Blog do Eliomar

Últimos posts

CCJ da Assembleia Legislativa aprova projeto que garante liberdade de expressão nas escolas

277 2

A Comissão de Constituição, Justiça e Redação da Assembleia Legislativa aprovou, nesta semana, o projeto de lei nº 24/19, de autoria do deputado Elmano Freitas (PT).

O projeto dispõe sobre garantias constitucionais de liberdade de expressão e de pensamento do professor em sala de aula nas escolas de educação básicas e universidades integrantes do sistema de ensino do Ceará. O projeto segue agora para votação em plenário.

Segundo Elmano, o objetivo do projeto é garantir, dentro do ambiente escolar, o respeito à dignidade da pessoa humana, a garantia da liberdade de aprender e de ensinar, o pluralismo de idéias e da compreensão pedagógica.

O parlamentar destaca que a Constituição Federal e a Lei de Diretrizes e Bases da Educação, a LDB, são os pressupostos legais que regem a garantia da pluralidade e da diversidade nas escolas.

“A escola deve ser lugar de acolhimento, de liberdade e, principalmente, espaço democrático para se debater idéias. São as diferenças que enriquecem e compõem nossa sociedade “, destaca o deputado petista.

(Foto – ALCE)

Índice do aluguel registra queda em agosto

O Índice Geral de Preços–Mercado (IGP-M), usado no reajuste dos contratos de aluguel, registrou deflação (queda de preços) de 0,67% em agosto.

Em julho, ele havia acusado inflação de 0,40%, segundo informou hoje, no Rio de Janeiro, a Fundação Getulio Vargas (FGV).

O IGP-M acumula inflação de 4,09% no ano e de 4,95% em 12 meses. A queda da taxa de julho para agosto foi puxada pelos preços no atacado e pelo custo da construção.

O Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede o atacado, anotou deflação de 1,14% em agosto, depois de uma inflação de 0,40% em julho.

Já o Índice Nacional de Custo da Construção continuou registrando inflação em agosto (0,34%), mas num ritmo inferior a julho (0,91%).

(Agência Brasil)

Fortaleza Liquida – Campanha começa nesta sexta-feira com produtos com descontos e prêmios valiosos

Assis Cavalcante, presidente da CDL, e Freitas Cordeiros, presidente da FCDL, puxam a campanha.

Começa nesta sexta-feira a décima campanha Fortaleza Liquida, que tem por objetivo incrementar vendas do comércio até o dia 9 de setembro. A promoção é da CDL e da FCDL e envolverá mais de 5000 lojas espalhadas pelo Centro e outros corredores comerciais, além dos principais shoppings da Capital (Iguatemi, RioMar Fortaleza, RioMar Kennedy, Del Paseo, Shopping Parangaba e Shopping Benfica).

“Essa campanha tem o objetivo de animar o varejo e tornar realidade o sonho do consumidor, oferecendo preços competitivos e atraentes, além de prazos mais elevados para pagamento. É também momento para os lojistas se livrarem do estoque acumulado nos Dias das Mães, dos Namorados e dos Pais e se capitalizarem para as compras do dezembro, melhor mês para o comércio do ano”, informa o presidente da CDL,  Assis Cavalcante.

No ano passado, a campanha movimentou aproximadamente R$ 220 milhões na economia cearense, superando as expectativas. Neste ano, o empresário estima que as vendas durante a campanha cresçam em até 4%, dependendo do setor.

Prêmios

Os prêmios desta edição para os consumidores incluem um Toyota Corolla, uma moto Honda e, a grande novidade, que são os três caminhões carregados de prêmios. Os vendedores dos cinco cupons válidos sorteados também ganharão prêmio: vales-compra no valor de R$ 1.000 cada um.

Para concorrer aos prêmios, é simples. A cada R$ 50 em compras, o cliente ganha um cupom. Pagando com o cartão na maquininha da Rede ou Pop Credicard, o consumidor passa a ter direito a dois cupons pelo mesmo valor. Se for utilizada as maquininhas da Rede ou Pop Credicard com o cartão Elo, as chances triplicam, com direito a três cupons para cada R$ 50.

