Blog do Eliomar

Últimos posts

Alunos do Interior já podem solicitar a carteira estudantil

Os alunos cearenses que estudam fora de sua cidade já podem solicitar as novas carteiras estudantis para ter o direito ao pagamento de meia passagem nos transportes coletivos intermunicipais e metropolitanos. A informação foi divulgada nesta quinta-feira pela Comissão Gestora da Meia Passagem Estudantil (Cogempe), coordenada pela Secretaria da Infraestrutura do Estado (Seinfra).

As entidades estudantis credenciadas e conveniadas para receberas solicitações do documento para o ano letivo de 2011. foram autorizadas a iniciar o processo. Tem direito ao benefício os estudantes regulamente matriculados em escolas públicas ou privadas no Ensino Fundamental, Médio, Superior ou Tecnológico que residam em outro município da mesma macrorregião. As atuais carteiras são válidas até 30 de maio de 2011 e devem atendr a mais de 13 mil estudantes já foram beneficiados nos últimos quatro anos. 

SERVIÇO 

Documentação exigida –  uma foto tamanho 3×4, cópia do RG, do comprovante de endereço e do recibo de taxa a ser paga mediante depósito bancário no valor de R$ 18,00.

ENTIDADES CREDENCIADAS

Associação dos Estudantes de Fortaleza (Asesf)
 Rua Pedro Borges, 75, sala 502, Fortaleza.
 (85) 3091.2215
 
União dos Estudantes de Pacatuba (UESP)
 Rua XXI, n.º 2, setor H, Conjunto Jereissati II, Pacatuba
 (85) 8708.1408
 
Centro Estudantal Maranguapense (CEM)
 Rua João Bezerra, 525, Maranguape
 (85)8729.4287/8801.2788/

3571.8224/8804.7887
 
Associação dos Estudantes do Ceará (Asesc)
 Rua Pedro Borges, 75, sala 501, Fortaleza
 (85) 3094.4747/3094.4455
 
União Estudantil da Juventude (UEJ)
 Rua do Seminário, n.º 479, Juazeiro do Norte
 (88) 8805.1223
 
Associação Metropolitana dos Estudantes (AME)
 Rua Joaci Sampaio Pontes, n.º 1753, sala 71, Caucaia
 (85) 3342.1927/8859.6976

DETALHE – O processo de emissão do documento pode ser acompanhado mediante o site do Departamento Estadual de Trânsito (www.detran.ce.gov.br).

Punição para militares da ditadura

365 7

Com o título “Los hermanos argentinos”, eis artigo do jornalista Messias Pontes faz uma pregação para que no Brasil haja também punição de militares e abertura de documentos da época da ditadura. Confira:

O imperialismo, em especial o norte-americano, é intrinsecamente mau. Historicamente vive a pregar a cizânia em todo o mundo, se alimentando dos conflitos e fomentando a guerra onde pode e acha conveniente aos seus interesses. Quem manda nos Estados é a indústria bélica. Por isso quando não podem invadir um país, corrompem lideranças políticas, militares e judiciárias.

O exemplo mais recente foi o golpe de Estado em Honduras com a conivência do judiciário e de setores do legislativo daquele país centro-americano, quando os militares golpistas seqüestraram o presidente Manuel Zelaya na madrugada de 28 de junho de 2009 e o deportaram ainda de pijama. Tudo maquinado por Washington. Os colonistas e demais jornalistas amestrados defenderam o golpe e condenaram a corajosa posição assumida pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva que condenou e denunciou o golpe, e não reconheceu o novo governo eleito num processo fraudulento.

De há muito o imperialismo prega a competição entre nós e nossos hermanos argentinos e tenta nos levar a acreditar que o nosso vizinho é o pior dos inimigos, e que é no “irmão” do Norte que devemos buscar apoio para enfraquecer nosso vizinho.

Esse quadro começou a mudar com a chegada do ex-metalúrgico Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República em 1º de janeiro de 2003. Forjado na luta sindical, Lula sabia muito bem quem eram seus amigos e os adversários e inimigos. Com essa percepção, tratou de fortalecer os laços com os países sul-americanos, notadamente com los hermanos argentinos. A única rivalidade admitida é no campo dos esportes, principalmente no futebol. Aí é “gostoso” ganhar dos nossos vizinhos.

