Blog do Eliomar

Últimos posts

Temer faz balanço e diz que Brasil saiu da recessão

Em discurso de aproximadamente uma hora para apresentar o balanço de dois anos de seu governo, o presidente Michel Temer afirmou hoje (15) à tarde, durante cerimônia no Palácio do Planalto, que ainda resta “muito por fazer” nos meses que faltam para o fim do governo. Temer falou a uma plateia de ministros e parlamentares aliados. “Temos sete meses pela frente, temos muito por fazer e podemos fazer. Se em dois anos fizemos tudo isso, em sete meses podemos fazer pelo menos [mais] um terço”.

Ao falar sobre o evento, o presidente, que assumiu o poder no dia 12 de maio de 2016, após o impeachment de Dilma Rousseff, frisou que não se tratava de uma comemoração, “mas de uma prestação de contas”. Segundo ele, “foram muitas realizações em pouco tempo”, ao creditar ao seu governo o fim da recessão econômica no país; a queda na taxa de juros, que atingiu o menor nível da história, e do risco Brasil; além de resultados recordes na balança comercial e melhoria no desempenho das empresas do país na Bolsa de Valores.

Para o presidente, o desemprego vem dando “claros sinais de recuperação”, citando dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, que aponta saldo positivo de mais de 200 mil novas vagas criadas desde o início do ano. De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de desocupação está em 13,1% no país.

Durante o discurso, Temer fez questão de citar, uma a uma, quase todas as ações listadas na cartilha lançada pouco antes, que enumera 83 medidas de seu governo em dois anos de gestão. O presidente fez um elogio à equipe e um agradecimento específico aos parlamentares da base aliada. Segundo Temer, os deputados e senadores “colocaram o Brasil acima de qualquer interesse político-partidário”. O presidente fez questão de reafirmar que o diálogo foi uma marca de seu governo, classificado por ele como “semipresidencialista”.

Recado aos desempregados

Além disso, Temer repetiu o que já dissera em seu pronunciamento do Dia do Trabalhador e pediu que os desempregados do Brasil não percam a esperança e “não aceitem outro Brasil”.

“Agradeço a todos, mas também aos nossos milhões de trabalhadores e trabalhadoras que diariamente fazem o Brasil acontecer. A você que ainda procura um emprego, eu não esqueci o meu compromisso assumido no dia do trabalho. O Brasil cresce e a nossa esperança cresce junto. Não percam a esperança e não aceitem outro Brasil”.

Críticas à oposição

O presidente encerrou o discurso com o que chamou de uma “mensagem político-institucional à nação”. Ele pregou a necessidade de pacificação do país e disse que é preciso separar o momento político-eleitoral, quando todos se contestam e debatem o que consideram o melhor para o país, do político-administrativo. “Que logo após as eleições venha o momento chamado político-administrativo, em que todos devem se unir em busca do bem comum”.

Temer criticou também setores de oposição, em âmbito municipal, estadual e federal. Segundo ele, políticos fazem oposição sem argumentos, apenas porque não foram eleitos. “Eu espero que, logo depois das eleições, as pessoas possam pensar nos problemas do país e não no fato de ter ganho ou perdido a eleição”.

(Agência Brasil)

Dólar bate novo recorde e é cotado a R$ 3,661

Pelo terceiro pregão consecutivo, o dólar fechou novamente em alta hoje (15), cotado a R$ 3,661. Assim como ontem (14), a alta da moeda norte-americana bateu recorde e é a maior em dois anos. A última vez que o dólar ultrapassou esse valor foi no dia 7 de abril de 2016, quando encerrou o dia vendido a R$ 3,694.

O Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo, fechou em queda de 0,12%, a 85.130 pontos.

A alta do dólar ocorre mesmo com ajustes na atuação do Banco Central no mercado de câmbio. Na última sexta-feira (11), após o fechamento do mercado, o banco anunciou ajustes nos leilões de contratos de sawps cambiais, equivalentes à venda de dólares mercado futuro. O BC passou a fazer leilões com vencimento em junho e antecipou operações adicionais.

Com os ajustes, ontem o BC iniciou ontem a oferta diária de rolagem integral de 4.225 contratos, com vencimento em junho. Além disso, passou a fazer a oferta adicional de 5 mil novos contratos ao longo do mês e não apenas ao final como estava previsto.

Análise

Mais cedo, o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia afirmou que a alta do dólar nos últimos dias é um movimento internacional de fortalecimento da moeda dos Estados Unidos e que isso tem ocorrido em todos os países emergentes. “O Brasil não está imune a isso”, afirmou Guardia, defendendo a manutenção da estratégia de ajuste fiscal do país.

