Blog do Eliomar

Últimos posts

STF decide na quinta-feira se solta Cacciola

“Se na quarta-feira a sessão plenária do STF (Supremo Tribunal Federal) deve ser tomada pela discussão da ação que questiona a Lei de Anistia, na quinta, como já é tradição, os ministros se voltam a matérias penais. Nesta semana devem ser julgados dois casos rumorosos: o pedido de libertação do ex-banqueiro Salvatore Cacciola e a possível abertura de ação penal contra o senador Mão Santa (PMDB-PI).

Leia mais:
Supremo nega mais um pedido de liberdade de Salvatore Cacciola
Cacciola tem pena de 13 anos mantida pela Justiça Federal
Senador Mão Santa é denunciado por contratação irregular de funcionários

No hábeas corpus levado ao Supremo, os advogados de Cacciola pedem a liberdade do ex-banqueiro, condenado em primeira e segunda instâncias por gestão fraudulenta do Banco Marka e por corrupção de servidor público (do Banco Central), que teriam causado um rombo de mais de R$ 1 bilhão.

Cacciola está preso em Bangu 8, no Rio de Janeiro, desde julho de 2008, quando foi extraditado do principado de Mônaco para o Brasil. Ele havia fugido para a Itália em 2000 -após uma liminar concedida pelo ministro Marco  Aurélio Mello- onde ficou protegido por sua dupla cidadania. Como tinha um mandado de prisão na Interpol, o ex-banqueiro foi preso em Mônaco, onde foi passar férias.

Como o processo ainda está em fase de apelação, Cacciola pede o direito de recorrer em liberdade da pena de 13 anos de prisão e multa. O pedido de HC é baseado no princípio da presunção da inocência até que a sentença transite em julgado (não exista mais possibilidade de recursos).

Apesar do histórico de fuga, a defesa do ex-banqueiro sustenta que ele preenche os requisitos para aguardar o final do processo em liberdade. Se for solto, não comprometerá a ordem pública e econômica, a instrução criminal e a aplicação da lei penal. A defesa sustenta que Cacciola teria avisado à Justiça que se mudaria para a Itália, mas 15 dias depois ele foi decretado revel no processo. O STF cassou a decisão de soltá-lo.

(Última Instância)

IJF-Centro passa por nova pane de energia

Mais uma pane de energia elétrica foi registrada nessa noite de sábado no Instituto Doutor José Frota (Centro), a maior emergência do Estado, e o sufoco se instalou na unidade.

Durante os reparos que são feitos na casa de força em razão de incêndio ali registrado na última semana, houve problemas nas conexões de fios, segundo o secretário municipal da Saúde, Alex Mont’Alverne.

Pacientes graves que chegavam ao IJF foram transferidos para outras unidades e nenhuma cirurgia foi feita.

Nesta manhã de domingo, o quadro já está se normalizando e, de acordo com o secretário, as cirurgias voltam a ser realizar.

Sobre a normalização total do hospital, ele disse que a equipe de manutenção promete para até o fim deste domingo.

Ex-governador apoia as reeleições de Cid Gomes e de Tasso Jereissati

adauto

“Apoio a reeleição do Cid”, afirmou para este Blog o ex-governador do Ceará, Adauto Bezerra. Ele destaca o governador como “competente e hábil politicamente” e garante que, com Cid, o Ceará continua seguindo rota de continuidade de grandes empreendimentos de infraestrutura.

De quebra, Adauto, indagado sobre em que votará para o Senado, avisou: “Voto também no Tasso.” Quanto ao outro nome, disse que vai aguardar a definição do cenário político.

DETALHE – Em 1986, foi Tasso Jereissati quem, com o discurso de mudanças e combate à pobreza, deu fim ao ciclo dos chamados coronéis (Adauto, César Cals e Virgílio Távora).

Por amor a Cid, tucanos e petistas são aliados no Ceará

Eis mais um artigo do publicitário Ricardo Alcãntara. Neste domingo, ele apregoa que, na prática, no Ceará, o PSDB e o PT já são parceiros há muito tempo. Embora que com discursos de críticas e troca de farpas. Confira:

Alguma dúvida? Salvo as aparências – aliás, nada convincentes – o PT já é um aliado do “companheiro” Tasso Jereissati e seu partido no concerto de forças que apoiam o governo do estado. O perfil da coalizão é clássico.
 