Para felicidade nossa e de nossos vizinhos, a ex-ministra Dilma Rousseff derrotou o candidato da direita, o tucano José Serra, que já havia se comprometido com o imperialismo a detonar o MERCOSUL, voltando a se alinhar automaticamente ao Estados Unidos como fizeram os militares golpistas e principalmente o Coisa Ruim (FHC) nos seus desgovernos. A submissão era tamanha que ele nada fazia sem antes consultar o presidente Bill Clinton, e assistiu calado ao seu ministro das Relações Exteriores, Celso Lafer, tirar os sapatos em diversos aeroportos estadunidenses.
Em sua primeira viagem internacional, a presidenta Dilma Rousseff fez questão de priorizar a Argentina, também governada por uma valorosa mulher – Cristina Kirchner. Nossa Presidenta poderia ter ido primeiro a Washington, até porque recebeu convite do presidente Barack Obama.

Mas preferiu seguir a correta política de integração regional do ex-presidente Lula.
E para satisfação dos democratas dos dois países, Dilma fez questão de se encontrar com as mães e avós da Plaza de Mayo, cujos filhos e netos foram assassinados ou desapareceram durante a sangrenta ditadura militar naquele país. Com isso, ela explicitou o seu desejo de aprofundar o debate em torno das violações aos direitos humanos durante a ditadura militar.

É oportuno lembrar que os argentinos fizeram o seu dever de casa no tocante à apuração e punição dos violadores dos direitos humanos. O ex-ditador, general Jorge Videla, responsável pela prisão ilegal, tortura e morte de milhares de resistentes à feroz ditadura, foi condenado à prisão perpétua. Outros militares e civis acusados de violação aos direitos humanos, igualmente foram punidos.

No encontro com as avós e mães da Plaza de Mayo, Dilma Rousseff ouviu pedidos para que o Brasil também punisse os criminosos fardados ou não que cometeram monstruosos crimes, inclusive desaparecendo com os corpos das vítimas e escondendo os documentos oficiais do período. Ainda hoje 144 famílias esperam receber o corpo de seus ente queridos para dar-lhes uma sepultura digna. Aliás, o Brasil já foi punido pela Corte Interamericana de Direitos Humanos por não ter punido os torturadores e assassinos fardados.

Os democratas brasileiros esperam que a presidenta Dilma obrigue os militares a entregarem os documentos pertencentes ao Estado e digam onde enterraram os corpos daqueles que foram mortos sobre tortura. Ela deve tudo fazer para que a Comissão da Verdade seja instalada. Para tanto conta com o apoio da esmagadora maioria dos brasileiros e até mesmo de considerável número de jovens oficiais do Exército aglutinados no grupo denominado Capitanismo.

Outras viagens da presidenta Dilma serão realizadas ao país vizinho e na agenda bilateral está a maior integração, principalmente do setor automotivo e da cadeia do petróleo, além da sempre oportuna defesa dos direitos humanos. Há ainda um possível acordo para vendas conjuntas em terceiros mercados. Essa amizade com los hermanos argentinos deve não só ser mantida, mas principalmente fortalecida.

Messias Pontes,

Jornalista e ex-preso político.

Governo quer cortar recursos do PAC 2 obras sem comprometer discurso oficial

146 1

“O governo trabalha numa fórmula que lhe permita reduzir os investimentos na segunda fase do PAC 2 sem que isso comprometa o discurso de Dilma Rousseff – em mais de uma ocasião, a presidente afirmou taxativamente que os recursos do programa escapariam do contingenciamento orçamentário a ser anunciado neste mês pela equipe econômica.

Uma das manobras em estudo no Planalto é o atraso deliberado no cronograma de obras pontuais. Com isso, o governo faria caixa durante alguns meses, contribuindo para o esforço fiscal necessário ao cumprimento da meta de superavit primário de 3,1% do PIB.”

