Blog do Eliomar

Últimos posts

Em Juazeiro do Norte, um tucano dará uma forcinha ao gestor petista

Para dar uma guinada em sua administração, o prefeito Manuel Santana (PT), de Juazeiro do Norte, recorreu a um consultor que, além de ter presidido a Associação dos Prefeitos e Prfeituras do Ceará (Aprece), foi prefeito: o tucano José Irineu Carvalho.

Mas Irineu avisa logo que a relação é apenas profissional. Realiza um diagnóstico completo, com sua equipe, das dificuldades e das ações que Manuel Santana deverá tocar para dar novo ritmo ao seu trabalho.

A gestão de Santana, até agora, tem sido marcada por crises e rodízios de secretários, o que tem lhe rendido baixa popularidade.

(Foto – Paulo Moska)

IAB-CE propõe concurso de ideias para requalificação da Praia do Futuro

72 1

“Um concurso nacional de ideias nos moldes do que foi feito para o projeto de requalificação da Praia de Iracema. Eis o que propõe o Instituto dos Arquitetos do Brasil, regional do Ceará, como solução para o impasse criado em torno da permanência das barracas da Praia do Futuro. A proposta é bancada pelo vice-presidente da entidade, José Sales, e por Romeu Duarte, membro do Conselho Superior do IAB e ex-delegado do Iphan no Estado.

“Retirar as barracas sem dar opção não é correto. Dá para ter esse concurso, escolher o melhor projeto e implantar por etapas o que for definido. Agora, barraca tomando toda a orla não dá!”, explica Duarte. José Sales lembra que o local virou point turístico importante e não pode ser tratado simplesmente como um problema de justiça. Eles defendem que a prefeita Luizianne Lins mergulhe de cabeça nessa ideia. Essa onda pega?”

(Coluna Vertical – O POVO)

Engajado à comitiva de Seul, Cid leva pacote de projetos

63 1

Cid na comitiva de Lula.

“Com prestígio em alta por ter garantido a segunda maior votação do Nordeste a Dilma Rousseff (PT), o governador do Ceará, Cid Gomes (PSB-CE), estará na comitiva oficial para a viagem à África e Ásia, que inclui a presidente eleita.

O governador leva na bagagem uma lista de pelo menos oito projetos que encabeçam as prioridades da agenda estadual. Algumas são obras já previstas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que somam R$ 31 bilhões de investimentos. Cid já pleiteava uma audiência com Dilma. E, ao invés disso, terá cinco dias com a presidente.

Entre os empreendimentos estão obras regionais, como a transposição das águas do Rio São Francisco (R$ 2,9 bilhões) e a Ferrovia Transnordestina (R$ 5.4 bilhões). Em construção, as duas obras são fundamentais para garantir água e transporte para outros dois investimentos de porte no estado: a Refinaria Premium II (R$ 22 bilhões), com recursos da Petrobras, que não saiu do papel; e a Companhia Siderúrgica do Pecém, um empreendimento privado que funcionará no Complexo Portuário e Industrial do Pecém (CIPP). Entre os sócios, a Vale do Rio Doce e duas empresas sul-coreanas.”

(Globo)

Jornal inglês afirma que Dilma terá desafio de mostrar ser líder de si própria

“Em sua edição desta semana, a revista britânica The Economist, uma das mais influentes do mundo, analisa os desafios que a presidente eleita Dilma Rousseff terá de enfrentar quando assumir o mandato, em 1º de janeiro. “Dilma, que nunca antes ocupou um cargo para o qual tivesse sido eleita, terá de mostrar agora se será uma mera representante de Lula ou uma líder por si própria”, afirma a publicação.

De acordo com a revista, Dilma enfrenta agora um problema semelhante ao que Lula enfrentou em sua primeira eleição, em 2002: o medo dos investidores. Embora tenha vencido a eleição com o discurso da continuidade das políticas econômicas e sociais do governo de seu antecessor, Dilma terá de acalmar os investidores receosos em relação à sua gestão. Isso porque, como lembra a Economist, a presidente eleita pertenceu a uma guerrilha de esquerda durante o regime militar e vem de uma ala do PT que tem particular interesse na intervenção do estado na economia.

A Economist afirma que as nomeações de Dilma passarão por forte escrutínio. Os investidores esperam que Lula consiga convencer Dilma a manter Henrique Meirelles na presidência do Banco Central.