PT E PSDB participam do mesmo modo da base de apoio ao governo: ocupam cargos de confiança e garantem a ele confortável maioria parlamentar para aprovação de suas iniciativas. Que nome tem isso? Chamem como quiser.
 
Se a tudo que os petistas dão voto, os tucanos também apoiam e, por sua vez, nada do que os tucanos defendem encontra resistência na bancada petista, salvem-me da ignorância, onde está, afinal, a diferença?
 
As tensões existentes – “bode fedido” é apenas uma metáfora para “rival no oportunismo”, decorrem apenas de uma disputa por hegemonia: ambos lutam para atrair o governo para estratégias eleitorais que os beneficiem.
 
Logo, se fizer valer o que deliberou em encontro recente a executiva do partido para as eleições deste ano, o PT não ratificará um veto à aliança com os tucanos. Terá rompido, isto sim, uma composição, de fato, já estabelecida.
 
Se subirá ou não no mesmo palanque com Tasso não é o mais importante, como Luizianne Lins finge acreditar. Isso aí faz parte do show, irrelevante como um adereço nesse baile de máscaras. Ela sabe: isso é  quase nada.
 
Se o PSDB der apoio, mesmo informal, a reeleição de Cid Gomes (PSB) e ocupar espaços no poder em 2011, nada terá mudado: petistas vestirão o já roto manto de moças virgens e os tucanos farão o que sabem – mandar.
 
Com o quadro nacional – PSDB e PT sustentam as candidaturas presidenciais mais fortes, as tensões tendem a se agravar. Veremos até onde irá o apetite dos petistas para se fingir de morto nesse jogo de aparências.

UVA – Antônio Colaço emplaca novo mandato como reitor

O governador Cid Gomes (PSB) assinou ato nomeando o professor Antônio Colaço como reitor da UVA. Colaço foi assim reconduzido, tendo como vice a professora Maria Palmira, sobrinha do deputado estadual José Theodoro (PSDB).

A UVA está ganhando novos cursos, mas seria bom se tivesse também mais concurso público para professor e servidores. Está precisando, dizem muitos dessa comunidade universitária.

Rio tem 223 mortos vítimas das chuvas

“O Estado do Rio de Janeiro já tem 223 mortos vítimas das chuvas recentes, informou neste sábado o Corpo de Bombeiros, que ainda busca corpos de cerca de 200 pessoas soterradas, em meio a críticas à omissão das autoridades à construção de favelas em áreas de risco.

Os socorristas prosseguem com o trabalho de resgate no Morro do Bumba, em Niterói, onde ocorreu o pior dos deslizamentos.

No local já foram resgatados mais de 30 corpos, enquanto se aguarda notícias sobre outras 200 pessoas, que poderia estar sob toneladas de lama e escombros.

Neste sábado pela manhã, sob um sol reluzente, os trabalhos de resgate prosseguiam em Niterói, a cidade fluminense mais afetada pela tragédia, com 141 mortos até o momento. A capital do Estado registra 63 mortos.

Os moradores querem, agora, explicações das autoridades sobre um fenômeno que se arrasta há décadas: a construção de habitações precárias em áreas de risco, permitida pelos governos, e considerada a principal causa da tragédia em Niterói.

A favela do Morro do Bumba cresceu sobre um velho depósito de lixo, compactado pelo tempo, sem maiores cuidados.

O geólogo Marcelo Motta, que participou de um estudo técnico sobre as causas do deslizamento, explicou à rede de televisão Globo News que “duas fissuras no terreno estiveram na origem” do problema.

As fissuras na estrutura da montanha onde foi depositado o lixo desencadearam um movimento em massa, empurrando os resíduos, já encharcados d’água, liberando, também, gás metano.

“O material sobre o qual foram construídas as casas é pouco sólido, deslocando-se facilmente”, destacou o geólogo.

