Blog do Eliomar

Últimos posts

Infraero divulga cargos de novo concurso. Fortaleza está na rota

343 1

Aeroporto Internacional Pinto Martins.

“A Infraero prevê para esta sexta-feira o lançamento do edital de concurso para cadastro de reserva em cargos de nível médio e superior. O concurso será organizado pela Fundação Carlos Chagas (FCC). Os cargos de nível médio são profissional de engenharia e manutenção (R$ 1.924,86), profissional de serviços técnicos (R$ 1.924,86), profissional de navegação aérea (R$ 2.185,89), profissional de tráfego aéreo (R$ 2.482,25).

Já os de nível superior são de analista superior I (R$ 2.818,86), analista superior II (R$ 3.201,08), analista superior III (R$ 3.635,12) e analista superior IV (R$ 4.839,19).

Nível superior

As ocupações de analista superior I são de arquivista (provas e classificações em Belém, Belo Horizonte, Brasília, Manaus, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo); assistente social (Belo Horizonte); biólogo (Belo Horizonte, Campinas, Curitiba, Fortaleza e São Paulo), especialista em comunicação social – jornalismo (Belo Horizonte, Brasília, Guarulhos e Vitória); especialista em comunicação social – publicidade (Belo Horizonte e Rio de Janeiro); especialista em comunicação social – relações públicas (Belo Horizonte, Campinas e Guarulhos); pedagogo (Belo Horizonte) e psicólogo (Belo Horizonte).

As ocupações de analista superior II são de administrador (Belém, Belo Horizonte, Brasília, Guarulhos, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo); advogado (Brasília e Curitiba); auditor (Belém, Belo Horizonte, Brasília, Manaus, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo); contador (Belo Horizonte, Brasília, Manaus, Guarulhos, Porto Alegre, Salvador e São Paulo) e economista (Belo Horizonte, Brasília, Guarulhos, Porto Alegre e São Paulo).

As ocupações de analista superior III são de analista de sistemas – engenharia de software (Belo Horizonte e Brasília); analista de sistemas – banco de dados e administrador de dados (Belo Horizonte, Brasília e São Paulo); analista de sistemas – desenvolvimento e manutenção (Belo Horizonte, Brasília e São Paulo); analista de sistemas – gestão de TI (Brasília); analista de sistemas – rede e suporte (Brasília e Porto Alegre); analista de sistemas – segurança da informação (Belo Horizonte, Brasília, Campinas e Manaus); especialista em navegação aérea (Bauru, Belém, Belo Horizonte, Brasília, Goiânia, Ilhéus, João Pessoa, Joinville, Londrina, Macaé, Macapá, Marabá, Navegantes, Palmas, Porto Alegre, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, Santarém, São Paulo, Teresina, Uberaba, Uberlândia e Vitória); médico do trabalho (Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Fortaleza, Guarulhos, Manaus, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo) e meteorologista (Belo Horizonte, Brasília, São Paulo).

As ocupações de analista superior IV são de arquiteto (Brasília, Curitiba e Fortaleza); engenheiro ambiental (Campinas); engenheiro civil (Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Guarulhos, Maceió, Manaus, Palmas, Porto Alegre e Rio de Janeiro); engenheiro civil – estruturas (Belo Horizonte, Brasília, Manaus, Recife e Salvador); engenheiro civil – hidrossanitário (Belo Horizonte, Guarulhos, Salvador, Manaus e São Paulo); engenheiro civil – manutenção predial (Belo Horizonte, Campinas, Rio de Janeiro e São Paulo); engenheiro civil – orçamentação (Belém, Belo Horizonte, Brasília, Guarulhos, Manaus, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo); engenheiro civil – pavimentação (Belo Horizonte, Brasília, Belém, Campinas, Goiânia, Manaus e Salvador); engenheiro de infraestrutura aeronáutica (Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Guarulhos, Manaus, Rio de Janeiro e São Paulo); engenheiro de segurança do trabalho (Brasília, Fortaleza e Rio de Janeiro); engenheiro de telecomunicações (Belo Horizonte e São Paulo); engenheiro eletricista (Brasília, Corumbá e São Paulo); engenheiro eletricista – modalidade eletrônica (Belo Horizonte e Brasília); engenheiro eletrônico (Belém, Brasília, Campinas, Fortaleza, Maceió, Recife, São Paulo e Salvador); engenheiro eletrônico – sistema de proteção ao voo (Belo Horizonte e São Paulo); engenheiro eletrônico – automação predial/industrial (São Paulo); engenheiro florestal (Belo Horizonte); engenheiro mecânico (Brasília, Guarulhos e Vitória); engenheiro mecatrônico (Belo Horizonte, Rio de Janeiro e São Paulo); engenheiro sanitarista (Belo Horizonte) e engenheiro cartógrafo (Brasília).

