Blog do Eliomar

Últimos posts

Confirmado. Tasso coordenará campanha de Serra no Ceará

132 2

“O PSDB do Ceará definiu ontem a coordenação estadual de campanha para as candidaturas de José Serra à Presidência, Tasso Jereissati ao Senado e Marcos Cals ao Governo do Estado. Como coordenador geral foi escolhido o próprio Tasso. Para a coordenação executiva da candidatura de Serra no Ceará foi escalado o presidente estadual do PSDB, Marco Penaforte.

Ex-secretário de Recursos Hídricos do governo Tasso, José Liberado Barroso será responsável tanto pela campanha do senador tucano como de Cals. Logo em seguida, a cúpula do PSDB se reuniu com cerca de 100 profissionais liberais, ex-secretários e parlamentares.

Ausente ao encontro, Tasso comentou, através de nota, a pesquisa O POVO/Datafolha para o Senado. Ele se disse “bastante honrado”, mas detacou que “é preciso, porém, trabalhar muito mais no sentido de propor novos projeto.”

DETALHE -Há mais de 15 dias que a Coluna Vertical, do O POVO, informava: o coordenador-geral da campanha de Serra no Estado seria Tasso Jereissati. O que se confirma agora.

BNDES ganhará mais fõlego financeiro

“Preocupado com a capacidade do BNDES de financiar grandes projetos de infraestrutura nos próximos anos, o governo busca medidas para aumentar o fôlego do banco de fomento e, ao mesmo tempo, estimular instituições financeiras privadas a entrarem nesses empreendimentos.

A preocupação do governo é com os grandes projetos que estão no horizonte do Brasil, como as obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), da Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de 2016.

Por isso, a equipe econômica estuda fazer com que o BNDES emita debêntures no mercado. Esse tipo de instrumento foi liberado inicialmente pelo Conselho Monetário Nacional (CMN) para os bancos privados, que passaram a poder emitir Letras Financeiras (LFs) — um papel de longo prazo. A ideia é que ele também seja usado pelo banco de fomento.

Além de tentar dar mais fôlego ao BNDES, a equipe econômica estuda a possibilidade de dar incentivos tributários a instituições financeiras que emitirem debêntures atreladas a projetos específicos na área de infraestrutura.

Uma ideia é reduzir o Imposto de Renda (IR) que incide sobre esses títulos de longo prazo, para estimular o setor privado a entrar nesses empreendimentos.

No ano passado, o BNDES fez desembolsos de R$ 137,4 bilhões, o que só foi possível graças a uma capitalização que o Tesouro Nacional fez na instituição.

No início de 2009, em função da crise financeira internacional e da retração do mercado de crédito, o Tesouro capitalizou o BNDES em R$ 100 bilhões, valor que foi reforçado em mais R$ 80 bilhões este ano.

O problema é que o mecanismo encontrado pelo governo até agora para aumentar o poder de fogo do BNDES — a capitalização por parte do Tesouro — tem um efeito colateral indesejado: o aumento da dívida pública bruta do país.”

(O Globo)

Dilma lidera preferência no Ceará com 41%; Serra tem 28% e Marina vem com 8%

“Na disputa pelos votos dos eleitores do Ceará para presidente da República, a candidata apoiada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Dilma Rousseff (PT), larga com 13 pontos percentuais de vantagem sobre o principal adversário, José Serra (PSDB). No entanto, a ampla maioria prometida para Dilma pelos apoiadores locais não se confirma, pelo menos por enquanto. Ela tem apenas um ponto percentual a mais que a soma dos adversários, mostra a pesquisa O POVO/Datafolha.

O que significa que, considerada a margem de erro de três pontos percentuais para mais ou para menos, não épossível nem sequer afirmarse a candidata de Lula venceria já no primeiro turno, caso dependesse apenas dos votos dos cearenses. A base aliada do Governo Federal no Estado tem expectativa de ampla vantagem para Dilma no Estado, sobretudo considerando-se que Lula, na região Nordeste, chegou a 87% de aprovação na pesquisa Datafolha nacional, divulgada no início domês. Além disso, Dilma tem como apoiadores dois candidatos ao Governo: Cid Gomes(PSB) e Lúcio Alcântara (PR).Justamente os dois que aparecem na frente na pesquisa O POVO/Datafolha.

