Blog do Eliomar

Últimos posts

Temer divulga mensagem sobre canonização de 30 mártires brasileiros

Em mensagem divulgada hoje (15), o presidente Michel Temer destaca a canonização de 30 mártires de Cunhaú e Uruaçu, no Rio Grande do Norte, ao lembrar que esses santos foram vítimas da intolerância. “A canonização de nossos mártires, eles mesmos vítimas da intolerância, traz este importante ensinamento: sejamos todos mensageiros e construtores da paz e do entendimento”, diz Temer. Eles foram canonizados neste domingo pelo papa Francisco.

Na mensagem, Temer lembra que a canonização ocorre poucos dias após a celebração dos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora Aparecida por pescadores no Rio Paraíba do Sul, em São Paulo. “Essa feliz sucessão de eventos renova, em dezenas de milhões de brasileiros, a virtude maior da caridade cristã. E renova nossa disposição coletiva para, por meio do diálogo, chegar à compreensão do outro. Isso é particularmente significativo neste momento da história”, lembra a mensagem presidencial.

No texto, o presidente afirma que o mundo traz marcas de “extremismos, de incertezas”, além de viver uma crise de solidariedade, que precisa ser vencida. “O nosso mundo traz, infelizmente, marcas de extremismos, de incertezas. Nossa capacidade de cooperar, de agir em conjunto, está sendo submetida a duros testes. Atravessamos uma crise de solidariedade”.

Para o presidente, vencer a crise é uma responsabilidade comum e é, também, urgente promover o resgate da solidariedade entre as pessoas e também entre as nações. “É urgente resgatar a solidariedade e, com ela, a esperança”.
Na mensagem, Temer lembra que, em recente homilia, o papa Francisco disse que a esperança é o “impulso no coração de quem acolhe, o desejo de encontrar-se, de conhecer-se, de dialogar” e afirma: “É com esse espírito que temos levado adiante transformações em nosso país. É com esse espírito que nos lançamos ao mundo”, conclui o texto divulgado nesta manhã pelo Paláciodo do Planalto.

A beatificação, etapa anterior à canonização dos 30 mártires, ocorreu no dia 5 de março de 2000, no Vaticano, e foi presidida pelo então papa João Paulo II. Os 30 mártires, agora santos, foram vítimas do massacre ocorrido nos dois municípios norte-riograndenses em 1645, em função das invasões holandesas no Brasil.

Na ocasião mais de 80 fiéis da Igreja Católica foram mortos e, destes, 30 foram canonizados hoje pelo papa. A tragédia teve início quando os holandeses invadiram o Nordeste brasileiro para cobrar as dívidas dos portugueses que construíram engenhos com dinheiro emprestado pela Holanda.

(Agência Brasil/Pedro Ladeira, da FolhaPress)

O massacre de Las Vegas

Em artigo sobre a tragédia em Las Vegas, o médico, antropólogo e professor universitário Antonio Mourão Cavalcante avalia o comportamento do assassino. Confira:

Las Vegas é uma cidade muito estranha. Nela trafegam pessoas cheias de sonhos. A imensa ilusão do dinheiro: ficar rico. Milionário. Contrastando com o desespero dos imediatamente empobrecidos. Pelas ruas há um constante desfile de limousines, luxo e glamour, flanando com os párias – quase sempre drogados – que pedem moedas para sobreviver… Pode-se verificar a existência de uma prostituição desenfreada. Em qualquer mesa que você chega ou telefone público, há panfletos com mulheres oferecendo seus corpos para encontros: “Se você quer passar uma noite feliz, me telefone. Estou lhe esperando.”

Na avenida principal há a distribuição de imensos hotéis, intensamente iluminados, prometendo alegria e felicidade. Sucesso. Todos estes hotéis apresentam imensos salões de jogos. Dão a impressão/sentimento de estarmos em um ambiente muito mórbido. O barulho, estranha sinfonia de máquinas caça-niqueis em um tilintar de moedas caindo. Ensurdecedor. Aquelas pessoas lentas, sonolentas, diante daquelas luzes piscando, dá a impressão de algo dantesco. Estranhamente, todo tempo fumando e comendo guloseimas.. Muito depressivo. Muitas pessoas obesas. Bólidos de gorduras. Não gostei. Senti, digamos assim, um ambiente muito pesado. Doentio. Ali pessoas se afogam e perdem fortunas…

Tudo alimentado pela grande ilusão de – imediatamente – ficar rico. Você pode ser sorteado e ganhar milhões de dólares…. Uma cidade muito pesada. Muito carregada. Completamente destituída de autenticidade. Uma alegria falsa. Uma possibilidade de sucesso ilusório.

