Blog do Eliomar

Últimos posts

Prefeitura de Maracanaú vai pagar 14º salário para professores

183 2

O prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa (PR), anuncia, por meio de sua assessoria de comunicação:  vai pagar, na próxima segunda-feira, R$ 1.653.742,18 relativos ao abono remuneratório especial concedido aos servidores das escolas que atingiram em 2010 a meta estabelecida pela Secretaria de Educação do Município para o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB.

Esse índice mede a qualidade do aprendizado nos ensinos fundamental e médio. Ao todo, serão beneficiados 1.425 professores e funcionários administrativos que iram receber o 14º salário com base na remuneração paga no mês de dezembro. Das 66 escolas municipais, 53 conseguiram alcançar a meta do Ideb.

Estádio Elzir Cabral liberado para jogos

“O Ministério Público do Estado do Ceará, por meio da procuradora de Justiça e coordenadora do Núcleo do Desporto e Defesa do Torcedor (Nudetor), Maria Neves Feitosa Campos, já recomendou ao presidente da Federação Cearense de Futebol (FCF), Mauro Carmélio Santos Costa Júnior, que autorize a realização de jogos, com a presença de público no Estádio Vila Olímpica Elzir Cabral, em Fortaleza, devendo observar, porém, a data de vencimento do Laudo de Prevenção e Combate de Incêndio apresentado, sob pena de interdição da referida praça desportiva. Em outra recomendação, o presidente da FCF não deve autorizar a realização de jogos no Estádio Abilhão em Quixadá.

De acordo com o Procedimento Administrativo nº 1853/2011-6, que encaminha os Laudos de Prevenção e Combate de Incêndio e Condições Sanitárias e de Higiene, referentes ao Estádio Vila Olímpica Elzir Cabral. Analisada a documentação, a coordenação do Nudetor concluiu que o referido estádio possui algumas pendências em seu parecer, o que fez com que o Núcleo deliberasse por sua aprovação com restrições para utilização no Campeonato Cearense de Futebol Profissional de 2011.

No Laudo de Prevenção e Combate de Incêndio, foi detectada a falta de guarda corpo, sem contudo ser estabelecido nenhum prazo pela autoridade formuladora do documento para solução da pendência. No entanto, aprova o estádio com restrições e especifica no Certificado de Conformidade que o mesmo tem prazo de validade de 60 dias. Os integrantes do Nudetor entendem que, no prazo indicado deve ser apresentado novo Laudo de Prevenção e Combate de Incêndio, quando deverá ser atestada a regularização da pendência observada.

Quixadá

Em relação ao Estádio Municipal José Antônio Abílio de Lima (Abilhão), situado em Quixadá, o Nudetor recomendou que a FCF não autorize a realização de jogos, com a presença de público, bem como notifique a administração daquela praça desportiva para que seja providenciado o Laudo de Prevenção e Combate de Incêndio.

O Procedimento Administrativo nº 2275/2011-1, que encaminha os Laudos de Vistoria de Engenharia, Segurança, Condições Sanitárias e de Higiene, bem como o Relatório de Vistoria do Corpo de Bombeiros, foram detectadas algumas pendências, conforme parecer, o que fez com que o Núcleo deliberasse pela não-aprovação do estádio para sua utilização no Campeonato Cearense de Futebol Profissional de 2011.”

 (Site do MPE)

Tiririca e mais 17 dizem não ter patrimônio

“A análise das declarações de renda dos novos parlamentares empossados esta semana traz um dado curioso. Entre os deputados eleitos, 18 declararam à Justiça Eleitoral que não possuem bens. A “bancada dos sem patrimônio” é heterogênea, reúne o fenômeno eleitoral Tiririca (PR-SP), a terceira candidata mais votada de São Paulo, Bruna Furlan (PSDB), de 27 anos, o ambientalista Alfredo Sirkis (RJ), um dos fundadores do PV, e Nilton Capixaba (PTB-RO), réu na Justiça Federal de Mato Grosso como um dos pivôs do escândalo dos sanguessugas.

O caso que mais chama a atenção é o de Francisco Everardo Oliveira Silva, o palhaço Tiririca. Ele foi acusado pelo Ministério Público Eleitoral (MPE) de omitir dados da sua declaração de bens. O órgão fez a denúncia após reportagem publicada pela revista Veja no ano passado.

Como mostrou o Congresso em Foco, 220 deputados e senadores disseram possuir mais de R$ 1 milhão em bens.

