Blog do Eliomar

Últimos posts

Cid assiste a uma missa em Canindé um dia depois de Serra

Um dia depois da passagem do candidato tucano à presidência da República, José Serra, pelo município de Canindé (120 km de Fortaleza), eis que quem esteve por ali, neste fim de tarde de domingo, foi o governador Cid Gomes (PSB).

Cid ali compareceu, tendo ao seu lado o deputado estadual reeleito Zezinho Albuquerque (PSB), na condição de chefe do executivo estadual, conferindo o encerramento dos festejos alusivos ao padroeiro, São Francisco das Chagas.

No sábado, José Serra assistiu a uma missa, tendo ao lado o senador tucano Tasso Jereissati e lideranças como o ex-governador Lucio Alcântara, ocasião em que houve manifestação de um padre contra uso político de celebrações em campanha. Cid, presente à missa, não esboçou nenhum tipo de manifestação, a não ser a de agradecer, fora da basílica, o apoio recebido do eleitorado à sua reeleição.

No Ceará, Cid trabalha a candidatura da petista Dilma Rousseff.

Mineiros volta ao local do drama, assistem a uma missa e colegas reclamam de atraso salarial

“Treze dos 33 mineiros resgatados na semana passada de uma mina no Chile, a 622 metros de profundidade, participaram hoje (17) de uma missa no Acampamento Esperança, para lembrar os 70 dias que durou o drama, no local onde ficaram concentradas as famílias enquanto aguardavam a operação de salvamento.

De acordo com a agência de notícias argentina Telam, a volta dos mineiros ao acampamento foi acompanhada por uma multidão de curiosos e por trabalhadores que exigiam melhores salários. Os carabineiros (polícia chilena) tiveram que fazer a proteção dos mineiros, devido ao grande número de pessoas, incluindo jornalistas, que foram à Mina San José para a cerimônia.

Ao mesmo tempo em que se realizava a missa, um grupo de trabalhadores da empresa San Esteban, responsável pela mina, exigia pagamentos atrasados. Eles levavam cartazes que diziam “San Esteban, não somos 33, somos 300” e “70 dias sem dinheiro e sem trabalho. Não nos roubem”. Os trabalhadores ameaçaram ocupar o acampamento se não houver uma solução para o problema.

A empresa San Esteban está envolvida num processo judicial em que poderá arrendar seus ativos para outra mineradora com maior capacidade financeira ou entrar em falência. Além disso, precisa  pagar os salários atrasados de mais de 300 trabalhadores que estão sem trabalho depois que foram canceladas as operações da mina, devido ao acidente que deixou os 33 mineiros soterrados até o resgate na semana passada.”

(Agência Brasil)

Bombeiros controlam mais uma queimada no Interior

Um incêndio foi registrado em área situada na localidade de Serieme, a 19 quilômetros da cidade de Paramoti (Sertão de Canindé), nesta tarde de domingo. O Corpo de Bombeiros foi acionado e isolou todo o local, evitando que o fogo se alastrasse pela região.

Segundo bombeiros, o fogo foi mais provocado pelas altas temperatura desta época do ano ou mesmo ponta de cigarro.

Acidente na Ibiapaba envolve atletas de time de futebol e deixa dois mortos

“Um acidente envolvendo um caminhão e um veículo Corsa teve como consequência a morte de duas pessoas, na tarde deste domingo (17). A colisão ocorreu por volta das 14h30min na CE-187, km 169, entre os municípios de São Benedito e Ubajara (Regão da Ibiapaba).

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), o caminhão levava um time de futebol do interior do Estado (ainda não identificado), mas acabou colidindo com o carro. Ainda segundo a PRE, outras pessoas ficaram feridas e o atendimento é lento, já que o local é de difícil acesso.”