Fechando essa hipótese – ninguém é sem culpa – ouso afirmar que o assassino de Las Vegas não atirou naquelas pessoas… Ele atirou na alegria. Atirou na festa. No grupo. Ele atirou na suposta felicidade. A mesma que ele não tinha e nem nunca teve. Não esboço uma defesa, mas tento encontrar um senso. É como se ele rejeitasse: isso não pode existir. Tenho que destruir. É tudo uma farsa. Mentira! Então, ele pega as armas mais possantes que ele pôde encontrar. A polícia já encontrou 42 armas em sua casa e no local do crime. O tresloucado colocou até um dispositivo nas armas, permitindo disparar toda a munição.

O que ele queria destruir? Por que o ódio feroz? Simples: pessoas felizes, que cantavam, dançavam…Alegres. Aquilo que ele não pôde ter. E, ao final, como ele não conseguiu exterminar, destruir literalmente tudo aquilo que lhe causava tanto desespero, ele se mata. É a metáfora dessa história.

Do ponto de vista individual, pode-se afirmar que a alma de um indivíduo assim, está despedaçada. O lado emocional, sentimental, estava estilhaçado há muito tempo. Dentre as poucas informações que circularam, chamou-me atenção a que referia ter ele, em criança, experimentado um ambiente familiar caótico. Muitas brigas e violência. Alguém dirá, se todo mundo que foi batido na infância, que teve ambiente familiar violento, for apresentar essa reação, o mundo está ferrado. Nele, a reação foi essa. Existem pessoas que são mais sensíveis. Emocionalmente mais instáveis. Além de outros episódios que seguramente serão revelados mais para frente.

Logo após o episódio, a imprensa começou a divulgar os dados estatísticos de mortos e feridos. O Governo interveio e pediu que não fossem dadas informações desse tipo: foi o mais espetacular, bateu todos os recordes, etc. Isso estimularia outros a repetir o episódio, tentando bater novos recordes. Fica evidenciado o espírito competitivo da sociedade americana. Do vencedor. Do campeão. Ou como sugere o Presidente Trump: América first!

Salmito chega aos 43 anos neste domingo e é apontado como a mais jovem liderança no Estado

308 1

Para o ex-governador do Ceará e ex-ministro Ciro Gomes (PDT), Salmito é um dos quadros da política cearense que mais cresce no cenário atual, pela seriedade com que trata a coisa pública e pela defesa dos menos favorecidos. “Já é provadamente um dos melhores políticos que a democracia produziu. O vejo com muita segurança cumprindo missões importantes em Fortaleza e no Ceará”.

É nesse clima de futuro político promissor que o presidente da Câmara Municipal de Fortaleza, Salmito Filho (PDT), chega neste domingo (15) aos 43 anos de idade. Apontado como pré-candidato à Assembleia Legislativa pelo grupo político liderado por Ciro Gomes e Cid Gomes, e que ainda conta com a liderança o prefeito Roberto Cláudio, Salmito também recebeu nesses dias o reconhecimento de Cid Gomes e Zezinho Albuquerque, esse último presidente da Assembleia Legislativa.

“Salmito é uma jovem liderança que cresce a cada dia”, comentou Zezinho. “Salmito terá importante trabalho no futuro político próximo de Fortaleza, do Ceará e do Brasil”, ressaltou Cid.

Brasil tem 30 novos santos: papa canoniza mártires de Cunhaú e Uruaçu

268 1

A Igreja tem 35 novos santos, dos quais 30 são brasileiros. Em cerimônia presidida pelo papa Francisco neste domingo (15), na Praça São Pedro, foram canonizados os mártires de Cunhaú e Uruaçu, no Rio Grande do Norte, os protomártires do México – considerados os primeiros mártires do continente americano -, além do sacerdote espanhol Faustino Míguez, fundador do Instituto Calasanzio, das Filhas da Divina Pastora, e do frade capuchinho italiano Angelo d’Acri.