Nível médio

As ocupações de ensino médio completo são de profissional de navegação aérea (provas e classificação em Almeirim-PA, Alta Floresta – MT, Altamira – PA, Amapá –AP, Bagé – RS, Barra do Garças – MT, Belo Horizonte – MG, Bom Jesus da Lapa – BA, Campina Grande – PB, Campos dos Goytacazes – RJ, Canaã dos Carajás – PA, Carolina – MA, Conceição do Araguaia – PA, Criciuma – SC, Cruzeiro do Sul – AC, Iauaretê – AM, Imperatriz – MA, Itacoatiara – AM, Itaituba – PA, Jacareacanga – PA, Juazeiro do Norte – CE, Manicoré – AM, Marabá – PA, Montes Claros – MG, Mossoró – RN, Palmas – TO, Parnaíba – PI, Paulo Afonso – BA, Pelotas – RS, Petrolina – PE, Poços de Caldas – MG, Ponta Porã – MS, Porto Nacional – TO, Presidente Prudente – SP, Ribeirão Preto – SP, São Gabriel da Cachoeira – AM, Tarauacá – AM, Tefé – AM, Tucuruí – PA, Uberaba – MG, Uberlândia – MG, Vilhena – RO e Vitória da Conquista – BA); e profissional de tráfego aéreo (Bauru – SP, Belém – PA, Belo Horizonte – MG, Campinas – SP, Goiânia – GO, Guarulhos – SP, Ilhéus – BA, João Pessoa – PB, Joinville – SC, Londrina – PA, Macaé – RJ, Macapá – AP, Navegantes – SC, Palmas – TO, Presidente Prudente – SP, Ribeirão Preto – SP, Rio de Janeiro – RJ, Santarém – PA, Teresina – PI, Uberaba – MG, Uberlândia – MG e Vitória – ES).

No caso do profissional de engenharia e manutenção as ocupações são de desenhista projetista (Belém, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Goiânia, Guarulhos, Macapá, Porto Alegre, Recife e Vitória); técnico em edificações (Bacacheri – PR, Brasília – DF, Canaã dos Carajás – PA, Corumbá – MS, Cruzeiro do Sul – AC, Guarulhos – SP, Macapá – AP, Goiânia – GO, Porto Alegre – RS, Santarém – PA e Uberlândia – MG); técnico em eletrônica (Bacacheri – PR, Campo Grande – MS, Criciúma – SC, Marabá – PA, Natal – RN, Palmas – TO, Ponta Porã – MS, Porto Velho – RO, Santarém – PA, Tabatinga – AM, Uruguaiana – RS e Vilhena – RO); técnico em eletrotécnica (Canaã dos Carajás – PA, Cruzeiro do Sul – AC, Montes Claros – MG, Navegantes – SC, Porto Alegre – RS, Santarém – PA, Tabatinga – AM e Tefé – AM); técnico em estradas (Belém, Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Guarulhos, Macapá, Natal, Porto Alegre, Recife, São Paulo, Vitória); técnico em mecânica (Altamira – PA, Brasília – DF, Campo Grande – MS, Canaã dos Carajás – PA, Criciúma – SC, Cruzeiro do Sul – AC, Imperatriz – MA, Navegantes – SC, Palmas – TO, Parnaíba – PI, Porto Alegre – RS, Porto Velho – RO, Santarém – PA e Uberaba – MG); e topógrafo (Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Guarulhos, Manaus, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e Vitória).

