Blog do Eliomar

Últimos posts

TV União realiza seu segundo debate com candidatos a governador

A TV União promoverá, a partir das 11h30min desta segunda-feira, um debate com os candidatos a governador do Ceará. Vai ser o segundo realizado pela emissora, que abriu essa série no começo de agosto último.

Todos os sete postulantes confirmaram presença nesse debate, que terá duração de uma hora e meia e será dividido em dois blocos onde candidato perguntará para candidato a partir de sorteio. A mediação ficará com os jornalistas Cristiane Bardawil e Rodrigo de Almeida, da TV União.

IJF – Acidentes de moto são o maior problema

159 1

O Instituto Doutor José Frota, a maior emergência de Fortaleza, realizou 611 atendimentos no último fim de semana, segundo boboletim divulgado nesta manhã de segunda-feira. Foram 70 acidentados de moto, 27 vítimas de abalroamentos, 18 de atropelamentos, seis de capotamentos, 14 quedas de bicicleta e duas quedas de carro em movimento.

Também no boletim 42 vítimas de agressões físicas, 12 vítimas de lesões por arma branca e 20 por arma de fogo. Ainda foram registradas 24 vítimas de queimaduras e 16 de picadas de animais peçonhentos e mais 45 vítimas de queda.

Analfabetismo – Por que só Tiririca?

179 1

“A revista Época, em sua edicão desta semana, publica uma reportagem revelando indícios de que o candidato a deputado federal Tiririca (PR) não sabe ler nem escrever. A revista traz declarações do humorista Ciro Botelho, que escreveu um livro assinado por Tiririca, e descreve situações em que o candidato demonstrou, “no mínimo, enorme dificuldade de leitura”.

Em consequência disso, o promotor da 1ª Zona Eleitoral de São Paulo, Maurício Antonio Ribeiro Lopes, anexou a reportagem a duas representações que está levando à Procuradoria Regional Eleitoral e à Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo. Ele declarou a Época que a reportagem coloca sérias dúvidas sobre a alfabetização do candidato e propõe um teste: “Estou sugerindo que se faça um ditado com um trecho da Constituição e depois se peça a ele que leia um outro trecho. Se ele não conseguir fazer o teste, a candidatura poderá ser impugnada”. O promotor quer testar Tiririca já nsta segunda-feira.

A lei obriga que todo candidato apresente um comprovante de escolaridade no registro de sua candidatura. Sem esse documento, ele deve fazer uma declaração de próprio punho afirmando que sabe ler e escrever. A reportagem de Época mostra a declaração apresentada por Tiririca ao Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP). O documento, porém, é escrito com letras redondas, bem diferente da utilizada pelo candidato nos autógrafos, em que ele “desenha o que seriam as letras do nome de seu personagem”.

Na semana passada, o Ministério Público Eleitoral já havia denunciado o candidato, que declarou patrimônio zero ao TRE-SP, por ter omitido sua relação de bens da Justiça.

De acordo com as pesquisas, Tiririca pode ser o deputado federal mais votado do país no dia 3 de outubro, com potencial para alcançar mais de um milhão de votos. Com esse número de sufrágios, o palhaço pode garantir mais quatro ou cinco cadeiras na Câmara para outros candidatos de sua coligação, formada por PT, PC do B, PR, PRB e PT do B.”

(Com Agências)

Luizianne fecha pacote de empréstimos

“A prefeita Luizianne Lins (PT) conseguiu fechar empréstimos junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) no valor total de US$ 99 milhões. O dinheiro, segundo sua assessoria, está assim distribuido: US$ 60 milhões para o Prourb, o programa de urbanização; e US$ 33 milhões para os projetos dos cinco Centros Urbanos de Cultura e Artes (Cuca). Além desses valores, Luizianne conseguiu fechar também empréstimo no valor de R$ 90 milhões junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) destinado ao Drenurb, ação voltada para obras de drenagem. Com tantos acordos financeiros firmados, a prefeita avalia que terá condições de deslanchar com muitas obras em 2011. Sendo assim, feliz réveillon!

(COluna Vertical, do O POVO)

Agropacto, vida longa

O Agropacto, fórum que reúne semanalmente entidades do setor agrícola para discutir seus problemas, está completando 15 anos.

