Blog do Eliomar

Últimos posts

Guerra judicial do ICMS

“A guerra dos incentivos fiscais entre estados terá um importante capítulo no Supremo. É que estão na pauta desta quarta-feira onze processos para anular benefícios do ICMS concedidos por estados aos mais diversos produtos: carne, leite, sal, querosene, equipamentos olímpicos , entre outros.

Essa questão foi parar no STF porque quem foi prejudicado alega que as isenções foram aprovadas unilateralmente. A concessão de benefícios do ICMS, em tese, precisa ter o aval dos demais entes da federação.

A propósito, o Rio de Janeiro é o estado com o maior número de leis previstas para serem julgadas, seis. E o Paraná, seja o governo ou a Assembléia estadual, o maior questionador, com cinco.

(Radar  Online)

Fajece tem novo coordenador-geral

O diretor executivo da Confederação Nacional dos Jovens Empresários (CONAJE), Rodrigo Bitar, do Grupo Brasilcred, participa nesta segunda-feira, às 19 horas, no auditório do Sebrae, da solenidade de posse da nova coordenação da Federação das Associações dos Jovens Empresários do Estado do Ceará (FAJECE).

Na ocasião,tomará posse Victor Parente Ponte, que cumprirá o biênio 2011/2012.

Ciro diz que gostaria de ser prefeito de Fortaleza de novo

229 7

“Eu gostaria, mas não posso ser o próximo Prefeito de Fortaleza”. Afirmou, nesta segunda-feira, o ex-deputado federal Ciro Gomes (PSB), durante entrevista com jornalistas, após palestra na Assembléia Legislativa. Ciro deu palestra durante a terceira edição do Fórum de Ideias Inovadoras em Políticas Públicas (FIP). Ciro disse que não pode disputar porque fica impossibilitado em razão de seu irmão, Cid Gomes, ser o governador do Estado. Ciro não falava sobre política local há cerca de sete meses.

Ele não poupou críticas à gestão da prefeita de Fortalza, Luizianne Lins (PT). Lamentou que falta planejameto e que o protesto sobre a buraqueira na cidade é o que mais escuta, porém é algo secundário. Lamentou também que em pesquisa divulgada pelo Governo do Estado (Spaece), Fortaleza é a quarta pior no plano da educação entre 184 municípios.

Ciro deu paletra sobre o tema “Economia verde: Uma Agenda nas Esferas Pública e Privada”, quando afirmou que “o Brasil precisa parar de importar códigos e pensamentos”.

Falou ainda sobre a polêmica em torno do Novo Código Florestal, observando que resumir o debate de sustentabilidade ao confronto ruralista versus ambientalistas “é simplificar o tema e os ambientalistas sempres sairão perdendo.”

Sem resposta

A prefeita Luizianne Lins, entrevistada pela TV Jangadeiro sobre críticas de Ciro à sua administração, considerou extemporânea e não deixou claro não ter interesse em polemizar com o ex-deputado.

(Com site da AL e TV Jangadeiro)

DETALHE – Ciro Gomes foi prefeito de Fortaleza de 1989 a 1990, num pleito de resultado questionado pelo então adversário, o radialista e hoje deputado federal da base cidista, edson Silva. Ciro, no entanto, acabou renunciando para se candidatar ao Governo do Ceará.

MPX adia inauguração de usina solar em Tauá

379 2

ATUALIZAÇÃO – (17h33min) – A MPX adiou a solenidade de inauguração da sua usina solar situada em Tauá (Região dos Inhamuns). O empreendimento seri aentregue na sexta-feira. É projeto inédito no País e está localizado na Rodovia CE -363, quilômetro 132, próximo ao perímetro irrigado Várzea do Boi. O adiamento foi em razão de problemas nas agendas das autoridades convidados. Não há nova data definida ainda.

A usina esá pronta e terá capacidade instalada inicial de 1 MW, o suficiente para abastecer 1,5 mil  famílias. Implantada com tecnologia em painéis fotovoltaicos, a planta recebeu  investimentos totais de cerca de R$ 10 milhões. O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)  apoiou a iniciativa com aporte de US$ 700 mil.