De acordo com a revista Veja, Tiririca não declarou bens por conta de processos trabalhistas e de sua ex-mulher, em trâmite no Ceará. A denúncia acabou não sendo aceita pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP). O juiz da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo, Aloísio Sérgio Rezende Silveira, considerou que não havia provas de omissão na declaração de bens.

A sentença diz que o acusado juntou cópia de sua declaração de imposto de renda, por meio da qual confirma que não possui bens ou direitos que configurem hipótese de incidência ou valha de base de cálculo para recolhimento de imposto sobre a renda. O juiz explicou que, ainda que bens houvesse, o acusado responderia, quando muito, por sonegação fiscal e não pelo delito de falsidade ideológica para fins eleitorais.

O advogado do palhaço e atual deputado, Ricardo Vita Porto, disse à época que tudo não passou de “um grande exagero”. Segundo ele, não foi cometido nenhum crime eleitoral. “Ele não possui qualquer bem, seja em seu nome ou em nome de terceiros”, afirmou. Mais tarde, porém, disse que “a omissão de bem não configura crime eleitoral”.

Porto afirmou ainda ao jornal O Estado de S. Paulo que os rendimentos de Tiririca não são suficientes para ter qualquer patrimônio. “Humorista não ganha tão bem”, justificou. De acordo com o advogado, houve um acordo com a ex-mulher do candidato “há muito tempo”, mas ele não soube precisar em que consistiria esse acerto.

Máfia das ambulâncias

Apontado pela CPI como um dos líderes do “braço político” do esquema de venda de emendas parlamentares e superfaturamento de ambulâncias, Nilton Capixaba foi acusado de receber R$ 631 mil do esquema, o segundo maior montante dentre todos os congressistas.

Em 2006, o Conselho de Ética da Câmara chegou a pedir a cassação do mandato de Capixaba, mas aquela legislatura acabou antes que o plenário analisasse o o pedido. O deputado classifica as acusações como levianas. “Nilton Capixaba acredita na Justiça e tem certeza de que a população vai saber discernir este momento lamentável da política de Rondônia”, disse a assessoria do petebista ao Congresso em Foco durante a campanha eleitoral. Capixaba voltou à Câmara com a terceira maior votação da bancada de Rondônia. Ele recebeu 52 mil votos.

OS DEZOITO SEM BENS DO CONGRESSO
por ordem alfabética:

1.ALFREDO SIRKIS (PV-RJ)
2.AMAURI TEIXEIRA (PT-BA)
3.ARNALDO JORDY (PPS-PA)
4.AUREO (PRTB-RJ)
5.BRUNA FURLAN (PSDB-SP)
6.DAVI ALCOLUMBRE (DEM-AP)
7.DR. GRILO, (PSL-MG)
8.DR. PAULO CÉSAR (PR-RJ)
9.EVANDRO MILHOMEM (PCdoB-AP)
10.HENRIQUE OLIVEIRA (PR-AM)
11.LINDOMAR GARÇON (PV-RO)
12.LUIZ CARLOS (PSDB-AP)
13.MÁRCIO MARINHO (PRB-BA)
14.MENDONÇA PRADO (DEM-SE)
15.NILTON CAPIXABA (PTB-RO)
16.PASTOR EURICO (PSB-PE)
17.TIRIRICA (PR-SP)
18.VINICIUS GURGEL, PRTB-AP

(Congresso em Foco)

Egito – Manifestantes oram pedindo a saída de Mubarak

“Dezenas de milhares de egípicios oraram na Praça Tahrir, no centro do Cairo, nesta sexta-feira (4), e pediram a saída imediata do presidente Hosni Mubarak do poder, no mesmo dia em que os líderes da União Europeia pediram uma transição imediata de poder no país. O Cairo estava em relativa calma, no 11º dia dos protestos sem precedentes contra o governo Mubarak, no que a oposição vem chamando de “Dia da Saída”.

Os oposicionistas pressionam para que o presidente deixe o poder ainda nesta sexta, depois de quase 30 anos no governo. “Hoje é o último dia!”, gritavam os manifestantes, enquanto alto-falantes tocavam música pop árabe, e helicópteros militares sobrevoavam o local. Soldados mantinham a ordem sem intervir, e havia ambulâncias de prontidão.

Em inglês – para atender à audiência televisiva global – um cartaz declarava: ‘Game over’ (fim de jogo).

A oposição pediu que todos fossem às ruas, apesar dos confrontos dos dois dias anteriores, em uma nova tentativa de, como na terça-feira, levar um milhão de pessoas às ruas do país. Eles querem marchar até o palácio presidencial para pedir a saída de Mubarak.