No caso do profissional de serviços técnicos as ocupações são de auxiliar de enfermagem do trabalho (Belo Horizonte, Brasília, São Luís e Vitória), técnico em segurança do trabalho (Aracaju, Boa Vista, Cuiabá, João Pessoa, Montes Claros – MG, Navegantes – SC, Palmas, Ponta Porã – MS, Porto Velho, Teresina e Uberlândia – MG); e técnico em contabilidade (Belém, Brasília e Porto Alegre).”

(Portal G1)

STF acata Mandado de Injunção para aposentadoria especial aos 25 anos de trabalho

381 16

Plácido e o ministro Gilmar Mendes

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), deferiu no fim da tarde desta quinta-feira (26) o Mandado de Injunção impetrado pelo Sindicato dos Trabalhadores no Serviço de Saúde de Fortaleza (Sintsaf), que requer a aposentadoria especial aos 25 anos de trabalho para servidores da Prefeitura de Fortaleza que exercem suas atividades em ambientes de insalubridade.

A decisão ocorreu em audiência com o presidente do Sintsaf, Plácido Filho, também vereador de Fortaleza pelo PDT, no Salão Branco do STF, em Brasília.

Além dos servidores lotados em hospitais e postos de saúde, terão direito ainda à aposentadoria especial os funcionários públicos municipais que trabalham na Usina de Asfalto, na Emlurb (setor da coleta de lixo) e na Guarda Municipal (periculosidade no exercício de trabalho).

“É bom esclarecer que esse benefício somente foi concedido para os servidores filiados ao Sintsaf, pois cada entidade sindical ou ainda o servidor que decida representar a si mesmo deverá ajuizar Mandado de Injunção no STF. Creio que o caminho agora poderá ficar mais fácil, após a nossa conquista, que antes havia tramitado por outras duas instâncias”, comentou Plácido Filho.

O dirigente do Sintsaf e também vereador de Fortaleza ainda esclareceu que o servidor somente poderá se aposentar aos 25 anos de trabalho, quando o exercício da função for contínuo. “Não pode o servidor ter trabalhado 10 anos no comércio, por exemplo, e depois outros 15 anos em um hospital e requerer o benefício. É preciso que todo esse tempo tenha sido em ambiente de insalubridade ou de periculosidade”, ressaltou.

O Mandado de Injunção é uma ação constitucional usada em um caso concreto, individualmente ou coletivamente, com a finalidade de suprir a falta de norma regulamentadora, sem a qual resulte inviabilizado o exercício de seus direitos, liberdades e garantias constitucionais.

Prefeitura de Camocim terá que pagar salários atrasados

“A 5ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) manteve a sentença que condenou o Município de Camocim a pagar salários de dez professores, referentes ao ano de 2004. A decisão foi proferida nesta quarta-feira e teve como relator o desembargador Clécio Aguiar de Magalhães.

Conforme os autos, os professores foram devidamente aprovados em concurso público. Narram que não receberam os salários referentes ao mês de dezembro de 2004, bem como a segunda parcela do 13º relativo àquele ano. Informam que o então prefeito, Francisco Maciel de Oliveira, ao tomar posse em 1º de janeiro de 2005, não efetuou o pagamento, apesar de insistirem administrativamente.

Em virtude disso, os servidores ajuizaram ação ordinária, com pedido liminar, requerendo o pagamento dos salários atrasados. Em 16 de fevereiro de 2006, o juiz da Comarca de Camocim, Luiz Roberto Oliveira Duarte, concedeu a liminar e determinou que o Município pagasse os vencimentos referentes ao mês de dezembro de 2004.