Por enquanto, Dilma tem 41% das intenções de voto entre os cearenses. Serra tem 28%, enquanto Marina Silva (PV) alcança 8%. Somados, todos os adversários de Dilma têm 40%.Na pesquisa espontânea,na qual os eleitores dizem em quem pretendem votar sem ver o nome dos candidatos,os números são mais positivos para Dilma. Ela alcança 22%, contra 10% de Serra. Há, entretanto, outros 7% de eleitores que responderam que pretendem votar no “candidato do Lula” – que vem a ser Dilma. Outros 3% declararam intenção de votar em Lula,que não será candidato.

Marina aparece com 2%. O número mais expressivo, entretanto, ainda é o de indecisos:50% dos eleitores cearenses ainda não sabem dizer, espontaneamente, em quem pretendem votar para presidente.”

(O POVO)

Sem nocaute no eleitor

Acelino Popó Freitas, ou somente “Popó”, campeão mundial de boxe, é candidato a uma vaga de deputado federal. Filiado ao Partido Republicano Brasileiro (PRB), Popó disputa pela primeira vez mandato eletivo.

Mas o ex-boxeador não é novidade na área pública. Já foi secretário municipal de Esportes de Salvador (BA).

Popó está fazendo campanha prometendo trabalhar pelo desenvolvimento do esporte e em favor de projetos de inclusão social.

(Foto – Arquibancada Show)

Diap prevê a reeleição de 20 senadores

“O Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap) – entidade que reúne 900 representações sindicais de trabalhadores – concluiu estudo com estimativa de que, dos atuais 29 senadores que tentarão renovar seus mandatos nas urnas em outubro, entre 15 e 20 deles deverão conseguir a reeleição. A perspectiva de renovação dos parlamentares – o critério do Diap são os próprios “postulantes à reeleição” – deverá, portanto, superar a mudança de senadores consolidada em 2002, quando apenas 14 dos 54 senadores conseguiram se reeleger.

Quando são medidas as potenciais futuras bancadas no Senado, a tendência apresentada pelo Diap é que PT, PSB e PP ampliem o número de seus parlamentares, ao passo que DEM, PSDB, PMDB, PTB, PDT e PR devem reduzir o tamanho de sua representatividade na Casa.

Maior partido da base lulista e responsável pela indicação do deputado Michel Temer (PMDB-SP) como candidato a vice na chapa da petista Dilma Rousseff, o PMDB tem 15 senadores em fim de mandato e, na avaliação da entidade, deverá eleger entre 12 e 14 parlamentares em outubro. O PSDB, por sua vez, partido do candidato José Serra na corrida pelo Palácio do Planalto, renovará nove cadeiras e tem a perspectiva de eleger sete ou oito senadores.

O PT, quarta bancada no Senado, tem sete senadores em fim de mandato, mas, pelos estudos do Diap, poderá eleger entre 11 e 13 neste pleito. A se consolidar esse cenário, a legenda passaria para o posto de segunda bancada na Casa.”

(Portal Terra)

Número de eleitores cresceu 8,5% no País

“O Tribunal Regional Eleitoral (TSE) anunciou hoje (20) que 135,8 milhões de brasileiros estão aptos a votar nas eleições deste ano. Em relação às eleições de 2006, houve um crescimento de 8,5% no colégio eleitoral.

Os números do TSE mostram ainda que a mulher permanece como a maioria do eleitorado, com 51,8% contra 48% de homens. A faixa etária de 25 a 34 anos representa 24% dos eleitores.

Os números também indicam que São Paulo se mantém como o maior colégio eleitoral do país, com 23,3% de eleitores, seguido por Minas Gerais, com 10,6%, Rio de Janeiro, com 8,5%, e Bahia, com 7%.

O Distrito Federal e o Rio de Janeiro registram a maior proporção de mulheres votantes, com 53,6% e 53,2%, respectivamente. Já os estados com maior proporção de eleitores homens são de Mato Grosso, com 50,8% e do Tocantins, com 50,7%.

