Blog do Eliomar

Últimos posts

Tasso visita o Mercado Central

167 2

Candidatos tucanos em clima de carreata.

O senador Tasso Jereissati, candidato tucano à reeleição, cumprirá agenda em Fortaleza nesta terça-feira. Ao meio-dia e meia, ele visitará o Mercado Central, onde fará corpo a corpo eleitoral.

Já o candidato a governador pelo PSDB, Marcos Cals, ficará de molho se preparando para o debate de logo mais à noite na TV Verdes Mares, após capítulo inédito (como dizem os locutores globais) da novela “Passione”.

Movimento Crítica Radical fará campanha pelo "Não vote!"

123 1

Vem aí o “Circo eleitoral”, uma série de protestos contra a política, que vai se concentrar na Praça do Ferreira, a partir das 15 horas desta exta-feira. A iniciativa é do Movimento Crítica Radical, quque é contra o modelo político e contra o sistema produtor de mercadorias (Capitalista/Socialista), defendendo a emancipação humana.

Segundo Rosa da Fonseca, ex-vereadora de Fortaleza, o ato contará com uma tenda montada em plena praça, com bandas e músicas de protesto, depoimentos e debates. Também haverá ssátiras aos políticos e à própria política.

Já no dia 3, haverá “boca de urna” pelo “Não vote!”.

TCM empossará 60 aprovados em concurso na próxima segunda-feira

O presidente do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), Ernesto Saboya, dará posse, às 11 horas da próxima segunda-feira, no auditório da Secretaria da Fazenda, aos 60 analistas de controle externo aprovados em concurso público e que vão reforçar a estrutura de fiscalização da Corte. De acordo com distribuição definida pelo órgão, 42 serão direcionados exclusivamente para análise de contas governamentais e 18 atuarão no acompanhamento de obras públicas.

Segundo Ernesto Saboya, ainda ficarão, do total de 100 aprovados, 40 no chamado cadastro de reserva. Com isso, o presidente do TCM garante que a estrutura de fiscalização ficará “oxigenada” para os próximos anos. Já o quadro de conselheiros…

(Foto – Paulo Moska)

A partir desta 3ª feira, eleitor só pode ser preso em flagrante

199 1

“A partir desta terça-feira (28), nenhum eleitor poderá ser preso, exceto em flagrante ou em razão de condenação judicial por crime inafiançável, de acordo com a legislação eleitoral. A restrição termina na próxima terça (5) às 17h, 48 horas após a votação do primeiro turno, que se realizará no próximo domingo (3).

O Código Eleitoral em seu artigo 236 – clique aqui para ver – considera a proibição como garantia do eleitor porque “ninguém poderá impedir ou embaraçar” o exercício do voto. A lei estabelece ainda que, ocorrendo qualquer prisão de eleitor, o preso deve ser conduzido a um juiz para verificar se houve ilegalidade. Se for irregular, a prisão pode ser relaxada e quem mandou prender pode ser responsabilizado. No artigo 298, o Código Eleitoral prevê reclusão de até quatro anos para quem “prender ou deter eleitor, membro de mesa receptora, fiscal, delegado de partido ou candidato”.

Os candidatos, fiscais de partido e mesários já não podem ser presos desde o dia 18 de setembro. Neste domingo, os eleitores devem escolher seis candidatos para os seguintes cargos: deputado estadual ou distrital, deputado federal, senador (dois por estado), governador e presidente. A partir desta eleição, a lei exige que os eleitores portem dois documentos para votar: título eleitoral e documento oficial com foto (documento de identidade, identidade funcional, carteira profissional, carteira de motorista, certificado de reservista ou passaporte).”

(Portal G1)

Reta final – Cid Gomes vai à terra de Eunício nesta 5ª feira

Eunício e Cid em clima de palanque.

O governador Cid Gomes (PSB), candidato a reeleição, encerrará sua caminhada nestas eleições visitando Lavras da Mangabeira (Região do Cariri), terra do candidato a senador pelo PMDB, Eunício Oliveira, nesta quinta-feira.