Após ser cantado o Veni Creator, o prefeito da Congregação para as Causas dos Santos, cardeal Angelo Amato, acompanhado pelos postuladores das causas, dirigiu-se ao papa pedindo que se procedesse à canonização dos beatos, com a leitura de seus nomes e de uma breve biografia deles. Após cânticos e orações, Francisco leu a fórmula de canonização.

O processo de canonização durou 15 anos e chegou à Congregação das Causas dos Santos por intermédio do cardeal Cláudio Hummes, arcebispo emérito de São Paulo.

(Agência Brasil)

Investimentos entre países do Brics cresceram 9.000% em 11 anos, diz Eunício

89 1

O presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), destacou nesse sábado (14), durante o III Fórum Parlamentar do Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), que acontece na Rússia, à margem da 137ª Assembleia-Geral da União Interparlamentar, que o estoque de investimentos diretos de países do bloco cresceu de US$ 162 milhões em 2005, para US$ 15 bilhões em 2014. E, até o mês de outubro de 2016, tinham sido contabilizados US$ 724 milhões.

“Precisamos estar atentos ao potencial comercial existente dentro de nosso agrupamento e, como parlamentares, adotarmos as providências necessárias à permanente atualização de nossas respectivas legislações, de modo mantermos nossos fluxos comerciais abertos”, comentou Eunício, ao lembrar a necessidade de um acordo comercial dentro do bloco.

O senador destacou o Fórum como uma importante oportunidade para o bloco estreitar o intercâmbio entre os parlamentos e explorar novas iniciativas conjuntas. Em especial, Eunício citou o Novo Banco de Desenvolvimento (NBC) e o Arranjo Contingente de Reservas (ACR), e assinalou o financiamento de US$ 300 milhões do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) a projetos de energia eólica formalizado com o NBD em abril deste ano.

“Por intermédio deste importante Fórum Parlamentar, temos cooperado em vários setores, como comércio, ciência e tecnologia, agricultura, educação, saúde, segurança, energia, transportes e meio-ambiente. Áreas importantes, sem dúvida, que exigirão uma interação cada vez maior entre nossos governos e também entre nossos povos”, disse.

De acordo com Eunício, sem desconsiderar quaisquer avanços na relação intrabloco, três áreas são prioritárias para o Brasil: saúde, energia, e ciência e tecnologia.

“Vemos nessas áreas a possibilidade de melhoria da qualidade de vida de nossas populações, de maior inovação para nossas indústrias, e de diversificação de nossa matriz energética. Além disso, por meio dessas três áreas, estaríamos contribuindo para alcançar os objetivos de desenvolvimento sustentável, assumidos por todos os países perante as Nações Unidas no âmbito da agenda 2030”, ressaltou.

Eunício Oliveira destacou ainda a capacidade do Brics de projetar globalmente percepções e interesses comuns em ampla gama de temas, como a paz, a segurança internacional, o comércio e as mudanças climáticas e, por isso, convocou os países-membros a ampliar a cooperação interinstitucional.

“O governo brasileiro prefere abordar essas questões por sua vertente operativa, mais do que política ou até mesmo filosófica. Como presidente do Congresso do Brasil, juntamente com meus colegas do Parlamento Brasileiro aqui presentes, desejo expressar minha confiança na experiência e responsabilidade de todos os senhores. Temos um importante papel a desempenhar na condução dos assuntos que dizem respeito à paz internacional e à preservação de nosso planeta”, concluiu.

(Foto: Divulgação)

Venezuelanos vão às urnas neste domingo para eleger 23 governadores

Após cinco meses de protestos, que deixaram um saldo de pelo menos 120 mortos e um país dividido, a oposição e o governo da Venezuela voltam a se enfrentar neste domingo (15), desta vez nas urnas. Dezoito milhões de eleitores foram convocados para escolher governadores em 23 estados, em meio a uma grave crise econômica e social e denúncias de fraude.

Os partidos de oposição, que compõem a frente Mesa de Unidade Democrática (MUD), têm acusado o governo de lançar mão de qualquer artifício para garantir a própria vitória, mesmo quando as pesquisas de opinião indicam que o presidente Nicolás Maduro tem índice de rejeição em torno de 85%. Como exemplo, a oposição cita seus líderes, que foram presos ou impedidos de se candidatar, e até a transferência, de última hora, de centros de votação.

