Blog do Eliomar

Últimos posts

Por que José Maria Pontes deixou o PT?

848 9

Eis cópia da carta de desfiliação de José Maria Pontes do Partido dos Trabalhadores. Nesta terça-feira, o ex-vereador e presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará oficializou seu adeus à legenda. Confira os porquês:

CARTA DE DESFILIAÇÃO

Eu, José Maria Arruda Pontes, brasileiro, casado, RG 425935/SPSP-CE, CPF 057850063-91, título de eleitor 002680980701, zona 3ª, seção 126, residente e domiciliado nesta cidade na Rua Salvador Mendonça 490 – Parque Manibura, venho declarar minha desfiliação do Partido dos Trabalhadores.

Durante aproximadamente 20 anos fui filiado ao Partido dos Trabalhadores e por 10 anos e 4 meses ocupei uma vaga na Câmara Municipal de Fortaleza, procurando sempre respeitar as decisões partidárias e zelar pelo bom nome do partido. Uma das minhas principais bandeiras como vereador foi a defesa da ética e a luta cotidiana contra as injustiças e a defesa de uma cultura de paz para a nossa cidade. Também procurei sempre legislar em cima dos interesses da coletividade, combatendo o uso indiscriminado de bebidas alcoólicas e o crescimento disseminado de drogas em nossa sociedade, o que vem levando a perda de milhares e milhares de vidas, principalmente entre os jovens, e a destruição de um grande número de famílias.

A defesa do meio ambiente também foi outra bandeira de luta defendida por mim no exercício do meu mandato. Como Presidente da CPI da Merenda Escolar e relator da CPI da quebra do Banco Santos e do prejuízo de mais de 30 milhões de reais aos cofres do Instituto de Previdência do Município (IPM) de Fortaleza não cedi um milímetro às pressões dos interesses políticos e em defesa do dinheiro público.

Defender e zelar pelo que é público foi o que aprendi no Partido dos Trabalhadores. Também nunca votei contra os interesses justos da classe trabalhadora e nem contra os aposentados. Na área da saúde sempre defendi que o SUS, que é a maior e melhor política pública deste País, que fosse público, de qualidade e 100% estatal, e hoje estou vendo o SUS sendo entregue à iniciativa privada como as OS, OSCIPs, Parceria Público Privado, Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares S. A. e Fundações Estatais de Direito Privado, entre outras.

É doloroso para mim estar assinando este pedido de desfiliação, mas não me sinto mais à vontade no Partido dos Trabalhadores. Quero agradecer o apoio de muitos companheiros e desejar boa sorte àqueles que ficam, e deixando a mensagem de sucesso e de que um novo mundo é possível, só depende de cada um de nós. Lutar contra as injustiças e defender a vida digna sempre serão minhas prioridades  em outro partido ou mesmo fora da vida partidária. Podemos contribuir para um mundo melhor para as futuras gerações também como cidadão e é este o meu compromisso.

Um abraço cordial a todos os verdadeiros companheiros e meu respeito aos dirigentes petistas.

Atenciosamente,

José Maria Arruda Pontes.

STF mantém condenação do ex-senador Luiz Esteves

“O Superior Tribunal de Justiça (STJ) anunciou nesta terça-feira que manteve a condenação do ex-senador Luiz Estevão de Oliveira Neto por falsificação de documentos. O Tribunal Regional Federal da 3ª Região determinou reclusão de três anos e seis meses contra ele, que teria usado os papeis para liberar bens que foram tornados indisponíveis pela Justiça.

A fraude consistiria em fazer constar como integrantes do ativo circulante do Grupo OK – salvos da indisponibilidade – imóveis que integravam o ativo permanente e estariam indisponíveis. Entre os bens atingidos, estava a moradia do empresário.

Após a decisão regional, a defesa recorreu ao STJ alegando, entre outras coisas, que uma testemunha estaria impedida de prestar depoimento por ser contadora da empresa e que a hipótese de que os documentos considerados fraudados induziriam o juízo ao erro para liberar os bens não era verdade. O tribunal negou o pedido e considerou que não havia o que modificar na decisão da instância inferior.”