O cadastro dos cupons pode ser feito no posto de troca instalado na Praça do Ferreira, que funcionará de segunda a sexta, das 9 às 17 horas, e nos sábados, das 9 às 14 horas, ou online pelo site ou web app (www.cdlfor.com.br). No caso do cadastramento eletrônico, é preciso preencher todas as informações solicitadas e, em seguida, enviar uma única foto com a nota fiscal e o comprovante do cartão (caso a compra tenha sido realizada nas maquininhas da Rede ou Pop Credicard). Quanto mais notas cadastradas, mais chances de ser sorteado. As notas fiscais cadastradas serão analisadas pela CDL e os cupons gerados ficarão disponíveis no web app.

(Foto – CDL)

BNDES cria linha de crédito para novos portos e setor de cruzeiros

Com o objetivo de ampliar a infraestrutura portuária para turistas, o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, anunciou durante III Fórum CLIA Brasil 2019, que o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) estuda disponibilizar uma linha de crédito para construção de 15 portos no Brasil. Os cruzeiros marítimos movimentaram 28,5 milhões de turistas em todo o mundo em 2018. Em 10 anos, a procura por viagens a bordo de um navio aumentou cerca de 60%. Porém, apesar de uma população de quase 210 milhões de habitantes, o Brasil responde por apenas 0,25% do número de cruzeiristas no mundo.

Os dados, divulgados pela CLIA Brasil (Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos), demonstram que, ao longo dos anos, o setor de cruzeiros continua crescendo no mundo, impulsionado principalmente pelo aumento da quantidade e diversificação de roteiros. Em 2019, o setor ganhará 24 novos navios e capacidade adicional total de 42.466 pessoas e, em 2020, mais 25 novos navios já estão previstos, com capacidade adicional total de 43.080 pessoa, de acordo com dados da Cruise Industry News.

No Brasil, a temporada 2019/2020 receberá oito navios, um a mais do que a temporada passada, trazendo 531.121 leitos que serão divididos por 144 roteiros e 575 escalas. A temporada 2018/2019 de cruzeiros marítimos foi responsável por um impacto econômico de R$ 2,083 bilhões na economia do país, gerando 31.992 postos de trabalho na economia brasileira. Ao todo, 462 mil cruzeiristas embarcaram.

O ministro Marcelo Álvaro Antônio ressaltou a relevância da atividade de cruzeiros para o turismo brasileiro e para a economia do país. “Quando cheguei no Ministério, me perguntava como uma costa tão bela, tão maravilhosa podia ter apenas sete navios operando. E o Marco (Ferraz, presidente da CLIA Brasil), melhor do que ninguém, nos explicou que os cruzeiros marítimos ainda engatinham em nosso país, principalmente pela falta de infraestrutura portuária”, afirmou.

Para promover melhorias no setor, o ministro se reuniu com o presidente do BNDES, Gustavo Montezano, para tratar da criação de uma linha de crédito no valor cerca de R$ 5 bilhões para financiar a construção de, pelo menos, 15 portos na costa brasileira. “Serão portos modernos, com shoppings, hotéis, para que a gente possa ter muito mais condições de receber o turista com conforto e comodidade”, afirmou. “E temos outras ações com o objetivo de desenvolver o setor de cruzeiros para, quem sabe, termos 50, 100 cruzeiros margeando e fazendo turismo na costa brasileira todos os anos”, destacou.

De acordo com o presidente da CLIA Brasil, Marco Ferraz, o setor de navios de cruzeiro voltou a registrar crescimento no país, após baixa nos últimos anos.

A presidente da CLIA Global, Kelly Craighead, afirmou que o Brasil tem uma incrível oportunidade de se tornar uma referência como destino de navios de cruzeiro, mas alguns obstáculos precisam ser vencidos. “É realmente preciso cuidar de como os negócios são feitos em relação a regulações, taxas – que são coisas óbvias – mas também infraestrutura. É preciso trabalhar em parceria com o governo para que o Brasil se firme como destino mundial de cruzeiros”, pontou Kelly.