Nesta terça-feira, haverá comemoração com encontro de avaliação no auditório da superintendência estadual do Banco do Brasil.

Vida longa para o Agropacto.

Isso nos faz lembrar o Pacto de Cooperação, primeiro fórum de debates do gênero, do qual sairam vários outros, inclusive o Agropacto. Acabou sucumbindo por falta de liderança e pauta.

ECT do Ceará inicia paralisações setoriais

O Sindicato dos Trabalhadores nos Correios, regional do Ceará, inicia, a partir desta segunda-feira, uma semana de paralisações setoriais. Segundo a assessoria de imprensa da entidade, a primeira unidade a parar por uma hora será o Centro de Triagem (CT-CE) da Cidade dos Funcionários, onde os trabalhadores vão começar o atendimento, excepcionalmente, às 9 horas.  Às 8 horas, horário normal de início do atendimento, haverá um café da manhã seguido de ato público.

O objetivo é chamar atenção da população para o descaso da empresa com os trabalhadores que sofrem com as péssimas condições de trabalho e o assédio moral. O sindicato também quer esclarecer à população que os carteiros não são culpados pelos constantes atrasos e que a empresa vem se escondendo atrás deles.

VAMOS NÓS – Que a greve não prejudique quem vai votar em trânsito.

Chávez vence eleições, mas perde maioria no Parlamento

“O partido do presidente venezuelano Hugo Chavez venceu as legislativas de domingo, conseguindo 90 dos 165 assentos parlamentares, mas a oposição retirou ao chefe de Estado a hegemonia de dois terços na Assembleia, segundo dados oficiais.

O Parlamento, de câmara única, foi controlado durante cinco anos, após a obtenção de uma esmagadora maioria, do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV) de Hugo Chávez.

O Presidente pretendia manter o controlo maioritário do parlamento, conseguido em 2005, ano em que a oposição desistiu, argumentando falta de garantias eleitorais.”

(Com Agências)

Bombardeado por denúncias, Cid cai seis pontos, mas ainda ganharia no 1º turno

316 2

“Pela primeira vez em quatro rodadas de pesquisa, Cid Gomes (PSB) interrompeu trajetória de crescimento e perdeu intenções de voto, enquanto Lúcio Alcântara parou de cair e ganhou adeptos. Movimentos ocorrem no momento mais conturbado da campanha de Cid Gomes. Mas ele ainda aparece em vantagem para vencer no 1º turno

Com ma semana de campanha pela frente, o governador e candidato à reeleição, Cid Gomes (PSB), caiu seis pontos percentuais na pesquisa O POVO/Datafolha. Ainda assim, ele aparece com folga para vencer ainda no primeiro turno, com 52% das intenções de voto. A pesquisa foi realizada nos dias 23 e 24 de setembro. No levantamento anterior, feito nos dias 9 e 10 deste mês, ele aparecia com 58%.

Essa é a primeira queda registrada por Cid em quatro rodadas de pesquisa O POVO/Datafolha, interrompendo uma tendência que era de alta constante. O governador perdeu intenções de voto após a semana mais conturbada de sua campanha, com denúncias de um suposto envolvimento de corrupção publicadas pela revista Veja da semana passada.

A despeito de Polícia Federal (PF) e Ministério Público terem negado o envolvimento de autoridades estaduais nas denúncias investigadas, a reportagem da Veja se tornou a principal peça de propaganda da oposição na última semana. Além das frequentes exibições no horário eleitoral, a PF apreendeu cópias das páginas da revista feitas por encomenda dos dois principais adversários de Cid – Lúcio Alcântara (PR) e Marcos Cals (PSDB). Na última sexta-feira, chegaram a ser encontradas 89 mil cópias do material em uma gráfica, no Centro de Fortaleza, feitas pela coligação do candidato do PSDB.

Nos últimos dias, a oposição também explorou vídeo de viagem de Cid e familiares a Nova York, que se espalhou pela Internet, com insinuações de uso de dinheiro público, o que foi negado pela coligação do governador.