(Com STF)


O governador, os docentes e a dura realidade

296 16

Do governador Cid Gomes (PSB), para os professores estaduais grevistas, que estão em luta pelo piso salarial nacional:

– Quem estiver procurando riquezas e dinheiro, deve procurar outro setor.

Lamentavelmente, não é isso o que se vê na pratica, na área pública, em matéria de escândalos que se irrompem em Brasília ou em casos envolvendo até kits sanitários.

Refis da Crise – Termina nesta 4ª feira prazo para pessoas físicas optarem

“As pessoas físicas que optaram pelo Refis da Crise, programa de renegociação especial de dívidas com a União, têm prazo até amanhã (31) para realizar a consolidação dos débitos, informou hoje a Receita Federal.

É a segunda vez que a Receita e a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional abrem o prazo. O primeiro foi entre os dias 2 e 25 de maio, quando 103 mil optantes fizeram a consolidação, totalizando R$ 8,7 bilhões. No prazo que se encerra amanhã (de 10 a 31 de agosto), estima-se que 137 mil façam a opção, embora o último balanço. realizado hoje, indique que apenas 41,1% tenham negociado os valores. No segundo grupo, a dívida consolidada pode chegar a R$ 4,7 bilhões.

Para fazer a negociação, o contribuinte deve acessar o site da Receita Federal ou da Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional e indicar os débitos para consolidação. Segundo a Receita, todos os integrantes desse grupo de pessoas físicas foram notificados por carta sobre a reabertura do prazo. De acordo com a Receita, o prazo para as pessoas jurídicas terminou no dia 29 de julho

O programa ficou conhecido como Refis da Crise porque foi criado pelo governo durante as turbulências provocadas na economia brasileira, em 2008.”

(Agência Brasil)

Vida de Sílvio Santos sai do baú para as telas

“O diretor Guga Oliveira pretende lançar filme sobre a vida de Silvio Santos no final de 2012, de preferência, no aniversário do apresentador: em 12 de dezembro. A produção do longa, baseado no livro “A Fantástica História de Silvio Santos”, de Arlindo Silva, teve início confirmado ontem (29), com a entrada de investimento de R$ 6 milhões no projeto; o orçamento total está estimado em R$ 12 milhões, e deverá ser completado com o início das filmagens.

De acordo com Oliveira, que já produziu novelas no SBT e é irmão de José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, o Boni, o objetivo é mostrar a “parte misteriosa” da vida de Sílvio Santos – a infância e adolescência do apresentador – com a história do país como pano de fundo. “[O filme] mostra o Golpe de 64, os anos de chumbo, a revolução da música, com a bossa nova… Passa por todas as revoluções sociológicas que o país atravessou nos últimos 80 anos; é um trabalho muito elaborado, que tem que ser feito com muita calma”, explica.

O filme mostrará quatro fases do apresentador: criança, adolescente, jovem e maduro. Quatro atores deverão ser escalados para cada fase, mas ainda não há nenhum confirmado; Edson Celulari está cotado para viver o Sílvio atual. Angélica foi convidada para fazer a primeira mulher do apresentador, Cidinha; Carlos Alberto de Nóbrega deve interpretar seu pai, Manoel da Nóbrega; e o filho de Chico Anísio, Nizo Neto, deve interpretar o pai quando jovem. Hebe também deve participar do longa.”

(Folha.com)

Números do emprego e desemprego na Região Metropolitana de Fortaleza saem nesta 4ª feira

339 1

A Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS), por meio do Instituto de Desenvolvimento do Trabalho (IDT), Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese) e a Fundação Sistema Estadual de Análise de Dados (Seade), apresentará, às 10 horas desta quarta-feira, a Pesquisa de Emprego e Desemprego (PED), que traz os principais indicadores do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), referentes ao mês de julho.

A divulgação ocorrerá na Unidade de Atendimento do Sine/IDT do Centro, que fica na avenida Duque de Caxias, 1150 – Centro – 1º andar. Atualmente, a pesquisa é executada nas regiões metropolitanas de Fortaleza, Belo Horizonte, Porto Alegre, Recife, Salvador, São Paulo e Distrito Federal.”

(Com STDS)

Tasso ganhará homenagem de agências de regulação

A Associação Brasileira das Agências de Regulação (Abar) vai homenagear o ex-senador Tasso Jereissati. vai ser durante o Congresso Brasileiro de Regulação, que ocorrerá em novembro próximo, em Brasília.