Após participar da cerimônia de comemoração de dois anos do governo Temer, o ex-ministro da Fazenda Henrique Meirelles, que também já foi presidente do Banco Central, atribuiu dois motivos para as recentes movimentações do câmbio, com altas sucessivas no preço do dólar. “É normal por duas razões. Em primeiro lugar, a questão internacional. Os países emergentes em geral estão se movendo em função da mudança de perspectiva da economia monetária e taxa de juros americana. E no Brasil, nós temos cada vez mais essa questão eleitoral e ela começa a influenciar a expectativa do mercado”, afirmou. “E eu já dizia isso no ano passado: em um certo momento agentes econômicos começariam a olhar para as pesquisas, começariam a se preocupar”, acrescentou.

Sobre as intervenções do Banco Central, Meirelles avaliou que elas estão sendo bem feitas. “O BC tem que testar exatamente onde está, para onde vai o mercado. Depois não pode deixar faltar liquidez. Mas isso não está acontecendo”, disse.

(Agência Brasil)

TCE divulga no próximo dia 28 parecer sobre contas da gestão Camilo Santana de 2017

No próximo dia 28, às 15 horas, o Tribunal de Contas do Estado, em clima de sessão extraordinária, vai apreciar as contas do governador Camilo Santana relativas ao exercício de 2017. A data, definida pelo relator do processo, conselheiro Ernesto Saboia, foi anunciada durante a sessão plenária da Corte desta terça-feira. A informação é da assessoria de imprensa do TCE.

Com base no relatório a ser apresentado por Saboia, o colegiado emitirá parecer prévio pela aprovação, desaprovação ou aprovação com ressalvas. O documento é então encaminhado à Assembleia Legislativa, a quem cabe julgar as contas do chefe do Executivo.

Durante a sessão, o relator apresentará uma análise da conjuntura socioeconômica; do planejamento e execução orçamentária; das demonstrações contábeis, da gestão fiscal, das transferências financeiras a entidades públicas e privadas; dos limites constitucionais; da transparência na gestão; e do atendimento às recomendações feitas pelo TCE no parecer do ano anterior, relativo às contas de 2016. Ao final, discorrerá sobre as ocorrências e recomendações alusivas a 2017.

O parecer informará se o Balanço Geral do Estado demonstra adequadamente as posições orçamentária, financeira e patrimonial, bem como se as operações estão de acordo com os princípios fundamentais da Contabilidade Pública.

O documento tem teor técnico especializado e contém uma apreciação das contas consolidadas e prestadas pelo Poder Executivo. É considerado um dos mais importantes instrumentos de transparência da gestão governamental e para o exercício da cidadania.

Setor de serviços cai 0,2% em março, diz IBGE. No Ceará, o turismo deu boa reação

O setor de serviços fechou o mês de março com queda de 0,2% em relação a fevereiro, na série com ajuste sazonal. Com a retração de fevereiro para março, o setor fechou os primeiros três meses do ano com queda acumulada de 1,5%. Já o resultado acumulado dos últimos 12 meses fechou negativo em 2%. Os dados relativos à Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) foram divulgados hoje (15) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e indicam que, em relação a março do ano passado, na série sem ajuste sazonal, o volume de serviços variou -0,8%.

Do ponto de vista da receita nominal do setor, o crescimento foi de 1,8% de fevereiro para março, com o acumulado do trimestre fechando em 1% e o dos últimos 12 meses em 2,5%. Na comparação com março do ano passado, o crescimento foi de 1,9% na receita nominal do setor.

Segundo o IBGE, a queda de 0,2% de fevereiro para março deste ano reflete variações negativas em três das cinco atividades investigadas, com destaque para serviços profissionais, administrativos e complementares, cuja retração foi de 1,8%. Os demais resultados negativos vieram dos segmentos de transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio (-0,8%) e de outros serviços (-0,4%).

Fecharam com resultados positivos as atividades de serviços de informação e comunicação, que cresceram 2,3%, e os serviços prestados às famílias, com expansão de 2,1%. Já o agregado das atividades turísticas subiu 2% em relação a fevereiro.

Ainda na série com ajuste sazonal, o índice de média móvel trimestral para o total do volume de serviços recuou 0,7% no trimestre encerrado em março de 2018, frente ao nível do mês anterior, intensificando, assim, o ritmo de queda frente a fevereiro (-0,2%).

Atividades profissionais e administrativas contribuem para baixa do setor

O recuo de 0,2% no setor de serviços de fevereiro para março foi pressionado, principalmente, pelas atividades de serviços profissionais e administrativos. Ao recuar 1,8%, os serviços profissionais, administrativos e completares voltaram, em março, “ao ponto mais baixo da série histórica, que já havia sido atingido em janeiro de 2018”, segundo a publicação do IBGE, que começou a divulgar a pesquisa em 2011.

