Blog do Eliomar

Últimos posts

José Alencar pode ter alta para receber homenagem

“Homenageado pela Prefeitura de São Paulo com a medalha 25 de Janeiro neste ano, o ex- vice-presidente José Alencar vai depender da liberação dos médicos para comparecer ao evento, que acontece na terça-feira (25), aniversário da capital paulista. O outro homenageado, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, está em Genebra, na Suíça, e é ausência certa.

A expectativa é de que, caso Alencar esteja presente, a cerimônia conte também com a presidente Dilma Rousseff. Nesta sexta-feira (21), os médicos de Alencar não quiseram comentar a possibilidade de ele ser autorizado a comparecer no evento.

Fernando Henrique deverá receber a homenagem em outra oportunidade, disse o prefeito da capital paulista, Gilberto Kassab (DEM), que logo em seguida fez diversos elogios ao ex-vice-presidente José de Alencar.

“É um reconhecimento de São Paulo pelo que ele fez pela cidade, fazendo muito pelo Brasil, por seu exemplo, amor à vida e seriedade no trato com as questões públicas”, disse.

Internado desde dezembro do hospital Sírio Libanês, Alencar pretende ser autorizado pelos médicos a comparecer ao evento – foram eles que o demoveram da ideia de participar da posse da presidente Dilma Roussef no último dia 1º.

A Medalha 25 de Janeiro foi criada em dezembro de 2009. Na primeira vez, no ano passado, os homenageados foram o então presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o então governador paulista, José Serra, que viria a disputar a Presidência da República meses depois.”

(R7.com)

Viva São Pedro! Açudes do Ceará já acumulam mais de 57% da capacidade

“Entre os dez maiores açudes do Estado, nove estão com mais um terço da capacidade em volume de água. A situação favorável se deve ainda a reservas do inverno de 2009, recordista em volume de chuvas, mas também às precipitações ocorridas antes da quadra chuvosa deste ano, prevista para começar em fevereiro.

De acordo com boletim da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) divulgado ás 10h28min de ontem, a média geral dos 133 açudes cearenses monitorados é de 57,48% da capacidade já cheia de água. Sendo a Bacia Alto Jaguaribe, no sul do Estado, a mais abastada, com 65,9%, e a Bacia do Litoral, ao norte cearense, com 34,94% (veja quadro ao lado).

Algumas surpresas, como as chuvas atípicas de outubro passado na Bacia do Médio Jaguaribe corroboraram para elevar os níveis do maior açude do Estado, o Castanhão, hoje com 61,7% da sua capacidade. Reservas como Orós, Banabuiú, Araras, Pentecoste e o próprio Castanhão têm as maiores áreas irrigadas do Estado e por isso são muito importantes para a agricultura.

O Pacoti, em Horizonte, é a exceção entre os dez grandes açudes. Graças a sua grande utilização como abastecedor da Capital, Pacoti baixou bastante seu nível de água depois da pouca chuva de 2010, mas já está se recuperando com as chuvas deste período prévio à quadra chuvosa.

A situação atual dos açudes cearenses é avaliada com otimismo pelo assistente da diretoria de operações da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) Gianni Peixoto, “Em função da média geral dos açudes hoje ser de quase 60% e das previsões favoráveis feitas pela Funceme, a perspectiva é açudes acima de 80% das capacidades ao fim da quadra chuvosa”, relaciona Peixoto.

O POVO divulgou as previsões da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme) para as chuvas de 2011. Conforme dados da Fundação, há 75% de chance de termos quadra chuvosa igual ou superior à média história do Ceará. Isso somado aos níveis satisfatórios dos açudes em geral, rende previsões positivas.

Defasados

Foram os açudes menores os mais prejudicados pela seca de 2010. Por isso seis dele hoje estão funcionando com o volume no limite mínimo operacional. São eles: Quixabinha e Gomes em Mauriti, Bacia do Salgado; Angicos em Coreaú, Itaúna em Chaval, e Premuoca em Uruoca, todos na Bacia do Coreaú.