Segundo o governo, a mudança, que afeta mais de 700 mil eleitores, foi necessária por motivos de segurança. Mas o governador de Miranda, Enrique Capriles, que se opõe a Maduro, afirma que foi uma manobra para confundir o eleitor nos lugares onde a oposição é forte – como o estado dele. “É normal que, faltando 48 horas para a votação, 224 mil eleitores de Miranda sejam transferidos de um centro a outro? ”, perguntou Capriles.

Apesar de temer que haja manipulação e fraude, a MUD decidiu participar do pleito, apostando em uma vitória como a de 2015, quando elegeu a maioria parlamentar pela primeira vez em 18 anos de governos chavistas.

Atualmente, o governo federal controla 20 dos 23 estados. Para a oposição, o descontentamento dos venezuelanos com a crise vai se refletir nas urnas, desde que consiga convencer pelo menos 60% do eleitorado a votar. Neste caso, a expectativa dos opositores e eleger entre 15 e 18 governadores.

Mesmo que o resultado seja favorável à oposição, não há garantia de que a situação na Venezuela mude. O Congresso, de maioria opositora, nunca pode legislar. Suas decisões foram anuladas pela Suprema Corte, até a posse, em agosto, da Assembleia Nacional Constituinte, que assumiu os poderes legislativos. E os constituintes são todos governistas, até porque a oposição não participou das eleições, por considerá-las fraudulentas.

O vice-presidente do Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV), Diosdado Cabello, um dos homens fortes do governo, já afirmou que os governadores eleitos domingo (15) só poderão assumir, depois de aprovados pela Assembleia Nacional Constituinte. Na campanha, Maduro pediu aos venezuelanos que votem pela continuação da “revolução boliviariana”, iniciada por Chávez e contra a ingerência externa.

Os Estados Unidos, a União Europeia, o Brasil e outros países da região têm condenado Maduro por considerar que ele avançou sobre o Judiciário e o Legislativo e que, na Venezuela, hoje, não existem mais poderes independentes.

(Agência Brasil)

Ferroviário larga na frente no Estadual Cinquentão

O Ferroviário iniciou com vitória na Copa Cearense de Futebol Cinquentão Masters, na tarde desse sábado (14), ao superar o Guarani de Sobral, por 2 a 1, no Campo do Ceará Mirim, no bairro Presidente Kennedy. A competição segue na manhã deste domingo (15), na Toca do Tigre, com o confronto Tiradentes x Fortaleza.

Após a vitória, os atletas do Ferrão foram comemorar o resultado no Besouro Verde, na Parquelândia, dirigido pelo ex-atacante coral Nena, bicampeão juvenil pelo Ferroviário (1978/1979).

A equipe coral volta a campo no próximo sábado (21), diante do Tiradentes, em local ainda a ser definido.

Alguém já viu algum tucano preso?

202 3

Da Coluna Valdemar Menezes, no O POVO deste domingo (15):

Decisão do Supremo Tribunal Federal (por voto de desempate de sua presidente Carmem Lúcia) reconheceu que medidas judiciais contra parlamentares capazes de atingir o exercício do mandato popular só podem ser executadas após o Parlamento analisá-las e votar se as aceitam ou não. Com isso, atende-se ao que determina explicitamente o Art. 53, § 2º da Constituição Federal.

Até então, o STF, por injunções políticas, segundo vozes críticas, vinha atropelando esse dispositivo constitucional. Que não funcionou no caso Eduardo Cunha (apenas se esperou que ele concluísse, junto com Aécio Neves, a trama do impeachment fajuto). Lembremo-nos de que o senador Romero Jucá foi gravado articulando o estancamento da “sangria”, que só poderia ser concretizada com a deposição de Dilma Rousseff num grande “acordo”, onde se incluiriam ministros do STF e comandantes militares. Está lá gravado. Também não valeu para o então senador Delcídio do Amaral (vinculado, na época, ao PT/MS), que foi preso sem o cumprimento da condição de “crime inafiançável”, exigido pela Constituição para a prisão em flagrante de um parlamentar.

Mas, agora, se trata de um senador do PSDB, Aécio Neves (alguém já viu algum tucano preso?), um dos políticos mais “blindados” da República, apesar de ter nove processos nas costas, inclusive uma gravação na qual ele pede ao dono da JBS dois milhões de reais para pagar a sua defesa na Lava Jato. Depois, veio a mala com o dinheiro carregada por seu primo em operação filmada pela Polícia Federal.