Em contestação, Francisco Maciel de Oliveira sustentou que o ex-gestor não deixou saldo suficiente para pagar os servidores, de modo que estava impossibilitado de cumprir tal obrigação. Por isso, pleiteou a improcedência da ação e a consequente revogação da liminar.
Em 15 de maio de 2006, o mesmo magistrado julgou a ação, confirmou a liminar e determinou também o pagamento da 2ª parcela do 13º salário.

Inconformado, o ente público interpôs recurso apelatório (nº 191-34.2006.8.06.0053/1) no TJCE, requerendo a reforma da sentença. Defendeu os mesmos argumentos apresentados na contestação.

Ao relatar o processo, o desembargador Francisco Clécio Aguiar de Magalhães ressaltou que “a alegação do apelante quanto à ausência de verbas para pagamento dos professores não se sustenta perante as cominações do ordenamento jurídico”.

O desembargador destacou, ainda, que é “certa a responsabilidade da fazenda pública pela remuneração de seus servidores, mesmo que se trate de vencimentos em atraso, referentes a débito de administração anterior”. Com esse posicionamento, a 5ª Câmara Cível negou provimento ao recurso e manteve a sentença do magistrado.”

(Site do TJ-CE)

Colírio do Blog

869 4

Eis a atriz Camila Pitanga, que interpreta a Carol na novela das 21 horas da Globo – “Insensato Coração”. Virou o grande amor de Raul, interpretado pelo sessentão Antônio Fagundes, aquele que, segundo a minha mulher aqui em casa, tem nosso jeito e charme.

Grupo de servidores do Estado faz ato em frente ao Palácio da Abolição

Um grupo de servidores públicos do Estado encontra-se em frente ao Palácio da Abolição fazendo um ato de cobrança. Segundo lideranças, o movimento, respaldado pelo Fórum Unificado do Servidor Público, quer do governador Cid Gomes a marcação de uma audiência pública para tratar das reivindicações da categoria.

No conjunto das reivindicações, reestruturação de tabelas salariais, concurso público e assinatura da lei que reconhece a titulação de todo nível médio e superior, pois há servidores que não recebem por isso.

DETALHE – O governador está nos EUA e ninguém da assessoria do Palácio da Abolição deu sinal de vida para recber alguma liderança dos servidores.

Pesquisa mostra desigualdade salarial entre servidores públicos nos Estados

187 3

“Uma pesquisa divulgada nesta semana pelo Conselho Nacional de Secretários de Administração (Consad) aponta as desigualdades salariais entre profissionais do serviço público de uma mesma categoria, dependendo do estado onde estiverem atuando.

Na região Nordeste, por exemplo, o menor salário de um professor é de R$ 510,00 – uma diferença de R$ 600 em relação ao menor valor pago ao profissional da mesma categoria na região Sudeste – R$ 1.246,88. A região Sudeste também é a que apresenta os maiores salários dos professores – R$ 6.457,32.

A pesquisa foi divulgada no Congresso Consad de Gestão Pública, que ocorre em Brasília até esta sexta-feira (27). O levantamento faz parte de uma ação do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), com coordenação do Ministério do Planejamento.

Segundo o Consad, o levantamento foi feito com base em folhas de pagamentos fornecidas pelos próprios estados. Participaram da pesquisas os estados do Acre, Bahia, Ceará, Espírito santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Mato Grosso, São Paulo e Santa Catarina, além do Distrito Federal. Ao todo, 124 cargos da administração pública tiveram os salários analisados, mas a pesquisa divulgou apenas as disparidades salariais de profissionais concursados de sete categorias: médico, enfermeiro, professor, soldado, agente de polícia, escrivão e delegado.

Segundo o presidente do Consad, Sérgio Ruy Barbosa, a pesquisa serve como orientador para que os estados discutam as questões salariais com as categorias. “ Foi-se o tempo em que um profissional passava num concurso público e ficava a vida toda ali. Agora, quem paga mais tem mais chances de ter o melhor profissional”, disse Barbosa.