As Bacias de Coreaú e Curu, ambas no litoral do Estado, são as regiões mais críticas em nível de água dos açudes. Itapajé, Amontada, Itapipoca e Nova Russas são localidades do litoral cearense que devem sofrer com o abastecimento de água, caso as chuvas não sejam “generosas”. Mas isso aconteceria à revelia das previsões, destaca Gianni Peixoto, porque o norte e o centro cearense devem receber bom volume de chuvas este ano.

VOLUME DE ÁGUA ARMAZENADO

Bacias Metropolitanas – 43,42%

Baciado Salgado – 50,95%

Bacia do Coreaú – 44,84%

Bacia do Litoral – 34,94%

Bacia do Acaraú – 52,13%

Bacia do Curu – 44,58%

Bacia do Banabuiu -56,70%

Bacia do Parnaíba – 58,11%

Bacia do Baixo Jaguaribe – 35,67%

Bacia do Médio Jaguaribe -61,57%

Bacia do Alto Jaguaribe -65,9% 

Situação dos dez maiores açudes

Castanhão em Alto Santo – 6.700.000.000 m3 – Bacia do Médio Jaguaribe – 61.7%

Orós em Orós – Bacia do Alto Jaguaribe – 1.940.000.000 m3 – 70.7%

Banabuiú Bacia do Banabuiu – 1.601.000.000 m3 – 59.8%

Araras em Varjota – Bacia do Acaraú – 891.000.000m3 – 51.2%

Pedras Brancas em Quixadá – Bacia do Banabuiu – 434.040.000 m3 – 62.8%

Pentecoste em Pentecoste – Bacia do Curu – 395.630.000m3 – 39.4%

Pacoti em Horizonte – Bacia Metropolitana – 380.000.000 m3 – 24.4%

Gal Sampaio – Bacia do Curu – 322.200.000m3 – 55% 

Trussu em Iguatu – Bacia do Alto Jaguaribe – 301.000.000 m3 – 65.8%

Edson Queiroz em Santa Quitéria – Bacia do Acaraú – 254.000.000 – 60% ”

(O POVO)

Nova missão brasileira no Haiti

420 1

“Um grupo de 130 militares brasileiros embarcou neste sábado da Base Aérea de Brasília para compor a Missão de Paz da Organização das Nações Unidas no Haiti. Pouco mais de um ano depois do terremoto que assolou o país, os novos integrantes da tropa têm a missão de manter a segurança e ajudar na reconstrução do Haiti.

Os militares que viajaram neste sábado vão substituir a tropa que atua na região há seis meses. Desde o início da operação brasileira naquele país, em 2004, duas vezes por ano o contingente é substituído. Este é o 14º grupo de militares a integrar a missão de paz.

O grupo que saiu de Brasília vai se juntar a outros militares vindo de Campo Grande (MS) e do Rio de Janeiro. Segundo o comandante Coronel Júlio Cezar de Arruda, os militares também estão qualificados para ajudar no combate à epidemia de cólera no Haiti.

“A nossa tropa está bastante capacitada. Temos médicos e enfermeiros ajudando bastante nesse combate ao cólera. A companhia de engenharia atua na reconstrução e auxilia no bem-estar da tropa, melhorando as condições de higiene, principalmente, agora por causa do cólera”, disse o comandante.

O Brasil coordena a missão de paz, que é composta por 18 países e conta atualmente com 8.940 militares de diferentes nacionalidades.

Emoção

O embarque dos militares para o Haiti foi acompanhado pelas famílias. A emoção da despedida marcou a solenidade realizada pelo Exército para homenagear os oficiais. A família do cabo Woshington Freitas levou uma faixa para dizer adeus. “A gente queria expressar o nosso amor por ele”, afirmou Sandra Cunha, tia do militar.

O coronel William Abrahão vai comandar o 1º batalhão de infantaria da missão de paz a partir do dia 15 de fevereiro. Para ele, a saudade é maior para quem fica no Brasil.

“Para a família é mais dolorido do que para quem está em missão, mas, com internet e telefone, conseguimos amenizar a saudade. A expectativa é de que tudo dê certo para que continuemos levando o nome do nosso país e das Forças Armadas brasileiras”, disse o coronel.”