O governador do Estado, Sérgio Cabral, culpou na sexta-feira toda a sociedade por tragédias como a de Niterói.

“Fui criticado quando quis construir muros em algumas favelas para evitar que se expandissem. Os demagogos nos criticaram. E a demagogia mata”, defendeu-se.

Na cidade do Rio de Janeiro, o prefeito Eduardo Paes assinou um decreto que autoriza a remoção à força de moradores que insistirem em permanecer em casas construídas em áreas de risco.

Agora, a ameaça paira sobre outro morro vizinho ao Bumba, também ocupado por uma favela: o Morro do Céu.

O lugar, que inicialmente funcionava como fazenda, começou a ser utilizado como depósito de lixo em 1983. É lar de centenas de pessoas que se mostram temerosas de que ocorra uma nova tragédia.

Lucia Pedrosa, uma moradora do local, contou à AFP que há alguns anos a prefeitura de Niterói afirmou que desalojaria os ocupantes, indenizando-os, mas isso não ocorreu. “Vieram avaliar. Apresentamos todos os documentos que possuíamos … mas até agora nada”, desabafou.”

(Agência Estado)

Estranha no ninho – No voo dos tucanos, a prefeita Luizianne Lins

luizianneli

A dirigente petista corrigiu a agenda de Dilma.

O vôo da TAM JJ3072, que decolou do Aeroporto Internacional JK, em Brasília, às 20h25min deste sábado, que aterrissará perto das 23 horas em Fortaleza, foi tomado pelos tucanos cearenses que foram conferir o lançamento da pré-candidatura do ex-governador de São Paulo, José Serra, à presidência da República. Quando muitos deles já estavam acomodados em suas poltronas, eis que surgiu pelo corredor a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (que trocou o seu modelito tradicional red por uma calça preta e uma camisa bege) com cara de poucos amigos e sem falar com ninguém. Ela tinha lugar marcado ao lado do jornalista Denísio Pinheiro, assessor do senador Tasso Jereissati.

No mesmo vôo, só que bastante aplaudido, o prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, que viaja ao lado do radialista Paulo Oliveira (AM 810). Eles também conferiram a festa pró-Serra.
 
Ainda nesse voo muitos tucanos como os prefeitos de Guaiúba, Pacajus, Mombaça, Horizonte, Canindé e Acopiara; Almino Menezes, Carlos Matos, Deuzinho Filho (presidente da UVC), vereadores Marcelo Mendes e Ageu Costa; empresário Assis Vieira, Carlile Lavôr, Marcos Penaforte (presidente estadual da legenda tucana no Ceará), deputado federal Raimundo Gomes de Matos e o deputado estadual Tomás Figueiredo Filho e os ex-deputados estaduais Tânia Gurgel e Francini Guedes.
 
O evento do PSDB em Brasília, que reuniu mais de 4 mil pessoas, teve como ponto alto no discurso de Serra a união entre as regiões do país. A área da saúde, da qual uma grande parcela da população depende do serviço público, também fez parte da fala do presidenciável tucano, que promete mais ações, lembrando que foi o seu partido responsável pela criação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e da Agência Nacional de Saúde, além da implantação dos genéricos e da regulamentação dos planos de saúde.
 
DETALHE: Após o evento do PSDB e atendendo a um convite do senador Tasso Jereissati, os tucanos cearenses participaram de almoço de confraternização em churrascaria de Brasília.

DETALHE 2 – Luizianne, na condição de presidente regional d PT, esteve em Brasília resolvendo o caso do cancela e remarca agenda de Dilma Roussef ao Ceará, onde Juazeiro do Norte ficou fora do programa. Dilma virá segunda-feira, como divulgamos em post, anterior. Mas com agenda só em Fortaleza.

Dilma participará de ciclo de debates do Grupo O POVO de Comunicação

O Grupo O POVO de Comunicação inicia, neste mês, um ciclo de encontros para receber os principais pré-candidatos  à presidência da República. O objetivo é ouvir as propostas e idéias e um pouco do que pensam sobre a conjuntura nacional.