(Foto – Arquivo)

Câmara Municipal de Fortaleza homenageará ex-presos políticos

232 1

A Câmara Municipal de Fortaleza vai entregar, às 9 horas desta sexta-feira, a Medalha Wanda Sidou a personalidades que atuaram na promoção da democracia brasileira durante a ditadura militar. A iniciativa é do vereador Ronivaldo Maia (PT).

Os agraciados são o advogado Mário Albuquerque, que comanda a Comissão de Anistia Wanda Sidou; o advogado Fernando Augusto de Santa Cruz Oliveira (in memoriam) (pai do presidente nacional da Ordem,Fernando Santa Cruz); o juiz aposentado Inocêncio Uchôa; o editor sênior do O POVO, Valdemar Menezes; e Maria Ruth Barreto Cavalcante, a primeira presa política do Ceará.

“Estes brasileiros presos ou desaparecidos políticos tiveram suas vidas e ações na defesa da democracia, também lutando pela anistia no Brasil”, destaca Ronivaldo Maia.

(Foto – O POVO)

Receita altera normas da declaração do Imposto Territorial Rural

161 1

A Receita Federal alterou as normas de apresentação da declaração do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR). Segundo o Fisco, a principal alteração refere-se a dispensa de obrigatoriedade de apresentação do Cadastro Ambiental Rural (CAR) em certos casos. A decisão foi publicada por meio de instrução normativa na edição de quarta-feira (28), no Diário Oficial da União.

Anteriormente, a norma previa a obrigatoriedade de informação do CAR e do Ato Declaratório Ambiental (ADA) emitidos Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) para os contribuintes que estivessem pleiteando a exclusão de áreas não tributáveis do cálculo de seu imposto a pagar. As áreas não tributáveis são compostas pelas áreas de preservação ambiental e reserva legal, por exemplo, informou a Receita.

A obrigatoriedade da inclusão do CAR na declaração do ITR decorria da Lei nº 12.651, de 2012, que previa a inscrição obrigatória no CAR para todas as propriedades e posses rurais, a ser requerida pelo proprietário até 31 de dezembro de 2018. Porém, em junho deste ano foi editada a Medida Provisória nº 884, que manteve a obrigatoriedade da inscrição no Cadastro Ambiental Rural, porém retirou a data limite para que o proprietário realize essa inscrição.

Desta maneira, foi necessária a retificação de instrução normativa da Receita (IN RFB nº 1.902), de 17 de julho de 2019, mantendo-se a obrigatoriedade da comprovação de inscrição no CAR para fins da declaração do ITR apenas para as propriedades que já estejam inscritas no cadastro.

(Agência Brasil)

Artigo – “Sinal amarelo para Bolsonaro”

780 1

Com o título “Sinal amarelo para Bolsonaro”, eis artigo de Ricardo Alcântara, escritor e publicitário. Ele analisa a recente pesquisa de popularidade do presidente Jair Bolsonaro, divulgada nesta semana pela Confederação Nacional do Trabalho. Confira:

Além de queda, coice. Em semana de fortes revezes para Bolsonaro, uma pesquisa de opinião (CNT/MDA) sobre seu governo acende o sinal amarelo para um presidente que se diverte todo dia cruzando o vermelho. Da sondagem, o principal dado é que a reprovação de seu governo dobrou em seis meses e alcança agora aquele nível a partir do qual as coisas podem sair do controle se não houver mudança de rota: 39% de cidadãos julgam seu desempenho “ruim” ou “péssimo”.

Das causas, a principal é de ordem geral e o precede: a estagnação econômica com o consequente taxa de desemprego acima de 10% da PEA, efeito, ainda, da “nova matriz econômica” do governo Dilma Rousseff.

A principal medida nessa direção, a Reforma da Previdência – concorde-se ou não, no todo ou em parte, com seus termos – está sendo tomada, mas seus efeitos serão lentos e parciais: de muitos outros fatores depende a recuperação da empregabilidade ao Padrão Lula 2006/2010 (alguns, inclusive, de ordem externa, como uma recessão global já prenunciada por alguns analistas).

A outra causa maior da queda na aprovação do governo é de ordem política: o presidente se recusa a governar em sintonia com as expectativas mais moderadas da maioria dos que nele votaram no segundo turno (um antipetismo, liberal, porém democrático). Sua fala mira somente seus eleitores do primeiro turno, mais radicais.

