituições”, diz a nota da assessoria de Tiririca.”

 (Globo)

Centros de Especialidades Odontológicas do Ceará abrem concurso para 220 vagas

“Quer na trabalhar na área de saúde e tem disponibilidade para atuar no Interior do Estado? A oportunidade pode ser essa. O Governo do Estado lançou seis editais para a contratação de profissionais para os Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs), que devem ser inaugurados ainda neste semestre. Ao todo, são oferecidas 220 vagas.

As unidades de Brejo Santo, Cascavel, Crateús, Itapipoca e Maracanaú ofertam, cada uma, 42 vagas. Já a unidade a ser instalada em Tauá abriu 10 vagas.

CARGOS

Há oportunidades para as funções de cirurgião-dentista, auxiliar em saúde bucal, técnico em saúde bucal, auxiliar de prótese e técnico em prótese dental. Os salários chegam a R$ 3510.

INSCRIÇÕES

Em todos os casos, as inscrições já estão abertas e podem ser feitas até o próximo dia 14 de abril no site da Escola de Saúde Pública do Estado.

O processo seletivo coordenado pela Escola de Saúde Pública do Ceará, através da Coordenadoria de Pós-Graduação em Gestão em Saúde, e será composto de duas etapas: prova objetiva e prova de títulos.

A prova objetiva de conhecimentos específicos terá caráter eliminatório e será composta de 20 questões de múltipla escolha. Já a prova de títulos é de caráter classificatório.

REQUISITOS

Para concorrer, os interessados deverão atender aos seguintes requisitos: ser brasileiro nato ou naturalizado ou cidadão português portador de certificado de igualdade e de outorga do gozo de direitos políticos e civis; estar em gozo com seus direitos políticos; quando do sexo masculino, haver cumprido as obrigações e encargos militares previstos em lei; ter 18 anos de idade completos, até a data da admissão; possuir os requisitos de escolaridade exigidos para o exercício do emprego e o respectivo Registro no Órgão de Classe, quando for o caso, no ato da admissão; apresentar outros documentos que se fizerem necessários, no decorrer do Processo Seletivo e/ou na admissão.”

SERVIÇO

Confira aqui a página para acessar os editais da seleção

(Blog Concursos – POVO Online)

6,7 mil servidores sem concurso na "elite" da burocracia

“O retrato da máquina pública no início do governo Dilma Rousseff revela a existência de 6.689 funcionários não concursados nos cargos de confiança da Presidência e dos ministérios – o equivalente a quase um terço do total de postos preenchidos por nomeações. Destes, quase 500 estão nas duas faixas salariais mais altas do funcionalismo.

Dilma herdou da gestão Luiz Inácio Lula da Silva uma estrutura burocrática que permite a nomeação de cerca de 21,7 mil pessoas para cargos de confiança – os chamados DAS, exercidos por quem tem função de chefia ou direção e pela elite dos assessores da presidente, de ministros e de secretários.

Em fevereiro deste ano, 31% desses cargos eram ocupados por não concursados, e 64% por servidores de carreira, segundo dados do Portal da Transparência do governo federal. Há ainda uma pequena parcela de servidores cedidos por órgãos de outras esferas – do Legislativo, de governos estaduais e de prefeituras municipais, por exemplo.

Os postos DAS, que em conjunto consomem quase R$ 100 milhões por ano em salários, estão entre os mais visados pelos partidos que buscam acomodar seus representantes na Esplanada dos Ministérios.

Como Dilma procurou barrar o atendimento de indicações políticas para o segundo escalão até a votação do salário mínimo na Câmara, em fevereiro, é provável que o quadro retratado pelo Portal da Transparência ainda não reflita com exatidão o rateio de espaços na “cargolândia” da Esplanada.”

(Agência Estado)

Defesa Civil registra cerca de 50 ocorrências em Fortaleza, que marcou 66,6 milímetros

Vai, com jeito vai…

A Funceme prevê mais chuvas, nas próximas horas, em Fortaleza, que, de acordo com o órgão, registrou 66,6 milímetros até as 6 horas desta terça-feira. A cidade amanheceu com vários pontos de alagamento e inundação. O entorno do Supermercado Makro, no Dias Macedo, virou uma lagoa e provoca um enorme engarrafamento e complicações até para caminhões que não conseguem passar pelo local.