“É um movimento egípcio. Todo mundo participou, tanto muçulmanos como cristãos, para exigir os direitos que lhes roubaram”, disse o imã que liderou a oração, identificado como Khaled al Marakbi pelos fiéis reunidos nessa praça central, onde estão atrincherados há 11 dias os opositores do presidente Hosni Mubarak.”

(Portal G1 e AFP)

Água no feijão com cheiro de libertação

64 1

O Movimento “Liberdade Já para Battisti” promoverá neste sábado, a partir das 10 horas, a “Feijoada da Liberdade”. A feijoada ocorrerá na quadra do antigo Dert (em frente ao Colégio Farias Brito – rua Barão do Rio Branco) e objetiva recepcionar a caravana cearense que esteve em Brasília se mobilizando em favor da libertação do preso político italiano Cesare Barttisti.

A caravana entregou, por meio da ex-prefeita de Fortaleza, Maria Luiza Fontenele, uma carta assinada por várias personalidades brasileiras e um documento dos advogados (mais de 700 assinaturas) solicitando a libetação imediata de Battisti. A entrega ocorreu no Congreosso Nacional antes que Dilma falasse na abertura dos trabalhos legislativos.

A caravana também fez manifestação na presença do presidente do STF, ministro Cesar Peluso, ocasião em que abriu enorme faixa com a inscrição: “Peluso, a barbárie não passará!” O grupo fez eprotesto também em frente a sede do STF, na Embaixada italian, na UnB e na rodoviária.

Sindicalistas já admitem mínimo abaixo de R$ 580,00

75 2

“Os representantes das centrais sindicais, que se reúnem nesta sexta-feira com ministros para discutir o valor do salário mínimo, já admitem um piso nacional abaixo dos R$ 580. Segundo eles, dependendo dos acordos sobre a correção da tabela do Imposto de Renda (IR) e sobre uma nova política de valorização do mínimo, o valor do piso reivindicado pode baixar.

“Tudo depende do processo de negociação”, afirmou o presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Artur Henrique da Silva, um dos sindicalistas presente no encontro. “São três pontos. Se passar pela correção da tabela do IR e pela política de valorização para o mínimo, o terceiro valor do salário mínimo deste ano fica mais fácil de negociar.”

Além da CUT, participam da reunião representantes da Força Sindical, da Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB), Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), União Geral dos Trabalhadores (UGT) e da Nova Central. Pelo governo federal, estão presentes o secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho; o ministro da Fazenda, Guido Mantega, e o ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi.

A reunião ocorre no escritório da Presidência em São Paulo, na Avenida Paulista. Lá, dezenas de militantes dos sindicatos fazem uma manifestação por um salário mínimo maior. A proposta do governo é de R$ 545.

O secretário-geral da Força Sindical, João Carlos Gonçalves, é um dos que integram o protesto. Ele também admite que será difícil que o governo federal ceda e aumente o salário mínimo para R$ 580. “Vai ser complicado”, afirmou ele. “Nós vamos pedir, mas estamos dispostos a negociar”.

(JB Online)

Neste Pré-Carnaval, que tal o "Bloco do Buraco"?

75 4

Em meio a tanto bloco em clima de Pré-Carnaval, eis que pode surgir mais um: o “Bloco do Buraco”. Puxado pela administração municipal, tendo como samba-enredo a Cagece. Os adereços: pás, picaretas e com muita gente boa saindo de “vassourinha”.

A concentração pode ser lá no Jangurussu e o desfile em qualquer calçada ou terrenom baldio desta Fortaleza, que virou rampódromo.

Para a festa ficar bem melhor, só falta a escolha do “Rei” e da “Rainha” do bloco.

PSOL puxa protesto em Fortaleza contra Hidrelétrica de Belo Monte

O PSOL do Ceará vai realizar, a partir do meio-dia deesta sexta-feira, um ato progtesto contra a construção da hidreelétrica de Belo Monte, no Pará. A concentração ocorrerá em frente a sede da Federação das Indústrias do Estado (Fiec).

Segundo a cúpula do PSOL, essa manifestação faz parte do Dia Nacional de Luta, encabeçado por vários movimentos sociais, em favor da preservação da Amazõnia e contra o avanço do agronegócio naquela região do país. O partido e entidades avaliam que há outras alternativas energéticas para o Brasil.