(Jangadeiro Online)

Debate entre Dilma e Serra promete ser duro

88 1

“A duas semanas da eleição, os candidatos à Presidência Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB) prometem protagonizar duro confronto a partir das 21h10 de hoje, no debate Folha/RedeTV!. No comando da campanha do PT, a recomendação é para que Dilma insista numa linha agressiva contra Serra no conteúdo, ainda que seja mais moderada na forma. A petista está sendo treinada a parecer mais simpática e sorrir mais, o que é considerado uma das fraquezas dela frente às câmeras. Dilma reproduzirá o discurso do programa eleitoral: de que Serra tem mil caras, diz uma coisa em campanha e faz outra no poder. A estratégia é repetir a performance do debate da Band, quando partiu para o ataque, mas apresentando-se como vítima do adversário.

Os dois deverão ser cuidadosos nas perguntas. A exemplo da estratégia fixada para a Band, Serra irá reservar os comentários mais contundentes para respostas, evitando que a palavra final fique com a adversária. Ele deve se referir a ataques contra sua família para tentar colar em Dilma o que chama de “campanha suja” contra ele. A aliados, o tucano disse ontem estar “indignado” com ataques a sua mulher e sua filha.
Em outra frente, a campanha quer tentar mostrar deficiências técnicas de Dilma. Serra martelará a tecla de que sabe como fazer. A orientação é para que contenha seus impulsos durante o debate da Folha/Rede TV! e preserve a calma, apostando na imagem de que é Dilma quem foge do controle. Ontem, porém, pessoas próximas a Serra apostavam que ele será mais agressivo. Além do que chama de valores éticos _como aparelhamento do Estado–, Serra deverá explorar vulnerabilidade de programas sob gestão direta de Dilma. A petista, por sua vez, está sendo preparada a questionar a gestão de Serra em São Paulo.
 
JORNALISTAS
A campanha de Serra acredita que perguntas mais espinhosas ficarão a cargo das jornalistas Renata Lo Prete, editora do Painel, e Patrícia Zorzan, repórter especial da RedeTV!, no 3º bloco. A participação das jornalistas, apostam, servirá ainda para quebrar o calor do embate direto dos dois candidatos, nos outros três blocos.
Sob a mediação de Kennedy Alencar, repórter especial da Folha e apresentador do “É Notícia” na RedeTV!, Dilma e Serra responderão a uma pergunta comum na abertura do 1º bloco. A partir daí, trocarão perguntas nos 1º, 2º e 4º blocos, partindo para as considerações finais no 5º bloco. Cada pergunta consumirá um minuto. Já resposta, réplica e tréplica terão duração de dois minutos, cada uma.”
(Folha.com)

Marina e PV anunciam posição de "independência" neste 2º turno


“A senadora Marina Silva e Partido Verde anunciaram neste domingo posição de “independência” em relação à disputa do segundo turno da eleição presidencial entre Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB). No primeiro turno, Marina, candidata a presidente pelo PV, obteve 19,6 milhões de votos, quase 20% dos votos válidos. O apoio dela e do PV era cobiçado por Dilma e por Serra, que enviaram cartas à senadora  destacando afinidades entre pontos dos planos de governo.

Durante a reunião plenária do PV em São Paulo que decidiu pela ‘independência’, Marina leu uma carta aberta a Dilma e Serra, em que afirma que essa é posição que melhor pode contribuir para o processo eleitoral. Em discurso, a ex-presidenciável fez críticas ao que chamou de uma “dualidade destrutiva” entre PT e PSDB, comparada por ela às oposições entre MDB e Arena no regime militar e a republicanos e monarquistas no período imperial. A posiçao defendida por Marina Silva foi semelhante à de varias lideranças do PV que discursaram na reunião plenária.”

(Portal G1)

Assaltante de banco é solto por falta de combustível

83 1

O assaltante de banco e um dos acusados pelo assassinato do tenente Reginaldo Assunção, da PM do Piauí, Benerval de Oliveira Alencar, foi posto em liberdade por um mandado de soltura, expedido pela 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Piauí. A justificativa do mandado foi a ausência do acusado à audiência de instrução do processo.