Segundo a assessoria de campanha de Eunício, haverá comício com participação de várias lideranças políticas e de caravanas de municípios da região.

(Foto – Divulgação)

Bancários do Ceará podem entrar em greve

Bancários do Ceará realizam assembleia geral, a partir das 18h30min desta terça-feira, na sede sindical, para decidir se vão entrar em greve. Após cinco rodadas de negociação, os bancos não apresentaram nenhuma proposta, oferecendo apenas um reajuste de 4,29% (inflação do período), segundo a diretoria dos bancários.

A pauta de reivindicações foi entregue à Federação Nacional de Bancos no dia 10 de agosto e não houve resposta. Há indicativo de greve nacional definido pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Instituições Financeiras (Contraf).

A Fenaban alega que o índice de 11% pedido pelos bancários é inviável.

Paris Filmes e Estação da Luz fecham acordo para distribuir "As Mães de Chico Xavier"

O presidente da ONG Estação da Luz, Luís Eduardo Girão, assinará, às 10 horas desta terça-feira, na Livraria Cultura, em Fortaleza, contrato com a Paris Filmes. Pelo acordo, essa distribuidora internacional ficará responsável pela veiculação, em mais de 200 cinemas de todo o País, do filme “As Mães de Chico Xavier”, dos cineastas cearenses Gláuber Filho e Halder Gomes.

O filme, que deverá estrear nacionalmente no dia 1º de abril de 2011, conta a história de três mães que receberam cartas psicografadas pelo médium. É baseado em livro do jornalista Marcel Souto Maior.

Morre fundador do Movimento Madí

O uruguaio Carmelo Arden Quin, fundador do Madí, um dos movimentos artísticos mais importantes da América Latina, morreu nesta segunda-feira aos 97 anos em sua casa na periferia de Paris, informou sua esposa, Sofía Arden Quin. O artista plástico, nascido em 1913 em Rivera Uruguai, perto da fronteira com o Brasil, morreu de forma tranquila em sua casa em Savigny sur Orgue, informou Sofía. Arden Quin é considerado o fundador do Movimento Madí, que nasceu em 1946, em Buenos Aires.

“Sou um pintor Madí. Madí é uma postura filosófica, ética, não política. Uma de suas premissas é que o universo é geométrico, e que a obra não tem um limite estabelecido”, explicou Quin em uma entrevista à AFP em meados de abril.

“Madí nasceu com um manifesto de Arden Quin postulando, entre outras coisas, que a geometria mantém o Universo e que o formato como a forma total deve ser uma criação única. Madi aboliou o quadro, o fez parte essencial da forma da obra”, explicou.
 Um dos museus dedicados ao Movimento Madí se localiza em Sobral, no Ceará, e há projetos para a construção de outro em São Paulo.

(AFP)

DETALHE – O uruguaio Carmelo Arden Quin doou obras suas para o Museu de Sobral, segundo relata em seu Blog, nesta terça-feira, o jornalista, e sobralense, Macário Batista.

Lula reforça candidatura de Dilma nesta reta final

“A propaganda de José Serra (PSDB) deverá insistir na linha light nesta reta final, mas o comando da campanha já desenha uma “nova cara” para um eventual segundo turno. Já o programa final de Dilma Rousseff (PT) terá de novo o presidente Lula para tentar garantir a vitória já no dia 3.

Nos últimos dias de campanha, o presidente terá uma agenda intensa. Ele fará mais quatro eventos sem a candidata -dois comícios e “caminhadas silenciosas”.

Lula programou um comício amanhã em Aracaju e um na noite de quinta-feira em São Paulo -quando Dilma estará no debate da Rede Globo, considerado decisivo.”

(Folha Online)

Adísia Sá se solidariza com Cid e Ciro Gomes

121 10

 

Há uma tendência bem acentuada no ser humano: requentar. Ou, se quiserem: relembrar, recordar, retornar, aproveitar o que foi… Na cozinha a coisa funciona dependendo do que se guardou na geladeira ou mesmo no fogão: importante é não jogar comida fora. Com meu pai, por exemplo, aprendi que não podia deixar um carocinho de arroz no prato: “botou, tem que comer. E com essa lição, a mais importante: “tem gente sem nada na panela e jogar comida fora é inaceitável”.