Nesta sexta-feira, será entregue em Brasília um abaixo-assinado com mais de 500 mil assinaturas pedindo a suspensão do processo de construção de Belo Monte.

Hora de Plantar chega a São João do Jaguaribe

O Programa Hora de Plantar 2011 vai distribuir, a partir de segunda-feira, cerca de 5 mil 400 quilos de sementes selecionadas para os agricultores familiares cadastrados no município de São João do Jaguaribe (Vale Jaguaribano). O evento de lançamento ocorrerá no Núcleo de Informação Tecnológico (NITE) desse município.

O secretário-adjunto da SDA, Antônio Amorim, e o Coordenador da Agricultura Familiar, Itamar Lemos, representarão o secretário de Desenvolvimento Agrário, Nelson Martins, na ocasião. Serão distribuídas sementes de feijão caupi, milho variado e híbrido, além de sorgo forrageiro.

STF – Oposição quer acelerar indicação de ministro

“É o presidente da República quem indica os ministros do Supremo Tribunal Federal e os dos tribunais superiores, além de outras autoridades do Judiciário. O trecho da Constituição que determina essa competência (artigo 84), no entanto, não fixa um prazo para que a vaga seja preenchida, e na prática essa substituição pode levar meses. A senadora Marisa Serrano (PSDB-MS) pretende delimitar esse prazo em 20 dias. Ela anunciou que apresentará uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nesse sentido e já busca as assinaturas necessárias (de pelo menos 27 senadores).

Marisa disse que a ideia de apresentar a proposta surgiu devido à demora do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva em indicar um novo ministro para o Supremo Tribunal Federal. A corte deveria ter 11 ministros, mas uma das cadeiras está vaga desde agosto do ano passado, quando Eros Grau se aposentou. Somente nesta semana a presidente Dilma Rousseff oficializou a indicação de Luiz Fux – e essa nomeação ainda tem de ser aprovada pelo Senado.

A senadora argumenta que colegiados como o do Supremo são compostos por números ímpares de ministros justamente para evitar impasses em casos polêmicos (ou seja, para que não haja empate nas votações, como foi o caso do julgamento sobre a aplicação da Lei da Ficha Limpa). Ela lembra que o vice-presidente do Supremo, ministro Carlos Ayres Britto, teria dito que “esses seis meses de desfalque [com a vaga deixada por Eros Grau] evidenciaram o risco e foram um aprendizado para todos”. E também recorda que a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) havia solicitado rapidez na indicação do novo ministro daquela corte.

– Mas Lula esperou o fim das eleições e deixou a decisão para sua sucessora, prejudicando as atividades do Supremo – criticou Marisa.”

(Agência Senado)

Chesf pode ser multada

117 1

O Operador Nacional do Sistema, a Companhia Hidroelétrica do Vale do São Francisco (Chesf), está responsável pelo fornecimento de energia no Nordeste, e a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) vão se reunir na próxima terça-feira, no Rio de Janeiro. O encontro ocorrerá na sede da ONS e terá como pauta discutir as causas que levaram ao blecaute.

Segundo Resolução nº 63/2004 da Aneel, a Chesf poderá ser multada no valor correspondente a 1% do faturamento ou sobre o valor estimado de energia produzida nos últimos 12 meses por causa do apagão ocorrido nesta madrugada.

(Com Folha de Pernambuco Online)

Energia no Ceará está normalizada, diz Coelce

77 1

“A energia elétrica já está normalizada em todo o Estado, segundo informou a Companhia Energética do Ceará (Coelce), por meio do Twitter. O apagão atingiu todo o Nordeste no início da madrugada de hoje, além de Minas Gerais e Brasília. Em Fortaleza, o blecaute começou às 23h30min e durou pouco mais de uma hora.

O diretor de operações da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf), Mozart Bandeira Arnaud, informou que a pane foi causada por uma falha no circuito eletrônico da subestação Luiz Gonzaga, no município de Jatobá, em Pernambuco.”

(O POVO Online)

O Blog também receb eu da Coelce nota oficial sobre o fato. Confira:

Nota Oficial

Referente ao apagão da madrugada de hoje (4), a Coelce esclarece que foi ocasionado devido à perda de uma linha de transmissão da rede básica (Chesf), afetando a Usina Luiz Gonzaga e as geradoras de Sobradinho, Paulo Afonso e Xingó.

Por conta disso, houve falta de energia em sete estados do Nordeste: Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia. A ocorrência teve início às 23h21 de ontem (3) e foi completamente normalizada no Ceará à 01h35 de hoje (4).