Na carona das denúncias, Lúcio fez movimento contrário ao do líder na disputa. O candidato do PR reverteu a trajetória que vinha sendo de queda constante e ganhou quatro pontos percentuais. Ele subiu de 16% para 20% das intenções de voto. Já Marcos Cals, que tinha 8% na rodada anterior da pesquisa, agora foi a 10%. Marcelo Silva (PV) e Soraya Tupinambá (Psol), que não pontuavam na pesquisa anterior, têm agora 1%, cada. Francisco Gonzaga (PSTU) e Maria da Natividade (PCB) foram citados, mas não chegaram a 1%. Eleitores que dizem votar em branco, nulo ou em nenhum dos candidatos somam 3%, enquanto 12% afirmam ainda não saber em quem votar para governador no próximo domingo.

A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O Datafolha ouviu 985 eleitores em 44 municípios do Ceará, entre os dias 23 e 24 de setembro. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) com o número 57467/2010 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 32025/2010.

Votos válidos

Considerando-se apenas os votos válidos – isto é, descartando brancos, nulos, eleitores que dizem não votar em nenhum candidato e os que não sabem em quem votar –, Cid tem 62% das intenções de voto. Esse é o método pelo qual a Justiça Eleitoral computa o resultado do pleito. Para ser eleito sem precisar disputar segundo turno, um candidato precisa ter mais de 50% dos votos válidos. Na pesquisa anterior, realizada na segunda semana de setembro, o candidato do PSB à reeleição tinha 69% dos votos válidos.

Também pela contagem de votos válidos, Lúcio foi de 20% para 24%. Marcos Cals oscilou de 10% para 12%. Soraya e Marcelo Silva têm 1%, cada.

Espontânea 

A pesquisa espontânea também demonstra o mesmo movimento da campanha de Cid. Ele tinha 43% duas semanas antes e, agora, foi a 39%. Os demais candidatos oscilaram dentro da margem de erro. Lúcio foi de 11% para 13% e Cals, de 6% para 7%.

O percentual dos que não sabem em quem votar, nesta pesquisa, ainda engloba um terço dos eleitores: 33%. Na segunda semana de setembro, eram 35%.

Na pesquisa espontânea, o eleitor diz em quem pretende votar sem ver a lista com o nome dos candidatos. Assim, ela se aproxima mais da realidade da votação na urna eletrônica, na qual o eleitor, ao contrário do que ocorria com o voto em cédula, não vê o nome dos candidatos, e precisa digitar o número daquele quer escolheu.

Rejeição

Cid Gomes viu também, pela primeira vez, o aumento do seu percentual de rejeição. Há 20% de eleitores que dizem que não votariam nele de jeito nenhum. Nas duas últimas pesquisas, eram 16%. Ainda assim, permanece abaixo de Lúcio Alcântara, que tem 29% de rejeição. Marcos Cals tem 23% de eleitores que afirmam que não votariam nele em hipótese alguma, índice que o deixa tecnicamente empatado com o governador e candidato à reeleição. Nesse caso, a resposta é múltipla, ou seja, o eleitor pode citar mais de um candidato. Por isso, o percentual ultrapassa os 100%

O POVO)

No debate da Record, Marina pede que eleitor leve duas mulheres para o 2º turno

290 1

Os candidatos Dilma Rousseff (PT), José Serra (PSDB),Marina Silva (PV) e Pláinio de Arruda Sampaio (PSOL) voltaram a debater, nessa noite de domingo, nos est´duios da Rede Record. Vários temas e o mesmo quadro repetitivo de propostas. Nessa ocasião, Marina pediu aos eleitores para darem a chance de a aleição ter duas mulheres no segundo turno. Ela disse que, desde o início da campanha, priorizou o debate de propostas. “Não fui para o vale-tudo eleitoral, tenho tratado todos com respeito”, afirma. A candidata do PV afirmaou que seria possível governar com integrantes do PT e do PSDB e ataca igualmente Dilma e Serra. “Sinto que existem pessoas sinceras do PT que estão muito incomodadas com a aliança da Dilma, que existem pessoas do PSDB muito incomodadas com o ‘promessômetro’ do Serra”, alfinetou.

EDUCAÇÃO

Serra atacou a gestão do governo federal na área da educação profissionalizante. Plínio aproveita a deixa e volta a defender o investimento de 10% do PIB no setor: “Ou o ensino técnico e tecnológico não vai sair do papel”. O socialista ainda provoca Serra: “Quero ver se isso o seu governo vai fazer”.