(Portal G1)

Governo Cid Gomes – Cadê projeto?

180 6

O governador tomando posse em novo mandato.

Eis artigo do professor, antropólogo e médico Antonio Mourão Cavalcante, que deve ser ponto de boas reflexões para este sábado. Foi postado em seu Blog (POVO Online) e nas páginas do O POVO com o título “Falta um norte na política do Ceará”. Confira:

Virgílio Távora foi um grande líder na política cearense. Os que o conheceram dizem que ele era um visionário. Sonhava um Ceará do futuro. Liderou o primeiro e o segundo governos planejados na História do Ceará – Plameg I e II. E fez. Instalou o Distrito Industrial, trouxe energia elétrica, construiu estradas e moradias populares. Enfim, inaugurou o desenvolvimento por estas bandas do Brasil. Havia uma determinação clara. Poder para fazer isso.

Mais recente Tasso Jereissati liderou um grupo político-empresarial que igualmente tinha um projeto para o Ceará. O tal “Governo das Mudanças”. Uma proposta neoliberal, centrada na força do capital, com algumas nuances sociais. Ficou no poder e conseguiu mostrar esta política de forma bem clara. Propunha um norte para o nosso Estado.

Pode-se divergir de Virgílio e Tasso. Que suas opções e estratégias eram equivocadas. Mas eles buscavam impor modelos e por eles se empenhavam. Daí a formação de blocos políticos hegemônicos que os apoiavam. Queriam o poder e sabiam o que fazer dele.

Agora, o Ceará está com outro comando que revela uma autoridade fechada. Tudo e todos devem estar a favor. Ai de quem divergir! Essa semana tivemos vários exemplos: conflito em relação ao meio ambiente, ao Acquario do Ceará e mesmo a escolha do presidente da Assembleia. Tudo é decidido por um grupo fechado, instalado no Palácio da Abolição. Tudo vem mastigado e o resto da tropa não pode chiar.

Mas quando a gente pergunta: e essa liderança quer fazer o quê no Ceará? Quais são os grandes projetos? Por que se mobiliza e se manifesta com tanta força e superioridade?

Após um mandato – quatro anos no poder – um analista mais atento não consegue ver as cores desse projeto. É um arco-íris. Move-se conforme as circunstâncias e o espetaculoso (vide episódio das Hilux para enfrentar os problemas de Segurança Pública. Ou um aquário milionário e um aeroporto internacional em Jericoacoara para impulsionar o turismo…).

Fantásticos e inúteis. A História se repete em farsa.

Antonio Mourão Cavalcante

a_mourao@hotmail.com

(Foto – Paulo MOska)

AJE empossa nova coordenação em fevereiro

140 1

A Associação Jovens Empresários (AJE)_ empossa, dia 10 próximo, a partir das 19h30min, durante ato no auditório da Fiec, sua nova coordenação estadual, que terá à frente Carlos Ernesto Holanda.

Na ocasião, haverá a entrega de duas comendas outorgadas anualmente pela entidade: “Jovem Mentalidade Empreendedora” para o empresário Beto Stuart (BSPar); e “Jovem Mentalidade Empreendedora Social” para Dora Andrade, que comanda a ONG Edisca.

Romário ocupará gabinete que foi de Lula

226 1

O ex-atacante da seleção brasileira e atual deputado Romário ocupará no Congresso o mesmo escritório antes usado  pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva quando este foi membro da Assembleia Constituinte de 1988.

O escritório, de número 825, é um dos mais cobiçados no Congresso por sua estrutura: conta com elevador e banheiro particular. O escritório também é um dos que possui mais espaço nos prédios anexos à Câmara dos Deputados.

O ex-artilheiro, que foi eleito em outubro como deputado federal pelo Rio de Janeiro, ganhou o espaço por meio de sorteio. Com uma das votações mais altas do estado, Romário fará parte da bancada aliada ao Governo representando o PSB.”