Por fim, mas não menos relevante, as incoerências: as manobras para castrar a autonomia dos órgãos de inteligência técnica de Estado com o inegável intento de livrar a cara do filho senador de uma denúncia quase conclusiva e a insistência em fazer de outro, deputado, embaixador nos EUA, revelam um homem disposto a baixar a meio pau as bandeiras principais de sua eleição em favor dos afetos (essa estória de política e família nunca acaba bem).

Não há nada ali alheio à influência dos três fatores citados, todos agravados pela notável habiliidade de Bolsonaro em usar as palavras para tornar ainda maiores os problemas que o cargo de presidente já lhe oferece, farta e rotineiramente.

A pior notícia da pesquisa, no entanto, está fora dela: o presidente não parece ter bom senso na medida suficiente para adaptar-se à realidade que o levantamento traz. Como todo radical, continuará tentando submeter a realidade às suas convicções até o limite do impasse. Discorda? Recorte e guarde.

*Ricardo Alcântara,

Escritor e publicitário.

(Foto – Agência Brasil)

Cândido Albuquerque está na reitoria da UFC; grupos articulam protesto

227 3

O professor Cândido Albuquerque encontra-se na reitoria da UFC, no Campus do Benfica. Ele chegou ali por volta das 11 horas. Não se sabe ainda sobre despachos ou alguma agenda de trabalho que ele esteja cumprindo, já que, nos últimos, trabalhava na Casa José de Alencar, em Messejana.

Ali, assinou algumas nomeações, diplomas e manteve reunião com seu chefe de gabinete, Fernando Carvalho.

Grupos que fazem protesto contra sua nomeação já estão se deslocando para a reitoria da Instituição. Cândido é chamado de “interventor”. Ele foi o terceiro mais votado na consulta à comunidade universitária e o segundo da lista tríplice que o Conselho Universitário mandou para o MEC.

O presidente Jair Bolsonaro nomeou Cândido Albuquerque reitor da UFC no ultimo dia 22 de agosto.

(Foto – UFC)

Inadimplência das empresas segue em alta e cresce 3,50% em julho, aponta CNDL/SPC Brasil

O número de empresas com contas em atraso continua crescendo no país, embora de forma mais moderada em relação aos anos anteriores. Dados apurados pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) apontam que a quantidade de pessoas jurídicas negativadas apresentou alta 3,50% no último mês de julho frente igual período do ano passado. Já na comparação com o mês anterior, sem ajuste sazonal, houve um recuo de 0,45%.

O Sudeste segue puxando o crescimento da inadimplência entre as empresas, ao registrar um avanço de 5,46% ante julho de 2018, o que representa a variação mais elevada entre as regiões pesquisadas. Em seguida aparecem, respectivamente, as regiões Sul, que registrou alta de 3,91% na mesma base de comparação, Centro-oeste (0,99%), Norte (0,70%) e Nordeste (0,37%).

Na avaliação do presidente da CNDL, José Cesar Costa, o crescimento econômico ainda em ritmo abaixo do esperado continua impactado a capacidade de pagamento das empresas. “Os setores vão se recuperando muito lentamente e a indústria vem trabalhando com níveis elevados de capacidade ociosa, o que contribui para que as empresas enfrentem dificuldades em honrar seus compromissos”, explica Costa.

Pendências

Outro indicador também mensurado pelo SPC Brasil e pela CNDL é o de dívidas em atraso. Em julho, também houve um crescimento de 0,64% frente ao mesmo período do ano passado. A maior fatia do total de pendências (70%) é devida ao setor de serviços, que engloba bancos e financeiras. O comércio responde por 17% dos setores credores, enquanto a indústria por 12%.

Entre os segmentos devedores, as altas mais expressivas de empresas negativadas ficaram com os ramos de serviço, que apresentou avanço de 5,99% na comparação anual. O comércio, por sua vez, teve alta de 1,46% na quantidade de atrasos, enquanto a indústria cresceu 1,11%. Em todos os casos, houve aceleração do crescimento do número de empresas negativadas.