Nem por isso, deve ser prejulgado, tendo direito ao devido processo legal. Por ser uma das figuras-chave do golpe, não seria simplesmente jogado ao mar. Por isso, se assistiu à reação do Senado que, de repente, “percebeu” a inconstitucionalidade (aliás, há poucas dúvidas quanto a isso) da iniciativa do STF. E bateu pé firme.

O STF que havia atropelado a Constituição nas outras vezes, sempre aplaudido pelo sistema (segundo lamentam vários juristas) não quis, agora, trombar com ele, e cedeu. Menos mal, pois isso terminou beneficiando o Estado Democrático de Direito, pois significa o reforço da Constituição, pelo menos nesse ponto. E a Carta é a única salvaguarda do cidadão. Mesmo totalmente desfigurada pelos golpistas, é preciso brigar pelo que restou dela, e reempoderar o povo para restaurá-la.

A bola passou agora para o Senado, para que julgue Aécio Neves. Contudo, a esperança de que o voto, por ser aberto, tornaria mais difícil a absolvição do político mineiro, cai por terra, diante da anunciada manobra da adoção do voto secreto para julgá-lo.

Professores usam as redes sociais na preparação para o Enem

A internet e as redes sociais já fazem parte do dia a dia dos jovens brasileiros e podem ser ferramentas na preparação para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A possibilidade de estudar nos horários mais convenientes e gastando pouco são facilidades que vêm atraindo estudantes para a prática de estudar online.

Há quatro anos, o professor goiano Paulo Valim decidiu trocar as salas de aula de cursinhos em São Paulo por aulas de química à distância. Seu canal no YouTube, que começou com 20 vídeos caseiros, hoje tem mais de 427 mil seguidores e mais de 31 milhões de visualizações nos vídeos.

Segundo ele, a maioria dos alunos que acessa os conteúdos do YouTube usa a internet como complemento dos estudos, principalmente na véspera das provas. Já os estudantes cadastrados em uma plataforma online criada por ele, que oferece aulas, exercícios e material didático, fazem todo planejamento e se preparam para as provas exclusivamente pela internet. Alguns materiais são de graça, mas outros são pagos.

As principais vantagens do estudo online, segundo Valim, são a economia de tempo no trânsito, principalmente nas grandes cidades, a possibilidade de se organizar conforme o tempo disponível, além da economia financeira e da variedade de conteúdos e professores diferentes.

No entanto, o professor alerta para a importância da organização para os estudos pela internet. “Se não tiver disciplina, não rola. Você tem que se policiar para não ficar na cama mais 30 minutinhos e depois mais 30 minutinhos e perder um dia de estudos. Tem que ter um plano de estudos e segui-lo religiosamente. Ter horário para começar e horário para parar os estudos e manter uma rotina saudável”, aconselha Valim, que é embaixador do Youtube Edu do Brasil.

Outro cuidado que os alunos devem ter ao estudar pela internet é se certificar da competência dos educadores. O professor de matemática Mick Xavier diz que é preciso procurar saber qual a formação do professor, obtendo informações sobre sua experiência profissional e acadêmica. “Em geral, os alunos se deixam levar pela fama e popularidade dos professores em canais na internet, e às vezes nãos sabem a procedência e a formação do professor”, diz.

Xavier lançou um canal no YouTube há cerca de um ano, com aulas e dicas de matemática. “A possibilidade de atingir alunos de diversas partes do Brasil e do mundo é algo fascinante. Além disso, com as aulas online você trabalha com alunos que estão realmente interessados em aprender”, conta o professor, que também dá aula em escolas e cursinhos.

Este ano, o Enem será realizado nos dias 5 e 12 de novembro, com a participação de 6,7 milhões de candidatos.

(Agência Brasil)

Série A à vista – Ceará vence Oeste e se firma no G4

Com um gol de Richardson, aos 33 minutos do segundo tempo, em um chute de fora da área, no lado esquerdo do goleiro Rodolfo, o Ceará venceu o Oeste, na noite deste sábado (14), por 1 a 0, na Arena Barueri, em São Paulo, e se firmou no G4, diante do confronto direto com a equipe paulista.