A publicação afirma que os críticos de Dilma ficarão de olho especialmente na forma como ela vai lidar com a questão da responsabilidade fiscal – área em que uma diferenciação de seu antecessor seria bem-vinda. Apesar dos recordes de arrecadação, o governo fechará suas contas no azul este ano apenas por causa da capitalização da Petrobras – classificada como “receita extra”. Como lembra a Economist, Dilma vem defendendo responsabilidade fiscal, ao mesmo tempo em que apoia gastos sociais com os mais pobres.

Para que consiga equilibrar as duas promessas, a nova presidente terá de “cortar gordura das partes do orçamento em que Lula não tocou, como as pensões no serviço público. Mas atacar tais vantagens generosas provocaria a ira de sua base e dos sindicatos, que ainda são uma força considerável dentro do PT”.

Se estiver mesmo disposta a brigar por reformas, Dilma tem mais chances de consegui-las do que Lula. Isso porque terá maioria no Congresso e também mais representantes nos estados do que durante o governo Lula. “Ainda assim, Dilma deve ter dificuldades em impor sua vontade ao partido e à sua coligação”, afirma a publicação. A Economist lembra que a presidente eleita criará um precedente ruim para o Brasil se permitir que Lula permaneça no poder, nos bastidores. “Dilma terá de convencer os duvidosos de que não é apenas um Lula de batom”.

(Veja)

Ministro lança em Fortaleza seminário sobre Logística Portuária

A Secretaria Especial dos Portos lançará, às 9 horas desta segunda-feira, no Marina Park Hotel, o V Seminário SEP de Logística, que ocorrerá de 8 a 11 do próximo mês, no Centro de Negócios do Sebrae, em Fortaleza. Além de apresentações e palestras sobre as tendências e tecnologias no norte e nordeste, o encontro contará com expositores do setor.

O titular da Secretaria Especial dos Portos, ministro Pedro Brito, fará o lançamento do evento, que será realizado em parceria com a Associação Brasileira das Entidades Portuárias e Hidroviárias (ABEPH).

(Com Assessoria da SEP)

Reforma Política – Presidente nacional do PT quer prioridade para o tema

“A reforma política é uma “herança” do governo Luiz Inácio Lula da Silva que a nova presidente, Dilma Rousseff, deve liquidar logo no início do seu mandato. A avaliação é do presidente do PT, José Eduardo Dutra, que segue um sentimento do próprio presidente Lula. Na última quinta-feira, em reunião com ministros, Lula prometeu atuar diretamente na negociação da reforma. “Tem um ponto que não envolve só o governo, envolve forças políticas, que é aprovar a reforma política. É algo que durante o governo passado não se conseguiu e que devia se aproveitar o primeiro semestre do ano que vem para colocar em pauta. Na minha opinião, essa deveria ser a primeira reforma a ser tocada. E o governo tem condições de ajudar a andar”, disse Dutra.

Sobre a participação do presidente Lula nas negociações, Dutra afirmou que “o PT, o governo e o Brasil não podem prescindir da sua experiência, sua competência e seu talento”. “Se ele atuar nisso, vai ser um fator positivo para que a reforma ande”.Na próxima semana, Lula e Dilma viajarão para Moçambique e, depois, participarão das reuniões do G20 (grupo das 20 maiores economias mundiais) em Seul, na Coreia do Sul. Quando a presidente eleita voltar ao Brasil, deverá encontrar o processo de transição mais avançado. “A expectativa é que eu já terei conversado com os presidentes de todos os partidos, para ouvir as demandas e já ter um panorama geral para ela poder se dedicar à composição do governo”, disse Dutra, que já esteve em contato com a direção do PMDB e do PSB.

O presidente do maior partido aliado do governo e vice de Dilma, Michel Temer, levantou a proposta de que a distribuição de ministérios seja mantida como foi construída no governo Lula. Para Dutra, esse “pode ser um critério”, mas a definição estará nas mãos de Dilma. A presidente eleita terá de avaliar a proposta diante das demandas de outros aliados, como PDT e PSB, que cobraram participação maior no Executivo.

Ao ser questionado se o PT poderia reduzir seus atuais 15 ministérios para atender aliados, o presidente do partido afimrou que “os diversos partidos vão colocar seus pleitos, mas a base de apoio é a mesma do presidente Lula e ninguém quer causar constrangimento ou provocar dificuldade para a Dilma”. Para ele, a composição do novo governo tem que levar em conta, além da representatividade política, a capacitação técnica para ocupação dos cargos.