 (Folha Online)

Associação de Criadores de Tilápia de Orós ganha fábrica de gelo

429 2

A Associação de Produtores do Sítio Jurema, situada em Orós (Vale Jaguaribano), ganhou importante reforço para a atividade da piscicultura: uma fábrica de gelo conquistada pela Prefeitura Municipal de Orós por meio de um edital do Ministério da Pesca e Aquicultura, que agraciou oito municípios nordestinos.

A instalação da fábrica de gelo no sítio Jurema é para atender à produção local e dos sítios Jardim, Pereiro dos Pedros, Brejinho, Montante e Saco. A fábrica possui capacidade para três mil quilos de gelo por dia, que serão utilizados para o escoamento da produção de peixes.

O município de Orós conta com 22 grupos de criação de tilápia em tanque e rede, com produção mensal de 150 toneladas, maior que a do Açude Castanhão. A atividade beneficiando diretamente mais de 370 famílias.

Semace discute reflorestamento da Serra da Aratanha

200 1

Enquanto não sai a “fumacinha branca” de quem ficará à frente da Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace), a rotina dali continua. Nesta sexta-feira, às 9 horas, técnicos do órgãqo vão se reunirá em Maranguape (Região Metropolitana de Fortaleza), com representantes da Prefeitura Municipal, escolas públicas locais, associações e comunidade. O objeetvio é traçar o calendário de atividades ecológicas a serem desenvolvidas no decorrer deste ano na Área de Proteção Ambiental (APA) da Serra da Aratanha, gerenciada pela autarquia. O encontro ocorrerá na Secretaria Municipal de Infraestrutura, Desenvolvimento Agrário e Meio Ambiente.

Segundo Joenir Dantas, gerente da APA da Serra da Aratanha, a Semace tem como objetivo neste ano fomentar o “reflorestamento das matas ciliares na região”. Em data ainda a ser definida, a Semace se reunirá com representantes do município de Pacatuba, onde, também, há regiões pertencentes à APA formada por uma área de 6.448,29 hectares. Em toda sua extensão, pode-se encontrar locais remanescente de Mata Atlântica.

DETALHE – Lúcia Teixeira era a titular da Semace, mas discordou de projeto oriundo do Governo do Estado que flexibilizava a liberação de licenças ambientais.

Dilma quer baixar o preço dos remédios para diabetes e hipertensão

124 1

“Governo e representantes da indústria farmacêutica se reúnem hoje para discutir como baixar o preço dos remédios para hipertensão e diabetes dados à população nas farmácias populares. Dilma Rousseff vai comandar a reunião.

O governo quer descontos de mais de 50% nos preços. Argumenta que o preço menor será compensado pelo aumento no volume. A indústria vai ouvir, mas reagirá reclamando dos impostos sobre o setor.”

(Veja Online)

Professor Pinheiro se licencia da Secult e assume mandato

156 6

Atualização (14h39min) – O professor Francisco Pinheiro (PT) surpreendeu, na manhã desta quinta-feira, 3. Ele compareceu à Assembleia Legislativa e tomou posse como deputado estadual.

Pinheiro pediu licença da Secretaria da Cultura, que fica sob a responsabilidade da adjunta, Maninha Morais, para aguardar decisão final da Justiça Eleitoral.

Em conversa com O POVO Online, o deputado Neto Nunes (PMDB), informou que ele continua no exercício do seu mandato. Anteriormente, o Blog do Eliomar havia informado que Roberto Pinheiro derrubou liminar que garantiu posse a Neto Nunes.

Ainda segundo Nunes, os suplentes da coligação de seu partido assumiram nesta manhã, após uma reunião da mesa diretora, que definiu quem seriam os suplentes da coligação composta pelo PRB, PT, PSB e PMDB.

Tomaram posse ainda como deputados estaduais no lugar de titulares que ocupam secretarias na gestão cidista os suplentes Daniel Oliveira (PMDB), na vaga de Ivo Gomes; Antônio Carlos (PT), que vira líder do Governo, na vaga de Nelson Martins; o Professor Teodoro (PSDB), na vaga de Gony Arruda; e Inês Arruda (PMDB), no lugar de Mauro Filho.