Segundo o presidente da Abar, José Luis dos Santos, que é conselheiro e futuro presidente da Arce, Tasso Jereissati foi autor da PEC 81, que constitucionalizou a regulação no País.

Adolescente é resgatado de Centro de Atenção Psicossocial

“Dois jovens armados invadiram o Centro de Atenção Psicossocial Infantil (Caps) da Regional IV, no bairro Vila União, renderam funcionários e resgataram um adolescente de 16 anos que fazia tratamento no local. A ação aconteceu na manhã desta terça-feira, 30.

Segundo informações repassadas por um funcionário do Caps, o garoto cumpria medida socioeducativa no Centro Educacional Dom Aloísio Lorscheider (Cecal) e frenquentava o Caps há pelo menos quatro anos.

No momento do resgate, o garoto estava algemado e foi acompanhado pela dupla armada até um veículo de cor azul, que deu suporte à fuga.

Ainda de acordo com o funcionário do Caps, o adolescente resgatado já cumpriu medidas socioeducativas por envolvimento em diversos crimes, inclusive homicídio.”

(POVO Online)

Dilma dá recado aos aliados: "Não quero presente de grego"

“A presidente Dilma disse que a educação,a saúde e a segurança, compromissos dela de campanha, são problemas que pretende resolver ainda em seu governo em nome de todos que a elegeram presidente da República. Porém, fez um alerta a opositores e aliados que cobram mais investimentos em meio a um momento delicado por conta da crise financeira mundial.

“Não quero presente de grego. Quero saber de onde vão sair os investimentos. Considero que o momento da crise internacional, nao é propicio que você aprove despesas sem dizer de onde vão sair. Se não disser de onde vai sair, esse País nao vai para frente”, avisou a petista, em entrevista a rádios locais em Caruaru. ”

(Folha de Pernambuco Online)

Ministro quer modernizar lei de patentes e alterar lei das ZPEs

“O ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, defendeu nesta terça-feira (30), durante audiência pública na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado Federal, uma modernização da lei de patentes brasileira.

Segundo ele, a atual legislação dificulta a obtenção das patentes por parte dos pesquisadores, e até mesmo a autorização para as pesquisas. “É muito difícil para eles. Até a autorização de pesquisa. Isso tem atrasado o processo de pesquisa e temos perdido patentes. Mas vai ser discutido no grupo de competitividade”, declarou Pimentel.

De acordo com o ministro, já existe uma discussão entre o governo e os setores de pesquisa e desenvolvimento sobre o assunto. “Há alguns artigos que precisam ser revistos porque criam muitas dificuldades. Vamos ter que rever isso, mas não diria que é urgente”, afirmou ele.

ZPEs
Sobre as Zonas de Processamento das Exportações (ZPEs) – áreas delimitadas onde as empresas instaladas podem contar com redução de tributos caso mais de 80% das suas vendas sejam destinadas ao mercado externo – o ministro do Desenvolvimento também defendeu alterações nas regras.

“Ninguém exporta 80%. A manutenção deste artigo inviabiliza as ZPEs. Além disso, têm outras exigências, como, por exemplo, que a empresa seja nova. A empresa que já existe, que já tem um mercado externo consolidado, não pode usufruir do benefício de ir para a ZPE. A nossa lei é obsoleta. Vamos ter que alterar. Temos 38 requerimentos de ZPE e nenhum foi aprovado”, informou ele.

Questionado sobre qual seria um percentual mínimo adequado de exportações de uma empresa para que ela pudesse ser caracterizada como ZPE, Pimentel, entretanto, não soube dizer. “Não tenho um percentual na cabeça. Isso tem que ser discutido com o setor empresarial”, afirmou.”

(Portal G1)

Acrísio Sena almoça com presidente do BNB

159 1

O presidente da Câmara Municipal, Acrísio Sena (PT), e o presidente do Banco do Nordeste do Brasil, Jurandir Santiago, almoçaram, nesta terça-feira. Foi no gabinete da presidência do BNB, ocasião em que os dois trataram de projetos de parceria.

Entre vários assuntos, entrou em discussão o programa do microempreendedor individual que atua na Câmara Municipal e possibilidades de expansão.

