Blog do Eliomar

Últimos posts

Lúcio diz não ter perdido esperanças de ver Eunício marchando com a oposição em 2018

Da Coluna Vertical, do O POVO desta segunda-feira:

Presidente regional do Partido da República, o ex-governador Lúcio Alcântara afirma não ter perdido a esperança de contar, na oposição, no pleito de 2018, com o senador Eunício Oliveira (PMDB).

Ele reconhece que Eunício, na condição de presidente do Senado, tem ajudado ao governador Camilo Santana (PT) e ao prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio, no quesito descascar pepinos federais lá em Brasília.

Não vê nada contra essa disposição do peemedebista e insiste que dá para contar com o senador na oposição. Indagado qual seria o apelo dessa mesma oposição para convencer Eunício, não titubeou: “Coerência”.

Buscas pelo atleta Genilson Lima são retomadas

240 3

A Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer), Marinha e o Corpo de Bombeiros retomaram, por volta das 6 horas desta segunda-feira, as buscas pelo atleta Genílson Lima, de 48 anos, que desapareceu nesse domingo durante o IronMan Brasil. Na ação, que vai se estender até a praia do Cumbuco, além de helicóptero e jet-ski, operan uma moto aquática e dois botes do Corpo de Bombeiros.

As buscas por Genílson começaram às 7h50min desse domingo, logo depois que foi notada sua ausência.

Equipes do Corpo de Bombeiros, Marinha e Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Ciopaer) o procuraram durante toda a manhã e tarde de ontem. Botes, jet skis, helicópteros e mergulhadores foram utilizados nas tentativas, sem sucesso, que foram as suspensas às 18 horas.

A Nova Lei do Silêncio em Fortaleza

801 1

Com o título “Direito ao som e ao silêncio”, eis o Editorial do O POVO desta segunda-feira:

Deverá ser concluído hoje um balanço do primeiro fim de semana de vigência da nova Lei do Silêncio em Fortaleza. A legislação, com várias mudanças importantes em relação à fiscalização e a valores aplicados nos autos de infração, foi sancionada na última quarta-feira (22) pelo prefeito Roberto Cláudio.

É possível avaliar que as novas regras acabaram sendo mais favoráveis a estabelecimentos comerciais e a profissionais músicos do que a quem possa se queixar de um barulho acima do tolerável, naquilo que se deveria chamar como zona de decência e descanso.

A mudança principal na nova Lei do Silêncio está na metodologia de captação do som feita por fiscais do município. Se antes o nível de decibéis era medido por um equipamento, fixado em via pública, aproximado a dois metros do local onde estava o palco ou a aparelhagem de som supostamente estrondosa, agora o decibelímetro é que é deslocado, levado na aferição para perto do primeiro imóvel residencial ou comercial em tese afetado.

Soa, sem trocadilho, como mudança de paradigma: o problema não está mais tanto em quem emite o barulho, mas em quem acaba ouvindo demais. Fatores de propagação, como vento ou bloqueios físicos são considerados, mas, para quem vivencia transtornos desse tipo, o ruído, o som e a zoada são coisas distintas. A regra básica não mudou: o nível sonoro autorizado continua sendo de 70 decibéis, das 6 horas da manhã às 22 horas, e de 60 decibéis no período entre 22 horas e 6 horas da manhã.

A Lei do Silêncio se apresenta mais severa quanto a multas – vão de R$ 500 a R$ 20 mil. E não há mais as notificações, que criavam uma gradação de penas e prorrogavam impasses. Agora, estabelecimentos que desrespeitem a regra serão punidos logo na primeira infração. Tende a ser um dos avanços, principalmente aos que prefiram protelar soluções.

No caso dos profissionais, é ajustada a situação em que músicos tinham seus instrumentos apreendidos quando era a casa que extrapolava. Mas os mesmos profissionais também não devem ser coniventes com excessos sonoros em nome do artístico.

A Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis), que irá aplicar as novas regras do silêncio, deverá ser firme e enérgica neste primeiro momento da nova legislação. Educativa quando necessário, mas não complacente. Há empresários que agem dignamente e zeram os aborrecimentos da vizinhança, mas os que preferem ser reincidentes em nome do lucro. Nos preceitos da convivência urbana, o barulho é uma das piores pólvoras.

