Blog do Eliomar

Últimos posts

Hospital de Messejana vai fazer arraiá pé-de-serra

Tudo pronto para o Arraiá do Doutor Studart”. Vai ocorrer, a partir das 17 horas, no Hospital de Messejana Doutor Carlos Alberto Studart Gomes, reunindo servidores, pacientes de doenças cardíacas e pulmonares e seus acompanhantes.

No programa, forró pé-de-serra, apresentação da quadrilha dos servidores do HM, escolha da “Rainha do milho” e do casal com melhor roupa típica.

A expectativa é de cerca de mil participantes, num clima de verdadeira quermesse.

BID vai liberar US$ 1 bi para subsedes da Copa 2014. Ceará já fez a pedida

“O Ministério do Turismo negocia com o BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) a criação de uma linha de crédito específica para as 12 cidades-sedes da Copa de 2014. A pasta pede ao banco que disponibilize US$ 1 bilhão (cerca de R$ 1,95 bi) para serem aplicados pelas capitais em obras de infraestrutura turística voltadas para o Mundial.

Até o fim do mês, as sedes de 2014, que já devem receber verba do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) da Copa, saberão se vão ser contempladas com essa ajuda financeira adicional do banco.

Atualmente, o ministério já possui um convênio de US$ 1 bilhão com o BID para o Prodetur (Programa de Desenvolvimento do Turismo). Segundo esse programa, somente Estados e cidades com mais de um milhão de habitantes podem solicitar o empréstimo para aplicar em projetos turísticos. Ceará, Pernambuco, Rio (Estado e capital) e Goiânia já solicitaram a linha de crédito atual.”

(Folha Online)

Lula terá encontro com Sarney nesta 6ª feira

“O presidente Luiz Inácio Lula da Silva confirmou para a Globo News que vai se reunir, nesta sexta-feira, com o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Na noite passada, ele e a bancada petista conversaram por mais de quatro horas, mas não conseguiram chegar a um consenso sobre o apoio ao peemedebista.

Alguns parlamentares defenderam o afastamento temporário de Sarney, mas a maioria quer evitar uma desavença com o PMDB às vésperas da campanha para a sucessão presidencial. Sarney é acusado de nepotismo e de envolvimento em irregularidades, incluindo o escândalo dos atos secretos na Casa, que foram utilizados para contratar servidores, autorizar a nomeação de parentes de senadores e o pagamento de horas extras.

Além disso, o neto dele, José Adriano Cordeiro Sarney, é suspeito de fazer parte de um esquema irregular de crédito consignado pelo Senado e estaria sendo investigado pela Polícia Federal.”

(Globo News e Portal Terra)

Ipea diz que construção civil será o 1º setor a dar adeus à crise

“O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) acredita que a construção civil deverá ser o primeiro a se recuperar dos efeitos da crise econômica entre os setores que compõem a formação bruta de capital fixo (FBCF) no Brasil.

“As razões para isso estão no estímulo a ser gerado por uma série de medidas do governo, como a introdução de novas linhas de financiamento imobiliário; a isenção de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) sobre os produtos ligados ao setor; o programa para a construção de casas para a população de baixa renda; e os investimentos no âmbito do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento)”, diz a Carta de Conjuntura, divulgada nesta quinta-feira (2) pelo Instituto.

Para o Ipea, a queda da FBCF no primeiro trimestre foi o principal destaque negativo do lado da demanda no resultado do Produto Interno Bruto (PIB) do primeiro trimestre.O Instituto lembrou que, tanto na comparação com igual período de 2008, quando a queda foi de 14%, quanto na série dessazonalizada, em que o recuo foi de 12,6%, a formação bruta de capital fixo apresentou o pior resultado da série iniciada em 1996.

“O tombo dos investimentos refletiu o fraco desempenho tanto do consumo aparente de máquinas e equipamentos (Came), quanto da construção civil.Enquanto o Came caiu 18,1% no primeiro trimestre, infuenciado pela queda da produção e da importação de bens de capital, o setor da construção civil também sofreu forte recuo, registrando variação de -10,3%”, diz a Carta de Conjuntura.”