(Agência EFE)

Polícia apreende mais 15 mil CDs e DVDs piratas no Centro

”Uma operação das polícias Civis e Militar resultou na apreensão de cerca de 15 mil CDs e DVDs piratas no Centro de Fortaleza, na manhã deste sábado, 22. De acordo com o major Teófilo Gomes, supervisor do Comando do Policiamento da Capital (CPC), o material estava dividido em três boxes, localizados em um comércio popular conhecido como Mercado da Sé, próximo ao Palácio do Bispo, sede da Prefeitura de Fortaleza.

Ainda de acordo com o major Teófilo Gomes, ninguém foi preso. Segundo ele, os boxes se localizam no fim do corredor do comércio, o que facilitou a fuga dos vendedores. O major informa ainda que o número de apreensões deve aumentar, pois a fiscalização no Centro continua.

O material apreendido foi levado para o 34º Distrito Policial, no Centro. O caso será investigado pela Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF). Com a apreensão deste sábado, em dois dias, a Polícia já apreendeu cerca de 87 mil CDs e DVDs piratas no centro da Capital. ”

(O POVO Online)

Marina Silva vai cobrar cachê por palestras

115 4

Após 16 anos de Senado e quase 20 milhões de votos recebidos na disputa presidencial do ano passado, a senadora Marina Silva (PV-AC) tem se dedicado nos últimos meses à vida de cidadã comum. Com oito convites de universidades americanas e europeias para dar palestras, a ex-seringueira conta com o apoio de colaboradores próximos para criar o Instituto Marina Silva, pretende ainda terminar sua especialização em Psicopedagogia e trabalhar na reestruturação do PV.

Um dos convites veio do Massachusetts Institute of Technology (MIT), mas ela ainda não confirmou se irá. “Obviamente que uma parte do meu tempo é para a militância socioambiental e política. Uma outra parte vou ter que ter uma forma de me remunerar”, disse, sem revelar quanto pretende cobrar por palestra. “Nem sei como é que funciona isso, mas certamente será uma remuneração justa”.

(Agência Estado)

Grupo Votorantim reativará fábrica em Pernambuco e define investimento para o Pecém

324 3

“O Grupo Votorantim retomará a produção do Cimento Poty em Pernambuco. A empresa vai aplicar R$ 80 milhões e criar 100 postos de trabalho diretos para reativar as operações da unidade de Paulista, que interrompeu a fabricação do produto em 1989. Desde então, a planta concentrava apenas o processamento de pozolana – insumo de menor valor agregado utilizado na composição do cimento. O motivo para a retomada é o mercado de construção civil aquecido em Pernambuco. Praticamente todas as 700 mil toneladas por ano que a indústria será capaz de entregar terão como destino final os canteiros de obras públicas e imobiliárias espalhados pelo Estado. Em ritmo acelerado, a perspectiva do grupo empresarial é que as atividades tenham início já em abril deste ano.

A fábrica de Paulista é a primeira da Votorantim Cimentos no Nordeste, tendo mais de 60 anos. Segundo contou o gerente geral do grupo para a região, Elísio Alcântara Neto, a fabricação do produto foi interrompida em uma época de mercado consumidor encolhido. Cenário bem diferente do atual. O Nordeste comprou, em 2010, 17% mais cimento que em 2009, sendo Pernambuco o maior consumidor da região. E diversas empresas anunciaram investimentos. Entre elas estão: a Brennand Cimentos e a Meira Lins que vão aplicar R$ 400 milhões na construção de uma unidade em Caaporã, na Paraíba; o grupo M.Dias Branco vai colocar R$ 350 milhões em uma unidade no Ceará; e a empresa espanhola PG&A anunciou R$ 80 milhões em uma moagem no Complexo de Suape. Tudo isso fez com que a Votorantim acelerasse o projeto.

A reformulação na fábrica começou a ser pensada em julho do ano passado e, em dezembro, as obras já haviam começado. Esse foi o tempo também de negociação com a Prefeitura de Paulista, que concedeu diversos benefícios, como isenção de 65% no Imposto Sobre Serviços (ISS) e de 55% de desconto no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), conforme citou o secretário de Desenvolvimento Econômico da cidade, Emanuel Souza, comemorando o investimento que vai gerar ainda 300 empregos indiretos.