Congresso Nacional

Na conversa com Temer também ficou estabelecido que haverá um rodízio entre PT e PMDB na presidência da Câmara e do Senado a partir do ano que vem. A escolha de qual das legendas iniciará o rodízio ainda depende de conversas futuras. O protocolo evitaria disputa entre os dois partidos pelo comando das Casas.

Dicorda de Cid Gomes

Para o Senado, o governador reeleito do Ceará, Cid Gomes (PSB), defende o tucano Aécio Neves para a presidência, como um gesto do governo de abertura para a oposição. “Eu respeito a proposta do governador Cid Gomes, mas não tem chance de acontecer, porque a tradição é sempre a maior bancada eleger o presidente e o PSDB é a quarta bancada”, afirmou Dutra.O presidente do PT avaliou que há outras formas de acenar à oposição e que a abertura do diálogo será uma iniciativa do governo.”

(Portal Terra)

Dilma conduzirá economia com mão de ferro

“A presidente eleita, Dilma Rousseff, sinalizou que usará a montagem de sua equipe econômica para mostrar personalidade própria e um novo estilo de governar. Diferentemente do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que estimulava divergências entre os condutores da economia para, no fim, criar consenso, Dilma avisou a interlocutores que deseja uma equipe harmônica e que terá influência direta no encontro das soluções.

Nas primeiras entrevistas concedidas semana passada, Dilma foi além e explicitou que vai comandar e monitorar pessoalmente a economia. Disse que essa é uma responsabilidade dela, e não de nomes que venham a ser escolhidos:

– Não serão pessoas que vão ser responsáveis sobre isso. Sou eu que sou responsável. E, como responsável, asseguro: seja quem seja que esteja no exercício do cargo, eu assegurarei ao país a questão da estabilidade econômica.

Para petistas e aliados, esse recado foi mais do que claro sobre a preponderância que ela pretende ter sobre a área econômica. Esse deverá ser um contraponto visível do governo dela em relação ao de Lula.

Com opiniões próprias, os dois principais economistas que terão interlocução com Dilma são o atual presidente do BNDES, Luciano Coutinho, com grande influência no seu pensamento, e o secretário de Política Econômica, Nelson Barbosa, que Dilma sempre ouve, cita e elogia, principalmente em relação à sua eficiência.

O terceiro nome do grupo será o atual ministro da Fazenda, Guido Mantega; o presidente Lula já sinalizou que gostaria que ele fosse mantido no comando da pasta. Mas ele pode ir para outra função.

De forma reservada, Dilma tem considerado Mantega menor que o cargo que ocupa e com pouca liderança para conduzir a economia. A presidente eleita atribui à falta de comando de Mantega os problemas recentes com a Receita Federal nas gestões de Lina Vieira e de Otacílio Cartaxo.”

(Globo Online)

Cinco jovens morrem em acidente na BR-020

Cinco jovens morreram, neste domingo, vítimas de acidente automobilístico registrado na BR-020, altura do município de Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza). Segundo a Polícia Rodoviária Federal, mais precisamente no Anel Viário, envolvendo um carro Polo com um caminhão de coleta de lixo.

Morreram os jovens que estavam no Polo. Bruno Sousa deMedeiros, o conduotr (20), Claumir Araujo Braga (23), Farlington Cruz de Andrade (19), Lucas Abreu Muniz (21) e um menor de 14 anos. Segundo informações da PRF, o acidente foi provocado por excesso de velocidade do Polo.

Fortaleza é sede de workshop internacional sobre saúde

O Brasil e o Canadá, que adotam sistema de saúde pública de maior dimensão no mundo, trocarão experiências em Fortaleza durante o I Workshop Internacional de Gestão do Conhecimento e Inovação em Saúde.

O evento ocorre a partir de segunda-feira, no Hotel Mareiro. A realização é da UFC, Fundação Osvaldo Cruz e Instituto Centec. Na coordenação-geral está o secretário da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Estado, René Barreira.

A ocasião merece a presença dos senhores secretários municipais da Saúde e seus gestores. Vai ser um momento de troca de experiências considerável.

O presidente da Fundação Osvaldo Cruz, Carlos Gadelha, qu é cearense, também estará no evento abrindo o debate e anunciando novidades no que diz respeito ao projeto de implantação de uma unidade da Fiocruz na cidade do Eusébio (Região Metropolitana de Fortaleza).