Acrísio tem cumprido uma agenda das mais diversificadas e, por tal prática, mostrado que seu nome entre os 13 “prefeituráveis” do PT não seria apenas de decoração. Tido como hábil politicamente por setores do partido, ensaia assim incursões no meio empresarial e gerencial.

Presidente da Telebras visita o Ceará nesta 4ª feira

O presidente da Telebras, Caio Cezar Bonilha, cumprirá agenda, nesta quarta-feira, em Fortaleza. Às 15h30min, no Palácio da Abolição, ele firmará convênio com o governador Cid Gomes no âmbito do projeto “Cinturão Digital”.

Esse projeto promete garantir acesso à internet para o setor público e escolas de Fortaleza e mais 90% das áreas urbanas do Interior do Estado.

A boa vida de suplente de senador

“A vida de suplente de senador tem sido tranquila para um trio que, apesar de receber mensalmente dos cofres públicos 26 723 reais – salário de ministro do Supremo –, ainda não mostrou curiosidade pelo trabalho no Senado.

Antonio Russo (PR-MS), por exemplo, completou neste domingo dois meses de mandato. Segundo o sistema do Senado, o suplente de Marisa Serrano, que deixou o cargo para ocupar uma cadeira no Tribunal de Contas do Mato Grosso do Sul, não apresentou até hoje nenhuma proposta – nem um mísero requerimento. Em sessenta dias, fez apenas o discurso da própria posse e virou relator de um projeto de lei.

Situação parecida tem Reditario Cassol (PP-RO), suplente do próprio filho Ivo Cassol, que está de licença para tratar de assuntos particulares. Desde que chegou ao Senado, em 13 de julho, Reditário não fez sequer um pronunciamento – nem na própria posse – e não apresentou nenhuma proposta.

Outro que ainda não visitou o setor de protocolo do Senado foi Zezé Perrella (PDT-MG). Suplente de Itamar Franco, que assumiu o cargo em 11 de julho, ele fez o único discurso justamente no dia da própria posse. Além de não ter propostas, ele também não é relator de nenhum projeto.”

(Radar Online)

Já no PSB, secretário Bismack Maia está no páreo pela Prefeitura de Aracati

Bismarck é filiado do PSB desde fim de 2010.

O quadro eleitoral em Aracati (Litoral Leste) começa a se desenhar para 2012. Três nomes devem disputar a Prefeitura. O contador Ivan Silvério (PDT), o juiz trabalhista aposentado Inocêncio Uchoa (PT) e o secretário do Turismo, Bismarck Maia. Todos já buscando espaços.

Sobre Bismack Maia, uma certeza: ele já se desligou do PSDB e já é filiado ao PSB desde o fim de 2010.

Aliás, Bismarck e Inocêncio já acertaram um acordo: o PSB e o PT não deverão ser adcersários  em 2012. Há um acordo para que um só dos postulantes entre na peleja. Esse acordo envolve, inclusive, o PMDB.

Casais homoafetivos oficializam união em mutirão

123 1

Essa informação é do site da Prefeitura de Fortaleza:

Nesta quarta-feira, 25 casais homoafetivos irão oficializar suas relações durante o “Mutirão da União Estável Homoafetiva”, que acontece em clima de Quarta Cultural LGBT, no Parque da Liberdade/Cidade da Criança. A atividade, que tem início às 15h30min, é uma iniciativa da Coordenadoria da Diversidade Sexual da Secretaria de Direitos Humanos de Fortaleza, através do Centro de Referência LGBT Janaína Dutra, em parceria com Defensoria Pública Geral do Estado do Ceará, e contará com a presença do do titular da Coordenadoria da Diversidade Sexual, Orlaneudo Lima, do secretario de Direitos Humanos, Demitri Cruz, da secretária de Cultura de Fortaleza, Fátima Mesquita, e dos Defensores Públicos do Estado.

O evento tem como objetivo facilitar o acesso à justiça aos casais homoafetivos que queiram regularizar sua união estável. Desde maio deste ano, o Supremo Tribunal Federal (STF) reconhece a união estável para casais do mesmo sexo. No Censo 2010, pela primeira vez, passou-se a se estimar o número de uniões homoafetivas no Brasil, registrando mais de 60 mil casais. O Nordeste é a segunda região do país como maior número, registrando 12.196 casais, atrás apenas da região Sudeste, que possui 32.202 uniões homoafetivas.