A empresa já possui  autorização da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e licença da Superintendência Estadual  do Meio Ambiente do Ceará (Semace) para aumentar a capacidade da MPX Tauá até 5 MW.

O projeto  final concebido pela empresa para a planta de Tauá chega a 50 MW. Hoje, a  usina ocupa uma área de 12 mil metros quadrados e conta com 4.680 painéis fotovoltaicos, que  absorvem a luz do sol para transformação em energia elétrica.

BR-116 e um engarrafamento previsível

231 1

A BR-116 experimentou um longo engarrafamento, por volta do meio-dia desta segudna-feira, no sentido Centro-Messejana. O pessoal do Dnit rsolveu fazer a sinalização horizontal de duas faixas da rodovia, o que causou atropelos.

Pelo visto, alguém quis mostrar, literalmente, serviço à população. Mas acabou exagerando na dose. Bem que o rabalho poderia ter sido feito foa do chamado rush.

(Foto – Paulo MOska)

Aposentadoria – Idade mínima deve ficar acima de 51 anos para mulheres e 54 para homens

223 4
“A idade mínima para que os trabalhadores do setor privado possam entrar com pedido de aposentadoria deverá ficar acima de 51 anos no caso das mulheres e de 54 anos no dos homens para que seja derrubado o fator previdenciário, como defendem as centrais sindicais. O fator é uma fórmula de cálculo do benefício, que considera idade, tempo de contribuição e expectativa de vida. Essas são as idades médias atuais dos segurados na hora de requerer o benefício. Caso o limite de idade seja fixado neste patamar ou abaixo, as contas do INSS não suportariam a mudança nas regras.

Já para quem ingressar no mercado de trabalho, a idade mínima teria que ser de 60 anos (mulher) e 65 anos (homem). Atualmente, não existe idade mínima para os trabalhadores do setor privado, incluídos no Regime Geral de Previdência Social (RGPS), apenas para os servidores públicos, que têm regimes próprios.

As projeções são da equipe econômica, que vê na fixação da idade mínima a melhor solução para compensar a perda de receitas, em vez da simples troca pela soma da idade cronológica e do tempo de contribuição (85 anos para elas e 95 anos para eles), com benefício integral.

– A Fazenda não concorda com a soma dessas idades simplesmente, porque isso não cobriria as perdas decorrentes do fim do fator. A não ser que haja um aumento gradativo dessa fórmula para 100, 105 anos – afirmou uma fonte envolvida nas discussões.

Além disso, a fixação de uma idade mínima é um mecanismo mais fácil de ser entendido pela maioria das pessoas, disse a fonte.

O fator previdenciário foi criado em 1999 e passou a vigorar em 2000, como uma forma de estimular os trabalhadores a permanecer mais tempo em atividade e, assim, engordar o valor da aposentadoria. Segundo dados do Ministério da Previdência, o mecanismo ajudou a economizar R$ 31 bilhões (neste ano, serão mais R$ 9 bilhões) – valor nada desprezível para um regime já deficitário, devendo fechar o ano com rombo de R$ 40 bilhões.

O fim do fator chegou a ser aprovado pelo Congresso, mas foi vetado pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O atual governo admite acabar com o mecanismo porque ele pune quem começou a trabalhar mais cedo. Mas exige que seja criada uma alternativa para evitar que o déficit da Previdência entre novamente numa trajetória explosiva.

A mudança foi discutida pelo Planalto, que orientou o ministro da Previdência, Garibaldi Alves, a negociar uma solução com as centrais sindicais e depois apresentá-la ao governo. A primeira reunião ocorreu nesta quinta-feira, quando foi criado um grupo de trabalho para discutir o assunto. Um novo encontro está previsto para o próximo dia 2.