A quantidade de jovens votantes diminuiu em relação às duas últimas eleições, ficando abaixo dos índices de 2006. Entre 2006 e 2008, houve um aumento de 2,566 milhões para 2,923 milhões. Em 2010, o número diminuiu para 2,391 milhões.”

 (Agência Brasil)

Nada de dólar furado. Cinemas faturam nestas férias de Fortaleza

No Shopping Benfica, por exemplo, as filas são quilométricas.

Ha um segmento do comércio de Fortaleza que não pode reclamar nestas férias: o de entretenimento e, principalmente, os cinemas.

Em todos eles, o que se observa é a mesma cena: filas e mais filas de jovens, crianças e velhos querendo conferir as novidades da telinha.

A oferta está boa e filmes como “Sheek para Sempre” e “Lua Nova”, segundo funcionários das bilheterias, estão liderando a preferência. Quem quer conferir um deles, tem que chegar bem cedo. Ou comprar para a próxima sessão.

(Foto – Paulo Moska)

Presidente Nacional da OAB alerta governantes que descumprem lei eleitoral

173 2

“O presidente do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Ophir Cavalcante, disse nesta terça-feira, 20, que a desobediência à lei na campanha eleitoral pode resultar “até mesmo na cassação de candidaturas, se o descumprimento ocorrer por um candidato ou por aqueles que o apoiam”.

Em entrevista, Ophir defendeu o cumprimento da Constituição, que, segundo ele, é a pauta de todos, inclusive do presidente da República, que deve seguir o caminho correto e estimular o cumprimento da lei. “Eleição não é vale-tudo, tem que ter parâmetro ético para todos os envolvidos”, afirmou, em resposta a uma pergunta sobre a participação do presidente Lula na campanha da candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff.

Ophir Cavalcante participou, na manhã de segunda-feira, de reunião do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral (MCCE), que, no próximo dia 18, promoverá encontros em todo o país para a coordenação nacional dos comitês, que conta com o envolvimento de 48 entidades da sociedade civil.

O presidente da OAB criticou os candidatos, partidos e governantes, que, segundo ele, tentam intimidar o Ministério Público Eleitoral e disse que este não se curvará a pressões e cumprirá a lei. “Este é o momento de a Justiça Eleitoral começar a dar cartão vermelho para os infratores”.

Ophir ressaltou que toda eleição é tensa e lembrou que cabe ao Poder Judiciário estabelecer as regras para não haver desequilíbrio entre os poderes politico e econômico. Para ele, as multas aplicadas até aqui aos candidatos estão dentro da lei.

O objetivo do Movimento de Combate à Corrupção Eleitoral é a realização de eleições limpas, onde o voto não seja exercido sob pressão política. Para isso, informou Ophir, o movimento “deverá trabalhar engajado com o Ministério Público Eleitoral, sem o que não terá sucesso”. Segundo ele, os questionamentos que forem feitos precisarão de respostas para que a mobilização tenha credibilidade.

O presidente da OAB disse ainda que a aprovação da Lei da Ficha Limpa foi uma grande vitória, mas destacou que a norma, por sí só, “não é garantia absoluta de que o político que for vitorioso vai ser correto. Por isso, a OAB e as outras instituições que integram o movimento consideram necessário contibuir com o Poder Público durante a campanha, “de forma coordenada e abnegada, com poucos recursos, mas de forma que seja útil ao processo eleitoral”, afirmou.”
 
(Agência Brasil)

Cid não dorme de touca e bota o bloco nas ruas

168 1

O governador Cid Gomes (PSB), candidato à reeleição, não cumpre agenda de candidato em Fortaleza nesta terça-feira, pois tem compromissos em Brasília. Mesmo assim, e embalado pela pesquisa Datafolha/O POVO que lhe deu 47% das intenções de votos, o candidato botou o bloco eleitoral nas ruas.

Bandeirações podem ser vistos em vários cruzamentos da cidade, dentro daquela de que, mesmo liderando preferência, ninguém pode “dormir de touca” como alertou, em post deste Blog, o senador Inácio Arruda (PCdoB).