Recém-indicado, Ernesto Saboya pede aposentadoria

Recém-indicado pela Assembleia para assumir cargo de conselheiro no Tribunal de Contas do Estado (TCE), Ernesto Saboia solicitou aposentadoria ao órgão na sexta-feira, 24. Em entrevista ao O POVO, ele afirmou que ainda está decidindo se irá se aposentar ou se demitir de antiga função no extinto Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), mas o requerimento de aposentadoria já está disponível no site do TCE.

“Eu ainda estou resolvendo, tenho essas duas opções: ou eu peço aposentadoria ou demissão. Nesta semana resolvo isso”, diz. Em disponibilidade após a extinção do TCM, ele explica que precisa se desligar da antiga função para assumir a nova. “(É necessário) porque não pode acumular cargos. Se eu me aposentar, eu abro mão do salário da aposentadoria e recebo do ativo”.

Pós-doutora em direito público e professora da Universidade Federal do Ceará (UFC), Raquel Machado avalia que a aposentadoria não é necessária. Ela aponta o parágrafo terceiro do Artigo 41 da Constituição, que afirma que, “o servidor estável ficará em disponibilidade, com remuneração proporcional ao tempo de serviço, até seu adequado aproveitamento em outro cargo”.

Justiça

Pedido de Saboia é motivado pela ação do deputado estadual Heitor Férrer (PSB) contra a indicação. “Como tem a ação do Heitor, se eu pedir demissão eu perco tudo (caso ele ganhe), e se eu me aposentar, é só abrir mão”, explica Saboia, embora argumente que o processo “não tem nenhum fundamento jurídico”.

“Eu acho essa reação do Heitor totalmente desproporcional, desmotivada. Mas penso nisso para a minha proteção, para evitar riscos”, conclui Saboia. Ao O POVO, o parlamentar disse achar pedido de aposentadoria “estranho” e voltou a defender que quem deve assumir o cargo é o conselheiro Manoel Veras, o mais antigo indicado pela AL-CE ao TCM.

(O POVO – Repórter Letícia Alves/Foto Aurélio Alves)

África do Sul vence o Miss Universo e brasileira fica entre as 10 mais belas

A sul-africana Demi-Leigh Nel-Peters, 22, conquistou o Miss Universo nessa noite de domingo, em Las Vegas (EUA). Ela disputou a coroa com a colombiana Laura González Ospina. Foi a segunda vez na história do concurso que a África do Sul conquista a coroa.

A piauiense Monalysa Alcântara, 18, representante do Brasil, ficou entre as 10 mais belas misses do mundo, das 92 concorrentes do Miss Universo.

(Fotos – Divulgação)

Gestão das águas nas regiões Norte e Nordeste é tema de audiência pública

A obra da Transposição do São Francisco, considerada lenta, entre pontos do debate.

A Comissão de Desenvolvimento Regional e Turismo (CDR) tem audiência pública na quarta-feira (29). Na pauta, a segurança hídrica e a gestão das águas nas regiões Norte e Nordeste. O requerimento é dos senadores Fátima Bezerra (PT-RN), Lídice da Mata (PSB-BA) e Humberto Costa (PT-PE).

Foram convidados para o debate o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, e os dirigentes da Agência Nacional de Águas, do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos e da Companhia Hidroelétrica do São Francisco.

Também devem participar da audiência pública representantes da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba; do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais; do Instituto de Estudos Avançados; do Instituto de Mudanças Climáticas; do Centro de Gestão e Estudos Estratégicos; do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco; da Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental; e das universidades do Acre, da Bahia, de Brasília e de São Paulo.

(Agência Senado)

Uso de aplicativos faz setor de transporte público de Fortaleza reduzir demanda em 12%

240 1

A demanda por transporte público coletivo recuou 12% em Fortaleza, de janeiro a outubro de 2017, ante igual período do ano passado. Como causas da queda estão resquícios da crise econômica, como o desemprego, que leva menos pessoas a circular com frequência na Cidade, e a reprogramação de rotina do fortalezense para resolver problemas na rua em um único dia, para poupar dinheiro. Além do aumento no volume de licenciamentos de motocicletas no Estado, como um todo, e o surgimento de alternativas de transporte com preços competitivos, como o aplicativo Uber.