Alô, Semam! Festa no Papicu prejudica sono de moradores

83 10

Da leitora Roberta Maia e do jornalista Lúcio Filho, este Blog recebeu a seguinte reclamação:

Caros amigos,

É exatamente uma hora da manhã deste domingo, dia 7 de novembro. Esta noite meu descanso foi impedido por uma terrível falta de políticas públicas sérias em nossa cidade. Simplesmente, está havendo uma festa/show na pracinha próxima aqui da minha casa, na Igreja de São José, vizinho ao Hospital Geral de Fortaleza – HGF. Um palco foi armado e toca uma banda de forró, em um som altíssimo, prejudicando moradores e pacientes do hospital. Ligamos inúmeras vezes para o Ciops, Disque-Silêncio, e nada foi feito. Cheguei até a ligar para o hospital e falamos com a recepcionista, que me informou que também já havia ligado para o Ronda porque os pacientes estavam reclamando do barulho. Agora, o soldado do Ronda do Quarteirão acabou de nos avisar que os produtores do evento, que parece ser o aniversário do bairro, têm autorização da SEMAM para manter o som até as 2h da manhã. E o sono dos vizinhos e pacientes do hospital, que vá “pras cucuias”…
Quanto absurdo!

A todos vocês, desejo uma boa noite de sono e sem barulho!
Roberta Maia

O jornalista lúcio Filnho endossou:

Segundo o SD Marcelo, do Ronda do Quarteirão, é uma festa em comemoração ao aniversário do Papicu, promovida por líderes comunitários do bairro. Detalhe nunca vi tais líderes. Um agravante: foi autorizada pela Secretaria Municipal de Meio-Ambiente – SEMAM. Mais uma detalhe: a Roberta mora no Papicu desde que nasceu e nunca particpou, nem ouviu comentários de festa para comemorar aniversário do bairro. Como já foi dito: a “festa” ocorre há poucos metros do Hospital Geral de Fortaleza, Roberta ligou para lá e a recepcionista não deixou de falar que os pacientes estavam incomodados e também pediu providências ao CIOPS, Ronda do Quarteirão e demais autoridades.

A autorização da SEMAM, segundo o SD Marcelo, é para que a festa ocorra até às duas da manhã.
O CIOPS foi acionado por vários moradores da área, porém não pode fazer nada, pois os organizadores têm em mãos tal autorização.
Nada contra comemorar aniversário do Papicu, ou de qualquer outro bairro, mas que seja feito em lugar e horário adequados, não em frente ao HGF.
Que presente de aniversário para os moradores do Papicu, que não conseguem dormir… Quem será que está patrocinando a festa? Será que uma das lideranças é um deputado recém-eleito?
Espero, sinceramente, que providências sejam tomadas. Estou inclusive a disposição para esclarecer o que for preciso.

Um abraço a todos

Lúcio Filho
Jornalista Profissional – MTb 2464 JPCE.

MEC divulga requerimento na internet para aluno prejudicado no Enem

“O Ministério da Educação admitiu no final da tarde deste sábado que soube apenas durante a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) – ao abrir e distribuir as provas – que havia um erro na impressão do cartão-resposta entregue aos estudantes. Apesar de minimizar o problema, o governo não sabe quantos estudantes deixaram de ser avisados a tempo.

O MEC criou um requerimento na internet para os estudantes pedirem a correção invertida. Mas o ministério também não sabia dizer a partir de quando essa possibilidade de correção estará disponível na internet. “No decorrer da semana”, disse o presidente do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep), José Joaquim Soares Neto.

Soares Neto admitiu ainda que não pode garantir que todos os 3,5 milhões de estudantes que compareceram neste sábado ao exame receberam a informação de preencher as respostas de acordo com a orientação dada de última hora pelo MEC. “Se por acaso alguma sala ou estudante não recebeu (orientação), estamos abrindo o requerimento”, afirmou.

Apesar do erro, o presidente do Inep tentou minimizar o episódio. “Nós tivemos 3,5 milhões de estudantes realizando o exame muito bem elaborado e não temos ocorrências de problemas em nenhum local. Tudo ocorreu de forma tranquila e a realização do exame foi um sucesso”, disse.”