Torre Iguatemi – Justiça mantém decisão que suspende referendo popular

237 4

“A 4ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Ceará (TJCE) manteve a decisão da 7ª Vara da Fazenda Pública que havia determinado a suspensão de quaisquer efeitos do projeto do decreto legislativo nº 26/2007, da Câmara Municipal de Fortaleza. Com a medida, a construção do empreendimento Iguatemi Empresarial, localizado próximo às margens do Rio Cocó, não será submetido à referendo popular, para ratificar ou não as licenças concedidas, conforme pretendia o Município de Fortaleza.

“As obras foram precedidas das necessárias licenças administrativas, prévia e de instalação, estas à rubrica da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Controle Urbano (Semam), do Coordenador da Coordenadoria de Fiscalização e Controle Urbano (Cofis) e do Técnico da equipe de Licenciamento Ambiental, bem como do alvará de construção”, afirmou a desembargadora Vera Lúcia Correia Lima, durante sessão nesta quarta-feira (02/02), ao apresentar o seu voto.

Conforme os autos, no dia 19 de maio de 2007, a empresa Jereissati Centros Comerciais S.A. ajuizou ação cautelar inominada contra o Município de Fortaleza. Ela requereu medida liminar para impedir que o município veiculasse inserções publicitárias de qualquer natureza, referente à convocação de um referendo. O objetivo era consultar a população sobre a autorização administrativa concedida para a construção do empreendimento Iguatemi Empresarial.

A empresa alegou que tinha licenças prévias e de instalação, dadas pelo município para a construção do referido empreendimento, inclusive, tinha o alvará de construção. Narrou também que uma ação na 5ª Vara da Justiça Federal no Estado do Ceará decidiu, depois de realizada a perícia, que “foi firmada com a devida precisão técnica a real largura do Rio Cocó na área de influência da obra, afastando qualquer dano ao meio ambiente”.

Apesar disso, a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins publicou nota publicitária informando que provocou a Câmara Municipal de Fortaleza no sentido de discutir a realização do referendo popular para ratificar ou não as licenças concedidas para a construção da citada edificação.

Em 8 de junho de 2007, o juiz da 7ª Vara da Fazenda Pública, Carlos Augusto Gomes Correia, concedeu liminar e determinou que “sejam sustados quaisquer efeitos do projeto de decreto legislativo nº 26/2007, em caso de aprovação na Câmara Municipal de Fortaleza, até ulterior deliberação deste juízo, no que se refere à convocação de referendo”.

Inconformado, o ente público interpôs agravo de instrumento (16951-86.2007.8.06.0000/0) no TJCE, requerendo a reforma da liminar. O município argumentou que “está diante de decisão susceptível de causar real e imediato prejuízo e lesão grave e de difícil reparação à ordem pública municipal”.

Sobre o argumento, a desembargadora Vera Lúcia destacou que “inexistem nos autos elementos bastantes para se inferir que da referida obra resultar-se-á grave lesão à ordem pública e ao meio ambiente”. Com esse entendimento, a 4ª Câmara Cível negou, por maioria de votos, provimento ao agravo e manteve a decisão do magistrado.”

(Site do TJ-CE)

Biografia de parlamentares tem até "piadas fantárdigas"

144 1

“A biografia oficial dos novos deputados federais, disponível no site da Câmara, ganhou itens pouco comuns no cadastro parlamentar. O perfil do deputado Tiririca (PR-SP) cita como única obra publicada pelo palhaço o livro “As piadas fantárdigas do Tiririca” — com a ressalva de que o parlamentar foi co-autor da obra. O jogador de futebol e deputado federal Danrlei (PTB-RS) também destacou seu único livro publicado até o momento: “Danrlei: uma lenda gremista”.

Outro deputado famoso, Romário (PSB-RJ) inovou no campo “condecorações”. As comendas e títulos de cidadão honorário, comuns no perfil de parlamentares mais experientes, deram lugar aos títulos obtidos pelo baixinho em 1994: “tetra campeão do mundo de futebol” e “melhor jogador do mundo”. Todas essas informações são repassadas por assessores dos parlamentares a partir de um formulário padrão elaborado pela Câmara.

