Blog do Eliomar

Últimos posts

Líder da prefeita: "Ciro se enforca com a própria língua"

acrisioo

O líder da prefeita Luizianne Lins (PT) na Câmara Municipal, Acrísio Sena (PT), tomou as dores da prefeita e do seu partido e, neste domingo, em nota enviada para este Blog, responde ao presidenciável Ciro Gomes (PSB). Ciro disse que o PT do Ceará e do Brasil cometem um crime ao tentar forçar seu irmão, o governador Cid Gomes, a apoiar Dilma Rousseff. Ciro tem disparado contra os petistas que teme ver Cid apoiando o PT e, ao mesmo tempo, endossando a reeleição do senador tucano Tasso Jereissati.

Confira a nota:

Caro Eliomar de Lima,

Os constantes ataques do deputado federal Ciro Gomes (PSB) ao Partido dos Trabalhadores passaram dos limites da responsabilidade política. Essa forma de agir, cheira a inconsequência no trato das divergências e na delicadeza das relações.

Só confirma, a cada dia, que o deputado se enforca com a própria língua.

Acrisio Sena
vereador e dirigente do PT no Ceará

Marina: Brasil está sendo soterrado pela omissão e irresponsabilidade

marinasilvva

“A pré-candidata do PV à Presidência, Marina Silva, criticou neste domingo a situação emergencial no Rio de Janeiro, onde deslizamentos ocasionados pelas chuvas provocaram a morte de mais de 220 pessoas em todo o Estado. “Estamos vendo os brasileiros sendo soterrados pelo extremo da omissão e da irresponsabilidade”, afirmou.

Marina voltou criticar a polarização da campanha política em torno de nomes e não de ideias. Ela ressaltou que, entre as bandeiras do partido, estão a economia baseada na redução de emissão de carbono e na educação de qualidade, não apenas como direito. “O Brasil deve fazer jus à potência ambiental que é”, defendeu.

Em relação à política externa, a pré-candidata do PV à Presidência criticou a “audiência” dada ao o presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, e a “relativização” dos direitos humanos fundamentais, embora tenha ressaltado que “enxerga avanços no olhar para a África”.

Com a pré-convenção realizada hoje em São Paulo, o PV confirmou os nomes de Fábio Feldmann como pré-candidato do partido ao governo de São Paulo e do presidente do Instituto Ethos, Ricardo Young, como pré-candidato ao Senado. Hoje, ao todo, o partido conta com pré-candidatos em 10 Estados.”

(Agência Estado)

Ministro holandês visita o Ceará

O ministro dos Transportes da Holanda, Camiel Eurlinges, visita o Ceará nesta terça-feira. Aqui, ele será recebido, no Palácio Iracema, em audiência pelo governador Cid Gomes, dentro de uma série de visitas que  objetiva discutir parcerias na área portuária. O secretário especial dos Portos, Pedro Brito, deve acompanhá-lo.

Eutrlinges já esteve em estados como o Rio Grando Sul e São Paulo discutindo aspectos relacionados a um acordo de cooperação técnica que oss governos do Brasil e da Holanda firmaram nas áreas de transporte marítimo, de navegação interior e de logística em geral.

A assinatura do acordo ocorreu durante o encerramento do Seminário Internacional sobre Hidrovias Brasil/Holanda, promovido pela ANTAQ e realizado nos dias 4 e 5 de março, na sede da Confederação Nacional do Transporte (CNT), em Brasília e o ministro vem tratar do aspecto prático.

IJF com novas desculpas sobre novo apagão. Até quando?

Instituto José Frota (IJF), por meio de sua assessoria de imprensa, mandou nota oficial para este Blog. Novas explicações sobre novo apagão registrado nessa noite de sábano nesse hospital. Confira:

1 – Ontem (10), no final da noite, houve um pequeno curto-circuito,
previsível, que ocasionou uma queda de energia elétrica no IJF, por exatos 4 minutos. Os técnicos da manutenção ressaltam que se trata de uma ocorrência normal, já que ela ocorreu dentro do trabalho de resgate da capacidade da energia do prédio.