(Site do Ipea)

Sarney omite casa de R$ 4 milhões da Justiça Eleitoral

“O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), ocultou da Justiça Eleitoral a propriedade da casa avaliada em R$ 4 milhões onde mora, na Península dos Ministros, área mais nobre do Lago Sul de Brasília. De acordo com documentos de cartório, o parlamentar comprou a casa do banqueiro Joseph Safra em 1997 por meio de um contrato de gaveta.

Em nenhuma das duas eleições disputadas por ele depois da compra – 1998 e 2006 – o imóvel foi incluído nas declarações de bens apresentadas à Justiça Eleitoral. Sobre a ausência da casa nas declarações registradas na Justiça Eleitoral, a assessoria de Sarney informou ao Estado, por escrito, que ocorreu um “erro do técnico que providencia a documentação do presidente Sarney junto aos órgãos competentes”.

Afirmou ainda que o imóvel consta das “declarações anuais de Imposto de Renda do presidente, entregues também ao TCU com frequência anual”. Dois documentos do próprio senador, arquivados no Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE-AP), deixam dúvidas sobre a declaração da casa à Receita Federal.

Num dos documentos, apresentado na campanha de 2006, Sarney listou seus bens, mas sem nenhuma referência à casa de R$ 4 milhões em Brasília.”

(Agência Estado)

Cid reinaugura a biblioteca da Uece

O governadfor Cid Gomes (PSB) inaugura às 10 horas desta sexta-feira a nova Biblioteca da Univesidade Estadual do Ceará (Uece). Isso, após demorada reforma. A solenidade contará com a presença do secretário da Ciência e Tecnologia do Estado, René Barreira, e claro, do reitor Assis Araripe.

Com a reforma, a biblioteca da Uece ganhou não somente melhores condições físicas, mas um acervo reforçado. Agora com 62 mil livros e publicações.

VAMOS NÓS – Será que o governador vai aproveitar o ato para anunciar alguma decisão sobre o cumprimento do piso salarial dos professores das universidades estaduais, o que foi determinado pelo Tribunal Regional do Tranbalho – 7ª Região?

Senador do PSol debaterá trabalho escravo na Câmara

O senador José Nery (PSol-PA) participará, a partir das 9 horas desta sexta-feira, na Câmara Municipal de Fortaleza, de audiência pública sobre trabalho escravo. Ele é o presidente da subcomissão especial do Senado que trata do assunto.

José Nery é convidado do vereador João Alfredo (PSol) e faz parte também de um grupo de senadores que quer o afastamento de José Sarney da presidência do Senado. O parlamentar, inclusive, tenta uma CPI para apurar os atos secretos baixados por ex-diretores do Senado e possíveis implicações de parlamentares.

Ibope – Alckmin é favorito em SP; Ciro é o terceiro

“Pesquisa Ibope a que o Estado teve acesso indica que o tucano Geraldo Alckmin poderia vencer no primeiro turno se a eleição para o governo de São Paulo fosse hoje. Em outros cenários, com Aloysio Nunes Ferreira como candidato da situação, quem lidera é Paulo Maluf (PP), isoladamente ou em situação de empate técnico com Marta Suplicy (PT).

Ciro Gomes, do PSB, aparece em terceiro ou quarto lugar, a depender da lista de candidatos apresentada aos entrevistados.

Nos sete cenários pesquisados, o Ibope avaliou até o potencial do prefeito da capital, Gilberto Kassab, como eventual candidato da aliança PSDB-DEM à sucessão do governador José Serra. Sem tucanos na disputa, Kassab assume a ponta. O prefeito, porém, tem negado a intenção de se candidatar.

As intenções de voto em Alckmin variam de 42% a 51% – seu porcentual supera ou iguala a soma dos índices dos adversários. Aloysio Nunes Ferreira, chefe da Casa Civil do governo José Serra e também apontado como pré-candidato do PSDB, oscila entre 3% e 4% nos cenários pesquisados pelo Ibope. ”

(Agência Estado)

CNJ fará mutirão e radiografia do sistema carcério do Ceará

Dois membros do Conselho Nacional de Justiça estão em Fortaleza mantendo contatos com o Tribunal de Justiça do Estado. O objetivo é fechar e acertar todos os detalhes para a realização no Ceará do “Mutirão Carcerário”, marcada para 13 poróximo.