Na reunião, foi decidida a criação de um índice para apurar o custo de vida do idoso, em substituição ao INPC – usada na correção dos benefícios. A ideia, segundo um interlocutor, é apurar eventuais perdas nos últimos anos.

Também foi discutida a necessidade de dar mais publicidade às renúncias fiscais concedidas a entidades filantrópicas, aos exportadores rurais e às empresas de tecnologia, além do Simples, e que acabam pesando no déficit da Previdência.”

(Globo.Online) 

No Dia Mundial contra o Fumo, que tal uma fruta?

O Instituto do Câncer do Ceará vai promover, nesta terça-feira – Dia Mundial de Combate ao Fumo, uma programação voltada para a conscientização e em favor da comunidade. Segundo a diretoria do ICC, trocará cigarros dos fumantes que circularem a sede por frutas.

A ação ocorrerá das 8 às 16 horas, tendo por objetivo mostrar aos fumantes a importãncia de uma vida saudável não só para ele, mas para sua família e para a sociedade, já que cigarro também causa poluição ao meio ambiente.

SERVIÇO

Sede do ICC – Rua Papi Júnior, 1228 – Bairro Rodolfo Teófilo

Pane no sistema da TAM e da Azul provoca filas quilométricas no Aeroporto de Fortaleza

164 1

Uma pane no sistema de informática nas empresas TAM e Azul Linhas Aéreas, registrada a partir das 11h40min desta segunda-feira, 30, provoca enormes filas de passageiros no Aeroporto Internacional Pinto Martins, em Fortaleza.

O atendimento por parte da Tam para quem vai viajar está sendo feito manualmente, enquanto a Azul, que tem plano de contingência, consegue emitir bilhetes.

Até agora, dois voos da Tam apresentam, por conta do problema, atrasos da ordem de 40 minutos. Entre os passageiros há muita reclamação, alguns alegando perda de compromisso e outros a chateação por aguardar mais de uma hora por atendimento.

Alguns funcionários da Tam se queixaram de problemas no sistema da internet da Oi, que estaria provocando o clima de dificuldades. O servidor público Nazareno Assis, que está deixando Fortaleza com destino a Brasília após férias, lamentou a situação, mas diz que, como está sem trabalhar, tinha que “relaxar e gozar”, como recomendou a ex-ministra do Turismo e senadora, Marta Suplicy.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=yB6npt5nx9Q[/youtube]

A Infraero, segundo o superintendente estadual Wellington Santos, reforçou apoio ao pessoal das empresas aéreas e ampliou balcões de atendimento para facilitar o fluxo. Avisos no sistema de som também foram permitidos para orientar os passageiros. A Tam e a Azul estão priorizando passageiros que já tem embarque programado para antes das 15h.

Ainda sobre o assunto, o superintendente Wellington Santos considerou “pontual esse tipo de problema”, e disse não ter dúvidas de que situação do gênero não vai se registrar quando da Copa de 2014 no aeroporto de Fortaleza.

(Foto – Paulo Moska)

Novo Código Florestal chega nesta semana ao Senado

“Votado pela Câmara dos Deputados na semana passada, o projeto de reforma do Código Florestal Entenda o assunto (PL 1876/99) deve chegar nesta semana ao Senado. A proposição está recebendo naquela Casa a redação final, visto que foi aprovada com uma última emenda apresentada em plenário.

A emenda 164, de autoria de deputados do PMDB e do PR, anistia os proprietários rurais que plantaram ou fizeram pastos em áreas de preservação permanente (APPs) até julho de 2008. Além disso, a emenda transfere para os estados e o Distrito Federal, em conjunto com a União, o direito de também legislar sobre meio ambiente.

No Senado, o projeto deverá ser encaminhado a três comissões: Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ); Meio Ambiente, Defesa do Consumidor e Fiscalização e Controle (CMA)  e Agricultura e Reforma Agrária (CRA). E deverá ser entregue aos seguintes relatores: Luiz Henrique (CCJ), Rodrigo Rollemberg (CMA) e Acir Gurgacz (CRA), respectivamente.