2 – Esta queda de energia, não altera o cronograma previsto pelo hospital, de recuperar 100% de sua potência energética até o final do dia de hoje (11). Finalizado o processo, todos os pavimentos do IJF serão testados durante todo o dia de amanhã, 12.

3 – Informamos que toda a UTI do IJF está funcionando plenamente, inclusive no que diz respeito à sua climatização.

4 – O hospital terciário IJF continua atendendo os casos com seu perfil
hospitalar. Os pacientes com pequena e média complexidade de atendimento são recebidos por uma equipe de acolhimento, que os transfere, de acordo com a Central de Regulação de Leitos, para os hospitais adequados, da rede pública de saúde.

5 – Dois aparelhos de Raios-X e um aparelho de ultra-sonografia estão
funcionando no setor de emergência do IJF. O trabalho deles está restrito aos pacientes de alta complexidade atendidos pelo hospital.

6 – Pacientes graves, politraumatizados e de alta complexidade são operados pela equipe médica do IJF. As cirurgias eletivas continuam suspensas.

7 – As áreas vermelha (parada cardio-respiratória), amarela (pacientes
estabilizados) e verde (sem risco eminente de morte) trabalham com 100% de sua capacidade de atendimento.

8 – Neste domingo, 11, no período da tarde, serão feitos os últimos testes para o retorno da total capacidade energética do IJF. Isso acarretará duas paradas técnicas de energia de 20 e 5 minutos, respectivamente. Áreas críticas como UTI não serão atingidas.

Sindicato da Habitação vai divulgar o Balanço Imobiliário do Ceará 2009

sergioporto

O presidente do Sindicato da Habitação, Sérgio Porto, dará entrevista coletiva nesta segunda-feira, a partir das 8 horas, no Hotel Luzeiros. Em clima de café da manhã, ele vai divulgar o Balanço do Mercado Imobiliário 2009.

Trata-se de documento que vai expor o comportamento do setor imobiliário, condomínios e resultados obtidos ano passado e que, segundo alguns diretores do sindicato, foi positivo.

(Foto – Paulo Moska)

Violações a direitos de crianças e adolescentes ultrapassam um milhão no Brasil

“Conselhos tutelares de todo o país registraram desde 1997 no Sistema de Informação para Infância e Adolescência (Sipia) 1.002.558 violações dos direitos previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). A alimentação do sistema é online e feita em tempo real, diretamente pelos conselhos tutelares. O total de violações, muda continuamente, o número indicado foi apurado no site http://portal.mj.gov.br/sipia/ nessa sexta-feira (9).

O Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente (Conanda) orienta que os conselhos tutelares sempre façam uso do sistema no atendimento. “A ideia é o conselheiro identificar alguma forma de violação e poder, de pronto, dentro do próprio sistema, fazer o encaminhamento correspondente”, explica Walisson Araújo, coordenador-geral do Sistema de Garantia dos Direitos da Secretaria de Direitos Humanos (SDH).

De acordo com o Sipia, a principal violação é a do direito à convivência familiar e comunitária (previsto no Artigo 16 do ECA). Mais de 467 mil ocorrências (46,66%) são relativas à falta desse direito. Além disso, o Sipia registra quase 24% de ocorrências de restrições à liberdade ou de ofensa ao respeito ou à dignidade (acima de 239 mil registros); e marca mais de 21% (acima de 212 mil registros) de desrespeito aos direitos de acesso à educação, cultura, ao esporte e lazer, obrigações do Estado.

Na semana passada, quando os registros ainda assinalavam 1.000.759 ocorrências, o perfil predominante de vítimas era do sexo masculino (53,25%) e de cor branca (62%). As ocorrências se equilibravam entre crianças de até 11 anos de idade (50,53%) e adolescentes de 12 a 18 anos (49,47%). A idade com mais registro foi de 15 anos, quase 90 mil ocorrências. Mães (256 mil registros) e pais (218 mil registros) eram, até aquele momento, os principais violadores de direitos, e a escola (46 mil registros) o local público com mais ocorrência de violações.