De acordo com o gerente da pesquisa mensal, Rodrigo Lobo, o volume de serviços, como um todo, ficou 12,8% abaixo do pico da série histórica, registrado em novembro de 2014, e apenas 0,8% acima do ponto mais baixo, que foi em março de 2017. “Desde que atingiu o ponto mais baixo da série, o setor de serviços tem apresentado uma sequência de resultados positivos e negativos, oscilando perto desse patamar mais baixo”, disse o gerente.

Segundo Lobo, na comparação com o mesmo mês do ano anterior, o segmento de serviços profissionais, administrativos e complementares apresentou a 36ª taxa negativa, ao recuar 2,6%. Juntamente com transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio, cuja queda foi de 0,7%, os dois segmentos mostraram as quedas mais acentuadas no mês.

Resultados regionais

Apesar da queda de 0,2% no setor de serviços de fevereiro para março, apenas 8 dos 27 estados fecharam com resultados negativos. O destaque negativo ficou com o Rio Grande do Sul, que fechou março com queda de 2,9% frente a fevereiro, a terceira taxa negativa seguida, com perda acumulada de 7,3% no período. Já as principais taxas positivas vieram do Rio de Janeiro, com crescimento de 0,8%, Distrito Federal (4,1%) e de São Paulo (0,2%).

Em relação a igual mês de 2017, a queda de 0,8% foi acompanhada por 22 das 27 unidades da federação. Os recuos mais importantes foram observados em Minas Gerais (-3,2%), Bahia (-6,9%), Rio Grande do Sul (-3,7%) e Ceará (-8,9%). Já a expansão mais relevante para o índice nacional veio de São Paulo (1,4%).

Atividades turísticas

O índice de atividades turísticas avançou 2% em março em relação a fevereiro deste ano. Segundo o levantamento do IBGE, oito das 12 unidades da federação acompanharam o crescimento, com destaque para a expansão vinda de São Paulo, que chegou a 7,2%, Ceará (5,4%), Pernambuco (2,7%), Santa Catarina (2,0%) e Rio Grande do Sul (1,9%).

Já a Bahia, ao fechar com queda de 1,5%, registrou a retração mais acentuada. Em relação a março do ano passado, o volume de atividades turísticas recuou 0,9% no Brasil, reduzindo o ritmo de queda frente a fevereiro (-5,2%). Seis dos doze estados investigados tiveram queda, com destaque para Rio de Janeiro (-6,4%) e Bahia (-9,9).

(Agência Brasil)

Secretários de Camilo buscam verbas para obras hídricas com apoio de Eunício e Cabo Sabino

O secretário do Desenvolvimento Agrário do Estado, De Assis Diniz, e o chefe da Casa Civil do Abolição, Nelson Martins, vão embarcar, nesta noite de terça-feira, na rota de Brasília.

A agenda deles envolve uma série de compromissos no Ministério da Integração Nacional, na Secretaria Especial de Agricultura Familiar e o Desenvolvimento Agrário da Casa Civil da Presidência da República (Sead), com o coordenador da bancada cearense, deputado Cabo Sabino (Avante), e com o presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira. Hora de destravar emendas e recursos de alguns projetos da área hídrica.

“É que o período chuvoso já se encerrou e a pauta da agricultura familiar não pode parar”, avisa De Assis Diniz.

(Foto – Divulgação)

Consultora política avalia presença feminina nas eleições presidenciais de 2018

A consultora política Mônica Nabhan, integrante da Associação Brasileira de Consultores Políticos (ABCOP), avalia, em entrevista exclusiva para este Blog, as chances das presidenciáveis Manuela D´Ávila (PCdoB) e Marina Silva (Rede Sustentabilidade) nas eleições de 2018. Ela aponta tendência de redução do protagonismo feminino na disputa, embora destaque que as mulheres estão bem representadas com as duas pré-candidaturas.

Mônica Nabhan, que atua no Mato Grosso do Sul, será uma das participantes do um dos participantes do 13º Congresso Brasileiro de Estratégias Eleitorais e Marketing Político, que será realizado nos dias 18 e 19 de maio de 2018, no Centro de Eventos do Ceará. Confira a entrevista:

Blog – Ao longo das duas últimas eleições presidenciais, duas candidaturas de mulheres tiveram forte protagonismo (Dilma Rousseff e Marina Silva). Quais as perspectivas para este ano, uma vez que, em uma campanha que tende a ter muitos candidatos a presidente, até agora, surgiram apenas duas pré-candidaturas de mulheres, ou seja, novamente a de Marina Silva e de Manuela D´Ávila? Estamos caminhando para uma eleição com redução da presença feminina em espaços majoritários?