MPs

A agenda para esta semana inclui também o exame de quatro medidas provisórias que trancam a pauta do Plenário e devem ser votadas pelo Senado até quarta-feira (1º), caso contrário perderão a validade.

São elas a MP 521/10, transformada no PLV 11/11, que aumentou de R$ 1.916,45 para R$ 2.338,06 o valor da bolsa paga ao médico residente; a MP 517/10 (PLV 13/11), que trata, entre outros itens, da concessão de incentivos fiscais a vários setores da economia; a MP 520/10 (PLV 14/11), que cria uma estatal para gerenciar hospitais universitários; e a MP 519/10 (PLV 15/11) , que trata da doação de alimentos para ajuda humanitária.

Tapajós

Também está na pauta do Plenário o substitutivo substitutivo é quando o relator de determinada proposta introduz mudanças a ponto de alterá-la integralmente, o Regimento Interno do Senado chama este novo texto de “substitutivo”. Quando é aprovado, o substitutivo precisa passar por “turno suplementar”, isto é, uma nova votação. do projeto de decreto legislativo (PDS 19/99) que propõe a realização de um plebiscito sobre a criação do estado de Tapajós. A proposta é que o novo estado seja criado a partir do desmembramento da área onde atualmente se situam 27 municípios do oeste do Pará.

Livros Didáticos

Audiência pública para ouvir o ministro da Educação, Fernando Haddad, sobre polêmicas que envolveram o órgão nos últimos dias, como as relativas ao conteúdo de livros didáticos, está marcada para esta terça-feira (31), às 10 horas, na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE). O ministro confirmou presença à comissão.”

(Agência Senado)

Presidente da Cagece pode disputar Prefeitura de Russas

142 2

O prefeito Raimundo Cordeiro, de Russas (Vale Jaguaribano), lançou o nome do presidente da Cagece, Jurandir Santiago, como seu candidato a prefeito em 2014. Para ele, Jurandir tem todas as condições de disputar, porque é competente, sabe conciliar e trabalhou sempre em favor do crescimento do município.

Jurandir Santiago, sobre o assunto, evita comentar. Não esconde ter ficado lisonjeado em ser lembrado por Raimundinho, mas garantiu estar cedo para decisões e que só pensa em tocar os projetos à frente da Cagece.

Mesmo assim, Jurandir soltou a senha: “Ninguém nunca pode dizer dessa água não beberei!”. Jurandir ainda não está filiado a um partido.

Deputada quer criar a Polícia Universitária. Reitor da UFC apoia

133 1

“A deputada federal Andréia Zito (RJ) propôs uma Emenda Constitucional que dará nova redação ao Artigo 144 da Constituição Federal, criando a Polícia Universitária Federal. Seria um órgão permanente, organizado e mantido pela União e estruturado em carreira, destinado ao patrulhamento ostensivo dos campi das universidades federais, institutos federais de educação e demais instituições federais de ensino.

O reitor da UFC, Jesualdo Farias, diz que, a princípio, é a favor do projeto e lembra que esse modelo funciona com eficiência em vários países, entre eles os EUA. Mas prevê muita polêmica e não se posicionará enquanto não examinar a proposta nos mínimos detalhes.

Jesualdo ressalta que a UFC está atenta aos recentes casos de violência nos campi da Instituição e tem ampliado discussões sobre as medidas a serem tomadas para coibir o problema. A presença mais efetiva dos policiais do Ronda, por exemplo, já está vigorando, depois de reunião mantida com o comandante do programa, Coronel Gomes Filho.

Em abril, uma linha telefônica exclusiva para denúncias (3366.9190) foi criada para receber chamadas 24 horas, oriundas de todos os campi. Além disso, houve aumento no contingente de vigilantes e porteiros, que hoje chega a cerca de 470 homens. A Administração Superior da UFC também autorizou a contratação de serviços de monitoramento eletrônico.