Foi o que informou ontem ao O POVO o gerente de planejamento do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), Sá Júnior. O que ele diz é confirmado por pesquisa realizada pelo Instituto de Planejamento de Fortaleza (Iplanfor), indicando que o Uber é a segunda opção mais procurada depois dos ônibus, conforme adiantou ontem a coluna Vertical S/A. O estudo foi realizado com 1.190 entrevistados, em fevereiro deste ano, e não havia sido divulgado por se tratar de publicação interna.

O levantamento revela que 31% do total de usuários de coletivos públicos afirmam utilizar somente ônibus. Em seguida vem Uber – modal declarado como o segundo mais habitualmente utilizado por 26% dos entrevistados.

“Função social”

Sá Júnior admite que aplicativos como Uber e 99POP têm “grande potencial de concorrência”, que se estabelecida de forma “justa é sempre saudável”, especialmente para o consumidor. “Não tememos a concorrência. O que reivindicamos é um tratamento especial para o transporte público, porque ele cumpre uma função social muito importante de absorver benefícios que se dão do poder público à população”, diz, enumerando a gratuidade no serviço para idosos e a tarifa social aos domingos em alguns feriados.

Ele lembra que o setor conta com redução tributária do Imposto Sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISSQN), mas ainda arca com muitos custos de manutenção e de combustível (diesel) para que os ônibus realizem os trajetos de cada dia com qualidade. O que acaba onerando o preço das passagens, cujo reajuste está previsto para ser anunciado pela Prefeitura de Fortaleza em janeiro de 2018.

“O que mais traria impacto (positivo para o setor) seria a realização de estudos para identificar as principais vias onde possam ser ampliados corredores e faixas exclusivas para ônibus. Há 20 anos, a gente dimensionava que uma linha fizesse trajeto com 20 a 25 km/h. Hoje, dimensionamos uma linha com 15 km/h, no máximo”.

(O POVO – Lígia Costa)

Após 49 anos, nordestina poderá ganhar o Miss Universo para o Brasil

A piauiense Monalysa Alcântara, 18, disputa na noite deste domingo (26), em Las Vegas, nos Estados Unidos, o título de Miss Universo. A última vez que o Brasil conquistou a coroa foi há 49 anos, com a baiana Martha Vasconcellos.

A estudante de Administração ganhou pela primeira vez o título de Miss Brasil para o Piauí, em agosto último.

O evento será transmitido pelas emissoras TNT e TBS, a partir das 22 horas (horário de Brasília), além da Band em canal aberto.

(Foto: Divulgação)

Tasso reúne 10 prefeitos do Maciço do Baturité. Na lista, três do PDT

Dez prefeitos do Maciço de Baturité se reuniram neste fim de semana, no gabinete do senador Tasso Jereissati (PSDB), em Fortaleza, para a discussão de um novo Plano de Desenvolvimento Estratégico para a região.

Entre os prefeitos, três pedetistas: Assis Arruda (Baturité), Roberlândia Castelo Branco (Guaramiranga) e Amanda Lopes (Caridade). Os outros foram Franklin Verissimo (PSD – Acarape), Inês de Oliveira (PSDB – Capistrano), Dário Coelho (PMDB – Itapiúna), Davi Campos (PROS – Palmácia), Marcelo Fradique (PR – Guaiúba), Robert Viana (PMN – Mulungu) e Kiko Sampaio (PV – Pacoti). O presidente regional do PSDB, Francini Guedes, e o deputado federal Raimundo Gomes de Matos (PSDB) acompanharam a reunião, além de vereadores, lideranças e representantes da Associação dos Municípios do Maciço do Baturité.

Tasso destacou que o novo Plano Estratégico seja desenvolvido com a participação de técnicos das mais diversas áreas. O atual Plano de Desenvolvimento do Maciço do Baturité foi implementado durante as duas últimas gestões de Jereissati à frente do Governo do Estado, no período de 1995 a 2002.

Para o presidente da Associação dos Municípios do Maciço do Baturité (AMAB), Kiko Sampaio, “a reunião foi de extrema importância para todos nós. Temos a certeza que com a experiência e o apoio do senador Tasso iremos potencializar o nosso novo Plano de Desenvolvimento, com a definição das prioridades para nossa região”.

O novo plano traz temas como segurança pública, atração de novos investimentos e políticas de desenvolvimento sustentável.