NO CEARÁ

A reativação da produção de cimentos em Paulista faz parte de uma atualização do plano de investimentos da Votorantim, iniciado em 2007 e que termina em 2013, e prevê R$ 5 bilhões na reforma e construção de 22 indústrias no País. Para o Nordeste, estão previstas unidades em Aratu (BA), Baraúnas (RN) e em Pecém (CE).”

(Jornal do Commercio)

Senadores extrapolam cota aérea mensal

“Economia num mês, gastança no outro. A brecha para acumular ao longo do ano créditos não utilizados em um mês permite que os senadores ultrapassem a verba mensal de transporte aéreo. Levantamento feito pelo Congresso em Foco no Portal da Transparência mostra que ao menos 20 senadores gastaram mais do que o previsto por mês em 47 ocasiões em 2010. Os dados se referem ao período entre janeiro e outubro de 2010, quando foram gastos R$ 4,8 milhões com o benefício.

Os senadores que mais se valeram da verba foram Valdir Raupp (PMDB-RO), Fátima Cleide (PT-RO) e Heráclito Fortes (DEM-PI). O presidente interino do PMDB gastou R$ 173 mil nos dez primeiros meses de 2010; a petista, R$ 163 mil; e o piauiense, que é o primeiro-secretário do Senado, R$ 150 mil. Heráclito, Raupp e a senadora Kátia Abreu (DEM-TO) foram os que extrapolaram a cota mensal mais vezes: cinco cada. Por terem usado menos em outros meses, nenhum deles extrapolou a cota anual a que têm direito.

Nove senadores gastaram mais de R$ 100 mil em passagens entre janeiro e outubro do ano passado, último mês cuja consulta está disponível. Nenhum dos senadores ultrapassou a cota anual a que têm direito. O período em que houve mais gastos acima do limite foi julho: nove senadores ultrapassaram o limite mensal naquele mês, quando o Senado realizou apenas quatro sessões deliberativas e saiu de recesso no dia 20. Naquele mês, a Casa gastou R$ 590,7 mil com as passagens dos senadores, terceiro maior volume do ano.

Apesar da promessa de dar publicidade a essas despesas e de proibir o uso por familiares e amigos dos parlamentares, o Senado não divulga como cada senador usa a cota. Não há informações sobre os nomes dos passageiros nem dos trechos voados pagos com dinheiro público. Os gastos de cada parlamentar só passaram a ser divulgados no final de novembro, um ano e meio depois do prometido pelo Senado, conforme mostrou o Congresso em Foco.

Pelas regras da Casa, cada parlamentar tem direito ao equivalente a cinco trechos de ida e volta entre a capital de seu estado e Brasília. O valor mensal da verba varia de estado para estado: de R$ 6 mil, para senadores de Goiás e do Distrito Federal, a R$ 28,7 mil, para senadores do Amapá.  Com a brecha para o acúmulo de crédito de um mês para outro, o limite anual vai de R$ 72 mil a R$ 334,2 mil.
 
A verba garantida a cada senador é generosa e permite a realização de mais voos do que o previsto no ato normativo, conforme cotações feitas pelo site nas duas principais companhias do país. Essa variação de preços chega até a 46%, conforme mostrou o Congresso em Foco.

Quem menos recorreu à verba entre os 80 senadores cujas prestações de contas estão disponíveis no Portal da Transparência do Senado foi o presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP). Há registro de uso de apenas R$ 977,24, num único mês: agosto.  Pelo cargo que ocupa, Sarney tem direito a voar em aviões da Força Aérea Brasileira (FAB). O Senado não soube informar se todas as demais viagens de Sarney no período foram feitas em avião oficial.

Em vigor desde abril de 2009, a norma que instituiu a verba de transporte aéreo no lugar das cotas aéreas permite ao senador acumular créditos não utilizados num mês. A proibição se refere apenas ao acúmulo de um ano para outro.  Em dezembro de 2009, porém, o Senado abriu uma exceção: permitiu que os senadores utilizassem no ano eleitoral de 2010 os créditos acumulados no ano anterior. Decisão semelhante foi tomada pela Câmara. As duas Casas alegaram que parte do dinheiro já havia sido repassada às empresas aéreas e que a utilização dos créditos acumulados representaria uma fase de transição para as novas regras.
 