Serra diz que é possível “expandir muito” o ensino técnico e tecnológico e citou como exemplo o Estado de São Paulo, que governou até o fim de março. Dilma Rousseff questionou Plínio de Arruda sobre a política de valorização do salário mínimo na gestão do presidente Lula. Plínio disse: “É uma política mínima. Isso não é nada”. O candidato do PSOL defende o valor de R$ 2.000, conforme o Dieese. Para o socialista, o valor é muito possível. “É possível sim. Só tirar o lucro dos banqueiros”. Plínio perguntou a Dilma se ela viveria com um salário mínimo.

ESCÂNDALOS      

Marina questionou Dilma sobre escândalos ocorridos na antessala de Lula. Dilma rebateu e disse que não soube de nenhum escândalo em sua gestão Ministério da Casa Civil. “Você e eu fizemos parte do mesmo governo”. “Como é que isso se repetiu duas vezes? O que é que você fez para evitar isso?”, pergunta Marina a Dilma Rousseff. “O mesmo que você em relação a pessoas do seu ministério que se envolveram com compras de madeira”, devolveu.

LIBERDADE DE IMPRENSA

Durante o debate, a candidata do PT, Dilma Rousseff, defendeu a liberdade de imprensa e lembra a época da ditadura: “Eu prefiro as vozes lúdicas da democracia que o silêncio das ditaduras, porque eu vivi um período muito negro no Brasil”. Isso, ao ser questionada por jornalistas.  Sobre o tema, Plínio de arruda disse: a imprensa pratica “censura” ao excluir de suas coberturas alguns dos candidatos que disputam a Presidência, inclusive ele. O socialista lembrou que sua candidatura tem como alvo o sistema capitalista e diz que, no Brasil, quem censura são as seis famílias que controlam so meios de comunicação. Ele defendeu o controle social da mídia.

(Com Agências)

IBGE – Passagens aéreas com reajuste de até 10,78% no País

“Após forte alta nas férias escolares e queda em agosto, os preços das passagens aéreas voltaram a subir em setembro, segundo dados apurados pelo IBGE. O aumento, de até dois dígitos, foi verificado nas dez cidades pesquisadas pelo instituto e, segundo especialistas, deve-se à combinação de aumento da renda do brasileiro e reaquecimento dos negócios no país.

São Paulo, Rio e Belo Horizonte lideram a alta, com reajustes de 10,78%, 9,53% e 9,51% em relação ao mês passado, respectivamente. A média nacional foi de 7,56% para uma inflação medida pelo IPCA-15 (que se refere ao período de 15 de agosto a 15 de setembro) de apenas 0,3%. A coleta de preços abrange apenas voos domésticos.

Para o analista de aviação da Link Investimentos Felipe Rocha, o aumento verificado em setembro deve se repetir nos próximos meses, ainda que não com a mesma intensidade, invertendo a tendência de baixa verificada até agora.

Com exceção de junho (+ 12,5%) e julho (+ 9,16%), o IBGE apurou queda em todos os meses do ano até agosto. A maior delas ocorreu justamente em agosto (-10,31%), quando as companhias fazem as tradicionais ofertas pós-férias.

Com isso, nos oito primeiros meses de 2010, a queda acumulada nos preços foi de 12,96%, para uma inflação de 3,14% no período.” 

(O Globo)

SSPDS faz operação contra prostituição infantil na Praia do Futuro

A Coordenadoria de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Coin/SSPDS), a Polícia Civil e a Polícia Militar realizam na noite deste domingo (26) uma operação de combate à prostituição infantil e ao tráfico de entorpecentes, em três barracas na Praia do Futuro.

A operação foi desencadeada após um mês de investigações de policiais do 15º Distrito (Cidade 2000), com apoio dos policiais militares da 1ª Companhia do 5º Batalhão (Aldeota). Os policiais tiraram fotos e filmaram as festas realizadas nas barracas, nas noites de domingo, quando, segundo as investigações, crianças estariam sendo abusadas sexualmente por estrangeiros pedófilos. De acordo ainda com a Polícia, os donos dos estabelecimentos também seriam estrangeiros.

Vox Populi/Band/iG – Dilma fica abaixo dos 50% pela primeira vez

282 3

“Pela primeira vez, desde o início da pesquisa Tracking Vox Populi/Band/iG no começo do mês, a candidata do PT, Dilma Rousseff, ficou abaixo da casa dos 50% nas intenções de voto. A presidenciável petista recuou de 50% para 49%, enquanto o candidato tucano, José Serra, subiu de 23% para 24% e a presidenciável do PV, Marina Silva, passou de 11% para 12%, chegando a essa pontuação pela primeira vez.