MN – Acredito que sim, pela descrença pela política que vivemos atualmente. É um fator cultural e a mudança de uma cultura leva muitas décadas para acontecer.

Só em 1932 o decreto 21.086, publicado por Getúlio Vargas, garantiu o direito de as mulheres serem elegíveis. Desde lá, levamos 58 anos para ter as primeiras senadoras, 62 para ter a primeira governadora e 79 para ter a primeira e única presidenta do país.

Desde 2009 a lei diz que cada partido ou coligação preencherá o mínimo de 30% (trinta por cento) e o máximo de 70% (setenta por cento) para candidaturas de cada sexo e exige a obrigatoriedade de aplicar recursos partidários na promoção da participação feminina. Acredito que essa lei não vem sendo fiscalizada com a aplicação de punições. Como acredito que não haja realmente condições, por parte das mulheres, de participar ativamente das questões políticas, nem no Brasil, nem na maioria dos outros países.

A maioria das mulheres tem dupla jornada de trabalho, tendo que equilibrar tarefas profissionais, pessoais e familiares, restando pouco, ou quase nenhum, tempo ou energia para a política. Ganham menos também e dedicar-se à política exige investimentos.

Somado a tudo isso a política tem um ambiente hostil, para ambos os sexos, e acho que para isso as mulheres são menos resistentes. Mas as duas candidatas à presidenta que temos até agora me parecem muito combativas e preparadas. Estamos bem representadas.

Blog – Quais componentes digitais podem ser considerados de maior peso nas eleições majoritárias e nas campanhas proporcionais? Há diferenças no uso desses componentes entre as disputas majoritárias e proporcionais?

MN – Todo candidato deve possuir seu kit básico: site com blog, página em Facebook, Instagram e Twitter, nessa ordem de prioridade e administrado por profissionais extremamente competentes. Nada de empirismo. Cada um deles com sua linguagem específica. Isso é muito complexo, pois trata-se de um trabalho que não pode ser feito por amadores e muito menos pelo próprio candidato. Mas acho que tudo isso não dá grandes resultados se não houver o que ser mostrado.

Acredito muito mesmo no poder do WhatsApp. Cento e vinte milhões de brasileiros o acessam todos os dias e várias vezes por dia. Mas ele tem restrições, pode ser denunciado como spam. Portanto todo cuidado é pouco para usar essa grande ferramenta. Os candidatos teriam que ter começado a usar essa ferramenta com fins políticos há muito tempo. Não é possível começar a usar agora para não parecer oportunista e causar rejeição. E nem pensar em criar grupos. Isso é inadministrável. Linhas de transmissão dão menos trabalho e mesmo assim tem que se ter um bom back office.

Os candidatos proporcionais têm mais chances de se comunicar bem com seus públicos através dessas ferramentas, devido à maior proximidade que estabelecem com seus eleitores.

Blog – Como mesclar de forma adequada os componentes digitais e não-digitais nas campanhas de forma a se conseguir êxito na estratégia traçada para o candidato?

MN – Já me referi sobre os digitais relacionados à Internet. Podemos considerar que a TV já é digital em grande parte das cidades, atingindo 90 milhões de brasileiros até agora. Esse é disparado o maior meio de informação do brasileiro e tem um peso absurdo na época da campanha.

Produzir bons programas para o horário eleitoral e ser notícia nesse meio é um grande desafio a ser cumprido. E nada disso se consegue sem ter bom aliados, recursos financeiros para viabilizar isso com bons profissionais e estrategistas, pois campanha política tem um custo muito elevado.

Mas no atual ambiente político, de nada isso tudo adianta se o candidato não tiver uma história política íntegra e de feitos para divulgar. Esse sim, o capital político do candidato, vai ser o fiel da balança neste pleito, e espero que nos demais. Portanto os novatos e outsiders terão poucas chances.

Sobre o Congresso

Com o tema “Novas estratégias eleitorais para um novo ambiente político”, o congresso discutirá temas como renovação política, uso da Internet nas campanhas eleitorais, novas técnicas de comunicação e de mobilização eleitoral e campanha permanente dentre outros.

SERVIÇO

*Para maiores informações e inscrição no congresso, os interessados devem acessar o endereço eletrônico: www.estrategiaseleitorais.com.br ou manter contato pelos telefones 85.3246.2399 e 85.99644.0065.

*Centro de Eventos do Ceará – Avenida Washington Soares, 999 – Fortaleza/CE.