Pois é, a eleição não é mais W.O. então…

(Foto – Paulo Moska)

Ato cobrará celeridade na apuração do assassinato de lider rural

Uma manifestação para cobrar celeridade na apuração do assassinatro do agricultor e líder comunitário José Maria Filho, o conhecido “Zé Maria do Tomé”, será realizado nesta quarta-feira, a partir das 7 horas, na Praça dos Voluntários, em frente à sede da Superintendência da Polícia Civl do Estado. 

“Zé Maria do Tomé” era presidente da Associação dos Desapropriados Trabalhadores Rurais Sem Terra – Chapada do Apodi e foi assassinado em crime de pistolagem, no dia 23 de abril último, no município de Limoeiro do Norte (Vale Jaguaribano). O fato ganhou repercussão em todo o País. Ele também denunciava o uso abusivo de agrotóxicos naquela região, onde predomina a fruticultura voltada para a exportação.

Várias lideranças de movimentos em defesa dos direitos humanos e políticos ligados a essa luta participarão do ato. A candidata do PSOL ao Governo do Estado, Soraya Tupinambá, marcará presença.

TSE aplica multa em Dilma e no PT de São Paulo

“O ministro Henrique Neves, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou nesta terça-feira (20) a aplicação de multa no valor de R$ 5 mil à candidata do PT à presidência da República, Dilma Rousseff, e de R$ 7,5 mil ao diretório paulista do Partido dos Trabalhadores (PT) por propaganda eleitoral antecipada.

O episódio que motivou a aplicação das penalidades foi a exibição de inserções regionais nos dias 11, 14, 16 e 18 de junho com conteúdo eleitoral e mensagens defendendo a continuidade do governo Lula. Pela legislação, no entanto, essas inserções devem se limitar a tratar de temas de interesse político-comunitário, e não de pedir votos para as eleições de outubro. A propaganda eleitoral só é autorizada a partir do dia 6 de julho.

“O Brasil vive hoje seu melhor momento. Isso é apenas o começo de uma grande era de prosperidade. São Paulo pode usufruir ainda mais desse novo tempo. Aqui, o Governo Federal participou do Rodoanel e está investindo no Porto de Santos, na petroquímica, no saneamento e na habitação. É hora de investir ainda mais em saúde, educação e segurança. Melhorar o emprego e o salário. É hora de acelerar e seguir em frente”, disse Dilma na inserção questionada pelo Ministério Público.

Na avaliação do ministro Henrique Neves, a ex-ministra violou a legislação eleitoral, realizando “verdadeira propaganda eleitoral”. “Ao proferir frases como ‘vamos consolidar o pólo naval’ e ‘vamos fortalecer a educação, a saúde e a segurança’ realiza verdadeira propaganda eleitoral, idealizando os planos de governo futuro e a ação política que se pretende desenvolver. A propaganda transmite ao eleitor a ideia de que o Estado terá os benefícios citados apenas se a representada for eleita”, disse o magistrado.”

(Portal Terra)

Ítalo e Reno vão cantar no Halleluya

Nem só de Padre Fábio de Melo e Irmã Kelly Patrícia vai viver o XIV Halleluya, evento da Comunidade Católica Salom, que começa nesta quarta-feira à noite, no Condomíno Espiritual Uirapuru (Bairro Castelão). Essa festa ganhou uma novidade.

A dupla cearense Ítalo e Reno anunciou, nesta terça-feira, que vai se apresentar, na próxima quinta-feira, no Halleluya com show mesclando músicas cristãs e o forró pé-de-serra.

Ítalo e Reno dizem que não poderiam deixar de cooperar com o Halleluya porque, como são católicos, muito têm a agradecer a Deus pelo sucesso que estão obtendo  no momento. 

VAMOS NÓS – Essa dupla é conhecida também por fazer apresentações gratuitas em eventos que tenham cunho filantrópico. Ou seja, são dois cabras bons e que merecem bênção.