A EMENDA

Na justificativa da emenda proposta, a Deputada Andréia Zito argumenta que as motivações que a levaram a apresentar a PEC são “as condições atuais em que se encontram os campi das instituições federais de ensino, inseguros em sua totalidade, não só para o corpo discente, como também para o corpo docente, servidores e demais usuários dessas instituições”.

A parlamentar faz referência ao assassinato de um aluno da Universidade de São Paulo no dia 18 de maio, no estacionamento da Faculdade de Economia e Administração, e aos casos de violência na Universidade Federal do Rio de Janeiro, onde, segundo afirma, aconteceram cinco sequestros e 17 furtos de janeiro a março deste ano. Registrou, ainda, casos de violência nas universidades federais do Mato Grosso do Sul e Acre (estupro de estudantes) e de Santa Catarina (assaltos à noite).

A Polícia Universitária Federal seria especializada e capacitada para executar os serviços de segurança ostensiva em todo o âmbito das instituições federais de ensino, executar medida assecuratória da incolumidade física das autoridades e executar fiscalização, em todos tipo de patrimônio, no âmbito  institucional, incluindo a segurança do trânsito e do transporte de bens, pessoas e todos os tipos de cargas.”

(Site da UFC)

BC – Juros sobem pelo 5º mês e crédito tem expansão moderada

“A taxa média de juros dos empréstimos bancários para empresas e pessoas físicas subiu pelo quinto mês consecutivo e chegou a 39,8% ao ano em abril, segundo levantamento do Banco Central. Em novembro do ano passado, pouco antes de o BC iniciar o processo de restrições ao crédito para segurar o consumo e a inflação, a taxa média era de 34,8% ao ano. No mês passado, o juro ao consumidor chegou a 46,8% ao ano, enquanto para as empresas atingiu 31% ao ano.

Segundo o BC, as operações de crédito mantiveram “trajetória de expansão moderada em abril”, com maior demanda pelo setor produtivo e menor procura de financiamentos por parte das famílias. O cenário hoje, segundo a instituição, é de elevações das taxas de juros e “spreads” bancários, com “discreto aumento da inadimplência”.

Esse último indicador subiu pelo terceiro mês seguido para as famílias, de 5,7% no final de 2010 para 6,1%. Para as empresas, passou de 3,5% para 3,7% na mesma comparação. O volume total de crédito cresceu 1,3% em abril em relação ao mês anterior e teve expansão de 21% em 12 meses, para R$ 1,78 trilhão (46,6% do PIB).

O crédito sem subsídio cresceu 1,4%, acima do 1% verificado nos empréstimos subsidiados, que incluem crédito rural, empréstimos do BNDES e habitacional com recursos da poupança e FGTS.”

(Folha.com)

Professores em greve ganham nota zero por invadir prédio da Câmara Municipal

237 10

Com o título “Zero em Democracia”, eis artigo do publicitário e poeta Ricardo Alcântara, onde ele lamenta postura dos professores municipais em greve, que ocuparam a Câmara Municipal na última semana. Reprovável em todos os pontos tal gesto, diz o articulista. 

Em greve, os professores da rede municipal de ensino revelaram à sociedade de cujo futuro se ocupa, com esclarecedor didatismo, a linha nítida que separa a liberdade de expressão do deboche.
 
O caso se deu quando os grevistas invadiram o plenário da Câmara dos Vereadores em protesto contra o reajuste salarial definido pela prefeitura de Fortaleza para a categoria, que eles consideram insuficiente.
 
Forçados a abandonar o local, os vereadores decidiram cancelar as sessões do dia seguinte para evitar danos maiores pelas atitudes de flagrante ilegalidade. Não é a democracia que avança quando o parlamento fecha.
 
Não se trata aqui de negar o direito que tem os profissionais educadores de reagir ao que consideram um tratamento injusto e usar as formas consagradas de pressão que são próprias à dinâmica do movimento sindical.
 
A Mesa da Câmara deveria editar as imagens gravadas durante o episódio e distribuir nas escolas onde esses professores trabalham para ensinar aos alunos deles como não se deve usar o sagrado direito de expressão.
 