Com o resultado, o Vozão soma 51 pontos – quatro à frente do Vila Nova e do próprio Oeste -, a nove rodadas para o final da Série B do Campeonato Brasileiro.

Em mais um confronto direto pelo G4, o Ceará volta a campo na terça-feira (17), no Castelão, diante do Paraná, quando poderá pular da quarta colocação para a vice-liderança.

SÉRIE C

No primeiro jogo da decisão da Série C, o Fortaleza foi derrotado pelo CSA, em pleno Castelão, por 2 a 1. As duas equipes voltam a campo no próximo sábado (21), em Maceió.

Tiroteio intenso em tentativa de fuga na CCPL 2

Policiais militares do Batalhão de Policiamento de Guarda de Estabelecimentos Penais (BPGEP) trocaram tiros com criminosos, na noite deste sábado (14), nas imediações da Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Clodoaldo Pinto (CPPL 2), em Itaitinga, na Região Metropolitana de Fortaleza, durante uma tentativa de fuga de presos.

O Blog apurou que cerca de oito presos tentaram fugir da unidade prisional, mas foram surpreendidos pelo policiamento posicionado nas muralhas. Após o alarme, os policiais foram surpreendidos por disparos de dentro do matagal, do lado de fora do presídio.

A Polícia ainda não possui informações sobre fuga, tampouco se os presos utilizaram algum túnel para tentar alcançar as muralhas.

Terminam na segunda-feira as inscrições para o programa Brasil Braços Abertos

As inscrições no programa de ensino à distância Brasil Braços Abertos terminam na segunda-feira (16). O canal de qualificação profissional do Ministério do Turismo é gratuito e sem limite de vagas. Tanto profissionais da área do turismo quanto pessoas interessadas em trabalhar nesse mercado podem participar do programa.

O curso está disponível para pessoas residentes em todo o território nacional e pode ser iniciado logo após a inscrição. A carga horária é 80 horas e engloba os seguintes conteúdos: atendimento ao turista, sustentabilidade, planejamento financeiro, marketing, inglês e prevenção de riscos.

Os alunos do Brasil Braços Abertos podem acessar todo o conteúdo a partir de qualquer aparelho com conexão à internet e acompanhar as aulas em seu próprio ritmo. Após concluir os pontos necessários, o estudante recebe um certificado validado como curso de extensão pelo Ministério do Turismo e pelo Instituto Federal do Rio de Janeiro.

Para iniciar o curso é necessário acessar o site e fazer a inscrição. O programa deve ser concluído até o dia 15 de janeiro de 2018.

(Agência Brasil)

Sindicalistas admitem a possibilidade de nova Greve Geral em novembro

A luta contra o sucateamento dos ministérios do Trabalho e Saúde, além da implantação do INSS digital, sem a devida reestruturação da autarquia, tiveram moção de repúdio pelos diretores e integrantes da base do Sindicato dos Trabalhadores Federais em Saúde, Trabalho e Previdência Social (Sinprece), durante o 3º Congresso da Central Sindical e Popular (CSP) Conlutas, em São Paulo.

O evento teve início na quinta-feira (12) e seguirá com a programação até este domingo (15). Os sindicalistas priorizam o fortalecimento na luta dos trabalhadores e, na ocasião, já demonstraram a possibilidade da construção de uma nova Greve Geral, no dia 10 de novembro. Uma delegação internacional também participa repassando detalhes dos movimentos em outros países.

(Foto: Divulgação)

Mais da metade da população de Fortaleza não possui saneamento sanitário, diz ACED

A Academia Cearense de Direito oficiou a Cagece sobre a política de saneamento sanitário como medida de pacificação social. Os dados informam que Fortaleza ocupa a 69ª colocação (e a 16ª entre as capitais), em um ranking de saneamento básico e tem mais da metade dos habitantes, 52,5%, sem acesso à coleta e tratamento dos esgotos. O presidente Roberto Victor assevera que que quanto menos saneamento, mais doenças e menos presença de crianças em escolas, por exemplo. A operação é simples, mas real: [- saneamento + doenças + sujeira + situação de risco – educação = desajuste social].

A mensagem faz referência a Lei nº 11.445/2004, como marco legal que define as linhas e contornos para aplacar a ausência de saneamento. Além do Programa “Saneamento para Todos”, do Governo Federal, através da Caixa Econômica Federal, que libera verbas especificas apenas para o enfrentamento da ausência de saneamento básico.