De acordo com informações oficiais do Senado, a Casa gastou R$ 5,69 milhões com passagens dos senadores no ano passado. Uma redução de 39% em comparação com os R$ 9,35 milhões anunciados em 2009. O valor representa, ainda, uma economia de 68% em relação aos R$ 18,21 milhões gastos em 2008, antes que o país tivesse conhecimento da chamada farra das passagens, revelada pelo Congresso em Foco em 2009.” 

(Congresso em Foco)

Tragédia do Rio – Sobe para 430 o número de desaparecidos

“O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro informa que já chega a 430 o número de desaparecidos em consequência das chuvas na Região Serrana.

De acordo com o levantamento que está sendo feito por meio do trabalho realizado pelo Programa de Identificação de Vítimas (PIV), em Teresópolis são 211 desaparecidos, 124 em Friburgo, 48 em Petrópolis, 4 em Sumidouro, 1 em Bom Jardim, 1 em Cordeiro, 1 em São José do Vale do Rio Preto e 40 de localidades não informadas.”

(Globo Online)

Um desportista na pasta das Cidades

116 1

O Governo do Estado divugou, em seu site, a lista dos 23 secretários-adhjuntos. A novidade mesmo foi o nome do deputado federal Eugênio Rabelo (PP), que não obteve reeleição, como adjunto da pasta das Cidades, que tem como titular Camilo Santana. Eugênio tem identificação com o futebol. Já foi até presidente do time do Ceará.

O ex-vereador Márcio Lopes, do PDT, virou adjunto da pasta dos Esportes, enquanto Maninha Mota, que dirigia o Dragão, agora é adjunta da Cultura na fatia do PCdoB.

LISTA

João Marcos Maia (Fazenda)

Coronel João Vasconcelos Sousa (Segurança Públi ca e Defesa Social)

Antonio Amorim, do PT (Desenvolvimento Agrário)

Philipe Nothingham (Planejamento e Gestão)

Haroldo Pontes (Saúde)

Otacílio Borges Filho (Infraestrutura)

Maninha Morais (Cultura)

Carlos Eduardo Pires Sobreira (Casa Civil)

Paulo Neiva (Trabalho e Desenvolvimento Social)

Daniel Sanford (Recursos Hídricos)

Almir Bittencourt (Ciência e Tecnologia)

Carlo Ferrentini Sampaio (Turismo)

Almircy Pinto (Gabinete do Governador)

Zarlul Kalil Filho (Casa Militar)

Paulo Hiram Studart Gurgel Mendes (Procuradoria Geral do Estado)

Augusto Sérgio de Câmara Cardoso (Justiça e Cidadania)

Silvia Helena Correia Vidal (Controladoria Geral do Estado)

Eugênio Rabelo, do PP (Cidades)

Marcio Lopes, do PDT (Esporte)

Osterne Feitosa Ferro Neto, do PSB (Especial da Copa)

Maurício Holanda (Educação)

Manoel Antônio de Andrade Furtado Neto (Pesca)

Angélica Bezerra (Defensoria Geral do Estado)

Ex-secretaria de Lúcio Alcântara ocupa cargo no Ministério da Cultura

132 1

Cláudia Leitão, que foi responsável pela A ex-secretaria de Cultura do Estado (Governo Lúcio Alcãntara) – 2003 a 2006, volta a ocupar cargo público. Ela fará parte da equipe da ministra da Cultura, Ana de Hollanda.

Cláudia retorna à cena política após cinco anos de ausência, tempo em que se dedicou a trabalho de consultoria para vários Estados.

Repasses para fundações partidárias crescem 50%

103 1

“Bancadas com dinheiro público e sem fiscalização da Justiça Eleitoral, as fundações ligadas a partidos políticos terão orçamento recorde de R$ 60,2 milhões em 2011 – salto de 50% em um ano. A maior parte delas não tem sede própria, usa os recursos com pouca transparência e entrega sua gestão a políticos sem mandato.

Por lei, as entidades só deveriam gastar com atividades como cursos de formação política e publicação de livros doutrinários. Na prática, chegam a ser usadas até para bancar despesas eleitorais.