Com isso, a diferença entre os votos em Dilma e a soma dos demais candidatos (contando com 1% atribuído a “outros”) caiu de 15 para 12 pontos percentuais, reduzindo a vantagem da petista de se eleger no primeiro turno. O Tracking Vox Populi/Band/iG também mostra que 11% estão indecisos e 3% votam em branco ou nulo.

Espontânea

Na consulta espontânea, quando a lista com os nomes dos candidatos não é apresentada ao entrevistado, Dilma oscilou negativamente de 43% para 42%, Serra manteve-se estável em 20% e Marina avançou de 9% para 10%. O Tracking Vox Populi/Band/iG conta com 2.000 entrevistas, sendo que um quarto dessa amostra é renovada diariamente. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos.”

(iG)

Pimentel e Eunício vão ao CIC

Os candidatos ao Senado José Pimentel (T) e Eunício Oliveira (PMDB) estarão nesta segunda-feira participando de debate promovido pelo Centro Industrial do Ceará (CIC). Isso, a partir das 19 horas.

Ambos apresentarão suas propostas e o projetos dentro do esforço de serem eleitos para o Senado. Pimentel e Eunício também responderão questionamentos do empresariado.

Tasso anuncia dobradinha com Alexandre Pereira na disputa pelo Senado

242 7

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=7yEq3z1QFIQ[/youtube]

O senador Tasso Jereissati (PSDB), candidato à reeleição, anunciou, neste domingo, durante carreata na Grande Messejana, que seu segundo voto para o Senado será do empresário Alexandre Pereira (PPSS). Segundo Tasso, é preciso em experiência, o seu caso, e também em renovação.

Tasso gravou este vídeo – com  exclusividade veiculamos, em favor de Alexandre Pereira. O depoimento será carro-chefe nesta final de campanha do postulante do PPS.

Sede do PTB/CE é arrombada

“A sede estadual do Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) localizada no bairro Vila União, em Fortaleza, foi arrombada na madrugada deste domingo, 26. De acordo com o funcionário do partido Francisco Sousa, foram furtados um aparelho de fax e uma impressora.

Os criminosos teriam revirado todo o local, deixando vários papéis e documentos jogados pelo chão, além de portas e gavetas abertas. Ainda segundo o funcionário, os cadeados das portas principais da sede do partidos estavam violados.”

(O POVO Online)

Tudo pronto para a IV Caminhada da Família

114 1

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=YxYgd7rlQdk[/youtube]

Eis a cantora Jack, a atração da IV Caminhada da Família, que encerrará a festa da paróquia de São Vicente de Paulo, em Fortaleza. Ela puxará sobre trio elétrico essa caminhada, que sairá da igreja, a partir da 17 horas, e se encerrará com missa na Praça da Imprensa.

A expectativa do padre Raimundo Neto é reunir cerca de cinco mil fieis.

Serra e Marina focam SP/MG/RJ para forçar o 2º turno

“Na reta final das eleições, os candidatos José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV) aproveitarão a última semana de campanha para reforçar estratégias nos principais colégios eleitorais e calibrar o discurso para o eleitor indeciso em busca de um segundo turno.

Com chances de vencer no primeiro turno, Dilma Rousseff (PT) aposta e se prepara para os dois últimos debates na TV.

Nos bastidores, o PT acredita ser possível a vitória no primeiro turno, dia 3 de outubro, mas também tem preparado dirigentes e militantes para um enfrentamento no segundo turno, se necessário.

Já o comando tucano articula aumento da exposição de Serra no Rio e em São Paulo.

Diante da oscilação negativa de Dilma nas últimas pesquisas de intenção de votos, o comando político da campanha reforça a necessidade de adotar cautela na reta final e considera que os momentos decisivos serão os dois últimos debates, na TV Record, neste domingo, 25, e especialmente o da TV Globo, o de maior audiência.

Principal cabo eleitoral de Dilma, o presidente Lula também arrefeceu o tom do discurso contra a mídia em comício realizado em Porto Alegre na sexta-feira, 24.

