Blog do Eliomar

Últimos posts

MS anuncia redução de 51% no preço de remédio contra câncer

“O ministro da Saúde, José Gomes Temporão, anunciou, nesta sexta-feira, no Rio, a redução de 51% no preço do medicamento Glivec, necessário para pacientes com LMC (Leucemia Mielóide Crônica) e um tipo de câncer gastrointestinal. O remédio é utilizado por cerca de 7.500 pacientes do SUS (Sistema Único de Saúde) em todo o Brasil. De acordo com Temporão, a economia do governo de R$ 400 milhões, em dois anos e meio, será revertida para prevenção e tratamento da doença.

Antes do acordo entre o governo federal e o laboratório Novartis, cada comprimido de 100 mg do Glivec, que recebe o nome científico de Mesilato de imatinibe, era adquirido por R$ 42,50 pelo Ministério da Saúde. Em 2011, o valor por unidade cairá para R$ 20,60.

Contudo, já a partir de 21 de junho deste ano, o ministério passará a comprar o remédio por R$ 26,32. Este preço será praticado até 31 de dezembro. Em janeiro, quando o governo passa a centralizar a compra e redistribuir para os 170 hospitais federais ligados ao tratamento de câncer, o valor chega aos R$ 20,60. Ainda de acordo com o ministro, o contrato com a empresa também prevê um crescimento de 10% no número de pacientes por ano, sem ônus para o governo.”

 (Folha.com)

Seduc baixa edital convocando professores aprovados em concurso

A Secretaria da Educação(Seduc) está divulgando o edital de convocação dos candidatos aprovados e classificados no concurso público para professor. Os interessados devem comparecer a partir do dia 12 de julho, à sede da pasta da Educação (Cambeba). Na ocasião, serão tratados assuntos relacionados à nomeação, opção inicial de carga horária e local de trabalho. O prazo de atendimento vai até 18 de agosto.

Os aprovados para quatro mil vagas vão ocupar o cargo de professor, classe pleno I, referência 13, cuja remuneração inicial é de R$ 1.327,66 para 40 horas semanais de trabalho, e de R$ 663,83 para 20 horas semanais. Cada candidato deverá consultar os sites abaixo para saber data e horário de apresentação.

* Site da Seduc – www.seduc.ce.gov.br<http://www.seduc.ce.gov.br/&gt

* Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (CESPE/UnB) (_www.cespe.unb.br/concursos/seducce2009)
<http://www.cespe.unb.br/concursos/seducce2009&gt;_, responsável pela organização do processo.

(Com Seduc-CE)

Parte do PT do Maranhão quer anular apoio à releição de Roseana Sarney

“Filiados e dirigentes do PT do Maranhão ajuizaram pedido de mandado de segurança no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para anular resolução do diretório nacional do partido que decidiu apoiar Roseana Sarney (PMDB) como candidata ao governo do estado.

Os signatários da ação –entre eles Manoel da Conceição e Domingos Dutra, que fizeram greve de fome contra decisão do PT– alegam que participaram como delegados do encontro partidário local ocorrido nos dias 26 e 27 de março, que decidiu pela coligação do PT com o PSB e PcdoB, apoiando como candidato a governador o deputado federal Flávio Dino (PCdoB).

Os delegados ainda afirmam que o diretório nacional do PT não decretou a nulidade da decisão regional nem promoveu uma intervenção formal, mas que, mesmo assim “resolveu ignorar a deliberação da instância regional e aprovar uma coligação estadual majoritária”.

A representação também diz que a imposição foi abusiva e ilegal, desconsiderando as previsões das leis e dos estatutos do PT. “É uma lesão nítida, direta e frontal a direitos subjetivos de seus filiados que, diante da decisão, estão impossibilitados de obter legenda para concorrer nas próximas eleições, na coligação legitimamente deliberada”, diz o documento.”

(Agência Brasil)

PDT tem cacife para querer a vice?

O presidente regional do PDT, André Figueiredo, durante conversa, nesta semana, com o deputado federal Ciro Gomes (PSB), coordenador da campanha pró-reeleição de Cid Gomes (PSB), reivindicou a vaga de vice na chapa do governador Cid Gomes. Isso, em troca da vaga da senadora Patricia Gomes, que estaria cogitada para reeleição.

Para analistas políticos, o PDT estava dando como certa a reeleição de Patricia e resolveu  abrir mão dessa posição. Outros observadores veem tal posição como um desprendimento de deixar o eleitor feito marido traído, pois só cabe a ele resolver o destino dos políticos.