“De fato, ainda se observa um crescimento da inadimplência entre as empresas, que reflete um cenário econômico abaixo do esperado. Mas também é fato que a inadimplência já não cresce às mesmas taxas que vimos no auge da crise. Para os próximos meses, tudo vai depender da evolução do crédito e da atividade econômica”, avalia o presidente do SPC Brasil, Roque Pellizzaro Júnior.

(Com CNDL/SPC)

Reforma da Previdência – Governo quer alterar relatório de Tasso e tirar o BCP

259 3

O governo federal vai tentar mudar a decisão do senador Tasso Jereissati (PSDB) que garantiu em seu relatório da Reforma da Previdência o Benefício de Prestação Continuada (BPC) aos mais pobres. A equipe econômica se mobiliza para derrubar a proposta e manter o texto aprovado pela Câmara, com restrições à concessão do benefício às camadas pobres no País.

Segundo matéria publicada em O GLOBO, essa mobilização contra o beneficio concedido no parecer de Tasso deverá acontecer durante discussão da matéria na Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) e se estender ao plenário da Casa.

Em menos de 24 horas, o relatório de Tasso recebeu 129 novas emendas que serão analisadas pelo senador e sua equipe de assessores.

DETALHE – Além do BPC, Tasso propôs a garantia de um salário mínimo de renda formal para todos os pensionistas, manutenção do tempo mínimo de contribuição de 15 anos, em vez de 20 anos como estava proposto pela Câmara dos Deputados, para homens que ainda não entraram no mercado de trabalho e o calculo mais vantajoso na aposentadoria por incapacidade em caso de acidente.

(Foto – Agência Senado)

Fernando Haddad cumprirá agenda exclusiva da direção nacional; nada de campanha interna do PT

O vereador Guilherme Sampaio (PT) manda nota para o Blog assegurando que Fernando Haddad não participará de atos de campanha de candidato à presidência do PT de Fortaleza. Guilherme, ao lado de Liliane Araújo e Raimundo Ângelo, está nessa disputa.

Ele diz:

Caro Eliomar de Lima, esclareço que, até onde estou informado, nosso candidato de unidade à Presidência da República nas últimas eleições, Fernando Haddad, não tomará parte em nenhuma disputa interna do partido.

Ele estará em Fortaleza, amanhã, exclusivamente, para participar do ato político em alusão aos 40 anos da Lei da Anistia, que será realizado na Praça da Gentilândia, a partir da 18 horas, no Benfica.

*Vereador Guilherme Sampaio (PT)

(Foto – Arquivo)

Seminário debaterá o esporte como ação empreendedora

O Sebrae do Ceará vai promover, nesta sexta-feira e no sábado, a partir das 8 horas, em sua sede, na Praia de Iracema, o Seminário Esporte e Gestão Empreendedora. O evento pretende reunir palestrantes e expositores do mercado esportivo em uma programação gratuita, que contará com palestrantes de referência nacional em esporte e gestão.

No grupo, a medalhista olímpica Magic Paula, do Instituto Passe de Mágica, o primeiro montanhista nordestino a chegar ao cume do Everest, Rosier Alexandre, e Neide Santos, do projeto Vida Corrida, que desde 1999 vem mudando a vida de crianças e mulheres do Capão Redondo (SP), através do esporte.

O seminário contará também com oficinas, debates, apresentações culturais e a realização de uma feira esportiva com expositores de vários segmentos como assessorias esportivas, clínicas de fisioterapia, especialistas em nutrição, moda fitness, alimentação, entre outros.

Corrida 21k Terra da Luz

O Seminário Esporte e Gestão Empreendedora faz parte da programação que antecipa a realização da Corrida 21k Terra da Luz – Meia Maratona Turística de Fortaleza, que será realizada no dia 1º de setembro.

SERVIÇO

*Centro de Negócios do Sebrae – Avenida Monsenhor Tabosa, 777 – Praia De Iracema

*Mais informações e inscrições – bit.ly/SeminarioEsporte19

(Foto – Reprodução)

PIB do Brasil cresce 0,2% no segundo trimestre deste ano, diz IBGE

93 2

O Produto Interno Bruto do Brasil cresceu 0,4% no segundo trimestre, comparado aos primeiros três meses do ano. O desempenho da economia no segundo trimestre foi puxado, principalmente, pelos ganhos da indústria (0,7%) e dos serviços (0,3%). Já a agropecuária caiu 0,4%. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira pelo IBGE, informa o Portal Uol.