Trata-se de uma ação que o CNJ vem desenvolvendo no País com o objetivo de reduzir demandas relacionadas a processos de presos. Quer o órgão dar fim a muitos casos em que há condenados que deveriam ter sido postos em liberdade, mas que por causas da burocracia, permanecem nas grades.

Esse “Mutirão Carcerário” já foi realizado nos estados do Amazonas, Espírito Santo, Maranhão e Rio Grande do Norte e que objetiva reduzir demandas relacionada a processos de presos. 

Os juizes federais Marcelo Meireles e Erivaldo Santos, que desembarcaram nas últimas horas na Capital cearense, realizarão também uma espécie de raio X do sistema carcério cearense.

Prefeitura abre inscrições para Pré-vestibular

A Secretaria Municipal de Educação (SME) abrirá matrículas para o curso Pré-Vestibular Popular de Fortaleza (Popfor). Isso, no período de 6 a 10 dest mês, no Instituto Municipal de Pesquisas, Administração e Recursos Humanos (Imparh)

Para se inscrever, o candidato deve apresentar cópias da carteira de identidade, do comprovante de endereço, do certificado de conclusão do nível médio ou declaração do colégio em que está cursando o 3º ano e duas fotos 3X4.

No total são ofertadas 920 vagas, distribuídas entre cinco escolas da Capital. As aulas, que se prolongarão até o mês de dezembro, acontecem no horário noturno. Durante o cursinho os alunos recebem apostila e fardamento.

SERVIÇO

– Informações nos telefones 3105.1543/ 3105.1541. 

– Imparh – Avenida João Pessoa, 5609, Damas.

Governo vai entrar na Justiça contra Metrofor

“A polêmica decisão do consórcio construtor do metrô de Fortaleza em suspender as obras do empreendimento causou reação imediata no Governo do Estado. Depois de uma reunião com o ministro das Cidades, Márcio Fortes, na sede do Tribunal de Contas da União (TCU) em Fortaleza, o governador Cid Gomes anunciou que o Governo vai entrar na Justiça, ainda hoje, pedindo a retomada imediata das obras, paradas há dois dias.

“A paralisação da obra implica em quebra de acordo, o que abre a prerrogativa de que nós possamos quebrar o contrato, caso as obras não sejam reiniciadas. Entendemos que essa decisão foi tomada de forma unilateral e injustificada”, afirmou Cid, fazendo referência ao argumento apresentado pelo consórcio, que justificou a paralisação alegando um prejuízo acumulado de R$ 20 milhões, causado pela retenção de 71,23% das verbas previstas. Durante fiscalização que averiguou as aplicações de recursos utilizados no metrô, em 2006, o TCU encontrou indícios de superfaturamento, na execução de alguns de serviços, na ordem de R$ 65 milhões, que, por cautela, determinou a retenção de parte dos recursos.

“Minha preocupação é com o andamento das obras. Por isso vim a Fortaleza para cobrar agilidade do TCU na conclusão do parecer para saber se houve ou não irregularidades. Foi passado que em até 60 dias o TCU irá emitir sentença sobre o assunto”, declarou Márcio Fortes, ministro das Cidades. Mesmo com a retenção de recursos, ele avalia que não há motivos para interrupção das obras. “Garanto que não falta dinheiro. Esperamos pelo bom senso das construtoras”, disse Fortes.

“Acabamos de liberar R$ 44 milhões para as obras e estamos só aguardando a informação do reinício das obras para que nós possamos liberar mais R$ 56 milhões para as construtoras. Essa verba já está pronta e garantida”, reforçou Elionaldo Magalhães, presidente da Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU).

O consórcio construtor do metrô de Fortaleza informou, por meio da assessoria de imprensa, que não irá se pronunciar sobre as declarações do ministro e do governador Cid Gomes até serem notificados das decisões. Procurado pela imprensa, o presidente da Companhia Cearense de Transportes Metropolitanos (Metrofor), Rômulo Fortes, preferiu não dar entrevistas ontem.”

(O POVO)

Agaciel faz novas denúncias

“O ex-diretor do Senado Agaciel Maia prestou depoimento nesta quinta-feira à Polícia Legislativa, o que pode aumentar a tensão na instituição. Em quase quatro horas de interrogatório, Agaciel se defendeu das acusações e, numa demonstração de que não está disposto a cair sozinho, fez novas denúncias de irregularidades no Senado.