Levantamentos recentes revelam que a qualidade do ensino em Fortaleza não vai bem. Supera, em rendimento escolar, apenas três municípios, ficando atrás de dezenas de cidadezinhas que ninguém sabe onde fica.
 
 Tudo isso tem relação direta com os baixos salários dos professores e as más condições gerais de trabalho desses profissionais tão maltratados em um país que nunca precisou tanto deles como agora.
 
Ocorre que, por mais justa que seja uma causa, nenhuma é maior do que a causa da democracia, onde todas as outras encontram o ambiente propício para sua livre expressão. Escolas e parlamentos devem permanecer abertos.

* Ricardo Alcântara,

Publicitário e poeta.

Secretaria das Cidades promete investir R$ 1 bilhão

Nesta segunda-feira, técnicos da Secretaria das Cidades do Estado discutem, até o fim da tarde, a programação orçamentária dos seus projetos para este ano. A previsão é de um investimento total de R$ 1.094.056.575,87, incluindo investimentos da empresa vinculada
Cagece.

Segundo Camilo Santana, titular da pasta, é o segundo maior orçamento do Estado, sendo que, até o fim deste mês de maio, o órgão aplicou R$ 100 milhões em obras de infraestrutura e urbanização e em programas de habitação em todo o Ceará.

A reunião, que ocorre na sede da Cagece (Bairro Vila União) congrega todos os coordenadores dos projetos e acerta ainda realocaçaõ de verbas de acordo com o andamento das obras. Entre as ações, o programa Minha Casa, Minha Vida, a urbanização do rio Maranguapinho, o Geopark Araripe e o Cidades do Ceará, que atende à Região do Cariri.

Caucaia terá Semana do Meio Ambiente

A Prefeitura de Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza) vai promoer a Semana do Meio Ambiente. A abertura ocorrerá nesta quarta-feira, com o mote prioritário voltado para a preservação das praias e lagoas e a arborização do município.

O Instituto de Meio Ambiente de Caucaia (IMAC), com o apoio da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), desenvolverá programação até quinta domingo. No roteiro, caminhada ecológica, limpeza de praias e lagoas e apresentações artísticas.

Semana do Meio Ambiente de Caucaia

Dia 1º – Sesc Iparana

9 horas – Apresentação Teatral “O Cupim e a Árvore” – Secretaria Municipal de Educação de Caucaia

Apresentação dos resultados parciais do programa Selo Escola  Verde

Dia 2  – Avenida Dom Almeida Lustosa

9 horas – Blitz ecológica na Avenida Dom Almeida Lustosa, em frente à Fundação Bradesco, com distribuição de mudas nativas e sacolas de lixo veicular

Dia 3 – Lagoa do Pabussú

9 horas – Caminhada ecológica com alunos da escola Patronato Pio XI, pela preservação da Lagoa do Pabussú. Haverá coleta seletiva de materiais recicláveise distribuição de material informativo

Dia 5 – Campanha de limpeza de praias e lagoas

9 horas – Limpeza das praias do Icaraí, Cumbuco, da Lagoa do Itambé (esta com a escola Augusto César Sales). Distribuição de material informativo.

Nos bastidores do PSDB, a briga entre aecistas e serristas continua

Sérgio Guerra, FHC e Aécio em papo, tendo ao lado Serra.

“Nos bastidores, o embate entre serristas e aecistas vai continuar no PSDB apesar do acordo firmado na convenção realizada no sábado em Brasília. O presidente tucano reeleito, Sérgio Guerra (PE), irá conduzir o partido para garantir a candidatura do senador Aécio Neves (MG) ao Palácio do Planalto em 2014. No novo conselho político da sigla, o ex-governador José Serra (SP) terá a difícil tarefa de tentar influir em decisões como alianças, fusões e candidaturas. Uma nova candidatura é hoje um sonho distante.