Foto – Divulgação)

Fortaleza será sede do VI Congresso Internacional de Odontologia

Fortaleza será sede, de 18 a 22 deste mês de maio, no Centro de Eventos, do VI Congresso Internacional de Odontologia (CIOCE). Com o tema “Ética na Odontologia do Século XXI”, o encontro traz uma extensa programação de palestras, simpósios, fóruns, temas livres e painéis, que se realizarão em conjunto com o XX Congresso Cearense de Odontologia, o V Encontro Brasileiro de Halitose, o V Congresso cearense de Odontologia Militar, o I Simpósio de Reabilitação de Anomalias Crânio Faciais, o VII Simpósio de Odontogeriatria e o Fórum de Odontologia Hospitalar.

O objetivo é promover o conhecimento e a troca de experiências exitosas, potencializando a formação continuada e o aprofundamento de questões que se alinhem às necessidades da profissão na atualidade. Entre os subtemas, odontopediatria, sexualidade e saúde bucal, harmonização facial, halitose, ortodontia, cirurgia bucomaxilofacial, endodontia, implante, estética e prótese.

Na condução dos debates, nomes como os de Carlos Eduardo Francischone (estética e longevidade na implantologia, no dia 19, às 14 horas), Sylvio Luiz Costa de Moraes (cirurgia bucomaxilofacial e craniomaxilofacial, também no dia 19, às 14 horas), Marcelo Januzzi Santos (marketing e odontologia, no dia 20, às 10 horas), João Paulo Pinto (entendendo melhor o mau hálito, dia 21, às 10 horas), Daiane Rocha (influência dos hábitos alimentares na alteração do hálito, dia 21, às 14 horas), Alessandra Reis (clareamento dental, também dia 21, às 14 horas) e Adriana de Oliveira Lira Ortega (bruxismo e odontopediatria, dia 22, às 14 horas).

Além deles, o evento traz outros importantes nomes da área, como os convidados internacionais Phillip Tomson (endodontia) e Robert Crawford (implantodontia); o especialista em odontologia estética Rafael Puglisi Spadaro (que traz no portfólio o atendimento a personalidades como o jogador de futebol Neymar), além de Paulo Vinícius Soares, Dayse Amaral e Alessandro Dourado Loguercio (todos da área de dentística) e Júlio César Joly (implante).

Da programação completa, disponível em www.cioce.com.br, consta ainda o encontro dos profissionais com a indústria odontológica, na feira de negócios do CIOCE, em que serão apresentados produtos e inovações diretamente ao cirurgião-dentista; e uma programação social, com a realização de happy hours sempre às 18 horas.

Outro destaque é o momento Sorriso de Mulher, que discute, no dia 20, a partir das 13 horas e com exclusividade para o público feminino presente, os seguintes temas: Sexualidade feminina (com Renata Mota Rodrigues Bitu Sousa); Consultoria de imagem (com Rafaella Botelho Passos); Autoconhecimento como caminho para felicidade pessoal e profissional (com Josie Picanço); e Pompoarismo: saúde, estética e ginástica íntima (com Neyliane Sales Chaves Onofre).

Com a participação de quase todas as faculdades de Odontologia do Estado e apoio do Sistema Nacional de Cooperativas Odontológicas (Uniodonto) e do Conselho Regional de Odontologia do Ceará (CRO-CE), o congresso é uma realização da Associação Brasileira de Odontologia – Seção Ceará.

Academia Fortalezense de Letras ganhará mais três imortais

538 2

Tales de Sá e sua amada, Valéria Studart.

Irapuan Diniz Aguiar, conselheiro da OAB do Ceará, o secretário estadual do Meio Ambiente, Artur Bruno, e o controlador da Rede de Ensino FB, Tales de Sá Cavalcante, tomarão posse, nesta quarta-feira, como membros da Academia Fortalezense de Letras.

O ato ocorrerá a partir das 19 horas, no Palácio da Luz, sob o comando do presidente dessa academia, José Augusto Bezerra.

(Foto – Divulgação)

André Costa vai expor como a SSPDS atua contra a violência no meio rural

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, André Costa, vai fazer uma exposição sobre as ações de segurança no campo quando de reunião do Pacto de Cooperação da Agropecuária Cearense (Agropacto). Ainda neste mês, com data sendo fechada.

André Costa atende a um convite do presidente da Federação da Agricultura do Estado, Flávio Saboya. A palestra ocorrerá na sede da Faec,dentro do Fórum de Debates do Agronegócio.

Os pecuaristas cearenses estão preocupados com os níveis da violência no meio rural.

(Foto – Facebook)

General Theóphilo diz que quer fazer do Ceará uma “ilha de segurança”

2088 1

“Fazer do Ceará uma ilha de segurança”, eis uma das metas do pré-candidato a governador pelo PSDB, general Guilherme Theóphilo. Foi o que ele disse, ao ser entrevistado, nesta terça-feira, pelo jornalista Luiz Viana, âncora do programa O POVO no Rádio, da Rádio O POVO/CBN.