Após sucessivas críticas de parcialidade da mídia e de adotar uma retórica agressiva contra a oposição, Lula destacou a importância da imprensa e afirmou que “é preciso ter humildade”.

“Estamos confiantes, mas sem salto alto, e vamos continuar na mesma linha de campanha”, disse o presidente do PT, José Eduardo Dutra, coordenador da campanha de Dilma. “O que salta aos olhos é que após um mês de intenso bombardeio a Dilma não perdeu votos.”

Segundo o presidente do PT, a despeito da pequena oscilação, as pesquisas deixam claro que Dilma Rousseff tem voto consolidado.

O aumento da vantagem de José Serra (PSDB) e Marina Silva (PV), afirmou Dutra, ocorreu sobretudo a partir dos votos de indecisos, e não houve perda de votos da petista.”

(Agência Estado)

23 candidatos já estiveram atrás das grades

“Eles estarão nas urnas eletrônicas do país no próximo domingo (3), esperando pelo seu voto. Mas já estiveram em momentos recentes na cadeia. Na última semana antes das eleições, o Congresso em Foco pintou-se de amarelo para lembrar que o ato de votar exige atenção redobrada. E, nesse sentido, o site tem apresentado situações que merecem um sinal de alerta. São fatos públicos, lembrados apenas para balizar a escolha do eleitor. 

Levantamento do Congresso em Foco mostra que 23 postulantes passaram pelo cárcere em decorrência de investigações aprofundadas contra crimes como formação de quadrilha, lavagem de dinheiro, fraudes em licitações, corrupção passiva e desvio de recursos em obras públicas. Mesmo com os desgastes gerados, os candidatos encontram-se firmes na disputa e há menos de uma semana de concorrer a um novo mandato.

Ao todo, foram 14 operações especiais realizadas nos últimos anos e que prenderam, além dos atuais 23 candidatos presentes na disputa eleitoral, mais de 200 acusados, entre assessores especiais nas Assembleias dos estados, pessoas ligadas ao Poder Judiciário, servidores concursados e dirigentes de partidos.

O partido Democratas (DEM) e o Partido Progressista (PP) somam o maior número de candidatos detidos nas operações da Polícia Federal e Civil. Ambos tiveram quatro filiados com os passos vigiados e acusados de cometerem crimes graves de corrupção. Em seguida aparecem as legendas PDT, PSDB, PTB, PSL e PRTB, todas com dois representantes detidos por denúncias investigadas pelos Ministérios Públicos Federais nos estados.

Veja a lista dos candidatos que já foram presos

Waldez, Jader, Neudo, Maluf

Alagoas e Amapá são os estados que lideram no número de candidatos detidos. Ambos contam com três parlamentares presos em flagrante nas operações Ressurge, Taturana e na recente Mãos Limpas, que envolveu o atual governador do Amapá, Pedro Paulo Dias (PP), o ex-governador Waldez Góis (PDT) e o presidente do Tribunal de Contas do estado, José Júlio Miranda.

Além dos políticos do Amapá detidos recentemente na Operação Mãos Limpas, a lista de candidatos que já foram presos inclui o candidato a senador pelo Pará Jader Barbalho (PMDB), levado algemado durante a Operação Navalha, acusado de comandar uma “organização criminosa” que fraudou em R$ 132 milhões a extinta Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam). Jader é apontado como beneficiário dieto do esquema e de ter pessoalmente desviado R$ 14 milhões.  Neudo Campos , candidato pelo PP de Roraima a deputado fedral foi preso em 2003 na Operação Gafanhoto, acusado de liderar um esquema de falsas folhas de pagamento no Estado, chamado de esquema dos “gafanhotos”. Paulo Maluf, que tenta a reeleição como deputado federal pelo PP de São Paulo, foi preso pela Polícia Federal em 2005, acusado de crimes como corrupção passiva, lavagem de dinheiro e evasão de divisas. Ele ainda tem seu nome incluído como procurado pela Interpol: se deixar o país, será imediatamente preso.

Posicionamento

O Congresso em Foco entrou em contato com os candidatos para obter esclarecimentos a respeito das operações que resultaram nas prisões. Dos poucos retornos obtidos, a maior parte atribui excessos cometidos pelos agentes das polícias e acusações infundadas ou resultantes de desafetos políticos. Além disso, as defesas dos candidatos destacam o fato de não haver nenhum impedimento político, à luz da atual Lei eleitoral, que impressa a participação no pleito em razão dos processos em acusações não terem sido julgados.