O assaltante deixou de comparecer ao Fórum porque a Secretaria de Justiça do Estado não conseguiu combustível para a condução do preso, que se encontrava em uma Casa de Custódia. Foi o que alegou o diretor do presídio, Magsaysay Feitosa, em ofício ao TJ.

A Polícia piauiense investiga outra quadrilha de assaltantes de banco, que agiria no nordeste do Estado e no noroeste do Ceará.

Bruno e Guilherme homenageiam professores e Luizianne recebe convite para acompanhar debate entre Dilma e Serra

Professores estiveram reunidos na manhã deste domingo (17), no Náutico Atlético Cearense (NAC), para um café em homenagem ao Dia do Professor, que ocorreu na sexta-feira (15). O deputado federal eleito Artur Bruno e o vereador Guilherme Sampaio, ambos do PT, estiveram presentes ao evento.

A professora e prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins, esteve nesse evento e, na ocasião, recebu telefonema da coordenação nacional da candidatura Dilma Rousseff convidando-a para acompanhar o debate entre a petista e o tucano José Serra, na noite deste domingo, na Rede TV. Luizianne embarca no começo desta tarde.

Índio da Costa chega nesta segunda-feira a Fortaleza

133 3

Índio da Costa é o vice de Serra

O candidato a vice-presidente na chapa do tucano José Serra, o deputado federal Índio da Costa (DEM/RJ), estará em Fortaleza, na segunda-feira (18) e terça-feira (19), para cumprir agenda que ainda será divulgada pela coordenação de campanha no Ceará. O desembarque no Aeroporto Internacional Pinto Martins está previsto para o fim da tarde.

Por que Lúcio aderiu a Serra quando era dilmista?

83 11

Eis artigo que o publicitário e poeta Ricardo Alcântara manda para o Blog, neste domingo. Intitulado “Piro não fica”, ele aborda o porquê do ex-governador Lúcio Alcãntara, que disputou e perdeu o Governo pelo PR, decidiu marchar com Serra neste segundo turno. 

Lúcio Alcântara disputou contra Cid Gomes a sucessão estadual, embora seus partidos integrem a base do governo Lula que, diante do impasse, estabeleceu compromisso de não manifestar apoio em casos como este.
 
Cumprir acordos em prejuízo próprio não é o forte dos nossos políticos. Como o apoio do governador à sua candidata presidencial era mais forte e havia, ainda, um débito com Ciro Gomes, Lula cedeu e declarou apoio a Cid.
 
Calado, Lúcio engoliu a humilhação e se manteve abraçado à imagem de um santo que lhe recusava a obra de seus milagres, mas não rompeu quando ainda eram grandes as chances de que Dilma fosse eleita no primeiro turno.
 
Com o segundo turno, Lúcio decidiu dar o troco: revogando os argumentos em defesa de sua opção inicial, declarou apoio a José Serra e tudo que se possa pensar como a dignidade da Política desceu pelo ralo sem exalar odor.
 
Não há nada no episódio de que possa a cidadania se valer. É emblemático, um retrato sem retoques do estado de indigência alcançado pela vida partidária no país. A culpa não é de fulano. A nossa democracia é isso aí.
 
Assim já era, antes de Lula, que nada fez para mudar as bizarrias de que se nutre o ressentimento popular que fez campeão de votos a um palhaço. Você pode não gostar, mas Tiririca tem razão: com ele, pior não fica.
 
Ricardo Alcântara,

Publicitário e poeta

Uma cobrança à cúpula do BNB

61 3

Funcionários e ex-funcionários parabenizam a presidência do Banco do Nordeste do Brasil que, a partir de novembro, terá aumento em R$ 1 bilhão do seu capital social, subindo para R$ 3 bilhões. Eles, no entanto, lamentam.

É que ganharam ação de equiparaçao ao pessoal do Banco do Brasil (em última instância), que rolava há mais de 20 anos, e, até agora, não viram a cor do dinheiro.