No caso dos médicos, a maior disparidade salarial da categoria está na região Centro-Oeste. Lá, o menor salário encontrado foi de R$ 497,38 para 20 horas trabalhadas. Já a maior remuneração chega a R$ 22.922,48, pelo mesmo período de trabalho. Na mesma região, o salário dos médicos do serviço público chega a ser 203% do que é pago pela iniciativa privada.

Já no caso dos enfermeiros, a região Centro-Oeste e Sudeste são as que apresentam as maiores disparidades salariais. Na região Centro-Oeste, o profissional que trabalha 30 horas pode ganhar entre R4 2.500,00 e R$ 7.083,07. Já na região Sudeste, o profissional concursada da mesma categoria pode ganhar entre R$ 542,42 e R$ 7.110,64.

Policiais e professores

Na região Nordeste, o salário mínimo do professor é quase três vezes menor do que a do soldado, que tem o menor salário registrado de R$ 1.550,73. Os agentes de polícia têm salários ainda maiores saláros em relação aos professores. Na região Nordeste, o valor mínimo pago a estes profissionais é de R$ 1.934,81.

Para o presidente do Consad, a disparidade entre os salários de professores e policiais mostra que a educação ainda não tem investimentos suficientes no país. Na análise dele, a disparidade salarial entre as duas categorias são as que mais se destacam na pesquisa. “O poder de pressão do policial é maior porque eles são uma categoria armada. A contradição [salarial] é gritante e precisa ser resolvida”, disse o presidente.”

(Portal G1)

Defensoria Pública convoca mais 10 concursados

A Defensoria Pública do Estado vai aumentar de 17 para 54 o número de cargos comissionados. Segundo a titular do órgão, Francilene Gomes, é necessário em razão da ampliação dos serviços.

Dentro da necessidade de reforçar o trabalho, Francilene adiantou que vai chamando mais 10 concursados aprovados no último certame. Cerca de 40 ainda continuarão aguardando convocação.

Sobre a ação da Defensoria Pública, continua lamentando: “Hoje estmaos atuando em apenas 60 municpios do Estado.” São 184 municípios no Estado.

(Foto – Paulo Moksa)

Prefeituras têm até esta sexta-feira para declarar gastos ao Portal da Transparência

“Termina hoje (27) o prazo para as prefeituras das capitais e municípios com população entre 50 mil e 100 mil habitantes declararem seus gastos na internet, no chamado Portal da Transparência, em cumprimento à Lei 131/2009. Nesse canal, o cidadão deve ter acesso, em tempo real, às informações relativas às receitas e despesas, aos programas e às execuções realizadas pelas administrações municipais.

As prefeituras que desrespeitarem a lei podem ser penalizadas. Uma das punições é o corte de transferências voluntárias como, por exemplo, convênios com a União ou o Estado.”

(Agência Brasil)

Tucanos se esquivam de CPI contra Governo Cid Gomes

270 7

“Dividida entre ser oposição ou apoiar o Governo Estadual, a bancada do PSDB na Assembleia Legislativa evita dar força à proposta de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar contratos do governo Cid Gomes (PSB). A maioria dos parlamentares tucanos desqualifica os fatos sobre os quais a proposta de CPI se fundamenta e afirma que não enxerga razão para assinar a proposta de investigação, anunciada na última sexta-feira pelo deputado estadual Heitor Férrer (PDT).

Diante do diagnóstico de má condições em alguns trechos de estradas estaduais, o deputado quer CPI para averiguar contratos para construção e recuperação de quilômetros sobre responsabilidade do governo Cid. Para a instalação da CPI 12 assinaturas são necessárias, mas apenas as de Roberto Mesquita (PV) e do próprio autor estão garantidas até o momento.

Resistência

“Não vejo necessidade de assinar a CPI, o governo tá tomando as providências”, diz Rogério Aguiar (PSDB). Um dos membros do PSDB mais opositores a Cid, Fernando Hugo (PSDB) também não assina o projeto. “Eu faço oposição com base em proposições sérias e provas justas. Não há fato de reverberação econômica, social ou cultural mexendo na paz constitucional do Estado”, explica.