No município de Fortaleza, a Coordenadoria da Diversidade Sexual lançou, em agosto, durante a II Conferência Municipal LGBT, a Campanha Direitos Iguais: Fortaleza de Todas as Cores e Amores, com o intuito de promover para a população LGBT de Fortaleza ações de promoção de diretos, inclusive o de constituir uma família e tê-la reconhecida perante o Estado e a sociedade. “Nosso objetivo é, sobretudo, efetivar os direitos humanos, garantindo o direito à felicidade. Essa iniciativa tem movimentado nestes últimos dias sentimentos, sonhos, famílias…tem movimentado vidas!”, destaca a Luanna Marley, que integra a Coordenadoria e coordena do Centro de Referência LGBT.

Durante o evento, que faz alusão ao Dia da Visibilidade Lésbica, celebrado em 29 de agosto, a Defensoria Pública Móvel também estará à disposição para prestar orientações gerais à população e sobre direitos humanos LGBT, entre as 15h30min e 19 horas. Após o mutirão, a partir das 19 horas, o momento de união será celebrado com o show dos grupos Samba de Rosas e Jardins Suspensos.

SERVIÇO

* Parque da Liberdade/Cidade da Criança – Rua Pedro I, s/n – Centro.

Parlamentar cearense vira alvo de protestos

No ato de protesto que os servidores grevistas da Universidade Federal do Ceará promoveram, na madrugada desta terça-feira, no setor de embarque do Aeroporto Internacional Pinto Martins, alguém ausente acabou bem lembrado: o deputado federal Danilo Forte (PMDB).

O parlamentar é o relator do projeto de lei 1749, que cria uma empresa pública para gerir os hospitais universitários.

Essa matéria era o alvo dos protestos dos servidores que, com faixas, cartazes, apitos e balões pretos, cobraram apoio dos parlamentares federais que viajavam para Brasília contra essa “tentativa de privatizar os hospitais universitários”, segundo afirmava Keila Camelo, do comado de greve.

Ainda sobre Danilo Forte, o corinho que a categoria fazia ecoar no aeroporto era o seguinte: ‘Danilo Forte, seu traidor, você respeite o servidor!”

O parlamentar também foi o relator de MP que tratva do mesmo tema. A MP não obteve êxito.

Inadimplência das empresas cresce 4,5% de junho para julho

“A inadimplência de pessoas jurídicas teve alta de 4,5% em julho na comparação com o mês anterior, de acordo com levantamento divulgado hoje (30) pela consultoria Serasa Experian. Em relação a julho de 2010, houve aumento de 16,1%. Se considerado o acumulado de janeiro a julho de 2011, a alta chega a 13,6% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O valor médio das dívidas, no acumulado de janeiro a julho de 2011, também teve elevação. Débitos não bancários, como pagamento a prestadoras de serviços e lojas em geral, apresentaram um crescimento de 0,3% em comparação a igual período do ano anterior, com valor médio de R$ 736,26. Dívidas com bancos tiveram alta de 6,9% e valor médio de R$ 5.059,40. Para títulos protestados, a elevação foi 7,7%, com valor médio de R$ 1.752,53. Os cheques sem fundos tiveram crescimento de 2,2% e valor médio de R$ 2.069,58.

Segundo economistas da Serasa, a política monetária restritiva, com aumento de juros para controle da inflação, é determinante para a inadimplência das pessoas jurídicas. Para eles, as empresas são prejudicadas pelo encarecimento do capital de giro e pela desaceleração da atividade econômica.”

(Agência Brasil)

Em defesa do Exame de Ordem

194 5

O advogado criminalista Paulo Quezado, em artigo no O POVO desta terça-feira, defende a necessidade do Exame de Ordem não apenas como fator para aferição de conhecimentos dos novos bachareis, mas por dar uma radiografia da situação dos cursos de Direito. Confira: 

Assunto que tem ocupado grande espaço na mídia e gerado inúmeros debates, o Exame de Ordem apresenta-se como requisito indispensável para que o bacharel possa exercer a advocacia.