Mesmo com processos e fichas criminais positivas, os candidatos não tiveram os registros na campanha indeferidos pelas justiças eleitorais nos estados. O fato dos processos ainda estarem em andamento, e não existir condenação, permite que os acusados disputem as eleições dentro dos atuais parâmetros estabelecidos pela atual Lei eleitoral. A possibilidade de mudança ainda é objeto de discussão por parte das entidades que militam no assunto com o objetivo de afastar da corrida eleitoral candidatos que já tenham sido presos.”

(Congresso em Foco)

Eleições 2010 – Aliados de Dilma Rousseff lideram no Nordeste

“A uma semana do primeiro turno das eleições, as pesquisas de intenções de voto apontam que a maioria dos candidatos ao governo dos Estados no Nordeste que lideram as pesquisas declararam voto na candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff. Eles lideram em oito dos nove Estados da região.

Os números mostram que o cenário eleitoral nordestino sofreu uma mudança significativa entre 2002, ano quando o presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi eleito pelo primeira vez para a Presidência, e o desenhado pelas pesquisas de 2010.

Há oito anos, seis dos nove governadores eleitos da região não votaram em Lula –pelo menos no primeiro turno. Nos quatro primeiros anos, a oposição governava os três maiores Estados –Bahia, com Paulo Souto (então PFL); Ceará, com Lúcio Alcântara (PSDB); e Pernambuco, com Jarbas Vasconcelos (PMDB).

Em 2006, quando já tinha grande popularidade na região, Lula viu dobrar o número de governadores eleitos no Nordeste –saltou de três para seis. De quebra, tirou os opositores do comando de Bahia, Ceará e Pernambuco com as eleições de Jaques Wagner (PT), Cid Gomes (PSB) e Eduardo Campos (PSB). Ambos tentam a reeleição agora, com grandes chances de vitória já no primeiro turno.

Primeiro turno

Se os resultados das pesquisas forem confirmadas na urnas, apenas o Rio Grande do Norte não elegerá no Nordeste um candidato que vota em Dilma. No caso, uma candidata: Rosalba Carlini (DEM).

Já na Paraíba, a vitória de um candidato é praticamente certa, já que os dois principais candidatos –José Maranhão (PMDB) e Ricardo Coutinho (PSB)– votam na petista.

Os números das intenções de voto apontam também que há possibilidades de a eleição ser definida no primeiro turno para candidatos pró-Dilma em Sergipe (Marcelo Déda-PT), Pernambuco (Eduardo Campos-PSB), Bahia (Jaques Wagner-PT) e Ceará (Cid Gomes-PSB).

No Maranhão, Roseane Sarney (PMDB) também alimenta esperança de levar no primeiro turno.

Em Alagoas, a disputa é a mais acirrada da região, com Fernando Collor de Mello (PTB), Ronaldo Lessa (PDT) e Teotonio Vilela Filho (PSDB) empatados tecnicamente, com diferença de apenas dois pontos percentuais entre o primeiro e o terceiro colocado.

A disputa também segue indefinida no Piauí, onde Wilson Martins (PSB) lidera, seguido de perto por Sílvio Mendes (PSDB) e João Vicente (PTB). Nos dois Estados, os candidatos do PTB declararam voto para Dilma, embora o partido esteja na coligação de José Serra.”

(Folha Online)

Marcos e Tasso e um domingo de carreatas e missa

Tasso em recente passagem por Caucaia.

O candida a governador Marcos Cals e o postulante ao Senado, Tasso Jereissati (PSDB), participam, nesta manhã de domingo, de uma carreata nos barros da Grande Messejana,em Fortaleza. A carreata é organizada pelo deputado estadual e postulante à reeleiçaão Fernando Hugo (PSDB).

No fim da tarde, os candidatos assistirão à missa a ser celebrada pelo padre Raimundo Neto, na Praça da Imprensa, quando do encerramento da IV Caminhada da Família e dos festejos de São Vicente de Paulo.

Depis desse ato, Marcos e Tasso rumarão para Caucaia (Região Metropolitana de Fortaleza), onde haverá carreata.

(Foto – Paulo Moska