Já Neném Coelho ressalta que apenas 7% das estradas estão em más condições e que Cid já lançou o programa ProEstradas, com investimento de R$ 84,5 milhões para o setor. “Não há, portanto, razão para assinar”.

José Teodoro (PSDB) diz que ainda vai analisar a questão, mas adiantou que, na sua opinião, a maioria das CPIs são pedidas como forma de fazer “oposição pela oposição”. Téo Menezes (PSDB) também ainda vai analisar o caso. Os deputados tucanos João Jaime e Moésio Loiola estão licensiados de seus mandatos.”

(O POVO)

Caravana do PSDB embarca na rota da convenção

Tendo à frente o presidente regional do PSDB, ex-deputado estadual Marcos Cals, embarcou, nesta madrugada de sexta-feira com destino à convenção nacional tucana, em Brasília, um grupo formado por cerca de 40 tucanos. Entre eles, os ex-presidentes da legenda Carlos Matos e Carlile Lavor, além de lideranças do PSDB das Mulheres e do PSDB Jovem como Kamila Castro. Vários militantes ainda seguirão ao longo deste dia.

O grupo promete ser uma das maiores caravanas no evento, que ocorrerá neste sábado em meio a uma peleja: Tasso Jereissati tem nome cotado para a presidência do do Instituto Teotõnio Vilela, mas o ex-candidato a presidente da República, José Serra, também quer ficar à frente da função.

Ser presidente do ITV, que trata dos debates e das mobilizações partidárias, atrai holofotes nacionais.

FHC e Alckmin negociam posto para Serra no PSDB

220 1

Às vésperas da convenção nacional do PSDB, neste sábado, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, foram incumbidos de negociar com o ex-governador José Serra o espaço que lhe caberá no comando da legenda.

Diante da resistência do grupo do senador Aécio Neves (PSDB-MG) a ceder a Serra a presidência do Instituto Teotônio Vilela (ITV) – cargo para o qual a bancada do Senado convidou o ex-senador Tasso Jereissati (CE) -, Fernando Henrique e Alckmin devem propor a Serra que ele assuma a presidência do Conselho Político do PSDB, que será criado para definir linhas de ação do partido daqui para a frente.”

(Globo)

TCE aprova contas 2010 do Governo Cid Gomes

158 1

“Por unanimidade e com apenas uma ressalva, o Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE) aprovou, na tarde de ontem, as contas do Governo do Estado referentes ao exercício de 2010. Durante a aprovação do parecer prévio pela Corte, quatro conselheiros votaram da mesma forma que o relator do processo, Edilberto Pontes, sendo eles totalmente favoráveis à validação da tomada de contas. Única mulher dentre os conselheiros, Soraia Victor também votou pela aprovação das contas. Porém, com ressalvas.

A conselheira argumentou que, ao votar, adotou o modo como o Tribunal de Contas da União (TCU) trata a questão das recomendações feitas pelo Ministério Público de Contas, estabelecidas no julgamento das contas de anos anteriores. Segundo ela, as orientações não estão sendo seguidas. “Nós votamos da mesma forma. Eu só estou botando luzes nessas recomendações que devem ser atendidas. Apenas isso. Não há uma diferença substancial entre os votos. Mas, no ano que vem, eu poderei cobrar com mais propriedade”, justificou.

Soraia argumentou seu voto como base no parecer do procurador-geral do Ministério Público Especial, Gleydson Antônio Pinheiro, que, dentre outros aspectos, apontou um crescimento de 10,61% das despesas com a terceirização de mão-de-obra, com relação ao exercício de 2009. “Mesmo com dois anos de parecer prévio recomendando o contrário, este número continua subindo”, afirmou o procurador ao apresentar o parecer.

Sem motivo para rejeição

Segundo o relator Edilberto Pontes, pontos negativos específicos apontados no parecer são motivo de “recomendação” para o próximo exercício, e não de rejeição das contas em questão, já que os casos isolados são julgados em separado.

Embora tenham votado sem ressalvas, os demais conselheiros solicitaram que o Governo adote as recomendações que foram apresentadas pelo procurador, que serão cobradas nos pareceres dos anos seguintes.”