De acordo com Walisson Araújo, o tipo de direito violado, o perfil da vítima e dos violadores de direito não mudou desde quando o Sipia entrou no ar. “Existe aí uma rotina e constância de direitos violados e agente violador”. Nesse período, “há um número muito expressivo de violações no âmbito familiar, principalmente no que se refere a castigos corporais e negligência, ao mesmo tempo em que o Estado continua sendo um grande agente violador. Apesar da universalização do ensino fundamental, ainda há registros de falta de escola e falta de informações aos pais sobre a frequência do aluno”, exemplificou.

Para o ex-secretário executivo do Conanda e atual pesquisador da Universidade Católica de Brasília, Benedito dos Santos, é uma contradição social o fato de o Estado e a família, que deveriam proteger as crianças e adolescentes, serem os principais violadores de direitos.

Ele chama a atenção para a persistência do castigo físico entre as principais formas de violação de direitos das crianças e adolescentes. “Há alguma opacidade nisso, mas a agressão física passou a compor todos os rankings de violações. Em 20 anos do ECA, o Estado enfrentou pouco a violência física dentro de casa”, lamenta.

Em termos absolutos, o Paraná é o estado com mais ocorrências registradas (mais de 422 mil). Roraima é o que tem menos registros (apenas 16). O registro depende da iniciativa dos conselheiros e da capacidade instalada nos conselhos tutelares. Para melhorar o uso do Sipia e acabar com a subnotificação, a Secretaria dos Direitos Humanos está capacitando conselheiros de 1.990 municípios do semiárido e do programa Territórios da Cidadania.

Não há informação sobre o número exato de crianças e adolescentes que tiveram seus direitos violados. Isso porque o sistema dá prioridade às ocorrências das violações. Uma criança que é explorada sexualmente tem sua ocorrência como violação à liberdade, respeito e dignidade. Se a prática implicar o afastamento da criança da escola, o conselho tutelar também vai assinalar que a criança  teve violado o seu direito à educação.

SERVIÇO

A senha de acesso ao Sipia e agendamento dos treinamentos é responsabilidade dos órgãos estaduais que lidam com a área de direitos humanos. Para localizar o contato dos administradores estaduais, os conselheiros tutelares podem ligar na SDH nos telefones (61) 2025.3961 ou 2025. 9336.”

(Agência Brasil)

UVC faz encontro pró-Tasso Jereissati

Fortaleza será sede, nesta segunda-feira, do XXVII Congresso Estadual de Vereadores. O evento ocorrerá, a partir das 10 horas, no Gran Marquise Hotel, e se estenderá até terça-feira. Na pauta de assuntos, estão, por exemplo, o projeto que quer criar novos municípios e a crise no repasse das Câmaras Municipais.

Entre conferencistas, o senador tucano Tasso Jereissati que, às 11 horas desta segunda-feira, fará palestra abordando o tema “O Papel do Vereador no Legislativo Brasileiro“.

Detalhe sobre esse evento: o governador Cid Gomes deve abrir o encontro, tendo ao seu lado o presidente da UVC, Deuzinho Filho (PMN-Caucaia), que anuncia apoio à reeleição de Jereissati.

Ex-presidente da Funasa e a calamidade no Rio

Eis o que escreveu em seu site – Scenarium, o ex-ministro e deputado federal Paulo Lustosa, acerca do quadro lamentável – com mortes, provocado pelas chuvas. Lustosa também presidiu a Funasa. Confira:

Uma coisa é certa. As pessoas só tendem a cuidar de um problema quando ele se tornou de tal monta, tão grande, que não há como fugir de enfrentá-lo. Se existe algo que o Brasil nunca institucionalizou foi a preocupação em definir cenários possíveis para o seu amanhã e, a partir de tais cenários, estabelecer opções de políticas públicas destinadas a criar rumos de ação e adotar medidas preventivas para problemas e dificuldades.