O ex-diretor de Recursos Humanos do Senado João Carlos Zoghbi deverá ser indiciado por concussão (extorsão ou peculato cometido por empregado público) pela Polícia Federal, que investiga denúncias de irregularidades nos contratos de crédito consignado do Senado. Zoghbi, segundo denúncias, recebeu mais de R$ 2,3 milhões de comissão do Banco Cruzeiro do Sul que operou no mercado de crédito consignado. Ele teria aberto três empresas no nome de uma babá da família para intermediar as operações.

A partir das novas denúncias de Agaciel – não tornadas públicas – a polícia deverá decidir se abre ou novos inquéritos.”

(O Globo)

Funeral de Michael Jackson será na 3ª feira

mickel

“O funeral de Michael Jackson acontecerá na próxima terça-feira (7), às 10 horas locais, no ginásio Staples Center, em Los Angeles, confirmou hoje à Agência Efe a empresa que presta assessoria à família Jackson.

A companhia Sunshine, Sachs & Associates informou ainda que acontecerá nesta sexta uma entrevista coletiva nesse mesmo local para anunciar detalhes sobre o serviço funerário do Rei do Pop.

Um comunicado assinado por Ken Sunshine, advogado da família, explica que 11 mil entradas serão distribuídas ao público geral de forma gratuita, enquanto o resto dos bilhetes, também gratuitos, poderão ser adquiridos mediante um registro eletrônico.

O Staples Center, ginásio da equipe de basquete Los Angeles Lakers da NBA, tem capacidade aproximada de 20 mil espectadores.

Em entrevista coletiva, Randy Phillips, presidente-executivo da AEG Live, companhia proprietária do ginásio, disse que a intenção da família Jackson é organizar o funeral no Staples Center, que recebeu os ensaios de Michael para a série de 50 shows que aconteceria a partir de julho em Londres.”

(Folha Online)

Assembleia muda Constituição para atender ao Tribunal de Justiça

“A Assembleia Legislativa aprovou ontem uma Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que altera o capítulo da Constituição do Estado correspondente ao Poder Judiciário, derrubando entraves para a proposta de alteração da estrutura do Código de Divisão e Organização Judiciária do Estado do Ceará.

A PEC, que integra a atualização constitucional iniciada em abril de 2007, foi rapidamente aprovada pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJ) e logo levada à plenário para ser votada e aprovada.

O líder do Governo na Casa e relator da atualização constitucional, Nelson Martins (PT), reconheceu que o texto constitucional foi “adequado” à mensagem do Tribunal.

O petista negou, no entanto, que a votação da PEC tivesse relação com a mensagem do TJ, que chegou há duas semanas à Assembleia e ainda aguarda para ser votada. “A gente já vinha preparando a mudança há muito tempo”, justificou. Em 19 de dezembro do ano passado foi aprovado, sob regime de urgência, o primeiro capítulo da atualização constitucional, referente às atribuições do Legislativo.

Entre as “adequações” aprovadas ontem está a mudança no número e na nomenclatura de entrâncias na estrutura judiciária cearense. Ao mesmo tempo degrau na carreira de um Juiz, entrância é também a classificação das comarcas – quanto maior for a entrância, maior sua importância política e também o número de processos.

No texto emitido pelo TJ à Assembleia, o Tribunal modifica e reduz as atuais 1ª, 2ª e 3ª entrâncias e entrância especial em entrâncias inicial, intermediária e final. Com isso, a diferença salarial de uma a outra – que era de 10% – passa a ser de 5%. “Um juiz de entrância final, por exemplo, passa a ganhar apenas 5% a menos que um desembargador”, exemplifica Nelson.

A Constituição Estadual ainda previa as quatro entrâncias. A solução, então foi atualizar o texto. Segundo Nelson, essas são prerrogativas da Lei de Organização Judiciária.

O deputado Heitor Férrer (PDT), que observou a inconstitucionalidade da matéria do Judiciário – até a mudança ocorrida na Constituição do Estado – reclamou ainda da pressa na votação da PEC. “Uma matéria desta natureza deveria ser entregue pelo menos oito dias antes para que pudéssemos ler com calma. Me senti surpreendido”, reclamou ele.