É o caso do Instituto Teotonio Vilela (PSDB), que admitiu à Folha ter pago contas da pré-campanha de Geraldo Alckmin ao Planalto em 2006. A despesa não está entre suas atribuições legais, mas não houve abertura de investigação a respeito.

Das cinco fundações mais ricas, só a Perseu Abramo, do PT, tem sede própria. Seu orçamento saltará para R$ 9,6 milhões, segundo cálculo da reportagem com base na divisão do fundo partidário.

As entidades de PMDB (Fundação Ulysses Guimarães), DEM (Fundação Liberdade e Cidadania) e PSDB usam salas do Senado. Pagam taxa simbólica em torno de R$ 4 mil, incluindo serviços de limpeza e telefonia.

A fundação do PR (Instituto Alvaro Valle), que terá R$ 4,4 milhões, diz funcionar no mesmo endereço da sigla.”

(Folha Online)

Chove em 98 municípios neste sábado

119 1

Choveu em 98 municípios até as 7 horas deste sábado, segundo boletim divulgado pela Funceme. A maior chuva foi registrada em Itaiçaba com 99 milímetros, seguida de Acaraú, com 89.2 milímetros, e Maracanaú, com 80 milímetros.

Ainda choveu bem em Itarema – 70 mm; Granja, 70 m; Orós,66 mm; Morrinhos, 64 mm; e Pentecoste, 53 milímetros.

Comandos da PM no Interior sob nova direção

Confira as mudanças nos comandos dos Batalhões da M no Interior do Estado, segundo BOLETIM DO COMANDO GERAL nº 015, de 21.01.2011:

1. Assuma as funções do cargo de Comandante do 1º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM Edder Sidney Paiva Vieira de Moraes, mat. 092.349-1-8, ficando dispensado das funções que exercia junto à 1ª Seção do Estado Maior.Em conseqüência, fica dispensado das funções do cargo de Comandante do 1º Batalhão Policial Militar, o Tenente Coronel PM Hervano Macedo Júnior, mat. 021.363-1-7, o qual passa à disposição do Comando de Policiamento do Interior, aguardando nova designação de função;

2. Assuma as funções do cargo de Comandante do 2º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM Francisco de Assis Paiva, mat.092.365-1-1, ficando dispensado das funções que exercia junto ao 5º Batalhão Policial Militar.Em conseqüência, fica dispensado das funções do cargo de Comandante do 2º Batalhão Policial Militar, o Tenente Coronel PM Antônio Gomes Filho, mat. 091.746-1-3, o qual passa à disposição do Comando de Policiamento do Interior, aguardando nova designação de função;

3. Assuma as funções do cargo de Comandante do 4º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM Erik Oliveira Onofre e Silva, mat. 099.438-1-1, ficando dispensado das funções que exercia junto à 3ª Seção do Estado Maior.Em conseqüência, fica dispensado das funções do cargo de Comandante do 4º Batalhão Policial Militar o Tenente Coronel PM Carlos Eduardo Arruda, mat. 002.209-1-4, o qual passa à disposição do Comando de Policiamento do Interior, aguardando nova designação de função.

4. Assuma as funções do cargo de Comandante do 5º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM Oscar Barroso Pimentel, mat.092.360-1-5, ficando dispensado das funções que exercia anteriormente.

5. Assuma as funções do cargo de Comandante do 7º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM Flares Luiz Braga Ferreira, mat. 029.765-1-X, ficando dispensado das funções que exercia anteriormente. Em conseqüência, fica dispensado das funções de Comandante do 7º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM Sérgio Rodrigues de Paiva, mat. 002.283-1-1, o qual passa à disposição do Comando de Policiamento do Interior, aguardando nova designação de função.

6. Assuma as funções do cargo de Comandante do 2ª Companhia do 2º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM José Jarbas Aguiar Freire, mat. 004.999-1-9, ficando dispensado das funções que exercia junto à 2ª Companhia de Policiamento de Guarda.