Já a  Defesa Civil registrou cerca de 50 ocorrências, a maior alagamentos e inundações. A Lagoa da Zeza , que fica na área do Conjunto Tancredo Neves, transbordou. O rio Maranguapinho está em situaçao com  nivel elevado e em alguns pontos atingiu casas, que estão alagadas. Parte de uma casa desabou no bairro Presidente Kennedy, mas sem vítimas. Na rua Castro e Silva (Centro), um ponto comercial também desabou, também sem vítimas.

(Foto – Paulo MOska)

Prefeito de Aracati é denunciado por sonegação fiscal

“O Ministério Público Federal (MPF), por meio da Procuradoria Regional da República da 5.ª Região, denunciou Expedito Ferreira da Costa, prefeito de Aracati (CE), e mais nove pessoas, pela prática de crimes contra o sistema financeiro nacional, quadrilha, sonegação fiscal e lavagem de bens.

Os demais acusados são Carlos Alberto Facó, Edmilson Ferreira da Costa, Fernando Antônio Fontelles de Moraes, Francisco Fábio Parente Moreira, Luiz Alberto Facó, Marcelo Eduardo Nogueira Vieira, Paulo de Tarso Theophilo Gonçalves Neto, Rodolfo Guimarães de Moraes Júnior e Vicente de Paulo Barros Gomes.

De acordo com a denúncia, Expedito Costa, sócio majoritário da Compescal (Comercial de Pescados Aracatinense), estaria realizando exportação subfaturada de lagosta e camarão. A empresa emitia duas faturas com a mesma numeração e quantidade de produtos, sendo uma entregue ao importador, com o valor real da venda, e outra utilizada oficialmente na contabilidade, com valor menor. O importador era orientado a transferir o valor oficial para uma conta corrente da Compescal no Brasil e depositar a diferença em contas de terceiros abertas no exterior.

Depois, com o auxílio de um dos denunciados, que mantinha uma empresa de câmbio irregular, o dinheiro não declarado voltava para o Brasil e era depositado nas contas de dois empregados da Compescal. Esses recursos formavam o chamado “caixa dois” da empresa, e eram utilizados para o pagamento de salários “por fora”, a modernização de frigoríficos e a abertura de empresas em nome de laranjas.

Segundo o MPF, “Expedito Costa formou uma organização criminosa (quadrilha) altamente sofisticada, de tal sorte que um grupo cuidava dos atos que geravam a sonegação, um segundo grupo entrava em cena no momento em que era preciso ocultar no exterior a origem e a propriedade dos recursos derivados daquele primeiro crime, para, depois, encontrar meios para internalizar os valores no Brasil, onde se procedia a uma segunda ocultação até que ocorria sua utilização para pagamentos fora da contabilidade normal da empresa Compescal”.

A denúncia foi oferecida ao Tribunal Regional Federal da 5.ª Região (TRF-5), no Recife (PE), e não à primeira instância da Justiça Federal, no Ceará, porque Expedito Costa, na condição de prefeito, tem direito a privilégio de foro em processos criminais.

Os acusados deverão ser intimados pelo TRF-5 para apresentar defesa preliminar, e então o Pleno do Tribunal julgará o recebimento da denúncia. Caso seja recebida, os acusados passarão a ser réus e responderão a ação penal.”

(Site do MPF_CE)

Fortaleza vive madrugada de temporal

Fortaleza vive uma madrugada de terça-feira sob temporal. Vários pontos de alagamento e o sufoco em alguns bairros da periferia da Capital. O Corpo de Bombeiros e a Defesa Civil redobraram o trabalho.

No Aeroporto Internacional Pinto Martins, faltou teto para que o voo 1706, da Gol – procedente de São Paulo, aterrissasse. O voo foi redirecionado para Natal (RN) e tem previsão de retorno para as 6 horas.

Entre as 2 horas e 4 horas registrou-se o pico do temporal.