Mas é na política que “requentar” vira arte… Mau caratismo, quase sempre, principalmente no período eleitoral. Para derrubar o concorrente ou opositor ou “inimigo”, políticos remexem o passado do “outro” em busca de algo que possa ser requentado. E no requentar trocam datas, acrescentam nomes, criam situações para que tudo tenha cor e cheiro de verdade. E espalham para que o “fato” tome ares de verdade e como tal seja considerado pelo eleitor.

Estão fazendo isto com políticos cearenses, gente que todo mundo conhece a sua trajetória e a história de suas famílias: gente de bem, honrada. Mas há quem, a despeito da cara limpa desses nossos conterrâneos, diga: “quem diria, não é?” e passe a “informação” adiante.

Como a mentira tem pernas curtas, a verdade virá à tona; não sem antes causar abalos e sofrimentos até que os “acusados” apresentem provas de inocência. Só que essas provas, essas declarações de inocência, não eliminarão o que foi lançado.

Pior: as bocas dos que espalharam as aleivosias não apagarão o que disseram tampouco os jornais e as revistas que as divulgaram darão o mesmo espaço para a defesa de suas vítimas. E tudo foi dito e escrito em nome da “liberdade de imprensa”. Neste caso é de se dizer: “cinismo absoluto”, porque liberdade de imprensa é para “eles” publicarem, não para os “outros” se defenderem.

PS.: Minha solidariedade a Ciro e Cid Ferreira Gomes.

Adísia Sá – Jornalista

adisia@secrel.com.br 

TV Verdes Mares promove debate com cinco candidatos ao Governo do Estado

A TV Verdes Mares (Canal 10) realizará nesta terça-feira, após a novela “Passione”, debate com cinco candidatos ao Governo do Ceará. Participarão os candidatos Cid Gomes (PSB), Lúcio Alcântara (PR/PPS), Marcelo Silva (PV), Marcos Cals (PSDB/DEM) e Soraya Tupinambá (PSOL). Estes candidatos são os únicos, cujos partidos elegeram, em 2006, representação para a Câmara dos Deputados.

O debate terá cinco blocos, sendo que em dois deles os candidatos estarão limitados aos temas definidos nas normas do encontro. Dois outros blocos serão de temas livres e o último é para que os participantes façam suas considerações finais.

A jornalista Cláudia Bomtempo, da Globo de Brasília, mediará o debate.

Bombril lança o candidato de mil e uma faces

Novidade na telinha. A Bombril vai lançar um comercial, nesta quarta-feira (29), no qual o ator Carlos Moreno se ínvestirá, com vestuário e tudo, como candidato a presidente da República. Ele posará de Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB), Marina Silva (PV) e Plínio de Arruda (Psol) e vai dizer, no comercial, que “pesquisas apontam: 1001% dos brasileiros preferem Bombril”. Já nas revistas semanais, o novo anúncio começou a ser veiculado no último sábado.

Datafolha/O POVO – Disputa embolada para o Senado

“A poucos dias da definição, a disputa pelas duas vagas no Senado pelo Ceará fica cada vez mais embolada. Tasso Jereissati (PSDB) oscilou quatro pontos percentuais e agora aparece com 44% na pesquisa O POVO/Datafolha. Há duas semanas, tinha 48%. Eunício Oliveira (PMDB) cresceu sete pontos e, com 41%, está tecnicamente empatado com o tucano. É a primeira vez na qual Tasso não lidera de forma isolada, em quatro rodadas de pesquisa O POVO/Datafolha. A coisa fica ainda mais embolada porque José Pimentel (PT) subiu cinco pontos e, com 36%, está tecnicamente empatado  com Eunício.