Falar que o Brasil, desde a época de Delfim Neto, como “tzar” da economia, abandou, de vez, qualquer veleidade de um planejamento estratégico, nem que fosse de característica indicativa, é senso comum. Recentemente, alguns estudiosos têm ousado a, pelo menos, discutir a “agenda perdida” pelo Brasil, máxime na década passada, e propor uma nova agenda para inserir o País no contexto do crescimento econômico mundial.

Para certos economistas, ditos pragmáticos, planejamento ou visão estratégica de futuro é coisa de futurologia ou exercício acadêmico de pseudo-economistas desocupados e diletantes. Mas, a tragédia do Rio, que veio após a tragédia de São Paulo; que se fez após a desgraça de Angra dos Reis e que ocorreu logo depois do que se abateu sobre Santa Catarina, mostra que as cidades brasileiras não foram preparadas para situações como as que ora atingem o Rio de Janeiro.

Até um sistema mínimo de monitoramento do clima para antecipar tempos de pluviometria incomuns e, consequentemente, permitir a evacuação de áreas de risco, inexiste. Alguém diria, mas, se por acaso, se pretendesse remover populações para novas áreas, na transição, que estrutura se teria para tanto? Ora, isto é tão fácil e as Forças Armadas mostraram como tal logística pode ser aplicada, como ela fez agora no Haiti.

O problema é outro. Não se faz planejamento urbano. Não se tem uma Defesa Civil aparelhada, não se tem coragem de retirar populações em áreas de risco e, até um programa saudado como importante de urbanização de favelas, tem como previsto, para este ano, talvez atender mais cinco favelas das mais de seiscentas existentes. E o que se faz para não permitir a expansão das mesmas? O que se tem feito em termos de transportes de massa para as populações de baixa renda? É. A agenda é extensa, a sensibilidade é pouca e o compromisso inexiste

O Governador de plantão

ernai

O presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Ernani Barreira, já poderá, a partir de agora, ter o gostinho de ser governador sempre nas ausências de Cid Gomes (PSB). Isso, porque o vice, Francisco Pinheiro, e o presidente da Assembleia Legislativa, Domingos Filho, disputarão mandato e, claro, não querem ficar inelegíveis.

Francisco Pinheiro está com nome listado para tentar continuar vice, mas, se não der certo esse projeto, ele postulará cadeira estadual pelo PT. Já Domingos Filho postulará reeleição a deputado estadual.

Fortaleza antiga – O "PV"

estdaio

Eis aí o estádio Presidente Vargas foi construído no ano de 1941 com instalações modernas para a época. O “PV” era murado, tinha arquibancadas de madeira, cerca (também de madeira) separando o campo das torcidas e a grande maravilha: um gramado (até então todos os campos na cidade de Fortaleza tinham barro batido que era molhado antes das partidas).

O “PV” foi inaugurado oficialmente em 14 de setembro de 1941, mas a primeira partida ocorreu uma semana depois, em 21 de setembro com o jogo Ferroviário 1 x 0 Tramways-PE. O primeiro gol no estádio foi marcado por Chinês, aos 20 minutos do primeiro tempo.

DETALHE – Atualmente o “PV” passa por reforma das mais demoradas.

Morada Nova registra chuva de 138 milímetros

Choveu em 91 municípios cearenses nas últimas horas, segundo boletim da Funceme. A maior chuva foi registrada em Mrda Nova, com 138 milímetros, seguida de Missão Velha,com 131 milímetros, e Redenção com 105 milímetros.

Ainda choveu bem em:

Ocara, 91.3 mm

Iguatu – 91 mm

Acarape – 79 mm

Cariús – 79 mm

Russas – 75.4 mm

Pindoretama – 74 mm

Aracoaiaba a- 73 mm

Palmácia – 72.4 mm

Guaramiranga – 71.6 mm

Limoeiro do Norte – 71 mm

Lavras da Mangabeira – 70 mm

Aurroa – 68.5 mm

Pacjus – 66 mm

Icó – 65 mm

DETALHE – Em Fortaleza, choveu 39.3 milímetros.