Dilma Roussef, a pré-candidata do PT, abrirá esse ciclo de debates. Ela aceitou convite do O POVO e, no Hotel Gran Marquise, na próxima terça-feira, dará palestra para grupo de convidados.

DETALHE – O pré-candidato tucano José Serra já aceitou o convite para participar do próximo encontro. Falta apenas definir a data.

Mais de 15,1 milhões foram vacinados, diz Ministério da Saúde

“O Ministério da Saúde informa que, até as 12 horas deste sábado (10), mais de 15,1 milhões de pessoas foram vacinadas contra a nova gripe. A campanha de imunização começou em 8 de março. Neste sábado, o governo promove o chamado “Dia D” da vacinação. O objetivo é mobilizar gestantes, pessoas com doenças crônicas, crianças de seis meses a menos de 2 anos e jovens de 20 a 29 anos. Trinta e seis mil postos de saúde devem permanecer abertos.

O “Dia D” de vacinação contra a gripe para os idosos deve ocorrer em 24 de abril. A partir desta data, até 7 de maio, será realizada a Campanha Nacional de Vacinação do Idoso contra a gripe comum. Quem tiver doença crônica também deve ser vacinado contra a gripe pandêmica.

Ainda de acordo com o Ministério da Saúde, do início do ano até 3 de abril, 361 pessoas foram internadas com doença respiratória grave no país. Desse total, 56,2% dos pacientes eram da Região Norte. No mesmo período, foram confirmados 50 óbitos, sendo 25 no Pará.”

(Com Agências)

Serra diz que quer ser o "presidente da União"

serraaa.

“Durante mais de uma hora, o pré-candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra, discursou, neste sábado, para uma platéia de milhares de militantes em um encontro em Brasília, que reuniu também os partidos Democratas e PPS. Serra criticou a polarização e disse que quer ser ” o presidente da união”.

“Ninguém deve esperar, do nosso governo, estados do Norte contra estados do Sul, cidades grandes contra cidades pequenas, urbano contra rural, o comércio contra a indústria, azuis contra vermelhos”, declarou.

Várias vezes durante sua fala, Serra destacou uma frase que deverá ser o slogan de sua campanha: “O Brasil pode mais”. Ele começou o discurso citando todas as conquistas do país nos últimos 25 anos, como a diminuição da miséria, o fortalecimento da democracia e a ampliação do acesso à escola. Mas ressaltou que todos esses ganhos não são de “um só governo, homem ou partido”, mas de uma construção coletiva.

“Um governo precisa servir ao povo e não a partidos políticos e corporações que não representam o interesse público”, criticou. O pré-candidato disse que sempre trabalhou “visando ao bem comum”. E defendeu: “Vamos governar com todos e todas”.

Serra lembrou de suas principais ações como ministro da Saúde do governo Fernando Henrique Cardoso, sua atuação na época da Constituinte e do período em que viveu exilado no Chile. Também contou a história de seu pai, um comerciante de frutas, que segundo ele, lhe ensinou a importância do trabalho.

Serra defendeu maior protagonismo do governo federal na segurança pública, que deveria “coordenar esforços nacionalmente para vencer a guerra contra o crime”. O tucano disse também que o governo investe pouco em infraestrutura e precisa de uma política comercial internacional “mais agressiva”.

Sobre a campanha, Serra disse que será uma caminhada longa e difícil, mas que “as provocações serão respondidas com serenidade. Quanto mais mentiras os adversários disserem sobre nós, mais verdades nós diremos sobre eles”, afirmou.

Participaram do evento lideranças do PSDB, como o presidente do partido, Sérgio Guerra, o ex-governador de Minas Gerais Aécio Neves e o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Também discursaram os presidentes do PPS, Roberto Freire, e do Democratas, Rodrigo Maia, que fecharam aliança em apoio à candidatura de Serra.”

(Agência Brasil)

PSOL lança Plínio de Arruda Sampaio para presidente da República

plinioo

“O ex-deputado e promotor aposentado Plínio de Arruda Sampaio foi escolhido pré-candidato à Presidência pelo PSOL em convenção no Rio de Janeiro, neste sábado. “Um dos objetivos da minha candidatura é fazer um contraponto a esse consensual do Lula e do Serra de que as coisas estão melhorando”, afirmou o candidato, citando as tragédias causadas pela chuva no Rio.