O general Theóphilo diz reconhecer que o Governo do Estado tem feito muitos investimentos no setor, mas lamenta que isso ocorra “sem qualidade”. Para o tucano, é preciso investir em fiscalização, capacitação de pessoal, em inteligência e também em tecnologia para se enfrentar o crime organizado.

Entre vários assuntos da entrevista, o general se disse contra militares se envolvendo em política e dando palpite sobe tema. Para ele, isso só se não estiver mais ativa, no que poderá exercer seu direito de cidadão. O general Theóphilo também afirmou ter sido contra a intervenção do Exército na segurança do Rio de Janeiro. Para ele, a medida foi puramente política. Também se disse contra a volta dos militares ao Poder.

Sobre como vai fazer a sua  campanha eleitoral, disse que isso ficará a cargo do senador Tasso Jereissati – o “nosso marechal, que está acima de general”. Caberá ao senador tratar de composições políticas e também coordenar a campanha em todos os sentidos.

Indagado sobre como financiará sua campanha num sistema onde se fala em caixa 2 e compra de votos, disse que, da sua parte, fará um trabalho simples, honesto e apostando em renovação. Chegou a dizer até que se aposentou e que está sem dinheiro, pois comprou, recentemente, um apartamento para fixar residência em Fortaleza. “Se eu for pensar em grandes campanhas, eu já vou estar na contramão do que prego!” – concluiu o general Theóphilo.

(Foto – Alex Gomes)

Câmara Municipal aprova projeto que regulamenta transporte individual de passageiros por aplicativo

A Câmara Municipal de Fortaleza aprovou,nesta manhã de terça-feira, o projeto de lei que regulamenta o transporte individual de passageiros por aplicativo, como Uber, 99, Cabify e Táxi Amigo. Com isso, a norma que limita, por exemplo, a idade máxima de uso dos veículos em cinco anos entrará em vigor em 2021. A emenda foi proposta pela Comissão de Legislação, Meio Ambiente e Transporte.

Pelo projeto aprovado, passará a ser cobrado o Imposto Sobre Serviço (ISS) no percentual de 5% mais 2% sobre o valor total de cada viagem realizada por aplicativo, podendo ser reduzido para 1% se as empresas financiarem contrapartidas para amenizar o impacto da mobilidade urbana, como implantação de ciclofaixas, estações de bicicletas ou faixas exclusivas de ônibus.

O projeto de lei 0204/2018 prevê ainda que as empresas gestoras dos aplicativos compartilhem os dados de trajetos e locais das viagens com a Prefeitura. Entre os detalhes solicitados, estão duração e mapa do trajeto percorrido.

Dentre outros pontos estão capacitação de motoristas para segurança no trânsito; vistoria anual dos veículos pela Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor); a partir de 2021, veículos terão, no máximo, cinco anos de uso; motoristas cadastrados não poderão ter antecedentes criminais.

Por fim, não haverá cobrança de placa especial, como as vermelhas usadas em táxis convencionais. Também foram excluídos do texto os artigos que tornam obrigatórias a apresentação de carteira padrão de operador de transporte emitido pela Etufor.

Ao O POVO, a Uber opinou que a limitação em cinco anos inviabilizaria de imediato a atividade de cerca de 10 mil carros na Capital. Todavia, haverá três anos para adaptação à norma. Hoje, a empresa tem 18 mil motoristas cadastrados no Ceará.

A reportagem não conseguiu contato com a Associação de Motoristas Privados Individuais de Passageiros (Ampip) até a publicação desta matéria.

(Com O POVO Online – Repórter Lucas Braga)

Que tal um curso de pós-graduação em gestão cultural?

Vem aí o curso de pós-graduação Laboratório de Gestão Cultural, uma promoção da Secretaria da Cultura do Ceará, numa realização conjunta da Universidade Vale do Acaraú (UVA) Escola de Cultura, Comunicação, Ofícios e Artes (ECOA Sobral), Quitanda das Artes e Instituto BR, com o apoio institucional da Prefeitura de Sobral (Zona Norte). Oferecido de forma gratuita, o curso vai expor novas dinâmicas do campo da cultura, orientar quanto ao uso de ferramentas de gestão e aliar conhecimentos técnicos a uma formação humanística consistente. O processo seletivo será aberto nesta sexta-feira, com inscrições somente online no site www.laboratoriosculturais.com, até o dia 11 de junho próximo.

O Laboratório de Gestão Cultural ocorrerá na UVA, ao longo de 12 meses, com aula inaugural no dia 27 de julho e início das aulas regulares no dia 3 de agosto. Serão módulos mensais às sextas e sábados das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas, e aos domingos das 8 às 12 horas, totalizando uma carga horária de 460 horas/aula, das quais, 360 horas de aulas presenciais e 100 horas de Trabalho de Conclusão de Curso.