Esperançosos, sugerem ao competente presidente do BNB, Roberto Smith, que passe a régua e liquide essa fatura.

Marcos Cals lamenta posicionamento político de celebrante em Canindé

280 40

“É lamentável que esses procedimentos aconteçam em eventos religiosos da importância das romarias do Santuário de Canindé, diante de milhares romeiros e de visitantes de todas as partes do Brasil. É lamentável, repito, que a fé cristã sirva de motivação para outros objetivos que não sejam o da verdadeira religiosidade do povo nordestino”, afirmou, nesta noite de sáabdo, o deputado estadual Marcos Cals (PSDB), ao falar para setores da imprensa, após chegar de Canindé (120 km de Fortaleza), onde acompanhou a visita do presidenciável José Serra (PSDB). Para ele, os fatos acontecidos após a celebração de Missa foram resultados ” da postura política do celebrante”.
 
Durante vários momentos da celebração, o padre – que não teve seu nome revelado pela Secretaria Paroquial, fez críticas à presença de políticos, chegando, até, a reclamar do trabalho da imprensa e, em especial, de cinegrafistas e fotógrafos. O padre ainda criticou a divulgação de um panfleto com críticas à candidata petista à presidência da República, Dilma Rousseff, alertanto que “a Igreja não comuga com esse pensamento”.

Sobre esse material, Marcos Cals garantiu que, em nenhum momento, foi elaborado pelo PSDB e assegurou que o próprio Serra havia criticado tal divulgação.
 
DETALHE – O administrador da paróquia, Frei Hamilton, estava escalado para celebrar a missa das 16 horas, mas foi substituído minutos antes do seu início.
 
DETALHE  2 – Durante todo o dia, manifestantes do PT, com bandeiras e carros de som, circularam nas proximidades da basílica de Canindé, permanecendo até a saída de José Serra do local, informaram alguns moradores da área.

ACM Neto diz ser praticamente impossível derrotar Dilma na Bahia

72 2

“O deputado federal Antônio Carlos Magalhães Neto (DEM-BA) considera ser praticamente impossível conseguir virar o jogo na Bahia e estabelecer no Estado votação do presidenciável tucano José Serra (PSDB) superior à da petista Dilma Rousseff, que obteve 62% no primeiro turno. “Diminuir a diferença é uma certeza”, diz o parlamentar, que direciona esforços na região Oeste do Estado.

A relação com o agronegócio será uma das armas do deputado democrata, que foi o mais votado no Estado com pouco mais de 328,4 mil votos, para tentar alavancar a candidatura de Serra na região oeste. Em função disso, foi escolhido o prefeito de São Desidério, Zito Barbosa (PMDB), para alavancar a candidatura do tucano na região. “Com certeza, Dilma terá menos votos”, disse o prefeito. Outro cabo eleitoral será Herbert Barbosa, irmão do prefeito, e deputado estadual mais votado na região.

ACM Neto afirma que utilizará todo o aparato de internet para contribuir com a candidatura do tucano. O parlamentar gravou um vídeo, no qual pede votos para Serra, e distribuiu para mais de 250 mil pessoas via e-mail. O deputado federal disse que “a estratégia é buscar voto a voto para reduzir a diferença na Bahia”.

(Portal Terra)

Padre Reginaldo Manzotti dará coletiva dia 21

O Padre Reginaldo Manzotti, que fará show em Fortaleza dia 23, ocasião em que, no aterro da Praia de Iracema, gravará DVD ao vivo, dará coletiva para a imprensa dia 21, às 14h30min, no Hotel Sonata.

Jornalistas e comunicadores de jornais, internet, rádio e TV poderão confirmar sua presença para a coletiva que terá uma hora de duração. Os participantes deverão chegar com uma hora de antecedência para o credenciamento.

Nessa ocasião, segundo a assessoria de imprensa do evento, o Padre Reginaldo dará detalhes sobre a gravação e falará sobre os artistas convidados.