Maracanaú terá loja "onde um pneu é um pneu"

214 1

A Gerardo Bastos S.A, aquela “onde um pneu é um pneu”, vai expandir sua rede de lojas. Segundo o diretor Gerardo Bastos Filho, depois de operar com quatro pontos em Fortaleza, chegou a hora de ampliar o mercado. Ele informou para o Blog que a cidade de Maracanaú (Região Metropolitana) é a próxima parada.

Pesquisas apontam que esse município virou um ponto de grande circulação de carros e caminhões que, com certeza, precisarão de boa manutenção e daquela troca de pneu fundamental e com tecnologia. Ainda neste semestre, a nova loja deve sair do papel.

A gente fica feliz quando empresa cearense cresce. Isso é bom para o mercado, pois gera emprego e renda.

(Foto – Paulo MOska)

Unimed é condenada a indenizar cliente com R$ 20 mil

88 2

“A titular da 9ª Vara Cível do Fórum Clóvis Beviláqua, juíza Ana Luiza Barreira Secco Amaral, condenou a Unimed Fortaleza a pagar indenização, por danos morais, de R$ 20 mil a A.A.P., que teve procedimento cirúrgico negado. O plano de saúde deverá também ressarcir os gastos que o paciente teve com o tratamento.

Segundo os autos (nº 7178-09.2010.8.06.0001/0), A.A.P. foi diagnosticado como portador de cirrose hepática em fase terminal, causada pelo vírus da hepatite C. O único tratamento indicado foi transplante de fígado, que deveria ser feito com extrema urgência.

O filho dele foi avaliado clinicamente e considerado compatível com o pai, bem como apto a doar uma parte de seu fígado. Por ser procedimento complexo, a cirurgia deveria ser realizada no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo.

Devido à emergência, o médico enviou solicitação de autorização às filiais da Unimed em São Paulo e Fortaleza, mas o pedido foi negado. O segurado teve que pagar todo o tratamento.

O paciente resolveu entrar na Justiça contra a empresa, requerendo indenização por danos materiais, referente ao que foi gasto com a cirurgia, tratamentos e aparelhagem utilizados, além de reparação moral.

Em contestação, a Unimed alegou que a cobertura do plano não contempla procedimentos realizados fora da rede credenciada e por médicos não cooperados.

Ao julgar o processo, a magistrada considerou a ação parcialmente procedente, ressaltando que o reembolso “haverá de observar os valores constantes da Tabela do Seguro de Saúde”. Quanto aos danos morais, foi fixado o valor de R$ 20 mil. A decisão foi publicada no Diário da Justiça de sexta-feira última.”

(Site do TJ CE)-

Câmara pode votar projeto sobre banda larga e lan houses

“A ampliação da banda larga no Brasil volta a ser o destaque do Plenário nas sessões extraordinárias por meio do Projeto de Lei 1481/07, do Executivo. Nas sessões ordinárias, trancadas por 14 medidas provisórias, destaca-se a 514/10, que detalha novas regras para a segunda etapa do programa Minha Casa, Minha Vida.

O PL 1481/07, que está pautado para esta terça-feira (12), permite o uso de recursos do Fundo de Universalização de Serviços de Telecomunicações (Fust) para financiar serviços como a internet de banda larga, típicos do regime privado. A prioridade seria para as escolas públicas da zona rural. Atualmente, o fundo pode ser usado para financiar somente a telefonia fixa.

Governo e oposição ainda negociam o texto. O PSDB quer proibir o uso dos recursos (R$ 9,6 bilhões até 2010) pela Telebrás, mas o PT defende que isso seja possível para a empresa gerenciar a expansão do serviço no âmbito do Programa Nacional de Banda Larga (PNBL).

Já o ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, informou à Câmara, em audiência pública da Comissão de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática, na última quarta-feira (6), que o Ministério da Fazenda quer rediscutir o projeto.

Menos de 1% dos recursos arrecadados pelo Fust, criado em 2000, foram utilizados até hoje. O dinheiro vem sendo contingenciado pelo governo para a obtenção de superavit primário da União.

Também nesta terça-feira, poderá ser analisado o PL 4361/04, que regulamenta o funcionamento das lan houses.”