O Exame de Ordem não é privilégio de nosso país. As grandes potências mundiais possuem exame semelhante ao exigido no Brasil e, em muitos casos, em moldes muito mais rígidos. No Brasil, o Exame surgiu na década de 60, mais precisamente através da Lei n° 4.215/63, antigo Estatuto da Ordem dos Advogados do Brasil.

A exigência do Exame de Ordem como condição para o exercício da profissão, este previsto, atualmente, na Lei 8.906/94, encontra respaldo na própria Constituição Federal, mais especificamente no artigo 5º, XIII, que transfere para a lei ordinária a competência para regulamentar as profissões, inclusive no tocante às qualificações profissionais necessárias para a obtenção das respectivas inscrições.

Ademais, a constitucionalidade do Exame de Ordem pode ser aferida, ainda, a partir da premissa incontestável de que o advogado exerce função pública e essencial à administração da Justiça.

Atualmente, o Brasil conta com 1.174 cursos de Direito, o que representa um número grandioso de estudantes de Direito. Os números impressionam, principalmente se considerarmos que as grandes potências mundiais possuem, proporcionalmente, número bastante inferior de Faculdades de Direito.

Deste modo, o Exame de Ordem apresenta-se com instrumento indispensável à habilitação do bacharel para o exercício dessa missão pública. É indiscutível que a proliferação descontrolada dos cursos jurídicos aumentou a preocupação da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), no tocante a qualidade dos bacharéis que almejam exercer a advocacia.

Diante da inércia do Ministério da Educação, relativa ao controle da qualidade dos cursos, o Exame de Ordem passou a ser precioso instrumento capaz de aferir se determinado bacharel está apto a defender os direitos dos cidadãos. Tais direitos variam, desde o acesso à propriedade, até o consagrado direito de liberdade e à vida. São valores de relevante importância que são colocados “nas mãos” dos advogados, que precisam estar aptos para defendê-los. Os efeitos da atuação de um profissional mal qualificado podem ser excessivamente lesivos ao cidadão e, muitas vezes, irreversíveis.

Os índices de reprovação no Exame de Ordem, que em sua última edição chegou ao patamar dos 88%, assustam e, por sua vez, demonstram a precariedade e o baixo nível de grande parte dos cursos de Direto no Brasil. Esse índice deve ser tido como um sinal de alerta e utilizado pelas autoridades educacionais como ponto de partida para uma série de medidas rígidas e urgentes, tendentes a reverter esse alarmante quadro.

Assim, esse momento deve ser de muita reflexão, não sobre a constitucionalidade do Exame de Ordem, que está devidamente amparado por nossa Carta Magna, mas sim sobre a qualidade deficiente de inúmeros cursos jurídicos e de grande parte dos bacharéis oriundos de referidas instituições.

* Paulo Quezado

Advogado

TRT-7 vai à escola expor noções de direito

O presidente do Tribunal Regional do Trabalho –  7ª Região, desembargador federal Cláudio Pires, juízes e outros operadores do Direito visitam, nesta terça-feira, às 15 horas, a Escola Marechal Juarez Távora (Bairro de Fátima).

Eles vão tirar dúvidas sobre direitos e deveres de jovens de escolas profissionalizantes que estão buscando o primeiro emprego.

A ação faz parte do projeto “Trabalho, Justiça e Cidadania” que, desde março de 2011, leva noções de direito, ética e cidadania para escolas profissionalizantes do Estado.

PT perde filiado e PMDB ganha dois vereadores

122 5

O presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará e ex-vereador José Maria Pontes oficializou sua desfiliação do Partido dos Trabalhadores. Anunciou o vereador Salmito Filho (PT), amigo de Pontes, durante sessão, nesta manhã de terça-feira, na Câmara Municipal.

A notícia não surpreende porque José Maria Pontes, há meses, já estava ausente do cotidiano do PT. Ele é crítico da gestão da prefeita Luizianne Lins e do PT nacional.

Pontes deve permanecer sem partido por um tempo.

Ainda na mesma sessão desta terça-feira, os vereadores Vitor Valim e Walter Cavalcante confirmaram ingresso no PMDB. Ou seja, deram adeus de vez ao PHS.