(Agência Estado)

Lula deixa conta de R$ 50 bi para Dilma pagar em 2011

60 1

“Faltam oito semanas. No sábado 1º de janeiro, Lula vai passar a Dilma Rousseff a faixa presidencial junto com uma conta bilionária a ser paga no primeiro ano do novo governo. A dimensão exata dessa fatura somente será conhecida em janeiro. Mas sabe-se, por exemplo, que, se o presidente decidisse não gastar mais um único centavo em novos projetos a partir desta segunda-feira – o que é absolutamente improvável -, deixaria uma herança de R$ 50,7 bilhões em débitos a pagar no Orçamento de 2011, apenas por obras e serviços já encomendados (construção de habitações, barragens, postos de saúde, manutenção de estradas, etc).

Esse valor das contas federais penduradas até a semana passada já é maior que a soma dos investimentos em obras (R$ 43 bilhões) no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) previstos para o ano que vem. Representa o resultado de uma opção na execução do Orçamento público, feita por Lula em parceria com Dilma, que conduziu o PAC quando chefiava a Casa Civil. É, principalmente, a moldura do retrato de um governo prisioneiro da expansão de uma grande máquina burocrática, que ele mesmo consolidou.”

(O Globo)

Gota d'água – O velho carro-pipa volta a abastecer 79 municípios cearenses

“Açudes secos, cisternas com pouca água, famílias tendo que racionar o quanto podem a água que vão buscar a quilômetros de distância de casa. É a situação de municípios dos sertões cearenses, como em Saboeiro, no Sertão dos Inhamuns. Muitas famílias que vivem na zona rural não dispõem de cisterna para guardar a água e têm de acumular em baldes de 200 litros.
O secretário de agricultura do município Raimundo Nonato Martins calcula que 60% da população rural não tem água para beber e apenas dois carros-pipas atendem às famílias dos sítios e distritos quando, no mínimo, são necessários cinco carros. Ele diz que pelo menos 60 comunidades, em média com 20 famílias cada, estão sem água para beber.

E é para atender municípios que precisam de maior atendimento dos carros-pipa como Saboeiro, que a Coordenadoria Estadual da Defesa Civil aguarda para esta semana, recursos no valor de cerca de R$ 10 milhões que serão enviados pela Secretaria Nacional da Defesa Civil. Segundo o comandante do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil do Estado, coronel João Vasconcelos, o dinheiro foi solicitado pelo governo do Estado em outubro passado para atender aos 79 municípios que se encontram em situação de emergência.
A decretação da emergência por causa da estiagem deste ano ocorreu no último dia 29 de outubro. O decreto, publicado naquela data no Diário Oficial do Estado, cita como influência da escassez de chuvas, o fenômeno “El Niño” que causa irregularidades no período chuvoso (fevereiro a maio). O coronel João Vasconcelos disse que, logo que cheguem os recursos, vão ser repassados para os gestores municipais para que ampliem o número de carros-pipa onde há mais necessidade.

Quem está aguardando ansiosa por essa decisão é a aposentada Rosa Amélia de Oliveira, que mora em Tauá, o maior município do Sertão dos Inhamuns. Segundo ela, em sua casa estão tendo de comprar água dos carroceiros porque não são beneficiados por carros-pipa. “O que está sendo vivenciado aqui em Tauá, é o que aconteceu em 1958, uma seca danada. Ela diz que até as escolas estão sendo prejudicadas. “Meus netos estão deixando de ir pra escola porque, com a falta d´água, não tem como fazer a merenda escolar”, informou. (Colaborou Amaury Alencar)

LISTA DAS CIDADES
MUNICÍPIOS EM SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA

Acarape, Acaraú, Alcântaras, Altaneira, Amontada, Apuiarés, Aracoiaba, Ararendá, Aratuba, Aurora, Baturité, Barroquinha, Baixio, Bela Cruz, Cariré, Caririaçu, Cariús, Carnaubal, Cedro, Chaval, Chorozinho, Crato, Croatá, Ererê, Farias Brito, Fortim, Frecheirinha, General Sampaio, Graça, Granja, Granjeiro, Groaíras, Icó, Iguatu, Ipaporanga, Ipaumirim, Ipu, Ipueiras, Itapipoca, Itarema, Jati, Maranguape, Marco, Martinópole, Massapê, Meruoca, Miraíma,
Missão Velha, Monsenhor Tabosa, Moraújo, Mulungu, Nova Russas, Novo Oriente, Orós, Pacajus, Palmácia, Paracuru, Parambu, Penaforte, Pereiro, Pindoretama, Poranga, Potengi, Quixelô, Quixeré, Redenção, S. do Acaraú, São Luis do Curu, Senador Pompeu, Senador Sá, Sobral, Solonópole, Tarrafas, Trairi, Umari, Uruburetama, Uruoca, Varjota e Viçosa do Ceará.”