Os deputados mais novos e com menor experiência política foram os mais sucintos no preenchimento dos dados biográficos. Com 21 anos, idade mínima exigida para assumir o mandato, o deputado federal Hugo Motta (PMDB-PB) destacou, além da filiação partidária, apenas sua formação acadêmica: “medicina (incompleto)”.

Outro jovem deputado, o filho do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), Renan Filho (PMDB-AL), lembra não só sua atuação política à frente da Prefeitura de Murici como também os anos de estudo na UnB (Universidade de Brasília). No campo “atividades sindicais, representativas de classe e associativas.”

(Folha.com)

Dilma quer executivo do Banco Safra comandando a Infraero

186 1

“O governo federal já decidiu quem deseja colocar no comando da Infraero: o presidente do Banco Safra, Rossano Maranhão. Dilma Rousseff quer anunciar o futuro titular da empresa em março e sacramentar a criação da Secretaria de Aviação Civil, órgão com status de ministério que subordinará não só a Infraero como também a Anac (Agência Nacional de Aviação Civil).

Ex-presidente do Banco do Brasil em parte do governo anterior, Maranhão já recusou, no passado, um convite de Lula para comandar a estatal que administra o setor aeroportuário.

Em 2007, na crise aérea, ele havia sido chamado pelo ministro da Defesa, Nelson Jobim, mas recusou a oferta.

A assessoria de Dilma já fez um diagnóstico dos problemas do setor. Avalia que quase a metade dos aeroportos brasileiros precisa de grandes reformas. Além de reestruturar completamente a companhia, ela ordenou uma troca de quase toda a diretoria da empresa.

Segundo a Folha apurou, a presidente também já sabe quem será o futuro ministro da Aviação Civil. Só não os nomeou ainda porque ambos estariam se desvencilhando de assuntos particulares e profissionais para ingressar nas novas funções.

A ideia é fazer um anúncio conjunto desses dois nomes. Dilma quer reestruturar completamente a companhia. Na campanha eleitoral, prometeu diversas vezes abrir o capital da Infraero.

Sua principal preocupação é preparar os aeroportos do país para a Copa do Mundo de 2014 e a Olimpíada de 2016, no Rio de Janeiro.”

(Folha Online)

DETALHE- Por aqui, quem comanda a Infraero é o petista Welington Santos. Com a meta de tocar o projeto de ampliação do Aeroporto Internacional Pinto Martins de olho na Copa 2014.

Um jornalista em "Percursos Urbanos"

134 1

A partir das postagens em seu Blog, na seção Fortaleza, terra de ninguém, Plínio Bortoloti, companheiro de jornal e do POVO Online, foi convidado pelo ONG Mediação de Saberes a ser o mediador do projeto Percursos Urbanos, neste sábado. O programa será percorrer alguns locais que foram mencionados nos posts. Veja aqui.

O projeto

O projeto Percursos Urbanos é organizado pela ONG Mediação de Saberes. Funciona da seguinte maneira: os participantes se encontrem; o mediador faz uma introdução do assunto e, depois, todos embarcam em um ônibus para visitar os pontos relacionados ao tema.

O tema de sábado, no convite da Mediação de Saberes

«A seção “Fortaleza, terra de ninguém” começou por acaso no Blog do Plínio; afinal, esse espaço on line nasceu para falar de comunicação e um pouco de política. No entanto, algumas jornadas a pé provocaram em seu criador a percepção do forte contraste entre a beleza das manhãs de Fortaleza e o descaso que via por onde pisava. Um primeiro post despretensioso foi o suficiente para que ele percebesse que o assunto toca – e incomoda – muita gente. Sigamos, então, o percurso que se revela nas postagens.»

Mais

Mediador – Plínio Bortolotti.
Participantes – Interessados em geral, mediante inscrição prévia, na recepção do CCBN (já estão abertas).
Telefone: (85) 3464  3108.
Dia: 5/2/2011 (sábado).
Horário: das 15h às 18h30min.
Ponto de saída: Centro Cultural Banco do Nordeste. Rua Floriano Peixoto, 941 – Centro.