Ciro: "O que o PT do Ceará e do Brasil faz contra Cid é um crime"

“Vou resistir e manter minha candidatura a presidente do Brasil”, reafirmou, neste fim de semana, antes de assistir ao show do cantor Erasmo Carlos, em clima de 9ª Bienal Internacional do Livro do Ceará, o deptuado federal Ciro Gomes (PSB).

Ele continua dizendo que sua situação política deve ficar resolvida até maio próximo. O problema é que o PSB de Eduardo Campos não quer lhe dar legenda.

Ciro também lamentou que o PT do Ceará e do Brasil estejam pressionando o seu imão, o governador Cid Gomes, a aderir a Dilma quando ele, Ciro, ainda não definiu sua situação eleitorla.

“O que o PT do Ceará e do Brasil está fazendo com Cid é um crime!, desabafou Ciro Goes, em pleno Cntro de Convenções, local da Bienal. Ciro era um dos vips convidados para o show do parceiro de Roberto Carlos.

Peemedebista não crê em racha entre Cid e Luizianne

paulohenrique

O deputado federal Paulo Henrique Lustosa (PMDB) anda afirmando não crer em rompimento entre o governador Cid Gomes e a prefeita de Fortaleza, Luizianne Lins (PT) por causa das próximas eleições.

Nos últimos dias, a prefeita tem dito que não comunga com aproximações do governador com o PSDB de Tasso Jereissati. Nesse cenário de queixas, ela chegou a receber, na sede do PT estadual hoje sob seu comando, o rival político cidista, o ex-governador Lúcio Alcântara.

Mas para Paulo Henrique tudo isso faz parte da política, um jogo de especulações. Ele prefere apostar na tese de que o acordo será mantido, embora avalie que o governador devia indicar a segunda vaga de senador que a prefeita tenta para o petista José Pimentel.

STF decide na quinta-feira se solta Cacciola

“Se na quarta-feira a sessão plenária do STF (Supremo Tribunal Federal) deve ser tomada pela discussão da ação que questiona a Lei de Anistia, na quinta, como já é tradição, os ministros se voltam a matérias penais. Nesta semana devem ser julgados dois casos rumorosos: o pedido de libertação do ex-banqueiro Salvatore Cacciola e a possível abertura de ação penal contra o senador Mão Santa (PMDB-PI).

Leia mais:
Supremo nega mais um pedido de liberdade de Salvatore Cacciola
Cacciola tem pena de 13 anos mantida pela Justiça Federal
Senador Mão Santa é denunciado por contratação irregular de funcionários

No hábeas corpus levado ao Supremo, os advogados de Cacciola pedem a liberdade do ex-banqueiro, condenado em primeira e segunda instâncias por gestão fraudulenta do Banco Marka e por corrupção de servidor público (do Banco Central), que teriam causado um rombo de mais de R$ 1 bilhão.

Cacciola está preso em Bangu 8, no Rio de Janeiro, desde julho de 2008, quando foi extraditado do principado de Mônaco para o Brasil. Ele havia fugido para a Itália em 2000 -após uma liminar concedida pelo ministro Marco  Aurélio Mello- onde ficou protegido por sua dupla cidadania. Como tinha um mandado de prisão na Interpol, o ex-banqueiro foi preso em Mônaco, onde foi passar férias.

Como o processo ainda está em fase de apelação, Cacciola pede o direito de recorrer em liberdade da pena de 13 anos de prisão e multa. O pedido de HC é baseado no princípio da presunção da inocência até que a sentença transite em julgado (não exista mais possibilidade de recursos).

Apesar do histórico de fuga, a defesa do ex-banqueiro sustenta que ele preenche os requisitos para aguardar o final do processo em liberdade. Se for solto, não comprometerá a ordem pública e econômica, a instrução criminal e a aplicação da lei penal. A defesa sustenta que Cacciola teria avisado à Justiça que se mudaria para a Itália, mas 15 dias depois ele foi decretado revel no processo. O STF cassou a decisão de soltá-lo.

(Última Instância)

IJF-Centro passa por nova pane de energia

Mais uma pane de energia elétrica foi registrada nessa noite de sábado no Instituto Doutor José Frota (Centro), a maior emergência do Estado, e o sufoco se instalou na unidade.