(O POVO)

Construtoras ajudaram a eleger 54% dos congressistas

“As empreiteiras mais que triplicaram o volume de doações para os políticos que se elegeram para o Congresso neste ano em relação a 2006. Dos congressistas eleitos, 54% receberam recursos das construtoras em 2010, um total de R$ 99,3 milhões, informa reportagem de Silvio Navarro e Breno Costa, publicada neste domingo pela Folha (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL).

Levantamento feito pela Folha nas prestações de contas disponíveis no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) mostra que 306 congressistas que assumirão mandatos em fevereiro (264 deputados e 42 senadores) receberam contribuições de construtoras.

Há quatro anos, as empreiteiras declararam ter doado R$ 32,6 milhões (valores corrigidos pela inflação). A conta tem apenas uma ressalva: este ano foram disputadas 27 vagas a mais no Senado do que em 2006, quando foi eleito apenas um senador para cada Estado.

As empreiteiras superaram com folga outros tradicionais doadores, como bancos, mineradoras e empresas ligadas ao agronegócio.”

(Folha)

Equipe da Policia Ambiental faz prisões e apreende armas

Equipe do Comando de Policiamento Ambiental do Estado prendeu, nesta madrugada de domingo, dois indivíduos que, numa motocicleta e circulando na contramão, efetuaram disparos de arma de fogo – pistola 7,65, contra um bar situado na avenida Raul Barbosa. Eles, no entanto, acabaram preso após cerco policial. Portavam ainda 12 cartuchos, informou o sargento PM Freitas.

Em seguida, no caminho para a delegacia de plantão (30 DP – São Cristóvão), na altura do bairro Castelão, a CPMA prendeu mais um indivíduo que, segundo testemunhas, estava com um revólver fazendo ameças.

Sérgio Novais faz revisão de cirurgia e diagnóstico é positivo

75 3

Recupera-se bem em Fortaleza o ex-presidente da Companhia Docas do Ceará, o ex-deputado federal Sérgio Novais (PSB). Nesta semana, ele se submeteu a uma revisão de cirurgia cardíaca a que foi submetido em São Paulo e os resultados foram positivos.

Sérgio Novais só não fala em voltar tão cedo ao cenário político. Mas não deixou de comemorar, sem excessos, com os amigos a reeleição do deputado federal Ariosto Holanda e de sua irmã, a vereadora Eliane Novais (PSB), que conquistou mandato de deputada estadual.

Quer vinho? Venha…

148 1

Fortaleza receberá, nesta semana, a maior prova de vinhos da região Nordeste. Trata-se do WOW – Wines of the World, evento, que depois de passar por Recife (PE) e João Pessoa (PB), chega à capital cearense. Na ocasião, serão degustados mais de 100 rótulos de vinhos de 36 vinícolas oriundas de países como Portugal, Argentina, Chile, Itália e França (Não Tem). Vamos ter Espanha.

O encontro é destinado a enólogos, produtores e diretores comerciais de vinícolas e  donos de restaurantes de Fortaleza, além de apreciadores de bons vinhos. Durante a degustação, famosos produtores como Herdade dos Grous (Portugal), Herdade do Esporão (Portugal), Bacalhôa (Portugal), Bodegas Muga (Espanha), Ruffino (Itália), Viña Tarapacá (Chile) e Alta Vista (Argentina), entre outros, apresentarão suas bebidas.

Excelentes vinhos serão degustados como Quinta da Garrida Dão (tinto) safra 2006, Muga Reserva Selección Especial (tinto) 2004, Muga Reserva (tinto) 2004, Emilio Moro (tinto) 2005, Pian di Nova IGT Il Borro (tinto) 2006, Viña Mar Reserva Especial Pinot Noir (tinto) 2007, Terroir Selection (tinto) 2007 e Atemporal Blend (tinto) 2007. Para a apreciação ser completa, o enólogo mais premiado de Portugal, Luís Duarte, o único a ganhar duas vezes o prêmio de “enólogo do ano” pela Revista de Vinhos de Portugal estará presente no WOW.

(Com a Assessoria de Imprensa do Evento)