Segurança nos condomínios é reprovada

“Era manhã de uma quinta-feira ensolarada. Um carro popular se posiciona em frente ao condomínio e o porteiro libera a passagem. Não precisa nem buzinar, basta esperar alguns segundos para ter acesso. O veículo poderia seguir adiante, mas o motorista decide dar a ré e estacionar do lado de fora. O porteiro acompanha tudo e, para sua surpresa, não se trata de um condômino. É a equipe de reportagem do O POVO fazendo um teste e constatando como é fácil ter acesso aos prédios da Capital. Afinal, poderia ser qualquer um no volante, bem intencionado ou não.

Durante um dia, eu e a fotógrafa Iana Soares percorremos em um Fiat Uno, modelo antigo, os bairros de Fátima, Benfica, Aldeota, Joaquim Távora, Meireles e Jacarecanga. O objetivo era avaliar o grau de dificuldade no acesso às garagens dos condomínios residenciais, de diferentes classes sociais. Em todas as seis tentativas, os portões se abriram. A fragilidade no controle veicular dos prédios foi visível e as justificativas dos porteiros foram bem variadas.

No Benfica, o condomínio escolhido possui duas entradas para veículos, em ruas diferentes. Bastou encostar o carro na frente de um dos portões para ele se abrir. Segundo o próprio porteiro, o prédio é comumente usado por estranhos que querem cortar caminho e fugir do congestionamento. “Acaba sendo difícil reconhecer todos os veículos do prédio. Tem gente que está sempre trocando de carro e não avisa. A gente quer manter a ordem, mas é difícil”, reconhece. O ideal seria que cada prédio tivesse uma lista com o número da placa, modelo e cor dos carros dos condôminos. “Não sei se tem essa lista. Vai só na experiência mesmo”, completa.

No bairro de Fátima, a placa indicando o acesso exclusivo de veículos do condomínio é ignorada há anos. Mesmo assim, segundo o porteiro, nunca foi registrado assalto. O carro da reportagem estava se aproximando quando o portão começou a abrir. “Já virou mania deixar qualquer carro entrar. Quando a gente barra, sempre leva reclamação dos próprios moradores. O condomínio tem muito espaço para estacionar e acaba sempre entrando um ou outro”, comenta o porteiro.

Mais adiante, no Joaquim Távora, dois leves toques na buzina fizeram o porteiro atender ao sinal. “Pensei que fosse uma moradora. Ela se parece com você e saiu de manhã cedo”, tenta justificar o engano. Na Aldeota, foi o acúmulo de tarefas que deixou o porteiro mais relaxado com a entrada de veículos. “Eu sou sempre tão atencioso… Não acredito que não passei nesse teste. É porque estava de cabeça baixa varrendo a calçada”, diz envergonhado.

Prédio de luxo

No Meireles, o luxuoso prédio de vidros espelhados e muro alto também revela sua deficiência. Na dúvida se o carro parado na entrada era ou não de um morador, o porteiro optou por abrir o portão. “Estou nos primeiros dias de trabalho. Até estranhei o carro, mas como insistiu, acabei liberando”, diz o recém-contratado, que não passou por nenhum treinamento antes de assumir o cargo.  

No último teste, não houve dificuldade em conseguir acesso ao condomínio de poucas vagas de estacionamento. Diante da rua sempre movimentada no Jacarecanga, o porteiro se apressa em liberar a entrada para evitar o congestionamento. “Tinha um carro atrás do seu que era do condomínio. Por isso liberei”, despista.

O POVO tentou contato com o Sindicato dos Porteiros do Ceará, mas não obteve retorno até o fechamento desta edição.

(O POVO)

Envolvidos em escândalos são favoritos para a CCJ

“Apontadas como as mais importantes da Câmara e do Senado, as Comissões de Constituição e Justiça (CCJs) de ambas as Casas podem ser comandadas por parlamentares cujos nomes foram citados em escândalos recentes de corrupção.