Dos 162 delegados eleitos, apenas 89 apareceram para votar. Também disputavam a indicação o presidente do PSOL em Goiás, Martiniano Cavalcanti, e o ex-deputado João Batista Araújo, o Babá. No entanto, no último momento os dois se retiraram da disputa. O grupo de Cavalcanti, que era apoiado pela ex-senadora Heloisa Helena, não apareceu no congresso. “Amanhã é outro dia e vou tentar unificar o partido”, disse Plínio, sobre o possível racha interno.
O encontro serviu ainda para discutir as candidatura aos governos estaduais e às casas legislativas. Mesmo ausente, uma indicação certa é de Heloisa Helena, que disputou a Presidência em 2006 ficando em terceiro lugar e deve tentar a volta ao Senado por Alagoas. O partido quer fechar ainda aliança com o PSTU e PCB.”
(Folha Online)

Dilma e Lula prometem campanha dura

“Em um evento organizado para se contrapor ao lançamento da pré-candidatura de José Serra ao Palácio do Planalto pelo PSDB, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidenciável petista, Dilma Rousseff, ironizaram neste sábado (10) o slogan oposicionista de que “o Brasil pode mais” se eleger o ex-governador em vez ex-ministra-chefe da Casa Civil.

Indicando o acirramento da disputa, Dilma e Lula usaram termos como “viúvas da estagnação” e “exterminadores do emprego e do futuro” para se referir aos adversários. A ex-ministra prometeu que a campanha para as eleições de outubro será “dura, mas apenas no campo político” e repetiu que “não me verão usando métodos condenáveis para ganhar ou perder”. O presidente disse que a disputa será “em alto nível”.

Seis centrais sindicais, entre elas as duas maiores, CUT e Força Sindical, organizaram o ato que, em meio a elogios ao governo Lula, focou ataques em Serra, no ex-governador de Minas Gerais Aécio Neves e no ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Os três foram os principais oradores no evento realizado em Brasília para festejar a pré-candidatura tucana mais cedo.

No Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, berço político de Lula, o presidente reforçou o caráter plebiscitário que desejou ver nas eleições deste ano e destilou ironias repetidamente contra o slogan tucano. “Eles querem e nós fazemos. Essa é a diferença substancial”, disse Lula, que acusou os adversários de se inspirarem na campanha do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, para seu mote eleitoral.

O presidente disse ainda que “Dilma não será a candidata da defesa de teses abstratas, será a candidata de auto-afirmação. Se eles dizem o Brasil pode mais, nós fazemos mais”. A pré-candidata usou a mesma referência em seu discurso: “Esse país pode mais porque nós fizemos com que ele pudesse mais”, afirmou, enquanto era aplaudida por cerca de mil pessoas vinculadas a sindicatos.

Para amenizar a imagem de Dilma, considerada rígida por colegas de governo e autoritária por adversários, Lula a comparou “a uma mãe que quer justiça”. “Ela tem a dureza que tem a nossa mãe de tratar todo mundo com a mesma condição”, comparou.”

(Folha Online)

Reviravolta: Dilma visitará o Ceará na segunda-feira

Reviravolta na agenda da presidenciável Dilma Rousseff (PT). Em contato telefônico neste sabado com a prefeita Luizianne Lins, Dilma informou que estará na próxima segunda-feira em Fortaleza para cumprir seus compromissos com a prefeita: almoçará com grupo de mulheres petistas e à noite receberá o título de cidadania na Câmara Municipal de Fortaleza.

Dilma não terá agenda em Juazeiro do Norte (Cariri) como estava previsto. Na terçã feira pela manhã, Dilma concede coletiva, às 11 horas, no hotel Gran Marquise

Prefeitura conserta buraco, mas bloco de pedra continua no local

buracos

Consertado pela segunda vez em menos de um ano, o famoso buraco situado no cruzamento da avenida dos Expedicionários coma rua Teodorico Monteiro (Vila União), continua atrapalhando o tráfego na área. Quem passa, diz que o conserto foi feito, mas esse enorme bloco de advertência parece ter virado peça de decoração esquecida.