(Foto – Divulgação)

Sertão Central ganhará Areninha e sistema de abastecimento de água

228 1

Mais uma Areninha será implantada no Ceará. O município de Quixadá, no Sertão Central, foi contemplado com o projeto do Governo do Ceará, por meio da Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS). Nesse sábado (25), o governador Camilo Santana foi representado pelo secretário Nelson Martins, chefe da Casa Civil, na solenidade de assinatura da ordem de serviço.

Para a conclusão da Areninha serão necessários quatro meses de obras, com recursos da ordem de R$ 1.544.643,86 investidos em sua construção, sendo 80% do Estado e 20% oriundos do município. O equipamento esportivo contará com gramado sintético, banco de reserva, alambrados, redes de proteção, vestiários, depósitos para materiais esportivos, iluminação, rampa de acesso para cadeirantes, paisagismo e pavimentação.

Segundo o secretário Nelson Martins, a obra faz parte de um conjunto de 40 Areninhas que o governador licitou e que já se encontra em ordem de serviço. “É uma forma de incentivar o esporte, como uma das formas de combater a violência e a insegurança”, atentou.

Presente à solenidade, o secretário do Esporte, Euler Barbosa, pontuou a política de disseminação do esporte do Governo do Ceará, tomando Quixadá como exemplo. “Estamos aqui, fazendo a ordem de serviço da quinta Areninha. É significativo, porque temos outras obras acontecendo aqui em Quixadá, como quadras esportivas, um campo de futebol vinculado à Policia Militar e a gente vai procurar fortalecer a questão do esporte, principalmente através dessas parcerias com as prefeituras”, defendeu.

Em seu discurso, o prefeito Ilário Marques falou sobre a parceria entre o Estado e os municípios. “Estamos em uma política de promoção em larga escala do esporte mais popular do país. As cidades do interior passam a ter acesso àquilo que já havia sido implantado na capital, que são essas Areninhas”, disse.

A representante do secretário Josbertini Clementino, da STDS, Fátima Lourenço, coordenadora estadual do Programa de Apoio às Reformas Sociais (Proares III), falou sobre a importância de um equipamento como a Areninha para a cidade. “Esse centro de esporte traz um benefício imediato, porque, além do esporte, ele pode ser usado para congregar outros segmentos e atividades da comunidade”, disse.

Nelson Martins também assinou uma ordem de serviço do sistema de abastecimento de água em Quixeramobim, na localidade de Aroeira, e visitou a localidade de Barrocas / Onça, onde está sendo implantado o sistema que beneficia 245 famílias. O sistema, que está com 40% das obras executadas, a partir de investimento de R$ 1.673.118,22.

(Governo do Ceará)

Após o acesso, Ceará quer garantir patrocinadores

214 2

Com o acesso garantido à Série A do Brasileirão do próximo ano, o Ceará agora espera assegurar patrocínios para um ano repleto de competições. Logo após a vitória do Vozão sobre o ABC, nesse sábado (25), no Castelão, por 1 a 0, o deputado federal e advogado Danilo Forte (PSB) disse que esta semana estará ao lado do presidente alvinegro Robinson de Castro, em Brasília, na luta para seguir na parceria com a Caixa Econômica Federal e até mesmo novos patrocinadores.

No início do ano, o parlamentar atuou na aproximação do Ceará Sporting com a Caixa. O encontro acabou rendendo um contrato de patrocínio para este ano. Em reconhecimento, o clube cearense rendeu homenagem ao deputado federal.

(Foto: Divulgação)

Joesley Batista depõe em duas CPIs na terça-feira

O empresário Joesley Batista, dono da empresa J&F, foi convocado para depor em duas comissões parlamentares de inquérito na terça-feira (28), às 9h. Preso desde setembro por determinação do Supremo Tribunal Federal (STF), Joesley Batista deve falar a senadores e deputados da CPI do BNDES e da CPMI da JBS.

Joesley, e o irmão Wesley, também preso, teriam mentido e omitido informações no acordo de delação premiada firmado com a Procuradoria-Geral da República. O ministro do STF Luiz Edson Fachin suspendeu os benefícios do acordo.

Em ofício encaminhado à CPI da JBS, na semana passada, os advogados de Joesley Batista adiantaram que ele deve permanecer calado durante a reunião. Os defensores do empresário lembram que outras três pessoas convocadas para depor à comissão já ficaram em silêncio: Wesley Batista; o advogado Francisco de Assis e Silva e o ex-executivo da J&F Ricardo Saud.