Para a CCJ da Câmara, o PT ainda não bateu o martelo, mas o mais cotado é o deputado João Paulo Cunha (SP). Ele é um dos réus do esquema do mensalão por corrupção passiva, peculato e lavagem de dinheiro, no processo que está em análise no Supremo Tribunal Federal (STF).

No Senado, o PMDB escolheu Eunício Oliveira (CE), que teve seu nome e o de uma de suas empresas citados no inquérito da Operação Caixa de Pandora, da Polícia Federal.

A PF suspeita que uma empresa do senador teria se beneficiado do esquema que desviou dinheiro público e distribuiu propinas no Distrito Federal, no escândalo do mensalão do DEM.”

(Estadão)

Três presos por favorecimento à prostituição e estupro de vulnerável

A Polícia prendeu nesta quarta-feira (2), em Banabuiú, dois homens e uma mulher por favorecimento à prostituição e estupro de vulnerável.

Segundo a ocorrência registrada no município de Quixadá, uma agricultora de 21 anos teria aliciado uma adolescente de 12 anos, para que mantivesse relações sexuais com um paraense de 21 anos e um cearense de 26 anos.

De acordo com a lei, todo menor de 14 anos será sempre considerado vítima, em casos de relacionamentos sexuais, mesmo que haja consentimento.

Prefeitura apresentará para imprensa como estão as obras do "Novo PV"

157 2

O secretário dos Esportes de Fortaleza, Evaldo Lima, vai apresentar para a imprensa, a partir das 9 horas desta quinta-feira, o andamento das obras de reforma do estádio Presidente Vargas. Com ele, estarão também o coordenador de projetos especiais do Município, Geraldo Acioli, e Estêvão Romcy, o secretário executivo da Regional IV.

Na ocasião, será apresentado um vídeo sobre o início das obras e sua evolução.

Bom lembrar que o torcedor, principalmente, aguarda a conclusão da reforma do “PV”. O projeto deveria ter ficado pronto em agosto do ano passado. A previsão agora é de que até maio esteja prontinho.

Caso Panamericano – Servidores do Estado do Ceará em clima de apreensão

168 1

“A falência e a venda do Banco Panamericano, que pertencia ao empresário e dono do SBT, Sílvio Santos, mexeram com a vida de quase 20 mil servidores do Estado, que pagam seguro de vida em grupo nesse banco desde o Governo Virgílio Távora.

Eles temem que se repita o caso do Banco Santos. Quebrado, deixou servidores da Prefeitura de Fortaleza na mão, depois de operações mal sucedidas realizadas por gestores do Instituto de Previdência do Município (Era Juraci Magalhães).

O que se sabe a respeito desse episódio é que o IPM conseguiu – dos R$ 30 milhões que ficaram retidos, recuperar cerca de R$ 15 milhões. A metade, portanto.”

(Coluna Vertical, do O POVO)

Defasagem escolar ainda é alta no País

“De acordo com levantamento do Movimento Todos pela Educação, 23 a cada cem alunos do ensino fundamental estão atrasados nos estudos. No ensino médio, a situação é ainda pior: 34 a cada cem sofrem defasagem ao longo da vida escolar.

Os dados são do Inep e se referem a 2009. Entre os estados da Região Sudeste, o Rio apresenta os maiores índices de defasagem: no ensino fundamental, a taxa é de 28,4%, contra 21,5% do Espírito Santo, 20,2% de Minas Gerais, e 8,3% de São Paulo.

No ensino médio, a situação no Rio é ainda mais alarmante: 45,9% dos jovens não estão na série adequada à sua idade. No Espírito Santo, o índice é de 21,5%, em Minas, de 27,5%, e em São Paulo, de 17,3%.

No Norte e Nordeste, o atraso é maior em comparação com as outras regiões do país. O Piauí tem o pior desempenho. No ensino fundamental do estado, 33,4% estão atrasados. Já no ensino médio, a taxa chega a 54,8%.

O melhor resultado no Brasil é de Santa Catarina, com apenas 15% e 16,7% de alunos com defasagem nos ensinos fundamental e médio, respectivamente.”

(O Globo)