Durante os reparos que são feitos na casa de força em razão de incêndio ali registrado na última semana, houve problemas nas conexões de fios, segundo o secretário municipal da Saúde, Alex Mont’Alverne.

Pacientes graves que chegavam ao IJF foram transferidos para outras unidades e nenhuma cirurgia foi feita.

Nesta manhã de domingo, o quadro já está se normalizando e, de acordo com o secretário, as cirurgias voltam a ser realizar.

Sobre a normalização total do hospital, ele disse que a equipe de manutenção promete para até o fim deste domingo.

Ex-governador apoia as reeleições de Cid Gomes e de Tasso Jereissati

adauto

“Apoio a reeleição do Cid”, afirmou para este Blog o ex-governador do Ceará, Adauto Bezerra. Ele destaca o governador como “competente e hábil politicamente” e garante que, com Cid, o Ceará continua seguindo rota de continuidade de grandes empreendimentos de infraestrutura.

De quebra, Adauto, indagado sobre em que votará para o Senado, avisou: “Voto também no Tasso.” Quanto ao outro nome, disse que vai aguardar a definição do cenário político.

DETALHE – Em 1986, foi Tasso Jereissati quem, com o discurso de mudanças e combate à pobreza, deu fim ao ciclo dos chamados coronéis (Adauto, César Cals e Virgílio Távora).

Por amor a Cid, tucanos e petistas são aliados no Ceará

Eis mais um artigo do publicitário Ricardo Alcãntara. Neste domingo, ele apregoa que, na prática, no Ceará, o PSDB e o PT já são parceiros há muito tempo. Embora que com discursos de críticas e troca de farpas. Confira:

Alguma dúvida? Salvo as aparências – aliás, nada convincentes – o PT já é um aliado do “companheiro” Tasso Jereissati e seu partido no concerto de forças que apoiam o governo do estado. O perfil da coalizão é clássico.
 
PT E PSDB participam do mesmo modo da base de apoio ao governo: ocupam cargos de confiança e garantem a ele confortável maioria parlamentar para aprovação de suas iniciativas. Que nome tem isso? Chamem como quiser.
 
Se a tudo que os petistas dão voto, os tucanos também apoiam e, por sua vez, nada do que os tucanos defendem encontra resistência na bancada petista, salvem-me da ignorância, onde está, afinal, a diferença?
 
As tensões existentes – “bode fedido” é apenas uma metáfora para “rival no oportunismo”, decorrem apenas de uma disputa por hegemonia: ambos lutam para atrair o governo para estratégias eleitorais que os beneficiem.
 
Logo, se fizer valer o que deliberou em encontro recente a executiva do partido para as eleições deste ano, o PT não ratificará um veto à aliança com os tucanos. Terá rompido, isto sim, uma composição, de fato, já estabelecida.
 
Se subirá ou não no mesmo palanque com Tasso não é o mais importante, como Luizianne Lins finge acreditar. Isso aí faz parte do show, irrelevante como um adereço nesse baile de máscaras. Ela sabe: isso é  quase nada.
 
Se o PSDB der apoio, mesmo informal, a reeleição de Cid Gomes (PSB) e ocupar espaços no poder em 2011, nada terá mudado: petistas vestirão o já roto manto de moças virgens e os tucanos farão o que sabem – mandar.
 
Com o quadro nacional – PSDB e PT sustentam as candidaturas presidenciais mais fortes, as tensões tendem a se agravar. Veremos até onde irá o apetite dos petistas para se fingir de morto nesse jogo de aparências.

UVA – Antônio Colaço emplaca novo mandato como reitor

O governador Cid Gomes (PSB) assinou ato nomeando o professor Antônio Colaço como reitor da UVA. Colaço foi assim reconduzido, tendo como vice a professora Maria Palmira, sobrinha do deputado estadual José Theodoro (PSDB).

A UVA está ganhando novos cursos, mas seria bom se tivesse também mais concurso público para professor e servidores. Está precisando, dizem muitos dessa comunidade universitária.