(O POVO)

Ferreira Aragão sonha em ser prefeito de Fortaleza

449 16

Em conversa informal no Hotel Luzeiros com um repórter, o pedetista Ferreira Aragão afirmou ser o nome mais forte da legenda para a disputa municipal do próximo ano. 

– Tem quatro nomes fortes: Heitor Férrer, Patrícia (Saboya), André e o Ferreirão. Quem desses você acha que tem mais chance?” – indagou Aragão.

“Heitor Férrer”, respondeu o repórter.

“Não, não”, disse o pedetista.

“É a Patrícia?”, insiste o repórter.

“Nada disso. O nome forte é o Ferreirão” – afirma o candidato a candidato.

Ferreira Aragão disse ainda que ele é o nome mais popular da legenda “e quem ganha eleição é quem tem voto entre povão”, concluiu. Ele também mostrou previamente sua preocupação com as cobranças que sofre o chefe do executivo municipal.

“Ser prefeito tem suas dores de cabeça. Tudo é culpa do prefeito. Outro dia um amigo culpou o (ex) prefeito Cambraia por ter perdido a namorada. O ônibus dele tinha atrasado no encontro com a mulher e ele culpou o prefeito pelo causo que terminou no fim do namoro”, lembrou.

Bolsa-Família – Ceará recebe R$ 118 milhões

O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) transfere, neste mês de maio, aos beneficiários do Bolsa Família um total de R$ 1,4 bilhão. O pagamento de 12,9 milhões de famílias atendidas pelo programa de transferência de renda será concluído na próxima segunda-feira.  O calendário de pagamento é escalonado e organizado de acordo com o final do cartão Bolsa Família.

O desembolso começou no dia 18, com a liberação de saques para os beneficiários com cartão de final número 1, e prosseguirá até o dia 30 para aqueles com cartão de final número zero. O pagamento é efetuado por meio da Caixa Econômica Federal, responsável também por enviar os cartões aos beneficiários. O benefício financeiro pago pelo programa varia de R$ 32 a R$ 242, de acordo com o perfil de renda e a quantidade de filhos de até 17 anos.

Informações atualizadas

Os beneficiários e os gestores municipais do Programa Bolsa Família devem ficar atentos ao processo de atualização cadastral do programa em 2011, cujo prazo final é 31 de outubro, e inclui informações como mudança de endereço ou da renda mensal e aumento ou diminuição do número de pessoas na família. Os beneficiários recebem em seus extratos de pagamento o aviso da necessidade de atualizar os dados.

Neste ano, os municípios precisam atualizar os cadastros de mais de 1,3 milhão de beneficiários. A confirmação ou alteração das informações gerais dos beneficiários, introduzida pelo Decreto nº 6.135, de 2007, deve ser feita a cada dois anos. Quem estiver com os dados desatualizados há mais de dois anos e não passar pela revisão cadastral corre o risco de perder o benefício.

Desembolso de Maio/2011 para os Estados
 
UF
 Famílias
 Valor
 
AC
 58.707
 7.608.222,00
 
AL
 419.775
 48.682.413,00
 
AM
 291.250
 37.610.299,00
 
AP
 49.682
 6.560.592,00
 
BA
 1.661.888
 189.406.909,00
 
CE
 1.043.352
 118.286.057,00
 
DF
 101.909
 9.375.764,00
 
ES
 187.724
 20.422.226,00
 
GO
 328.492
 35.498.117,00
 
MA
 903.577
 109.977.633,00
 
MG
 1.131.220
 121.610.274,00
 
MS
 133.373
 14.686.977,00
 
MT
 166.412
 18.379.792,00
 
PA
 693.601
 87.753.845,00
 
PB
 474.691
 53.630.184,00
 
PE
 1.099.120
 124.384.883,00
 
PI
 439.463
 50.046.865,00
 
PR
 454.191
 47.149.706,00
 
RJ
 699.202
 77.159.218,00
 
RN
 339.516
 37.794.040,00
 
RO
 110.656
 12.856.384,00
 
RR
 45.143
 5.850.593,00
 
RS
 444.862
 48.497.654,00
 
SC
 139.517
 14.677.672,00
 
SE
 240.555
 27.884.857,00
 
SP
 1.199.584
 127.240.335,00
 
TO
 129.408
 14.736.524,00
 
Total
 12.986.870
 1.467.768.035,00 

(Site MDS)