Há quem pergunte se o PDT teria mesmo esse cacife todo e voto para tal pretensão. Outro dado nessa história. Está sendo divulgado nos jornais desta sexta-feira um manifesto de vários partidos respaldando a reeleição de Cid Gomes, Dilma para Presidente e Eunício Oliveira para o Senado. O PDT já aparece subscrevendo a nota., enquanto o aliado prioritário cidista, o PT, não endossou tal manifesto.

Semace empossa concursados

A superintendente estadual do Meio Ambiente (Semace), Lúcia Teixeira, comandará, na próxima terça-feira, às 9 horas, no auditório da autarquia, a solenidade de posse dos concursados. Durante o evento, os empossados se reunirão no estacionamento da instituição para hasteamento da bandeira e execução do hino nacional pela banda da Polícia Militar. Serão empossados inicialmente 101 concursados.

A chegada dos novos colaboradores, segundo Lúcia Teixeira, fortalecerá a atuação do órgão, que poderá agilizar os processos de licenciamento e fiscalização. O concurso foi instituído pela lei estadual nº 14.344, de 07 de maio de 2009, que cria a carreira de gestão ambiental e os respectivos cargos.

Lei da "Ficha Limpa" pega Maluf, Roriz e Arruda

“Na lista dos barrados em decorrência da decisão do TSE de que os políticos condenados por órgãos colegiados antes de sancionada a Lei da Ficha Limpa também estão inelegíveis, está, por exemplo, o deputado Paulo Maluf (PP-SP), condenado por improbidade administrativa. Além dos casos de condenação, a lei vale também para os parlamentares que renunciaram ao mandato para evitar processos de cassação por quebra de decoro.

Esta lista é extensa: o ex-governador do Distrito Federal José Roberto Arruda, o ex-senador Joaquim Roriz (PSC) e os ex-deputados distritais Junior Brunelli e Leonardo Prudente, flagrados recebendo dinheiro do mensalão do DEM.”

(Esadão.com)

Titular da SSPDS-CE é alvo de processo

O tenente-coronel Erik Oliveira Onofre e Silva, Chefe da 3ª Seção do Estado-Maior da Polícia Militar do Ceará, ajuizou Ação Ordinária Indenizatória por dano moral e material (Comarca de Fortaleza – CE – Nº 403896-92.2010.8.06.0001), contra o Secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Estado no valor de R$ 360 mil.

Lindival de Freitas, advogado do tenente-coronel Erik, alega que o atual secretário da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará, Roberto Monteiro, vem atuando “disfarçado sob a máscara da legalidade”, com um “discurso dissimulado”, ferindo constantemente os princípios constitucionais, pois, diz ainda o operador do direito que, ao contrário do “discurso moralista”, o que se vê é o “caos” e o “total desmantelamento do aparelho policial”.

Segundo o advogado, o secretário abusa ao apelar para a “amizade pessoal com o Comandante Geral da Polícia Militar para aderir a um pacto” contra a vítima. Também corre no Tribunal de Justiça do Estado uma Ação Criminal – Queixa Crime, contra o secretário (CRIME/TJCE Nº 3957-15.2010.8.06.0000).

(Blogosfera Policial)

Luizianne, qual a próxima novela?

Pois é, prefeita Luizianne lins (PT), depois de perdermos o projeto do estaleiro do Grupo Promar, uma novela de capítulo final nada positivo para  economia do Estado, que tal agora começar a enfrentar essa outra novela chamada greve dos ônibus?

A população está na expectativa de que a gestora da cidade aja e transcenda a declaração de considerar o movimento dos motoristas e cobradores como um ato político.

"O governador Cid não vai aceitar faca nos peitos nem de Luizianne, nem de Tasso", avisa Ciro Gomes

“O governador Cid Gomes não vai aceitar faca no peito nem de Luizianne nem de Tasso Jereissati”, afirmou, durante solenidade de inauguração de trecho de estrada ligando o distrito de Sucesso à sede de Tamboril (Sertão do Crateús), o deputado federal Ciro Gomes (PSB). A frase, dita nessa noite de quinta-feira, soou como um recado direito às pressões que Cid vem sofrendo há semanas e que partem de petistas e tucanos.

Da parte do PT, mobilizações para que o governador aceite a candidatura do ex-ministro José Pimentel para o Senado, e da parte do PSDB de Tasso Jereissati a decisão dos tucanos de lançarem um nome para enfrentar Cid Gomes.