Ademais, a ACED, por meio de relatos de profissionais da saúde, pede que se observe o fenômeno do “Sulfeto de Hidrogênio” que (H2S) é um gás incolor, de cheiro desagradável característico que devido a sua toxidez é capaz de irritar os olhos e/ou atuar no sistema nervoso e respiratório, causando irritabilidade, problemas gastrointestinais e a perda da sensação de odor, que é devido à fadiga do sistema olfatório sensitivo pela destruição dos nervos (neuroepitélio olfatório) responsáveis por esta função.

O Sulfeto de Hidrogênio também pode ocorrer como resultado da
degradação bacteriana de matéria orgânica exposta a céu aberto, ou seja, esgoto não tratado e canalizado.

Por fim, afirma-se que é imperioso destacar que a ausência de esgoto tem conexão com a violência, os péssimos índices de desenvolvimento humano, as taxas de reprovação de alunos em escolas públicas, entre outros desatinos sociais, uma vez que essa agressão colide frontalmente com o princípio da dignidade da pessoa humana.

(ACED)

Defesa de Temer critica vazamento de delação de Funaro e rebate acusações

A defesa do presidente Michel Temer criticou neste sábado (14) o vazamento dos vídeos com depoimentos da delação premiada do doleiro Lúcio Funaro à Procuradoria-Geral da República (PGR). Em nota, o advogado Eduardo Carnelós diz que o vazamento é “criminoso” e foi produzido por quem pretende “insistir na criação de grave crise política no país”. O advogado de Temer também afirma que as declarações de Funaro são “vazias” e “sem fundamento”.

“É evidente que o criminoso vazamento foi produzido por quem pretende insistir na criação de grave crise política no país, por meio da instauração de ação penal para a qual não há justa causa”, diz a nota.

O depoimento foi prestado por Funaro no fim de agosto. Nas gravações, divulgadas nessa sexta-feira pelo jornal Folha de S. Paulo, Funaro diz que o ex-deputado Eduardo Cunha recebia dinheiro de propina e repassava valores ao presidente Michel Temer. Funaro também relata que buscou com o ex-assessor especial do presidente Temer, José Yunes, um pacote com dinheiro e afirmou que Yunes tinha conhecimento do conteúdo entregue.

O Palácio do Planalto informou que o presidente Temer não fazia parte de nenhuma bancada, referindo-se ao grupo de Eduardo Cunha, e diz que “toda e qualquer afirmação nesse sentido é falsa”.

Para a defesa de Temer, o vazamento tem o propósito de constranger parlamentares da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara que vão votar na próxima semana o parecer do deputado Bonifácio de Andrada (PSDB-MG) pela rejeição do pedido de autorização para dar sequência à denúncia apresentada pela PGR contra o presidente Temer.

Segundo Carnelós, Funaro faz acusações vazias e sem provas. “As afirmações do desqualificado delator não passam de acusações vazias, sem fundamento sem nenhum elemento de prova ou indiciário, e baseadas no que ele diz ter ouvido do ex-deputado Eduardo Cunha, o qual já o desmentiu e o fez de forma inequívoca, assegurando nunca ter feito tais afirmações.”

Em nota sobre os vídeos da delação de Funaro, o advogado de José Yunes, José Luis Oliveira Lima, diz que o doleiro já faltou com a verdade em inúmeras oportunidades e não tem credibilidade. “José Yunes, ao contrário de Funaro, goza de credibilidade. Tão logo esses fatos ficaram públicos procurou a PGR e prestou todos os esclarecimentos devidos. Segundo Lima, Yunes irá processar Funaro por denúncia caluniosa.

(Agência Brasil)

A nudez de Lulu

Em artigo no O POVO deste sábado, o jornalista e professor universitário Magela Lima comenta da tolerância da nudez por parte da população de Várzea Alegre. Confira:

Sempre que a realidade objetiva me assusta, procuro refúgio numa realidade subjetiva que, talvez, só exista na saudade. Naturalmente, fujo da crueldade de uma Fortaleza de corpos esquartejados e carbonizados aos quatro cantos. Fujo também de uma São Paulo, o maior centro do País, que me surpreende com uma violência simbólica que criminaliza uma mãe por levar sua filha, ainda criança, ao museu e coincidir de verem juntas a performance de um artista nu. Fujo e vou parar numa cidade hoje invisível, onde convivi com pessoas extraordinárias.