Candidato ao senado pelo PSTU diz que Tasso, Eunício e Pimentel são "lado da mesma moeda"

“Estes candidatos são todos lado da mesma moeda”. Foi assim que o candidato ao Senado pelo PSTU, Reginaldo Araújo, classificou, nesta terça-feira, 20, os três postulantes que tiveram melhor resultado na pesquisa de intenções de votos divulgada pelo O POVO/Datafolha, Tasso Jereissati (PSDB), Eunício Oliveira (PMDB) e José Pimentel (PT). Para Reginaldo, eleger dois destes três candidatos seria desperdiçar as oportunidades de mudança para a representatividade do Ceará no Senado.

Ainda que com apenas 3% das intenções de votos, o candidato se mostrou satisfeito com o resultado, “já que a campanha ainda nem começou”. Para o candidato, o aumento da classe trabalhadora e, segundo ele, o fato de esta classe estar mais consciente será fator decisivo para que consiga angariar votos em todo o Estado.

(O POVO Online)

Por um turismo estratégico nos Planos de Governo

Com o título “Turismo/Ceará: Da estagnação à açaõ”, o ex-secretário do Turismo do Estado e ex-presidente da CTI/NE, Allan Aguiar, manda artigo para o Blog. Ele defende que o Turismo entre nos planos de governos como valor estratégico para a economia e que, no Estado, não se perca mais tempo pensando em só atrair refinaria e siderúrgica. 

Alguns dos mais respeitados estudiosos da economia do Turismo no Brasil estão debruçados sobre os números, nacionais e regionais, que revelam os resultados alcançados nesses últimos anos. São analistas, estruturadores e gestores que, provocados, oferecem seus conhecimentos à construção de Programas de Governo de candidatos das mais variadas matizes.

A tarefa agora é entender os efetivos resultados alcançados e propor os ajustes capazes de alinhar a performance atual ao potencial existente. Para isso, a primeira tarefa é produzir o diagnóstico longe das emoções do discurso ou do achômetro. Um diagnóstico consistente e despolitizado, considerando que turismo não é de direita, esquerda ou centro.

No Nordeste o primeiro Estado a inserir de forma destacada esse Setor da economia no seu modelo de desenvolvimento econômico foi a Bahia, ainda nos anos 70. Com um planejamento estratégico bem formulado e uma gestão pública competente e profissionalizada, o destino Bahia evoluiu aos padrões que hoje conhecemos.

No caso cearense, a mais clara vocação econômica do Estado só passou a usufruir de uma agenda de trabalho em meados dos anos 90, com a decisão política de criar uma Secretaria de Estado. Com a agenda possível, a SETUR marcou alguns gols, mesmo sufocada pela dinâmica governante focada muito mais na industrialização do Estado que na alavancagem da âncora do setor de Serviços, o qual sempre foi a locomotiva que puxou os vagões da nossa incipiente economia.

Os planejadores e orçamentadores públicos, a bem da verdade, sempre trataram a vocação de uma forma tangencial. Se metade do foco, recursos e prioridade que foram dadas a projetos que jamais saíram do papel tivessem sido canalizados para nossa vocação natural, hoje estaríamos gozando de indicadores sociais bem mais generosos, muito mais trabalho e muito menos violência. Mas, a falta de um debate – matriz sobre o modelo de desenvolvimento econômico do Estado que resulte em Programas de Governo eficazes vem lançando o Ceará em atoleiro social insuperável.

São anos, talvez mais de uma década, que só se falou em refinaria, siderúrgica, estaleiro e Cia. Ltda. Isso terminou por produzir um “descuido” dos tomadores de decisão de investimento público do Estado para com setores como o Turismo e o Agronegócio. Imaginemos uma fração desses recursos todos alocados para alavancar esses setores em bases profissionais e mercadológicas, considerando que esses projetos estruturantes não são, nem nunca serão mutuamente excludentes

Chega a ser grosseira a pouca profundidade das ações que objetivam desenvolver o Estado. Ações pontuais aqui e ali, programas de baixo impacto na inclusão social, espasmos e soluços acolá, incapazes de construir os alicerces do equilíbrio social. Não se pensa estrategicamente, mas apenas operacionalmente. Não se formula sistemicamente, mas apenas setorialmente.