Ou será que o serviço ainda não foi concluído?

DETALHE – Esse buraco aqui foi registrado em foto de Paulo Moska quando a sinalização de aviso era um sofá velho.

(Foto – Paulo Moska)

Cid Gomes vai aparecer no Programa do Gugu

E o governador Cid Gomes (PSB) cantou, em plena praça da cidade de Baturité, a marcha carnavalesca “Loirinha, loirinha…” A pedido da turma de loiras do Programa do Gugu (Record), que cumpriam mais uma tarefa na gincana que travam contra as morenas a cada domingo.

Aliás, as morenas cumpriram a tarefa delas. Foram até Maceió e fizeram o governador de Alagoas, Teotônio Vilela (PSDB), entoar “Linda morena”.

A gravação com Cid e Teotõnio cantando vai ao ar neste domingo à noite.

DETALHE – As loiras conseguiram pegar o governado por volta das 23 horas, quando do encerramento de um evento. Ali,  chegaram numa topic e viraram atração popular.

Cai avião com presidente polonês

“Um avião que transportava o presidente polonês, Lech Kaczynski, caiu neste sábado quando se aproximava de um aeroporto na Rússia. Segundo as primeiras informações, o chefe de Estado polonês viajava com a primeira-dama, Maria, e altos oficiais do seu gabinete, incluindo o presidente do Banco Central. A imprensa russa afirma que a aeronave transportava mais de 130 pessoas e que não houve sobreviventes.

O avião, um Tupolev-154, viajava de Varsóvia para a cidade russa de Smolensk, onde as autoridades polonesas participariam de uma cerimônia para lembrar os 70 anos de um massacre de mais de 20 mil prisioneiros de guerra por forças russas na floresta de Katyn durante a Segunda Guerra Mundial.

O acidente teria ocorrido no momento em que a aeronave tentava pousar em meio à névoa densa, pouco antes das 11h de Moscou (4h em Brasília). O governador da província de Smolensk, Sergei Antufiev, declarou na TV russa que o Tupolev-154 atingiu a copa das árvores, caiu no chão e se partiu. Lech Kaczynski, que exerceu o cargo de prefeito da capital, Varsóvia, por três anos, foi eleito presidente da Polônia em 2005.

Advogado das políticas de bem-estar social e resistente a reformas de mercado, ele esteve no centro de polêmicas envolvendo sua agenda influenciada fortemente por um conservadorismo católico. O correspondente da BBC em Varsóvia, Adam Easton, disse que o acidente é uma “catástrofe” para os poloneses. Segundo o repórter, o premiê do país, Donald Tusk, teria chorado ao ser informado do incidente. Ele disse que, no passado, já houve manifestações a favor da substituição do Tupolev-154 presidencial, um avião concebido nos anos 1960 e capaz de transportar mais de 100 passageiros.”

(BBC Brasil)

Morre ex-deputado federal Alfredo Marques

Vítima de falência múltupla de órgãos, morreu, neste sábado, o ex-deputado federal Alfredo Marques (83). O velório ocorre na cidade de Maranguape, na Câmara Municipal, onde Alfredo nasceu e foi vereador . Ele tambem foi deputado estadual duas vezes.

Alfredo Marques integrou o chamado “Grupo dos autênticos do MDB”, que lutou  pela redemocratrização do País. O enterro ocorrerá no fim da tarde também em Maranguape.

Hélio Costa garantiu mais poder para a rede televisiva de Sarney

costa

“Um dos últimos atos de Hélio Costa como ministro das Comunicações foi um presente para José Sarney. Costa assinou uma portaria que, na prática, amplia o poder de alcance do império televisivo da família Sarney.

A rede Mirante, repetidora da Globo no Maranhão, presidida por Fernando Sarney, poderá agora ceder sua programação para ser retransmitida integralmente por uma TV de Pinheiro, a cidade natal do patriarca.”

(Veja – Coluna Radar)