Entre as figuras ilustres da minha Várzea Alegre, Lulu tem lugar de destaque. Foi o maior jogador de xibiu que eu já vi. Portador de Síndrome de Down, quiçá o primeiro da cidade, Lulu era muito, muito, muito popular. Entrava e saía de qualquer casa, a qualquer hora do dia. Não tinha isso de alheio para ele. Fosse onde fosse, Lulu matava a fome, a sede e, se o calor batesse, não se furtava a tomar banho para se refrescar. Um transeunte mais desavisado poderia se indignar: “Tem um homem nu no jardim de fulano de tal”. De imediato, alguém mais experimentado na cidade rebateria: “Não é homem nu, não. É Lulu!”.

Na Várzea Alegre dos meus tempos de menino, a nudez de Lulu nunca foi polemizada. Não lembro nada que pudesse remeter a pudor. Definitivamente, aquele corpo não tinha nada de erótico, de sensual. Lá em casa, por exemplo, aquele nu foi pretexto para que nós fôssemos, desde cedo, habilitados a conviver e respeitar os limites do outro. Lulu tinha idade de ser nosso tio, era conhecido da nossa mãe há muito tempo e, sem muito rebuscamento ou retórica, ela nos ensinou com maestria a lidar com a diferença.

A nudez de Lulu, de todo modo, marcou minha infância. Aquela situação era engraçada, sem ser ridícula. Era simples, sem ser banal. Lembro daquilo como um gesto de liberdade, de espontaneidade, de tolerância. Quando tinha calor, Lulu tomava banho. Pronto. Nunca precisou ninguém me explicar por que isso era permitido a ele e negado a tantos outros. Lulu conquistou o direito de ser, de viver, de praticar algo diferente. Como é bom ser diferente! Talvez, fosse isso que a mãe da menininha de São Paulo quisesse exercitar naquela ida ao museu: a diferença. Todos nós devíamos fazer isso mais vezes.

Um milhão de portadores – Crianças com diabetes receberão no SUS o medicamento mais moderno

As crianças portadoras de diabetes tipo 1 terão à disposição no Sistema Único de Saúde (SUS) um dos mais modernos medicamentos para o tratamento da doença: a insulina análoga. O Ministério da Saúde anunciou que irá investir R$ 135 milhões, por ano, na compra do novo insumo. A expectativa é que o medicamento esteja disponível já no próximo ano. A nova aquisição será uma importante ferramenta na melhora da qualidade de vida de 100 mil crianças com maior dificuldade de controle da doença.

Estudos apontam que insulina análoga proporciona um melhor controle glicêmico nos sintomas relacionados à hiperglicemia e diminuição das complicações agudas e crônicas decorrentes do diabetes. O produto é de fácil aplicação, sua embalagem é uma caneta, resposta rápida e com doses que podem ser adaptadas a situação do paciente.

O novo tratamento será ofertado prioritariamente às crianças e adolescentes, já que o diabetes tipo 1 apresenta o seu pico entre 10 a 14 anos. A demanda representa 10% do total de crianças com diabetes no país, que são 1 milhão. No entanto, pacientes adultos, com este tipo da doença, também poderão ter acesso ao medicamento, desde que tenham indicação médica.

Estudos apontam ainda que o tratamento precoce de crianças com diabetes evita dificuldade de aprendizagem, principalmente verbal e de linguagem mais acentuada naquelas que tiveram convulsões por hipoglicemia. De acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, 440 mil crianças desenvolvem a doença, por ano, no mundo.

Dados dos Sistemas de Informação sobre Mortalidade (SIM) e do de Informações Hospitalares (SIH), do Ministério da Saúde, apontaram que, em média, são cerca de 60 mortes de crianças por ano por diabetes e oito mil internações.

Atualmente, o Diabetes atinge 8,9% da população adulta do Brasil, de acordo com a Vigitel 2016. Desde 2006, o índice cresceu 61,8%, tendo maior prevalência nas brasileiras. O avanço das doenças crônicas no país preocupa, já que são consideradas um sério problema de saúde pública, sendo responsáveis por 63% das mortes no mundo, segundo estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS). No Brasil, o diabetes são a causa de 72,6% dos óbitos.

(Agência Saúde)