(Agência Câmara)

Piauienses não querem ser transformados em cearenses, após Censo 2010

52 1

Moradores do município de Cocal da Estação, no Piauí, deverão pedir esta semana aos deputados estaduais que apóiem o movimento das comunidades de Campestre, Sumaré, Tucuns, Jaboti, Palmeira do Ricardo e Tucurum, contra o Censo 2010, que definiu os povoados como integrantes do município cearense de Granja.

Segundo os moradores, a distância dos povoados até a sede de Granja passa dos 100 quilômetros, o que inviabiliza qualquer atendimento por parte da cidade do Ceará.

De acordo ainda com os moradores, o prefeito de Cocal da Estação estaria usando o Censo 2010 como perseguição política e negando escola para os filhos de seus opositores, além de remédios no posto de saúde da sede.

CNI: Brasil tem de ser mais competitivo para ampliar negócios com a China

“Superar urgentemente os obstáculos ao aumento da competitividade das empresas brasileiras, insistir na abertura do mercado chinês e integrar as suas cadeias de suprimento são três dos mecanismos necessários para ampliar as relações comerciais bilaterais. As alternativas foram propostas pelo presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, em Pequim, nesta segunda-feira, 11.04.

“O Brasil precisa elevar sua competitividade e a ascensão da China atribui a este desafio um irrevogável sentido de urgência”, assinalou Andrade, em encontro da missão empresarial brasileira que participa da viagem da presidente Dilma Rousseff à China.

A reunião, no Hotel China World Summit Wing, foi preparatória para o seminário de amanhã, terça-feira, em que empresários e ministros do Brasil discutem com dirigentes chineses o aumento dos negócios bilaterais. Integram a missão, coordenada pela CNI, 309 empresários.

Segundo o presidente da CNI, a globalização e o aprofundamento da concorrência exigem do governo “disposição e vontade política “ para reduzir com rapidez os custos tributários, logísticos, salariais, cambiais, de infraestrutura, de oferta de energia e crédito. “O Brasil é uma economia de custos elevados em áreas nevrálgicas para o setor produtivo. Nossos custos são incompatíveis com a realidade do mercado internacional”, enfatizou.

Receita 

A receita sugerida por Andrade para elevar os negócios bilaterais inclui outras ações: a) executar estratégias para superar as barreiras tarifárias e não tarifárias chinesas a produtos brasileiros de maior elaboração técnica; b) melhorar, com pesquisa, inovação e logística, o fornecimento de commodities à China; c) aprofundar a integração na cadeia de suprimento chinês, como já fazem várias empresas brasileiras com investimentos na China; d) desenvolver novos setores e produtos, seja na exploração da biodiversidade ou na energia renovável; e) aumentar a capacidade de atrair maiores investimentos diretos chineses; f) reforçar o sistema brasileiro de defesa comercial.

De acordo com o presidente da CNI, a crescente importância da China na economia mundial e seu papel de sustentação de preços de produtos agrícolas, minérios e combustíveis obrigam o Brasil, que já tem nos chineses seu maior parceiro comercial, a estreitar as relações bilaterais.

“A China é uma fonte inesgotável de oportunidades e desafios. Esta é a realidade. Seu protagonismo na economia mundial reafirma que o Brasil não pode prescindir de aprofundar as relações econômicas bilaterais e nem se omitir no desenvolvimento de uma estratégia que aproveite melhor as oportunidades comerciais e de desenvolvimento que se apresentam”, declarou Andrade.

Além dele, participaram do encontro preparatório em Pequim, nesta segunda-feira, 11.04, entre outros, os presidentes do Banco do Brasil, Aldemir Bendini; da BR Foods (fusão da Sadia e Perdigão), José Antonio Fay; da Valisère, Ivo Rosset, e o secretário-executivo do Ministério do Desenvolvimento, Alessandro Teixeira.”

(Site da CNI)

Ceará na China

O Estado do Ceará participa dessa discussão, pois na caravana da CNI que se encontra na China estão o presidente da Fiec, Roberto Macedo, o presidente da Associação Brasileira da Indústria da Panificação (Abip), Alexandre Pereira, o presidente do Conselho Estadual de Desenvolvimento Econôico (Cede), Ivan Bezerra, e Jorge Parente, da CNI e  do Sebrae/Ceará.