O PIB, na comparação com igual período de 2018, subiu 1%, o décimo resultado positivo seguido nesse tipo de comparação. Em valores correntes, o PIB no segundo trimestre totalizou R$ 1,780 trilhão.

Na comparação com o primeiro trimestre, o crescimento na indústria foi influenciado pela expansão das indústrias de transformação (2%) e construção (1,9%). Já as indústrias extrativas registraram recuo (-3,8%) no período.

Juntas, as indústrias de transformação e construção respondem por cerca de 70% do setor. Além disso, a indústria de transformação tem peso no segmento de bens de capital, que contribuem para os investimentos internos e externos.

Conselho Regional de Administra forma 100 especialistas em Gestão Pública

O Conselho Regional de Administração do Ceará vai realizar, a partir das 8 horas do próximo sábado, na sede da Unice, em Fortaleza, a  solenidade de entrega de diplomas de especialistas a 100 profissionais. O curso de pós-graduação em Planejamento e Gestão das Finanças Públicas contou com a chancela da Universidade Regional do Cariri (Urca).

O CRA-CE patrocinou e, mediante sorteio, seleciona os profissionais para essa formação.

As atividades ocorreram em três polos, sendo um em Fortaleza, com 50 alunos, e outros dois em Sobral (Zona Norte) e Juazeiro do Norte (Região do Cariri), para mais 50 alunos.

O presidente do CRA-CE, Leonado Macedo, destaca que, ao oferecer qualificação para os administradores, na ponta do serviço, quem mais se beneficia é a sociedade. “Estamos entregando de uma vez só 100 administradores especializados em planejamento e gestão das finanças públicas”, comemora.

Para o administrador Francisco Veras Neto, um dos alunos concludentes da especialização na Capital, “o curso é de grande valia, e vai agregar cada vez mais valores aos nossos conhecimentos e ao mercado de trabalho na abertura de portas”, acentua.

(Foto – Divulgação)

 

Gilmar Mendes manda recado para o pessoal da Lava Jato que quer seu impeachment

Como a Coluna Radar, da Veja Online, revelou, nesta semana, Gilmar Mendes é o ministro que mais teve pedidos de impeachment protocolados no Senado, entre os 11 ministros do Supremo Tribunal Federal.

Boa parte dos pedidos de impedimento foram assinados por defensores da Operação Lava Jato.

Segundo a Radar, Gilmar não vai trombar publicamente com esse pessoal, mas deu seu recado no julgamento da Segunda Turma na terça-feira.

Ele disse, entre outras coisas, que… “A república de Curitiba nada tem de republicana, era uma ditadura completa. (…) Assumiram papel de imperadores absolutos. Gente com uma mente muito obscura. (…) Que gente ordinária, se achavam soberanos.”

(Foto – Agência Brasil)

Festa da padroeira de Juazeiro do Norte será aberta com a Cavalgada Mãe das Dores

O prefeito José Arnon (PTB) dará estará na cavalgada.

Tudo pronto para a III Cavalgada Mãe das Dores. O evento, que vai acontecer no próximo sábado em Juazeiro do Norte (Região do Cariri), é uma realização da Basílica de Nossa Senhora das Dores em parceria com a Prefeitura. A cavalgada marca a abertura da festa da padroeira da cidade, que se estenderá até o dia 15 de setembro.

A concentração da cavalgada está marcada para as 6 horas do dia 31, na Praça Feijó de Sá. A Prefeitura irá disponibilizar tendas para o acolhimento dos cavaleiros e dos animais e equipes para organização e limpeza das vias públicas, por onde acontecerá o trajeto da cavalgada.