Ciro Gomes, no palanque desse ato, conferido por cerca de cinco mil pessoas, convocou o deputado federal José Nobre Guimarães, ex-presidente regional do PT, a estar com ele na tarefa de montar o palanque para garantir a reeleição do governador.

Morre José Saramago

“O escritor português e Prémio Nobel da Literatura em 1998 José Saramago morreu hoje aos 87 anos em Lanzarote. O autor português encontrava-se doente mas em estado «estacionário», mas a situação agravou-se, explicou o seu editor, Zeferino Coelho. José Saramago nasceu na aldeia ribatejana de Azinhaga, concelho de Golegã, no dia 16 de Novembro de 1922, embora o registo oficial mencione o dia 18.

Os seus pais emigraram para Lisboa quando ele ainda não tinha três anos de idade. Toda a sua vida tem decorrido na capital, embora até ao princípio da idade madura tivessem sido numerosas e às vezes prolongadas as suas estadas na aldeia natal.

Fez estudos secundários (liceal e técnico) que não pôde continuar por dificuldades económicas. No seu primeiro emprego foi serralheiro mecânico, tendo depois exercido diversas outras profissões, a saber: desenhador, funcionário da saúde e da previdência social, editor, tradutor, jornalista.

Publicou o seu primeiro livro, um romance («Terra do Pecado»), em 1947, tendo estado depois sem publicar até 1966. Trabalhou durante doze anos numa editora, onde exerceu funções de direcção literária e de produção. Colaborou como crítico literário na Revista Seara Nova.

Em 1972 e 1973 fez parte da redacção do Jornal Diário de Lisboa onde foi comentador político, tendo também coordenado, durante alguns meses, o suplemento cultural daquele vespertino. Pertenceu à primeira Direcção da Associação Portuguesa de Escritores. Entre Abril e Novembro de 1975 foi director-adjunto do Diário de Notícias. Desde 1976 vive exclusivamente do seu trabalho literário.”

(Com Agências)

TRE debate Propaganda Eleitoral

 “A Propaganda Política em uma Nova Perspectiva”. Eis o tema da palestra que o diretor da Escola Judiciária Eleitoral do Rio de Janeiro, juiz Luiz Márcio Vicotr Alves, ministrará, a partir das 9h15min desta sexta-feira, no auditório da Escola Superior da Magistratura do Estado do Ceará (Esmec).

A iniciativa é da Corregedoria Regional Eleitoral, juntamente com a Escola Judiciária Eleitoral, e tem o propósito de dar continuidade às ações estratégicas do TRE que visam à promoção de eleições limpas e democráticas no âmbito do Estado. Desse encontro devem participar juízes e promotores eleitorais, além de servidores da Justiça Eleitoral.

SERVIÇO

Esmec – Rua Ramires Maranhão, 70, Água Fria.

PT fará ato pró-José Pimentel senador

Eis o convite que o Partido dos Trabalhadores distribui entre companheiros da legenda. O objetivo é pressionar politicamente o governador Cid Gomes (PSB) a endossar o nome do ex-ministro da Previdência Social, José Pimentel, como candidato ao Senado. Cid Gomes, em nenhum momento, se manifestou a favor dessa tese e restringiu apelos só em favor do peemedebista Eunício Oliveira.

O irmão dele, Ciro Gomes, coordenador de sua campanha pró-reeleição, também não sinaliza para conversas com o PT da prefeita Luizianne Lins.

Brasil cede e não vai retaliar EUA

“O Brasil decidiu adiar, por dois anos, a retaliação de US$ 829 milhões contra os Estados Unidos, autorizada pela Organização Mundial do Comércio (OMC) em novembro de 2009, por apostar em um acordo que prevê a redução dos subsídios domésticos concedidos aos produtores americanos de algodão em 2012, quando será reformulada a Farm Bill — lei agrícola daquele país.

O anúncio foi feito pelo embaixador brasileiro na OMC, Roberto Azevêdo, após reunião da Câmara de Comércio Exterior (Camex).

O acordo foi fechado na última quarta-feira, sem que o governo americano apresentasse propostas adicionais à oferta feita em abril deste ano.

Os EUA mantiveram as propostas de redução dos subsídios à exportação; a criação de um fundo de US$ 147,3 milhões por ano — a maior compensação financeira da História do comércio mundial, segundo o Itamaraty — para financiar a os produtores nacionais de algodão; e o reconhecimento de Santa Catarina como estado livre de febre aftosa, sem vacinação.