Mudanças
A Constituição estadual deixou de prevê ainda o número de desembargadores, modificou critérios para o ingresso da carreira jurídica e questões administrativas.
Outra mudança na Constituição foi conceder foro privilegiado aos comandantes gerais da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros – mesmo privilégio de vice-governador, deputados estaduais, membros do Ministério Público e prefeitos.

“Fizemos apenas uma adaptação da Constituição Federal”, justificou Nelson, alegando que a CF estabelece o mesmo tratamento para comandantes da Marinha, do Exército e da Aeronáutica. Outra mudança é a atualização do Conselho de Justiça Estadual, alvo de uma Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) no Supremo Tribunal Federal (STF). ”

(Jornal O POVO)

Funcionários ganham da Câmara, mas não trabalham

“Eles estão lotados na Câmara Municipal de Fortaleza, recebem salários que variam de R$ 1,5 mil a R$ 2,8 mil, mas ninguém ainda os viu trabalhando nas dependências da Casa. Tratam-se dos 17 funcionários nomeados pelo presidente da Câmara, Salmito Filho (PT), em 2 de janeiro, um dia após a eleição que o conduziu para o comando do Legislativo.

Esses 17 funcionários, segundo a edição do Diário Oficial publicada no dia 16 de março, estão distribuídos em nove comissões: comissão de concessão de títulos honoríficos; comissão permanente de registro cadastral, avaliação e controle de licitações; comissão de recebimento de compras e serviços; comissão de acompanhamento e organização de atividades do legislativo; comissão de auditoria contábil e financeira; comissão de assessor técnico-parlamentar; comissão de assessor técnico do Instituto de Pesquisa Américo Barreira; comissão setorial; além da comissão de controle e distribuição de vale-transporte. Essas comissões não foram criadas na gestão de Salmito na presidência da Câmara. Elas existem desde 1999.

Nos últimos três dias, O POVO visitou todos os departamentos da Câmara, à procura tanto das comissões como dos seus respectivos integrantes. Em vão: ninguém tinha conhecimento nem das comissões e muito menos das pessoas que, em tese, deveriam estar desempenhando atividades legislativas. O número de funcionários lotados nessas comissões, inclusive, é superior a 17, já que Salmito manteve muitos membros antigos das comissões.

Na procura por essas pessoas, a reação dos funcionários abordados era sempre de surpresa: “Nunca ouvi falar dessa pessoa” ou “Essa comissão existe?” foram as respostas mais comuns. Comprovação da produtividade das pessoas alocadas nas comissões também não foram encontradas.

No Cerimonial, lugar onde funcionários afirmaram que poderia funcionar a comissão de concessão de títulos honoríficos, a responsável pelo setor, Alessandra Aragão, afirmou que ela “não existe e nunca existiu”. Na comissão de licitação, onde, em tese, deveriam funcionar as comissões de registro cadastral, avaliação e controle de licitações, e, também, a de recebimento de compras e serviços, os funcionários, procurados pelo O POVO, ficaram perguntando uns aos outros se conheciam as pessoas mencionadas.

O presidente da comissão, Júlio Aguiar, afirmou que as tais comissões, se existirem, funcionam de forma independente. O presidente justifica que a sala da comissão de licitação é muito pequena. Além do mais, muitos funcionários desempenhariam funções externas, ficando assim difícil conhecê-los.

Apenas no papel
Em um dos departamentos, um funcionário, que pediu para não ser identificado, afirmou que as comissões “não funcionam” e seus funcionários “não pisam na Câmara”. Demonstrando indignação, ele disse que os membros das comissões existem “apenas do papel”.

Tampouco o responsável pelo departamento de recursos humanos, Ubiratan Andrade, soube informar sobre esses funcionários. Como os demais, ele afirmou que, “particularmente”, não conhecia as pessoas citadas. Também informou que todos os cargos que compõem as nove comissões são ligados à presidência da Casa. “É o presidente Salmito que tem o controle”.