Equipes da Guarda Municipal e do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran) farão a organização do trânsito. A Cavalgada, que sairá da Praça Feijó de Sá (Giradouro), percorrerá as avenidas Padre Cícero, Castelo Branco e seguirá pela rua São Pedro até a Basílica

(Foto – Divulgação)

The Intercept Brasil – Deltan Dallagnol teria vazado informações de investigação à imprensa

323 3

O site The Intercept Brasil e o Portal Uol publicaram, nesta quinta-feira, novas mensagens vazadas. Desta vez, apontando que o coordenador da Operação Lava Jato em Curitiba (PR), Deltan Dallagnol, teria mentido ao negar que agentes públicos passavam informações de investigações à imprensa.

Em chats no Telegram, procuradores admitem “vazamentos”, e Dallagnol aparece antecipando um passo de uma das operações a jornais.

De acordo com o Intercept, Dallagnol participou de grupos em que esse tipo de vazamento era debatido, planejado e realizado. Em 21 de junho de 2015, o procurador da Lava Jato Orlando Martello enviou, segundo as mensagens obtidas no Telegram, a pergunta ao colega Carlos Fernando Santos Lima, no grupo FT MPF Curitiba 2, que reúne membros da força-tarefa:

“Qual foi a estratégia de revelar os próximos passos na Eletrobrás etc?”.

Santos Lima disse não saber do que Martello estava falando, mas afirmou: “Meus vazamentos objetivam sempre fazer com que pensem que as investigações são inevitáveis e incentivar a colaboração.”

Esta conversa teria ocorrido dois dias após a 14ª fase da Lava Jato, que apontou para as empreiteiras Odebrecht e Andrade Gutierrez. Os procuradores debatiam estratégias para conseguir um acordo de delação com Bernardo Freiburghaus, apontado como operador de propinas da Odebrecht.

Neste mesmo dia, ainda segundo o site The Intercept Brasil e o Portal Uol, Dallagnol e Martello disseram no grupo que vazaram informação de que os EUA ajudariam na investigação de Freiburghaus. Segundo os diálogos, eles informaram a repórteres do jornal O
Estado de S. Paulo, antecipando a movimentação, para pressionar o investigado. Dallagnol teria sido o responsável.

(Foto – Agência Brasil)

ZPE do Ceará completa seis anos de operações

A ZPE do Ceará, única zona de processamento de exportação do Brasil em operação e que fica na área do Complexo Industrial e Portuário do Pecém, em São Gonçalo do Amarante (Região Metropolitana de Fortaleza), completa seis anos de atividades.

Oficialmente, foi criada em 30 de agosto de 2013 e tem servido de modelo para outros estados brasileiros.

No ano passado, a ZPE cearense atingiu a marca de 12,5 milhões de toneladas movimentadas, um crescimento de quase 13% em relação a 2017. “Apesar de muito jovem, a ZPE Ceará já tem resultados consistentes. Esse é um trabalho realizado por toda uma equipe que trabalha com o objetivo de colher grandes frutos para todos”, diz Mário Lima – Presidente da ZPE do Ceará .

(Foto – Divulgação)

Sarampo – Brasil registra 2,3 mil casos confirmados da doença

Um boletim epidemiológico do Ministério da Saúde, divulgado nessa quarta-feira, contabiliza 2.331 casos confirmados de sarampo no país nos últimos três meses. O número representa um aumento de 38,75% em relação ao último boletim. Ainda conforme o balanço desta quarta-feira, foram descartados 1.294 casos suspeitos enquanto 10.855 seguem em investigação por equipes de secretarias de saúde.

Nesta semana, a primeira morte provocada pela doença foi confirmada em São Paulo. Diante da evolução do surto no país, a pasta anunciou em entrevista coletiva em Brasília a aquisição de mais 18,7 milhões de doses de vacina contra o sarampo, reiterou a intensificação da imunização com foco em crianças e adultos jovens e informou ações adotadas diante da disseminação do vírus.

São Paulo é o epicentro do surto, onde foram confirmados uma morte e 2.299 casos – 98% do total. Em seguida vêm Rio de Janeiro (12), Pernambuco (5), Santa Catarina (4) e Distrito Federal (3), além de oito estados com um caso cada: Bahia, Paraná, Maranhão, Rio Grande do Norte, Espírito Santo, Sergipe, Goiás e Piauí. Os registros se distribuem em 87 municípios dessas unidades federativas.

(Com Agência Brasil)