Medidas como a eliminação de barreiras ao etanol e ao suco de laranja, por exemplo, ficaram de fora.”

(Globo)

Tasso fala em grande "decepção"

“A gente entende que os interesses políticos, em determinados momentos, ditam os rumos. Mas esses rumos, a meu ver, estão mal traçados. Dentro de todo o contexto, há uma grande decepção”, declarou ao portal Último Segundo. Essa foi a primeira vez, fora das reuniões internas do PSDB, em que o senador bateu em Cid e seu irmão, o deputado federal e aliado histórico de Tasso, Ciro Gomes (PSB).

Entre quatro paredes, o senador já havia demonstrado estar desapontado com o tratamento que recebeu do Governo no momento crucial de definições eleitorais. No ninho tucano, circula a informação de que há mais de um mês Tasso vinha tentando conversar com os Ferreira Gomes sobre a aliança para o pleito deste ano e sobre o tipo de apoio que o Palácio Iracema daria à sua candidatura à reeleição para o Senado. Nenhum retorno, entretanto, teria sido dado.

Conforme O POVO publicou ontem, Tasso chegou a lamentar, durante reunião com prefeitos do PSDB na última segunda-feira, que “a vinda (do presidente) Lula ao Ceará (na semana passada) acabou com a valentia dos Ferreira Gomes”.

De acordo com o entendimento do parlamentar, o silêncio do governador e de Ciro em relação à aliança com o tucanato e o fato de Lula ter defendido a dobradinha Eunício Oliveira (PMDB) e José Pimentel (PT) ao Senado na chapa protagonizada por Cid significariam que o PSDB havia sido passado para segundo plano.

O chefe do Executivo estadual tem argumentado que a demora nas negociações deu-se por causa do calendário de conversas internas no PSB. À despeito do rompimento, Cid também tem dito que ainda tem interesse em negociar com a sigla tucana.

Tarde demais?

Mas agora quem não quer é Tasso, pelo menos aparentemente. Ontem, ele voltou a confirmar que o PSDB lançará um adversário para Cid nas eleições de outubro. “Sabemos que vai ser uma campanha dificílima, temos todas as forças contra nós, mas vamos, sim, lançar candidatura própria”, reforçou.

Tudo indica, porém, que, uma vez homologada, a proposta poderá sofrer resistência em alguns ninhos tucanos no Interior do Estado. O POVO apurou que, enquanto parte da militância do partido aplaude o rompimento com os Ferreira Gomes, outros setores não gostam da ideia de ser oposição ao, até pouco tempo atrás, aliado Cid.

“Do ponto de vista da preferência eleitoral, não tenho opinião formada. Ainda não deu tempo de tomar uma decisão sobre isso”, ponderou um prefeito do PSDB que pediu para não ser identificado.

Integrante da ala do partido que defende a candidatura própria, o prefeito do Crato, Samuel Araripe, admitiu que o momento, agora, é de diálogo com as bases, para convencê-las a abraçarem o nome tucano na briga pelo Governo. Ciente de que poderá haver dissidentes na campanha, Araripe – que se tornou um dos mais próximos de Tasso – deu o recado: “Nós não podemos aceitar um prefeito do PSDB vote em um candidato de outro partido.”.

*Confirma o vídeo da entrevista do senador Tasso ao portal Último Segundo no endereço colunistas.ig.com.br/poderonline/2010/06/17/tasso-se-diz-decepcionado/

Seca verde provoca quebra de mais de 60% da safra do Ceará, diz secretário

“A seca verde já provocou quebra de mais de 60% da safra cearense. Segundo o secretário do Desenvolvimento Agrário do Estado, Antônio Amorim, tal prejuízo deve ser o maior dos últimos 50 anos. Ele assegura que o quadro no Interior não é de calamidade graças ao programa de interligação de bacias, que redistribuiu a água, e aos programas sociais do governo federal.

No momento, a SDA verifica laudos enviados pelas prefeituras para começar a desembolsar o Seguro Safra, ajuda financeira para amenizar perdas dos agricultores.

No Interior, há agricultor dizendo que, mesmo assim, está com sorte: como o ano é eleitoral, virá a velha distribuição de renda.”