Ontem, depois de três dias de buscas, O POVO conseguiu conversar com um membro de um dos colegiados: o presidente da comissão de controle e distribuição de vale-transporte. Aderson Braga, que também trabalha na diretoria-geral. Ele informou que a comissão possui três membros e se reúne duas vezes por semana. No entanto, apenas ele e o advogado exerceriam funções específicas. O outro membro, Edson Ferreira, só seria consultado “em último caso”. Questionado se os presidentes das comissões costumam se reunir, Aderson respondeu: “Deveriam se reunir”. Indagado se ao menos os conhecia, ele confessou: “Não os conheço. Eu estaria sendo desonesto se dissesse que conheço”. 

(Jornal O POVO)

Policial do Raio é morto com tiro na cabeça

“Um policial militar da grupo das Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas (Raio) foi morto ontem durante perseguição a um suspeito no bairro Ellery. Francisco Cristiano Silva dos Santos, 36, fazia a motopatrulha da área com outros três policiais, quando foi baleado na cabeça, ao fazer uma abordagem. O crime foi cometido por Charles da Silva Góes Forte, 19, que ainda trocou tiros com os outros policiais do grupo e também morreu. Esse foi o primeiro caso de PM morto em atividade este ano.

F. Silva, como era conhecido o policial morto, seguia na frente do grupo, que incluía outras duas motocicletas, quando avistou Charles em uma bicicleta. De acordo com os colegas, o suspeito foi perseguido por algumas ruas. O policial emparelhou a motocicleta com o suspeito, que teria disparado duas vezes, atingindo F. Silva na cabeça. A moto em que ele estava acabou se chocando contra o criminoso, que caiu. Uma viatura do Raio prestava apoio e tentou socorrer o policial, mas ele morreu a caminho do Instituto Dr. José Frota (IJF).

Os policiais que participavam da ação contaram que, mesmo após ser baleado, o acusado levantou e tentou dar mais um tiro no policial caído. Charles foi morto com sete tiros, que atingiram o pescoço, o tórax e o abdome. O tiroteio aconteceu por volta das 19h30min da noite.

O corpo de Charles foi resgatado pelo Instituto Médico Legal (IML) e encaminhado para a delegacia do 7º Distrito Policial, onde foi feita a ocorrência. O Raio foi criado há cinco anos e conta com 13 equipes, que se revezam em dois grupos. Eles fazem rondas em áreas consideradas críticas da cidade. ”

(O POVO)

Dirceu: Se Sarney sair, que 37 senadores renunciem

dirceuu

“O ex-ministro José Dirceu continua com o discurso afinado com Lula. Após criticar o PT por dificultar alianças estaduais (o Planato espera que o partido se “sacrifique” em nome do projeto Dilma), o ex-ministro endossou a cruzada pró-Sarney encampada pelo presidente da República.

Em seu Blog, o petista diz que a pressão pela renúncia de Sarney é jogo político da Oposição, que intuiria assumir o controle da casa para desestabilizar o Governo. Ele provoca os insugestes do Senado e diz ao menos metade dos integrantes daquele poder também deveriam renunciar aos seus cargos.

“Como tenho dito e repetido a pressão pela renúncia do presidente do Senado é um jogo político da oposição. Se fosse assim, a Mesa toda teria que renunciar,  começando pelos 37 senadores beneficiados por atos secretos, além de outros benefícios escabrosos como o de Artur Virgílio, que até empréstimo ilegal e não declarado fez com Agaciel Maia.

A maioria dos senadores teria que responder no Conselho de Ética por cumplicidade, omissão e conivência quando não participação direta e beneficiários de tudo que veio a público nas últimas semanas”, afirma Dirceu.”

Médicos da Prefeitura voltam a ameaçar greve

Médicos do município estão revoltados com a Prefeitura de Fortaleza. Segundo o presidente do Sindicato dos Médicos do Ceará, José Maria Pontes, a categoria recebeu contracheques do mês nesta quinta-feira sem o aumento de 5% acordado com a prefeitura.

O reajuste faz parte do PCCs de 2007 que garantia o percentual de 15% dividido em três parcelas e com desmbolso em maio.  Houve casos de redução de valores, conforme Pontes.

“Nós vamos mandar o Departamento Jurídico do sindicato avaliar o caso e, se ficar comprovado o erro, temo por nova greve dos médicos”, alertou para o Blog o líder sindical.