É voltado para a qualificação profissional de gestores culturais, conselheiros de cultura e técnicos atuantes na iniciativa pública, privada e em instituições sem fins lucrativos, visando potencializar o universo cultural e dar subsídios teóricos e práticos para entender a ação e a política cultural, resultando em práticas inovadoras que valorizam a diversidade, democratizam o acesso à cultura e ampliam a fruição cultural.

Serão disponibilizadas 50 vagas para o curso, sendo 35 vagas para ampla concorrência (abertas ao público) e as demais disponibilizadas para servidores e funcionários das instituições realizadoras.

Estrutura e conteúdo

Compõem o curso disciplinas obrigatórias, seminários, projeto orientado e trabalho de conclusão de curso. As disciplinas abordam as principais questões da área como: conceitos e perspectivas acerca da cultura, políticas culturais, ferramentas para a gestão criativa, direitos culturais, inovação em gestão cultural e estudos em torno de aspectos políticos, históricos e sociais do campo da gestão cultural. São 11 disciplinas, incluindo o Trabalho de Conclusão de Curso.

Além disso, compõem a formação complementar 24 h/a de Seminários de Práticas em Gestão Cultural, com a presença de especialistas, que abordarão as experiências práticas de gestão, além de painéis expositivos detalhando as práticas dos gestores participantes do curso. A estrutura do curso prevê o intercâmbio de experiências e conhecimentos entre participantes e docentes e traz discussões aprofundadas na área de gestão, exigindo um conhecimento prévio desse segmento por parte dos alunos.

SERVIÇO

*Processo seletivo para curso de pós-graduação Laboratório de Gestão Cultural – Exame de Classificação composto pela pré-seleção e seleção. Inscrições de 11 de maio a 11 de junho de 2018 através do site www.laboratoriosculturais.com.

Prefeito de Caucaia diz já ter candidato ao Senado: Eunício Oliveira

O prefeito de Caucaia, Naumi Amorim (PMB), não fala quando indagado sobre apoio a governamentável nas próximas eleições. Mas, para o Senado, diz ter um nome certo para apoiar: Eunício Oliveira (MDB).

Em Brasília, o emedebista tem destravado muita verba para essa cidade da Região Metropolitana de Fortaleza. Em tempos bicudos como esses, nada como ter alguém para dar uma mãozinha amiga.

(Foto – Divulgação)

Defensoria-Pública Geral promove encontros em busca do orçamento participativo

Enquanto não sai reforço financeiro para chamar concursados, a Defensoria-Pública Geral do Ceará realiza encontros pró-elaboração do seu orçamento participativo. A iniciativa percorre algumas cidades.

A experiência ocorre pelo segundo ano consecutivo e é tocada pela defensora-pública geral Mariana Lobo. Ela diz que muitas demandas simples da população têm sido atendidas a partir desse tipo de consulta.

(Foto – Rodrigo Carvalho, do O POVO)

Cientistas australianos descobrem buraco negro de crescimento rápido no Universo

Um grupo de astrônomos da Austrália descobriu o buraco negro que cresce mais rápido do Universo conhecido até agora, que absorve uma massa equivalente ao Sol a cada dois dias, informaram nesta terça-feira (15) fontes
acadêmicas do país oceânico. O buraco negro chamado QSO SMSS J215728.21-360215.1 foi detectado a 12
bilhões de anos luz de distância por cientistas da Universidade Nacional Australiana (ANU, na sigla em inglês). Seu tamanho equivale a 20 bilhões de sóis e tem uma taxa de crescimento de cerca de 1% a cada um milhão de anos, indicou a ANU em comunicado.

“Este buraco negro cresce tão rápido que brilha milhares de vezes mais que uma galáxia inteira devido aos gases que ele devora diariamente, causando muito atrito e calor”, disse Christian Wolf, da Escola de Astronomia e Astrofísica
da ANU. Esse buraco negro existia quando o Universo, que tem aproximadamente 13,8 bilhões de anos, tinha apenas 1,2 bilhões de anos. “Não sabemos como cresceu tanto e tão rápido na primeira fase do Universo”, afirmou o cientista.

“Se este monstro estivesse no centro da Via Láctea, provavelmente faria com que a vida na Terra fosse impossível devido à grande quantidade de raios-x que ele emana”, afirmou o astrônomo. “Os buracos negros gigantescos e de crescimento rápido também ajudam a limpar a névoa em torno deles por meio da ionização dos gases, o que torna o
Universo mais transparente”, acrescentou Wolf. O buraco negro foi detectado pelo telescópio SkyMapper do Observatório de Siding Spring da ANU, situado cerca de 480 quilômetros a noroeste de Sydney, com ajuda do satélite Gaia da Agência Espacial Europeia (ESA, na sigla em inglês).