Decorridos mais quatro anos, é chegado o tempo de avaliar quem produziu e inovou no sentido de atenuar efetivamente o quadro de atraso do Estado no contexto nacional. No Turismo os números gritam ressaltando a estagnação, produto de uma pilotagem setorial que escolheu o proselitismo, ignorou o realismo e ficou quatro anos fazendo média e campanha para si mesmo ao longo do litoral leste do Estado.

Quanto à violência, considerando que ela é efeito, não causa, e que seu viés é de alta, devemos nos preparar para ir sobrevivendo do jeito que Deus quer.

* ALLAN AGUIAR

Ex-Presidente da Fundação de Turismo Integrado do Nordeste – CTI/NO e ex-secretário do Turismo do Ceará e de Pernambuco.

"Show da Fé" no aterro de Iracema

O pastor R. R. Soares, líder da Igreja Internacional da Graça de Deus, comandará evento no próximo sábado, a partir das 16 horas, no aterro da Praia de Iracema. Na ocasião, ele fará pregações e apresentará uma caravana de cantores gospel, dentro de maratona que realiza por várias Capitais. 

O líder religioso fundou e comanda essa igreja que conta com programas em redes de rádio de todo o Páis. Também ocupa espaços em redes de TV como a Bandeirantes. R.R.Soares apresenta ali o program Show da Fé e consegue atrair multidões de fiéis.

HALLELUYA 2010

E por falar em religião, a Comunidade Católica Shalom estará abrindo, nesta quarta-feira à noite, e se estendendo até domingo, no Condomínio Espiritual Uirapuru (Bairro Castelão), mais um Halleluya. Trata-se de evento de louvor e orações que, neste ano, terá show do padre Fábio de Melo.

Patrícia faz caminhada no Jardim Guanabara e no Novo São Miguel

A candidata a deputada estadual Patrícia Saboya (PDT) realizou na manhã desta terça-feira (20), no bairro Jardim Guanabara, uma caminhada no corredor comercial da avenida Mozart Lucena. Esta tarde, Patrícia estará nas ruas do bairro Novo São Miguel, em Caucaia, na Região Metropolitana. Na primeira caminhada, a candidata ouviu reclamações da população pela falta de saneamento básico, pela precariedade no atendimento à saúde, além da não existência de uma agência bancária. Segundo os moradores, os saques bancários são feitos em um caixa-eletrônico de um supermercado.

Impugnações já chegam a quase 3 mil

113 1

“A entrada de São Paulo no ranking de impugnações elevou para quase 3.000 o número de candidatos com problemas na Justiça Eleitoral. O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) começou a divulgar os dados de candidaturas impugnadas nos Estados e, até as 20 horas dessa segunda-feira, a corte havia registrado o questionamento de 301 registros dos 3.154 políticos que se lançaram na disputa por cargos. Com isso, o total de candidaturas impugnadas na Justiça Eleitoral chegou a 2.967.

Por enquanto, Minas Gerais, o segundo maior colégio eleitoral do país, atrás apenas de São Paulo, lidera o ranking dos pedidos de impugnação.De um total de 1.701 registros de candidatura, 614 foram impugnados, segundo balanço divulgado pelo TRE-MG (Tribunal Regional Eleitoral) na última sexta-feira. O Estado de Alagoas ocupa a segunda posição em números absolutos, mas em cálculo proporcional –quando são comparados o número de candidaturas registradas e o número de questionamentos–, o Estado lidera.

Dos 438 políticos que se lançaram candidatos, 429 tiveram a candidatura impugnada, o equivalente a 97,9% dos registros.Até ontem, Rondônia ocupava o terceiro lugar, com 327 candidaturas impugnadas, de um total de 477 políticos registrados. Há ainda números expressivos de impugnações nos Estados de Goiás, onde 230 das 800 candidaturas enfrentam problemas na Justiça; Amazonas, com 117 políticos questionados e Bahia, com 110. Paraíba com 98 impugnações e o Distrito Federal com 76, e Mato Grosso do Sul fecham os dez Estados com o maior número de candidaturas questionadas.