7. Assuma as funções do cargo de Comandante do 2ª Companhia do 1º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM Edivar Azevedo Rocha, mat.004.302-1-8, ficando dispensado das funções que exercia junto à 2ª Companhia do 2º Batalhão Policial Militar. Em conseqüência, fica dispensado das funções de Comandante do 2ª Companhia do 1º Batalhão Policial Militar, o Tenente-Coronel PM Giovani Mendonça Guedes Alcoforado, mat 092.367-1-6, o qual passa à disposição do Comando de Policiamento do Interior, aguardando nova designação de função;

8. Assuma as funções do cargo de 2ª Companhia de Policiamento de Guarda, o Maj PM Marcelo Praciano de Castro. Mat. 099.451-1-3, ficando dispensado das funções que exercia anteriormente.

TJ-CE e uma nova safra de desembargadores

Além da definição da lsta tríplice para vag de desembargador no chamado quinto constitucional da OAB, o Pleno do TJ escolheu também seis novos desembargadores pelos critérios de antiguidade e merecimento. A lista trípice da qual sairá o advogado que ocupará vaga de desembargador, com escolha por parte do governador Cid G0mes, é a seguinte Carlos Alberto Mendes Forte, advogado e professor da Unifor; Ernando Uchôa Sobrinho, advogado e professor de Direito Penal; e Francisco Zacarias Silveira de Araújo, advogado e ex-secretário-geral e secretário de Judiciário do TJ-Ceará.

DESEMBARGADOR POR MERECIMENTO

1º) Washington Luís Bezerra de Araújo: juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública do Fórum Clóvis Beviláqua.

2º) Inácio de Alencar Cortez Neto: juiz de Direito da 17ª Vara Cível de Fortaleza.

3º) Francisco José Martins Câmara: juiz de Direito da 9ª Vara de Família. Foi diretor do Fórum Clóvis Beviláqua no biênio 2009/2010.

DESEMBARGADOR POR ANTIGUIDADE

1º) Francisco Bezerra Cavalcante: juiz de Direito da 2ª Vara de Família.

2º) Francisco Darival Bezerra Primo: juiz de Direito da 5ª Vara da Infância e Juventude.

3º) Valdsen da Silva Alves Pereira: juiz de Direito da 28ª Vara Cível.

VAMOS NÓS – Este Blog não ficará surpeso se o escolhido para vaga de advogado no TJ for Carlos Alberto Mendes Forte.

Prefeita lança o "aluguel social" para desabrigados das chuvas

158 4

“Muitas famílias que ficaram desalojadas pelas chuvas dos últimos dias, em Fortaleza, não devem ser direcionadas a abrigos comuns. Foi o que prometeu a prefeita Luizianne Lins (PT), ao anunciar o programa “aluguel social”. “A pessoa é tirada imediatamento, porque o barraco tem de ser demolido. Mas a Prefeitura está pagando o aluguel social para ela ficar numa casa enquanto resolve onde ela vai morar numa casa construída pela Prefeitura”, afirmou.

Sobre a reclamação de moradores que não querem sair de suas casas, por não saberem para onde vão depois de um ano, prazo estabelecido pela Prefeitura para o pagamento do aluguel, Luizianne afirmou que a Prefeitura “não vai deixá-los no meio da rua”.

“O que a gente quer é tempo para direcionar nos diversos conjuntos habitacionais ou na construção de casas”. Ela disse que “até entende” que o povo não queira sair de casa. “Mas tem que sair se não vão morrer”, ponderou.

Segundo o chefe da Guarda Municipal, Arimá Rocha, a prefeita autorizou o pagamento de aluguel até o valor de R$ 350, destinado a 150 famílias desalojadas ou que estejam em áreas de risco. De acordo com ele, foi a medida encontrada para que as pessoas sejam abrigadas de “forma confortável”.”No abrigo, a primeira coisa que a pessoa perde é a individualidade”.

Ele citou ainda que, para os atendimentos de emergência, a Prefeitura liberou que 100% dos agentes da Defesa Civil do Município possam fazer hora extra.

Arimá contabilizou ainda mais seis novos carros de tração para que a Defesa Civil possa ir aos locais de risco, além dos oito que já tinham. Isso deve custar cerca de R$ 390 mil aos cofres municipais.”

(O POVO)