Minutos depois do término da convenção, os dois grupos já voltavam a trocar farpas e minimizar ou aumentar o resultado obtido. “Não cedemos nada para o Serra. Foi um balde de água fria”, disse um integrante da ala mineira e agora majoritária. “A decisão sobre quem será candidato passará pelo conselho”, insistiu um paulista. Diante das câmeras de TV e flashes de fotógrafos, no entanto, o objetivo principal foi demonstrar unidade.

Mesmo ciente da sua força para derrotar Serra em qualquer tipo de votação dentro do partido, Aécio não queria realizar uma convenção sem a presença do paulista. Perderia a imagem de político conciliador. O ex-governador de São Paulo jogou pesado e ameaçou sair do partido mais uma vez – o que ele já havia feito em fevereiro. “Não foi uma, nem duas, mas umas 15 vezes que ele ameaçou sair”, contou um dirigente do PSDB ligado ao grupo de Aécio.”

(iG)

PGJ fará concurso para promotor de justiça

O Ministério Público do Ceará vai realizar concurso público e já fixou em 52 o número de vagas a serem providas para promotor de Justiça – vagas na entrância inicial somadas às que ficarão vagas após a realização das promoções para entrância intermediária. O certame ocorrerá no segundo semestre deste ano.

A procuradora-geral de Justiça, Socorro França, informou que a Comissão de Concurso já realizou a primeira reunião com a finalidade de elaborar o regulamento e o programa do certame, que fixará, entre outras disposições, a reserva de vagas a portadores de necessidades especiais, seguindo assim zelando o Decreto Federal n.º 3.298, de 20 de dezembro de 1999.

(Com site do MP-CE)

Dilma inicia nesta 2ª feira visita ao Uruguai

“A presidenta Dilma Rousseff deve chegar hoje (30), por volta das 11h30, a Montevidéu, no Uruguai, para uma visita que mescla política, economia e afeto. Amiga pessoal do presidente uruguaio, José Pepe Mujica, de 77 anos, Dilma admira a história pessoal dele –  que tem vários aspectos comuns com a dela – de combate aos regimes autoritários e luta pelos direitos humanos e pela qualidade de vida dos menos favorecidos.

A viagem ao Uruguai faz parte da determinação de Dilma de dar prioridade ao Mercosul e às relações latino-americanas. Com Mujica, a presidenta negocia parcerias nas áreas de infraestrutura para a produção de software (programa de computador), no setor energético e de linhas de transmissão, assim como de ciência e tecnologia e educação.

Dilma passará cerca de cinco horas em Montevidéu. Nesse período, ela pretende conhecer o Laboratório Tecnológico do Uruguai (Latu), considerado referência na região, comandar ao lado de Mujica reuniões bilaterais, assinar uma série de atos, fazer uma declaração conjunta e fechar a visita com um almoço, no Palácio Santos, sede do governo uruguaio. Ela pretende voltar a Brasília por volta das 16h.

A presença de Dilma no Uruguai reforça o empenho de Mujica para consolidar um novo momento político e econômico no país. Há mais de uma década, os uruguaios, cuja formação educacional é considerada uma das mais alta das Américas, deixam o país em busca de oportunidades no exterior pela carência de vagas qualificadas e salários no mercado de trabalho local.

Mujica e Dilma trabalham no anúncio de medidas para a recuperação de ferrovias e a construção de duas pontes sobre o Rio Jaguarão – na fronteira do Rio Grande do Sul com a cidade de Hulla Negra, no Uruguai -, que tem 32 quilômetros navegáveis. Paralelamente, o Uruguai registra, segundo negociadores brasileiros, o melhor momento econômico desde a 2ª Guerra Mundial (1939-1945).

Economicamente, a visita da presidenta fortalecerá a chamada cadeia produtiva entre o Brasil e o Uruguai. O comércio entre os dois países, em 2010, envolveu pouco mais de US$ 1,3 bilhão, sendo que o Brasil exporta principalmente óleos brutos, autopeças, material químico e alguns tipos de alimentos.”

(Agência Brasil)