“O exercício do direito ao silêncio é a clara posição a ser tomada diante da atual situação jurídica dos acordos de colaboração premiada. A decisão de manter a oitiva do ora requerente poderá acarretar elevados e desnecessários gastos públicos pela quarta vez”, argumentaram os advogados de Joesley Batista.

(Agência Brasil)

Luciano Huck decide não disputar a presidência da República

Luciano Huck decidiu não disputar a Presidência da República em 2018. A informação é do colunista Lauro Jardim, do jornal “O Globo”, neste domingo (26). O apresentador do “Caldeirão do Huck” havia recebido um ultimato da TV Globo e teria que deixar a emissora mês que vem caso quisesse ser candidato. O anúncio oficial será feito pelo marido de Angélica nesta segunda, durante entrevista em São Paulo. Nesta semana, uma pesquisa divulgada pelo jornal “O Estado de S.Paulo” informou que sua aprovação chegou a 60%.

Ainda de acordo com o colunista, o apresentador, que nunca confirmou sua intenção de tentar substituir Michel Temer, continuará envolvido com os movimentos suprapartidários Agora! e Renova BR. E sua decisão de não se candidatar foi tomada na última quinta-feira, quando a pesquisa do “Estado” foi divulgada. Em maio passado, Huck já havia dito que não tinha interesse em ser presidente da República, porém manifestou sua vontade de fazer algo pelo País. “N ão vou deixar de me envolver e de me dedicar à transformação do País. Acredito que, de onde estou, posso fazer muito e contribuir muito mais”, escreveu em artigo o apresentador.

 

Atleta do Ironman Brasil desaparece no litoral de Fortaleza

Um atleta de alta performance que participa do Ironman Brasil, em Fortaleza, está desaparecido nas águas do mar da Praia de Iracema, próximo ao Marina Park Hotel. A assessoria do evento confirmou o desaparecimento de Genilson Lima, de numeração 919. Uma fonte ouvida pelo O POVO, que participa das buscas pelo atleta, informou que os botes saíram de seus pontos às 7h50min à procura do homem. Um intervalo aconteceu por volta das 10h30min e as buscas recomeçaram, mas dessa vez com um raio de inspeção maior.

De acordo com informações do relações públicas e comandante de operações da Ciopaer, Marcus Costa, uma aeronave foi acionada ao local por volta das 8h30min deste domingo, 26, depois que a ausência do atleta foi percebida pelos organizadores do evento.

“A prova de natação tinha acabado e se percebeu que o chip da bicicleta do atleta não tinha disparado. O que dá a entender que ele não saiu do mar. A equipe realizou buscas no local e sobrevoou a região por volta de uma hora, mas ninguém foi encontrado até o momento”, contou. As informações foram repassadas ao comandante por bombeiros que participam das buscas. Equipes do Corpo de Bombeiros, Marinha e Guarda Municipal também estão na operação.

A natação foi a primeira prova do dia, que teve o Marina Park Hotel como base para largada e saída. Na sequência, os competidores partiram para o ciclismo pela CE-085. Foi justamente o momento em que se percebeu a ausência do atleta.

Conforme a porta voz do Corpo de Bombeiros, capitã Juliany Freire, as buscas estão sendo feitas por mergulhadores. Até o momento, não houve nenhuma localização do atleta no mar. “No momento que a prova começou, tínhamos 51 guarda-vidas fazendo a prevenção. Após o incidente, como não era possível uma visualização da superfície, os mergulhadores foram acionados”, explicou. A capitã também tenta contato com os responsáveis pela operação, mas não há sinal telefônico pela localização da embarcação.

Segundo o tenente-coronel Holtayne Pereira, do Serviço de Salvamento Marítimo do Corpo de Bombeiros, cinco mergulhadores e quatro guarda-vidas formam as três equipes que estão em busca do atleta. A profundidade no perímetro da prova, conforme ele, é de no máximo sete metros, o que facilita as buscas. “Estamos trabalhando com várias hipóteses, inclusive de ele poder ter saído no meio da prova, mais para a Leste-Oeste, e ainda não ter voltado. Estamos tentando cercar”, afirmou. O oficial destacou que a segurança da prova estava bem dimensionada e que nunca ocorreu nenhum acidente grave em competições no mar.

Cerca de mil triatletas estavam inscritos na competição que envolve 1,9 km de natação, 90 km de ciclismo e 21,1 km de corrida.

(O POVO Online)