Considerando a variação máxima da margem de erro, que é de três pontos percentuais para mais ou para menos, Tasso pode ter entre 41% e 47% das intenções de voto. Eunício pode ter entre um máximo de 44% e um mínimo de 38%. E Pimentel pode ter de 33% a 39%. Por essa razão, a situação de Eunício é de empate técnico tanto com Tasso, levando em conta a possibilidade de variação para mais da margem de erro, quanto com Pimentel, na hipótese de variação negativa.

Alexandre Pereira (PPS), que nas duas últimas pesquisas aparecia com 2%, agora chegou a 4% das intenções de voto. Com 2% estão Tarcísio Leitão, Marilene Torres (Psol) e Raquel Dias (PSTU). Benedito Oliveira (PCB), Reginaldo (PSTU) e Polô (PV) têm 1%, cada.

O percentual dos que declararam voto em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos para as duas vagas de senador é de 3%. Para uma das vagas, são 7% os que pretendem anular o voto, votar em branco ou dizem não votar em nenhum.

O índice de indefinição  ainda é significativo: 35% dos eleitores pesquisados não sabem em quem votar para uma das vagas. Para as duas vagas, são 22% de votos indefinidos. A pesquisa é a primeira realizada após o início da veiculação da propaganda na qual o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o governador Cid Gomes (PSB) aparecem ao lado de Eunício e Pimentel pedindo voto para os dois candidatos.

Votos válidos

Como são dois votos para o Senado, a soma dos percentuais totaliza 200%. Nesta pesquisa, porém, pela primeira vez, o Datafolha divulgou também os percentuais de votos válidos. Este é o critério que o Tribunal Superior Eleitoral  (TSE) adota na apuração dos resultados. A base de cálculo, assim, deixa de ser o total de eleitores e passa a ser o total de votos.

Brancos, nulos e indecisos são excluídos e, nesse caso, a soma dos votos dos candidatos totaliza 100%. Nesse cálculo, não há mudança nas tendências, mas altera-se o percentual obtido pelos candidatos. Por  isso, os índices de intenções de voto são inferiores aos registrados quando se considera o total de eleitores.

Nessa forma de cálculo, Tasso tem 33% das intenções de voto. Eunício fica com 31% e Pimentel, 27%. Na hipótese de variação máxima da margem de erro, há tríplice empate técnico. Alexandre Pereira tem 3%. Os demais candidatos todos figuram com 1%, cada.

MetodologiaA pesquisa foi feita entre os dias 23 e 24 de setembro e ouviu 985 eleitores de 44 municípios cearenses. A margem de erro máxima é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O número de registro no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) é 57467/2010. No Tribunal Superior Eleitoral, a pesquisa está registrada com o número 32025/2010.”

(O POVO)

Datafolha não descarta eleição presidencial em 2º turno

“A seis dias da eleição, a candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, já não tem mais garantida a vitória em primeiro turno, revela nova pesquisa Datafolha realizada ontem em todo o país.

Segundo o levantamento, Dilma agora perde votos ou oscila negativamente em todos os estratos da população.

Nos últimos cinco dias, Dilma perdeu três pontos percentuais entre os votos válidos que decidirão o pleito. Ela recuou de 54% para 51% – e precisa de 50% mais um voto para ser eleita.

Como a margem de erro do levantamento é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, Dilma pode ter 49% dos votos válidos. Ou 53%, o que a levaria ao Planalto sem passar por um segundo turno eleitoral.

Ainda considerando os votos válidos, o candidato do PSDB à Presidência, José Serra, apenas oscilou positivamente, de 31% para 32%.

Marina Silva, do PV, também oscilou positivamente dentro da margem de erro. Passou para 16%, ante os 14% que tinha na última pesquisa, realizada entre os dias 21 e 22 de setembro.

Houve queda ou oscilação negativa para a candidata escolhida pelo presidente Lula para sucedê-lo em todos os estratos da população, nos cortes por sexo, região, renda, escolaridade e idade.

Uma das maiores baixas (queda de 5% nas intenções de voto) se deu entre os que ganham de 2 a 5 salários mínimos (entre R$ 1.020,00 e R$ 2.550,00). Cerca de 33% da população brasileira se encaixa nessa faixa de renda.