Hélio Bicudo, um dos fundadores do PT, anuncia que apoia Serra

71 13

“Um dos fundadores do PT e vice de Marta Suplicy (PT) na prefeitura de São Paulo (2001-2004), o jurista Hélio Bicudo declarou voto no tucano José Serra no segundo turno das disputa à Presidência da República. Na primeira rodada de votação, Bicudo havia apoiado Marina Silva, do PV, em detrimento da presidenciável petista Dilma Rousseff. Tido como um militante histórico pelos direitos humanos no país, o jurista justificou seu voto alegando que o “continuísmo” do PT no poder “não é democrático”. “A alternância de poder é uma característica da democracia”, disse.

“Se nós deixarmos que a candidata Dilma vença, essas eleições, nós vamos ter aqui no Brasil um sistema mexicano”, disse, em referência ao PRI (Partido Revolucionário Institucional), que ficou no poder no México por 70 anos, até ser derrotado nas eleições de 2000.

Em setembro deste ano, Bicudo e outros juristas lançaram o “Manifesto em Defesa da Democracia”, durante um ato na Faculdade de Direito do Largo São Francisco, na capital paulista. “É inconcebível que uma das mais importantes democracias do mundo seja assombrada por uma forma de autoritarismo hipócrita”, afirma o documento, crítico à administração do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.”

(Folha Online)

Serra é criticado por padre em Canindé

1175 23

“Muita confusão durante a missa que José Serra (PSDB) acompanhou em Canindé (120 km de Fortaleza), neste sábado.

O repórter Ítalo Coriolano (O POVO) informou que, durante a missa, o padre Francisco mostrou panfleto com ataques da campanha de Serra a Dilma Rousseff (PT) e criticou a postura. Instaurou-se, então,  uma enorme confusão.

Tasso Jereissati (PSDB) foi tomar satisfações com o padre, a quem chamou de petista.”

Logo no começo da missa, o padre Francisco, que celebrava a cerimônia, começou a se queixar. Disse que quem estava lá para causar tumulto se retirasse, porque o povo lá estava para ouvir São Francisco, e não políticos.

Serra e Tasso estavam na plateia, em local de destaque.

Já no fim da missa, o padre mostrou panfleto de Serra com críticas a Dilma em temas relativos a religiosidade. E disse que ninguém podia falar em nome da Igreja e que aquela não era a posição da Igreja.

Tasso, que estava na frente, não se conteve e partiu para cima do padre, chamando-o de petista. Foi contido por assessora e por sua mulher, dona Renata.

Do lado de fora, manifestantes tucanos e petistas se enfrentaram.

(Com Blog Política)

Fausto Nilo no palco do TJA dia 21

“Parece até nome de grupo musical: “Fausto Nilo e os Cidades Azuis”. Mas não é. É o show. E que está de volta. Fausto Nilo e o show ‘Cidades Azuis’, lírica homenagem à terra Quixibim, a casa onde nasceu, a Voz de Cristal de seu pai, os parceiros, os cenários urbanos que foram projetados em canções míticas e que o Brasil todo canta e aplaude.

O show está de volta dia 21 próximo, reunindo um conjunto da obra do compositor cearense, escolhido por ele e com ajuda de Cristiano Pinho e Tarcísio Sardinha. Vai ser no Theatro José de Alencar, ainda como parte da programação dos 100 anos da casa.

Entre outras músicas do mundo artistico de Fausto Nilo, o roteiro inclui: “Retrato Marrom”, “O Astro Vagabundo”, “Meninas do Brasil”, “Chorando e Cantando”, “Você se Lembra”, “Letras Negras”, “Tudo Blue”, “Eu Também Quero Beijar”, “Pequenino Cão”, “Não Me Deixes Mais”, “Dorothy Lamour”, “Tudo Com Você”, “Amor nas Estrelas”, “Pedras que Cantam”, “Pão e Poesia”, além de outros sucessos.”

(Do Blog Gente de Mídia)