O Ceará foi o primeiro estado do Nordeste a restabelecer o fornecimento de energia. Aos 10 minutos de hoje (4), a situação começou a ser regularizada, sendo a energia totalmente restabelecida em todo o estado à 01h35min.

Gerência de Comunicação Coelce.

gercom@coelce.com.br

Chesf afirma que apagão foi provocado por falha em sistema de proteção

Uma falha no circuito eletrônico da subestação Luiz Gonzaga, no município de Jatobá, em Pernambuco, foi motivo da pane que atingiu estados do Nordeste na noite desta quinta-feira, 3, e início da madrugada desta sexta-feira, 4. As informações são do diretor de operações da Companhia Hidro Elétrica do São Francisco, Mozart Bandeira Arnaud, ao G1.
Segundo Mozart Bandeira, houve uma falha em um componente eletrônico, a cartela, que faz parte do sistema de proteção da subestação. “Sem ter havido nenhum problema, por um defeito eletrônico, ele deu ordem para desligar a subestação. Isso às vezes pode acontecer, mas como a instalação era muito grande, os efeitos foram sentidos em várias regiões”, disse. Os sistemas das usinas Xingó, Paulo Afonso e Luiz Gonzaga foram atingidos.
As falhas pontuais causadas pelo apagão serão corrigidas, disse o diretor de operações. Ele afirmou ainda que, em oito anos na direção da companhia, nunca foi registrada uma ocorrência como essa. Ele também pediu tranquilidade às pessoas e afirmou que isso não ocorrerá novamente.
(Redação O POVO Online com informações do G1)

Semáforos de Fortaleza apresentam problemas por conta do apagão

”A falha no fornecimento de energia, que fez com que parte da região Nordeste ficasse sem luz por volta de 23h desta quinta-feira, 3, prejudicou o funcionamento de alguns semáforos em Fortaleza. De acordo com a Autarquia Municipal de Trânsito, na manhã desta sexta-feira, 4, alguns equipamentos ainda estão com problemas, pois a queda brusca de energia afetou a placa de alguns deles.

Segundo a autarquia, técnicos já foram enviados para realizar a manutenção dos aparelhos e agentes de trânsito controlam o tráfego nos seguintes pontos da cidade:

Agentes operando

Rui Barbosa x Pontes Vieira
Tibúrcio Cavalcante x Santos Dumont
Tibúrcio Cavalcante x Torres Câmara
Virgilio Távora x Ana Bilhar
Leonardo Mota x Eduardo Garcia
Virgilio Távora x Antônio Justa
Santos Dumont x Carlos Vasconcelos
Santos Dumont x Jose Vilar
Julio Ventura x Jose Vilar
Antônio Sales x Barbosa de Freitas

Outros semáforos com problemas:

José Basto x Delmiro de Farias
Rui Barbosa x Costa Barros
Av. Mister Hull
João Pessoa x Costa Mendes
João Pessoa x Álvaro Fernandes
Augusto dos Anjos x Aloísio Azevedo
Desembargador Moreira x Tertuliano Potiguara
Alberto Craveiro x Pedro Dantas
Carlos Vasconcelos x Deputado Moreira da Rocha

Acidentes

A AMC registrou dois acidentes relacionados a queda de energia. Um deles ocorreu na rua Padre Ibiapina com avenida Bezerra de Menezes, envolvendo um ônibus com um carro. A outra ocorrência envolveu dois veículos, na rua Justiniano de Serpa com avenida Domingos Olímpio.”

MEC divulga segunda chamada do Sisu

“O Ministério da Educação divulgou, nesta sexta-feira (4), a segunda chamada do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) 2011.

Veja se você foi selecionado:

 

A matrícula para os aprovados deve ser feita diretamente nas instituições nos dias 8 e 9 de fevereiro. Veja o calendário:

Segunda chamada

Resultado 4 de fevereiro
Matrícula dos candidatos selecionados 8 e 9 de fevereiro

Há mais uma chamada e a lista de espera. Se o candidato foi aprovado em sua primeira opção na primeira chamada, foi automaticamente retirado do sistema, fazendo ou não sua matrícula na instituição. Ou seja: ele não poderá participar das outras chamadas do Sisu. Na segunda chamada, a norma continua: quem foi aprovado em primeira opção não participa nem da terceira chamada, nem da lista de espera.