Dilma vem perdendo votos desde a segunda semana de setembro. Foi quando o escândalo envolvendo tráfico de influência na Casa Civil levou ao pedido de demissão de sua ex-principal assessora, Erenice Guerra.

De lá para cá, o total das intenções de voto em Dilma caiu de 51% para 46%. Já a soma de seus adversários subiu de 39% para 44%.

Considerando somente os votos válidos, a diferença entre Dilma e os demais candidatos despencou de 14 pontos há duas semanas para dois pontos agora.

A pesquisa mostra também que houve forte “desembarque” da candidatura Dilma entre as mulheres (queda de 47% para 42%) e entre os eleitores mais escolarizados, com curso superior.

Na simulação de segundo turno entre Dilma e Serra, a vantagem da petista também caiu. No levantamento anterior, Dilma tinha 55% das intenções de voto. Agora, tem 52%. Serra, que antes tinha 38%, agora tem 39%.”

 (Folha.com)

Datafolha/O POVO – No Ceará, Dilma tem 65% e Serra, 15%

“Os escândalos recentes envolvendo a ex-ministra da Casa Civil, Erenice Guerra, parecem não ter respingado na imagem de sua antecessora no cargo, a presidenciável Dilma Rousseff (PT), perante o eleitorado cearense. A quarta pesquisa O POVO/Datafolha sobre a corrida eleitoral ao Planalto mostra a petista com 65% das intenções de voto na consulta estimulada, mesmo percentual de duas semanas atrás. Em segundo lugar, José Serra (PSDB) oscilou dois pontos para mais, chegando a 15%. Marina Silva (PV) vem em seguida, com os mesmos 8% de antes.

Apesar da pouca oscilação, Serra melhorou seu desempenho entre alguns segmentos, como entre os eleitores de 45 a 59 anos (de 14% para 25%), com ensino superior completo (de 16% para 24%) e de maior poder aquisitivo (de 19% para 24%). No interior, ele foi de 12% para 16%.

Plínio de Arruda Sampaio (Psol), Levi Fidelix (PRTB) e Ivan Pinheiro (PCB) foram citados, mas não atingiram 1%. José Maria Eymael (PSDC), Rui Costa Pimenta (PCO) e José Maria (PSTU) não foram citados. Nulos e brancos somam 3%. Os indecisos passaram de 12% a 9%.

Na espontânea, quando os entrevistados não têm acesso ao nome dos candidatos, Dilma aparece com 52%, um ponto a mais do que antes. Serra vai de 9% para 12% e Marina, de 5% para 6%. Já em caso de segundo turno entre Dilma e Serra, ela teria 71%, mesmo percentual anterior. Serra oscilou de 19% a 22%. Brancos e nulos passaram de 4% a 3% e os indecisos, de 7% a 4%.

A margem de erro é de 3 pontos para mais ou menos. Foram entrevistados 985 eleitores de 44 municípios nos dias 23 e 24. A pesquisa foi registrada no TRE (nº 57467/10) e no TSE ( 32025/10).”

(O POVO)

Presidente do TCU esclarece sobre compra de poltronas giratórias

Em contato telefônico com este Blog, o presidente do Tribunal de Contas da União, ministro UbiratanAguiar, esclareceu sobre a compra de poltronas giratórias. Essa compra resultou num empenho (reservou em orçamento) de R$ 998 mil para a compra de exatamente mil unidades sendo 974 por R$ 989,00 e 26 por R$ 1,3 mil cada.

Seguno Ubiratan, a compra, divulgada pelo site “Contas Abertas” e aqui reproduzida, atendeu a uma recomendação do setor de Medicina do Trabalho do TCU em razão de muitos casos de doenças repetitivas registradas entre servidores (ortopédicas). Ele adiantou que a compra é para atender todas as unidades do TCU instaladas em 27 Estados.

Ubiratan aproveitou para informar que desembarcará em Fortaleza na quinta-feira à noite para reuniões de trabalho na área do TCU e, também, como cidadão, votar.