O Amapá é o Estado que contabiliza o menor número de impugnações. Das 368 candidaturas registradas, apenas 11 foram alvo de questionamento na Justiça Eleitoral do Estado.”

(Folha.com)

Uece e Crítica Radical debatem Emancipação

A Universidade Estadual do Ceará, por meio da Pró-Reitoria de Extensão da Uece, e o Instituto Crítica Radical promovem nesta terça-feira, a partir das 18h30min, o Seminário Desafios do Século XXI e A Emancipação Humana (Pré-Fórum) em preparação ao Fórum Transnacional da Emancipação Humana que ocorrerá de 1º a 5 de agosto próximo, na Concha Acústica da Universidade Federal do Ceará.

O encontro vai se estender, até sexta-feira, no auditório do Centro de Humanidades da Uece (Campus do Itaperi). As dirigentes do Crítica Radical – ex-prefeita Maria Luiza Fontenele e a ex-vereadora Rosa da Fonseca, devem aproveitar a ocasião para vender cautelas do sorteio de um Gol 0km que ajudará a bancar despesas do fórum transnacional. 

PROGRAMAÇÃO

20/07 (terça-feira) 

18h30min – Abertura

Prof. Francisco de Assis Moura Araripe (Reitor da UECE)

Prof.ª Maria Luiza Fontenele (Instituto Crítica Radical)

19 horas – Os desafios dos movimentos sociais, a crise atual e a emancipação humana.

•Participantes: Lúcia Conde (Serviço Social), Socorro Osterne (C. Sociais), Sandra Gadelha (Pedagogia) e Crítica Radical.

     •Local: Auditório Paulo Petrola – Campus Itaperi

21/07 (quarta-feira)

8 horas – Os Impasses do Marxismo, a Critica Social, a Crise Atual e a Emancipação Humana

•Participantes: Guilherme, Macário, Frederico Costa (Pedagogia) e Crítica Radical

     •Local: Auditório Paulo Petrola – Campus Itaperi

10 horas – Os Desafios Educacionais do Século XXI e a Emancipação Humana.

     •Participantes: Rosamaria Arnt (Conf. 7 Saberes), Horácio Frota (C.Sociais) (a confirmar), Raquel Dias (Pedagogia) e Crítica Radical.

     •Local: Auditório Paulo Petrola – Campus Itaperi

18h30min –  As Fronteiras do Conhecimento Científico, Tecnológico, Ecológico no Mundo Atual e a Emancipação Humana.                                     

• Participantes: Reginaldo Rodrigues (Filosofia), Jackson Sampaio (Medicina), Luiz Cruz Lima (Geografia) e Crítica Radical.

     •Local: Auditório Paulo Petrola – Campus Itaperi

22/07 (quinta-feira)

8 horas – O Papel das Ciências Humanas e os Desafios da Contemporaneidade e a Emancipação Humana.

•Participantes: Emanuel Ângelo da Rocha Filosofia), Expedito Passos (Filosofia) (a confirmar), João Nogueira Mota (Prof. Morais – Filosofia) e Crítica Radical.

•Local: Auditório do CH

10 horas – A Cultura, a Arte, a Literatura e os Desafios para a Emancipação Humana

•Participantes: Arminda, Lena Lúcia Espíndola (Letras), BC Neto (Filosofia) e Crítica Radical.

•Local: Auditório do CH

15 horas – A Problemática do Fetichismo, Inconsciência Social e Emancipação Humana – Impasses da Psicologia e Psicanálise.            

•Participantes: Emiliano (Filosofia), Erasmo Ruiz (Medicina/Psicologia e Crítica Radical

•Local: Auditório do CH

18h30min – A Crítica da Economia Política, Os Limites do Capitalismo e a Emancipação Humana

•Participantes: Francisco Teixeira (Filosofia), Meneleu (C. Sociais) e Crítica Radical.                

•Local: Auditório do CH

* Essa programação está no endereço http://www.forumdaemancipacaohumana.org/noticias.htm