 (Coluna Vertical, do O POVO)

TRT-7ª Região sob nova direção

O Tribunal Regional do Trabalho – 7ª Região empossará, nesta sexta-
feira, às 17 horas, em seu auditório, a sua nova administração. Eleito para o biênio 2010-2012, o desembargador federla Cláudio Soares Pires assumirá a presidência do TRT em substituição ao desembargador federal José Antonio Parente. Como vice-presidente, tomará posse o desembargador federal Arízio de Castro.

QUEM É?

O novo presidente do TRT-7ª Região nasceu em Niterói-RJ e é formado em Direito pela UFC. Exerceu a advocacia trabalhista e em fevereiro de 1983 foi nomeado, depois de aprovação em segundo lugar em concurso público, para o cargo de Juiz do Trabalho. Substituto do Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região. Foi juiz titular nas Varas do Trabalho das cidades de Crato, Iguatu e Quixadá e, também, na 4ª Vara do Trabalho de Fortaleza.

O novo vice-presidente nasceu na cidade de Limoeiro do Norte. Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito da UFC, atuou como advogado no Foro de Fortaleza e foi procurador judicial da Delegacia da SUNAB no Ceará no mesmo período. Em 1976 foi nomeado desembargador do Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região, sendo vice-presidente no biênio 1980-1981, diretor do Fórum Autran
Nunes neste período. Foi presidente do TRT/CE nos biênios de 1982-1983, 1990-1991 e 2000-2002.

Polícia vai incinerar 200 quilos de drogas

A Delegacia de Narcóticos do Ceará (Denarc) realizará nesta sexta-feira, a partir das 9h30min, no forno da Cerâmica Campo Maior (Caucaia), a primeira queima de drogas apreendidas do ano de 2010. Segundo o titular da Denarc, Everardo Lima, serão incinerados aproximadamente 200 quilos de maconha, crack e cocaína. Todo o material é resultado de operações policiais que constavam de inquéritos policiais e que, posteriormente, foram liberados pela Justiça para a incineração.

A incineração do material antecede a Semana Estadual Sobre Drogas, que ocorrerá de 19 a 26 próximos, com atividades em todo o Ceará. A abertura oficial da semana está marcada para as 9 horas do dia 19, no auditório da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

SERVIÇO

* Local – Cerâmica Campo Maior (Km 12, da BR-222, em Caucaia).

Comunista admite abrir palanque para Serra no Maranhão

“O deputado federal e pré-candidato ao governo do Maranhão, Flávio Dino (PC do B), admitiu nesta quinta-feira (17) a possibilidade de abrir seu palanque a ao candidato tucano à Presidência, José Serra (PSDB), a partir de uma coligação com o PSDB no Estado. Depois de ter a aliança com o PT estadual anulada por uma decisão do diretório nacional do partido, na sexta-feira passada, o PC do B do Maranhão busca o apoio de outros partidos, como o PDT do ex-governador Jackson Lago, o PPS e o PSDB, para fortalecer o nome de Dino na disputa ao governo estadual contra a Roseana Sarney (PMDB), candidata à reeleição.

Caso a aliança seja fechada, um dos dois — Dino ou Lago — terá que abrir mão da candidatura em prol de um único nome. Lago, apesar de estar na frente nas pesquisas de intenção de voto, tende a ser preterido caso o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) decida hoje que políticos já condenados por um colegiado estão enquadrados no projeto Ficha Limpa e se tornam inelegíveis. No ano passado, Lago foi condenado por abuso de poder político pela Justiça Eleitoral e teve o registro cassado. “Buscamos recompor a aliança porque tivemos um prejuízo real com esse ato de violência que foi a intervenção do PT”, diz Dino. Segundo o pré-candidato, o PC do B, embora defenda a união em torno de seu nome, não está “com posição fechada” e pode chegar a um consenso em relação a outro nome ao governo do Estado.

Caso a aliança com o PDT e os outros partidos se concretize, o palanque da chapa no Estado será “híbrido”: apoiará tanto Serra quanto Dilma Rousseff (PT) para a Presidência. “Dilma sobe conosco e o Serra sobe com o pessoal”, diz Dino. “Seria uma espécie de condomínio. Em um condomínio, não tem gente de todo lugar, de todo jeito? É por aí. A convenção do condomínio é essa: renovar a política maranhense”. A fim de ganhar tempo para definir a aliança, o PC do B maranhense adiou a convenção estadual para a definição da candidatura em quatro dias –do dia 26 para o dia 30 deste mês.”

(Portal Terra)