TRE de Tocantins derruba liminar que censurava a imprensa

“Por quatro votos a dois, o Pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO) derrubou a liminar que impedia a imprensa de publicar matérias sobre as investigações do Ministério Publico Estadual de São Paulo sobre fraudes em licitações, com suposto envolvimento do governador e candidato a reeleição, Carlos Gaguim (PMDB). Segundo o Tribunal, o juiz eleitoral Liberato Póvoa, que concedeu a liminar que censurava a imprensa, foi quem solicitou a sessão.

O presidente do TRE-TO, desembargador Moura Filho, e mais três dos seis juízes votaram para que a liminar fosse revogada. Somente dois juízes votaram a favor. Para Moura, a liminar é “inconstitucional” e a corte agiu corretamente. “Votei pelo restabelecimento da liberdade de imprensa e para desfazer esse mal entendido. Não quero comentar, mas a liminar realmente queria amordaçar a imprensa. Eu não teria dado esta decisão”, declarou o presidente.

Com a queda da liminar, conforme o Tribunal, o pedido da Coligação Força do Povo de Gaguim e o mandado de segurança do procurador regional eleitoral auxiliar, Álvaro Lotufo Manzano, perdem o objetivo e serão cancelados.”

(Portal terra)

TJ do Ceará na lista do CNJ para receber doação de computadores

“O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) investiu, nos últimos três anos, R$ 106 milhões em tecnologia da informação em diversos tribunais do país. A maior parte dos recursos, 90%, foi destinado aos tribunais estaduais para modernizar e aperfeiçoar o Judiciário e proporcionar mais agilidade à tramitação dos processos. Esses recursos foram utilizados para aquisição de equipamentos de informática (computadores, scanners, impressoras), licenças e programas necessários para a modernização dos sistemas e atende à Resolução 90 do CNJ, que determina o nivelamento das áreas de Tecnologia da Informação (TI), no âmbito do Poder Judiciário, e a elaboração de um planejamento específico para a área de TI dos tribunais estaduais. “Estamos buscando maior rapidez e eficiência do Poder Judiciário, além de maior automação da Justiça”, explicou o juiz Marivaldo Dantas, auxiliar da presidência.

Para fornecer os equipamentos, o CNJ criou um Comitê Gestor de Sistemas Informatizados (CGTI) integrado por juízes auxiliares e servidores das áreas administrativas e de tecnologia da informação, que se reuniu com representantes dos departamentos de informática e orçamento dos tribunais para discutir o assunto. Os equipamentos foram repassados aos tribunais estaduais pelo CNJ mediante convênio. Segundo o juiz Marivaldo Dantas é função do CNJ prover o Judiciário de recursos tecnológicos dando maior automação à justiça. Segundo ele, o ideal é garantir um computador por servidor. Para a distribuição dos equipamentos, o CNJ teve como base a análise de respostas fornecidas pelos tribunais ao questionário aplicado em fevereiro e março pelo CNJ que definiu as prioridades de aquisição e doação de equipamentos para este ano, abrangendo principalmente computadores servidores e unidades de armazenamento de dados (“storages”), bem como procurou identificar a necessidade dos tribunais de acordo com o porte de cada um, e com critérios técnicos objetivos, visando proporcionar um nivelamento mínimo entre todos.

Doze dos tribunais estão na lista de prioridade para recebimento de “storages”. São os Tribunais de Justiça do Acre, Amapá, Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Santa Catarina e Tocantins. A política de doação de equipamentos e licenciamento de programas de informática aos tribunais vem sendo adotada pelo CNJ desde 2007, mas em 2009, com a aprovação da Resolução 90, o CNJ estabeleceu parâmetros claros para definir as prioridades e destinar os recursos e o apoio técnico necessários aos tribunais com maior índice de carência, visando ao nivelamento tecnológico. Como resultado desse trabalho está sendo possível ampliar a implantação do processo eletrônico, melhorar a qualidade do serviço prestado pelo Poder Judiciário e estender o acesso do cidadão à Justiça.”

(Site do CNJ)