Os autores da descoberta consideram que esses buracos negros brilham e podem se transformar em modelos para observar e estudar a formação de elementos nas primeiras galáxias do Universo.

(Agência Brasil com EFE)

Flávio Rocha, presidenciável do PRB, cumprirá agenda em Fortaleza e Juazeiro do Norte

Flávio Rocha, empresário e CEO das Lojas Riachuelo, lançará sua pré-candidatura à Presidência da República pelo PRB nesta quinta-feira (17), em Fortaleza e, nesta sexta-feira (18), em Juazeiro do Norte (Região do Cariri). Ele desembarcará por volta das 10 horas desta quinta e já terá programação para todo o dia.

Na agenda dele, um percurso na Praça do Ferreira e um debate no Fórum Brasil 200, sobre os rumos da política, com correligionários no Teatro do Shopping RioMar. Flávio discutirá os rumos da política sob o viés das eleições gerais ao lado de Kim Kataguiri, criador do MBL, o youtuber Artur, do canal ”Mamãe Falei” e o empreendedor e advogado Rodrigo Nóbrega. Em Juazeiro do Norte, o encontro será no Cariri Garden Shopping.

Programação

Fortaleza

Dia 17 – quinta-feira

*10h: Recepção de Flávio Rocha*
– Aeroporto Internacional Pinto Martins

*10h30min: Percurso*
– Concentração no Aeroporto com direção à Guararapes

*12h30min: Percurso
– Fábrica da Riachuelo. Rua Demétrio Menezes, 3303, Antônio Bezerra.

*15 horas: Percurso do empreendedor*
– Concentração na Praça do Ferreira (Centro de Fortaleza)

*19 hors: Fórum Brasil 200*
– Teatro Shopping Rio Mar

Juazeiro do Norte*

18/05 – quinta-feira

*8h30min: Decolagem para Juazeiro do Norte*
– Aeroporto Internacional Pinto Martins

*9h30min: Recepção no aeroporto de Juazeiro do Norte*
– Aeroporto Regional do Cariri

*10 horas: Percurso*
– Concentração no Aeroporto com direção ao Cariri Garden Shopping

*10h30min: Fórum Brasil 200*
– Cariri Garden Shopping

*12h30min: Percurso do empreendedor*
– Centro Juazeiro do Norte

*15h30min: Decolagem*
– Aeroporto Regional do Cariri.

Prefeitura manda limpar canteiros de avenida com lixo denunciado pelo Blog

269 1

Sobre a denuncia feita através deste Blog acerca do lixo acumulado nos canteiros da Avenida Jovita Feitosa, altura do bairro Parque Araxá, a Secretaria Regional III informa que a coleta especial urbana é realizada, de segunda a sábado pela manhã, em toda via.

Segue registro de fotos da limpeza de hoje (15/05), às 11 horas:

Completa a nota da SER III:

“Pedimos, mais uma vez, a colaboração da população para que a limpeza das ruas da cidade seja mantida. Denúncias sobre descarte irregular de lixo na área da Regional III podem ser feitas através do número 156.

Copom inicia nesta terça-feira reunião para definir taxa de juros básicos

O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) inicia hoje (15), em Brasília, reunião para definir a taxa básica de juros, a Selic. Amanhã (16), às 18 horas, após a segunda parte da reunião, o comitê anunciará a decisão.

Com a inflação baixa, o mercado financeiro espera pelo último corte na Selic, no atual ciclo de redução. Em março, o Copom reduziu a Selic pela décima segunda vez seguida, de 6,75% ao ano para 6,5% ao ano, o menor nível desde o início da série histórica do Banco Central, em 1986.

A taxa básica de juros é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve de referência para as demais taxas de juros da economia.

(Agência Brasil)

Governadores do NE vão se reunir no Recife. Na agenda, transposição, Eletrobras e eleições

Camilo Santana (PT) está listado.

Os governadores dos nove estados do Nordeste e Fernando Pimentel, de Minas Gerais, vão se reunir nesta sexta-feira no Recife (PE). Oficialmente, falarão sobre ações para o rio São Francisco e debaterão uma posição conjunta sobre a privatização da Eletrobras.

A conversa, no entanto, não se encerra aí. Segundo informa o jornalista Lauro Jardim, colunista do O Globo, majoritariamente de esquerda, eles vão conversar sobre como os partidos poderão caminhar de forma conjunta durante as eleições.

A situação de Lula e os nomes que poderiam representar a esquerda em uma grande aliança nacional serão tema de debate.