Veja o calendário da próxima chamada e da lista de espera:

Terceira chamada

Resultado 13 de fevereiro
Matrícula dos candidatos selecionados 15 e 16 de fevereiro

Lista de espera

Declaração de interesse em participar da lista 13 a 17 de fevereiro

(Portal Uol)

Câmara Municipal vai retomar debate sobre barracas de Praia do Futuro

90 2

“O presidente da Câmara Municipal, Acrísio Sena (PT), receberá em audiência, às 9 horas da próxima terça-feira, a diretoria da Associação dos Barraqueiros da Praia do Futuro. Vai acertar a data de uma audiência pública para tratar da polêmica jurídica em torno da manutenção ou não de barracas naquele ponto da Capital. Esse tema virou script de uma novela bem antiga.

Acrísio quer realizar esse encontro para logo, adiantando que representantes do Ministério Público Federal, SPU, Prefeitura e de moradores do bairro serão convocados para discutir uma questão que mexe com o setor turístico que precisa estar organizado também para a Copa 2014.

Aliás, o que se diz é que gringo também adora praia com caranguejo. Sem exploração, é claro.

(Coluna Vertical, do O POVO)

E no reino da buracolândia

278 3

“A briga sobre a paternidade dos buracos de Fortaleza ganha mais um capítulo. O POVO teve acesso a relatório elaborado por técnicos da Prefeitura de Fortaleza, no qual há fotos de 226 buracos, dos quais 116 são atribuídos à Cagece – percentual de 51,3%.

Em artigo publicado hoje nas páginas de Opinião do O POVO, o secretário da Infraestrutura de Fortaleza, Luciano Feijão, fala que seriam 116 do total de 216 buracos – 53,7%. O estudo data de 2009 e foi a base da declaração da prefeita Luizianne Lins (PT) de que cerca de 60% dos buracos das ruas da cidade seriam culpa do órgão estadual. As declarações provocaram duram reação do secretário da Casa Civil, Arialdo Pinho.

O levantamento era restrito ao quadrilátero entre avenidas Aguanambi, Treze de Maio, Domingos Olímpio e a rua Senador Pompeu. Isso representa uma área de 1,35 km² – equivalente a 0,43% da área de Fortaleza.

No mesmo artigo, Luciano diz que, por essa amostragem, é possível detectar que entre 50% e 60% dos buracos de Fortaleza são causados pelo sistema de esgotamento sanitário.

O POVO entrou em contato com a assessoria da Secretaria da Infraestrutura na tarde de ontem, mas não houve retorno até o fechamento da edição. A assessoria da Cagece informou que o relatório foi entregue em 2009 e vai fazer novamente esse levantamento para depois se posicionar.”

(O POVO)

Escolha de Dilma para Furnas amplia força política do grupo de Sarney

55 1

“Em mais uma demonstração pública de afirmação de sua autoridade e da animosidade que marca a relação entre os partidos da base aliada, a presidente Dilma Rousseff confirmou ontem a escolha do engenheiro Flávio Decat para presidir Furnas Centrais Elétricas. Dilma tinha a intenção de levar Decat para a Eletrobrás, mas a crise política vivida por Furnas, com a circulação de dossiês e acusações mútuas entre petistas e peemedebistas, foi decisiva para fazê-la mudar a escolha.

Dois nomes são agora cotados para o comando da Eletrobrás: o do ex-presidente da Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), José da Costa, e o do secretário executivo do Ministério de Minas e Energia, Márcio Zimmermann. O atual presidente da Eletrobrás, José Antonio Muniz Filho, deverá ser deslocado para a presidência da Eletronorte, cargo que já ocupou.

A montagem da cúpula do setor elétrico demonstra, mais uma vez, a força do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), no atual governo.

Flávio Decat, que ultimamente estava no Grupo Energia, do setor privado, tem o apoio de Sarney e do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão. Sarney elegeu-se para a presidência do Senado pela quarta vez na terça-feira. Muniz Filho, que agora deverá ir para a Eletronorte, também é afilhado de Sarney.

A escolha de Decat para a presidência de Furnas teve três objetivos: além da afirmação da autoridade presidencial e de fazer mais um agrado ao grupo do senador José Sarney, serviu de punição ao deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), padrinho do atual presidente de Furnas, Carlos Nadalutti Filho.

Dilma mostrou a Cunha que só negociará com o PMDB como um todo, deixando de atender pleitos solitários. Na crise de Furnas, a presidente optou por ignorar o PMDB da Câmara, ao mesmo tempo em que fortaleceu o bancada do partido no Senado e seus líderes.”

(Estadão)