Frente Parlamentar da Micro e Pequena Empresa realizará audiência em Fortaleza

 

A Câmara dos Deputados promoverá audiencia pública, às 10h30min da próxima segunda-feira, na Assembleia Legislativa. A iniciativa é da Frente Parlamentar Mista da Micro e Pequena Empresa, que tem articulação do deputado federal Antõnio Balhmann (PSB). O objetivo, segundo o parlamentar, é discutir questões relativas às micro e pequenas empresas.

Entre esse assuntos está o projeto de lei nº 125/2011, da deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ), que tem como objetivo permitir que esse segmento possa se ressarcir do salário-maternidade pago às suas empregadas quando do recolhimento de qualquer tributo federal. O deputado federal Antonio Balhmann é relator desse projeto de Lei. 

Para Balhmann, atual coordenador estadual da Frente Parlamentar Mista da Micro e Pequena Empresa, esse segmento do mercado é responsável pela empregabilidade de muitas mulheres em seus diversos setores. Como tal, defende que incorpore o salário-maternidade como recurso dedutível, no que, avalia, ampliará o empreendedorismo no País.

(Foto – Paulo MOksa)

MP pede explicações da Prefeitura de Fortaleza sobre alta evasão escolar

270 6
“O Ministério Público do Estado do Ceará, representado pelos promotores de Justiça do Núcleo de Defesa da Educação Elizabeth de Oliveira e Elnatan de Oliveira, convocou uma reunião, amanhã (27) às 09h, com a presença dos conselheiros tutelares de Fortaleza e dos chefes dos Distritos de Educação das Secretarias Executivas Regionais (SERs) de Fortaleza, a fim de obter esclarecimentos acerca da matrícula do alunado da rede municipal de ensino. A promotora de Justiça Elizabeth de Oliveira havia requerido da Secretaria de Educação do Município a listagem completa dos alunos matriculados na rede pública de ensino fundamental e constatou que o total de 23.404 crianças e adolescentes não tiveram suas respectivas matrículas renovadas.
Foram convocados a prestar esclarecimentos sobre este quadro tido como insatisfatório os seguintes chefes dos Distritos de Educação das SERs: Leide Lima (SER I), Maria Deusimar Rios (II), Maria do Socorro do Carmo (SER III), Ana Elizabeth Pordeus (SER IV), Francisca de Assis Viana (SER V) e Socorro Braga (SER VI). A presença de todos eles foi confirmada.
Em comparação aos anos anteriores, a representante do Ministério Público declarou que este nível de evasão escolar é alarmante. “Trata-se de um grande prejuízo à educação destes alunos, além de ser uma queda drástica no repasse do dinheiro público outros. Esta situação deve ser encaminhada ao conhecimento da gestão do Fundeb” – indignou-se a Promotora de Justiça.
Elizabeth de Oliveira disse que será cobrada a responsabilidade dos pais dos alunos e que o Conselho Tutelar será acionado para saber o que desencadeou tal fato classificado por ela como inadmissível. As famílias de todos os alunos que não renovaram as matrículas serão notificadas.”

(Site do MP-CE)

VAMOS NÓS – O que escutamos sempre da Prefeitura é de que vem investindo, garantindo transporte escolar, material escolar e fardamento. O que escutamos dos professores é que a categoria é mal paga e não tem condições de trabalho, no que acaba entrando em greve. O que escutamos de pais de alunos é que não adianta deixar o filho em escola do município porque, dentro de algum tempo, as aulas ficaram paralisadas por causa de greves. Eis um círculo nada virtuoso para ninguém.